Meu Feed

Últimos dias

"ELE TEM TODAS AS QUALIDADES DO ARTHUR", diz Renato de jovem promessa gremista

Fox Sports Brasil Quer saber tudo sobre o melhor do esporte? Acesse nossas redes! http://www.foxsports.com.br Baixe o APP! http://bit.ly/yt_cnbra ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #Gremio #Palmeiras #Libertadores Veja Mais

Parallels Desktop passa a suportar o DirectX 11

Parallels Desktop passa a suportar o DirectX 11

canaltech Os usuários do Parallels Desktop só têm a comemorar com a chegada da versão 15 do software fornecedor de virtualização de hardware, conhecido principalmente por executar Windows em um Mac. Isso porque, com a atualização, o Parallels passa a suportar o DirectX 11 (um conjunto de componentes no Windows que permite que software, principalmente e sobretudo jogos, trabalhe diretamente com o hardware de vídeo e áudio). Na prática, isso significa que o software pode renderizar gráficos 3D até 15% mais rápido. Além do melhor desempenho em jogos, as melhorias feitas no Parallels Desktop 15 significam que o software pode abrir aplicativos do Microsoft Office até 80% mais rapidamente e também suporta uma ampla gama de aplicativos que não são necessariamente jogos, incluindo o Autodesk 3ds Max 2020. Confira o trailer da atualização: -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.-   Além do suporte ao DirectX 11, o Parallels Desktop 15 também vai conseguir suportar o novo recurso Sidecar do macOS Catalina; ou seja, o usuário poderá usar os aplicativos do Windows em um iPad quando estiver usando-o como uma segunda tela para o Mac. Há também uma nova opção de compartilhamento para permitir o envio arquivos do Mac a partir do seu aplicativo padrão do Windows, e o recurso de arrastar e soltar do software agora suporta imagens do Safari, Fotos e outros aplicativos do macOS. É válido notar que as vendas da versão 15 do Parallels Desktop estão disponíveis desde já. O interessado pode assinar os recursos Pro ou Business por US$ 99 (o equivalente a R$ 392) anualmente, ou se já tiver uma versão mais antiga do software, basta atualizar por US$ 49,99 (R$ 198). Outro ponto importante é que o software exige que seja executado no Mojave, a versão atual do macOS. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Apple processa Corellium por réplicas perfeitas do iOS

Apple processa Corellium por réplicas perfeitas do iOS

canaltech A principal proposta de uma empresa iniciante chamada Corellium é a venda ilegal de cópias virtuais dos sistemas operacionais destinados a iPhones e iPads. A Apple descobriu isso e não gostou nem um pouco. Basicamente, os clientes da Corellium podem criar e interagir com dispositivos virtuais com o iOS (uma versão virtual do iPhone, por exemplo), tudo a partir do navegador. A reação da empresa da Maçã, em um processo de violação de direitos autorais protocolado na quinta-feira (16) em West Palm Beach, na Flórida, foi pedir que a Corellium interrompesse todos os usos de seus produtos. A empresa responsável por desenvolver o iPhone também quer que a Corellium arque com todos os custos referentes aos danos. Acontece que a Corellium faz isso para que hackers bem-intencionados descubram falhas no sistema iOS, mas, segundo a queixa da Apple, as informações em torno do sistema operacional acabam sendo vendidas: "Por US$ 1 milhão por ano, a Corellium até entrega uma instalação 'privada' de seu produto para qualquer comprador", a empresa aponta durante a denúncia. "Embora a Corellium se apresente como provedora de uma ferramenta de pesquisa para quem tenta descobrir vulnerabilidades de segurança e outras falhas no software da Apple, o verdadeiro objetivo da Corellium é lucrar em cima dessa flagrante violação. Longe de ajudar na correção de vulnerabilidades, a Corellium incentiva seus usuários a venderem qualquer informação descoberta no mercado aberto a quem pagar mais", a Apple completa. Apple está processando a Corellium A Apple diz que costuma incentivar pesquisas feitas com boas intenções, com direito até a uma recompensa de US$ 1 milhão para quem descobrir falhas no sistema, mas aponta que não é com boa intenção que a Corellium faz o que faz. Em contrapartida, no dia 4 de julho, a Corellium usou o próprio website para anunciar que respeita os direitos de propriedade intelectual de terceiros e espera que seus usuários façam o mesmo. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Isso não impede, no entanto, que a empresa responsável pela criação do iPhone volte a bater na mesma tecla: "A Corellium vende indiscriminadamente o Produto Corellium Apple a qualquer cliente, incluindo governos estrangeiros e empreendimentos comerciais. A Corellium não está limitando seletivamente os clientes àqueles com algum propósito social benéfico", diz em sua queixa. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Fotógrafo tansforma objetos do cotidiano em câmeras funcionais

Fotógrafo tansforma objetos do cotidiano em câmeras funcionais

canaltech Um documentário intitulado Brendan Barry's Shipping Container Camera, desenvolvido pela Exploredinary, trouxe à tona o curioso projeto do fotógrafo que dá nome à produção, Brendan Barry: ele costuma criar câmeras funcionais a partir de objetos do cotidiano. O projeto mais recente de seu portfólio é também o mais ambicioso, pois Barry fez uma câmera a partir de uma caixa de metal de grandes dimensões, destinada ao acondicionamento e transporte de carga em navios e trens. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- A frase que dá início ao documentário é a seguinte: "Não apenas uma câmera, ela também é uma câmara escura totalmente funcional. É basicamente a maior, mais lenta e mais impraticável câmera Polaroid do mundo", dita pelo próprio Brendan Barry. Barry passou três semanas fazendo vários registros com sua câmera feita com base em contêineres. O projeto foi realizado em Exeter, no Reino Unido, e a ideia do documentário foi justamente explorar como o fotógrafo conduziu o projeto ao longo dessas três semanas. Durante esse tempo, Barry chegou a fazer imagens da comunidade, acabou implantando uma galeria no interior do próprio contêiner, com os registros que foram tirados com o desenrolar do projeto. Toda a parafernalha foi movida a energia solar, e a parede frontal se move totalmente para permitir o acesso de cadeiras de rodas, além de conter a instalação de um obturador. O contêiner ficou estacionado no Northernhay Gardens, aberto para visitação. Nele, também foram realizados alguns workshops com grupos comunitários. Uma das fotografias tiradas por Brendan Barry durante o projeto (Foto retirada do documentário) Depois que o documentário foi realizado, Barry postou no Instagram que o destino da câmera criada a partir de um contêiner seria retornar para o lugar de onde veio. "E ela está fora! O contêiner foi pego hoje e levado para casa", escreveu o fotógrafo. "Ela está descansando agora, mas estará de volta", garantiu. Ele também usou as redes sociais para agradecer aos envolvidos no documentário e ao público: "Um enorme obrigado a todas as pessoas que ajudaram a fazer isso acontecer e que me apoiaram ao longo do caminho". Apesar de ser o projeto mais ambicioso da carreira de Barry até agora, o contêiner não está nem perto de ser o primeiro objeto a ser transformado em uma câmera. O fotógrafo já fez isso a partir de vários itens do cotidiano, como um barril ou um toco de madeira. Nem mesmo alimentos escaparam das ideias de Barry, que também já fez uma câmera a partir de uma melancia e de um melão. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Baixista do System of a Down afirma: “por mim, já teríamos lançado 10 discos”

R7 - Música Nem os próprios membros do System of a Down parecem entender o que impede a banda de lançar um novo disco. Shavo Odadjian, baixista do grupo, deixou isso claro durante uma nova entrevista com a rádio SiriusXM (via Consequence of Sound). No passado, o músico chegou a dizer que conseguia enxergar o dia em que a banda entraria em estúdio para gravar, inclusive revelando que o novo material era 'muito melhor que tudo que já fizeram'. Na conversa, porém, o tom mudou. De início, Shavo revelou que o SOAD já se reuniu -- sem o vocalista Serj Tankian -- para trabalhar em algumas músicas. Ele não tem previsão de quando o frontman vai decidir participar das sessões ou apresentar seu próprio material para os outros membros. Fomos ao estúdio e escrevemos cerca de 10 ou 11 músicas. Daron trouxe sete ou oito músicas; eu levei quatro ou cinco ideias que se tornaram músicas. Tudo isso sem os vocais do Serj, claro. Foi muito bom. Tudo saiu bem legal. E espero um dia voltar a esse material e usar algumas das coisas do Serj. Eu sei que o Serj tem algumas coisas. Ao ser pressionado sobre quando os principais compositores, Tankian e Daron Malakian, colocarão suas diferenças de lado, o baixista disse: No meu mundo, cara, o motivo de isso estar acontecendo é uma grande questão. Acho que poderíamos superar qualquer coisa porque não é como se alguém tivesse feito algo tão horrível que não se possa superar -- não é nada disso. São apenas diferenças criativas que estão durando um pouco demais para mim, para o meu gosto. Eu sou um desses fãs [frustrados]. Eu juro por Deus, cara. Eu realmente adoraria ter feito isso. Quero dizer, como eu disse: se dependesse de mim, nunca teríamos parado. Nós estaríamos em nosso nono ou décimo álbum agora. Complicado. Enquanto isso, o System of a Down continua fazendo shows ao redor do mundo para relembrar sua discografia. O último disco é Hypnotize, lançado em 2005. Veja Mais

Nvidia divulga lucros do segundo trimestre de 2019, superando expectativas

Nvidia divulga lucros do segundo trimestre de 2019, superando expectativas

canaltech Na quinta-feira (15), inúmeras empresas, como a Positivo Tecnologia, divulgaram suas receitas referentes ao segundo trimestre de 2019. Foi o caso também da Nvidia Corporation, multinacional de tecnologia com sede em Santa Clara, Califórnia. Os lucros e as receitas divulgadas pela empresa em questão superaram as expectativas dos analistas, já que a demanda por chips gráficos e inteligência artificial aumentou no segundo trimestre fiscal. Segundo o que foi divulgado pela própria empresa, a receita chegou a US$ 2,58 bilhões (R$ 10,3 bilhões), abaixo dos US$ 3,12 bilhões (R$ 12,45 bilhões) do segundo trimestre de 2018. Os analistas esperavam que a Nvidia registrasse receita de US$ 2,55 bilhões no segundo trimestre, então o resultado acabou superando. Durante um comunicado oficial, o CEO da Nvidia, Jensen Huang, afirmou: "Alcançamos um crescimento sequencial em nossas plataformas. O ímpeto da computação acelerada da Nvidia continua a crescer à medida que a indústria corre para permitir a próxima fronteira em inteligência artificial, inteligência artificial de conversação, bem como sistemas autônomos, como veículos autônomos e robôs de entrega”. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- Por outro lado, no último trimestre, Huang afirmou que as receitas foram prejudicadas por uma desaceleração nas vendas de chips de datacenter, então a empresa acabou apresentando resultados irregulares. Para o terceiro trimestre fiscal, a expectativa é que as receitas sejam de US$ 2,9 bilhões (R$ 11,5 bilhões), e margens de lucro bruto de 62,5%. Durante o trimestre, a Nvidia também se concentrou em reforçar sua linha de GPUs. Enquanto isso, fabricantes de laptops anunciaram 27 novos laptops RTX Studio durante o mesmo período. Os resultados foram mais fracos do que o segundo trimestre fiscal de um ano atrás, mas eles se recuperaram de um fraco primeiro trimestre fiscal. A receita de jogos foi de US$ 1,31 bilhão (R$ 5,23 bilhões), o que representa uma quantia 27% menor em relação à do ano passado. Sendo assim, a redução ano-a-ano reflete um declínio nas remessas de GPUs. Por outro lado, o aumento sequencial reflete o crescimento dos módulos SOC para plataformas de jogos, GPUs para notebooks para jogos e GPUs para jogos GeForce RTX Super. A receita de visualização profissional cresceu 4% em relação a 2018 e chegou a alcançar US$ 291 milhões (R$ 1,16 bilhão). Diferente da receita do Data Center, por exemplo, que apresentou queda (14%) em relação ao ano passado. No entanto, a verdadeira estrela dos lucros da Nvidia no trimestre foi a receita automotiva, que registrou um recorde de US$ 209 milhões (R$ 834 milhões), 30% acima do ano anterior e 26% acima sequencialmente. O crescimento ano-a-ano e sequencial foi impulsionado principalmente por um contrato de serviços de desenvolvimento no segundo trimestre do ano fiscal de 2020. Outras receitas foram de US$ 111 milhões (R$ 443 milhões), 4% abaixo do ano anterior e 12% sequencialmente. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 MEC envia ameaça de processo à Wikipédia por página sobre Abraham Weintraub MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Veja Mais

Chromebook aposta em Bill Nye, o "science guy", para conquistar público

Chromebook aposta em Bill Nye, o

canaltech Você se lembra de um cientista maluco e excêntrico, vestindo um jaleco azul com uma característica gravata borboleta, apelidado de "Science guy"? Trata-se de Bill Nye, apresentador do programa infantil Eureka, que foi exibido no Brasil com este título entre 1993 e 1998. A ideia do programa era ensinar ciência de maneira descontraída para o público infanto-juvenil. E é esse mesmo cientista a atual aposta da Google para convencer o público de que o ChromeOS é melhor que o Windows. Achou loucura? Pois é isso o que acontece no recente anúncio lançado pela empresa em sua conta oficial no YouTube. A propaganda, que é feita com um respeitável tom humorístico, foca basicamente na verdadeira saga que a empresa está enfrentando para trazer mais adeptos ao ChromeOS (sistema operacional desenvolvido pela Google). Durante o vídeo, Bill Nye diz que o medo está impedindo o público de mudar para os Chromebooks.   O apresentador ainda faz uma comparação entre o Chromebook e o Windows (sem falar o nome da Microsoft, apenas se referindo ao SO como "o outro", mas a gente saca logo de cara do que se trata, é claro), enfatizando que o produto da Google inicializa com muito mais rapidez, além de ter um antivírus integrado. Nye também aponta que Chromebooks não travam e nem interrompem os usuários para instalar atualizações. A publicação fica ainda mais engraçada com as farpas sutis contra o Windows, como a placa de um carro com os escritos "WNDWS". -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- O clima da propaganda lembra bastante o bom humor de Nye ao explicar a ciência durante seu programa. É válido lembrar que o cientista ficou tão bem guardado no coração da geração dos anos 1990, que a Netflix chegou a produzir um novo show com ele, 20 anos depois de seu sucesso com Eureka. Na nova atração criada pela gigante do streaming, a ideia é o debate de temas atuais, feito de maneira tão descontraída quanto a atração infantil, mas dessa vez voltada ao público adulto. Intitulado Bill Nye Salva o Mundo, o show rendeu três temporadas até o fim de 2018. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 MEC envia ameaça de processo à Wikipédia por página sobre Abraham Weintraub MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Veja Mais

A Voz do Brasil - 16/08/2019

A Voz do Brasil - 16/08/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Rumor: ex-James Bond pode interpretar Alfred em The Batman

Rumor: ex-James Bond pode interpretar Alfred em The Batman

Tecmundo Desde o anúncio oficial de The Batman, o novo filme do heroi já passou por diversas reviravoltas, com mudanças de ator, diretor e até mesmo de roteiro. Porém, agora, com as coisas um pouco mais em ordem, um novo boato parece indicar que Pierce Brosnan poderá interpretar o mordomo Alfred Pennyworth.A informação não é oficial, mas foi sugerida pela mesma pessoa que disse que Robert Pattinson seria o novo Batman. O cineasta Ryan Unicomb postou uma foto, no seu Instagram, de Pierce Brosnan, com a frase “Pierce Brosnan se junta a sala de conversas”. A legenda faz referência a uma possível negociação que o ator estaria fazendo e vem acompanhada de dois emojis: um velho e um morcego.Leia mais... Veja Mais

Ministério de Moro diz que projeto de abuso pode inviabilizar polícia e MP

O Tempo - Política Nota elaborada por técnicos do Ministério da Justiça apontam "diversos elementos" no projeto sobre abuso de autoridade Veja Mais

Sabesp anuncia Protocolo de Intenções com o município de Mauá

R7 - Economia A Sabesp (SBSP3) anunciou nesta sexta-feira (16) que firmou um novo Protocolo de Intenções com o município de Mauá que busca melhorar as relações comerciais e resolver a dívida que o cidade mantém com a companhia. De acordo com o comunicado enviado ao mercado, a empresa realizará estudos e avaliações para colocar as metas em […] Veja Mais

No Ar Coquetel Molotov 2019 confirma MC Tha, Drik Barbosa, Black Alien e mais

R7 - Música O No Ar Coquetel Molotov acaba de anunciar vários nomes de seu line-up para a edição 2019. A organização do festival pernambucano revelou os nomes Black Alien, Liniker e os Caramelows, Gop Tun, Sevdaliza, MC Tha, Drik Barbosa e Rosa Neon. O evento acontece em Recife, no Caxangá Golf Club, no dia 16 de Novembro, com apoio da TNT Energy Drink. O No Ar Coquetel Molotov apresenta uma atuação cada vez mais engajada com acessibilidade e um compromisso selado com a sustentabilidade ambiental. Nos dois últimos anos, o evento levou mais de oito mil pessoas no Caxangá Golf Club em cada edição. Provando sua resistência, o festival é hoje o único que tem a Women Friendly - Empresa Amiga da Mulher como parceira. Neste ano, o line-up traz essa diversidade com artistas locais, nacionais e internacionais. Os ingressos já estão à venda pela Sympla e os patrocínios são da Baterias Moura, cerveja Itaipava e Natura Musical. Confira as informações abaixo! SERVIÇO - No Ar Coquetel Molotov 2019 Shows com MC Tha, Drik Barbosa, Rosa Neon, Sevdaliza, Black Alien, Gop Tun e Liniker e os Caramelows, entre outros Local | Caxanga Golf Country Club - Av. Caxangá, 5362 - Iputinga Data | 16.11 Horário | a partir das 13h Ingressos LIMITADOS | 2º Lote: R$55,00 (meia), R$110,00 (inteira) e R$80,00 (social - levar 1 kg de alimento não-perecível) Link para compra online | www.sympla.com.br/noar2019 Pontos de venda | Avesso (Avenida Rui Barbosa, 806) – seg a sexta, das 9h30 às 19h30 e sábado das 9h às 18h. Formas de pagamento no local | Dinheiro Classificação indicativa para 16 anos com desde que estejam com esta autorização por escrito e com firma reconhecida pelos seus responsáveis legais em duas cópias. Veja Mais

Bolsonaro diz que falta de recursos diminuirá expediente dos militares

Bolsonaro diz que falta de recursos diminuirá expediente dos militares

R7 - Economia "O Brasil todo está sem dinheiro", afirmou Bolsonaro Adriano Machado/Reuters - 1.8.2019 O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (16) que os problemas de orçamento do Executivo Federal são graves e que a ausência de recursos terá como um dos impactos a redução da jornada de militares, que trabalhariam durante “meio expediente”. A fala do presidente ocorreu em cerimônia realizada no Palácio do Planalto. “O Brasil todo está sem dinheiro. Os ministros estão apavorados. O Exército vai entrar em meio expediente. Não tem comida para dar para o recruta. A situação é grave”, disse Bolsonaro. Leia mais: PF ameaça 'implodir' se houver interferência de Bolsonaro O presidente fez a afirmação respondendo a perguntas sobre o problema de orçamento do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico). O presidente da instituição, João Luiz Filgueiras de Azevedo, afirmou em entrevistas que mais de 80 mil bolsas deixariam de ser pagas em setembro por falta de recursos. Por meio de nota, o Ministério da Defesa informou que ainda trabalha “com a possibilidade de liberação dos recursos contingenciados”, mas que estuda “alternativas caso se prolongue o referido bloqueio”. CNPq Em julho, o CNPq suspendeu a seleção de bolsistas no Brasil e no exterior até o dia 30 de setembro à espera de crédito. Na explicação, o órgão informou que possui um déficit de R$ 300 milhões no orçamento de 2019 e que buscava um crédito suplementar para sanar o rombo. Bolsonaro dá aval a declaração de Guedes sobre saída do Mercosul Ontem o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, afirmou que o problema está “sendo resolvido” e que o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, teria “dado a palavra” de que haveria uma solução para o caso com a garantia de recuros. Contudo, Pontes não detalhou como esse acréscimo se daria. O CNPq é a principal instituição federal financiadora de pesquisas no país juntamente com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). O conselho custeia desde alunos em programas de iniciação científica a projetos de pesquisa de professores e pesquisadores em instituições como universidades e centros de pesquisa. Bloqueios O contigenciamento total realizado pelo Executivo Federal somou, até julho, R$ 33,426 bilhões. No mês passado, o governo anunciou novo bloqueio, no valor de R$ 1,443 bilhão. A previsão inicial era de R$ 2,252 bilhões, mas houve o uso de uma reserva no valor de R$ 809 milhões. Veja Mais

Reforma da Previdência: balanço da tramitação na Câmara

Reforma da Previdência: balanço da tramitação na Câmara

Câmana dos Deputados A Câmara concluiu a tramitação da proposta de Reforma da Previdência, mas o tema ainda deve continuar a repercutir entre os parlamentares.Alguns assuntos ficaram de fora da votação, como a inclusão de estados e municípios e a capitalização, que ainda podem ser introduzidos no Senado.Outros temas, como o tratamento para devedores contumazes e a previdência dos militares ainda vão passar por votação dos deputados.Para fazer um balanço sobre o que o Congresso ainda tem a dizer sobre Previdência, os entrevistados desta edição do Câmara Debate são os deputados Fábio Henrique (PDT-Sergipe) e Marcelo Ramos (PL-Amazonas), que presidiu a comissão especial da reforma da previdência. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Galaxy M21, M31 e M41 podem ter tido suas especificações vazadas

Galaxy M21, M31 e M41 podem ter tido suas especificações vazadas

Tecmundo O usuário Sudhanshu Ambhore (@Sudhanshu1414), conhecido “palpiteiro” tecnológico da Índia, postou uma imagem com algumas especificações dos smartphones Galaxy M21, M31 e M41, em seu perfil no Twitter. Esses aparelhos serão os substitutos dos modelos Galaxy M20, M30 e M40, dos quais apenas os dois primeiros são comercializados no Brasil, além do Galaxy M10.Sabemos que as fabricantes começam a desenvolver seus produtos muito antes de seu lançamento. No entanto, este vazamento, se realmente for confirmado como legítimo, impressiona pela precocidade.Leia mais... Veja Mais

NY: Bolsas fecham sessão em alta, mas acumulam perdas pela 3ª semana

Valor Econômico - Finanças No acumulado semanal, o Dow Jones caiu 1,53%, o S&P 500 recuou 1,03%, e, o Nasdaq, 0,79% Veja Mais

Cartão cidadão: Aprenda a fazer o seu cartão e receber seus benefícios

R7 - Economia A maioria dos trabalhadores brasileiros tem direito ao cartão cidadão. Porém, muitos não sabem o qual é a função desse objeto ou não sabem como adquirir. Essa ferramenta foi criada pelo governo federal em parceria com a Caixa Econômica Federal. O banco estatal é responsável por administrar e gerenciar as contas ligadas ao cartão. Esse […] O post Cartão cidadão: Aprenda a fazer o seu cartão e receber seus benefícios apareceu primeiro em Jornal Contábil Brasil - Notícias do Brasil e do Mundo. Veja Mais

Xiaomi Redmi Note 8 pode trazer quatro câmeras traseiras

Xiaomi Redmi Note 8 pode trazer quatro câmeras traseiras

Tecmundo O Redmi Note 8 da Xiaomi pode receber um conjunto de quatro câmeras traseiras, segundo uma imagem de certificação vazada na web. Embora o documento online não indique grandes detalhes sobre o dispositivo, revela seu número de sensores e confirma o fato de ele estar muito próximo do lançamento.Ainda de acordo com o texto regulador, a linha pode receber duas variantes, registradas sob os códigos M1908C3IE e M1908C3IC. Uma delas, provavelmente o próprio Redmi Note 8, apresenta inclusive bateria de carregamento rápido (18 W).Leia mais... Veja Mais

Wall Street tem alta acentuada com otimismo por estímulos na Alemanha

R7 - Economia NOVA YORK (Reuters) - O mercado acionário dos Estados Unidos se recuperou nesta sexta-feira, à medida que uma retomada no fluxo do mercado de títulos e notícias de um possível estímulo econômico na Alemanha levaram investidores de volta às ações.O Dow Jones fechou em alta de 1,20%, a 25.886,01 pontos. O S&P 500 subiu 1,44%, para 2.888,69 pontos, enquanto o Nasdaq Composto avançou 1,67%, para 7.895,99.Embora tenham encerrado a sessão em alta, os três principais índices acionários norte-americanos acumularam a terceira semana consecutiva de perdas, afetados desde segunda-feira pela crescente animosidade comercial entre EUA e China, por fortes tensões geopolíticas e por sinais do mercado de títulos que acenderam os temores de uma iminente recessão.A coalizão governamental da Alemanha estaria disposta a suspender sua equilibrada lei orçamentária e assumir dívidas, segundo o Der Spiegel, elevando as expectativas de que a maior economia da Europa possa se afastar da recessão e amenizando temores a respeito de uma desaceleração econômica global."O mercado está em busca de algumas notícias positivas antes do final de semana", disse Mark Kepner, operador da Themis Trading.As expectativas de um estímulo alemão ajudaram o rendimento dos Treasuries de dez anos a avançar de mínimas de três anos após uma semana tumultuada, na qual o "yield" do título de dez anos recuou para nível abaixo do de dois anos, um clássico alerta vermelho para recessão.O avanço dos rendimentos dos Treasuries deu um impulso aos bancos, que são sensíveis às taxas, fazendo com que o índice bancário do S&P 500 ganhasse 2,6%.(Reportagem de Stephen Culp; reportagem adicional de Alden Bentley) Veja Mais

AO VIVO: Segunda noite de shows da Festa do Peão de Barretos 2019

G1 Pop & Arte AO VIVO: Segunda noite de shows da Festa do Peão de Barretos 2019 Veja Mais

Câmara é Notícia 21h | Maia critica distorções tributárias - 16/08/2019

Câmara é Notícia 21h | Maia critica distorções tributárias - 16/08/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Rapaz é pego jogando Pokémon Go em 8 smartphones ao mesmo tempo em seu carro

Rapaz é pego jogando Pokémon Go em 8 smartphones ao mesmo tempo em seu carro

canaltech Se você se acha um fã quase na linha do vício com Pokémon Go, espere até conhecer este motorista. Um rapaz estava parado em um acostamento em uma via do condado de King County, nos Estados Unidos. Um policial, então, foi lá ver se ele precisava de ajuda. O motivo da parada rápida era: jogar Pokémon Go. Mas não somente em um aparelho: o usuário contava com oito deles ao mesmo tempo. A informação veio do perfil do Twitter oficial da patrulha local, que responde pelo personagem fictício Patrulheiro Rick Johnson. A organização chamou o caso de uma “distração Pokémon”. “O sargento Kyle Smith abordou um veículo parado no acostamento na noite de ontem. Isso é o que estava ao lado do motorista! Jogando Pokémon Go em OITO telefones! O motorista concordou em colocar os aparelhos no banco de trás e continuar seu caminho com 8 distrações a menos”, escreveu a página. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- #PokemonDistraction Sergeant Kyle Smith contacted a vehicle on the shoulder yesterday evening. This is what was next to the driver! Playing #PokemonGO with EIGHT (8) phones! Driver agreed to put phones in back seat and continued his commute with 8 less distractions. pic.twitter.com/tgOr16CRlm — Trooper Rick Johnson (@wspd2pio) August 14, 2019 O rapaz ainda escapou da multa, já que ele estava parado enquanto fazia as capturas de Pokémon. O policial somente alertou o rapaz, já que o uso do acostamento é voltado somente para emergências. Em todo caso, só o ato de jogar em oito aparelhos ao mesmo tempo já mostra uma coordenação incrível do usuário, não é mesmo? Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Veja as fotos da primeira noite do 47º Festival de Cinema de Gramado

G1 Pop & Arte Primeira noite da programação teve estreia de 'Bacurau', homenagem aos ex-curadores e presença de muitos nomes do cinema nacional. A 47ª edição do Festival de Cinema de Gramado, na Serra gaúcha, iniciou sua programação na noite desta sexta-feira (16). Fora da competição, o longa "Bacurau", premiado no Festival de Cannes, marcou sua estreia nacional durante a programação. A equipe do filme e o elenco, incluindo a estrela Sônia Braga, participaram da cerimônia. Dando início à exibição da mostra competitiva dos filmes nacionais, "O Homem Cordial" foi exibido no Palácio dos Festivais. A programação vai até a próxima semana, quando serão conhecidos os vencedores. Assista aos trailers dos longas gaúchos do festival Assista aos trailers dos longas nacionais e estrangeiros do festival Confira as fotos da primeira noite Elenco e equipe de "Bacurau", que abriu o festival fora a mostra competitiva Cleiton Thiele/Agência Pressphoto Sônia Braga, uma das estrelas de "Bacurau" Edison Vara/Agência Pressphoto Cláudia Ohana, uma das jurada dos longas-metragens brasileiros Edison Vara/Agência Pressphoto Ator Thiago Lacerda, jurado dos longas-metragens brasileiros Edison Vara/Agência Pressphoto Dedé Santana e o prefeito de Gramado, João Alfredo de Castilhos Bertolucci Edison Vara/Agência Pressphoto Diretora e atriz Carla Camurati, homenageada pelo Troféu Eduardo Abelin Matheus Zanchet / Agência Pressphoto Thayla Ayala, jurada dos curtas metragens brasileiros Cleiton Thiele/Agência Pressphoto Ator e rapper Thaíde, que estrela o filme "O Homem Cordial" Cleiton Thiele/Agência Pressphoto Bárbara Colen, atriz de "Bacurau" Edison Vara/Agência Pressphoto Paulo Miklos, protagonista de "O Homem Cordial" Edison Vara/Agência Pressphoto Homenagem póstuma aos curadores Rubens Ewald Filho e Eva Piwowarski Cleiton Thiele/Agência Pressphoto Veja Mais

Bolsa multa XP por preterir ordens de clientes

Valor Econômico - Finanças Empresa terá de pagar uma multa estimada em R$ 10 milhões Veja Mais

Aécio não constrange, meu partido tinha Queiroz, diz Frota

O Tempo - Política Evento de filiação teve a participação do governador paulista, João Doria (PSDB), e do presidente da sigla, Bruno Araújo Veja Mais

Fraudes financeiras: Mais de 12 milhões foram vítimas, aponta pesquisa CNDL/SPC Brasil

R7 - Economia Uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) revelou que 46% dos internautas brasileiros foram vítimas de algum tipo de golpe financeiro nos 12 meses anteriores ao estudo, o que equivale a um universo aproximado de 12,1 milhões de pessoas. Além disso, mais da […] Veja Mais

Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos)

Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos)

canaltech No dia 15 de agosto*, comemoramos o Dia da Informática, cuja data resgata a criação do ENIAC, considerado o primeiro computador eletrônico da história. Pesando 30 toneladas, ele tinha o poder de processamento equivalente ao de uma calculadora de bolso e foi essencial na Segunda Guerra Mundial para executar cálculos balísticos. Depois dele, como vocês bem sabem, a informática evoluiu e até mesmo o termo “informática” ficou datado e apenas os mais velhos ainda falam isso. Só que os mais velhos têm esse direito (o autor deste texto tem 41 anos, me deixa), porque passamos cada perrengue com a “informática” até o fim da década de 1990, que hoje temos certeza que vocês, Millenials, reclamam de barriga cheia, quando o smartphone demora 0,00002 segundos a mais para enviar uma mensagem ou carregar um site. Duvidam? Então sintam só os sufocos que a gente tinha de passar com a Tecnologia até o fim do século passado e veja se nós, “dinossauros” não temos o direito de comemorar o Dia da Informática, mesmo que ninguém mais use esse termo. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Vocês precisam pagar para aprender a usar Word, Excel e Powerpoint? Pois é, os adultos do final do século passado precisavam. Assim como nossos pais tinham de aprender datilografia para conseguir um emprego nas décadas de 1960 ou 70, nós tínhamos de nos inscrever em cursos como a SOS Computadores, Microlins, Microcamp, entre outros, para aprender a mexer no Word, Excel e Powerpoint para conseguir algum lugar para trabalhar. Na época, essas escolas ofereciam cursos até de MS-DOS, já que o Windows 95 ainda era novidade no Brasil (na verdade, ter um PC em casa naquela época era uma novidade por aqui). O Clips do Word era uma irritante companhia nas aulas de Word da década de 1990 E assim como nos cursos de datilografia, a gente “catava milho” na hora de digitar qualquer coisa, até termos treinamento suficiente para criar intimidade com o teclado. E, para completar, esses cursos eram carinhos, viu? Vocês precisam instalar dezenas de disquetes para ter um jogo dentro do PC? Bom, eu não vou explicar aqui o que é disquete, mas posso dizer que ele era a unidade de armazenamento externa padrão nos PCs bem antigos, antes da chegada dos CDs. E como eles tinham um espaço bem pequeno para gravar as coisas – 1,44MB para ser mais exato – você precisava de muitos deles para conseguir, por exemplo, instalar um jogo popular da época, como Carmen Sandiego ou Doom. Perder um desses disquetes era mergulhar em um mundo de dor e estresse Ah sim, se uma das mídias estivesse corrompida (como, por exemplo, o último disquete de um total de 20 que você precisou usar para instalar aquele game), era necessário reiniciar todo o processo de instalação que, muitas vezes, levava horas. A demora de duas horas para baixar um jogo do Steam não parece tão ruim agora, né? Vocês precisam usar um teclado alfanumérico pra mandar mensagens? Antes da chegada dos primeiros smartphones e, principalmente, do iPhone, já era possível conversar com nossos amigos e familiares por mensagens via celular. Só que eram SMSs, as operadoras cobravam por cada uma deles (e não era barato) e, o pior de tudo, você tinha de usar um teclado alfanumérico dos aparelhos, que eram estreitos, apertados e, acima de tudo, dava um trabalho danado na hora de digitar as frases. Smartphones com teclado QWERTY físico eram privilégio de poucos (Oi BlackBerry!) E teclado touchscreen, então, era coisa de ficção científica. Digite um "Cheguei bem em casa" nesse celular em 2 minutos. Te desafio Basicamente, o tempo que você gastava para escrever a frase: “Oi, eu cheguei bem em casa, beijo” em um teclado alfanumérico era o mesmo para escrever a letra de Faroeste Caboclo em um teclado QWERTY em qualquer smartphone Android (ok, é um exagero, eu sei, mas vocês pescaram o sufoco). Aliás, vocês já tiveram de usar um PAGER para se comunicar? Ahhhhhhh, os pagers! Se você queria ser alguém tecnologicamente descolado no final da década de 1990, era obrigatório ter um deles, de preferência preso na cintura. Com esse tataravô do WhatsApp, você podia se comunicar com seus amigos e familiares (que também deviam ter um, claro), mas a forma de fazer isso não era necessariamente prática. Aliás, bem longe disso. Pager: o tataravô do WhatsApp Explico: para mandar uma mensagem para o seu amigo, era preciso ligar para a operadora do pager, falar com uma atendente e ditar, palavra por palavra, o que você queria que a outra pessoa recebesse. E, claro, muitas vezes, as coisas que você queria dizer ao seu amigo na mensagem eram embaraçosas demais para ditar a um desconhecido do outro lado da linha. Logo, apenas os mais corajosos iam em frente. E, claro, uma tecnologia dessas trazia outros perrengues: você não sabia se a outra pessoa ia receber a mensagem, era normal que as frases enviadas chegassem truncadas e cheio de erros e, o pior de tudo, se você estivesse na rua e recebesse uma mensagem, era preciso correr atrás de um orelhão para responder, pelo mesmo e burocrático processo. Sério, não tinha como dar certo... E você já tiveram que carregar um Discman para ouvir música na rua? Criado pela Sony, o Discman é um caso curioso no mundo da Tecnologia. Ele, talvez, tenha sido um dos poucos casos de “involução” de um produto, feito para substituir outro – no caso, o revolucionário Walkman, também inventado pela Sony. Porque, sério, ele era pior em quase tudo se comparado a um Walkman. Não era nada portátil, já que se tratava de um trambolhão redondo, que mal dava para colocar na cintura ou no braço, por exemplo, já que, quando ele balançava, as músicas eram interrompidas a todo momento. Consumia uma pilha violenta, que acabava em poucas horas se você quisesse trocar as músicas do CDs com alguma frequência. Sem contar que você precisava carregar os CDs para cima e para baixo, dentro da mochila, para não ter de se contentar em ouvir apenas um artista em repeat eterno. Ah sim e, absolutamente TODOS esses leitores de CDs portáteis eram muito feios. Boa sorte para usar isso na cintura / Crédito: Etsy.com Para não ser totalmente injusto com o Discman, pelo menos, você não precisava rebobinar os cassetes para frente e para trás sempre que quisesse repetir uma canção, como era o caso do Walkman. Bastava apertar o botão correspondente. Mas, de qualquer forma, eu não desejo um Discman nem para o meu pior inimigo...quer dizer, talvez, eu deseje... *Sim, eu sei que o Dia da Informática foi ontem, mas o que vale é a intenção, não me aborreçam. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 MEC envia ameaça de processo à Wikipédia por página sobre Abraham Weintraub MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Veja Mais

Peter Fonda, ator de 'Easy rider', morre ao 79 anos

G1 Pop & Arte Ator ficou conhecido por papel no filme de 1969, com título em português 'Sem destino', pelo qual foi indicado ao Oscar de roteiro. Ele também concorreu por atuação em 'O ouro de Ulisses' (1997). Peter Fonda em 'Easy rider' Divulgação O ator Peter Fonda, que ficou famoso pelo filme "Easy rider", com título traduzido no Brasil como "Sem destino", morreu nesta sexta-feira (16) aos 79 anos. Segundo a revista "People", ele tinha câncer de pulmão e teve insuficiência pulmonar. Parte de uma família de atores, Peter nasceu em Nova York e era filho de Henry Fonda e irmão de Jane Fonda. Ele começou a carreira na Broadway no começo dos anos 1960. O filme que impulsionou sua carreira, "Easy rider", teve também sua participação no roteiro e produção, além de atuação. "Easy rider" foi um marco na contracultura do final dos anos 1960, e também teve no elenco Dennis Hoppe e Jack Nicholson (que concorreu a melhor ator coadjuvante no Oscar). A trilha sonora tinha a famosa faixa-título, com a banda Stephenwolf. Peter Fonda concorreu ao Oscar pelo roteiro de "Easy rider". Mais tarde, ele também foi indicado pela atuação no filme "O ouro de Ulisses", de 1997. Ele ganhou o Globo de Ouro por "O ouro de Ulisses" e também por pela minissérie "The passion of Ayn Rand", em 2000. Peter deixa dois filhos: Justin Fonda e a atriz Bridget Fonda. O ator Peter Fonda em 2016 AP Veja Mais

Petrobras reduz preço da gasolina nas refinarias em R$0,10 por litro, ou quase 6%

R7 - Economia SÃO PAULO (Reuters) - A estatal Petrobras reduziu os preços da gasolina em suas refinarias em 10 centavos por litro, ou quase 6% para a gasolina "tipo A" e cerca de 5% para o produto "premium", segundo informações publicadas no site da estatal nesta sexta-feira.O reajuste é o primeiro praticado pela companhia desde 1° de agosto, quando as cotações haviam sido elevadas em 4%, ocasião em que houve alta também no diesel, que não teve alterações nesta sexta-feira.Os preços do petróleo Brent, referência global, acumulam baixa de cerca de 3% desde o último reajuste da petroleira.Segundo a Petrobras, os preços da gasolina e do diesel vendidos às distribuidoras têm como base a paridade de importação, formada pelas cotações internacionais mais os custos que importadores teriam, como transporte e taxas portuárias, por exemplo, além de uma margem que cobre os riscos.None (Por Luciano Costa) Veja Mais

Balaclava Fest anuncia line-up com Battles, Shame, ÀIYÉ e David Pajo

R7 - Música Habemus os primeiros nomes do Balaclava Fest 2019! O selo e produtora Balaclava Records divulgou a primeiro parte do line-up desta décima edição. Estão confirmados o duo norte-americano de math rock Battles, o punk britânico do Shame, David Pajo (Slint) em seu projeto Papa M, além de ÀIYÉ, nova faceta eletrônica criada pela multi-instrumentista Larissa Conforto, da Ventre. Tá ficando quente, hein? Mais atrações serão divulgadas nas próximas semanas! Assim como nos últimos anos, o festival terá dois palcos e será realizado na Audio, em São Paulo. O evento rola no dia 13 de Outubro e os ingressos do primeiro lote estão a venda no site da Ticket360 (link abaixo) e sem taxa de conveniência na bilheteria da casa de show e em mais pontos de venda da cidade. Bora? Serviço - Balaclava Fest 2019 Com Battles, Shame, Papa M, ÀIYÉ e muito mais Quando: 13 de outubro - domingo Abertura da casa: 16h00 Classificação: 16 anos Onde: Audio - Av. Francisco Matarazzo, 694 - Barra Funda - São Paulo - SP Capacidade da casa: 3.200 pessoas Acesso para deficientes: sim Local para alimentação: sim Wifi: sim Venda Ingressos: Bilheteria Audio (de segunda a sábado das 13h às 20h) Site ou aplicativo Ticket360 Cartões: Visa, Master, Amex, Hipercard Pontos de venda Balaclava Fest | Sem taxa de conveniência: Audio Av. Francisco Matarazzo, 694 - Água Branca, São Paulo Próximo ao Metrô Palmeiras - Barra Funda Horários: Segunda a sábado das 13h às 20h. Kraut Bar (Venda somente em dinheiro) Rua Barão de Tatuí, 405 - Santa Cecília Horários: Terça a sexta, das 12h as 15h / das 18h as 00h. Sábado do meio dia à 1h da manhã. Domingo do meio dia às 17h. Veja Mais

Deputado do PSL apresenta nove projetos de Lei que ampliam punições a preso

O Tempo - Política Parlamentar, que foi o único a apresentar propostas legislativas nesta sexta-feira, argumenta que há "excesso de benefícios penais e recursos judiciais" no Brasil Veja Mais

Veja quais itens não se pode levar para o show de Sandy & Junior em BH

O Tempo - Diversão - Magazine Público também deve ficar atento aos horários e portões de entrada do evento que ocorre neste sábado Veja Mais

Para associação dos empregados, venda dos Correios fere a Constituição

Valor Econômico - Finanças Entidade avalia ainda que a estatal perderia R$ 1,6 bilhão com a reversão da imunidade tributária Veja Mais

Ibovespa perde 4% na semana em meio a temor global de recessão

Valor Econômico - Finanças No dia, Bolsa teve leve alta, mas fechou abaixo dos 100 mil pontos Veja Mais

Deputados avaliam a privatização dos Correios

Deputados avaliam a privatização dos Correios

Câmana dos Deputados A privatização dos Correios está em estudo pelo governo, mas o presidente Bolsonaro já reconheceu que a decisão sobre o destino da estatal passa pelo Parlamento. Em recente decisão, o Supremo Tribunal Federal definiu que a venda de algumas estatais, como os Correios, precisa de aval do Congresso Nacional.Para avaliar a posição dos parlamentares sobre os Correios, os entrevistados desta edição do Câmara Debate são os deputados Kim Kataguiri (DEM-SP) e Leonardo Monteiro (PT-MG), que coordena a Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Correios. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

First Eagle aumenta participação na Cielo e agora detém 5,37% das ações

R7 - Economia A Cielo (CIEL3) divulgou que uma das acionistas, a Firts Eagle Investment Management, aumentou sua participação na companhia e passa a administrar 145.961.326 ações ordinárias da empresa, correspondente a 5,37% dos papéis totais. De acordo com o documento liberado nesta sexta-feira (16), a empresa americana deixou claro que não pretende participar do controle da empresa […] Veja Mais

Dólar fecha semana marcada por temor de recessão em R$ 4,00

Valor Econômico - Finanças Dólar teve sua quinta semana consecutiva de ganhos sobre o real Veja Mais

Acompanhe os melhores momentos do Plenário – 16/08/19

Acompanhe os melhores momentos do Plenário – 16/08/19

Câmana dos Deputados Acompanhe no Fatos & Opiniões os melhores momentos do Plenário desta semana. - Liberdade Econômica A semana começou com a análise da proposta que tem como objetivo reduzir a burocracia em vários segmentos da atividade econômica. Entre os principais pontos estão a autorização de trabalho aos domingos e a dispensa de alvarás prévios de funcionamento para pequenos comerciantes e prestadores de serviços. O ponto que causou maior polêmica foi a permissão do trabalho aos domingos sem a obrigação do pagamento em dobro, se a folga for autorizada para outro dia da semana. Em uma negociação entre o presidente da CUT- Central Única dos Trabalhadores, e o presidente da Câmara, ficou assegurada uma folga a cada quatro domingos de trabalho em vez de a cada sete, como previa o primeiro texto do relator. A medida provocou forte reação no Plenário. O texto principal da MP da Liberdade Econômica foi aprovado por 345 votos a favor e 76 contra. Dos 16 destaques, tentativas de modificação ao texto, o que provocou mais divergências foi novamente a questão do trabalho aos domingos, mas, dessa vez, o ponto central foi o aval dos sindicatos. Modificações propostas pelo PCdoB e PDT queriam que o trabalho aos domingos fosse avalizado pelos sindicatos de cada categoria. A proposta será analisada agora pelo plenário do Senado. - Abuso de autoridade Outra proposta analisada pelos deputados foi o projeto que define os crimes de abuso de autoridade cometidos por servidores públicos, incluindo juízes, promotores e policiais. Alguns líderes defendiam o adiamento da votação da matéria. Um dos pontos polêmicos foi a proibição do uso de algemas nos casos em que não haja resistência à prisão, ameaça de fuga ou ameaça à integridade física do preso. Alguns deputados criticaram este trecho da proposta e defendem o veto à questão do uso de algemas. A proposta segue agora para sanção presidencial. - Porte de armas O Plenário aprovou também urgência para projeto do Governo que permite a concessão de porte de armas de fogo para novas categorias, além das previstas no Estatuto do Desarmamento. A proposta deve ser votada na próxima semana. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

EUA: Bolsa está em nível mais “caro” desde a bolha das “pontocom”

R7 - Economia O índice S&P 500 está em seu nível mais “caro” desde a bolha das “pontocom”, revela um relatório enviado a clientes pelo Bank of America Merrill Lynch nesta sexta-feira (16). Os economistas do banco estimam a chance de 1 em 3 para uma recessão da economia americana em 2020, o que normalmente é acompanhada (ou […] Veja Mais

Petrobras fará oferta pública de R$ 3 bilhões em debêntures

Valor Econômico - Finanças Oferta será realizada em 3 séries e será destinada a projetos de exercício das atividades de exploração e avaliação em área de blocos Veja Mais

UPS vem entregando encomendas nos EUA com caminhões autônomos

UPS vem entregando encomendas nos EUA com caminhões autônomos

canaltech A UPS, empresa de entrega de encomendas dos Estados Unidos, vem sorrateiramente testando a entrega de cargas de baixa demanda entre as cidades de Phoenix e Tucson, no estado do Arizona. “Grande coisa, Canaltech”, você deve ter pensado: a novidade, porém, é que a empresa está usando a rota para testar seus caminhões de direção autônoma. Segundo informações divulgadas recentemente pela empresa, os testes são resultados de uma parceria firmada entre a UPS e a startup de caminhões de dirigibilidade autônoma TuSimple, que utiliza caminhões da Navistar que embarcam a sua própria tecnologia de direção. De acordo com a UPS, a startup está “ajudando a companhia a entender melhor os requerimentos de direção autônoma nível 4 de caminhões em sua rede logística”. A UPS, serviço de entregas de encomendas e correspondência dos EUA, está testando o uso de caminhões de direção autônoma entre cidades no estado do Arizona “Nível 4” refere-se à escala praticada por engenheiros e especialistas no setor de direção autônoma: esse nível engloba, especificamente, veículos que são totalmente capazes de se dirigirem sozinhos (100% de autonomia), mas que estão “travados” a uma rota específica por comandos de GPS. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- No caso da UPS, os caminhões atuam entre Phoenix e Tucson, uma distância média de 130 milhas (ou 209,2 quilômetros) e apenas com cargas de baixa demanda. Então não, não estamos falando das suas compras na Amazon, mas sim de cargas de equipamentos comerciais de baixo valor, de empresas para empresas. Os caminhões da UPS ainda contam com dois ocupantes: um motorista que serve de backup e um engenheiro que monitora o sistema e assegura seu funcionamento. A empresa não informou dados de sucesso (ou fracasso) dos testes, então não sabemos qual a frequência por onde um motorista humano teve que assumir o volante. Os testes da UPS envolvem a entrega de equipamentos comerciais de baixa demanda, e os caminhões transitam cerca de 230 quilômetros de distância, com engenheiro e motorista dentro do veículo para assumirem em caso de imprevistos A UPS não é a primeira a tentar algo do tipo, embora o teste a coloque como uma das mais avançadas no setor: Kodiak, Einride, Waymo e Daimler são algumas das empresas que têm brincado com o desenvolvimento de caminhões autônomos. A Uber tinha um projeto de SUV autônoma, mas descontinuou seus planos após um veículo de testes se envolver na morte de um pedestre em março de 2018. Finalmente, as ações de parceria da UPS parecem reforçar o seu recente acordo comercial com a Amazon: a empresa possui projetos relacionados à entrega de encomendas por drones e já emprega o uso de caminhões elétricos para entregas em todo o território estadunidense. Todas essas searas possuem algum projeto similar na Amazon. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Maya Hawke (Stranger Things) estreia no mundo da música com dois singles; ouça

R7 - Música Se tem uma série cheia de músicos no elenco, está série com certeza é Stranger Things. Agora, Maya Hawke também entrou na 'onda'. A atriz que vive Robin Buckley na terceira temporada do seriado da Netflix acaba de lançar seus primeiros dois singles. 'Stay Open' e 'To Love a Boy' foram escritas em parceria com Jesse Harris, que já trabalhou com nomes como Norah Jones e Melody Gardot. Maya não deixou claro se pretende lançar um disco. Ouça as canções nos players logo abaixo! Stranger Things https://open.spotify.com/track/2r3OTzoSqFmNknyJqYZSrU https://open.spotify.com/track/2SQbwxGKnaVuHlvysPDSUt Além da estreante Hawke, a série tem também em seu elenco Finn Wolfhard, vocalista e guitarrista da Calpurnia. Ainda no grupo das crianças, Gaten Matarazzo também canta na Work In Progress -- enquanto isso, o galã Joe Keery era membro da Post Animal, e agora acaba de lançar um projeto solo. Veja Mais

Já pensou? Lei de 1967 dá poderes à Disney para construção de usina nuclear

Já pensou? Lei de 1967 dá poderes à Disney para construção de usina nuclear

canaltech Desde que Walt Disney lançou o primeiro parque de diversões do mundo, o Walt Disney World, o público logo o adotou como "o lugar mais feliz da Terra", um espaço que, em princípio, não teria nada a ver com energia nuclear. Ironicamente, em 1967, o estado da Flórida aprovou uma lei que permitia à Disney construir uma usina nuclear, e essa lei ainda é válida. Em outras palavras, em algum momento no futuro, e se a Disney quisesse, poderia construir sua própria usina nuclear. E embora a história possa soar alarmante, é na verdade um reflexo do poder político que a gigante do entretenimento teve no passado. Entenda a história Naquela época, a Disney queria proteção contra regulamentações governamentais e também tinha uma influência política incomum, principalmente porque o estado e a comunidade local queriam o parque a todo custo. O nome EPCOT, por exemplo, siginifica Experimental Prototype Community of Tomorrow Sob ou o Protótipo da Comunidade Experimental de Amanhã, o sonho de Walt Disney nos anos 1960. Uma cidade utópica com pinceladas orwellianas muito próxima de se tornar realidade. Obviamente esse plano não foi concluído e, finalmente, o EPCOT acabou sendo apenas parte do parque temático da Disney, na Flórida. Mas sua história e o que foi planejado dão contexto à lei que ainda está em vigor. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- O projeto original do EPCOT/ Imagem: Disney A Disney queria transformar uma cidade real em uma cidade futurística. Esta é precisamente a premissa em que se baseou o projeto inicial: construir um local destinado a estimular as empresas americanas a alcançar novos marcos para a vida urbana, sendo a inovação tecnológica uma das chaves para isso. Por essa razão, Walt Disney achava que a Flórida era o destino perfeito e a melhor localização para o novo projeto e, por meio de várias empresas fictícias, ele acabou comprando mais de 100 km² de pântanos no estado, um enclave localizado entre Orlando e Kissimmee. A "cidade" EPCOT/ Imagem: Disney Além disso, ele conseguiu que o Estado da Flórida concedesse à Walt Disney Productions a jurisdição municipal sobre as terras que ele havia comprado, garantindo controle total sobre qualquer aspecto do desenvolvimento de tais propriedades, incluindo a construção de prédios, estradas e drenos, cobrança de impostos, emissão de títulos eserviços de emergência — poderes que geralmente são pertencentes a um governo de condado. Essa jurisdição ficou conhecida como o "Distrito de Melhoramento de Reedy Creek". Governo autônomo Em essência, Walt Disney conseguiu ter todos os poderes, algo como um governo autônomo dentro de outro. Desta forma, o ângulo nuclear deve ser fundamental para o plano futurista do Epcot: a Disney queria que a cidade fosse auto-suficiente, e a energia nuclear era a melhor maneira de fazê-lo, mesmo com a palavra "nuclear" remetendo a outras coisas.   O tempo passou, e com isso a força midiática de tudo relacionado ao "nuclear" acabou por "matar este projeto ou possibilidade. No entanto, essa lei nunca foi alterada e, de fato, ainda está em vigor. De qualquer forma, não parece que a Disney tenha planos de construir uma estação de energia nuclear. Hoje, a empresa está engajada em energia verde, tendo feito mudanças significativas em todos os seus parques, mudando sua iluminação para LED, e usando energia solar e gás natural para alimentar as atrações. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Fãs de De Volta para o Futuro pedem um quarto filme em petição online

Fãs de De Volta para o Futuro pedem um quarto filme em petição online

Tecmundo Uma petição online foi criada para a realização de um quarto filme de De Volta para o Futuro. Fãs da franquia utilizaram o site Change.org para criar o pedido intitulado de Make Back To The Future 4 Happen, ou "Faça De Volta para o Futuro 4 acontecer".O texto de descrição do pedido explica que há mais de 30 anos desde que o último filme foi lançado e 35 desde o primeiro. A petição lembra ainda que Os Caça-Fantasmas ganhará em 2020 uma sequência direta do primeiro filme, por que não fazer o mesmo com a história de Marty McFly?Leia mais... Veja Mais

Vídeo apresenta sistema de controle por gestos em aparelhos da Huawei

Vídeo apresenta sistema de controle por gestos em aparelhos da Huawei

canaltech A Huawei fez uma conferência na China na última semana, cujo foco foi a apresentação do HarmonyOS, seu sistema operacional que pode substituir o Android. Apesar das questões burocráticas da empresa com os EUA, um detalhe do novo programa são novidades relacionadas a controle por gestos e conexão com sistemas de casa conectada. Um vídeo divulgado pela página Huawei Club, voltada para informações e vazamentos da empresa, mostra formas de controlar um aparelho somente por gestos. O usuário pode iniciar e parar uma música, aumentar volume e mudar o áudio somente com movimentos. O post ainda reforça que isso pode ser feito também em uma tela grande como a de TV. 1/2In #HDC2019, Huawei showed millimetre-wave air gesture controls for phones to play & pause music, increase & decrease volume, change tracks & project on to the big screen(TV).Unlike Pixel 4 (Soli), this doesn't require any forehead space. pic.twitter.com/qILpyBmFhN -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- — Huawei Club (@ClubHuawei) August 15, 2019 É possível perceber que o dispositivo não conta com um entalhe robusto, somente um espaço em formato de gota para a lente frontal. Assim, pode-se inferir que o sistema da Huawei não exige um complexo conjunto de sensores, como acontece com o mesmo sistema do Pixel 4. O aparelho da Google mantém um design mais tradicional na frente exatamente para conseguir suportar todo hardware para sensores de movimento. Casa conectada Durante a sua apresentação, a Huawei foi bastante enfática em dizer que o HarmonyOS seria focado em internet das coisas (IoT). Um outro vídeo, também apresentado pelo mesmo perfil do Twitter, mostra não só o controle por gestos, mas também a ligação com um televisor. A campanha mostra um usuário acordando e com o passar de mão pelo smartphone já regula volume do som, e modifica as músicas. Ícones no vídeo mostram que o aparelho está recebendo informações de sinais de respiração, batimentos e distância do usuário, para análise de saúde. 2/2Also used to measure heartbeat, breathing & distance(range).#HDC2019Sort of similar to Pixel 4 (Soli) in functionality, but more applications & better implementation. pic.twitter.com/GybrjpjmKB — Huawei Club (@ClubHuawei) August 15, 2019 No fim, o usuário bate as palmas e uma TV, também com sistema da Huawei, se liga ao fundo e o interage com o smartphone em um sistema semelhante ao airPlay. Vale lembrar que este é um vídeo promocional com um protótipo da ideia que a companhia quer passar com o seu sistema operacional. Ainda não é uma demonstração ao vivo de como o smartphone poderia interagir com a TV pelos comandos gestuais do usuário. A expectativa da Huawei é de que o HarmonyOS apareça em aparelhos ainda este ano. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Preços dos combustíveis sobem nos postos na semana, diz ANP

G1 Economia O prelo médio da gasolina subiu 0,16%, e o diesel teve elevação de 0,03%. Os preços médios dos combustíveis avançaram nos postos nesta semana, com a gasolina e o diesel voltando a subir após terem interrompido uma série de recuos na semana anterior, mostraram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta sexta-feira (16). A cotação média do diesel, combustível mais utilizado do Brasil, fechou a semana a R$ 3,525 por litro, alta de 0,03%. Foi o segundo aumento consecutivo, depois de uma sequência anterior de três semanas de baixa. A gasolina ficou em média a R$ 4,326 por litro nas bombas, alta de 0,16% frente à semana anterior, quando o combustível havia quebrado uma série de 12 semanas seguidas de retração nos preços. O etanol hidratado, concorrente direto da gasolina nos postos, marcou a maior alta semanal, de 0,7%, para R$ 2,818 por litro. A Petrobras reduziu os preços da gasolina em suas refinarias nesta sexta-feira em R$ 0,10 por litro, ou quase 6% para o combustível "tipo A", enquanto o diesel não teve reajuste. Os repasses dos ajustes no preço dos combustíveis da Petrobras nas refinarias para ao consumidor final, nos postos, dependem de diversos fatores, como impostos, margens de distribuição e revenda e mistura de biocombustíveis. Posto de gasolina em São Paulo. Marcelo Brandt/G1 Veja Mais

Raquel se opõe a pedidos de Marcelo Odebrecht na Lava Jato

O Tempo - Política Procuradora-geral da República enviou ao STF manifestação pelo indeferimento de diversos pedidos da defesa do empresário Veja Mais

Banco Safra tem lucro de R$ 1 bilhão no primeiro semestre

Valor Econômico - Finanças Montante equivale a um crescimento de 1,7% em relação ao mesmo período do ano passado Veja Mais

Os melhores apps Android da semana (16/08/2019)

Os melhores apps Android da semana (16/08/2019)

canaltech Mais uma semana que entra com novos aplicativos chegando à loja da Google. A nossa lista conta com várias opções para fotos, leitores de PDF, jogos com muitas cores, além de opções em mudar a carinha do seu sistema operacional. Vamos lá! 1. Bloqueio de aplicativos  Foto: Google Play O tema de segurança em smartphones está cada vez mais em voga depois dos acontecimentos recentes do Telegram e a política nacional. Se você é dos que ficaram com medo de fragilidades de segurança do seu smartphone, este app pode ajudar bastante. O programa faz exatamente o que o nome sugere: permite bloquear por senhas acesso a apps dentro do seu smartphone. Ele faz isso com algumas funcionalidades bem interessantes. Primeiro, permite que você crie perfis diferentes de segurança. Por exemplo, se está no trabalho, com muita gente em volta e quer mais segurança, é possível aumentar o número de apps bloqueados. Contudo, quando você chegar em casa, pode ser cansativo colocar sempre as senhas sempre que for só conferir aquele zap, por exemplo. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- O programa permite desbloqueio usando PIN e até mesmo biometria, com mudanças de perfis quando você conecta no bluetooth do carro ou entra no wi-fi de casa. Ele é gratuito e recebeu a atualização Smatt Applock em 13 de agosto deste ano. Ele pede Android 4.1 ou acima para funcionar. 2. GeoLife Foto: Google Play Este app é voltado para pais preocupados com a localização dos filhos. Ele oferece uma conexão entre aparelhos para indicar onde que as pessoas de um mesmo grupo está. Por exemplo, você pode cadastrar locais como a escola, casa de amigos, aula de inglês e outros para, quando ele for até lá, você receber uma notificação em seu aparelho. O app também conta com um botão de pânico, que já liga direto com todos os integrante do grupo. O programa é gratuito e foi lançado em 1 de agosto de 2019. Ele pede Android 5.0 ou acima para funcionar. 3. PDF&Word viewer, ePub Reader Foto: Google Play São várias as opções de leitores de PDF que existem por aí, mas nem sempre é fácil encontrar um que realmente se encaixe dentro de uma proposta que a gente quer. Este programa tem algumas ferramentas que o fazem um pouco fora da curva da mesmice. Primeiro, pela ferramenta de scan do computador. Ele pega todo arquivo possível de ser lido por ele e cria uma biblioteca automática de acordo com o tipo, seja livro, estudo ou documento. Também traz ferramentas bastante leves para que você possa editar em cima de documentos. Ou seja, para você que usa um tablet ou outro tipo de aparelho para ler trabalhos de faculdade e assinar documentos importantes, este pode ser um bom programa para isso. O app é gratuito e pede Android 5.0 ou acima para funcionar. O programa foi lançado em 13 de agosto. 4. Firefox ScreenshotGo Foto: Google Play A Mozilla lançou um programa totalmente voltado para você conseguir gerenciar screenshots. Isso mesmo, se você é daqueles que tira um print da tela por qualquer coisa e depois fica perdido com isso no seu smartphone, esse app é para você. A ideia dele é que todas imagens que você tira usando o sistema de screenshot do seu smartphone vão para mesmo lugar. Ainda, para quem precisa usar bastante a captação de imagens para tutorial ou atividades similares, ele já permite aditar dentro do próprio app, incluindo setas, contornos e textos. Por fim, ele conta com um botão que fica permanentemente em tela para você tirar um print da tela com mais facilidade. Lançado em março deste ano, o app ainda está em fase de testes, e funciona gratuitamente para usuários de Android 5.0 ou acima. 5. Neon Glow   Neon Glow é um daqueles games com uma boa criatividade envolvida e uma bela direção de arte. A ideia aqui é a seguinte: você conta com objetos aleatórios com cores neon pelo ambiente. É preciso girar a tela até que se encontre a posição certa para se fazer o objeto em questão. Ou seja, é tudo sobre perspectiva. A ideia é bacana, mas o game não oferece, assim, aqueeeeeeeele desafio. Mesmo assim, é algo que agrada aos olhos e permite passar um bom tempo olhando algumas imagens realmente interessantes. O game é gratuito e funciona em aparelhos com Android 5.0 ou acima. Ele foi lançado em 2 de agosto. 6. Lens Distortions   Se você é fotógrafo e quer explorar um pouquinho mais do que uma edição de fotos mobile pode lhe oferecer, talvez possa gostar desse app. Ele tem uma série de distorções que você pode fazer em uma foto, além de ferramentas de edição. Por exemplo, se você está com uma foto de um dia chuvoso, pode adicionar um pouco de neblina para dar um ar ainda nebuloso. Ele conta com efeitos de luz, mudança de cores, e também tem uma capacidade de machine learning que pode auxiliar o usuário nas melhores edições automaticamente. O programa é gratuito e chegou em julho deste ano. 7. Petwar.io    Quem já jogou Mario Party do Nintendo 64, com certeza conhece esse jogo. Ele é aquele minigame em que você está em cima de uma bola e precisa mandar todos s outros participantes embora de uma plataforma. Simples assim. O game rola primordialmente online, mas tem uma versão offline também. Aqui, 12 personagens são colocados em cima de uma plataforma e você precisa ser o único em cima dela. O interessante é que o game brinca com a ideia que se trata de uma plataforma de gelo, logo é tudo muito escorregadio. A proposta é inteligente para mascarar uma mecânica não tão acurada assim. Lançado em 14 de agosto para usuários do Android 4.1 ou acima, o game é gratuito na loja da Google. 8. Bowvie Weather Foto: Google Play Os aplicativos de clima têm ganhado bastante destaque nos últimos tempos. O Bowie é um programa que oferece de forma muito fácil e simplista a previsão do tempo. Diferente de outros programas que mostram índices pluviométricos e outras informações lá não muito significativas, a proposta aqui é mostrar apenas o que importa: a temperatura e se vai chover ou não. O programa oferece uma lista bem minimalista com todas as previsões do dia e semana. Claro, se você quiser se aprofundar, é possível. Contudo, a ideia aqui é que ele seja o mais limpo possível. Apesar de ser uma criação internacional, ele funciona em cidades brasileiras. Ele foi lançado em 28 de julho, gratuitamente, para usuários de Android 5.0 ou acima. 9. MIUI-ify  Foto: Google Play O MIUI-ify é uma proposta para fazer a barra de tarefas ficar mais acessível no seu smartphone. O programa modifica o local de suas notificações e acesso a barra de status, jogando-a para a parte inferior e não superior como acontece no Android normalmente. A mudança aparece no sitema operacional da Xiaomi, o MIUI, por isso o nome do programa. Pode parecer uma mudança boba, mas isso facilita o acesso a notificações, principalmente se você é daqueles que gosta de checar uma mensagens sem entrar no app do WhatsApp. por exemplo. O app é gratuito e chegou à loja da Google em 18 de julho. Ele pede Android 5.0 ou acima para funcionar. 10. Pular uma Cabeça - Gumball   Sim, eu sei. Esqueça este nome que se trata de uma tradução automatizada do game, originalmente chamado de Kickahead. O game traz o personagem do Cartoon Network, Gumball, em um jogo de rolagem lateral. Ele leva esse nome exatamente porque é preciso bater na cabeça de tudo que está embaixo do Gumball. O grande trunfo, aqui, é que você não precisa esperar o personagem fazer todo o arco de voo dele. Sempre que você toca na tela, Gumball desse com tudo na cabeça de um inimigo e volta para o ar com um pulo. O objetivo é você ir o mais longe possível sem tocar o chão. O game, apesar do nome, é uma produção oficial do Cartoon Network. Ele chegou gratuitamente para usuários de Android 5.1 ou acima em 6 de julho. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 MEC envia ameaça de processo à Wikipédia por página sobre Abraham Weintraub MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Veja Mais

Petrobras reduz preço da gasolina nas refinarias em R$ 0,10 por litro

G1 Economia Combustível vai ficar 6% mais barato. Estatal deixou inalterado o preço do diesel. A Petrobras reduziu os preços da gasolina em suas refinarias em 10 centavos por litro, ou quase 6% para a gasolina "tipo A", e cerca de 5% para o produto "premium", segundo informações publicadas no site da estatal nesta sexta-feira (16). Refinaria da Petrobras em Paulínia (SP) Paulo Whitaker/Reuters O reajuste é o primeiro praticado pela companhia desde 1° de agosto, quando as cotações haviam sido elevadas em 4%, ocasião em que houve alta também no diesel, que não teve alterações nesta sexta-feira. Os preços do petróleo Brent, referência global, acumulam baixa de cerca de 3% desde o último reajuste da petroleira. Segundo a Petrobras, os preços da gasolina e do diesel vendidos às distribuidoras têm como base a paridade de importação, formada pelas cotações internacionais mais os custos que importadores teriam, como transporte e taxas portuárias, por exemplo, além de uma margem que cobre os riscos. Veja Mais

J.P. Morgan reduz participação acionária na Kroton

R7 - Economia O J.P. Morgan reduziu a sua participação acionária na Kroton (KROT3), informou a companhia por meio de comunicado enviado ao mercado nesta sexta-feira (16). A fatia na empresa de educação passou de 5,32% para 4,62% ao realizar a venda de 11.511.200 ações. Veja Mais

Ação do Magazine Luiza está cara (e vai continuar assim)

R7 - Economia As ações do Magazine Luiza (MGLU3) estão caras e vão continuar assim, avalia o BTG Pactual em um relatório enviado a clientes em que muda o preço-alvo para os papéis a R$ 44. Os analistas Luiz Guanais e Gabriel Savi explicam que os ativos não são uma barganha. “Mas ao se transformar de uma varejista puramente […] Veja Mais

GE fecha em alta de mais de 9%, um dia após acusação de fraude

Valor Econômico - Finanças Nesta semana, contador que revelou esquema de pirâmide da gestora de ativos de Bernard Madoff disse que a companhia cometeu fraude contábil Veja Mais

CNC avalia setor de café do Brasil como competitivo, pode superar crise em breve

R7 - Economia SÃO PAULO (Reuters) - O Conselho Nacional do Café (CNC), que congrega as maiores cooperativas e associações de cafeicultores do Brasil, avalia que os agricultores do país têm condições de superar "em breve" o momento de preços baixos no mercado internacional, uma conjuntura que tem gerado alguns protestos do setor.Segundo carta assinada pelo presidente do CNC, Silas Brasileiro, o segmento conseguirá superar essa fase, na qual os preços internacionais estão próximos dos menores níveis em mais de 13 anos, pois os cafeicultores do país são competitivos e trabalharam nos últimos anos para baixar seus custos de produção.Aliás, o dirigente do CNC ressaltou que logo haverá um "equilíbrio entre oferta e demanda devido à baixa safra de 2019, ao comprometimento na produção de 2020, em razão dos baixos tratos culturais e da condição climática adversa", o que poderia melhorar o cenário de mercado para os produtores.Segundo ele, com investimentos menores agora, a próxima colheita do maior produtor e exportador global de café "se enquadrará dentro da média que temos produzido". Brasileiro ainda lembrou que estoques do país estão relativamente baixos. Ele não citou estimativas."O momento atual é de uma crise aguda a nível mundial, pois os preços aviltados nos levam, às vezes, a tomar medidas imediatistas que, ao invés de beneficiar os nossos produtores, podem beneficiar os demais países que produzem café, isto em razão de não terem uma política cafeeira como temos no Brasil", afirmou Brasileiro, sem fazer qualquer citação específica.Há alguns movimentos do setor que apoiam proposta da Colômbia de estabelecimento de um preço mínimo mundial de exportação de café. Uma outra associação de cafeicultores do Brasil, a Sincal, defende que o país e outras nações discutam o tema e sugeriu a criação de uma Organização dos Países Produtores de Café (Ocafé) para lidar com a crise.A carta do CNC foi escrita após produtores realizarem alguns protestos no início da semana em Cabo Verde (MG), contra os "preços baixos" do café, conforme relatos na imprensa local.Para o CNC, contudo, os produtores brasileiros são "sustentáveis", têm qualidade e, "embora os preços no momento não sejam remuneradores, podemos antever que permaneceremos no mercado".Ainda que os preços globais estejam em torno de 96 centavos de dólar, perto de mínimas de mais de uma década de 88 centavos, registradas em maio na bolsa de Nova York, no mercado interno a cotação consegue alguma sustentação nos momentos de alta do dólar, quando os produtores aproveitam para negociar lotes.Além disso, ressaltou Brasileiro, "os investimentos em pesquisa nos últimos 20 anos, de aproximadamente 200 milhões de reais, prepararam os produtores brasileiros, que são muito competentes, para momentos como este, de crise de preços, que estamos passando".Ele comentou que o Brasil vive um momento de "inflação baixa e disponibilidade de recursos, o que nos torna extremamente competitivos".O dirigente da associação ainda destacou que "em breve" o mercado responderá e o Brasil sairá fortalecido "da crise hoje vivenciada, visto que somos um país que tem política para o café". Ele lembrou que os cafeicultores do Brasil contam com 6 bilhões de reais para financiamentos, dentro da política do governo de apoio ao setor. None (Por Roberto Samora) Veja Mais

Questionário mais curto visa ampliar cobertura do Censo – mas não há garantia, diz diretor do IBGE

G1 Economia Segundo Eduardo Rios-Neto, responsável pelas pesquisas do instituto, redução do questionário não foi feita para cortar custos. O diretor de Pesquisas do IBGE, Eduardo Rios-Neto, disse nesta sexta-feira (16) que a redução do número de perguntas do Censo 2020 não foi motivada por corte de custos, mas para reduzir o tempo de aplicação e ampliar a base de cobertura do questionário. Questionado sobre se a medida seria eficaz para atingir esse objetivo, porém, ele disse não ter "evidências 100%". "Você tem evidências de que um número menor facilita isso [a cobertura]? 100%, não. Mas o que eu tenho evidência, como todo mundo de TI que você conversa, é que clareza no questionário, simplicidade do questionário, e questionário curto, para autoaplicação (...) é crucial. Então, pelo sim, pelo não, nós estamos cortando", afirmou. O questionário básico do Censo 2020, aplicado em todas os domicílios, terá 26 perguntas, contra 34 no último levantamento, realizado em 2010. Já o questionário mais detalhado, de amostra, terá 76 perguntas, contra 102. A prova piloto para o Censo do ano que vem chegou a ter 112 questões. "Claro, se fosse para cortar [questões] a um custo social muito grande, talvez não valesse a pena. Por isso é que tem toda essa discussão das perguntas [na prova piloto] e tudo." O diretor do IBGE afirmou que a demanda por privacidade é atualmente um importante obstáculo para a ampliação da cobertura. "Sem tecnologia, vai ser difícil a gente abrir domicílios de difícil acesso. E na tecnologia, tempo é crucial" disse. Rios-Neto destacou que, com a melhoria dos serviços e o envelhecimento populacional, contar precisamente os habitantes do país e saber a idade de cada um é essencial para traçar a política pública. E, de acordo com ele, as mudanças no questionário foram feitas para focar nessa coleta. Na visão dele, mais do que formar um retrato social, o censo é feito para "gerar o denominador da política pública", ou seja, fazer a contagem de pessoas. "O enxugamento do questionário básico não tem nada a ver com custo-benefício do orçamento", afirmou. Veja Mais

Argentina: Fernandez será mais moderado do que Cristina Kirchner, avalia Bank of America

R7 - Economia Um novo governo na Argentina sob a administração de Alberto Fernandez, vencedor das primárias no país, será mais moderado do que o visto no período de Cristina Kirchner, avalia o Bank of America em um relatório enviado a clientes nesta sexta-feira (16). Segundo o economista Sebastian Rondeau, Fernandez irá continuar engajado com o FMI – apesar de renegociar os […] Veja Mais

Projeto Scarlett é o único console a ser lançado num futuro próximo

Projeto Scarlett é o único console a ser lançado num futuro próximo

canaltech Muitos usuários alimentam esperanças de que haverá vários modelos da próxima geração do Xbox. No entanto, durante uma entrevista feita na última quinta-feira (15) ao Gamespot, o chefe do Xbox, Phill Spencer, aproveitou para refutar os rumores em torno disso. Durante a entrevista, Spencer explica que o único console Xbox num futuro próximo é o Scarlett. Recentemente, na E3 2019, ele disse que o Xbox Scarlett deve focar em frame rate e jogabilidade. Outro ponto muito importante da entrevista é que o chefe do Xbox não acha que os sistemas de nuvem irão substituir totalmente os consoles tradicionais. "Eu acho que a inevitabilidade da nuvem como parte do jogo é absolutamente verdadeira. Mas temos mais dispositivos de computação ao nosso redor do que jamais tivemos, seja seu telefone, um Surface Hub ou um Xbox. Os dispositivos de computação se foram e tudo vem da nuvem no mundo em que vivemos hoje", Phill Spencer aponta. Os dispositivos físicos ainda fazem parte da equação quando se trata de jogos na nuvem, mas o próprio Xbox não está criando um novo dispositivo especificamente para ela. "No ano passado falamos sobre o xCloud e depois dissemos que estávamos trabalhando em novos consoles de jogos, mas foi só o que eu disse", esclareceu. "Nós não dissemos que [um console só para streaming estava nos planos]. Não estamos trabalhando em um console somente de streaming no momento". -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Ele também fala sobre a empresa e a sua relação com o público: "Há uma máxima sobre a qual acho sempre importante conversarmos com nossos clientes. Com a xCloud, estamos criando mais conveniência para que você possa levar sua experiência no Xbox sempre com você". Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Afinal, como a redução de impostos para videogames irá afetar seu bolso? MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Veja Mais

GS1 Brasil: Número de empresas que encerram portfólio de produtos cai 19,4% em julho

R7 - Economia O número de empresas que encerraram seus portfólios de produtos caiu 19,4% em julho comparado ao mês anterior, segundo mostra o Radar Empresarial, calculado pela GS1 Brasil. Na relação ano a ano, o indicador registrou queda de 5,1%. No acumulado dos últimos 12 meses, a variação negativa foi de 3%. Para as micro e pequenas empresas […] Veja Mais

À espera do amendoim brasileiro no frango xadrez, cooperativa cresce, mas vê renovação menor com cana

R7 - Economia Na fila de produtos do agro que aguardam o gigante China baixar no Brasil com mais apetite vão falar de café, suco de laranja, frutas frescas, etanol e outros. Poucos vão se lembrar do amendoim. Isso, esse grão altamente calórico, presente em uma infinidade de produtos finais, marca participação de mais de R$ 1 bilhão […] Veja Mais

Relatório aponta que apenas 2% do lixo eletrônico brasileiro é reciclado

Relatório aponta que apenas 2% do lixo eletrônico brasileiro é reciclado

canaltech Ainda que a lei brasileira exija que as fabricantes de notebooks, smartphones e outros equipamentos eletrônicos sejam responsáveis por efetuar o descarte correto de produtos, um relatório apresentado nesta quinta-feira (15) no Senado mostra um número preocupante: apenas 2% de todo o resíduo eletrônico do país está sendo reciclado. O relatório foi apresentado por Romulo Nagib, presidente da Comissão de Direito Ambiental da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Os números foram apresentados ao Senado durante uma audiência pública da Comissão de Meio Ambiente (CMA). Durante a discussão foram apresentados alguns dos motivos desse percentual de reciclagem ser tão baixo, como o custo da coleta e as dificuldades operacionais de transporte e o fato de que, atualmente, fazer a reciclagem desses equipamentos não garante nenhum tipo de financiamento ou incentivo fiscal para a indústria. Há ainda a dificuldade para a instalação de pontos de coleta de eletrônicos nas cidades (por exemplo, até mesmo em Brasília não há a coleta e reciclagem de lixo eletrônico), a falta de integração das empresas responsáveis pela reciclagem desses produtos com os catadores de lixo, e ainda a falta de uma cultura do próprio brasileiro em se preocupar com o destino correto dos eletrônicos em desuso. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Hoje, o Brasil possui 420 milhões de dispositivos digitais (como computadores, smartphones, videogames, etc) e a quantidade de lixo eletrônico produzida pelo país deve aumentar exponencialmente nos próximos anos, por isso é importantíssimo criar, o mais rápido possível, toda uma infraestrutura para a destinação correta desses resíduos, pois eles possuem metais que, se não reciclados corretamente, podem poluir o ambiente e causar sérias doenças à população. De acordo com Luis Carlos Machado, gestor de sustentabilidade da Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos, a indústria da chamada “linha branca” (eletrodomésticos) já vem pleiteando junto ao poder público alguns incentivos para que se faça a reciclagem dos materiais. Ele também pede para que haja um financiamento para o custo desta logística reversa e cita como exemplo o Japão, que é referência mundial na gestão de lixo eletrônico, onde o preço da coleta para reciclagem já está embutido no preço final do produto, e o consumidor é avisado sobre ele estar pagando não apenas os custos de produção, mas também os de descarte para quando o produto deixar de funcionar. Outra proposta foi feita pelo senador Styvenson Valentim, sugeriu um sistema de recompensa para que o brasileiro participe ativamente desse procedimento de reciclagem e descarte seu lixo eletrônico no local correto. Já o senador Eduardo Girão lembrou que no estado do Ceará, que é referência nacional na reciclagem de lixo eletrônico, já existe um sistema de recompensas desses, que gera descontos na conta de energia elétrica para cada lixo eletrônico que for descartado nos postos de coleta apropriados. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Afinal, como a redução de impostos para videogames irá afetar seu bolso? MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Veja Mais

Como entrar no Jaumo, aplicativo concorrente do Tinder

Como entrar no Jaumo, aplicativo concorrente do Tinder

canaltech Devido ao sucesso do Tinder, o que não falta mais no mercado são aplicativos de relacionamento. Entre as novidades nas lojas de aplicativos, está o Jaumo (iOS/Android), um aplicativo que vem conseguindo cada vez mais adeptos. Para usar o Jaumo, basta que você faça o download do app e, em seguida, crie sua conta. Assim como o seu rival, ele permite que você encontre outros usuários com base em sua localização. O recurso “match” também está presente nele, de modo que, caso a pessoa que você curtiu também esteja interessada em você, será possível iniciar um chat com ela. Ao criar a sua conta, você poderá informar algumas de suas características e até gostos, para que possa encontrar pessoas que partilham deles. Além disso, é possível compartilhar fotos do Facebook e da sua conta do Instagram. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Como fazer seu cadastro no Jaumo Para criar a sua conta no Jaumo, primeiro faça o download do app. Depois, clique sobre “inicie a sua história”: Captura de tela: Ariane Velasco Forneça as informações requeridas pelo aplicativo. Uma vez que isso tenha sido feito, você será direcionado(a) para os perfis de outras pessoas. Você pode dar “like” em alguém pressionando o símbolo de check ou recusar com o símbolo “X”. Outra forma de curtir alguém, assim como no Tinder, é arrastando a foto da pessoa para a direita. Para recusar, arraste para a esquerda: Captura de tela: Ariane Velasco Como adicionar mais informações ao seu perfil do Jaumo Já caso você queira carregar uma foto de perfil para que isso melhore as suas chances do Jaumo, basta ir em “perfil”, localizado no canto inferior direito da tela e, em seguida, clicar sobre “adicionar fotos”. É importante fazer isso, porque, a não ser que você adicione uma foto, seu perfil não será visualizado por ninguém no aplicativo. Captura de tela: Ariane Velasco Vale ressaltar que, uma vez que você tenha entrado no Jaumo, é necessário completar o seu perfil. Para fazer isso, clique sobre “convidado” (palavra que deverá ser substituída por seu nome). Em seguida, complete com suas informações. Captura de tela: Ariane Velasco Como iniciar uma conversa no Jaumo No campo “mensagens” é possível ver todas as suas conversas. Para iniciar uma conversa com alguém pelo aplicativo, é necessário que, antes, vocês tenham dado “match”, ou seja, que você a tenha curtido e ela a você. Captura de tela: Ariane Velasco Caso você deseje impulsionar as suas visualizações para que mais pessoas o vejam e suas chances de encontrar alguém aumentem, basta pressionar “obter impulsionador”. A ferramenta, no entanto, é paga: para adquirir 5 impulsionadores, o valor cobrado pelo app é de R$ 49,90 (sendo essa opção a mais popular). Já para 1 impulsionador, você deverá pagar a quantia de R$ 12,90 e, para 10 impulsionadores, R$ 79,90. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: YouTube muda regras de direito autoral para evitar abusos das gravadoras 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 Relatório mostra que Vivo tem melhor cobertura de internet e TIM de 4G no Brasil Por que os Millennials não podem comemorar o Dia da Informática (sortudos) Veja Mais

Bolsonaro diz que não vai financiar produções com temas LGBT; conheça séries citadas

G1 Pop & Arte G1 conversou com diretores e produtores sobre 'Afronte', 'Transversais' e 'O sexo reverso', mencionadas pelo presidente em transmissão no Facebook. Cena do curta-metragem 'Afronte' Divulgação O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (15) que não vai permitir que a Agência Nacional do Cinema (Ancine) libere verbas para algumas produções com temas LGBT que tentaram captar recursos. O G1 ouviu diretores e produtores de três das quatro produções citadas pelo presidente. Veja abaixo. As quatro obras citadas por ele participaram de um edital realizado pela Ancine, pelo Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC). "Afronte", "Transversais", "Religare Queer" e "O sexo reverso" são projetos de séries que foram anunciadas em março como parte de uma seleção preliminar do processo. "Fomos garimpar na Ancine, filmes que estavam já prontos para ser captado recursos no mercado", afirmou o presidente em transmissão no Facebook. O edital do qual as produções participavam investiria diretamente nelas. "É um dinheiro jogado fora. Não tem cabimento fazer um filme com esse tema." 'Transversais' "Um chama 'Transversais'. Olha o tema: 'Sonhos e realizações de cinco pessoas transgêneros que moram no Ceará'. O filme é isso daqui, conseguimos abortar essa missão", afirmou Bolsonaro. O diretor e roteirista da série, Émerson Maranhão, conta ao G1 que a produção foi inscrita no edital na categoria diversidade de gênero. Ela será um documentário em cinco episódios, baseado no curta-metragem "Aqueles dois", de 2018. "Na prática são cinco documentários. Cada capítulo vai contar a história de uma pessoa, de diversas origens sociais", afirma. "A ideia é mostrar que há diversidade dentro da diversidade". Mesmo sem a aprovação do governo, ele diz que ainda planeja realizar a série, apesar de ainda não saber como. Cena de 'Aqueles dois' Divulgação 'Afronte' "'Afronte'. 'Mostrando a realidade vivida por negros homessexuais no Distrito Federal'", leu Bolsonaro. "Eu não entendi nada. Olha, a vida particular de quem quer que seja ninguém tem nada a ver com isso, mas fazer um filme sobre isso, confesso que não dá para entender. Então mais um filme que foi pro saco aí." Um dos diretores da série, Bruno Victor, conta que a produção tem uma história parecida com a de "Transversais". Além de ter sido inscrita na mesma categoria, também é baseada em um curta realizado anteriormente. Neste caso, o trabalho de conclusão de curso de Victor com Marcus Azevedo. Ao longo de cinco episódios, a série, que mistura documentário com ficção, vai contar a rotina de pessoas LGBT no Distrito Federal. Serão histórias que podem ser baseadas em fatos, com relatos reais. "Nós trabalhamos com um método de pesquisa juntos aos personagens, onde não trabalhamos só com depoimentos. Às vezes pegamos essas histórias reais e ficcionamos", conta Victor ao G1. 'O sexo reverso' "Outro filme aqui. 'Sexo reverso'. 'Bárbara é questionada pelos índios sobre sexo grupal, sexo oral e sobre certas posições sexuais'", afirmou o presidente. "É o enredo do filme. Com dinheiro público. E outra, geralmente esses filmes não têm audiência. Não têm plateia. Têm meia dúzia ali. E o dinheiro é gasto. São milhões gastos." O produtor Maurício Macêdo diz ao G1 que a série é baseada na pesquisa da antropóloga Bárbara Arisi, que visitou a tribo dos Matis, no Amazonas. Lá, ela foi surpreendida ao participar de uma pesquisa dos próprios indígenas sobre as práticas sexuais dos brancos. Na série, a ideia é expandir essa experiência de troca de experiências. "Em um [capítulo], aprofundaríamos o debate sobre a curiosidade pelo sexo entre brancos. Em outro, a relação dos membros da tribo com produtos audiovisuais de cunho pornográfico, etc", conta. Segundo ele, a tribo seria envolvida diretamente na produção, tanto na equipe que filma, quando na que edita. "O último episódio seria com a tribo vendo e comentando os episódios anteriores e a experiência toda." 'Religare Queer' "O nome eu não sei pronunciar. 'Religare Queer'. O filme é sobre uma ex-freira lésbica. Ok? E daí, são vários episódios", disse o presidente. "Tem a ver com religiões tradicionalmente homofóbicas ou transfóbicas. Tudo tem a ver. Sexualidade LGBT com evangélicos, católicos, espíritas, testemunhas de Jeová, umbanda, budismo, candomblé, judaísmo, islamismo e Santo Daime." O G1 tentou contato com a produção da série, a Válvula Produções, mas não teve retorno. A empresa já produziu documentários sobre a quadrinista Laerte e sobre a cantora Linn da Quebrada. Veja Mais

Novo celular da Motorola, possível fim da família Moto Z – Hoje no TecMundo

Novo celular da Motorola, possível fim da família Moto Z – Hoje no TecMundo

Tecmundo Na edição desta sexta-feira (16), falamos sobre o novo smartphone da Motorola no Brasil e sobre o possível encerramento da família Z da fabricante. Outras novidades incluem uma adolescente desesperada que supostamente usou todos os recursos que encontrou para conseguir entrar no Twitter, grupos enormes de criminosos brasileiros agindo no Telegram, Nubank liberando a função débito para quem pedir e possíveis novos impostos para serviços no Brasil. Confira no vídeo:Leia mais... Veja Mais

Raquel Dodge: projeto que criminaliza abuso de autoridade pode ser 'veneno'

O Tempo - Política Para a chefe da PGR, a decisão do Parlamento deve ser respeitada, porém, segundo ela, a esfera jurídica já dispõe de modos de contenção Veja Mais

China disputa soja do Brasil com indústrias locais e compra 1 milhão de toneladas na semana

G1 Economia Procura atípica dos chineses em meio à guerra comercial com Estados Unidos fez os preços do grão subirem 10% no mês. Preço da soja no mercado brasileiro desde novembro de 2018 Secom SC/ Divulgação O mercado de soja do Brasil ganhou um ingrediente adicional nesta semana, com processadores locais disputando com chineses a compra dos grãos. A briga tem como cenário a guerra comercial entre Estados Unidos e China, que está evitando comprar a commodity dos americanos. O analista Luiz Pacheco, da T&F Agronômica disse em relatório que foram reportados negociações de 18 carregamentos entre quarta (14) e quinta-feira (15), totalizando mais de 1 milhão de toneladas do produto. "Isto é sinal do aumento da demanda chinesa sobre a soja da América do Sul, especialmente Brasil e Argentina", afirmou Pacheco. "No Brasil, houve vendas de origem de mais 120 mil toneladas. Na Argentina, os agricultores venderam mais 300 mil toneladas... fugindo dos eventuais problemas político-econômicos e aproveitando a alta do dólar, com boa participação dos exportadores", acrescentou o analista. Enquanto isso, os negócios entre produtores e processadores brasileiros foram fortes, especialmente nesta semana em que foi realizado um leilão para compra de biodiesel, cuja matéria-prima é em sua maioria óleo de soja. No mercado local, preço da soja no acumulado do mês atingiu R$ 85,40 por saca de 60 kg (base Paranaguá), também o maior valor desde meados de novembro, com alta de mais de 10% no mês, de acordo com dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP. "O acirramento da guerra comercial, desde a semana passada, gerou uma série de incertezas, e o ponto de inflexão foi a desvalorização da moeda chinesa em relação ao dólar, e o Brasil também teve desvalorização, e a Argentina nem se fale", disse o pesquisador do Cepea Lucilio Alves. Sem dependência dos EUA As principais compradoras de soja da China conseguem se manter sem os fornecimentos dos Estados Unidos no quarto trimestre e depender das importações provenientes da América do Sul, afirmou nesta sexta-feira (16) um analista chinês ligado ao governo. Os comentários de Zhang Liwei, analista sênior do Centro Nacional de Informação sobre Grãos e Oleaginosas da China, vêm após o Ministério do Comércio do país ter anunciado no início deste mês que as empresas chinesas pararam de comprar produtos agrícolas norte-americanos, na mais recente escalada na guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo. A China é a maior compradora mundial de soja, adquirindo cerca de 60% da oferta comercializada globalmente. Os EUA são, em geral, o segundo maior fornecedor do país asiático, representando a maior parte das importações pela China no quarto trimestre em todos os anos. Os processadores chineses interromperam as compras de soja dos EUA no ano passado, depois de Pequim impor tarifas de 25% sobre os grãos, em resposta às taxas norte-americanas. As companhias estatais, no entanto, adquiriram cerca de 14 milhões de toneladas de soja nos últimos meses, após uma trégua comercial temporária estabelecida no final do ano passado. Novas compras, porém, foram colocadas em risco depois de o presidente dos EUA, Donald Trump, voltar a elevar as tensões entre os dois países com ameaças de tarifas, no início deste mês. Falando em uma conferência na cidade chinesa de Harbin, Zhang disse que mesmo que China e EUA não consigam chegar a um acordo comercial nas próximas semanas, "teremos oferta suficiente de soja, já que podemos comprá-la da América do Sul". Veja Mais

PGR pede acesso a inquérito sobre investigação do caso Marielle

O Tempo - Política Raquel Dodge vai analisar pedido de federalização Veja Mais

Governo estuda lançar 5 mil bolsas para atletas de base, diz ministro

O Tempo - Política Informação foi divulgada pelo ministro da Cidadania, Osma Terra Veja Mais

Bolsonaro recebe medalhistas do Pan: 'Símbolo para ajudar nos momentos difíceis'

Superesportes - Mais esportes Presidente elogia empenho dos atletas que ganharam medalhas em Lima Veja Mais

It: Capítulo Dois será um dos filmes de terror de maior duração

It: Capítulo Dois será um dos filmes de terror de maior duração

Tecmundo O site da British Board of Film Classification fez uma postagem revelando a duração de It: Capítulo Dois. De acordo com a publicação, o filme terá 169 minutos e 11 segundos, cerca de 2 horas e 49 minutos de duração.A British Board of Film Classification é o órgão responsável pela classificação indicativa de filmes dentro do Reino Unido. Isso significa que a informação foi confirmada oficialmente e não deve sofrer mudanças para a maioria dos outros países que exibirão o longa.Leia mais... Veja Mais

Otto fala pela primeira vez sobre seu novo disco: “estilo garage band”

R7 - Música Otto está voltando com disco novo! O cantor, que lançou Ottomatopeia em 2017, deu uma entrevista nesta segunda-feira (12) para a Rádio Tropical Transforma, parte do projeto de mesmo nome desenvolvido pela Devassa para o Festival Bananada, em Goiânia. Por lá, ele falou em primeira mão sobre o novo trabalho, o qual descreve como 'estilo Garage Band', e te mostramos em primeira mão a declaração do músico. Estou produzindo um álbum novo. Pupilo [do Nação Zumbi] foi o produtor dos meus últimos álbuns, e desde o começo do ano estou trabalhando sozinho, o que me dá a liberdade de mostrar uma música realmente feita por mim, no estilo Garage Band. Eu que estou produzindo na minha casa; é bastante particular, e estou colocando pela primeira vez para os outros ouvirem. São 23 músicas que se traduzem num desconforto meu com a vida e com a música. Durante a conversa, Otto também deu o seu ponto de vista sobre a atual cena da música brasileira, e os movimentos que vêm acontecendo ao redor do país. A entrevista completa será lançada no canal e podcast Tropical Transforma no dia 21 de Agosto. Casa Tropical Transforma A Rádio Tropical Transforma faz parte da plataforma musical da cerveja Devassa, e seu objetivo principal é dar voz e palco à nova onda da música tropical brasileira. Além disso, o canal conta com outros diversos conteúdos e traz reflexões sobre as transformações culturais que o Brasil vem passando. A Rádio tem apresentação de Luciano Matos, curador e produtor do Festival Radioca, e está no Spotify e no YouTube. Durante todos os dias do Banana, que está acontecendo nesta semana, a rádio recebe uma série de convidados especiais, como o já citado Otto, Tulipa Ruiz, Rodrigo Alarcon e muito mais! Confira a programa logo abaixo. Dia 16 de agosto, sexta-feira 17h - Feminine HI-FI 18h - Edgar 19h - DJ Ceciloui Dia 18 de agosto, domingo 17h - Dinho (Boogarins) Veja Mais

Ewan McGregor deve retornar como Obi-Wan Kenobi em nova série do Disney+

Ewan McGregor deve retornar como Obi-Wan Kenobi em nova série do Disney+

Tecmundo Ewan McGregor pode estar em negociações para retornar ao universo de Star Wars. De acordo com o Deadline, o ator deve protagonizar a série do Disney Plus sobre o personagem Obi-Wan Kenobi. McGregor foi responsável por interpretar o personagem nos episódio I, II e III da franquia. Nem o ator nem a Disney confirmaram a informação até o momento.Há algum tempo circulam rumores sobre um spin-off que aborde algum momento da vida de Obi-Wan. A última vez que isso ocorreu foi em 2018, quando Stephen Daldry foi mencionado como diretor de um possível filme. McGregor também havia sido citado, porém, o próprio ator desmentiu o boato na ocasião. "Eu faria isso, é claro. [Mas] Até onde eu sei, não há planos para que aconteça”, explicou o astro.Leia mais... Veja Mais

The MBA Tour São Paulo terá participação de UCLA, Columbia e mais 17 universidades internacionais

R7 - Economia O MBA Tour São Paulo, previsto para acontecer neste sábado (17), contará com a participação de equipes de 19 universidades internacionais. Com o objetivo de conectar potenciais alunos às principais escolas de negócios do mundo, o evento ira oferecer palestras sobre processos de triagem, bem como a possibilidade de realizar entrevistas com diretores de admissão. […] Veja Mais

Restoque continua em direção à lucratividade, aponta Itaú BBA

R7 - Economia A Restoque (LLIS3) continua em direção à lucratividade, avalia o Itaú BBA em um relatório enviado a clientes nesta sexta-feira (16). O analista Thiago Macruz analisou os resultados da empresa no segundo trimestre de 2019 e apontou que eles podem ser vistos como negativos, mas que continuam refletindo a mudança de estratégia da empresa em direção […] Veja Mais

Crítica | Rede de Abuso é ativismo no corpo de um documentário

Crítica | Rede de Abuso é ativismo no corpo de um documentário

canaltech Se recorrermos aos dicionários de língua portuguesa, não teremos uma boa noção do que é “cultura”. O termo, no entanto, é amplamente discutido nas humanidades e está em muitos dos nossos argumentos como modo de fazer compreender que, se algo nos é estranho, mas entendemos como cultural, esse algo é mais fácil de ser assimilado. Uma das definições que podem ser encontradas nas mais de três páginas do verbete no dicionário Abbagnano diz que cultura indica o produto da formação humana, “ou seja, o conjunto dos modos de viver e de pensar cultivados, civilizados, polidos, [...].” Isso significa que existem atitudes, ideias, posturas e outras partes integrantes de quem somos que se repetem e se instauram socialmente como algo perfeitamente normal. É também da cultura que surgem os estereótipos e, ao longo do tempo, as noções de certo e errado que envolvem esses estereótipos. O “cultural” abarca os mais diversos tipos de atitudes e, às vezes, é difícil entender que em alguns lugares, por exemplo, pedofilia é tão cultural quanto tomar uma xícara de café pela manhã. O que devemos atentar, no entanto, é que o café pela manhã, ao contrário da pedofilia, é inofensivo. Atenção! A partir daqui, a crítica pode conter spoilers. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Pode-se dizer que o que é cultural é o que se pode chamar de normal dentro de uma determinada cultura. O documentário Rede de Abuso (disponível na Netflix) opta por não inserir um narrador e a história é aos poucos revelada pelas pessoas que participaram direta ou indiretamente dela, o que inclui moradores locais capazes de revelar naturalmente qual era a cultura da pequena Steubenville. Localizada em Ohio, nos Estados Unidos, Steubenville ficou internacionalmente conhecida não apenas por um crime, mas por revelar a existência de uma cultura desse crime. A diretora Nancy Schwartzman utiliza a estratégia de criar uma linha do tempo que não é focada no estupro em si, mas na cultura da cidade onde o caso aconteceu, no sentido não de rotular o local, mas de utilizá-lo como paradigma. Embora a obra contenha as informações sobre o crime, que vão dos questionamentos de Alexandria Goddard ao julgamento dos adolescentes Trent Mays e Ma'lik Richmond, o grande ponto é expor a existência de uma cultura do estupro. "Ela foi estuprada pra caramba" Essa é uma das primeiras frases do primeiro longa-metragem da ativista Nancy Schwartzman e é absolutamente desconcertante, não pela frase em si, mas porque o áudio revela que isso é dito em meio a muitas risadas: o estupro é uma tremenda piada para a pessoa em questão. Mesmo sem vivermos nos EUA, conhecemos a cultura de festas no Ensino Médio e, posteriormente, nas universidades e fraternidades. São inúmeros os filmes que abordam a temática e naturalizam o assédio ou até mesmo o estupro. Tomemos, por exemplo, o clássico Gatinhas e Gatões, de 1984, escrito e dirigido por John Hughes, que criou alguns dos maiores títulos que marcaram as gerações dos anos 1980 e 1990. No filme, que é uma comédia romântica, temos Geek (Anthony Michael Hall) forçando constantemente uma relação com Samantha (Molly Ringwald), que deixa muito claro que não tem interesse. Geek, no entanto, não é um vilão, mas um dos personagens que compõem a parte "comédia" do filme. Ainda pior, no entanto, é o príncipe encantado da história, Jake (Michael Schoeffling), ter o seguinte diálogo com Geek: Jake: Posso transar a hora que eu quiser. A Caroline está no quarto agora mesmo, desmaiada. Eu poderia violá-la de dez maneiras diferentes se quisesse.Geek: O que é que você está esperando? Essa brutalidade tenta ser amenizada pelo roteiro com um discurso sobre amor: Jake: Eu não sei. Ela é bonita e tem um corpo perfeito e tudo mais. Não estou mais interessado nela.Geek: lsto realmente importa, cara?Jake: Sim, importa. Ela é muito insensível. Veja o que ela fez com a minha casa. Ela não liga para o amor. Ela só quer saber de festinhas. Eu quero uma namorada séria. Alguém que eu posso amar, que vai me amar também. Isso é loucura?Geek: Isso é lindo, Jake. Não bastasse isso, Jake “dá” Caroline para Geek pois ela está tão bêbada que não notará a diferença. Esse tipo de atitude se repete em inúmeros filmes, sejam eles clássicos, blockbusters ou produções menores. De uma forma ou de outra, os mesmos tipos de atitudes se repetem ao longo de décadas na ficção e isso aconte justamente porque são reflexo da realidade. Quando o filme deixa de ser fofo (Imagem: Universal Pictures) Não há, em Rede de Abuso, discursos que abertamente questionem as atitudes dos adolescentes envolvidos, porque é denunciado o entendimento de que é normal esperar uma mulher ficar bêbada, estuprá-la e, posteriormente, humilhá-la publicamente. No documentário, a prova mais contundente de que há uma cultura do estupro, ou seja, de que o estupro é normal para algumas pessoas, é a exposição pública do ato, que foi ampla e abertamente comentado nas redes sociais, publicações estas que foram a base do artigo de Alexandria Goddard, blogueira que trouxe a história à tona. Alexandria Goddard teve a coragem de não se calar diante do que viu (Imagem: Netflix) “Os garotos definitivamente agiram errado, mas...” Ainda na apresentação do caso, Nancy Schwartzman nos mostra discursos nos quais a vítima é claramente culpabilizada: “... a mulher participou”, “... deveriam ver as fotos que ela postou no Instagram”, “Deveriam ver a roupa que ela usava”. Há, inclusive, uma gradação na montagem desses discursos, que primeiramente são generalizados, depois são proferidos pela rádio local (“Essas garotas acabam bebendo muito nessas festas, às vezes. Às vezes, ficam promíscuas.”) e, por fim, por mulheres (“Ela tem que assumir a responsabilidade da decisão que tomou de ir àquela festa.”), demonstrando que a cultura está enraizada em todos os lugares: formais e informais, entre jovens e idosos, tanto para os homens quanto para as mulheres. Por não se ater ao caso central, o documentário explode na segunda parte como um chamado para um levante contra o silêncio. Se Steubenville vive uma cultura do estupro, obviamente a chamada “Jane Doe” não seria a única vítima. Nancy Schwartzman, que inclusive é uma das desenvolvedoras do aplicativo contra violência sexual Circle of 6, dá grande ênfase ao poder da internet, que, mesmo que possua uma potência negativa, é também espaço de luta coletiva. Para quem não ficou a par do caso na época, ver o processo de viralização culminar na participação dos Anonymous é um dos pontos altos do desenvolvimento da história. O poder do coletivo (Imagem: Netflix) Ter atingido proporções internacionais, por sua vez, deu força para que as pessoas fossem às ruas e para que as mulheres tivessem coragem de contar suas histórias, revelando o quão terrivelmente corriqueiro era o estupro, o que indica que definitivamente se tratava de uma cultura, portanto. Uma vez que “Jane Doe” não aparece no filme (à exceção de uma foto em que está quase completamente pixelizada), não há espaço para que a vítima seja julgada senão através das declarações coletadas. A narrativa de Rede de Abuso não se posiciona em termos de certo e errado, mas deixa claro que muitas mulheres passaram por situações semelhantes e que essas situações, além de não terem sido consentidas, foram ruins e traumáticas. A conclusão é do espectador. "Futebol, esportes e tudo mais. É uma eterna irmandade" Em Rede de Abuso, Nancy Schwartzman não denuncia apenas o machismo, mas a rede de proteção que envolvia Trent Mays e Ma'lik Richmond por serem atletas do time de futebol americano da cidade. O caso se estendeu após o julgamento dos adolescentes porque a própria escola acabou sendo investigada, assim como os treinadores do time. Atualmente, o caso é referenciado pelo nome da escola, Steubenville High School. Imagem: Netflix Estrategicamente, o título original, "Roll Red Roll", e as imagens de divulgação do documentário são focadas no esporte, de modo que, apenas vendo o cartaz, um espectador desavisado pode concluir de que se trata de um filme sobre futebol americano. Embora soe como uma propaganda enganosa, o documentário se propõe a um papel ativo de denúncia e essa é uma estratégia perfeita para atingir especificamente o meio abordado pelo filme: jogadores, fãs, treinadores, escolas e todas as pessoas envolvidas direta ou indiretamente nesse meio. Rede de Abuso, tomado unicamente enquanto cinema, não é um grande documentário e muitas escolhas criativas parecem arbitrárias, mas nada disso interfere no seu propósito, que é tocar na ferida não com o intuito de abri-la, mas de não deixar que se feche: enquanto houver cultura do estupro, seja onde for, é preciso falar sobre, denunciar e lutar. Não importa se a pessoa tem ou não um futuro brilhante, ninguém deve sair ileso de um crime. E, acima de tudo, a culpa nunca é da vítima. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Afinal, como a redução de impostos para videogames irá afetar seu bolso? MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Veja Mais

Grazziotin aprova programa de recompra de ações

R7 - Economia A Grazziotin (CGRA3; CGRA4) aprovou um novo programa de recompra de ações que contemplará a aquisição de até 255.900 ações ordinárias e 849.700 ações preferencias, informou a companhia por meio de fato relevante divulgado nesta sexta-feira (16). As aquisições poderão ser feitas entre o período de 2 de setembro de 2019 até 13 de dezembro de 2019. […] Veja Mais

Bolsonaro diz que 'garimpou' e vetou filmes com temática LGBT

O Tempo - Política As obras buscavam autorização da Ancine para captar recursos por meio da Lei do Audiovisual Veja Mais

Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (09/08 a 15/08)

Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (09/08 a 15/08)

canaltech O fim de semana está aí e, com o friozinho que vem fazendo em muitas cidades do Brasil, muita gente está se preparando para ficar em casa, debaixo de uma coberta e curtindo um bom filme e uma boa série. Quem é assinante da Netflix, corre para conferir as novidades do catálogo do serviço; quem não é, ou simplesmente está frustrado com ele, corre para uma plataforma de streaming concorrente ou até mesmo considera opções de vídeo sob demanda. Normalmente essas alternativas têm lançamentos mais atraentes, e todas as sextas-feiras o Canaltech indica os melhores deles para lhe ajudar a decidir o que assistir. O apanhado desta semana está repleto de filmes de mistério, thrillers e dramas. Tem desde grandes produções de Hollywood indicadas ao Oscar e vencedoras de outros prêmios até um filme latino-americano com uma trama bem intrigante. Os fãs de terror também poderão curtir mais uma produção do lugar mal-assombrado mais abordado pelos filmes, enquanto os românticos terão uma bela história de amor para acompanhar. No que diz respeito às séries, há uma produção nacional recém-lançada pela HBO, além de uma minissérie dramática com uma história imperdível. Ficou curioso? Então confira logo a seguir a lista dos melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online que o Canaltech preparou para você. Todas produções vêm acompanhadas de trailer, sinopse e links, que é para você só ter o trabalho de escolher o que mais lhe agrada, clicar e dar o play. Dê uma olhada e divirta-se! -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Trapaça   Indicado a nada menos que 10 Oscars em 2014, Trapaça saiu da noite de gala sem levar nenhuma estatueta para casa. Apesar da derrota, isso não significa que o filme é ruim — muito pelo contrário. A trama segue a vida de Irving Rosenfeld (Christian Bale), um grande trapaceiro que trabalha junto da sócia e amante Sydney Prosser (Amy Adams). Os dois são forçados a colaborar com um agente do FBI (Bradley Cooper), que infiltra Rosenfeld no mundo da máfia. Ao mesmo tempo, o trio se envolve na política do país através do candidato Carmine Polito (Jeremy Renner). Mas quando os planos parecem que vão dar certo, a esposa de Irving, Rosalyn (Jennifer Lawrence), aparece e muda as regras do jogo. Trapaça pode ser assistido mediante aluguel ou compra no Claro Video, iTunes, Play Store, PlayStation Store, Microsoft Store e Looke. Vermelho Sol   Ambientando na Argentina da década de 1970, Vermelho Sol chama atenção não só por expor as articulações que derrubaram o peronismo e os crimes da ditadura que se instalou no país vizinho, como também pela forma com que conta sua história. Tudo começa com a morte de um desaparecido político, que serve de fio condutor para uma trama que se passa numa atmosfera absurda e narrativa elíptica, característica do cinema argentino. Definitivamente uma experiência válida e mais do que atual. Vermelho Sol está disponível para aluguel ou compra exclusivamente no iTunes. Amityville – A Estrada Assombrada   Explorar o mal-assombro de Amityville nunca é demais, certo? Se você concorda com isso e não cansa de ler ou assistir sobre a casa assustada mais famosa do mundo, então Amityville – A Estrada Assombrada é para você. No formato de mocumentário, o filme retrata Charlie e sua namorada Buzi, dois fanáticos por fantasmas e fascinados pela lenda da estrada mais antiga e assustadora da América, a Mt. Mysery Road, em Nova York. A lenda diz que a estrada e os bosques que a circundam são assombrados e amaldiçoados há séculos. Apesar disso, o casal parte para explorar o local, tomar uns sustos e se divertir. Mas não demora muito para que eles comecem a ser atormentados por forças do mal. Amityville – A Estrada Assombrada pode ser alugado ou comprado exclusivamente no Looke. Antes do Adeus   Estava sentindo falta de um filme mais mamão com açúcar? Não está mais. Antes do Adeus conta a história de Brooke (Alice Eve), uma jovem que está correndo para tentar pegar um trem em direção à Boston, mas que acaba se atrasando depois de ser assaltada. Sem amigos nem dinheiro, agora ela está perdida na noite de Nova York. Achando que está tudo acabado, ela esbarra no trompetista Nick (Chris Evans) e os dois começam a passear pela cidade, fazendo crescer um forte sentimento entre eles. Antes do Adeus está disponível para todos os assinantes do HBO GO. Pico da Neblina   Produzida pela HBO sob medida para o público brasileiro, a série Pico da Neblina imagina um Brasil onde a maconha foi legalizada. Com a brisa liberada geral, o ex-traficante Biriba (Luís Navarro) agora procura maneiras de se manter no ramo. Enquanto busca se reinventar para conseguir vender suas mercadorias dentro da lei, ele também precisa lidar com alguns fantasmas do passado. Pico da Neblina tem novos episódios liberados semanalmente tanto no canal da HBO como no serviço de streaming HBO GO. Apple Tree Yard   Com um enredo que mistura presente e futuro e costura um romance com uma trama policial, Apple Tree Yard é daquelas produções que despertam a curiosidade e intrigam. Acompanhamos a vida de Yvonne Carmichael (Emily Watson), uma geneticista brilhante, bem-sucedida e casada que acaba se apaixonando por um estranho carismático (Ben Chaplin). Apesar de todos os seus planos para manter a vida pessoal e profissional separada do romance, ela acaba colocando tudo em risco depois de se ver envolvida na morte de uma pessoa. Apple Tree Yard é uma minissérie de apenas quatro episódios, todos disponíveis no Fox Play. Kardec   Nesta semana estreia nos cinemas Nada a Perder 2, segunda parte da cinebiografia de Edir Macedo, e, coincidência ou não, as plataformas de vídeo sob demanda estão recebendo Kardec. O filme é uma biografia do pedagogo francês Hippolyte Léon Denizard Rivail (Leonardo Medeiros), que abandonou a profissão por se sentir incomodado com a intervenção da Igreja Católica na educação francesa e iniciou o processo de codificação do espiritismo ao lado de sua esposa Amélie-Gabrielle Boudet (Sandra Corveloni), passando a adotar o nome de Allan Kardec. Kardec pode ser alugado na Microsoft Store, Looke, Play Store, Claro Video e iTunes. Entre Irmãs   Nesta produção nacional ambientada no Pernambuco da década de 1930, Luzia (Nanda Costa) e Emília (Marjorie Estiano) são irmãs que vivem na pequena Taguaritinga do Norte com a tia Sofia (Cyria Coentro), que lhes ensinou o ofício de costureira. Enquanto Emília sonha em se mudar para a cidade grande, Luzia se conforma com a realidade ao mesmo tempo em que lida com as dificuldades de ter um braço atrofiado depois de ter caído de uma árvore quando era criança. A vida dessas três mulheres muda completamente quando o cangaceiro Carcará (Júlio Machado) cruza o caminho delas, obrigando-as a costurarem para o bando que lidera. O drama Entre Irmãs pode ser assistido pelos assinantes do Telecine Play ou comprado sob demanda na Play Store, Microsoft Store e iTunes. Locke   Ivan Locke (Tom Hardy) é um homem brilhante, mas vê sua vida virar de cabeça para baixo quando está dirigindo em viagem para Londres e recebe um telefonema de um homem que ameaça a segurança da sua família e sua carreira. Trama clichê, certo? Sem dúvidas. Mas Locke surpreende e envolve completamente o espectador, com 90 minutos de filme que se passam inteiramente apenas dentro de um carro, com o personagem-título apenas dirigindo e falando ao telefone. Ousado e único. Locke pode ser assistido pelos assinante do HBO GO ou ser comprado ou alugado na Play Store. Sangue no Gelo   Fãs de um bom thriller, com direito a investigação de um serial killer, podem se esbaldar com Sangue no Gelo. Baseado em acontecimentos reais, John Cusack vive Robert Hansen, um homem conhecido por todos e muito respeitado em sua comunidade. O problema é que ninguém sabe que por trás do pacato cidadão existe um homem com histórico de violência e assassinatos. Quando uma de suas vítimas (Vanessa Hudgens) consegue escapar desse maníaco, ela acaba se encontrando com o sargento Halcombe (Nicolas Cage), seu único aliado capaz de levar o serial killer à Justiça. Sangue no Gelo está disponível para todos os assinantes do Prime Video. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Afinal, como a redução de impostos para videogames irá afetar seu bolso? MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Veja Mais

Fracasso em testes com paraquedas faz missão ExoMars ser adiada

Fracasso em testes com paraquedas faz missão ExoMars ser adiada

canaltech A missão ExoMars, elaborada em conjunto pela europeia ESA e pela russa Roscosmos, precisou ser adiada após testes que fracassaram envolvendo o paraquedas, essencial para o pouso do rover Rosalind Franklin no Planeta Vermelho. A nova previsão de lançamento agora ficou para entre julho e agosto de 2020. Um primeiro teste com o paraquedas em questão se mostrou bem sucedido no ano passado, mas os dois realizados em 2019, em alta altitude, falharam. A maioria das missões em Marte usa um paraquedas em algum momento durante o pouso, ainda que as naves contem com sistemas de frenagem por meio de propulsores, mas, apesar deste histórico de sucesso, a tecnologia não é infalível. Cada módulo de aterrissagem tem um tamanho, formato ou procedimento diferentes, o que muda as exigências do paraquedas — então simplesmente não vale copiar projetos anteriores, sendo necessário adaptá-los e testá-los caso a caso. Sequência de ativação do paraquedas da ExoMars (Imagem: ESA) A ExoMars contará com o rover Rosalind Franklin, da ESA, e um módulo de pouso russo chamado Kazachock, e o paraquedas elaborado para o pouso do conjunto é o maior já pensado em qualquer missão marciana. A configuração final do aparelho exige dois paraquedas principais, cada um com uma rampa piloto menor que ajusta o principal no processo de ele se inflar. Ambos os paraquedas em questão apresentaram falhas nos testes feitos neste ano. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- “É decepcionante que as adaptações de design de precaução introduzidas após as anomalias do último teste não tenham nos ajudado a passar o segundo teste com sucesso, mas como sempre continuamos focados e estamos trabalhando para entender e corrigir a falha para lançar no próximo ano", disse François Spoto, líder da equipe ExoMars na ESA. O rover Rosalind Franklin em ambiente de testes (Foto: ESA) Em setembro, será realizado um workshop entre os cientistas envolvidos no projeto para que, juntos, eles consigam melhorar o sistema dos paraquedas, e vão contar com engenheiros da NASA que trabalharam em sistemas anteriores, numa união internacional de forças em prol da exploração espacial. Depois disso, um novo teste de alta altitude será feito no final deste ano, e a equipe espera certificar o sistema como operacional e confiável no início do ano que vem. De acordo com a Roscosmos, a janela de lançamento da ExoMars agora ficou para entre os dias 26 de julho e 13 de agosto de 2020, com pouso em Marte programado para março de 2021. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Google Chrome vai notificar se suas senhas forem vazadas Huawei lança Watch GT Active no Brasil por R$ 1.400 5 motivos para comprar a Mi Band 4, nova pulseira fitness inteligente da Xiaomi Afinal, como a redução de impostos para videogames irá afetar seu bolso? MENOR PREÇO | Monitor gamer LG 25" cheio de recursos só 10x R$ 58 e frete grátis Veja Mais

Deputados discutem como combater o desemprego no Brasil

Deputados discutem como combater o desemprego no Brasil

Câmana dos Deputados A taxa de desemprego no Brasil caiu para 12% no segundo trimestre de 2019, de acordo com o IBGE. O período teve um aumento no número de profissionais com carteira de trabalho, mas trabalhadores informais também cresceram. Isso explica porque o rendimento médio também caiu. Como combater o desemprego é o que vamos discutir agora no Câmara Debate, com a participação dos deputados Afonso Mota, do PDT do Rio Grande do Sul, e Hugo Leal, do PSD do Rio de Janeiro. Conheça nossos termos de uso: http://www.camara.leg.br/internet/tvcamara/?lnk=TERMO-DE-USO&selecao=CONTEUDO&nome=termoUso Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais