Meu Feed

No mais...

Ericsson tem inscrições abertas para Programas de Estágio e Trainee

Ericsson tem inscrições abertas para Programas de Estágio e Trainee

canaltech A Ericsson abriu as inscrições para o Programa Talentos 2020 da Ericsson Brasil, que conta com 70 vagas (60 de estágio + 10 de trainee) para áreas variadas da empresa, como Ciências da Computação, Engenharia Elétrica, Mecânica, de Produção, Administração, Direito, Economia, Matemática, Sistemas de Informação, Publicidade & Propaganda, Relações Públicas, para citar algumas. A empresa promete os benefícios já conhecidos por lei, como vale-refeição/alimentação, transporte, assistências médica e odontológica e seguro de vida, além de restaurante no local, bicicletário, chuveiro e parcerias com Gympass. Para ser elegível, o candidato deve estar cursando o último ano da faculdade relacionada em 2020 (no caso do Programa de Estágio) ou então formação acadêmica completada em 2018 ou prevista para término em 2019 (para Programa de Trainees). Neste último caso, há também a oferta de mentorias e passagem pelas muitas áreas de negócio da companhia e até transferência para outras sedes da Ericsson no Brasil e América Latina (para os cinco funcionários de maior destaque). Eduardo Ricotta, atual presidente da Ericsson para a América Latina, foi um dos que passaram pelo programa de trainees em 1993. O executivo elogia o programa e exalta “a busca por talentos” da companhia: “Quando participei do Programa de Trainee da Ericsson, me foi dada a oportunidade de interagir com as diferentes áreas de negócios da companhia. Todos os dias, eu era motivado a contribuir com soluções para os desafios das áreas, combinando os conhecimentos que eu havia acumulado durante minha graduação com os novos aprendizados adquiridos na interação com os executivos que já estavam na empresa há mais tempo. Esse mix de experiências e visões me preparou para os passos seguintes que pude dar na minha carreira, e que me levaram a ocupar posições de destaque na Europa, América do Norte e na América Latina”, ele conta. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Eduardo Ricotta, presidente da Ericsson para o chamado "cone Sul" da América Latina, começou sua carreira na empresa como trainee (Imagem: Divulgação/Ericsson) Já Silvio Paciello, vice-presidente de RH da Ericsson, ressalta o crescimento dos programas nos últimos anos: “Inovação é palavra-chave na visão e na estratégia de negócios da Ericsson. O mundo se transforma a cada dia, nosso mercado vive em constante processo de evolução e nós acompanhamos esse movimento de perto. Abrir nossas portas para mentes jovens e inovadoras é parte fundamental da governança da empresa. Aumentamos em 20% o número de vagas no programa de estágio e dobramos as vagas para trainees nesse ano em comparação ao ano passado para ampliar ainda mais o mix de idades e experiências". Ambos os programas também trazem imersões e iniciativas internas, focadas no desenvolvimento de características e capacidades pessoais dos funcionários: alguns exemplos são a campanha Seja Você, que incentiva as pessoas a terem maior conforto dentro do ambiente de trabalho, vestindo-se e agindo como quiserem; o Projeto FIKA!Labs, que busca ideias diferenciadas para a resolução de problemas; o Clube Ericsson Toastmasters, focado no desenvolvimento das habilidades de comunicação e liderança; e, mais recentemente, a mudança para um novo escritório, a Nova Casa Ericsson – um ambiente que a empresa define como “muito mais moderno, mais digital, com conceito de open space, sem postos de trabalho fixos, para aproximar cada vez mais os colaboradores”. Os programas já estão com inscrições abertas por meio de página especial no site da empresa e, na candidatura, a Ericsson pede por candidatos com conhecimentos avançados em inglês (espanhol é tido como diferencial) e Pacote Office. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Redmi Note 7 é o Xiaomi favorito dos brasileiros e o preço está excelente! Microsoft e Samsung fazem parceria para unir Android e Windows Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Veja Mais

O INTER TEM UM ELENCO MELHOR QUE O DO PALMEIRAS ?

O INTER TEM UM ELENCO MELHOR QUE O DO PALMEIRAS ?

Fox Sports Brasil Quer saber tudo sobre o melhor do esporte? Acesse nossas redes! http://www.foxsports.com.br Baixe o APP! http://bit.ly/yt_cnbra ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #Palmeiras #Internacional #Debatefinal Veja Mais

Previdência: Guedes diz que expectativa para aprovação no Senado é a 'melhor possível'

G1 Economia Ministro da Economia foi à Câmara ao final da sessão que aprovou a reforma em 2º turno. Ele foi ao plenário e cumprimentou o presidente da Casa, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ). O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira (7) ter “a melhor expectativa possível” em relação à votação da reforma da Previdência no Senado. Guedes deu a declaração ao chegar à Câmara dos Deputados na noite desta quarta, pouco antes da conclusão da votação em segundo turno da reforma. "A melhor expectativa possível", disse Guedes ao ser questionado por jornalistas sobre o que esperava da votação da reforma no Senado. O ministro da Economia foi até plenário e cumprimentou o presidente da Casa, Rodrigo Maia. O texto foi aprovado pelos deputados e segue agora para o Senado. “Muito satisfeito. Vim aqui cumprimentar o excelente trabalho da Câmara, agradecer a aprovação da reforma, um excelente trabalho de coordenação do presidente Rodrigo Maia", declarou. A aprovação da reforma da Previdência é a principal meta da equipe econômica do governo do presidente Jair Bolsonaro, chefiada por Guedes. “Acho que o Senado vai nos ajudar também, dada a importância da reforma para o Brasil”, completou o ministro. Para ele, a reforma da Previdência vai "mudar a história" do país. O governo defende que a medida é essencial para reduzir gastos e reequilibrar as contas públicas, que vêm registrando rombos bilionários nos últimos anos. A estimativa da equipe econômica é que a reforma da Previdência gere uma economia de R$ 933 bilhões num período de dez anos. Veja Mais

Câmara conclui votação da reforma da Previdência sem alterações

O Tempo - Política Texto segue para análise do Senado Veja Mais

Câmara rejeita destaques e aprova reforma da Previdência em 2º turno; texto vai ao Senado

G1 Economia Proposta foi enviada em fevereiro e é defendida como uma das principais formas de recuperar contas públicas. Análise em segundo turno começou nesta terça (6), com votação do texto-base. Deputados reunidos no plenário da Câmara durante a votação da reforma da Previdência em segundo turno Pablo Valadares/Câmara dos Deputados A Câmara dos Deputados concluiu na noite desta quarta-feira (7) a votação em segundo turno da proposta de reforma da Previdência. Durante a sessão, que se estendeu por mais de 9 horas, os deputados rejeitaram oito destaques, propostas que tinham o objetivo de retirar pontos do texto-base, aprovado na última madrugada. Esse texto-base era igual ao aprovado em primeiro turno, ainda em julho – a redação foi mantida. A votação da reforma em dois turnos é uma exigência constitucional, uma vez que o projeto do governo é justamente uma proposta de emenda à Constituição (PEC). Com a conclusão da votação pela Câmara, nesta quarta-feira, a reforma da Previdência será encaminhada para análise do Senado. A expectativa é que o texto já seja enviado nesta quinta-feira. Saiba o que diz o texto da reforma Saiba como será a tramitação no Senado A reforma da Previdência foi enviada ao Congresso em fevereiro deste ano e foi entregue pessoalmente pelo presidente Jair Bolsonaro ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). A proposta é defendida pelo governo como uma das principais formas de recuperar as contas públicas. A estimativa da equipe econômica é economizar cerca de R$ 930 bilhões em dez anos. Após a conclusão da votação, o ministro da Economia, Paulo Guedes, se disse "muito satisfeito". Ele estava no plenário da Câmara quando a sessão terminou e também disse que a expectativa é a "melhor possível" em relação à aprovação do texto pelo Senado. "Vim aqui cumprimentar o excelente trabalho da Câmara, agradecer a aprovação da reforma. Um excelente trabalho de coordenação do presidente Rodrigo Maia e [estou] muito satisfeito. Acho que é muito importante. Muito feliz com o apoio da Câmara dos Deputados", declarou. Também presente à sessão, o secretário de Previdência do Ministério da Economia, Rogério Marinho, afirmou acreditar que a tramitação no Senado será mais rápida porque a discussão sobre o tema já "amadureceu". "O governo espera que o texto que foi aprovado aqui na Câmara seja mantido na íntegra no Senado", acrescentou. Câmara conclui votação da reforma da Previdência e projeto segue para o Senado O que prevê a reforma A reforma da Previdência prevê, entre outros pontos: idade mínima de aposentadoria: 65 anos para homens e 62 anos para mulheres; tempo mínimo de contribuição para trabalhadores do setor privado: 15 anos para mulheres e 20 anos para homens (15 anos para homens já no mercado de trabalho); tempo mínimo de contribuição para o funcionalismo público: 25 anos para homens e mulheres; idade mínima de aposentadoria para trabalhadores da área rural: 55 anos para mulheres e 60 anos para homens; idade mínima de aposentadoria para professores: 57 anos para mulheres e 60 anos para homens; policiais federais, legislativos, civis do DF e agentes penitenciários: idade mínima de 55 anos para homens e mulheres poderem se aposentar; regras de transição para quem já está no mercado de trabalho. Câmara aprova em segundo turno texto-base da reforma da Previdência A sessão Diferentemente das sessões de votação dos textos-base em primeiro e segundo turnos, a sessão desta quarta-feira transcorreu com maior tranquilidade e sem grandes embates entre deputados. No meio da tarde, porém, a sessão se arrastou um pouco mais do que o normal. Isso porque um grupo de cerca de 60 parlamentares, de vários partidos, dirigiu-se ao Supremo Tribunal Federal (STF) para pedir à Corte que impedisse a transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de Curitiba, onde está preso, para o presídio de Tremembé, em São Paulo. O retorno desse grupo de parlamentares foi aguardado para que a sessão tivesse continuidade. O deputado Bibo Nunes (PSL-RS) criticou os discursos feitos pelos deputados de oposição, favoráveis à decisão do Supremo. "Eles vêm falar em injustiça contra Lula, por favor, chega desse discurso contra tudo e a favor de nada. Caiam na realidade. Lula está preso para o bem do Brasil", disse. A presidente do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), também se manifestou. Disse que os deputados deram um "exemplo" ao Brasil de como é possível "resguardar a democracia", apesar de divergências políticas. "[Quero] reconhecer o papel do STF que, prontamente, reagiu a uma situação de violência e se manifestou restabelecendo a ordem no país. O ministro Toffoli nos disse que não se lembrava de ter recebido uma diversidade de forças políticas em torno de um objetivo comum. A partir de hoje, mudamos as relações institucionais, mostrando que há coisas maiores que nos unem no processo da defesa do nosso país e da nossa democracia", disse a petista. Integrante do chamado "Centrão", o deputado Marcos Pereira (PRB-SP), vice-presidente da Câmara, disse que foi ao STF representando a Câmara. Para ele, “há exageros em algumas decisões judiciais em primeira instância”. Análise: a votação da reforma da Previdência Argumentos a favor e contra a reforma Deputados da oposição voltaram a criticar a reforma da Previdência nesta quarta-feira. Ao todo, eles apresentaram sete destaques para tentar retirar da proposta pontos que consideram injustos aos mais pobres. "Continuamos achando que essa reforma é perversa e contra o trabalhador brasileiro. Oitenta e três por cento desses R$ 930 bilhões sairão de pessoas que ganham até 2,4 salários mínimos", afirmou Marcelo Nilo (PSB-BA). Os oposicionistas também voltaram a citar o projeto que o governo encaminhou ao Congresso que libera R$ 3 bilhões para vários ministérios. Parte desse dinheiro, cerca de R$ 2 bilhões, será destinada para o pagamento de emendas parlamentares. “Tendo em vista a perversidade que representa para os trabalhadores essa reforma da Previdência, a sociedade está identificando os parlamentares que votaram favoravelmente, mas recebendo o prêmio, a liberação das chamadas emendas parlamentares. Estão sendo chamados, pela prática desse crime, de mercenários”, criticou Paulo Ramos (PDT-RJ). Já os deputados pró-reforma negam ter votado a favor da PEC em razão da liberação de emendas. Eles dizem que a mudança nas regras de aposentadoria é "fundamental" para o equilíbrio das contas públicas, para atração de investimentos e para a geração de emprego e renda. "A reforma da Previdência representa, nos próximos 10 anos, uma economia em torno de R$ 933 bilhões, ou seja, investimentos que vão ser aplicados na saúde, na educação, na segurança pública, em infraestrutura, estradas, rodovias e outras área importantes para o Brasil, para que possamos melhorar a qualidade de vida do povo brasileiro", afirmou Júnior Ferrari (PSD-PA). "Muito mais além, esta reforma da Previdência, além dos 933 bilhões de economia, vai também gerar um efeito positivo no mercado nacional e no mercado internacional, atraindo investidores, gerando, assim, empregos e oportunidades", acrescentou o deputado do Pará. O deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara Luis Macedo/Câmara dos Deputados Rodrigo Maia Após a votação, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que a reforma sai da Casa "com uma ótima economia". Afirmou ainda ter a "certeza" de que o Senado construirá "um bom texto". "Os temas que a Câmara não tratou, que não teve espaço para que pudessem ser tratados, podem ser tratados pelo Senado. A questão dos estados, a questão da capitalização", disse. Nesses dois casos, os deputados decidiram mudar a proposta do governo. "Eu acho que eu fiz a minha parte. O Senado é outra Casa, precisa ter a liberdade de construir o seu texto. Claro que votando o mesmo texto, a gente promulga mais rápido, mas isso não significa que tem que ser o mesmo texto. O Senado tem toda a liberdade para avaliar, debater, manter ou fazer as mudanças que entender relevantes", disse. Senadores a favor da reforma defendem a manutenção do texto aprovado pela Câmara e querem que eventuais mudanças, como a inclusão de estados e municípios, sejam feitas através de outra proposta. Rodrigo Maia disse em seguida que, na próxima semana, a comissão criada para discutir a aposentadoria dos militares iniciará os trabalhos. Feijão tropeiro servido na Câmara pelo deputado Fabio Ramalho (MDB-MG)durante a votação da reforma da Previdência em segundo turno Daumildo Júnior/G1 Comida mineira Leitoa, linguiça, carne de sol, costelinha de porco, arroz, feijão tropeiro com torresmo e pé de moleque para a sobremesa. Esse foi o jantar de alguns parlamentares durante a sessão que votou os destaques do texto da reforma da Previdência. A comida mineira foi oferecida pelo deputado Fábio Ramalho (MDB -MG). Ramalho repete o gesto há pelo menos 10 anos. "Esse jantar é feito sempre quando tem votações polêmicas que vão até de madrugada. Então, é uma maneira que você tem de colocar todo mundo para conviver, sentar à mesa e acalmar os ânimos de todos", disse o parlamentar. Deputado Fabio Ramalho (MDB-MG) serviu comida mineira aos colegas durante a votação da reforma da Previdência em segundo turno Daumildo Júnior/G1 De acordo com o mineiro, aproximadamente 400 pessoas foram servidas no jantar, que não foi apenas para deputados. "Qualquer pessoa [pode comer]. Jornalistas, as pessoas que limpam aqui, o rapaz que limpa o banheiro, o ascensorista, os seguranças, os garçons. Todo mundo come", contou. Destaques Os destaques rejeitados pelos deputados tratavam de temas como pensão por morte, Benefício de Prestação Continuada e tempo de contribuição. O objetivo era retirar do trecho as propostas sobre esses temas. Saiba quais são todos os destaques rejeitados O PT queria, por exemplo, retirar o trecho que insere na Constituição a previsão de que somente idosos e pessoas com deficiência em famílias com renda familiar per capita inferior a 1/4 do salário mínimo terão direito ao Benefício de Prestação Continuada (BCP). Esse requisito já existe em lei e pode ser modificado por projeto. Se for inserido na Constituição, será necessária uma PEC para modificá-lo. O PSOL queria realizar mudanças nas regras do abono salarial previstas no texto. O partido queria retirar o ponto que estabelece que empregados de baixa renda (que ganham até R$ 1.364,43) cujas empresas contribuíram para o PIS/Pasep têm direito ao “pagamento anual de abono salarial em valor de até um salário mínimo”. A intenção é manter a redação atual da Constituição, que prevê o pagamento do benefício para trabalhadores que ganham até dois salários mínimos. Novas regras para se aposentar previstas pela reforma da Previdência Infografia G1 Initial plugin text Veja Mais

Disney culpa X-Men: Fênix Negra pela queda de faturamento

Disney culpa X-Men: Fênix Negra pela queda de faturamento

Tecmundo X-Men: Fênix Negra passou longe do que era aguardado pela Disney. Após uma série de lançamentos de sucessos de bilheteria, a sequência dos mutantes não conseguiu chamar os fãs para os cinemas, e isto acabou refletindo no fracasso do filme nas bilheterias de todo o mundo.Para a Disney, a queda de faturamento no segundo trimestre deste ano foi de cerca de US$700 milhões. Em apresentação aos acionistas, o presidente da companhia Bob Iger deixou claro que a culpa era de alguns filmes recém-lançados, entre eles, Fênix Negra.Leia mais... Veja Mais

Poupança deve ser insuficiente para financiar habitação

Valor Econômico - Finanças Recursos da caderneta serão insuficientes para crédito imobiliário mudar de patamar Veja Mais

Samsung anuncia o Galaxy Book S, seu híbrido de notebook e smartphone

Samsung anuncia o Galaxy Book S, seu híbrido de notebook e smartphone

canaltech Nesta quarta-feira (7) a Samsung organizou um evento voltado especialmente para a revelação oficial do Galaxy Note 10, mas a empresa aproveitou a oportunidade para anunciar um outro produto que pegou muita gente de surpresa: um notebook. Batizado de Galaxy Book S, o aparelho é um notebook extremamente fino e bastante compacto, ideal para pessoas que precisam carregar o aparelho para todo canto. Pesando menos de 1 kg, o aparelho possui tela de 13 polegadas - o que permite que ele caiba em praticamente qualquer mochila. O produto é uma espécie de híbrido entre notebook e smartphone, pois possui um chip LTE que, assim como qualquer celular, permite ao usuário estar sempre conectado à internet através de redes 3G e 4G, não sendo assim necessário uma conexão Wi-Fi para usufruir de tudo o que o aparelho proporciona. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Galaxy Book S (Imagem: Samsung) O Galaxy Book S utiliza o processador Snapdragon 8cx da Qualcomm, o primeiro de 7nm criado para computadores móveis. AInda que a empresa não tenha divulgado qual será exatamente a velocidade de clock desse processador, ela já avisou que o novo chip da Qualcomm terá uma performance de CPU 40% maio quando comparada à performance do Galaxy Book2, enquanto a melhoria no processamento gráfico será de 80%. Galaxy Book S (Imagem: Samsung) Além do processador, o aparelho também terá 8 GB de RAM, 256 GB ou 512 GB de armazenamento (que pode ser expansível para até 1 TB) e uma bateria que funciona por até 23h com uma única carga completa. Contudo, toda essa capacidade em um equipamento tão fino é possível ao retirar acessórios comuns em notebooks, e as únicas entradas presentes neste aqui são duas USB-C - que podem ser usadas também para a fonte, já que o Galaxy Book S utiliza a mesma fonte carregadora do Galaxy Note 10. Galaxy Book S (Imagem: Samsung) A Samsung ainda não revelou a data exata de lançamento, mas confirmou que o aparelho será lançado ainda no terceiro trimestre deste ano, por um preço de US$ 999. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Redmi Note 7 é o Xiaomi favorito dos brasileiros e o preço está excelente! Veja Mais

Maia diz que quer ver o mesmo apoio de empresários na reforma tributária - 07/08/19

Maia diz que quer ver o mesmo apoio de empresários na reforma tributária - 07/08/19

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Paulo André leva prata nos 100m no Pan de Lima; Vitória Rosa ganha bronze

Superesportes - Mais esportes Prova mais rápida do atletismo garante medalhas para o Brasil Veja Mais

CT News - 07/08/2019 (Samsung apresenta nova linha Galaxy Note 10 nesta quarta)

CT News - 07/08/2019 (Samsung apresenta nova linha Galaxy Note 10 nesta quarta)

canaltech Samsung apresenta novos Galaxy Note 10 // WhatsApp pode parar de funcionar no iOS 13 // Satélite chinês cai na superfície da Lua após concluir sua missão // Microsoft localiza hackers russos que usavam a IoT para invasões // Planetas congelados podem abrigar vida Ouça ao podcast. Veja Mais

Samsung apresenta nova linha Galaxy Note 10 nesta quarta-feira [CT News]

Samsung apresenta nova linha Galaxy Note 10 nesta quarta-feira [CT News]

canaltech Samsung apresenta seus novos Galaxy Note 10 nesta quarta-feira // WhatsApp pode parar de funcionar em iPhones que rodam o iOS 13 // Satélite chinês cai na superfície da Lua após concluir sua missão // Microsoft localiza hackers russos que usavam a IoT para invasões Assista ao vídeo. Veja Mais

Saques das cotas do PIS chegam a R$ 359,1 milhões na região de Campinas para 203,1 mil trabalhadores

G1 Economia Recursos começam a ser pagos em 19 de agosto e não há prazo determinado para a retirada do dinheiro. Veja os valores referentes a cada uma das 31 cidades. Região de Campinas tem montante de R$ 359.174.789,76 para trabalhadores que podem sacar o PIS. Jonathan Lins/G1 Nas 31 cidades da região de Campinas (SP), 203.104 trabalhadores terão direito a sacar o PIS a partir de 19 de agosto. No levantamento feito a pedido do G1, a Caixa Econômica Federal informou que o montante chega a R$ 359.174.789,76. Veja a lista dos valores por município abaixo. Saiba tudo sobre os saques do FGTS e das cotas do Fundo PIS-Pasep Todos os cadastrados no Programa de Integração Social (PIS) de 1971 até 4 de outubro de 1988 podem sacar os valores de suas contas. Não há um prazo determinado para a retirada do dinheiro, mas há datas diferentes para o início dos depósitos: Cotistas com conta na Caixa: crédito em conta a partir de 19 de agosto Cotistas sem conta na Caixa, com 60 anos ou mais: saque liberado a partir de 26 de agosto Cotistas sem conta na Caixa, com até 59 anos: a partir de 2 de setembro Os pagamentos poderão ser feitos por meio de crédito em conta na Caixa, com o Cartão do Cidadão e senha nas Lotéricas, Caixa Aqui e terminais de autoatendimento ou nas agências do banco. Em todo o Brasil, 10,4 milhões de trabalhadores podem fazer o saque das cotas do PIS, com movimentação prevista de até R$ 18,3 bilhões na economia Cotas do PIS na região de Campinas As cidades de Estiva Gerbi, Lindoia, Monte Alegre do Sul, Pedra Bela, Pinhalzinho, Santo Antônio do Jardim e Tuiuti aparecem com o valor zerado no levantamento. Nestes casos, segundo a Caixa, os trabalhadores residentes nesses municípios que têm direito ao saque de cotas constam no levantamento de cidades vizinhas. Como será o saque do Pasep O saque do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) - para servidores públicos ou militares cadastrados de 1971 a 1988 - é feito pelo Banco do Brasil (BB), que não disponibilizou dados por municípios. No estado de São Paulo, 218.805 cotas estão disponíveis para saque, totalizando um montante de R$ 694,51 milhões. No Brasil, são R$ 4,5 bilhões, pertencentes a 1,522 milhão de cotistas. Os cotistas que tiverem conta corrente ou poupança no BB terão o depósito feito automaticamente no dia 19 de agosto. Clientes de outros bancos que tiverem até R$ 5 mil em cotas do Pasep poderão transferir o dinheiro via TED, sem custo, a partir de 20 de agosto. A opção de transferência poderá ser feita pela internet, pelo www.bb.com.br/pasep, ou pelos caixas eletrônicos. Demais cotistas, herdeiros e portadores de procuração legal poderão sacar o dinheiro nas agências do Banco do Brasil a partir de 22 de agosto, informou o BB. Também não há prazo final para os saques. Saque de R$ 500 do FGTS No estado de São Paulo, um total de 28,3 milhões de trabalhadores têm direito ao saque máximo de R$ 500 das contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). De acordo com a Caixa, o valor aproximado do montante no estado é de R$ 15,59 bilhões. O banco não divulgou dados por municípios. O calendário de pagamentos é dividido entre 2019 e 2020: 2019 - 19,07 milhões de trabalhadores - R$ 8,6 bilhões 2020 - 9,28 milhões de trabalhadores - R$ 6,95 bilhões Os valores começam a ser depositados em 13 de setembro para quem possui conta poupança na Caixa. As datas dos pagamentos vão seguir um cronograma de acordo com os meses de aniversário dos beneficiados. Clique para ter acesso ao calendário completo. Preencha dados do CPF ou número do NIS/PIS/Pasep e data de nascimento Reprodução/CEF Veja mais notícias da região no G1 Campinas Veja Mais

Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos

Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos

canaltech Pesquisadores descobriram que um material chamado aerogel pode ser a chave para permitir aos humanos a sobrevivência em Marte. Ele pode reter calor da luz solar em quantidade suficiente para proporcionar um ambiente favorável no Planeta Vermelho. E, melhor ainda: os cientistas acreditam que isso pode ser feito ainda enquanto nós estamos vivos. Em um novo estudo, o time de pesquisadores da Universidade de Harvard, da Universidade de Edimburgo e do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, mostram que uma camada fina de aerogel translúcido, com apenas alguns centímetros de espessura, poderia aquecer o solo marciano em até 50º Celsius ou mais - temperatura muito adequada para descongelar a água de lá e criar um ambiente similar ao da Terra. Essa camada de aerogel permite que a luz visível atravesse sua estrutura translúcida, mas dificulta a vida da luz infravermelha - que não podemos ver mas podemos sentir na forma de calor. Assim, o material produz um efeito estufa bastante eficiente. Na verdade, o aerogel é considerado um dos melhores isolantes térmicos que temos, por isso foi o grande escolhido. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Em Marte, a atmosfera é rarefeita e tóxica para a maior parte da vida terrestre, conforme explica Laura Kerber, pesquisadora do Laboratório de Propulsão a Jato e uma das autoras do estudo. Por isso, qualquer estrutura que sirva de habitação por lá precisa ser hermética. No futuro, de acordo com Kerber, tijolos de aerogel colocados com um acrílico bem forte poderiam ser usados para fazer uma cúpula pressurizada para humanos. E não precisamos nos preocupar com outras possíveis formas de vida em Marte. Essas cúpulas de aerogel seriam independentes, e isso significa que também preservariam qualquer criatura marciana que pudesse existir. "Ninguém quer ir a Marte e matar a única outra vida que encontrarmos”, disse Kerber. “Nós podemos viver lá, mas não bagunçar”. Inclusive, Kerber já sabe qual é o local ideal para construir um assentamento humano. "Eu sei onde toda a água do subsolo está no planeta. Há um lugar chamado Deuteronilus Mensae. Se você quiser fazer isso, é onde eu colocarei as suas cúpulas; é onde há água perto da superfície", ela disse. Os pesquisadores também já estão trabalhando nas possibilidades de plantações, cultivando plantas em uma simulação do solo e das condições climáticas de Marte, dentro de estufas. Em breve, os testes começarão em estufas feitas à base de aerogel. No entanto, "em sua forma atual, [o aerogel] é bastante frágil", disse Kerber. Mas ela afirma que resolver os desafios restantes é apenas uma questão de financiamento. "Se alguém dissesse: ‘Aqui está um monte de dinheiro, vamos fazer isso’, nós faríamos. As pessoas acham que está muito fora de alcance, ou que é coisa de um filme de ficção científica - não é. Vamos tentar". Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo TEM CUPOM | Smart TV Philco de 49 polegadas por apenas R$ 1.257 Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Veja Mais

Webinar: Novidades da Reforma da Previdência

Webinar: Novidades da Reforma da Previdência

R7 - Economia Webinar: Novidades da Reforma da Previdência Contábeis A Reforma da Previdência é considerada uma das principais apostas da equipe econômica para recuperar as contas públicas. A proposta está em tramitação está no Congresso Nacional. Entre as alterações do texto está a alteração da idade mínima e do tempo de contribuição para a aposentadoria. Se for aprovada será de 62 anos para mulheres e 65 para os homens, tendo que contribuir por 15 anos. As alterações têm gerado muitas dúvidas entre os trabalhadores. Por isso, o Portal Contábeis convida você para participar de um Webinar gratuito com Hilário Bocchi, especialista em Direito Trabalhista e Previdênciário. Marque na sua agenda A transmissão será ao vivo, nesta terça-feira, dia 13 de agosto, à partir das 15 horas. Para participar, preencha o formulário abaixo e inscreva-se, estamos esperando você para esse encontro! Portal Contábeis Veja Mais

Moro manda PF abrir inquérito por ameaça a Bolsonaro

O Tempo - Política Ministro da Justiça e Segurança Pública sugere enquadramento de youtuber na Lei de Segurança Nacional, por 'ele tem que ser assassinado' Veja Mais

Ibovespa fecha em alta, mas medo de recessão persiste

Valor Econômico - Finanças O cenário geral não mudou: o alerta de recessão global continua acesso, forçando continuidade da cautela na alocação de recursos Veja Mais

Samsung anuncia Galaxy Note 10, novo celular topo de linha da empresa

G1 Economia Pela primeira vez aparelho vem em dois tamanhos diferentes, com "buraco" para câmera na tela, semelhante ao Galaxy S10. A Samsung anunciou nesta quarta-feira (7), durante um evento em Nova York, o novo smartphone topo de linha Galaxy Note 10. É o principal lançamento da empresa no ano e o maior desde que o Galaxy S10 foi anunciado em fevereiro. O Galaxy Note 10 pela primeira vez tem dois tamanhos diferentes, com telas de 6,3 polegadas (para o modelo Note 10) e 6,8 polegadas (no modelo Note 10+) — este é também o maior aparelho da linha já lançado pela Samsung. Também pela primeira vez, o smartphone chega sem a saída para fone de ouvido. Galaxy Note 10 na cor aura glow. Aparelho começa a ser vendido a partir do dia 23 de agosto. Divulgação/Samsung O display segue o modelo apresentado no Galaxy S10, com um "buraco" para a câmera frontal, perto do topo. Essa câmera tem resolução de 10 megapixels. Os Note também contam com reconhecimento ultrassônico de digital na tela e têm processadores de 8 núcleos. Os dois modelos do aparelho chegam com opção de conectividade 5G, uma rede que já está disponível na Coreia do Sul, terra da Samsung. A versão mais básica tem 8GB de memória RAM e armazenamento de 256GB, mas as versões mais parrudas têm 12GB de RAM e 512GB de armazenamento interno, que pode ser expandido. Entre as principais novidades está uma atualização na interface DeX, que permite conectar o aparelho a um computador. Melhorada, essa funcionalidade promete abrir uma tela no computador com os aplicativos do celular para fácil acesso, podendo até arrastar e mover documentos e arquivos ou receber notificações. A empresa também trouxe novidades para conectar o Note 10 diretamente no Windows, com um comando simples nas configurações. Preços e vendas O Note 10 chega custando a partir de US$ 949 nos Estados Unidos, enquanto que o Note 10+ sai a partir de US$1.099. A data oficial de chegada do smartphone é dia 23 de agosto, em três cores. Ainda não foram divulgadas datas e valores para o Brasil. O anúncio é uma tentativa da empresa de voltar ao ritmo de venda nos modelos mais caros, depois que as vendas de memórias e celulares caíram no primeiro semestre deste ano. No segundo trimestre, o lucro operacional da empresa caiu 56% em relação ao mesmo período de 2018. Embora o faturamento da divisão de smartphones tenha sido positivo, com alta de 8% na comparação com o ano passado, o lucro também foi baixo nesse segmento: caiu 42%, principalmente por "ritmo de vendas fracas" do Galaxy S10 — os aparelhos que tiveram bons números foram os A50 e A70. Ficha técnica Tela: 6,3 e 6,8 polegadas Resolução da tela: Full HD+ (Note 10) e Quad HD+ (Note 10+) Câmera principal: tripla no Note 10, com 16, 12 e 12 megapixels; e quádrupla, no Note 10+, com 16 MP, 12 MP, 12 MP e 3D Câmera frontal: 10 megapixels nos dois modelos Memória RAM: 8 GB e 12GB Armazenamento: 256 GB ou 512 GB Capacidade da bateria: 3.500 mAh e 4.300 mAh Veja Mais

Aposentadoria de militares: comissão especial será instalada na próxima semana, diz Maia

G1 Economia Presidente da Câmara deu informação logo após plenário ter concluído votação da reforma da Previdência. Texto sobre militares foi enviado em maço, e caberá à comissão discutir proposta. O deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara Luis Macedo/Câmara dos Deputados O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quarta-feira (7) que será instalada na próxima semana a comissão especial responsável por discutir a aposentadoria de militares. Maia deu a informação logo após a Câmara ter concluído a aprovação da proposta de reforma da Previdência. O projeto que trata dos militares foi enviado separadamente pelo governo, em março, e entregue pessoalmente pelo presidente Jair Bolsonaro. "Semana que vem a gente vai instalar. Eu acho que ali vai acabar tramitando muito parecido da forma como chegou na Câmara dos Deputados", declarou Maia. A comissão especial já foi criada e tem 34 integrantes titulares mais 34 suplentes. A instalação é a etapa formal que permite o funcionamento da comissão. Durante a instalação, será eleito o presidente da comissão. O relator a ser escolhido deverá formular um parecer sobre a proposta, e esse relatório deverá ser votado pelo grupo. Nova Previdência: proposta dos militares prevê também reestruturação de carreira Economia com a reforma A expectativa do governo é economizar R$ 97,3 bilhões em dez anos com a reforma na aposentadoria dos militares. A proposta também trata, no entanto, da reestruturação do setor (com reajuste salarial), com aumento de R$ 86,65 bilhões nos gastos públicos. Dessa forma, a economia líquida com a reforma deve ser de R$ 10,45 bilhões em dez anos, segundo estimativas do Ministério da Economia. Proposta de reforma para a previdência dos militares Infografia: Juliane Souza/G1 Initial plugin text Veja Mais

Twitter trabalha em uma nova função para silenciar notificações

Twitter trabalha em uma nova função para silenciar notificações

canaltech Jane Wong, a famosa engenheira reversa, recentemente fuçou as linhas de código do Twitter e revelou que a rede do passarinho azul está trabalhando em um novo recurso de soneca, que permitirá pausar as notificações do aplicativo no smartphone. Conforme o apurado, o usuário terá a possibilidade de escolher entre 1, 3 ou 12 horas para silenciar as notificações. Para ativar o recurso, será preciso pressionar o botão de “sininho” presente na parte superior da guia de notificações no Twitter. Feito isso, o aplicativo exibirá um pequeno pop-up na parte inferior da tela com as opções de tempo de soneca. Pelo visto, o novo recurso faz parte dos esforços do Twitter para melhorar o bem-estar digital de seus usuários, assim como as outras redes sociais que vêm investindo nesses tipos de funções. Ah, além da novidade do recurso de soneca, Wong descobriu também que será possível esconder os retweets de suas postagens. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Twitter is working on a Snooze button for muting Push NotificationsTwitter has been putting efforts on improving users' wellbeings. And this is no exception apart from Replies Moderations, Filtered Messages UI, etc pic.twitter.com/phrie44mqT — Jane Manchun Wong (@wongmjane) 2019년 8월 4일 Twitter is testing replies moderation. It lets you to hide replies under your tweets, while providing an option to show the hidden replies pic.twitter.com/dE19w4TLtp — Jane Manchun Wong (@wongmjane) 2019년 2월 28일 Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Redmi Note 7 é o Xiaomi favorito dos brasileiros e o preço está excelente! Microsoft e Samsung fazem parceria para unir Android e Windows Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Veja Mais

Juiz marca para 22 de outubro depoimento de Lula sobre caças suecos

O Tempo - Política Lula e seu filho são acusados de negociar e receber R$ 2,5 milhões do casal de lobistas Mauro Marcondes Machado e Cristina Mautoni Veja Mais

Paulo Guedes diz que é possível 'cabeça rolar' no Coaf e defende aperfeiçoamento do conselho

G1 Economia Ministro admitiu nesta quarta (7) que cogita substituir Roberto Leonel da chefia do órgão de controle. Indicado por Sérgio Moro, presidente do Coaf é alvo de críticas de aliados de Bolsonaro. Paulo Guedes admite que pode trocar comando do Coaf O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira (7), ao responder a jornalistas, que ainda não decidiu se o presidente do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), Roberto Leonel, permanecerá na chefia do órgão. Segundo Guedes, é possível "uma cabeça rolar" no conselho que saiu recentemente do guarda-chuva do ministro da Justiça, Sergio Moro. Leonel foi indicado para o comando do Coaf – órgão-chave no controle da lavagem de dinheiro – por Sergio Moro quando o conselho ainda era vinculado ao Ministério da Justiça. Por decisão do Congresso Nacional, o Coaf retornou em maio à estrutura do Ministério da Economia. Coaf: saiba o que é e como funciona o Conselho de Controle de Atividades Financeiras Servidor de carreira da Receita Federal, Roberto Leonel trabalhou com Moro na Operação Lava Jato quanto era chefe da área de inteligência do Fisco em Curitiba, cargo que ocupou por 22 anos. Embora tenha admitido a troca na presidência do Coaf, Paulo Guedes ressaltou que a solução para a crise envolvendo o órgão de controle, mais do que troca de pessoas, "exige um aperfeiçoamento institucional". "Toda vez que tem uma aparente crise institucional, a solução é um avanço e um aperfeiçoamento institucional, não é só uma cabeça rolar. Uma cabeça rolar pode até acontecer, mas desde que haja um avanço institucional”, declarou Paulo Guedes ao ser questionado por repórteres na portaria do Ministério da Economia sobre a possibilidade de trocar o comando do Coaf. A pressão de aliados do presidente Jair Bolsonaro nos bastidores para que Roberto Leonel seja demitido começou após o presidente do Coaf criticar a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, de suspender todos os inquéritos e investigações baseados em dados compartilhados pelo conselho de controle sem autorização judicial. A decisão de Toffoli – tomada em julho – atendeu a um pedido da defesa do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), um dos cinco filhos do presidente Jair Bolsonaro. Flávio é alvo de um No fim de 2018, relatório do Coaf apontou operações bancárias suspeitas de 74 servidores e ex-servidores da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). O documento revelou movimentação atípica de R$ 1,2 milhão na conta de Fabrício Queiroz, que havia atuado como motorista e assessor de Flávio Bolsonaro à época em que o parlamentar do PSL era deputado estadual. Questionado na noite desta quarta-feira sobre se manteria Roberto Leonel na presidência do Coaf, Guedes admitiu que pode substitui-lo, "se for o caso". "Eu estou o tempo inteiro dizendo que eu trabalho com métodos, processos e aperfeiçoamentos institucionais. Pessoas são consequência. Se você quiser fazer isso, você bota um determinado tipo de pessoa. Se você quer fazer outra coisa, você bota outra pessoa. O mais importante de tudo é o aperfeiçoamento institucional", respondeu o ministro da Economia. 'Avanço institucional' Paulo Guedes defendeu ainda que um aperfeiçoamento do Coaf vai impedir suspeitas de que sua atuação do órgão de controle possa ser usada para proteger ou perseguir pessoas e até mesmo outros poderes. “Quando aquilo começa a gerar conflitos, suspeitas, você tem que dar resposta institucional definitiva. De modo que não haja mais suspeitas, maus entendidos, nós temos que atender, simultaneamente, exigência de transparência, de fim de impunidade", disse o titular da Economia. "Por um lado, você tem que atender, com aperfeiçoamentos institucionais, esse tipo de coisa. Por outro lado, não pode haver excessos que joguem suspeitas sobre pessoas que não estão sendo investigadas ou que não são suspeitas de nada”, complementou Guedes. Paulo Guedes não deixou claro, no entanto, que tipo de mudanças podem ser feitas na estrutura do Coaf. Ele disse apenas que, na visão dele, "isso é de solução relativamente rápida". "Eu acho que semana que vem está tudo resolvido, é uma expectativa que eu tenho." Veja Mais

Lucro da Braskem recua 76,5% no segundo trimestre

Valor Econômico - Finanças A companhia registrou lucro líquido de R$ 128,7 milhões, no período; a receita líquida caiu 3,2% para R$ 13,34 bilhões Veja Mais

FT: Retorno de títulos soberanos desaba e prenuncia recessão

Valor Econômico - Finanças Índia, Nova Zelândia e Tailândia cortam juros com temor de crise Veja Mais

Galaxy Note 10 lançado, Xiaomi com câmera de 108 MP – Hoje no TecMundo

Galaxy Note 10 lançado, Xiaomi com câmera de 108 MP – Hoje no TecMundo

Tecmundo Na edição dessa quarta-feira, vamos falar sobre o lançamento oficial do Galaxy Note 10 e Note 10+. Tem ainda a Xiaomi dizendo que vai lançar um celular com câmera 108 MP. E os desenvolvedores do WhatsApp vão passar um aperto com uma mudança de segurança que a Apple fez no iOS 13. E a gente fala também de um levantamento apontando que o Brasil sofreu 15 bilhões de ataques cibernéticos em apenas três meses.Leia mais... Veja Mais

Eleições primárias na Argentina vão ditar rumo dos mercados

Valor Econômico - Finanças Caso Alberto Fernández vença por uma margem de 6 pontos percentuais, o BC argentino continuará defendendo o peso com altas taxas de juros Veja Mais

Galaxy Watch Active 2: mais aplicativos e a volta do mostrador giratório

Galaxy Watch Active 2: mais aplicativos e a volta do mostrador giratório

Tecmundo Apenas seis meses depois do Galaxy Watch Active, desembarca no mercado o Samsung Galaxy Watch Active 2. O novo relógio tem mais recursos que seu antecessor, mas a boa nova é a volta do tão pedido mostrador externo giratório, presente nos relógios mais antigos da marca – dessa vez, porém, ele traz uma moldura sensível ao toque.O Galaxy Watch Active 2 é um pouco maior do que o Watch Active, e agora vem em dois tamanhos:  40 mm (US$ 280) e 44 mm (US$ 300). É mais compacto do que o modelo 2018 (que, aliás, a Samsung continuará vendendo). É possível escolher entre a caixa de alumínio com tiras de borracha ou de aço inoxidável com tiras de couro.Leia mais... Veja Mais

Intel lança linha de processadores escaláveis com capacidade para 56 núcleos

Intel lança linha de processadores escaláveis com capacidade para 56 núcleos

canaltech Xeon Cooper Lake. Essa é a nova aposta da Intel Corporation para sua família de processadores escaláveis e cuja proposta é oferecer até 56 núcleos de processamento por soquete e aceleração de treinamento para Inteligência Artificial (IA). A nova linha estará disponível para consumidores a partir do primeiro semestre de 2020. Lisa Spelman, que é VP e gerente-geral de Data Center Marketing na Intel, declara: “A série Intel Xeon Platinum 9200, que introduzimos como parte da segunda geração de processadores escaláveis Intel Xeon, gerou muita empolgação entre nossos clientes, que já estão implantando a tecnologia para execução HPC, analytics avançados, inteligência artificial e infraestrutura de alta densidade", afirmou. "A oferta estendida de processadores com 56 núcleos em nossas principais plataformas escaláveis Intel Xeon nos permite atender a uma gama muito mais ampla de clientes que buscam mais desempenho do processador e largura de banda de memória". Inteligência Artificial Nova linha de processadores escaláveis da Intel A empresa anunciou que a nova geração de processadores escaláveis têm maior desempenho de inferência e será o primeiro processador x86 com capacidades integradas de aceleração de treinamento de IA de alto desempenho. Para isso, ele usará o novo suporte bfloat16, que trabalhará em sincronia com o Intel Deep Learning Boost (Intel DL Boost),e que não estava presente ao processador Intel Xeon Platinum 8200 padrão. O Cooper Lake terá ainda compatibilidade de plataforma com o próximo processador Intel Ice Lake, de 10 nanômetros. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Enquanto o lançamento não acontece, os processadores Intel Xeon Platinum 9200 estão disponíveis para compra, em sistemas pré-configurados de fabricantes selecionados, incluindo Atos, HPE, Lenovo, Penguin Computing, Megaware e revendedores autorizados. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Galaxy Note 10 vs Galaxy S10+: quais são as diferenças? Veja Mais

Comissão especial aprova PEC do Fundo de Participação dos Municípios - 07/08/19

Comissão especial aprova PEC do Fundo de Participação dos Municípios - 07/08/19

Câmana dos Deputados O Fundo de Participação dos Municípios pode aumentar em 1% a partir do ano que vem. A Proposta de Emenda à Constituição 391 de 2017 foi aprovada pela comissão especial daqui da Câmara destinada a analisa-la, e deve ir ao Plenário agora no segundo semestre. A PEC já foi aprovada pelo Senado. O fundo é a principal fonte de recursos da maioria dos municípios brasileiros. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Veja Mais

Samsung parece estar considerando novos nomes para seus dispositivos 5G

Samsung parece estar considerando novos nomes para seus dispositivos 5G

Tecmundo Com as redes 5G finalmente funcionando em alguns lugares do mundo e o lançamento de dispositivos capazes de operacionalizá-las, a Samsung já está pensando em novos nomes para seus aparelhos compatíveis com a rede. A gigante sul-coreana solicitou aos seus usuários que selecionassem a designação mais memorável e que soe melhor dentre uma lista, em uma pesquisa feita por meio do aplicativo de pesquisa do cliente SmartLab Plus.As opções de nomes disponíveis para a escolha dos usuários incluem Samsung Galaxy S10, Samsung Galaxy S10 Pro, Samsung Galaxy S10 Performance Edition, Samsung Galaxy S10 Speed Edition, Samsung Galaxy S10 Pro Edition e Samsung Galaxy S10 5G.Leia mais... Veja Mais

Bolsas de NY fecham sem direção única, com temor de recessão global

Valor Econômico - Finanças O Dow Jones encerrou a sessão em leve queda de 0,09%, o S&P 500 fechou em alta de 0,08% e o Nasdaq subiu 0,38% Veja Mais

Menos da metade dos empreendedores brasileiros contribuem para Previdência

Menos da metade dos empreendedores brasileiros contribuem para Previdência

R7 - Economia Menos da metade dos empreendedores brasileiros contribuem para Previdência Contábeis Um estudo do Sebrae, com base em dados do IBGE, mostra que menos da metade dos empreendedores brasileiros contribuem para a Previdência.  De acordo com o levantamento, a cada dez donos de negócio no País, apenas quatro recolhem suas contribuições para garantir a aposentadoria. Entre os que não contribuem, a maior parte sequer possui CNPJ e trabalha na informalidade. "O brasileiro só pensa no futuro quando mais velho. Além disso, a formalização só tem sido uma realidade entre os donos de negócio que estão mais consolidados no mercado. Uma prova da importância da formalização dos empreendedores. Aqueles que crescem no mercado tendem a investir mais no futuro", afirma o presidente do Sebrae, Carlos Melles. O estudo foi realizado entre os chamados "donos de negócio", conceito que inclui empregadores que exploram seu próprio empreendimento e têm pelo menos um funcionário, e os trabalhadores por conta própria, que atuam sozinhos ou com um sócio, mas não têm empregados. A formalização é a principal porta de entrada para a contribuição à Previdência. Um dos instrumentos é o próprio MEI - Microempreendedor Individual, modalidade de microempresa que cobra tributos de forma simplificada, mas garante a formalização. Informalidade Mesmo assim, ainda existem negócios que atuam na informalidade. Em 2018, a economia subterrânea (que inclui negócios informais) movimentou R$ 1,17 trilhão, o equivalente a 16,9% do PIB, segundo cálculo do ETCO - Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial e do Ibre/FGV. Mais de 5,5 milhões de brasileiros usam aplicativos de transporte para trabalhar e fugir do desemprego, que atingia 12,8 milhões de pessoas no segundo trimestre, apontou o IBGE. Os trabalhadores por conta própria eram 24,1 milhões, sendo que 80% deles não tem CNPJ. Adesão De acordo com o Sebrae, entre os empreendedores que são segurados da Previdência estão principalmente aqueles dos segmentos de serviços e comércio, na faixa etária de 45 anos, cuja empresa tem CNPJ e maior número de sócios e empregados. A adesão no comércio, 42%, chega a ser o dobro do verificado no setor da construção, que tem o menor índice de contribuição ao INSS, 23%. Por outro lado, negócios menos estruturados, informais, sem sócios e sem empregados são os que têm menor inclusão previdenciária. Entre os que não contribuem, 89% não possuem CNPJ e 93% trabalham por conta própria, sem nenhum empregado. A aposentadoria também não parece ser a prioridade dos empreendedores mais jovens: apenas 19% dos que tem até 24 anos são segurados. A cobertura previdenciária dos empreendedores ainda varia conforme a região. Em locais mais desenvolvidos, como o Sul, a adesão dos donos de negócio é 3,5 vezes maior que na região Norte.  A renda dos empreendedores também mostra correlação com o índice de adesão, de acordo com o estudo. Entre os que ganham cinco ou mais salários mínimos, a proporção de contribuição equivale a 4,3 vezes à registrada entre os que ganham um salário mínimo. Tire suas dúvidas ao vivo Na terça-feira, 13 de agosto, o Portal Contábeis vai promover um Webinar com Hilário Bocchi, especialista em Direito Trabalhista e Previdenciário. O Webinar é gratuito e acontece a partir das 15h! Participe e tire todas as suas dúvidas sobre a Reforma da Previdência. Inscreva-se já e garanta a sua vaga. Portal Contábeis Veja Mais

Agenda Netflix: 16 filmes e séries chegam entre 8 e 14 de agosto

Agenda Netflix: 16 filmes e séries chegam entre 8 e 14 de agosto

Tecmundo A Netflix oferece uma seleção bem diversificada de títulos para seus assinantes nesta semana, com as estreias de Assassinos Wu e da brasileira Sintonia, além das novas temporadas de GLOW e As Telefonistas.Wu Assassins é descrito como um drama criminal de artes marciais com toques sobrenaturais e ambientado na misteriosa vizinhança de Chinatown, em São Francisco. A produção conta a história de Kai Jin, um jovem chef escolhido para ser o Wu Assassin, um "assassino heróico" que deve não só salvar o mundo do poderoso e perigoso Wu, mas também navegar pela moralidade de sua nova vocação enquanto esconde seu segredo das pessoas mais próximas a ele.Leia mais... Veja Mais

Legislação Participativa - "Desmonte" na educação pública - 07/08/2019 - 15:52

Legislação Participativa  -

Câmana dos Deputados PARTICIPE! Faça sua pergunta pelo e-Democracia. https://edemocracia.camara.leg.br/audiencias/sala/1089 Comissão de Legislação Participativa - Audiência Pública - Desmonte da educação pública, caracterizado por cortes orçamentários e perseguição política aos profissonais da educação. Origem: Req. 37/19, de autoria Glauber Braga - PSOL/RJ, Talíria Petrone - PSOL/RJ e Luiza Erundina - PSOL/SP Expositores co... Veja Mais

Cientistas descobrem como medir a pressão sanguínea através de uma selfie

Cientistas descobrem como medir a pressão sanguínea através de uma selfie

canaltech Tirar uma selfie pode ser uma forma de checar como anda a sua saúde, segundo estudo recente realizado por pesquisadores da Universidade de Toronto. Contando com a ajuda de uma tecnologia chamada Imagem Óptica Transdérmica (TOI), os cientistas contam que uma simples foto com a câmera do celular é capaz de medir a pressão arterial. De acordo com os pesquisadores, os sensores ópticos em smartphones conseguem capturar a luz vermelha refletida pela hemoglobina sob a pele, permitindo que o TOI visualize e meça as mudanças no fluxo sanguíneo. Foram feitos testes com 1.328 adultos do Canadá e da China, que tiveram imagens dos seus rostos capturados em vídeos de dois minutos em um iPhone. Com isso, foi possível medir a pressão sanguínea apenas com a captação da natureza translúcida da pele do rosto. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Imagem: Reprodução/Universidade de Toronto "A partir do vídeo capturado pela tecnologia, você pode observar como o sangue flui em diferentes partes do rosto e, através deste fluxo e refluxo de sangue no rosto, você pode obter muita informação", conta Kang Lee, autor principal do estudo. O pesquisador também é cofundador da startup Nuralogix, que lançou um aplicativo chamado Anura, para que as pessoas consigam experimentar o software de imagem óptica transdérmica em casa. Basta gravar um vídeo de 30 segundos para receber medições com frequência cardíaca de repouso e níveis de estresse. Para Lee, mais tipos de pesquisa são necessárias para garantir que as medições sejam as mais precisas possíveis, alegando que não realizou testes com pessoas de peles muito claras ou muito escuras. O estudo completo pode ser conferido online. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo TEM CUPOM | Smart TV Philco de 49 polegadas por apenas R$ 1.257 Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Veja Mais

Ministro fala sobre aborto e expressão ‘direito reprodutivo’- 07/08/19

Ministro fala sobre aborto e expressão ‘direito reprodutivo’- 07/08/19

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

A grande ironia por trás do ar condicionado! | Minuto da Terra

A grande ironia por trás do ar condicionado! | Minuto da Terra

 Minuto da Terra A tecnologia que usamos para resfriar nossas casas está aquecendo a casa do restante da população: o planeta Terra. Por isso, precisamos não só melhorar essa mesma tecnologia como também usá-la menos. Contato: leonardo@escarlatte.com Ajude o Minuto da Terra a continuar existindo por apenas R$ 7,99 por mês! https://www.youtube.com/channel/UCB0zinWfy-dS_NqcOINYo3A/join Neste vídeo você aprendeu sobre: 0:11 Refrigeração de servidores de internet 0:39 Desafios do século 21 0:47 Mudança climática 1:07 Queima de combustiveis fosseis 1:10 Gases de efeito estufa como o CO2 1:24 Como o ar condicionado funciona? 1:40 Reciclagem de ar condicionado e seus refrigerantes químicos 2:50 Geração de eletricidade limpa 3:24 Prédios que absorvem calor, telhados verdes e brancos Patrocine o Minuto da Terra! https://apoia.se/minutodaterra Faça uma doação e ajude o canal a crescer: http://bit.ly/doarMDT Vídeo anterior: Por que abandonar ALGUNS dos seus sonhos é algo BOM? https://www.youtube.com/watch?v=GSei-cM2Kto Vídeo original: The Cruel Irony Of Air Conditioning https://www.youtube.com/watch?v=fbhLBBcm2Fg Tradução e dublagem: Leonardo Gonçalves Souza Edição de vídeo: Ricardo Gonçalves Souza Tradução oficial e autorizada do canal Minute Earth, criado por Henry Reich: http://www.youtube.com/user/minuteearth Este canal faz parte do Science Vlogs Brasil, um selo de qualidade colaborativo que reúne os divulgadores de ciência mais confiáveis do Brasil. Conheça-os em https://youtube.com/c/sciencevlogsbrasil Fontes (em Inglês) European Commission. Climate-friendly alternatives to HFCs. https://ec.europa.eu/clima/policies/f-gas/alternatives_en Accessed May 2019. Gunawardena, K. R., et al. 2017. Utilising green and bluespace to mitigate urban heat island intensity. Science of the Total Environment, 584, 1040-1055. http://bit.ly/2GbBuHY Graves, R. Pers. comm. May 2019. International Energy Agency. 2017. Space cooling: More access, more comfort, less energy. https://www.iea.org International Energy Agency. 2018. The Future of Cooling: Opportunities for energy- efficient air conditioning. https://www.iea.org/futureofcooling/ International Institute of Refrigeration. Nov 2017. The impact of the refrigeration sector on climate change. http://bit.ly/30A56Xh Keeler, B. L., et al. 2019. Social-ecological and technological factors moderate the value of urban nature. Nature Sustainability, 2(1), 29. https://www.nature.com/articles/s41893-018-0202-1 Ministry of the Environment, Japan. 2016. Recovery, Recycling & Destruction of CFC, HCFC, & HFC. https://www.env.go.jp/en/earth/ozone/leaf2016/04.pdf Pakbaznia, E., & Pedram, M. 2009. Minimizing data center cooling and server power costs. In Proceedings of the 2009 ACM/IEEE international symposium on Low power electronics and design (pp. 145-150). http://bit.ly/2JDL5bN Reardon, C. & Clarke, R. 2013. Passive cooling. Australian Government: Your Home. http://bit.ly/2LNMmj7 Sachar, S., et al. 2018. Solving the Global Cooling Challenge: How to Counter the Climate Threat from Room Air Conditioners. Rocky Mountain Institute. www.rmi.org/insight/solving_the_global_cooling_challenge Sadineni, S. B., et al. 2011. Passive building energy savings: A review of building envelope components. Renewable and sustainable energy reviews, 15(8), 3617-3631. http://bit.ly/2G9uGec Sivak, M. 2013. Air conditioning versus heating: climate control is more energy demanding in Minneapolis than in Miami. ERL, 8(1), 014050. http://bit.ly/2SbyOix Zhang, X., & Caldeira, K. 2015. Time scales and ratios of climate forcing due to thermal versus carbon dioxide emissions from fossil fuels. GRL, 42(11), 4548-4555. http://bit.ly/2LS8id0 Zhao, L., et al. 2015. Reduction of potential greenhouse gas emissions of room air-conditioner refrigerants: a life cycle carbon footprint analysis. Journal of Cleaner Production, 100, 262-268. https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0959652615002942?via%3Dihub Veja Mais

Programa de Proteção Avançada da Google traz proteção extra ao Chrome

Programa de Proteção Avançada da Google traz proteção extra ao Chrome

canaltech Quando se trata de segurança cibernética, todo o cuidado é pouco, tendo em mente que os downloads realizados nem sempre são seguros. Pensando nisso, o Programa de Proteção Avançada da Google, que é responsável por aumentar a segurança e as proteções para usuários da Conta do Google (como jornalistas, ativistas, políticos e líderes empresariais), está atualizando os seus recursos nesta terça-feira (6), com direito a proteções adicionais para downloads feitos no Chrome. Segundo o próprio anúncio da empresa, para que o recurso seja ativado, o usuário do Programa de Proteção Avançada deve apenas ativar a sincronização do Chrome, e então, quando esse usuário tentar baixar um arquivo que o Chrome identifica como potencialmente perigoso, o navegador passa a mostrar um aviso ou até mesmo pode bloquear o download em questão. A Google comunica que adicionou esse recurso para "melhor proteger contra ataques que acontecem fora do e-mail por meio de malwares vinculados e downloads acidentais de softwares prejudiciais". Outras melhorias em prol da segurança A segurança cibernética é algo que está reinando entre os investimentos da Google, por meio do Programa de proteção avançada Além disso, o Programa de Proteção Avançada traz também várias melhorias de segurança para as contas Google, como o fato de que agora o programa requer duas chaves de segurança física, sendo que uma delas atua como backup. Uma vez que o usuário está inscrito, o programa exige o uso de uma chave, além de uma senha para fazer login, e limita o acesso não apenas ao Gmail, como também a arquivos do Drive, aplicativos do Google e aplicativos de terceiros selecionados. Sendo assim, se um usuário precisar restaurar o acesso à sua conta, há etapas de verificação adicionais para verificar sua identidade. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Programa de Proteção Avançada O programa de proteção avançada da Google protege as contas pessoais de usuários com chances de sofrer ataques direcionados A proposta do programa é fornecer uma série de recursos em prol de uma navegação segura para os usuários. Assim, o programa de proteção avançada é prometido pela própria empresa como a melhor defesa contra phishing com uma chave de segurança: "Até mesmo os usuários mais preocupados com a segurança podem ser enganados por um ataque de phishing sofisticado. Para proteger você dessa ameaça, o Proteção Avançada vai além da verificação em duas etapas tradicional, exigindo que você use uma chave de segurança física, além da senha, para fazer login na sua Conta do Google", conforme consta no blog oficial da Google. Além disso, a limitação de acesso aos dados também é uma medida que a Google sugere em seu blog oficial para que se tenha mais segurança: "Ao se inscrever em novos apps ou serviços, você pode receber uma solicitação de acesso aos dados da sua Conta do Google. Geralmente, isso não representa um risco, mas invasores sofisticados podem comprometer um app ou serviço ou se fazer passar por ele para ter acesso aos seus dados pessoais. Para sua segurança, o Proteção Avançada permite que somente os apps do Google e apps selecionados de terceiros acessem seus e-mails e arquivos do Drive", a empresa escreve. Para se inscrever, você precisará comprar duas chaves de segurança e registrá-las na sua Conta Google. "O Programa Proteção Avançada continuará adicionando novos recursos para ajudar você a estar sempre um passo à frente das crescentes ameaças à segurança". Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Redmi Note 7 é o Xiaomi favorito dos brasileiros e o preço está excelente! Microsoft e Samsung fazem parceria para unir Android e Windows Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Veja Mais

Câmara é Notícia 21h | Cota de mulheres na eleição - 07/08/2019

Câmara é Notícia 21h | Cota de mulheres na eleição - 07/08/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Vingadores: Ultimato, da Marvel, ganha trailer honesto

Vingadores: Ultimato, da Marvel, ganha trailer honesto

Tecmundo Vingadores: Ultimato é o filme do coração de milhões de fãs ao redor do mundo e encerrou, após 10 anos, uma das franquias mais bem sucedidas do cinema mundial. No longa do universo da Marvel, os Vingadores ficaram frente a frente com Thanos, após perder para o Titã Louco em Guerra Infinita, culminando no maior filme de super-herói da história. Agora, o longa recebeu um “Honest Trailer”, produzido pelo canal Screen Junkies!O formato "trailer honesto" do canal satiriza as produções cinematográficas mais populares, sem medo de ofender os fãs. No material de Vingadores: Ultimato, as piadas falam sobre como os heróis consertam as vidas miseráveis das pessoas todos os dias, sobre a impopularidade do beisebol e como as viagens no tempo são as únicas ferramentas capazes de tirar os escritores do filme da prisão em que eles mesmos se colocaram. Leia mais... Veja Mais

Guedes diz que 'cabeça pode até rolar' no Coaf, mas que buscará avanço

O Tempo - Política Segundo auxiliares, presidente está incomodado com o comportamento do comando do órgão em relação à decisão do presidente do STF Veja Mais

Governo vai rever perfil de investimentos do FGTS

Valor Econômico - Finanças Desafio é manter a rentabilidade das cotas do fundo em um ambiente de juros mais baixos Veja Mais

Minha Casa Minha Vida terá um novo formato

Valor Econômico - Finanças Existe intenção relançar programa de habitação social em setembro Veja Mais

Expansão do crédito imobiliário depende do mercado de capitais

Valor Econômico - Finanças Principais fontes de recursos, poupança e FGTS serão insuficientes para atender demanda Veja Mais

Magno Nazaret conquista prata na prova do contrarrelógio no ciclismo do Pan

Superesportes - Mais esportes Com tempo de 46min17seg44, brasileiro só foi superado por colombiano Veja Mais

Brasil é ouro no salto por equipes do hipismo do Pan e se garante em Tóquio-2020

Superesportes - Mais esportes Quarteto brasileiro fatura primeiro lugar no pódio e vaga olímpica Veja Mais

Microsoft e Samsung fazem parceria para unir Android e Windows

Microsoft e Samsung fazem parceria para unir Android e Windows

canaltech Nesta quarta-feira (7), a Samsung fez o lançamento oficial da linha Galaxy Note 10, levando o mundo inteiro a conhecer de fato o novo smartphone e o que chega junto com ele. Uma das novidades anunciadas no evento, que aconteceu em Nova York, nos Estados Unidos, é uma nova parceria entre a Samsung e a Microsoft. O evento contou até com a presença do CEO da Microsoft, Satya Nadella, para falar sobre o que significa essa união. Nadella, que subiu no palco do evento transmitido ao vivo para todo o planeta, falou sobre a união entre as duas empresas: "É um novo capítulo do nosso compromisso de longo prazo para melhorar a produtividade e eliminar a lacuna entre os dispositivos móveis e os PCs". Galaxy Note 10 é a nova aposta da Samsung Na prática, a parceria acontece da seguinte forma: a Samsung está agregando o aplicativo Your Phone da Microsoft em seu Galaxy Note 10, que espelha mensagens de texto do Android, notificações e até mesmo a tela inteira para um PC com Windows 10. Além disso, Samsung também está construindo o suporte de sincronização do OneDrive diretamente para o aplicativo Gallery Android, que verá as fotos sincronizadas diretamente com o serviço de armazenamento na nuvem. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Shilpa Ranganathan, chefe de experiências móveis e inter-dispositivos da Microsoft, também marcou presença no palco para exibir o aplicativo Your Phone. Ranganathan revelou que a Microsoft permitirá que seus usuários façam e recebam chamadas diretamente do computador. “Este é o começo de uma colaboração incrível entre a Microsoft e a Samsung”, Ranganathan declara. Aplicativos Office da Microsoft estão pré-instalados no Galax Note 10 Alguns aplicativos da Microsoft (como Word, Excel, PowerPoint e Outlook) já estão pré-instalados no Galaxy Note 10. Outra novidade é que a Microsoft agora venderá o Galaxy Note 10 em suas próprias lojas de varejo, com os aplicativos integrados. A Microsoft tem uma oferta de pré-encomenda onde pode comprar um Samsung Galaxy Note 10 ou Nota 10 Plus e obter até US$ 150 em crédito Samsung e seis meses em Spotify Premium. Junto com o pacote de aplicativos, a Microsoft diz que também está "lançando uma experiência de usuário atualizada para tablets" para o Outlook no Android, e um novo aplicativo do Outlook para dispositivos Samsung Galaxy no futuro. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Galaxy Note 10 vs Galaxy S10+: quais são as diferenças? Veja Mais

Ministro confirma diretriz da política externa contra conceito de gênero e contra aborto - 07/08/19

Ministro confirma diretriz da política externa contra conceito de gênero e contra aborto - 07/08/19

Câmana dos Deputados A polêmica criada em torno das recentes instruções dadas ao corpo diplomático no sentido de vetar nos textos e resoluções da ONU expressões relativas a gênero, feminismo e saúde reprodutiva foi objeto de uma audiência pública na Comissão de Seguridade Social e Família, com a presença do chanceler Ernesto Araújo. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Marvel garante ter controle criativo sobre Deadpool, X-Men e Quarteto

Marvel garante ter controle criativo sobre Deadpool, X-Men e Quarteto

Tecmundo O presidente e CEO da Disney, Bob Iger, confirmou que as três principais franquias de heróis que estavam sob domínio da 20th Century Fox agora fazem "parte do Marvel Studios". Deadpool, X-Men e Quarteto Fantástico ficaram sob controle criativo de Kevin Feige, presidente do Marvel Studios, conforme revelado por Iger durante uma teleconferência de resultados trimestrais da Disney.Feige afirmou estar animado com a possibilidade de trabalhar com os personagens dessas franquias nos próximos filmes do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU). "Estou animado, e não são apenas os nomes que você conhece - existem ainda centenas de outros nomes naqueles personagens", disse ele, referindo-se aos derivados.Leia mais... Veja Mais

Ameaça de ataque à sede do Twitch deixa a polícia em estado de alerta

Ameaça de ataque à sede do Twitch deixa a polícia em estado de alerta

canaltech Nesta quarta-feira (7) uma ameaça de atentado fez com que a polícia de San Francisco estivesse presente durante toda a manhã na sede do Twitch, famosa plataforma de transmissão de jogos via streaming, para evitar que uma nova tragédia acontecesse. De acordo com o Departamento de Polícia de San Francisco, eles ficaram sabendo da ameaça inicialmente na noite de terça-feira (6), e então a mesma ameaça foi republicada na manhã desta quarta nas redes sociais, junto com uma outra postagem que alegava se tratar de algo real. De acordo com o policial que esteve no local, até o momento, não há nenhuma ameaça real para a empresa e seus funcionários, mas as autoridades continuarão investigando o caso. De acordo com o Twitch, a cúpula da empresa já estava ciente das ameaças desde a terça-feira também e, por isso, deu a seus funcionários a liberdade de trabalharem de casa nesta quarta. Ainda que ninguém tenha revelado exatamente qual foi a natureza dessas ameaças, funcionários da companhia revelaram que se tratava de um possível atirador. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Dentre as companhias de serviços de vídeo para internet, o Twitch é a vítima mais recente a sofrer com esse tipo de ameaça. Em 2018, o YouTube foi atacado por um atirador insatisfeito com as mudanças na política de uso da plataforma. O caso do Twitch ganha notoriedade principalmente pelo timing, já que no último final de semana duas chacinas com armas de fogo mataram cerca de 30 pessoas e deixaram outros cinquenta feridas nas cidades de El Paso e Dayton, o que fez com que o presidente Donald Trump culpasse o excesso de violência dos jogos por tais tragédias. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Galaxy Note 10 vs Galaxy S10+: quais são as diferenças? Veja Mais

Site compara custo de vida entre cidades do mundo inteiro

Site compara custo de vida entre cidades do mundo inteiro

canaltech Você já se questionou sobre o custo de vida em cidades de outros países lugares do mundo, como o Japão ou a França? Os desenvolvedores de um site chamado Expatistan tiveram em mente essa exata questão e decidiram trazer à tona um comparador, capaz de não só informar quanto custa para morar em outra cidade, como também colocar duas delas, lado a lado, para que se possa chegar à conclusão de qual é a mais cara para morar. O site, que está disponível apenas em inglês ou espanhol, conta com mais de 2,3 mil cidades em seu banco de dados, distribuídas em 227 países. Para que as informações sobre o custo de vida dessas cidades fosse as mais precisas possível, o comparador teve a contribuição de mais de 328 mil usuários em torno de itens como moradia, alimentação, vestuário, saúde, transporte e entretenimento. "O que nos torna únicos é que coletamos os preços que usamos para calcular nosso índice de custo de vida de visitantes como você. Naturalmente, quanto mais dados forem inseridos, mais preciso será o índice e os cálculos", explica a página, que convida o visitante a inserir os dados sobre a cidade em que vive. Como funciona o Expatistan Para verificar se uma cidade é mais cara de se morar do que outra, a plataforma conta com duas barrinhas de pesquisa que devem ser preenchidas com o nome das cidades a serem comparadas. Depois de preenchê-las, basta clicar em "Compare!" que a plataforma te redireciona para outra página. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- O site pede para colocar as duas cidades para fazer a comparação (Foto: Captura de tela/Expatistan) Redirecionado, o visitante se depara com a conclusão que o site tira depois de comparar inúmeros fatores entre as duas cidades, analisando cada categoria. No caso da comparação entre Paris e São Paulo, por exemplo, o Expatistan aponta que a alimentação em Paris é 89% mais cara que em São Paulo, e conclui que morar na capital francesa é 62% mais caro. O site analisa itens como moradia, alimentação, vestuário, saúde, transporte e entretenimento (Foto: Captura de tela/Expatistan) A proposta do Expatistan, no geral, é ajudar alguém que está planejando fazer uma mudança. Outro recurso do site em questão é dizer quanto uma pessoa precisa por mês para morar em determinada cidade. Para a realização desse cálculo, a página pede algumas informações, como a cidade em que você está morando atualmente, a cidade para a qual deseja se mudar e o salário líquido atual.  Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo TEM CUPOM | Smart TV Philco de 49 polegadas por apenas R$ 1.257 Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Veja Mais

As manobras que disfarçam a desigualdade salarial entre homens e mulheres

G1 Economia Todas as empresas do Reino Unido com 250 funcionários ou mais têm que publicar um relatório anual de remuneração por gênero. Mas alguns fatores podem mascarar a escala do desequilíbrio salarial. Jornalista em Londres, Kate (nome fictício) já vinha pensando em deixar seu emprego em um jornal de circulação nacional no Reino Unido. Em fevereiro, finalmente tomou a decisão depois de receber uma oferta de uma empresa muito maior que quase dobraria seu salário. O aumento salarial foi, sem dúvida, um grande diferencial, mas a relutância de seus ex-empregadores em publicar as diferenças salariais entre homens e mulheres também era motivo de incômodo. A disparidade salarial entre homens e mulheres é a diferença nos salários médios pagos a representantes do sexo masculino e feminino. Ela é influenciada por múltiplos fatores: mulheres passando a trabalhar meio período para cuidar dos filhos, homens subindo mais rápido e tendo menos interrupções de carreira, bem como - em alguns casos - discriminação direta. Desde 2017, todas as empresas do Reino Unido com 250 funcionários ou mais são obrigadas a publicar um relatório anual de diferenças salariais entre homens e mulheres, estabelecendo a média e a mediana de salário para cada gênero, bem como informações sobre bônus e discriminação de cada gênero em diferentes grupos salariais. Diretrizes abarcam todos os setores, não deixando dúvidas sobre quais funcionários devem ser contados, mas algumas empresas parecem ter identificado maneiras de contornar a legislação. Kate, que é natural da Irlanda, diz que, embora fosse pequena, sua antiga empresa empregava dezenas de freelancers e trabalhadores informais. Se todos os terceirizados fossem contratados, diz ela, o número de funcionários certamente atingiria os 250. "Pessoalmente, senti como que, se não denunciasse, a empresa estaria se esquivando da lei e não me sentiria bem comigo mesmo", diz. "A mídia tem dado bastante cobertura ao assunto; por isso, ao não agir de acordo com o que dizem acreditar, eles estão realmente comprometendo sua própria integridade." A BBC prometeu reduzir a zero a disparidade salarial entre homens e mulheres até 2020, mas informou que, em 2018, pagou às mulheres 8,4% menos do que aos homens, contra 10,7% no ano anterior. A diferença média de remuneração foi de 7,6%, frente a 9,3% em 2017. Ativistas na Marcha das Mulheres 2018 protestam pelos direitos das mulheres no mercado de trabalho Getty Images Problema global As novas diretrizes do Reino Unido seguem as medidas implementadas por outros países para coibir a desigualdade salarial entre gêneros. As nações escandinavas foram pioneiras. Na Noruega, as declarações de impostos de renda (e, portanto, informações sobre salários) estão disponíveis ao público há anos, enquanto, em 2018, a Islândia se tornou o primeiro país do mundo a estabelecer regras para impor legalmente a igualdade salarial. Na Austrália, o partido de oposição prometeu introduzir uma legislação semelhante à do Reino Unido. No Brasil, a legislação garante a igualdade salarial entre homens e mulheres na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) desde 1943. Globalmente, o quadro continua sombrio: de acordo com o relatório global sobre a desigualdade de gênero do Fórum Econômico Mundial, publicado em dezembro de 2018, a diferença salarial entre homens e mulheres no ano passado era de 51%. No ritmo atual, seriam necessários 202 anos para que as mulheres ganhassem o mesmo que os homens e tivessem as mesmas oportunidades de emprego. Quando foram divulgados no início de abril, os últimos dados sobre as disparidades salariais no Reino Unido não apresentaram melhora significativa na comparação anual - a diferença salarial média passou de 9,7% para 9,6%. No entanto, o problema é muito mais profundo: empresas do Reino Unido estão fazendo suas próprias auditorias e há inúmeras brechas que podem ser exploradas para disfarçar a extensão do desequilíbrio salarial. Heejung Chung, da Escola de Política Social da Universidade de Kent, no Reino Unido, diz que um dos grandes problemas está relacionado à terceirização. Grandes instituições, como universidades, tendem a ter contratos de terceirização para serviços como limpeza. "Muitas vezes esses funcionários são mal pagos e frequentemente do sexo feminino", diz Chung. Se fossem incluídos como empregados, a disparidade salarial entre homens e mulheres certamente aumentaria, acrescenta ela. Helene Reardon Bond, ex-diretora de igualdade de gênero do governo do Reino Unido, diz que ouviu consultorias aconselhando empregadores a criar novas entidades legais "para que as empresas possam acomodar seus negócios de acordo com seus interesses". Em outras palavras: departamentos onde os salários são menores são registrados como outras pessoas jurídicas. Também não existem medidas para impedir que as empresas se dividam em várias entidades menores, com menos de 250 funcionários, isentando-as de precisar publicar quaisquer dados sobre diferenças salariais entre homens e mulheres. Empresas do Reino Unido estão fazendo suas próprias auditorias e há inúmeras brechas que podem ser exploradas para disfarçar a extensão do desequilíbrio salarial Getty Images Contracheques inadequados No ano passado, consultorias e escritórios de advocacia foram criticados por argumentar que seus empregados com os salários mais altos, em sua maioria do sexo masculino, eram "proprietários" e não "funcionários", tirando-os, portanto, dos cálculos de diferenças salariais. Posteriormente, as empresas cederam à pressão do governo e reatualizaram seus números, passando a incluir os salários dos sócios. Mas algumas ainda têm consultores altamente remunerados que não aparecem na folha de pagamento. O argumento é que eles são terceirizados. Em um nível mais básico, mesmo depois de os dados terem sido registrados, os mecanismos para verificar sua autenticidade são muito limitados. Uma investigação realizada pelo Financial Times em 2018 mostrou que um em cada 20 relatórios sobre diferenças salariais entre gêneros era estatisticamente improvável e, portanto, provavelmente impreciso. Por exemplo, 16 empresas originalmente declararam pagar a homens e mulheres salários idênticos. Várias - incluindo a grife Hugo Boss - foram obrigadas a revisar seus números. No Reino Unido, cabe à Comissão de Igualdade e Direitos Humanos a tarefa de fiscalizar a aplicação da legislação, mas Bond diz que os poderes da comissão são "bastante ultrapassados para este tipo de processo e exigências de publicação". Charles Cotton, conselheiro sênior de remuneração e recompensas do Chartered Institute of Personnel and Development do Reino Unido, que assessora o governo sobre questões legais como salários, demissões e pensões, diz que ainda não viu evidências de empresas manipulando ativamente seus números. Apesar disso, diz estar preocupado com a veracidade das estatísticas. É fácil cometer erros nos relatórios, diz ele, particularmente "se os dados forem divididos em folha de pagamento, pessoas e sistemas financeiros que não se comunicam entre si". Mas alguns críticos dizem que as empresas podem estar apenas se comprometendo verbalmente com a lei. No ano passado, quando o governo britânico anunciou que não estenderia as exigências de relatórios de desigualdade salarial entre homens e mulheres para empresas menores, a deputada Rachel Reeves disse que continuaria "a pressionar as empresas (...) para garantir que os dados reportados sejam relevantes". Soluções É muito mais fácil implementar sanções se uma empresa não está fazendo nada para melhorar a diversidade - por exemplo, quando o corpo de executivos é formado apenas por homens. É aí que a mudança - embora a um ritmo bem devagar - parece estar acontecendo. Dezenas de grandes investidores, particularmente gestores de ativos na França como Axa, Amundi e BNP Paribas Asset Management, se concentraram nos últimos anos em fundos socialmente responsáveis não investem em empresas que vendem álcool e tabaco, promovem jogos de azar, estão envolvidas indiretamente em conflitos armados ou contribuem para a degradação ambiental. E a diversidade pode ser a próxima fronteira quando se trata dos parâmetros éticos para os investimentos. Em fevereiro, a Hermes Investment Management, com sede no Reino Unido, que administra mais de 33 bilhões de libras (R$ 165 bilhões) em ativos, disse que seria mais rigorosa a investir em empresas que não se comprometam com a igualdade salarial entre os gêneros. Outros fundos de investimento poderiam seguir o exemplo. Cotton, da CIPD, aponta para a Alemanha e a França como países que dão exemplos positivos quando se trata de melhorar a transparência e, assim, efetuar mudanças. "Na Alemanha, todos os funcionários podem solicitar uma comparação salarial contra seis funcionários comparáveis do sexo oposto", explica ele. "As pessoas podem ir à Justiça se acreditarem que foram discriminadas. Até o momento, houve relativamente poucas solicitações de funcionários, mas é provável que isso mude à medida que mais pessoas se conscientizem desse dispositivo legal". Como no Reino Unido e no Brasil, é ilegal na Alemanha pagar salários diferentes para homens e mulheres pelo mesmo trabalho. Mas discrepâncias facilitadas por uma cultura de sigilo de pagamento ainda existem e são um fator que contribui para a disparidade salarial entre homens e mulheres. Enquanto isso, na França, empresas com mais de 1 mil funcionários recebem uma pontuação de zero a 100 com base em critérios que incluem diferença salarial e taxas de promoção. Os empregadores com pontuação abaixo de 75 recebem um prazo de três anos para melhorar seu status. Se não o fizerem, têm de pagar uma multa equivalente a 1% da sua folha de pagamento. A França também anunciou que lançará um software especial para monitorar as folhas de pagamento corporativas por diferenças salariais entre homens e mulheres. Bond diz que são os países escandinavos que "se destacam com auxílio-creche universal, excelentes pacotes de licença maternidade e paternidade". Isso importa, diz ela, porque a diferença salarial entre homens e mulheres se torna mais pronunciada quando o casal decide começar uma família. As políticas na Suécia incentivam os pais a também interromper a carreira para cuidar das crianças. Veja Mais

Prejuízo da CPFL sobe para R$ 38,5 milhões no 2º trimestre

R7 - Economia A CPFL Renováveis (CPRE3) apresentou prejuízo líquido de R$ 38,5 milhões no segundo trimestre do ano, segundo mostra o relatório divulgado pela companhia nesta quarta-feira (7). Com isso, a perda teve acréscimo de R$ 1,9 milhão em comparação ao prejuízo de R$ 36,5 milhões no mesmo período de 2018. No semestre, a companhia registrou prejuízo […] Veja Mais

Twitter diz que falha pode ter permitido uso indevido de dados para publicidade

Twitter diz que falha pode ter permitido uso indevido de dados para publicidade

canaltech Empresas parceiras do Twitter podem ter usado indevidamente dados de usuários para propaganda, sem o consentimento dos mesmos. Mas calma, não estamos falando efetivamente de um novo caso como o do Facebook e Cambridge Analytica, mas de um erro da plataforma. Em um post publicado em seu blog oficial, a empresa informou sobre o ocorrido, abrindo que companhias terceirizadas podem ter usado informações mesmo que usuários não tenham dado permissão para isso. O problema data de maio de 2018. Usuários que clicaram ou viram quaisquer posts publicitários na rede social desde o ano passado podem ter compartilhado dados com parceiros da companhia, voltados à mensuração de informações e performance de campanhas de publicidade. Dentre os dados que podem ter sido acessados, estão código de localidade do país, informações sobre a publicidade, além de como e quando o usuário interagiu com aquela peça (normalmente um post pago). O Twitter informa que estes dados não incluem credenciais como senhas e e-mails dos adeptos da plataforma. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- “Nós arrumamos o problema em 5 de agosto de 2019. Entendemos que você queira saber se seus dados pessoais foram afetados e quantas pessoas foram envolvidas. Nós ainda estamos conduzindo uma investigação para descobrir quem pode ter sido impactado e, quando soubermos mais sobre isso, vamos compartilhar”, disse a companhia no texto publicado no blog. Há alguma coisa a ser feita do lado do usuário? A própria companhia disse que não. “O que você pode fazer? Além de checar suas configurações de privacidade, nós acreditamos que não há nada a ser feito”, abre a empresa. Ser transparente com o usuário é uma das exigências da General Data Protection Regulation, série de regras da União Europeia sobre privacidade e segurança com dados de usuários. Contudo, isso não exime o Twitter se ser penalizado sobre o caso. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo TEM CUPOM | Smart TV Philco de 49 polegadas por apenas R$ 1.257 Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Veja Mais

Ricardo Salles fala sobre mudanças na gestão do fundo da Amazônia - 07/08/19

Ricardo Salles fala sobre mudanças na gestão do fundo da Amazônia - 07/08/19

Câmana dos Deputados O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, veio à audiência conjunta das Comissões de Integração Nacional e de Meio Ambiente. O assunto foi o fundo da Amazônia. Os parlamentares pediram esclarecimentos sobre mudanças realizadas na gestão e nas regras de utilização dos recursos do fundo Amazônia. E também sobre declarações de inconsistências encontradas em projetos financiados pelo fundo. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

TCU faz alerta ao governo: pagamento de bônus de eficiência a auditores pode infringir lei

G1 Economia Segundo o TCU, se o pagamento continuar sendo feito sem medidas para compensar o gasto, o governo pode estar infringindo a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou nesta quarta-feira (7) um alerta ao ministro da Economia, Paulo Guedes, que a área técnica da corte encontrou problemas no pagamento do chamado bônus de eficiência para auditores da Receita Federal e do Trabalho. Segundo o TCU, se o pagamento continuar sendo feito sem medidas para compensar o gasto, o governo pode estar infringindo a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Criado por medida provisória em dezembro de 2016, o bônus por produtividade foi transformado em lei em 2017 e fez parte do acordo de reajuste salarial das categorias. Como a lei sobre o bônus não foi regulamentada, o governo está pagando um valor fixo mensal de R$ 3 mil para auditores e de R$ 1,8 mil para analistas. “Eu propus um alerta em regime cautelar para que o ministro da Economia tome conhecimento de que a continuidade desse pagamento – sem que haja uma medida compensatória que possa impactar no orçamento da União em um valor correspondente a esse gasto com o pagamento – equivale a uma infração à Lei de Responsabilidade Fiscal”, disse o ministro Bruno Dantas, autor da proposta. Em 2017, a despesa custou aos cofres públicos cerca R$ 1,324 bilhão, e em 2018, R$ 911 milhões. No exercício de 2019, até abril, foram pagos R$ 315 milhões em bônus, informou o TCU. Para o ministro, o governo vai se preocupar ao receber o alerta do TCU e, caso não consiga cortar despesas ou aumentar receitas para compensar o pagamento do bônus, cortará o pagamento. “Nós sabemos que o governo, ao receber esse alerta, ele vai se preocupar e, eventualmente, se tiver que cortar o benefício, o governo terá que assumir essa responsabilidade”, disse Dantas. Pedido de vista A cautelar foi proposta depois que o processo que analisaria o pagamento desses bônus ter sido retirado de pauta após pedido de vistas do ministro Raimundo Carreiro. Em seu voto, o ministro Bruno Dantas chegou propor um prazo de 30 dias para que o Ministério da Economia adotasse as medidas econômicas compensatórias para continuar com o pagamento do bônus. Na proposta de acórdão, o ministro Dantas ainda propunha um alerta à Presidência da República de que o pagamento do bônus pode impactar as contas do primeiro ano da gestão do presidente Jair Bolsonaro. “Em junho do ano que vem, nós analisaremos suas [do presidente] contas e certamente o pagamento desse bônus impactará a apreciação”, disse o ministro em seu voto. Dantas é relator das contas de 2019. Anualmente o TCU elabora um parecer sobre as contas do governo recomendando ao Congresso a aprovação ou rejeição das contas. Veja Mais

COMISSÃO MISTA DE ORÇAMENTO - Reunião Deliberativa - 07/08/2019 - 14:59

COMISSÃO MISTA DE ORÇAMENTO - Reunião Deliberativa - 07/08/2019 - 14:59

Câmana dos Deputados Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização - Reunião Deliberativa Veja Mais

Superman ganha conta oficial no Twitter

Superman ganha conta oficial no Twitter

Tecmundo A DC finalmente completou a Santíssima Trindade dos Super-Heróis no Twitter. O primeiro da lista foi Batman, logo depois veio a Mulher-Maravilha e, em seguida, o Superman. E não é que os heróis estão mesmo nas redes sociais? Lá é postado toda e qualquer nova informação sobre eles, como se realmente fosse uma página pessoal.Na descrição do perfil é possível checar a biografia e saber um pouco mais sobre o Homem de Aço:Leia mais... Veja Mais

Darlan Romani bate recorde no arremesso de peso e fica com o ouro no Pan

Superesportes - Mais esportes Brasileiro vence prova com maior marca das Américas: 22,07m Veja Mais

Maduro abandona negociação com oposição após sanções dos EUA

O Tempo - Mundo Equipe está Barbados e se preparava para seguir o diálogo nos próximos dias com os representantes de Guaidó Veja Mais

Hugo Calderano bate chinês naturalizado, leva o ouro e vai a Tóquio 2020

Superesportes - Mais esportes Brasileiro fatura o bicampeonato no tênis de mesa no Pan Veja Mais

MANO MENEZES NÃO É MAIS TÉCNICO DO CRUZEIRO! Veja coletiva ao vivo

MANO MENEZES NÃO É MAIS TÉCNICO DO CRUZEIRO! Veja coletiva ao vivo

Fox Sports Brasil Após derrota no primeiro jogo da semifinal para o Internacional, Mano Menezes em comum acordo com a diretoria, deixa o cargo de técnico do Cruzeiro após três anos. Quer saber tudo sobre esporte? Acesse nosso site! http://www.foxsports.com.br Baixe o APP FOX Sports! http://bit.ly/yt_cnbra ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #Internacional #Cruzeiro #CopaDoBrasil Veja Mais

Vazam informações sobre a tela e especificações do Google Pixel 4

Vazam informações sobre a tela e especificações do Google Pixel 4

canaltech Os Pixel 4 e Pixel 4 XL da Google são dois dos smartphones mais aguardados para 2019, e várias informações sobre eles já circulam na internet. Todavia, ainda havia certos detalhes que permaneciam nas sombras, aguçando a curiosidade do mercado. Mas, de acordo com o 9to5google, uma “fonte confiável” revelou recursos muito interessantes, que incluem características como a taxa de atualização de 90 hz no display. O site informa que o Pixel 4 e o Pixel 4 XL terão, respectivamente, 5,7 e 6,3 polegadas de tela OLED - o que está de acordo com vazamentos anteriores -, de forma que o menor irá contar com uma resolução Full HD +, enquanto o maior será Quad HD +. Essas telas virão com uma frequência de 90 Hz, cuja tecnologia será carinhosamente apelidada de "Smooth Display" (tela suave, em tradução literal) pela gigante das buscas. Caso a informação seja real, isso significa que o Pixel 4 e 4 XL irão se juntar a dispositivos como o OnePlus 7 e o Razer Phone 2, que também contam com essa taxa de atualização. A linha Pixel vem sendo bastante elogiada pela qualidade das fotos capturadas por suas lentes e, pelo visto, elas podem acabar ficando ainda melhores, já que a fonte teria dito que os eletrônicos deste ano virão com dois sensores de imagem na parte traseira. Um deles terá 12 MP com um foco automático e detecção de faces, enquanto o outro será uma lente telefoto de 16 MP. Outro detalhe interessante é que a Google estaria desenvolvendo um acessório com funções semelhantes a uma câmera DSLR para o Pixel 4, que pode ser lançado junto com o aparelho. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Tanto o Pixel 4 quanto a sua versão maior serão alimentados com o chipset Snapdragon 855 e baterias de, respectivamente, 2.800 mAh e 3.700 mAh, em conjunto com 6 GB de RAM e 64 GB ou 128 GB de armazenamento. Como de costume, eles ainda contarão com a presença de alto-falantes estéreo e o módulo de segurança Titan M, que foi introduzido no Pixel 3 para entregar maior proteção aos dados do usuário. Vale lembrar que, apesar de o 9to5google afirmar que foi uma fonte confiável que trouxe essas informações, nada foi confirmado pela Google, e resta a nós esperarmos até outubro, quando irá ocorrer o evento anual da empresa e, muito provavelmente, onde serão apresentados os novos smartphones. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Redmi Note 7 é o Xiaomi favorito dos brasileiros e o preço está excelente! Veja Mais

Banco Pan vê melhora no crédito no segundo trimestre

Valor Econômico - Finanças Originação de crédito consignado, financiamento de veículos e cartões cresceu 19%, para R$ 1,614 bilhão Veja Mais

Novo recurso do Google Imagens traz painel lateral com mais detalhes

Novo recurso do Google Imagens traz painel lateral com mais detalhes

canaltech Se você pesquisou qualquer imagem no Google desde a terça-feira (6), acabou se deparando com uma mudança notável. Trata-se de um novo painel lateral, cuja proposta é trazer os detalhes em torno da imagem selecionada. Enquanto o grupo de imagens que aparecem primeiro na pesquisa tomam conta da parte esquerda da tela, o painel detalhado fica à direita. O novo painel, que abre quando a imagem dentre as pesquisadas é selecionada, foi completamente pensado para ser funcional e aperfeiçoar a pesquisa do usuário. A razão pela qual ele é completamente preto, por exemplo, é que não só as informações ficam em destaque, como também o painel acaba não se misturando de forma alguma com a página do Google, que é completamente branca, e não traz à tona nenhum tipo de confusão visual. Este novo design permite aos usuários comparar imagens de forma mais rápida. Além disso, o design também substitui o menu suspenso anterior, o que dificultou a volta às imagens que já foram abertas anteriormente. O painel à direita traz informações importantes como o local de origem da foto, imgens relacionadas e links externos "É importante ressaltar que ele fica ali enquanto você rola, permitindo comparar facilmente as imagens com outras na página. Faça isso quantas vezes quiser, sem perder de vista o que você viu; Basta apertar o botão 'Voltar' para trazer a última imagem que você clicou", a Google explica em seu blog oficial, voltado aos anúncios de novidades em torno do mecanismo de pesquisa. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Vale ressaltar que uma característica muito interessante dessa nova forma de pesquisa visual é que ela é ideal principalmente para os usuários que planejam fazer compras, uma vez que os produtos que aparecem nas Imagens do Google agora listam marca, preço, disponibilidade e comentários no painel lateral. Enquanto isso, imagens relacionadas sob legendas de recursos ajudam o internauta a saber para onde está indo antes mesmo de clicar. O Google Imagens observa também a maneira como os varejistas e editores se beneficiarão de pessoas com maior probabilidade de visitar uma página da Web para obter informações para ajudá-los com uma tarefa, ou para comprar um produto em seu site: "Os desenvolvedores podem aprender mais sobre como garantir que as informações de marca, preço, classificação e disponibilidade apareçam nas imagens dos produtos", aponta a empresa no anúncio em seu blog. Google Imagens em smartphones Um mecanismo na parte superior da página permite que o usuário retorne a qualquer momento para as buscas (Foto: 9to5 Google) O Google Imagens tem passado por uma série de atualizações nos últimos meses, para falar a verdade. Uma das mais recentes foi a criação de um recurso otimizado para os usuários de smartphones, contendo a página de origem da foto, que fica na parte inferior, e pode ser visitada a qualquer momento. Com essa mudança, o usuário tem em vista a prévia do cabeçalho do site, com o nome e o logotipo, e uma barra superior com a URL com atalhos para mais informações e compartilhamento, no maior estilo swipe to visit (deslizar para visitar). O recurso de swipe to visit foi anunciado pela primeira vez em maio deste ano, durante a Google I/O 2019, evento anual que a empresa organiza destinado a desenvolvedores, cuja proposta é anunciar algumas das principais novidades da empresa para o ano em questão. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Cientistas descobrem como tornar Marte habitável para seres humanos Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Redmi Note 7 é o Xiaomi favorito dos brasileiros e o preço está excelente! Veja Mais

Chaves online: agora você pode assistir ao programa pelo Amazon Prime Video

Chaves online: agora você pode assistir ao programa pelo Amazon Prime Video

Tecmundo Isso, isso, isso! Chaves, seriado mexicano de grande sucesso no Brasil, está disponível na Amazon Prime Video. O site lançou em seu catálogo todas as temporadas dos personagens da vila.Exibido na televisão brasileira há mais de 30 anos, Chaves possui sete temporadas e 298 episódios. Com a novidade, é possível assistir aos seus episódios favoritos onde e quando quiser, basta ter uma conta na plataforma.Leia mais... Veja Mais

O acidente espacial que espalhou milhares de animais microscópicos da Terra na Lua

Glogo - Ciência Acredita-se que os pequenos animais chamados tardígrados sobreviveram a um pouso forçado na Lua. Para pesquisadores, tardígrados estão mais próximos das minhocas do que dos insetos Kazuharu Arakawa and Hiroki Higashiyama A Lua pode ser o novo lar de milhares de indivíduos considerados como alguns dos mais indestrutíveis do planeta Terra. Os tardígrados - frequentemente chamados de ursos da água - são criaturas com menos de um milímetro de comprimento que podem sobreviver a temperaturas de 150ºC e congeladas até quase zero absoluto. Eles estavam viajando em uma espaçonave israelense que se acidentou ao pousar na Lua em abril. E o cofundador da organização que os colocou lá acredita que eles ainda estejam vivos. Os ursos da água foram desidratados, colocados em animação suspensa e depois envoltos em âmbar artificial. "Acreditamos que as chances de sobrevivência para os tardígrados são extremamente altas", disse Nova Spivack, chefe da Arch Mission Foundation. A Arch Mission Foundation mantém uma espécie de "backup" do planeta Terra - com o conhecimento humano e a biologia do planeta armazenados e enviados para vários locais do espaço no caso de a vida ser extinta por aqui. A "biblioteca lunar" - algo parecido com um DVD que contém um arquivo de 30 milhões de páginas da história dos seres humanos visível sob microscópios, assim como o DNA humano - foi levada à Lua pelo robô Beresheet. E, ao lado de tudo isso, estavam os tardígrados desidratados - havia alguns em âmbar e outros presos em uma fita. Chances de sobrevivência Para a maioria das criaturas, não haveria volta para o estado de desidratação - a vida sem água é quase impossível. Os tardígrados podem passar até décadas desidratados e depois serem trazidos de volta à vida. Os cientistas descobriram que eles têm o que se assemelha quase a um super poder. Quando secos, eles retraem a cabeça e as oito patas, se encolhem em uma minúscula bola e entram em um estado profundo de animação suspensa parecido com a morte. Eles perdem quase toda a água do corpo e seu metabolismo diminui para 0,01% da taxa normal. E, caso sejam reintroduzidos na água décadas mais tarde, podem se reanimar. Os tardígrados foram os primeiros animais a sobreviver sem proteção no espaço, em 2007, e esse feito fez deles candidatos perfeitos para a biblioteca lunar do Arch Mission. "Os tardígrados são ideais porque são microscópicos, multicelulares e uma das formas mais duráveis ​​de vida no planeta Terra", disse Nova. Mesmo que esse seres tenham sobrevivido ao impacto na Lua, esse fato pode não ser tão bom assim, segundo alguns especialistas. "O que isso significa é que o chamado 'ambiente intocado' da Lua foi quebrado", disse Monica Grady, professora da Open University. Quando as espaçonaves saem da Terra, elas são obrigadas pelo Tratado do Espaço Exterior a não contaminar seu ambiente. "Você pode dizer que foi quebrado em 1969 quando Neil Armstrong e Buzz Aldrin estavam lá, o que é verdade, mas desde então nos tornamos muito mais conscientes de como devemos preservar esses corpos planetários", disse. "Não acho que alguém tenha permissão para distribuir tardígrados desidratados sobre a superfície da Lua. Então, isso não é uma coisa boa." Se os tardígrados estão na Lua, é muito improvável que eles possam voltar à vida sem serem reintroduzidos na água. Mas seria teoricamente possível que os tardígrados fossem coletados, trazidos de volta à Terra, reanimados e estudados. Ainda assim, é bom pensar que da próxima vez que você olhar para a Lua, pode haver milhares de ursos de água (desidratados) ali. Initial plugin text Veja Mais

Multilaser amplia linha de drones com cinco novos modelos

Multilaser amplia linha de drones com cinco novos modelos

canaltech O mercado de drones está cada vez maior no Brasil, e isso pode ser visto principalmente nos dados divulgados pelo SISANT (Sistema de Aeronaves Não Tripuladas, que pertence à ANAC - Agência Nacional de Aviação Civil), com 71.561 drones cadastrados — um aumento de 55,3% em 12 meses. Por isso, não é de se espantar que esse produto seja a aposta de grandes empresas, como a Multilaser, que acabou de anunciar cinco novos modelos: Fun, Fun Move, Bird, Hawk, Shark e Fenix GPS. Confira as informações gerais sobre os cinco modelos: Fun O drone Fun da Multilaser tem o preço sugerido de R$ 219,90 (Foto: Divulgação/Multilaser) O drone Fun se destaca pelo preço mais acessível do grupo de novos modelos (R$ 219,90). O produto conta com alcance de voo de até 50 metros, autonomia de até 6 minutos e função Flip 360°, com a promessa de que o usuário pode realizar várias manobras. Além disso, o drone também possui luz frontal e suporte de pouso para ter mais segurança na hora de pousar. Além disso, há recursos como o autoretorno, que possibilita o usuário trazer o drone para próximo do controle. O Fun também possui modo headless, com opção de acompanhar exatamente o movimento do botão analógico do controle. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Fun Move O Fun Move se destaca pelo controle exclusivo sem fio com sensor de movimento (Foto: Divulgação/Multilaser) Por sua vez, o modelo Fun Move é um pouco mais caro que o apresentado anteriormente, com preço sugerido de R$ 259,90. O drone em questão possui controle exclusivo sem fio com sensor de movimento, para o usuário controlar todas as suas funções a partir de gestos das mãos. Ele tem ainda autonomia de até 7 minutos, alcance de voo de até 50 metros, função Flip 360° fazer manobras no ar, estabilizador de voo e resistência para evitar tanto as colisões, quanto danos. Bird O bird possui câmera HD de 5 megapixels (Foto: Divulgação/Multilaser) A característica que mais se destaca no modelo Bird é a câmera HD de 5 megapixels e o cartão de memória de 32 GB. Além disso, o drone também possui alcance de voo de até 80 metros de distância, autonomia de 22 minutos, função Flip 360°, autoretorno, estabilizador de voo, modo headless e suporte de pouso. Seu preço sugerido é de R$ 399. Shark O FPV é a principal característica do Shark (Foto: divulgação/Multilaser) Assim como o Bird, o Shark também se destaca pela câmera com resolução HD e função FPV (First Person View) para que o usuário veja, em tempo real, através do celular, o que o drone está filmando. Outras características do modelo incluem alcance de até 80 metros, autonomia de até 20 minutos de voo, corpo dobrável para facilitar o transporte, estabilizador de voo para manter a altitude e pouso automático ao perder o sinal do controle. Custa R$ 599,90. Fenix GPS O Fenix GPS também conta com câmera HD de 5 megapixels (Foto: divulgação/Multilaser) O último modelo da nova safra da Multilaser é intitulado Fenix GPS, e conta com câmera HD de 5 megapixels e cartão de memória de até 32 GB. Ele também possui autonomia de voo de até 16 minutos, alcance de até 300 metros, função Follow Me, que faz com que o drone siga os passos do piloto, autoretorno em caso de pouca bateria, estabilizador de voo e Dual GPS integrado para pilotar sem interferências. É o produto mais caro dos cinco, com preço sugerido de R$ 999. "Com o lançamento desses cinco novos modelos, com as mais variadas faixas de preços, buscamos atingir diversos públicos e perfis de consumidores, desde aquele que nunca teve drone, como os que são ávidos por tecnologias de ponta", afirma Caio Dias, Gerente de Produtos da empresa. "A ideia da Multilaser é ampliar o portfólio de drones com tecnologias como estabilizador de voo, auto decolagem e pouso, recursos como o follow me, autoretorno e câmera ajustável com resolução HD", completa. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Galaxy Note 10 vs Galaxy S10+: quais são as diferenças? Veja Mais

A Voz do Brasil - 07/08/2019

A Voz do Brasil - 07/08/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

CPI do BNDES ouve sócio do frigorífico Bertin - 07/08/19

CPI do BNDES ouve sócio do frigorífico Bertin - 07/08/19

Câmana dos Deputados Empresário do setor de alimentação presta depoimento na CPI das práticas ilícitas no âmbito do BNDES, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. Silmar Bertin foi convocado para esclarecer detalhes sobre a participação do BNDES na aquisição do frigorífico Bertin pelo o grupo JBS. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Lucro da SulAmérica cresce 92,6% no segundo trimestre

Valor Econômico - Finanças O lucro líquido atribuído aos controladores da seguradora foi de R$ 260,8 milhões, no período Veja Mais

Time for Fun tem prejuízo de R$ 18,2 milhões no 2º tri mesmo realizando mais eventos

R7 - Economia A Time for Fun (SHOW3) encerrou o segundo trimestre do ano com prejuízo de R$ 18,2 milhões, de acordo com o resultado financeiro divulgado pela empresa nesta quarta-feira (7). A receita líquida passou de R$ 71,7 milhões acumulados entre abril e junho de 2018 para R$ 132,4 milhões, alta de 85%. O Ebitda, valor que […] Veja Mais

Em almoço com Bolsonaro, evangélicos defendem pacote tributário para igreja

O Tempo - Política A bancada apresentou ao presidente uma série de propostas que beneficiam templos Veja Mais

INSS: É possível se aposentar sem ter contribuído?

INSS: É possível se aposentar sem ter contribuído?

R7 - Economia INSS: É possível se aposentar sem ter contribuído? Contábeis Todos os brasileiros têm direito a se aposentar. Inclusive, os que nunca contribuíram para o INSS. Muitos não sabem, mas o Governo Federal disponibiliza um auxílio no valor de um salário mínimo, cerca de R$ 998, para as pessoas de famílias com baixa renda. Trata-se do BPC - Benefício de Prestação Continuada - que é instituído pela LOAS - Lei Orgânica da Assistência Social. Se assemelha a uma aposentadoria ou pensão, a diferença é que este benefício não dá direito ao décimo terceiro salário. Quem tem direito a receber Tem direito a receber o BPC as pessoas que se identificarem em um dos requisitos abaixo: Pessoas que têm mais de 65 anos de idade; Pessoas de qualquer idade que tiveram alguma incapacidade de longa duração; Pessoas com renda familiar baixa;   Como solicitar o BPC Para ter direito ao benefício, é preciso que um assistente social faça uma avaliação sobre a renda familiar. Esse trabalho é denominado Estudo Social. Para isso, é preciso solicitar a visita do assistente social ao CRAS - Centro de Referência de Assistente Social. Toda cidade tem pelo menos uma unidade, clique aqui para encontrar a mais próxima. Vale lembrar que a família deve estar inscrita e atualizada no CadÚnico - Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal antes da apresentação de requerimento à unidade do INSS. Só então, com o documento em mãos, o interessado pode comparecer ao INSS para dar andamento ao pedido da BPC. BPC negado O benefício pode ser negado nas seguintes situações: Quando a pessoa não tem a idade mínima; Quando não prova a incapacidade; Quando entende-se que a família não é de baixa renda; Se a negativa for por que não ficou comprovada a incapacidade, é preciso questionar a perícia feita pela Previdência Social. Já se o pedido for negado negado devido a renda familiar, deve-se ter o cuidado de apontar todas as despesas que a família tem com a pessoa deficiente ou idosa, para que o INSS leve isso em consideração. BPC suspenso Também é possível que o benefício seja suspenso. Isso ocorre quando a COINP - Coordenação-Geral de Inteligência Previdenciária identifica alguma mudança nos requisitos obrigatórios que dão direito ao BPC. Já aconteceu, por exemplo, da COINP cortar o BPC ao identificar viagens do beneficiário exterior ou localizar que ele tem títulos como automóveis ou comércios em seu nome. Inclusive, o INSS pode utilizar provas de redes sociais para que os benefícios sejam suspensos. Tire suas dúvidas ao vivo Na terça-feira, 13 de agosto, o Portal Contábeis vai promover um Webinar com Hilário Bocchi, especialista em Direito Trabalhista e Previdenciário. O Webinar é gratuito e acontece a partir das 15h! Participe e tire todas as suas dúvidas sobre a Reforma da Previdência. Inscreva-se já e garanta a sua vaga.   Portal Contábeis Veja Mais

Câmara rejeita destaque sobre pensão por morte por 339 votos a 153

O Tempo - Política A proposta do PCdoB queria tirar do texto da reforma a pensão inferior ao salário mínimo nos casos de acumulação com outras fontes de renda Veja Mais

Recurso de lista do Google Maps é renovado e fica mais intuitivo

Recurso de lista do Google Maps é renovado e fica mais intuitivo

Tecmundo A seção de listas do Google Maps ficou mais intuitiva e passará a exibir funções de acesso rápido logo na página inicial do app. Com a mudança, ficará mais fácil criar, identificar e editar informações e notas diretamente na descrição de um local. Isso só era possível ao buscar essa opção no menu principal da ferramenta ou ao abrir um lugar salvo.Outra mudança importante é que as listas criadas podem ser reordenadas conforme o interesse de seus usuários. Na versão antiga, elas eram exibidas de modo completamente aleatório, o que poderia dificultar um pouco a pesquisa por algum item específico. O aplicativo ainda permitirá a seleção de uma foto como wallpaper para cada lugar salvo em uma lista. Dessa forma, será mais fácil identificar locais e organizar informações.Leia mais... Veja Mais

ANÁLISE: Crise à vista?

Valor Econômico - Finanças Mercados estão enviando um forte sinal aos bancos centrais de que estão muito preocupados Veja Mais

S&P 500 fecha em leve alta em meio a recuperação dos rendimentos dos Treasuries

R7 - Economia Por Caroline ValetkevitchNOVA YORK (Reuters) - O índice S&P 500 se recuperou de fortes perdas registradas no início da sesssão e encerrou em leve alta nesta quarta-feira, com investidores comprando ações duramente golpeadas recentemente, enquanto os rendimentos de títulos soberanos saíram de mínimas que levantaram temores de uma recessão."Como reduzmos as perdas pela metade e continuamos subindo, tornou-se uma questão de os compradores continuarem interessados ​​em seguir comprando ações que eles acham que foram excessivamente vendidas", disse Michael James, chefe de operações com ações na Wedbush Securities.O pregão, contudo, foi instável, com o foco ainda nas taxas de juros.Os rendimentos dos Treasuries ainda caíram, com as taxas dos títulos de 30 anos se aproximando de mínimas recordes, diante do aumento das preocupações com a desaceleração econômica global e de apostas de que o Federal Reserve terá que acelerar o ritmo dos cortes nas taxas de juros para conter os crescentes riscos de recessão.Na quarta-feira, os bancos centrais de Nova Zelândia, Índia e Tailândia reduziram suas taxas de juros, em meio a temores crescentes de que a guerra comercial EUA-China possa agravar a desaceleração da economia global.As preocupações comerciais ressurgiram depois que o presidente dos EUA, Donald Trump, ameaçou na semana passada impor tarifa de 10% sobre 300 bilhões de dólares em importações chinesas e, na segunda-feira, classificou a China como manipuladora cambial.O índice Dow Jones caiu 0,09%, a 26.007 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,076689%, a 2.884 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,38%, a 7.863 pontos. Veja Mais

Samsung lança o Galaxy Book S, um notebook Windows 10 com chip Snapdragon

Samsung lança o Galaxy Book S, um notebook Windows 10 com chip Snapdragon

Tecmundo A Samsung acaba de apresentar durante o seu evento Galaxy Unpacked 2019 em Nova York. Segundo a empresa, o aparelho representa o “melhor dos dois mundos”, trazendo um sistema operacional de desktop e chipset de celular.Por conta disso, a empresa afirma que o Galaxy Book S consegue uma autonomia de 23 horas de uso contínuo. Não foi informado, contudo, em que condições essa estimativa foi feita.Leia mais... Veja Mais

Galaxy Note 10 vs Huawei P30 Pro vs LG G8 vs Oneplus 7 Pro: qual leva a melhor?

Galaxy Note 10 vs Huawei P30 Pro vs LG G8 vs Oneplus 7 Pro: qual leva a melhor?

canaltech Como será que o Galaxy Note 10+ se sai contra os principais topos de linha Android do mercado? Separamos três modelos para colocar lado a lado com o novo lançamento da Samsung: OnePlus 7 Pro, LG G8 e Huawei P30 Pro. Qual destes smartphones possui a melhor ficha técnica? Leia também: Hands-on do Galaxy Note 10 Galaxy Note 10 vs concorrentes: tela O Galaxy Note 10+ é o maior modelo desta lista, com uma tela de 6,8 polegadas, contra 6,67 polegadas do OnePlus 7 Pro, 6,47 polegadas do P30 Pro e 6,1 polegadas do LG G8. O OnePlus 7 Pro é o único com câmera retrátil, usando quase todo o espaço frontal para a tela. Apesar disso, tem um menor aproveitamento, ocupando cerca de 88% da parte frontal para o display, contra 92% do Galaxy Note 10+. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Comparar a qualidade de tela ainda é precipitado, mas podemos esperar algo próximo (ou mesmo superior) o que encontramos no Galaxy S10+, conforme pontuado no nosso hands-on do Galaxy Note 10. Os outros modelos deste compartivo também não fazem feio. Temos o Super AMOLED no P30 Pro, AMOLED fluida no OnePlus 7 Pro e P-OLED no LG G8, todas com resolução Quad-HD+, exceto no modelo da Huawei, que trabalha com Full HD+. Galaxy Note 10 vs concorrentes: configuração No quesito desempenho, temos um páreo duro aqui. O Snapdragon 855+/Exynos 9825 do Galaxy Note 10+ compete direto contra o Kirin 980 (P30 Pro) e Snapdragon 855 (LG G8 e OnePlus 7 Pro). A versão brasileira contará com o processador Exynos 9825, apresentando um desempenho ligeiramente superior ao Snapdragon 855/Exynos 9820 do primeiro semestre, que são concorrentes diretos do Kirin 980. Em relação ao armazenamento, temos um padrão confortável de topos de linha aqui: 128 GB de memória interna é o mínimo para entrar no jogo. O LG G8, porém, para por aqui. Já o OnePlus 7 Pro chega a oferecer 256 GB assim como o P30 Pro, que é o menor valor presente no Galaxy Note 10+. O novo flagship da Samsung vai além, e oferece ainda uma variante de 512 GB, como o Huawei P30 Pro. Entretanto, a Samsung sai na frente por oferecer um sistema mais moderno, o mesmo presente no OnePlus 7 Pro. O G8 oferece apenas uma opção com 6 GB de memória RAM, opção presente nas versões de entrada do P30 Pro e do OnePlus 7 Pro. Estes, porém, oferecem opções com 8 GB, o mínimo do Galaxy Note 10+, que chega a 12 GB, assim como OnePlus 7 Pro. Galaxy Note 10 vs concorrentes: câmeras Câmera de qualidade é algo garantido aqui. Ainda testaremos o Galaxy Note 10+ para ver como ele se sai, mas ele tem concorrentes de peso neste quesito, especialmente o P30 Pro, o único da lista a trazer também uma câmera TOF 3D. O G8 até possui uma, mas é frontal. Podemos esperar algo semelhante (ou mesmo melhor) do que vimos no Galaxy S10+, o que por si só já bastante coisa. Como ainda é muito cedo para falarmos da câmera do Note 10+, já que fizemos apenas um teste rápido no evento de lançamento do Note 10, não vamos nos estender. De qualquer forma, ele tem concorrentes poderosos para combater. Galaxy Note 10 vs concorrentes: bateria e extras Vamos aos números: 4.300 mAh (Galaxy Note 10+), 4.200 mAh (P30 Pro), 4.000 mAh (OnePlus 7 Pro) e 3.500 mAh (G8). Uma bateria maior nem sempre é sinônimo de autonomia, mas podemos fazer um exercício de futurologia aqui e estimar que o Galaxy Note 10+ aguente mais tempo fora da tomada, ainda que por uma pequena margem. De qualquer forma, carregá-lo não será um problema, já que chega suportando até 45 watts de potência. O que isso significa? Que ele carrega muito, mas muito rapidamente. Dizemos isso observando os 40 watts de potência do P30 Pro, um segundo colocado bastante próximo neste quesito, em comparação, temos 30 watts do OnePlus 7 Pro e 21 watts do G8. Além disso, não podemos esquecer da S-Pen, que dá o nome à linha Galaxy Note e agora conta com 10 horas de autonomia. Um ponto exclusivo e sem equivalente nos concorrentes. Porém, cada um deles se destaca em uma área específica. O LG G8, por exemplo, vem com certificação militar; o OnePlus 7 Pro vem com a AMOLED fluida, que chega a 90 Hz na hora de jogar; e o P30 Pro vem com zoom óptico 5x. Galaxy Note 10 vs Huawei P30 Pro vs LG G8 vs Oneplus 7 Pro: qual leva a melhor? Difícil afirmar qualquer coisa agora. Nossa ideia aqui é posicionar o Galaxy Note 10+ em relação aos concorrentes, mostrando o que ele tem de semelhante ou diferente em relação a eles. Isso considerando suas especificações, o que fornece algumas pistas do que esperar, mas ainda o testaremos aqui no Canaltech para tirar nossas conclusões. Não colocamos o ROG Phone II na lista, pois este aparelho tem um público mais específico, assim como a linha V da LG. Também preparamos um artigo comparando o Galaxy Note 10 e o Galaxy S10+, no qual mostramos as principais diferenças entre um e outro. Em relação ao preço, a Samsung ainda não confirmou o valor de chegada do Galaxy Note 10 ao Brasil. Contudo, por terem sido lançados antes, o Huawei P30 Pro e o OnePlus 7 Pro já tiveram uma redução considerável de valor. Com qual destes modelos você se identifica mais? Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: A Lua agora pode ser lar dos tardígrados, os animais mais resistentes da Terra Samsung lança oficialmente os novos Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+ Uma das estrelas mais antigas do Universo é descoberta — e ela está morrendo TEM CUPOM | Smart TV Philco de 49 polegadas por apenas R$ 1.257 Senado aprova PEC que isenta impostos de games e consoles produzidos no Brasil Veja Mais