Meu Feed

No mais...

China e EUA retomarão negociações comerciais em Washington em outubro

Valor Econômico - Finanças Vice-primeiro-ministro chinês, Liu He, conversou ao telefone nesta quinta com o secretário do Tesouro e o representante comercial dos EUA Veja Mais

Crise no Palmeiras? Mattos sendo fritado? Mano sob pressão?

Crise no Palmeiras? Mattos sendo fritado? Mano sob pressão?

Fox Sports Brasil Quer saber tudo sobre o melhor do esporte? Acesse nossas redes! http://www.foxsports.com.br Baixe o APP! http://bit.ly/yt_cnbra ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #Palmeiras #Futebol #Brasileirão Veja Mais

Lizzo faz história ao chegar no topo da Billboard Hot 100 com “Truth Hurts”, canção de 2017

R7 - Música A Billboard Hot 100 é um dos termômetros mais respeitados pela indústria da música. A parada semanal busca um levantamento das 100 canções mais populares do momento no mundo. Esta semana, quem assumiu a primeira colocação foi a cantora Lizzo, com seu single 'Truth Hurts'. Apesar de estar presente na versão deluxe de Cuz I Love You, seu mais recente álbum de estúdio, a música foi lançada originalmente em 2017. A canção tirou do topo a parceria 'Señorita', de Camila Cabello e Shawn Mendes. Com este feito, Lizzo entrou para o seleto grupo de mulheres negras que conseguiram conquistar a primeira posição da Hot 100 nesta década.   '100% fodona, 100% negra e 100% número 1' Apenas outras quatro mulheres negras conseguiram o topo desde 2010: Beyoncé, Rihanna, Janelle Monáe e Cardi B. Ainda de quebra, ela também se tornou a sexta rapper feminina a conquistar a parada, se juntando à pequena lista formada por Cardi B, Lauryn Hill, Iggy Azalea, Lil' Kim e Shawnna. Não é para qualquer um! ###IMG-0### A popularidade da cantora cresceu bastante nos últimos meses, já que, além do lançamento de seu terceiro álbum, a cantora também roubou a cena no último VMA. Na cerimônia, Lizzo fez performances da popular faixa e da canção 'Good As Hell'. O mundo da música adorou a notícia. Muitos artistas parabenizaram a cantora por seu feito, como a própria Cardi B e Nicki Minaj: The fact that Lizzo a couple months ago felt underestimated and now she have a #1!!!!BITCH! take that!take that ! Makes me emotional  It’s the best feeling in the world. — iamcardib (@iamcardib) September 3, 2019 Congratulations @lizzo on going #1. You are so extremely multi-talented. ♥️ — Mrs. Petty (@NICKIMINAJ) September 4, 2019 Podemos ver o crescimento de sua popularidade também através de suas redes sociais. No ano passado, ela tinha cerca de 60 mil seguidores no Twitter e 247 mil no Instagram. Hoje, os números passam, respectivamente, de 870 mil e 4,6 milhões! E aí? O que achou? Merecido? Deixe a sua opinião nos comentários! https://www.youtube.com/watch?v=Uo0RK_olDb4 https://www.instagram.com/p/B19HURvBxnj/ https://www.instagram.com/p/B1-HzRfhaDI/ Veja Mais

Cairo Santos acerta com o Titans e continuará na NFL para próxima temporada

Superesportes - Mais esportes Kicker brasileiro defenderá o Tennessee Titans após deixar Buccaneers Veja Mais

A Voz do Brasil - 04/09/2019

A Voz do Brasil - 04/09/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

CT News - 04/09/2019 (Asus apresenta o seu novo smartphone peso-pesado na IFA)

CT News - 04/09/2019 (Asus apresenta o seu novo smartphone peso-pesado na IFA)

canaltech Asus anuncia RoG Phone II com 1 TB // Apple pode trazer iPhone SE de volta // Update do Windows 10 faz CPU de computadores fritar //  Golpe no WhatsApp usa Turma da Mônica para roubar dados de crianças // Como fazer o recadastro da sua linha de celular pré-pago Ouça ao podcast. Veja Mais

Ad Astra: crítica elogia história e atuação de Brad Pitt em novo filme

Ad Astra: crítica elogia história e atuação de Brad Pitt em novo filme

Tecmundo Filmes espaciais possuem, por natureza, uma característica mais intimista. A imensidão do cosmos, que muitas vezes acentua os dramas vividos por personagens que a explora já tem, em si mesma, ingredientes suficientes para criar histórias interessantes. No caso de Ad Astra, novo longa-metragem de James Gray com lançamento mundial marcado para o dia 26 de setembro, este cenário parece ter sido aproveitado da forma correta, sobretudo pela performance de Brad Pitt como o protagonista da história. Pelo menos é isto o que a crítica especializada tem a dizer sobre o filme.De acordo com James Mottram, da Total Film, a obra é sublime e estupenda. Ele afirma que a história de um engenheiro espacial com leve grau de autismo, partindo para o espaço para descobrir o que aconteceu com seu pai após sumir a caminho de Netuno, é executada com perfeição, graças ao roteiro, aspectos técnicos e a forma como Brad Pitt dá vida para seu personagem. O ator também é bastante elogiado por Candice Frederick, do The Wrap. Conforme sua crítica, ele consegue equilibrar-se com maestria em uma tênue linha, entre a precisão e o medo. Para ela, isto torna o filme uma experiência única.Leia mais... Veja Mais

Bolsonaro pediu estudos para alterar lei do teto de gastos

Bolsonaro pediu estudos para alterar lei do teto de gastos

R7 - Economia Bolsonaro já havia defendido mudança na lei Marcos Corrêa/PR - 4.9.2019 O presidente Jair Bolsonaro pediu à equipe econômica que estude formas para alterar a lei do teto de gastos, que limita o crescimento das despesas públicas ao percentual da inflação do ano anterior, confirmou nesta quarta-feira o porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros. "O presidente da República defende uma mudança nessa lei, porque se isso não for feito, nos próximos anos, a tendência é o governo ficar sem recursos para pagar despesas de manutenção da máquina pública", disse o porta-voz. Mais cedo, em entrevista na saída do Palácio da Alvorada, o presidente havia indicado que era favorável a mudança a lei, aprovada em 2016 no governo do ex-presidente Michel Temer como uma medida de austeridade fiscal. "Temos um Orçamento, tem as despesas obrigatórias, estão subindo. Acho que daqui a dois ou três anos vai zerar as despesas discricionárias. É isso? Isso é uma questão de matemática, nem preciso responder para você, isso é matemática", disse Bolsonaro. Segundo o porta-voz, o presidente defende que a dinâmica das despesas obrigatórias precisa ser mudada e que a partir de 2021 o teto de gastos já será um problema para o país e faltará recursos para investimentos. "O governo não irá exigir mais impostos da sociedade para conseguir equilibrar as contas públicas. Então é preciso mudar a dinâmica das despesas obrigatórias", afirmou, acrescentando que a equipe econômica estuda alternativas. A equipe econômica ainda defende a manutenção do teto e quer que a mudança seja feita através da flexibilização das despesas obrigatórias. Veja Mais

Thalita Rebouças e Fernanda Gentil arrastam público juvenil à Bienal do Rio

G1 Pop & Arte Escritora e jornalista estiveram na Arena#SemFiltro para falar sobre a adaptação cinematográfica do “Ela disse, ele disse”. Thalita Rebouças participa da Bienal do Livro 2019 no Rio Carlos Brito/G1 O público juvenil que lotava a Bienal do Livro entre o fim da tarde e início da noite desta quarta-feira (4) tinha bons motivos para comemorar. Uma de suas heroínas, a escritora Thalita Rebouças estava na Arena#SemFiltro para anunciar de forma oficial o lançamento de “Ela disse, ele disse”, adaptação cinematográfica de seu livro homônimo. Saiba mais sobre a Bienal 2019 A trama é protagonizada por Rosa (Duda Matte), menina estudiosa, e Léo (Marcus Bessa), ótimo jogador de futebol. Os dois são alunos novos na escola e, além de aprender a lidar com os novos amigos e os problemas na família, descobrem que têm muito mais em comum do que imaginavam. “É um filme sobre como lidar com o outro, como conviver com as diferenças, sobre respeito e, é claro, sobre crescimento, um processo muito rico e cheio de desafios dentro de uma escola”, explicou Thalita. Produzido em parceria pela LC Barreto/Filmes do Equdor e Globo Filmes, “Ela disse, ele disse”, cuja direção é de Claudia Castro, marca a estreia da jornalista Fernanda Gentil como atriz - ela interpreta Paloma, mãe de Rosa. “Foi uma experiência incrível. A Paloma é uma mãe que equilibra a vontade de entender e participar do universo da filha com a necessidade de se colocar como uma figura materna - ou seja, há momentos nos quais ela tem que cobrar e dar broncas”, descreveu. “Ela disse, ele disse” estreia no circuito comercial no dia 3 de outubro. Fernanda Gentil fala durante a Bienal do Rio 2019 Carlos Brito/G1 Veja Mais

Lançamento da Frente em Defesa da Propriedade Intelectual e de Combate à Pirataria

Lançamento da Frente em Defesa da Propriedade Intelectual e de Combate à Pirataria

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Justiça determina que Bayer deposite R$286 mi em processo sobre patente de soja

R7 - Economia SÃO PAULO (Reuters) - A Justiça Federal de Mato Grosso determinou que a empresa alemã Bayer deposite a quantia adicional de 286 milhões de reais em uma conta judicial, em meio a uma disputa sobre patente com sojicultores brasileiros, de acordo com a decisão vista pela Reuters.A juíza federal Vanessa Gasques sentenciou, no final da terça-feira, que a empresa realize o depósito dentro de 48 horas.A Bayer já havia depositado 11,9 milhões de reais relacionados ao caso, correspondentes a 4% dos royalties cobrados pelo uso da tecnologia da semente geneticamente modificada Intacta. O dinheiro permanecerá em uma conta judicial até a conclusão do caso.A decisão marca um novo revés para a Bayer após a conclusão da compra da Monsanto, que desenvolveu originalmente a Intacta.Em comunicado emitido nesta quarta-feira, a Bayer afirmou que ainda não foi notificada sobre a decisão, mas acrescentou que cumprirá todas as determinações da Justiça no processo.A Bayer disse que "permanece segura" quanto à validade de suas patentes e outros direitos relacionados à chamada tecnologia "Intacta RR2 PRO", citando que continuará a defender seus direitos patentários.Em julho, agricultores brasileiros de dez Estados -- além de Mato Grosso, onde a disputa começou -- foram autorizados a participar da ação como reclamantes.O processo, iniciado no final de 2017, é focado em produtores que afirmam que a patente da semente de soja Intacta deve ser cancelada devido à falta de inovações tecnológicas significativas.Os royalties das vendas da Intacta em Mato Grosso foram estimados em cerca de 800 milhões de reais por safra, de acordo com produtores do Estado.Quando os royalties provenientes dos sojicultores dos outros dez Estados forem contabilizados, a quantia a ser depositada em uma conta judicial pode avançar para até 2,7 bilhões de reais, disse à Reuters em julho o advogado que representa os agricultores.A proteção de patente da Intacta vale até outubro de 2022.(Reportagem de Ana Mano) Veja Mais

Aécio critica Bolsonaro por ataques ao pai de ex-presidente do Chile

O Tempo - Política Para tucano, presidente repete erro cometido pelo governo do PT nas relações diplomáticas, isolando o país Veja Mais

Fernando Holiday diz que 'vereadores não trabalham'

O Tempo - Política Diante da afirmação do colega, os parlamentares presentes na seção se revoltaram Veja Mais

Ator português luta pela vida após injeções de testosterona por motivos estéticos; saiba os riscos

Glogo - Ciência Uso de substância, que se tornou popular entre homens e mulheres em busca do "corpo perfeito", pode causar danos físicos, comportamentais e psicológicos, diz especialista. Ator português Ângelo Rodrigues está internado em estado grave após uso de injeções. Reprodução/Instagram O drama do ator português Ângelo Rodrigues, que já fez participações na TV brasileira, voltou a acender o alerta para os perigos de um procedimento estético realizado sem supervisão médica por homens e mulheres que buscam o "corpo perfeito": as injeções de testosterona. Galã na TV portuguesa e tendo atuado nas séries brasileiras As Canalhas (2015), do GNT, e Desencontros (2018), do canal Sony, Rodrigues, de 31 anos, está internado desde o dia 26 de agosto e ainda pode ter a perna amputada. Após o procedimento, supostamente feito nas nádegas, ele passou mal e deu entrada no hospital com febre e vômitos. Rodrigues sofreu uma infecção grave, que resultou em uma parada cardíaca e uma necrose dos tecidos na área onde o hormônio foi aplicado. Ele foi colocado, então, em coma induzido. Depois de quatro cirurgias e uma suposta falência dos rins, na sexta-feira (30), o ator melhorou e foi retirado do coma. Agora, estaria sendo tratado em uma câmara hiperbárica para acelerar a cicatrização dos ferimentos. O ator já estaria se alimentando, mas terá que esperar de dois a três dias para que "ver os resultados", informou o jornal português Correio da Manhã. Segundo a agência Glam, que representa o artista, o estado de saúde de Rodrigues "continua grave", apesar das melhoras. Ator português Ângelo Rodrigues teve complicações após uso de anabolizantes injetáveis, diz jornal Reprodução/Instagram Perigos Injeções de testosterona se tornaram populares entre homens e mulheres que buscam melhorar a performance esportiva e ganhar músculos mais rapidamente. Isso porque a testosterona, hormônio importante para a maturação dos ossos, crescimento muscular e desenvolvimento das funções sexuais, provoca hipertrofia muscular. Mas os "danos" do uso desse medicamento sem supervisão médica "são muito maiores" do que os "ganhos", explica à BBC News Brasil Clayton Macedo, doutor em endocrinologia clínica pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e um dos maiores especialistas brasileiros no assunto. Macedo foi um dos idealizadores do projeto "Bomba? Tô Fora", que conta com o apoio da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), focado em alertar sobre os perigos do uso de anabolizantes. A campanha também será lançada em Portugal em parceria com os médicos do país em janeiro do ano que vem, durante um congresso de endocrinologia. "Os efeitos colaterais das injeções de testosterona são gigantescos. Estamos lidando com um problema de saúde pública." "O uso desse tipo de anabolizante provoca danos físicos, comportamentais e psicológicos." Tratamentos com testosterona podem oferecer riscos/GNews Reprodução GloboNews Riscos diversos Segundo Macedo, os problemas vão desde dependência química a doenças no fígado e no coração, passando por agressividade e depressão. O especialista diz que um dos riscos mais preocupantes de quem faz uso de injeções de testosterona é o vício. Segundo ele, estudos mostram 57% dos usuários podem desenvolver dependência química, uma vez que a testosterona injetada interrompe a produção interna da substância. "Mesmo que o indivíduo pare de usar a medicação, a glândula fica bloqueada e ele sofre com deficiência hormonal. Acaba, então, usando mais. É um círculo vicioso." Macedo também explica que, como o cérebro humano tem "muito receptor para esse hormônio, que é um estimulante potente", pode ter mudanças comportamentais, como agressividade, irritabilidade, alucinações, depressão e tendências suicidas. "Um estudo feito na Dinamarca que acompanhou 500 usuários de anabolizantes por dez anos mostrou que eles têm um risco nove vezes maior de cometerem um crime. Há relatos de que, em alguns casos de feminicídio, por exemplo, o homem fazia uso de anabolizantes", destaca o endocrinologista Clayon Macedo. O especialista lembra ainda dos problemas no coração, fígado e testículos. "O excesso de testosterona pode causar hipertrofia do coração, insuficiência cardíaca e morte súbita. Isso sem falar nos danos ao fígado, pois altera o metabolismo do órgão, provocando hepatite medicamentosa ou falência hepática aguda." "Essa droga também altera a libido, atrofia os testículos e pode causar ginecomastia (crescimento de mamas) e infertilidade irreversível", afima. Macedo diz que até mulheres vêm fazendo uso de testosterona injetável. "Nelas, essa substância muda o timbre de voz e pode provocar hipertrofia do clitóris." Seringa com anabolizante usado para provocar hipertrofia muscular Pixabay Uso restrito Segundo Macedo, o uso de testosterona só é indicado para quem tem deficiência comprovada do hormônio, como no caso de alguns pacientes com câncer, defeitos genéticos, traumas testiculares e retardo na hipófise (glândula que controla o funcionamento de outras glândulas). Ele explica, no entanto, que na busca pelo "corpo perfeito", usuários desse tipo de anabolizante chegam a usá-lo em proporções até 100 vezes maiores do que as usadas por pacientes que realmente precisam de reposição hormonal. A compra de testosterona injetável para fins medicinais segue regras rígidas no Brasil. É necessária receita médica. Além disso, também se requer o CPF do médico e o Código Internacional da Doença (CID). Apesar disso, muitos usuários conseguem obter o produto no mercado negro. "A mídia vende essa ideia do corpo perfeito e cada vez mais pessoas fazem de tudo para obtê-lo. Precisamos conscientizar especialmente os jovens sobre os efeitos colaterais do uso de anabolizantes. Não vale a pena e os danos são para a vida toda", conclui Macedo. Entenda a diferença de suplemento alimentar e anabolizante Veja Mais

Trump diz que não quer discutir agora a situação da Huawei nos EUA

Trump diz que não quer discutir agora a situação da Huawei nos EUA

canaltech A guerra comercial entre China e Estados Unidos esteve bem mais acirrada no primeiro semestre, e agora ambos os países recuaram um pouco, com um diálogo, digamos, pacífico. A Huawei, que sempre esteve no fogo cruzado, voltou a negociar parcialmente com as companhias estadunidenses, mas sua situação no mercado ianque segue indefinida — e deve continuar por mais algum tempo, segundo o presidente Donald Trump. “É uma preocupação nacional. A Huawei é uma grande preocupação das nossas forças armadas, das nossas agências de inteligência, e não estamos fazendo negócio com a Huawei. Veremos o que acontece com relação à China, mas a Huawei não é uma empresa com quem queremos discutir ou com a qual queremos falar agora”, disse nesta quarta-feira (4), na Casa Branca. Como muitos devem se lembrar, a Huawei chegou a ser impedida de comprar de fornecedores norte-americanos e associados, assim como não pode comercializar seus produtos em solo estadunidense. A gigante chinesa até mesmo mudou muito de seus parceiros e vem desenvolvendo outras soluções de sistema operacional para não depender mais do Android, por exemplo. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- "We are not doing business with Huawei," President Trump says about the Chinese telecom equipment maker. "It will stop almost completely in a very short period of time, and we'll see what happens with respect to China." https://t.co/l3GdmIqDJh pic.twitter.com/M9VnvxAXTp — ABC News (@ABC) September 4, 2019 Ainda não ficou claro se o que Trump afirmou indica que ele dará atenção especial para esse assunto em breve, ou se ele simplesmente vai ignorar a Huawei temporariamente. Fato é que, embora ele tenha “amaciado” o discurso, há uma grande pressão do Congresso e do próprio Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos para manter e aumentar as restrições à companhia oriental. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Apple libera novas versões beta do iOS 13.1, iPadOS 13.1 e tvOS 13

Apple libera novas versões beta do iOS 13.1, iPadOS 13.1 e tvOS 13

canaltech A Apple pegou muitos de surpresa ao distribuir na semana passada a primeira versão beta do iOS 13.1, antes mesmo de lançar oficialmente o iOS 13. Agora, a companhia chama a atenção novamente com a liberação da segunda edição beta do iOS 13.1, assim como o beta 2 do iPad 13.1 a beta 9 do tvOS 13. Tanto a beta 2 do iOS 13.1, quanto do iPadOS 13.1 estão na compilação 17A5831, e a beta 9 do tvOS 13 está na 17J5573a. Isso tudo acontece porque muitos dos recursos seguem em teste, e ajustes estão sendo feitos até que o iOS 13 seja oficialmente lançado nas próximas semanas. Entre as razões para essas “experiências” incomuns com as versões de teste da Maçã, estão o fato de que é a primeira inauguração do iPadOS, e o tvOS 13 conta já com as funcionalidades do vindouro serviço de streaming, o Apple TV+. E, claro, o iOS 13 também terá as novidades que a nova fornada de iPhones devem trazer neste mês. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Plenário - Sessão de votação - 04/09/2019 - 20:28

Plenário - Sessão de votação - 04/09/2019 - 20:28

Câmana dos Deputados Tema: Sessão para a votação de propostas legislativas Local: Plenário da Câmara dos Deputados Início: 04/09/2019 às 20h28 PROPOSTA EM ANÁLISE: REQ 2234/2019 - Requer Regime de Urgência para apreciação da Mensagem Nº 208/2019, que "submete à consideração do Congresso Nacional o texto do Acordo entre o Governo da República Federativa do Brasil e o Governo dos Estados Unidos da América Sobre Salvaguardas Tecnológicas Relacionadas à Participação dos Estados Unidos da América em Lançamentos a partir do Centro Espacial de Alcântara, assinado em Washington, em 18 de março de 2019". Autor: Pedro Lucas Fernandes (PTB-MA) Parecer: a proferir. PROPOSTAS PREVISTAS: REQ 2070/2019 - Requer, nos termos do art. 155 do RICD, URGÊNCIA para a apreciação do Projeto de Lei nº 1.685, de 2011 que "autoriza transferência, a título de contribuição de capital, mediante celebração de convênios entre a União e as Associações de Proteção e Assistência aos Condenados - APACs, em atenção ao disposto no §6º do art. 12 da Lei nº 4.320, de 17 de março de 1964" Autor: Eros Biondini (PROS-MG) Parecer: a proferir. PLP 459/2017 - Altera a Lei n. 4.320, de 17 de março de 1964, para dispor sobre a cessão de direitos creditórios originados de créditos tributários e não tributários dos entes da Federação, e a Lei n. 5.172, de 25 de outubro de 1966 (Código Tributário Nacional), para prever o protesto extrajudicial como causa de interrupção da prescrição e para autorizar a administração tributária a requisitar informações a entidades e órgãos públicos ou privados. Autor: do Senado Federal - José Serra (PSDB-SP) Relator: Alexandre Leite Parecer: a proferir. Veja Mais

5 dos melhores filmes que levaram o Rock para o cinema

5 dos melhores filmes que levaram o Rock para o cinema

canaltech Listar os melhores filmes que envolvem Rock da história do cinema parece algo bem pretensioso. A ideia das minhas listas de cinema geralmente é indicar. Sendo assim, alguns medalhões ou aquelas produções que supostamente a maioria já assistiu ficam de fora. O melhor negócio, ao meu ver, é espalhar aqueles menos conhecidos, curiosos... Por outro lado, de vez em quando é impossível fugir e deixar de fora algum filme porque, afinal, os melhores (de maneira qualitativamente subjetiva), se já foram assistidos, merecem sempre ser revisitados. Assim, nos embalos do filme Yesterday (de Danny Boyle), esta lista de somente cinco filmes que levaram o Rock para as telas do cinema tem, pelo menos, uma obra que a maioria dos amantes do gênero musical já assistiu. Talvez tenham assistido a todos... mas, como dito, vale reassistir e, claro, como sempre, citar outros nos comentários. Vamos fazendo aquela corrente de indicações. Todos saímos ganhando porque, afinal de contas, nenhuma lista é unânime. E eu não tenho a mínima pretensão de fazer com que a minha seja. Antes, só para historiar um pouco: O marco zero do Rock, de acordo historiadores, aconteceu em julho de 1954, quando um sujeito lá em Memphis, nos Estados Unidos, entrou no Sun Studios e gravou That’s Allright Mamma. Era o caminhoneiro Elvis Presley, que seria considerado o Rei do Rock. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Mas Elvis não inventou o Rock. Ele foi um mensageiro do gênero que, antes, já contava com Chuck Berry, Bill Halley (citando os mais conhecidos). Mas a verdade é que o caminhoneiro de Memphis era considerado bonito e carismático – além de ser, claro, talentoso. Há algo mais forte na trajetória de Elvis: ele era branco, o que o fazia ser muito mais penetrante em um país completamente e horrorosamente dividido por questões raciais na década de 1950. Bem... vou para um pouco de historiar e ir direto pra nossa curta lista (em ordem aleatória desta vez) – lembrando que, a pedidos do leitor Rubens (que infelizmente não tenho o sobrenome), os títulos originais dos filmes passaram a fazer parte das minhas listas (entre parênteses, ao lado do nacional) quando forem diferentes dos adotados por aqui: Os Reis do Ié-Ié-Ié (A Hard Day's Night)   Se o gancho é Yesterday, eis o primeiro filme com participação dos Beatles. O falso documentário dirigido por Richard Lester (que viria a comandar Superman II: A Aventura Continua e Superman III – 1980 e 1983 respectivamente) mostra um dia da rotina da banda que modificaria a História da música. Aqui, o quarteto de Liverpool, já consagrado, é mostrado com muito humor (tipicamente inglês, claro) e em preto e branco. Os Reis do Ié-Ié-Ié concorreu a dois Oscars, um BAFTA e um Grammy. É uma ótima pedida. Mudando o Destino (Málmhaus)   Talvez Mudando o Destino seja o menos conhecido da lista e, provavelmente, seja o mais dramático. Isso porque é um filme islandês que acompanha a jovem Hera (Thora Bjorg Helga) em uma fase depressiva após a morte do irmão mais velho. Sentindo-se culpada, ela acaba encontrando suporte no Black Metal e deixando-se levar pelo sonho de se tornar uma estrela do Rock. Mas não é só: O que o cinema islandês tem de sóbrio tem também de emotivo. Cada plano é muito bem pensado pelo diretor Ragnar Bragason (do ótimo Foreldrar, 2010), fazendo com que o espectador possa criar ligações até pessoais com a protagonista. De quebra, a trilha sonora é contornada por canções de bandas como Megadeath, Judas Priest e Savatage e Hera é simbolicamente nascida em 1970, ano em que o Black Sabbath apareceu como uma das bandas pioneiras do Heavy Metal (com o lançamento do álbum Paranoid). O Rock do Dia das Bruxas (Trick or Treat)   Por falar em Black Sabbath, outra pedida é um clássico trash da década de 1980. O Rock do Dia das Bruxas pode não ser um filme bonito, comportado, certinho... para alguns pode até ser considerado ruim. A verdade é que esse controverso trabalho dirigido por Charles Martin Smith (de Winter, o Golfinho e Winter, o Golfinho 2 – isso mesmo) traz uma história de bullying em que um protagonista devastado alcança a superação e a autoconfiança necessárias para ele mesmo ser rock’n’roll. Muito Rock, muita trasheira, ritual satânico... vale a pena para um compromisso descontraído, bizarro e, ao mesmo tempo, com conteúdo. A Rosa (The Rose)   Livremente inspirado na vida da icônica e imortal Janis Joplin, A Rosa é protagonizado por ninguém menos que Bette Midler e conta com canções totalmente originais cantadas pela própria atriz. O roteiro traz a história de vida trágica de uma estrela do Rock autodestrutiva que luta para lidar contra a pressão de sua carreira e as demandas de um implacável empresário. O filme concorreu a quatro Oscars, Midler e seu parceiro de cena (Frederic Forrest) concorreram a estatuetas. Um bom filme que merece ser visto. Quase Famosos (Almost Famous)   Esse talvez tenha sido assistido por muitos, mas não tem como eu não o indicar aqui na lista principal de cinco. Quase Famosos é, em minha opinião, uma das homenagens ao Rock mais bonitas já realizadas. O roteirista e diretor Cameron Crowe (de Compramos um Zoológico, 2011), munido pelo seu mundo particular, percorre um aspirante a jornalista (Russell Hammond, interpretado por Billy Crudup) que consegue trabalho na badalada revista Rolling Stone. Assim, Hammond passa a acompanhar a banda fictícia Stillwater em sua primeira turnê pelo país. As canções contam com a colaboração de bandas e artistas lendários. De Led Zeppelin a Elton John; de The Who a David Bowie; de Yes a Simon & Garfunkel, Quase Famosos é uma beleza de se ver, escutar e apreciar um dos gêneros musicais mais festejados do planeta. Se ainda é pouco, o filme conta também com a sempre incontestável Frances McDormand e venceu o Oscar de Melhor Roteiro, além de ser indicado a outros três: Kate Hudson e McDormand (ambas para a estatueta de Melhor Atriz coadjuvante) e Joe Hutshing e Saar Klein (para Melhor Edição). É um filmaço. Quase Famosos está disponível para streaming na Amazon Prime Video e na Globo Play. Para aluguel ou compra, o filme pode ser encontrado na Microsoft Store, Google Play Movies e Apple iTunes. Na Looke, apenas para compra. Voltando rapidamente à historização: Não há controvérsias sobre a influência dos Beatles. Ela é, de certa forma, incalculável. A banda estabeleceu parâmetros, trouxe experimentações que abriram as possibilidades musicais da época e que viriam a influenciar dos seus contemporâneos à continuação da História. Gerações posteriores, como a nossa, ainda celebram os Beatles, rearranjam suas músicas, utilizam-nas em filmes... Yesterday não é o único exemplo recente. O blockbuster Liga da Justiça, por exemplo, conta com uma versão pra lá de modernosa de Come Together, de Gary Clark Jr., ator e guitarrista que já teve seu estilo comparado aos de Jimi Hendrix e Stevie Ray Vaughan. O Rock é, definitivamente, um gênero cíclico... o que foi criado lá atrás vai influenciar para sempre. Mas vamos a menções honrosas (em ordem aleatória): Todos os filmes protagonizados por Elvis Presley: por motivos de Rei do Rock. Little Richard, da mesma época de Elvis (e ainda vivo), disse (e se ele disse está dito): "Eu agradeço a Deus por Elvis Presley. Ele abriu as portas para muitos de nós." A Encruzilhada (Crossroads): talvez não seja visto como um filme com Rock de fato. O Blues é que corre solto aqui. Mas os ensinamentos sobre música e vida são muito efetivos e, além disso, o filme conta com uma participação especialíssima de Steve Vai em um duelo épico com Ralph Macchio. Disponível na Netflix e na Apple iTunes. Sem Destino (Easy Rider): Um filmaço clássico com uma cena antológica de um fotógrafo no show da banda de blues-rock The Yardbirds. Disponível na Netflix, Google Play Movies, Apple iTunes e Looke. Jesus Cristo Superstar (Jesus Christ Superstar) – versão de 1973: Vamos a algo diferente... uma Ópera Rock dirigida por Norman Jewison, indicado três vezes ao Oscar de Melhor Direção (por No Calor da Noite, Um Violinista no Telhado e Feitiço da Lua). Disponível na Claro Video e Apple iTunes. Zabriskie Point: única produção totalmente americana do célebre diretor italiano Michelangelo Antonioni (de Blow-Up – Depois Daquele Beijo). Eu, Christiane F., 13 Anos, Drogada e Prostituída (Christiane F. - Wir Kinder vom Bahnhof Zoo): porque as canções são de David Bowie... e são fenomenais. E porque é um grande filme mesmo. Rocky Horror Show (The Rocky Horror Picture Show): Um musical bem diferente com uma atuação fantástica de Tim Curry. Disponível na loja da PlayStation, Microsoft Store, Google Play Movies e Apple iTunes. Velvet Goldmine: Sensível... e glam Rock. Disponível na Claro Video. The Doors: focado no psicológico do excêntrico Jim Morrison e dirigido por Oliver Stone... vale cada segundo. Pink Floyd – The Wall: Pink Floyd, uma das bandas favoritas do planeta, e dirigido por Alan Parker, diretor de um terror dos melhores de todos os tempos (Coração Satânico). Escola de Rock (The School of Rock): porque vale a pena demais o olhar único de um diretor como Richard Linklater (de Boyhood: Da Infância à Juventude) e pelo protagonismo dado às crianças. Na verdade, vale por tudo. Disponível na Netflix, loja da PlayStation, Microsoft Store, Google Play Movies, Apple iTunes e Claro Video. Jovens, Loucos e Rebeldes (Dazed and Confused): compondo a trilha sonora, estão canções de Alice Cooper, Aerosmith, ZZ Top, Black Sabbath, Deep Purple, Lynyrd Skynyrd, Kiss... e, além disso, Tarantino colocou o filme em sua lista de 10 melhores de todos os tempos. Ah! É dirigido também por Linklater. E a curiosidade? São muitos... a lista poderia ter 50, 100, 200 títulos a mais. Muitos poderiam estar aqui, de repente, substituindo os que citei. Na prática, é impossível, listar cinco ou 10 filmes que trazem o Rock para o cinema. De qualquer forma, posso dizer qual é um dos meus favoritos (e nem o coloquei na lista): Não Estou Lá, dirigido por Todd Haynes (do citado Velvet Goldmine inclusive). Talvez porque gosto muito de Bob Dylan, talvez porque as atuações de Cate Blanchet, Christian Bale e Heath Ledger são algo bem fora da curva em minha opinião...   Infelizmente, não teremos o Bônus Adam Sandler dessa vez, mas vale uma dica: o ator também é músico e já compôs para muitos dos filmes nos quais atuou. Agora, ficam aí os comentários. Foi uma dor não citar alguns filmes – e até passei um pouco da minha meta de no máximo 10 menções –, mas tenho certeza que vocês vão conseguir complementar e enriquecer tudo o que está aí. Bons e ruins filmes para nós! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Nintendo lança Doom 64 para o Switch

Nintendo lança Doom 64 para o Switch

canaltech A comunidade gamer estava aguardando ansiosamente, e o momento finalmente chegou! A Nintendo Direct 2019 ocorreu nesta quarta-feira (4) e trouxe, como já era de se esperar, uma verdadeira safra de novidades. Uma delas é um agrado e tanto aos fãs nostálgicos: a empresa anunciou que vai lançar Doom 64 para o Nintendo Switch. O anúncio foi feito por Pete Hines, diretor de marketing da Bethesda, a publicadora norte-americana responsável pelo jogo em questão. O lançamento, propriamente dito, acontece no dia 22 de novembro. Doom 64 foi lançado em março de 1997 para o Nintendo 64, como o terceiro da série Doom, que envolve tiro em primeira pessoa e foi desenvolvida pela id Software. Basicamente, a série gira em torno das aventuras de um fuzileiro espacial que luta contra legiões de demônios e zumbis, a fim de sobreviver e salvar a humanidade. Em 2005, foi feita uma adaptação cinematográfica do jogo, intitulada Doom - A Porta do Inferno, e protagonizada por Dwayne Johnson. Demônios e muito sangue. Essa é a vibe de Doom 64, jogo que vai ser lançado para Nintendo Switch No caso de Doom 64, a trama se passa imediatamente após os eventos ocorridos em Doom 2, com o único sobrevivente retornando para a Terra. Os demônios continuam soltos nos corredores e complexos abandonados de Phobos e Deimos, satélites naturais de Marte. O exército decidiu bombardear os satélites com radiação extrema na esperança de eliminar todas as monstruosidades, mas um deles sobreviveu e, para piorar as coisas, tinha os poderes de ressuscitar demônios. Então um grupo de soldados se juntou para combater esses demônios, mas acabou sendo abatido. Logo, o jogador é o único membro restante deste grupo, e é com base nisso que tudo vai se desenrolando. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Com dívida em dólar menor, pressão cambial não preocupa

Valor Econômico - Finanças Empresas estão menos alavancadas e expostas à variação da moeda Veja Mais

Agenda Netflix: 18 novidades entre filmes e séries de 5 a 11 de setembro

Agenda Netflix: 18 novidades entre filmes e séries de 5 a 11 de setembro

Tecmundo 18 títulos estão previstos para entrar no catálogo da Netflix Brasil entre os dias 5 e 11 de setembro.O grande destaque é o lançamento da 2ª temporada de Elite, série original espanhola que conta com atores de La Casa de Papel. O programa mantém o formato do primeiro ano, com flash forwards e flashbacks. Mas, se na primeira temporada alguém tinha sido assassinado, agora na segunda alguém estará desaparecido.Leia mais... Veja Mais

Moody’s eleva rating da Light

R7 - Economia A Moody’s elevou o rating na escala nacional da Light (LIGT3) de A2 para A3 em escala nacional e reafirmou o rating internacional em Ba3, informou a empresa por meio de comunicado enviado ao mercado nesta quarta-feira (4). A perspectiva é estável. “Apesar das condições adversas de hidrologia nos últimos anos, a estratégia de comercialização contribuiu para […] Veja Mais

Ação da Oi é arriscada, mas vale a pena, indica Bradesco BBI

R7 - Economia As ações da Oi (OIBR3) devem continuar com forte volatilidade, mas podem ser uma aposta que vale a pena, indica o Bradesco BBI em um relatório enviado a clientes nesta quarta-feira (4). “Embora a Oi deva continuar a ser um ativo arriscado, sujeito a volatilidade significativa, a perspectiva de aprovação do projeto de lei de […] Veja Mais

Microsoft revela jogos que chegam ao Game Pass em setembro

Microsoft revela jogos que chegam ao Game Pass em setembro

canaltech Nesta quarta-feira (4) a Microsoft anunciou todos os jogos que serão adicionados à biblioteca do Xbox Game Pass, seu serviço de assinatura mensal que dá ao usuário acesso a um enorme catálogo de jogos que podem ser baixados e jogados a qualquer momento. O grande destaque do mês é Gears of War 5, que já estará disponível para assinantes do Game Pass desde o lançamento. O game poderá ser jogado a partir do dia 10 de setembro (que é a data oficial de lançamento), mas, para aqueles que assinam o Game Pass Ultimate (uma assinatura especial que dá acesso tanto ao catálogo do Game Pass no Xbox One quanto ao do PC), o jogo estará disponível já a partir desta sexta-feira (6).   Mas o novo jogo da série de cover shooter da Microsoft não é o único que chega ao Game Pass em setembro. No dia 5, três games entram para o catálogo do serviço: Dead Cells, jogo de plataforma que possui elementos de metroidvania e rogue like e foi um dos melhores jogos independentes lançados em 2018; e as versões resmaterizadas em HD de Metal Gear Solid 2: Sons of Liberty e Metal Gear Solid 3: Snake Eater. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.-   No dia 6 de setembro, além de Gears 5 (somente para os assinantes Ultimate) será adicionado também Creature in the Well, um jogo bem interessante que mistura elemento de hack and slash com a lógica das máquinas de pinball.   Já em 12 de dezembro serão adicionados os games Gonner: Blueberry Edition (um rogue like que é classificado como uma versão shooter de Spelunky), Enter the Gungeon (uma mistura de rogue like com bullet hell), Bad North: Jotuun Edition (jogo de estratégia em tempo real) e Shadow Warrior 2 (jogo de tiro em primeira pessoa). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália Porsche apresenta o Taycan, seu primeiro carro 100% elétrico e com 760 cv Veja Mais

Com 14 usinas, MT é o 2º maior produtor de biodiesel do país

G1 Economia Em 2018, o estado comercializou mais de R$ 5 bilhões de litros do combustível. A maior parte do biodiesel no Brasil vem do óleo de soja. Uma das 14 usinas e biodiesel instaladas em Mato Grosso Reprodução/TVCA Mato Grosso é o segundo maior produtor de biodiesel do país e tem 14 usinas instaladas. Em 2018, foram comercializados mais de R$ 5 bilhões de litros de biodiesel no estado. Assim como outros biocombustíveis, o biodiesel usa fontes renováveis de energia. A soja é uma das principais matérias-primas para produção do biodiesel. De acordo com Daniel Latorraca, economista do Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária (Imea), com o fomento do biodiesel, a agroindústria fica estimulada e por consequência da produção de soja. Os especialistas e produtores de combustíveis dizem que a expectativa do setor é de que, a partir deste mês, a mistura do biodiesel no diesel aumente de 10% para 11%. Esse percentual deve chegar a 15% até 2023. Soja é uma das bases para produção de biodiesel Reprodução/TVCA No Brasil, a comercialização de biodiesel é feita por meio de leilões públicos organizados pela Agência Nacional de Petróleo (ANP). No total, são 51 usinas produtoras. Uma delas fica em Sorriso, a 420 km da capital. Em Mato Grosso, são produzidos 290 mil litros de biodiesel por dia. Estênio Carvalho, gerente da usina em Sorriso, contou que no último leilão, do total da produção mato-grossense, 61% foram para região norte do país, 21% para o nordeste e 18%, para o centro-oeste. Segundo Rodrigo Guerra, vice-presidente da Associação dos Produtores de Biodiesel Nacional (Aprobio), o mercado do biodiesel está aquecido. “Necessitamos de mais investimentos tanto na ampliação das próprias instalações, como para entrada de novos players para atender o mercado no futuro", comentou. Testes de laboratório apontam que biodiesel possibilita redução de gases do efeito estufa Reprodução/TVCA Segundo pesquisadores, a fumaça preta que sai do motor dos veículos à diesel que não usam filtros não são benéficos. A fumaça tem partículas de gás carbônico (co2) que, quando são liberadas na atmosfera, contribuem para o aquecimento global. Para amenizar os impactos decorrentes dessa queima de combustível, foi desenvolvido o biodiesel. Evandro Luiz, pesquisador do Departamento de Química da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), explicou que o biodiesel é um combustível oxigenado e que contém o átomo de oxigênio (o2) que não tem no diesel. Esse oxigênio presente no óleo vegetal é que gera uma queima melhorada do combustível no motor e possibilita a redução nos gases do efeito estufa. Veja Mais

'Overwatch' chega ao Switch em 15 de outubro

G1 Pop & Arte Nintendo confirmou informação após mais de um ano de rumores. Junkrat utiliza explosivos e armadinhas para neutralizar inimigos em 'Overwatch', da Blizzard Divulgação/Blizzard "Overwatch", multiplayer de tiro da Blizzard, será lançado para Nintendo Switch em 15 de outubro. A fabricante japonesa confirmou a informação após mais de um ano de rumores. Em agosto, uma fabricante de acessórios listou uma case do jogo licenciado para Nintendo e Blizzard e deu mais força às especulações. 'Overwatch' oferece personagens ricos mesmo sem modo história; G1 jogou O jogo foi lançado em 2016 para PlayStation 4, Xbox One e PC. Desde então, o diretor falava sobre a possibilidade de estar no console da Nintendo, mas também das dificuldades de adaptação. Diversidade Desde janeiro 2019, "Overwatch" tem dois personagens homossexuais: Jack Morrison, o Soldado 76, revelou caso de amor em história sobre a ex-atiradora Ana lançada em 2019; A heroína Tracer mostrou sua namorada em uma história em quadrinhos dedicada a ela, lançada em 2016. Veja Mais

Subtenente Gonzaga comenta sobre conceito de domicílio de posse de armas

Subtenente Gonzaga comenta sobre conceito de domicílio de posse de armas

Câmana dos Deputados O deputado Subtenente Gonzaga, do PDT- MG, condena a extensão do conceito de domicílio para fins da posse de arma, para toda extensão da propriedade rural, não é uma política adequada de segurança e fragiliza a segurança jurídica para a atuação do policial. Na opinião dele, se o conceito de domicílio for estendido para toda a propriedade rural, a consequência prática será a posse indiscriminada de armas de fogo no território rural. E olha que ele acha que todo cidadão deve ter o direito a possuir uma arma, por entender que é um direito constitucional, direito à propriedade. O deputado é convidado desta edição do Palavra Aberta com apresentação de Paulo José. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

MX Master 3 á a nova aposta da Logitech para o mercado de mouses

MX Master 3 á a nova aposta da Logitech para o mercado de mouses

canaltech A Logitech acaba de divulgar a sua nova aposta: a terceira geração da linha de mouses MX Master, que tem a proposta de promover mais facilidade ao usuário e mais rapidez de uso. A rolagem dessa geração de mouses ganhou um novo sistema eletromagnético, adquiriu mais resistência e um modo silencioso. Claramente, a rapidez é o principal foco dessa característica do mouse, já que a própria empresa batizou o novo mecanismo de rolagem de Magspeed. A roda também é usinada inteiramente em aço inoxidável, o que traz a premissa de ser mais agradável ao toque do que o revestimento de borracha do modelo antigo. Veja o vídeo promocional do mouse, que foi divulgado nesta quarta (4) no YouTube: -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.-   Além disso, a Logitech também aprimorou o design dos botões de polegar e da segunda roda de rolagem — a roda agora também é usinada em aço e muito mais ampla, e os botões de voltar e avançar foram mudaram de lugar, propondo mais facilidade para o usuário. É válido notar também que a empresa finalmente mudou de Micro USB para USB-C para a realização do carregamento, o que corrige uma das últimas falhas principais da geração anterior, o MX Master 2. No entanto, nem tudo é mudança: o MX Master 3 tem várias semelhanças com o seu antecessor, como o sensor de 4.000 DPI, o Bluetooth e a alternância entre até três computadores, assim como uma vida útil de bateria estimada em 70 dias. Tudo isso já tinha sido apresentado aos clientes com a geração anterior do mouse. MX Keys: a nova aposta em teclado MX Keys, teclado da Logitech (Foto: Divulgação) Por sua vez, o MX Keys também é um produto que está sendo lançado agora pela Logitech. Trata-se da nova aposta da empresa para o mercado de teclados. Ele suporta USB-C e pode ser conectado com dispositivos Windows, Mac, iOS e Android. A empresa diz que uma carga deve durar até 10 dias com o sensor ativado (uma luz no fundo do teclado que fundo acende apenas quando o usuário está digitando) e, sem isso, chega a durar meses. Um diferencial é que, se a bateria estiver fraca, o sensor "sabe" disso e se desliga. Tanto o MX Keys quanto o MX Master 3 custam US$ 99,99 (o que equivale a aproximadamente R$ 411,37). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália A cura do AVC? Cientistas criam verme robótico que viaja pelo cérebro Veja Mais

Banco ABC entra na disputa para adquirir BCG Brasil

R7 - Economia O Banco ABC Brasil (ABCB4) foi convidado pela Caixa Geral de Depósitos para avaliar a proposta de aquisição do Banco Caixa Geral – Brasil (BCG Brasil), de acordo com o comunicado divulgado pela instituição nesta quarta-feira (4). O anúncio foi publicado no Diário da República, de Portugal. O ABC disse que não há nenhuma proposta ou […] Veja Mais

Celso Maldaner fala sobre o Programa Jovem Parlamentar

Celso Maldaner fala sobre o Programa Jovem Parlamentar

Câmana dos Deputados A Câmara dos Deputados conta atualmente com o Parlamento Jovem, um programa em que estudantes de ensino médio vivenciam, na prática, por uma semana, o trabalho dos Deputados Federais. O deputado Celso Maldaner, do MDB-SC, criou o Programa Jovem Parlamentar, em que será escolhido um estudante de graduação ou pós-graduação para acompanhar as atividades dele aqui na Câmara. O deputado é o convidado desta edição do Palavra Aberta com apresentação de Mariana Monteiro. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS

 Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS

canaltech No último dia 30, os hackers foram longe demais e invadiram simplesmente a conta de Jack Dorsey, o CEO do Twitter. Claramente, a rede social não gostou nem um pouco disso e, nesta quarta-feira (4), por meio de um comunicado oficial, a equipe anunciou que os usuários não vão mais poder tuitar por meio de SMS. Isso porque os tuítes maliciosos foram feitos via Cloudhopper, que é basicamente um serviço comprado pelo Twitter em 2010 em prol da melhoria de seus serviços de SMS. Não está claro por quanto tempo o suporte a SMS para tuítes será desativado, mas na própria rede social em questão a equipe apresentou a novidade aos usuários: "Estamos desativando temporariamente a capacidade de tuíte via SMS para proteger as contas das pessoas. Estamos dando esse passo por causa das vulnerabilidades que precisam ser resolvidas pelas operadoras de celular e por confiarmos em ter um número de telefone vinculado para autenticação de dois fatores (estamos trabalhando para melhorar isso)". A conta oficial do Twitter ainda acrescenta: "Reativaremos isso em mercados que dependem do SMS para comunicação confiável em breve, enquanto trabalhamos em nossa estratégia de longo prazo para esse recurso". CEO do Twitter, Jack Dorsey, que teve a sua conta hackeada na semana passada No caso da conta do executivo Jack Dorsey, que possui 4,3 milhões de seguidores, os invasores começaram a publicar vários tuítes ofensivos, com direito até a insultos raciais. Especulações apontaram que talvez tenha sido o mesmo grupo a invadir as contas dos youtubers James Charles e Shane Dawson, anteriormente. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Na ocasião, a equipe disse estar "ciente que Jack foi comprometido e investigando o que aconteceu". Aparentemente, o Twitter tomou medidas rápidas para impedir que outras contas sejam invadidas pelo mesmo método. Sendo assim, resta apenas saber quanto tempo levará para que os problemas sejam resolvidos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália A cura do AVC? Cientistas criam verme robótico que viaja pelo cérebro Veja Mais

Facebook | Mais de 419 milhões de telefones de usuários foram expostos

Facebook | Mais de 419 milhões de telefones de usuários foram expostos

canaltech O Facebook acaba de arranjar mais uma dor de cabeça por motivos relacionados à segurança, ou a falta dela: centenas de milhões de números de telefone de usuários foram encontrados online, inclusive de pessoas públicas, como celebridades. Segundo o Tech Crunch, servidor que contava com mais de 419 milhões de registros de diversos bancos de dados, em várias localizações, não possuía senha e acabou sendo exposto por conta disso. Sendo assim, qualquer pessoa mal intencionada poderia encontrar essas informações. Os registros de usuários mostravam o ID individual do usuário no Facebook com um número de telefone associado à conta em questão, e alguns contatos, inclusive, ainda exibiam o nome completo da pessoa, o gênero e a localização por país. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- O que se sabe sobre os bancos de dados, até o momento, é que eles já saíram do ar, mas os responsáveis pelos vazamentos não foram encontrados. Um porta-voz do Facebook comunicou à imprensa que as informações foram removidas antes mesmo que alguém pudesse vê-las. O número de telefone dos usuários deixou de ser exibido pelo Facebook há mais de um ano, quando a companhia decidiu restringir esse acesso por motivos de segurança. Por isso, o porta-voz diz acreditar que essas informações foram coletadas antes desta mudança. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália A cura do AVC? Cientistas criam verme robótico que viaja pelo cérebro Veja Mais

Michigan é o primeiro estado dos EUA a banir a venda de cigarros eletrônicos

Michigan é o primeiro estado dos EUA a banir a venda de cigarros eletrônicos

canaltech Os cigarros eletrônicos, também conhecidos como e-cigarette ou "vape", vem sendo usados como uma alternativa ao cigarro, principalmente por quem quer parar de fumar. Os dispositivos vêm fazendo tanto sucesso que, até mesmo, jovens e menores de idade começaram a aderir ao seu uso, antes fumantes ou não, por contarem com sabores diversos. Porém, nos Estados Unidos, os cigarros eletrônicos saborizados estão se tornando motivo de alerta aos pais e usuários, pois diversos casos de problemas de pulmão vem sendo registrados no país. Recentemente, danos no pulmão devido aos dispositivos causaram uma morte, coma induzido por pneumonia e alguns internamentos. Agora, governantes do Michigan decidiram intervir e tomar uma medida drástica para evitar doenças sérias. Gretchen Whitmer, governadora, anunciou que os cigarros eletrônicos com sabores estão banidos, sendo então o primeiro estado dos EUA a proibir o seu uso. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Imagem: Reprodução "A minha prioridade número um é manter nossos jovens seguros e proteger a saúde das pessoas do Michigan", disse a governadora. O banimento começou a funcionar no momento da declaração, e nos próximos seis meses as legislações do estado devem trabalhar na aplicação de restrições permanentes. Proprietários de lojas online ou físicas têm 30 dias para se adequar à nova norma. A proibição é válida para produtos que usam sabores de hortelã, menta e doces, mantendo apenas os de tabaco. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália A cura do AVC? Cientistas criam verme robótico que viaja pelo cérebro Veja Mais

Você quer ser só mais um no mercado ou ficar “fora da curva”? Veja as 7 ações agora

R7 - Economia Imagine transformar um investimento inicial de apenas R$ 5 mil em quase R$ 510 mil em apenas três anos. Ou uma aplicação de R$ 10 mil em um retorno superior a R$ 1 milhão no mesmo período. Como muitas propostas no mundo dos investimentos, essa parece tão boa, que seria puro devaneio, não? Mas, acredite, […] Veja Mais

Pixel 3a agora conta com dual-SIM simultâneo em atualização do Android 10

Pixel 3a agora conta com dual-SIM simultâneo em atualização do Android 10

canaltech Os Pixel 2, Pixel 3 e Pixel 3a possuem suporte para dual-SIM, mas não o chamado “real”, pois, embora seja possível cadastrar dois diferentes números, é preciso que você esteja com apenas um deles ativo. Isso mudou com a atualização para o Android 10, pelo menos para o Pixel 3a — ainda não há confirmação se o Pixel 3a XL também pode fazer isso. A partir de agora, é só entrar nas configurações do aparelho e selecionar as redes por padrão para cada linha para mandar textos, fazer chamadas e usar pacotes de dados. Ambos os SIMs ficam ativos, inclusive com você podendo atender alguém em um SIM enquanto usa a web por meio do outro. Novidade estaria liberada somente para o Pixel 3A (Divulgação/Google) “Mas por que somente no Pixel 3A?”. Bem, o grande público dos Pixel está nos Estados Unidos, e o suporte ao eSIM não é muito popular ainda por lá, o que deixa seu uso bastante limitado. A novidade, contudo, pode abrir caminho para a internacionalização do aparelho, pois pode ser um recurso interessante a quem está viajando para outros países — especialmente os consumidores corporativos. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Vale destacar que essa situação é semelhante à da Apple, que também liberou o dual-SIM “real” para os iPhones no ano passado. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Ministro do STF, Barroso autoriza ida de Marcos Valério a regime semiaberto

O Tempo - Política Decisão contraria parecer da procuradora-geral, Raquel Dodge Veja Mais

Acer lança plataforma de e-sports Planet9

Acer lança plataforma de e-sports Planet9

canaltech Nesta quarta-feira (4), a Acer anunciou a criação da Planet9, que é basicamente uma plataforma aberta de e-sports, para que jogadores treinem em busca de experiência, montem equipes e promovam desafios entre si. Além disso, jogadores amadores podem aprender com profissionais e até mesmo participar de sorteios on-line. Por enquanto, a versão beta ainda não foi aberta, e a expectativa é que isso aconteça em 30 de janeiro de 2020. “A Planet9 é uma plataforma de e-sports de última geração que abrange o que os gamers competitivos e casuais precisam para subir de nível e participar de e-sports abaixo do nível profissional”, diz Andrew Chuang, Gerente Geral de Serviços de e-sports, Negócios de Produtos de TI da Acer. “Com a força da Acer em hardware, software e serviços, a Planet9 fornecerá insights para completar a experiência dos gamers do mundo inteiro", ele aproveita para acrescentar. A nova plataforma de e-sports da Acer conta com funções como uma sala de bate-papo e compartilhamento de táticas de jogo que permitem aos jogadores se relacionar, além de recursos para aprimorar as habilidades dos jogadores, como a contratação de um treinador ou o acesso a estatísticas para acompanhar o próprio desempenho. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- No caso do treinador, os jogadores podem escolher alguém com base nas estatísticas, idioma, classificação e tarifa por hora. O treinador, por sua vez, pode analisar as estatísticas do jogo do gamer para desenvolver uma estratégia personalizada, compartilhar tela, bater papo por vídeo e voz, e ainda reproduzir os momentos que precisam ser aperfeiçoados.   Todas as estatísticas de jogo são apresentadas em um painel, com dados sobre vitórias, derrotas, mortes, itens comprados, ouro encontrado, etc. A Planet9 também oferece maneiras de praticar ou desafiar nos campos de batalha, como o recurso Clan Scrims ("treinos entre Clãs") em que os clãs podem solicitar um desafio de treino contra outros clãs. Já o recurso Tribe Wars ("Guerras de Tribos") permite que as tribos participem de competições organizadas todas as semanas para obter bônus e benefícios. A Acer garante que a futura plataforma é capaz de sediar torneios de pequeno a grande porte, patrocinados ou oficiais. A plataforma combina jogadores com nível de habilidade semelhante em partidas ou torneios. Além disso, recompensas como brindes e prêmios podem ser resgatadas quando vitórias suficientes são acumuladas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Segurança Pública - Extinção da Dracma em Tocantins - 04/09/2019 - 16:40

Segurança Pública - Extinção da Dracma em Tocantins - 04/09/2019 - 16:40

Câmana dos Deputados Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado - Audiência Pública Tema: Extinção da Delegacia de Repressão a Crimes de Maior Potencial contra a Administração Pública em Tocantins Local: Anexo II, Plenário 06 Início: 04/09/2019 às 16h40 Pauta: Requerimento nº 100, do Deputado Capitão Augusto (PL/SP). CONVIDADOS: 1) MAURO CARLESSE Governador do Estado do Tocantins (NÃO CONFIRMADO) 2) CRISTIANO BARBOSA SAMPAIO Secretário de Estado de Segurança Pública do Estado do Tocantins (CONFIRMADO) 3) RAIMUNDA BEZERRA DE SOUZA Delegada-Geral da Polícia Civil do Estado de Tocantins (NÃO CONFIRMADA) 4) Deputada Federal DULCE MIRANDA (MDB/TO) (CONFIRMADA) 5) GUILHERME ROCHA MARTINS Delegado de Polícia Civil/TO (CONFIRMADO) 6) CASSIANO RIBEIRO OYAMA Delegado de Polícia Civil/TO (CONFIRMADO) 7) WANDERSON CHAVES DE QUEIROZ Delegado de Polícia Civil/TO (CONFIRMADO) 8) MOZART FELIX Delegado de Polícia Civil/TO (CONFIRMADO) 9) RODOLFO QUEIROZ LATERZA Delegado de Polícia Civil/TO (CONFIRMADO) 10) BRUNO BOAVENTURA MOTA Delegado de Polícia Civil/TO (NÃO COMPARECERÁ) 11) GREGORY ALMEIDA ALVES DO MONTE Delegado de Polícia Civil/TO (CONFIRMADO) 12) PATRÍCIA DOMINGOS Delegada de Polícia Civil/PE (CONFIRMADA) Veja Mais

Teto de gastos é 'sólido' e revisar norma seria 'besteira', diz Maia

G1 Economia Regra que limita crescimento dos gastos da União está em vigor desde 2016. Nesta quarta, Bolsonaro foi indagado se governo pode flexibilizar teto e respondeu: 'Questão de matemática'. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) Pablo Valadares/Câmara dos Deputados O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quarta-feira (4) que o teto para os gastos públicos é "sólido" e que revisar a norma para aumentar as despesas seria "besteira". Mais cedo, nesta quarta, o presidente Jair Bolsonaro foi questionado se há a possibilidade de o governo flexibilizar a regra. Bolsonaro, então, respondeu que "é uma questão de matemática" já que as despesas obrigatórias têm aumentado. "O teto está sólido. Não adianta aumentar gasto se não reduzir despesa, é besteira. Vai ter que aumentar imposto e aumentar multa e dívida", afirmou Rodrigo Maia. A regra, proposta pelo governo Michel Temer em 2016 e aprovada pelo Congresso, determina que os gastos da União (Executivo, Legislativo e Judiciário) só poderão crescer conforme a inflação dos 12 meses anteriores à elaboração do Orçamento da União. Quando a Câmara votou a proposta que tratava do teto de gastos, Bolsonaro votou a favor do projeto. Orçamento dos ministérios Na avaliação de Rodrigo Maia, Bolsonaro afirma que pode mudar a regra porque alguns ministros teriam dito que o orçamento das pastas acabou. Além disso, para Maia, alguns ministros "entraram em pânico" ao ver o orçamento proposto pelo governo para o ano que vem. "Meu sentimento, não conversei com ele [Bolsonaro], é de que ele mandou o orçamento, e os ministros entraram em pânico com o que receberam, não imaginavam que a restrição fiscal ia ser tão grande. Ele está tentando responder pela média do governo, não só pela equipe econômica", afirmou o presidente da Câmara. Veja Mais

Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo

Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo

canaltech O Nintendo Switch já possui acesso a títulos do Nintendinho por meio de seu serviço online, e era só uma questão de tempo até que a biblioteca do Super Nintendo começasse a chegar ao console portátil. Bem, esse momento chegou: a gigante japonesa anunciou que 20 games do SNES estarão disponíveis a partir desta quinta-feira (5). A primeira leva traz os seguintes clássicos: Brawl Brothers Breath Of Fire Demon's Crest F-Zero Joe And Mac 2: Lost In The Tropics Kirby's Dream Course Kirby's Dream Land 3 Pilotwings Star Fox Stunt Race FX Super EDF: Earth Defense Force Super Ghouls 'n Ghosts Super Mario Kart Super Mario World Super Mario World 2: Yoshi's Island Super Metroid Super Puyo Puyo 2 Super Soccer Super Tennis The Legend Of Zelda: A Link To The Past Controle retrô também estará disponível (Divulgação/Nintendo) Tudo isso estará liberado para os assinantes do Nintendo Switch Online, que também contarão com a função “Rewind” para voltar alguns momentos durante a jogatina, assim como multiplayer online. E para quem quiser se aprofundar na nostalgia, também será vendido uma réplica do controle do SNES, com conexão sem fio, a US$ 29,99 (R$ 122,80 na conversão direta). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Facebook | Mais de 419 milhões de telefones de usuários foram expostos Veja Mais

‘Safra pode ser um dos líderes no varejo’

Valor Econômico - Finanças Para Alberto Safra, carteira digital e open banking abrem oportunidade inédita para o banco Veja Mais

Plenário - Recursos do fundo partidário - 04/09/2019 - 15:30

Plenário - Recursos do fundo partidário - 04/09/2019 - 15:30

Câmana dos Deputados Tema: Sessão para a votação de propostas legislativas Local: Plenário da Câmara dos Deputados Início: 04/09/2019 às 15h30 Ordem do Dia iniciada às 18h23 PROPOSTA EM ANÁLISE: PL 11021/2018 - Dispõe sobre a remuneração recebida por funcionário de partido político com recursos do fundo partidário e dá outras providências. Autores: Domingos Neto (PSD-CE) , Arthur Lira (PP-AL) , Baleia Rossi (MDB-SP) , Lucas Vergilio (SD-GO) Relator: Wilson Santiago (PTB-PB) Parecer: parecer às emendas de plenário proferido pelo relator, dep. Wilson Santiago (PTB-PB), pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, que conclui pela constitucionalidade, juridicidade e técnica legislativa de todas as emendas apresentadas; e, no mérito, pela aprovação das emendas de plenário de nºs 5 a 7, na forma da subemenda substitutiva global apresentada; e pela rejeição das demais emendas. PASSO A PASSO: 34 - A matéria vai ao Senado Federal (PL 11.021-B/2018) 33 - Aprovada a Redação Final assinada pelo Relator, Dep. Wilson Santiago (PTB-PB) 32 - Votação da Redação Final 31 - Aprovada as Emendas de Redação n°s 1 e 2 30 - Votação das Emendas de Redação nºs 1 e 2 29 - Rejeitada a Emenda n° 8 28 - Encaminhou a Votação o Dep. José Nelto (PODE-GO) 27 - Votação do DTQ 13: PODEMOS: Emenda nº 8 (art. 161, II) 26 - Mantido o texto. Sim: 140; não: 293; total: 433 25 - Votação nominal concedida a pedido dos Senhores Líderes 24 - Encaminharam a Votação: Dep. Coronel Tadeu (PSL-SP) e Dep. Joaquim Passarinho (PSD-PA) 23 - Votação do DTQ 12: PSL: Destaque para votação em separado do art. 24-D da Lei n. 9.504, de 1997, alterado pelo art. 2º do Substitutivo apresentado ao PL 11021/2018 para fins de supressão (art. 161, I) 22 - Mantido o texto 21 - Encaminhou a Votação a Dep. Dra. Soraya Manato (PSL-ES) 20 - Votação do DTQ 10: PSL: Destaque para votação em separado do inciso II do art. 16-C da Lei n. 9504/97, alterado pelo art. 2º do Substitutivo apresentado ao PL n. 11021/18 para fins de supressão (art. 161, I) 19 - Rejeitado o Requerimento 18 - Encaminhou a Votação o Dep. Coronel Tadeu (PSL-SP) 17 - Votação do Requerimento do Dep., Líder, que solicita quebra do interstício de uma hora, para verificação da votação - nos termos do §4º do artigo 185 do RICD 16 - Mantido o texto 15 - Encaminhou a Votação o Dep. Ivan Valente (PSOL-SP) 14 - Votação do DTQ 11: PSOL: Destaque para votação em separado do art. 16-C da Lei n. 9.504, de 1997, constante do art. 2º do PL 11021/2018 para sua supressão (art. 161, I) 13 - Mantido o texto 12 - Encaminhou a Votação o Dep. Coronel Tadeu (PSL-SP) 11 - Votação do DTQ 9: PSL: Destaque para votação em separado do art. 11 da Lei n. 9504/97, alterado pelo art. 2º do Substitutivo apresentado ao PL n. 11021/18 para fins de supressão (art. 161, I) 10 - Aprovada a Emenda Aglutinativa n° 1 9 - Encaminharam a Votação: Dep. Paulo Pereira da Silva (SOLIDARI-SP), Dep. Coronel Tadeu (PSL-SP) e Dep. Aécio Neves (PSDB-MG) 8 - Votação do EMA 1: PL e PRB: Emenda Aglutinativa nº 1 7 - Rejeitado o Requerimento 6 - Encaminhou a Votação o Dep. Marcel Van Hattem (NOVO-RS) 5 - Votação do Requerimento da Bancada do NOVO, que solicita a retirada de pauta deste Projeto de Lei 4 - Rejeitado o Requerimento. Sim: 62; não: 305; total: 367 3 - Verificação da votação, solicitada pelos Deputados, Líderes, em razão do resultado proclamado pela Mesa: "Rejeitado o requerimento", passando-se à votação pelo processo nominal 2 - Votação do Requerimento da Bancada do NOVO, que solicita votação nominal para o Requerimento de retirada de Pauta deste Projeto de Lei 1 - Continuação da votação em turno único Veja Mais

Multilaser inaugurará sua primeira loja física em outubro

Multilaser inaugurará sua primeira loja física em outubro

canaltech Especializada na fabricação de eletroeletrônicos, telefonia e informática, a Multilaser anunciou nesta quarta-feira (4) que inaugurará sua primeira loja física no dia 17 de outubro. A unidade ficará sediada no Shopping Pátio Paulista, localizado na zona sul da cidade de São Paulo (SP). De acordo com a Multilaser, a unidade contará com mais de 400 itens eletroeletrônicos da marca e trabalhará com o preço oficial dos produtos. O estabelecimento também terá um conceito omnichannel para oferecer diversas opções de compra aos consumidores. Com isso, ele poderá, por exemplo, adquirir o produto na loja e recebê-lo em casa ou comprá-lo no site e retirá-lo na loja. Dessa forma, a empresa afirma que seus clientes terão acesso a todo seu portfólio, que totaliza 3.500 itens, mesmo que eles não estejam à venda na loja física. "A Multilaser é uma empresa arrojada e sabemos exatamente quem é nosso público e o que ele procura", afirma Alexandre Ostrowiecki, CEO da Multilaser. "Por isso queremos desenvolver um canal direto para oferecer uma solução integrada e de fácil acesso". -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- O projeto para abertura da loja Multilaser teve início em 2017 como parte do processo de expansão a marca. Até 2021 a empresa pretende alcançar a meta de 200 lojas, em parceria com os atuais clientes e varejistas, em sistema de franquia. O principal objetivo é criar uma estrutura integrada para atender diretamente os consumidores oferecendo facilidade, agilidade e um pós-venda de excelência. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália Porsche apresenta o Taycan, seu primeiro carro 100% elétrico e com 760 cv Veja Mais

Novo iPhone SE, lista de celulares que recebem Android 10– Hoje no TecMundo

Novo iPhone SE, lista de celulares que recebem Android 10– Hoje no TecMundo

Tecmundo No programa de hoje, vamos falar de rumores sobre um novo iPhone SE, além de problemas na atualização do Android 10, e de uma carteira de estudante digital que deve ser oficializada amanhã (05) pelo presidente Bolsonaro.Também temos uma lista atualizada com os dispositivos que devem receber o Android 10, rumores sobre o vindouro Mi Mix 4 da Xiaomi e uma situação em São Paulo que impede empregadores de demitir profissionais de TI por 90 dias.Leia mais... Veja Mais

Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank vão mapear focos de incêndio na Amazônia com Greenpeace

G1 Pop & Arte Casal de atores participará de conversas com especialistas e documentação da região. Giovanna Lancellotti também faz expedição com a ONG. Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank sobrevoam Amazônia Divulgação Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank vão sobrevoar a Amazônia nesta quinta-feira (5) com equipe do Greenpeace para mapear focos de incêndio na floresta. Casal de atores também participará da documentação do voo pela região e de conversas com especialistas ambientais. Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank em visita à Amazônia com o Greenpeace Divulgação “Quis ver com meus próprios olhos, quis aprender, quis ver o que estava acontecendo”, disse Bruno antes de decolar. As queimadas no Brasil aumentaram 82% neste ano em relação ao ano passado, a maior alta e também o maior número de registros em 7 anos no país. Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank mapeiam focos de incêndio na Amazônia com o Greenpeace Divulgação Além do casal, o Greenpeace tem outra atriz em suas ações. Giovanna Lancellotti é a nova "embaixadora dos oceanos" da ONG e embarcou nesta segunda (2) para uma semana de expedição na Guiana Francesa. Veja Mais

Hambúrguer vegetal “ajuda meio ambiente” e dá mais lucro para o Burger King

R7 - Economia Os produtos de carne vegetal possuem margens mais alta, aponta a XP Investimentos em um relatório enviado a clientes após o início da comercialização de um sanduíche com hambúrguer à base de plantas pelo Burger King (BKBR3) e produzido pela Marfrig (MRFG3) em parceria com a norte-americana Archer Daniels Midland. “Não assumimos em nossos modelos qualquer […] Veja Mais

Ação da Movida está com desconto elevado em relação aos concorrentes, diz Bradesco

R7 - Economia As ações da Movida (MOVI3) estão sendo negociadas com desconto elevado em relação aos concorrentes, afirmou o Bradesco BBI nesta quarta-feira (4). O banco ajustou o preço-alvo das ações para R$ 20 até o fim de 2020, ante os R$ 15 estabelecidos anteriormente, mantendo a recomendação de compra. “A Movida implementou de forma bem-sucedida seu […] Veja Mais

Fundo soberano de Cingapura vende ações da Aliansce Sonae

R7 - Economia A GIC Private Limited, fundo soberano de Cingapura, diminuiu sua participação acionária na Aliansce Sonae (ALSO3), informou a empresa de shopping centers nesta quarta-feira (4). Com a operação, o fundo deterá 11,8 milhões de ações, equivalentes a 4,981% do total de ações ordinárias. A Aliansce Sonae informou que a participação da GIC na companhia tem por objetivo a manutenção de um portfólio […] Veja Mais

Ipam diz que áreas privadas respondem por 33% do fogo na Amazônia

R7 - Economia SÃO PAULO (Reuters) - Dos 45.256 focos de fogo registrados no bioma Amazônico de janeiro ao final de agosto, 33% foram verificados em propriedades privadas, que cobrem 18% da área amazônica, informou nota técnica do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam) nesta quarta-feira, notando ainda que o número de pontos de calor é o maior desde 2010.Se somados os focos de calor em propriedade privadas com aqueles em áreas de proteção ambiental (APAs), uma categoria fundiária protegida que permite ocupação e uso do solo mais flexível, estima-se que essas áreas tenham respondido por 39% dos incêndios na região, disse a organização não-governamental, com base em dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).Segundo do Ipam, o número de focos em propriedades privadas é consistente com as tendências apresentadas pelo sistema Deter/Inpe no mesmo período, os quais indicaram que 28% do desmatamento registrado foi observado em áreas privadas incluídas no Cadastro Ambiental Rural (CAR).O Ipam ressaltou que em propriedades privadas, o desmatamento e a queimada podem ser permitidos, desde que autorizados por órgão governamental --a reserva legal na Amazônia Legal varia de 80% a 20%, dependendo da região."Porém, historicamente uma larga porção dos desmatamentos registrados e que agora são fonte de ignição é ilegal", disse o instituto em nota. O número de focos em florestas públicas não destinadas representou 20%, enquanto outros 10% dos incêndios ocorreram nas chamadas áreas sem informação cadastral."Essas categorias não têm governança claramente definida e, combinadas, representam quase um terço do número de focos de fogo nos oito primeiros meses de 2019", disse.Florestas públicas não destinadas, federais ou estaduais, ainda carecem de destinação para uma categoria fundiária de proteção, e qualquer desmatamento ou fogo nessas áreas é ilegal."Essa prática criminosa é crescente e alimenta a especulação irregular de terras, lesando patrimônio do Estado brasileiro", disse o Ipam.Enquanto áreas públicas não destinadas respondem por 15% do bioma, aquelas sem informação ocupam 9% do território amazônico. "(Elas) ensejam preocupação por estarem num limbo fundiário e ficarem à mercê da grilagem."Os assentamentos rurais abrigaram 18% dos focos.As "grandes áreas livres de desmatamento e longe das chamas", disse o Ipam, são aquelas protegidas por indígenas (6% dos focos em 2019) e as unidades de conservação exceto APAs (7%), "confirmando sua vocação para conservação"."Sem elas, o cenário de desmatamento seria pior. Contudo, há um aumento preocupante de registros a partir do início de agosto nestas áreas protegidas, especialmente em terras indígenas."Quando comparado com o mesmo período do ano passado, os dados revelam aumento dos focos neste ano em todas as categorias fundiárias, segundo o instituto.De forma absoluta, o maior aumento aconteceu em propriedades privadas e nas áreas não destinadas, seguido pelos assentamentos rurais e áreas sem informação cadastral, disse o Ipam.Apesar de em tese serem protegidas, as unidades de conservação em 2019 mostraram um aumento "surpreendente", com o dobro dos focos registrados em relação à média dos últimos oito anos, com concentração em determinadas unidades, como a Floresta Nacional do Jamanxim (PA). Já a distribuição de focos de calor no bioma amazônico por Estado indicou que Amazonas, Acre, Mato Grosso, Pará, Rondônia e Roraima foram os mais atingidos, enquanto Amapá, Maranhão e Tocantins registraram um menor número.Em Mato Grosso, o aumento de focos de calor foi expressivo nas propriedades privadas, enquanto no Pará destaca-se o incremento nas florestas não destinadas, APAs e unidades de conservação. Veja Mais

Processadores AMD Ryzen 3000 não estão entregando o desempenho prometido

Processadores AMD Ryzen 3000 não estão entregando o desempenho prometido

canaltech A AMD está passando por uns maus bocados. Recentemente a companhia foi condenada a pagar multa de US$ 12 milhões por propaganda enganosa relacionada aos processadores com arquitetura Bulldozer, lançados em 2011. À época, ela garantia aos compradores que o componente tinha oito núcleos de processamento, quando na verdade eram apenas quatro. Agora, um problema parecido pode assombrar os executivos, acionistas e advogados da companhia. O problema é o seguinte: há mais ou menos uma semana um funcionário da ASUS, conhecido entre os overclockers como "Shamino", respondeu a um usuário do fórum Overclock.net sobre o porquê de ele não estar conseguindo atingir a frequência máxima prometida pela AMD em um dos modelos da linha Ryzen 3000. Segundo Shamino, isso está acontecendo porque a AMD resolveu reduzir o desempenho do componente em favor da longevidade do componente, mas sem avisar os consumidores nem alardear o mercado. A resposta deixou a comunidade de "micreiros" desconfiada e eles resolveram financiar, por conta própria, uma pesquisa independente para averiguar melhor a questão. E eis que nesta semana saíram os resultados da pesquisa, que foi conduzida pelo youtuber e especialista em hardware der8auer. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/-   De acordo com ele, a situação é "pior do que qualquer um poderia imaginar". A redução de desempenho afeta todos os processadores da linha Ryzen 3000, mas quem mais sai perdendo são os donos do modelo Ryzen 9 3900X. Para este modelo em específico, a AMD promete clock de até 4,6 GHz, mas a pesquisa de der8auer afirma que 94,4% dos processadores desse tipo não chegam a isso. Os achados da pesquisa concluem que: 94,4% dos processadores 3900X não chegam à velocidade máxima de clock 73,3% dos processadores 3800X não chegam à velocidade máxima de clock 85,3% dos processadores 3700X não chegam à velocidade máxima de clock 90,6% dos processadores 3600X não chegam à velocidade máxima de clock 50,2% dos processadores 3600 não chegam à velocidade máxima de clock O que diz a AMD? Depois de o assunto repercutir extensamente na comunidade, a AMD veio a público nesta terça-feira (3) afirmar que está ciente do que, para ela, é um "bug". "A frequência de boost depende de muitas variáveis, incluindo carga de trabalho, design do sistema e a solução de resfriamento", ponderou a companhia em comunicado publicado no Twitter. Mesmo assim, ela identificou "um bug no nosso firmware que reduz a frequência máxima em algumas situações". pic.twitter.com/nX5za4yjH2 — AMD Ryzen (@AMDRyzen) September 3, 2019 A fabricante dos processadores Ryzen disse já estar trabalhando em uma correção, que deve vir por intermédio de uma atualização de BIOS para as placa-mães compatíveis com os componentes. "Falaremos mais sobre o caso no dia 10 de setembro", prometeu a companhia. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália A cura do AVC? Cientistas criam verme robótico que viaja pelo cérebro Veja Mais

Argentina: Bolsa sobe 6,87% e dólar fica estável com intervenção do BC

Valor Econômico - Finanças O dólar fechou em suave queda de 0,01% frente à moeda local, cotado a 55,927 pesos; Merval se recupera da queda de 11,66% na terça (3) Veja Mais

Bolsonaro nomeia Ricardo Braga como novo secretário de Cultura do governo

G1 Pop & Arte Braga assume o cargo no lugar de Henrique Pires, que pediu demissão após governo suspender edital com séries sobre temas LGBT. Na ocasião, Pires disse que não aceitaria 'censura'. O presidente Jair Bolsonaro nomeou nesta terça-feira (4) Ricardo Braga como novo secretário especial de Cultura do Ministério da Cidadania. A nomeação foi publicada em edição extra do "Diário Oficial da União" e é assinada por Bolsonaro e pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra. O G1 procurou a pasta para obter informações sobre o novo secretário e aguardava resposta até a última atualização desta reportagem. Ricardo Braga assume o cargo no lugar de Henrique Pires, que comunicou em 21 de agosto que deixaria o posto. Decreto do presidente Jair Bolsonaro nomeando novo secretário de Cultura do Ministério da Cidadania Reprodução/'Diário Oficial' Polêmica envolvendo a secretaria No mês passado, o então secretário de Cultura, Henrique Pires, afirmou ao G1 que deixaria o cargo porque o Ministério da Cidadania havia suspendido um edital com séries sobre temas LGBT. O ato, na opinião do então secretário, configurou censura. A decisão do ministério foi tomada em meio a diversas críticas de Bolsonaro à destinação de recursos públicos a filmes com temáticas que desagradam ao presidente, como a LGBT. Bolsonaro tem dito inclusive que, se não puder impor "filtros" às escolhas da Agência Nacional de Cinema (Ancine), irá extinguir o órgão. "Eu tenho o maior respeito pelo presidente da República, tenho o maior respeito pelo ministro, mas eu não vou chancelar a censura", afirmou Henrique Pires quando decidiu deixar o cargo. Para o ministro Osmar Terra, não há censura na decisão do governo. Veja Mais

CCJ do Senado conclui votação de texto da reforma da Previdência

CCJ do Senado conclui votação de texto da reforma da Previdência

R7 - Economia CCJ aprovou só um dos destaques ao texto do relator Dida Sampaio/Estadão Conteúdo – 4.9.2019 A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado aprovou nesta quarta-feira (4) o relatório do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) sobre a reforma da Previdência. Esse foi o primeiro teste do texto da reforma no Senado. Agora, a proposta precisará ter a aprovação de ao menos 49 dos 81 senadores no plenário da Casa, em dois turnos de votação. Dos oito destaques apresentados pelos senadores, apenas um foi aprovado por votação simbólica: a emenda 483 que determina que a pensão por morte não possa ser inferior a um salário mínimo (hoje em R$ 998). A mudança já contava com parecer favorável de Jereissati e é considerada a principal alteração do relatório. A medida só foi possível graças ao apoio do MDB, que custou R$ 32 bilhões em desidratação no texto. O texto aprovado pela Câmara garantia uma economia de R$ 933,5 bilhões em dez anos, segundo o Ministério da Economia. Mas o relator, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), fez mudanças que reduziram o impacto da reforma para os cofres públicos para R$ 870 bilhões. PEC paralela Após analisar o relatório de Jereissati, a CCJ do Senado deu aval à chamada PEC paralela da Previdência, que insere Estados e municípios na reforma e inclui outras alterações. Esse texto será encaminhado ao plenário e votado separadamente. A estratégia acelera o andamento da proposta em pelo menos 30 dias se comparado com uma tramitação normal, em que o texto começaria a ser discutido. A tentativa de governistas é fazer com que a PEC paralela seja votada nos mesmos prazos da reforma principal, cujas votações no plenário estão previstas para 24 de setembro (1º turno) e 10 de outubro (2º turno). Após chegar ao plenário, tanto o texto principal quanto à PEC paralela poderão receber emendas. Essas emendas serão direcionadas novamente à CCJ para o relator se posicionar antes do primeiro e do segundo turno no plenário. Veja Mais

Trabalho - Seminário pela Soberania Nacional e Popular - 04/09/2019 - 15:06

Trabalho - Seminário pela Soberania Nacional e Popular - 04/09/2019 - 15:06

Câmana dos Deputados Pauta: Seminário pela Soberania Nacional e Popular, contra as privatizações. Em defesa do emprego e de nosso futuro Local: Auditório Nereu Ramos Início: 04/09/2019 às 09h01 Req. nº 5/19 de Autoria do Deputado Rogério Correia - "requer a realização de um Seminário para debater a situação das empresas públicas e de economia mista, bem como as diretrizes governamentais com relação às mesmas. Veja Mais

Keanu Reeves pode retornar como Constantine, diz site

Keanu Reeves pode retornar como Constantine, diz site

Tecmundo O atual queridinho de Hollywood, já envolvido em diversos projetos dignos de hype (Cyberpunk 2077, Matrix 4 e John Wick 4), está novamente sob os holofotes, desta vez após um rumor revelado pelo site We Got This Covered sobre uma possível sinalização da Warner para recolocar o ator no papel do caçador de demônios, John Constantine, mas agora como personagem do Universo Estendido DC.Apesar de não passar de boato, mesmo fortificado pela credibilidade da fonte, responsável por anunciar outros participantes em filmes de heróis, como o retorno de Viola Davis em Esquadrão Suicida e do Adão Negro em uma sequência de Shazam!, há meses a Warner vem mostrando suas intenções de contar com o ator em seu universo heroico. Fala-se, também, sobre uma participação no filme Novos Deuses, no arco do vilão Darkside.Leia mais... Veja Mais

Amazônia foi tema de vários debates na Câmara - 04/09/19

Amazônia foi tema de vários debates na Câmara - 04/09/19

Câmana dos Deputados A Amazônia brasileira foi o tema que dominou os debates em diversas reuniões nesta quarta-feira aqui na Câmara. A preservação da natureza, dos povos indígenas, dos quilombolas, das riquezas minerais; a preservação da soberania da região foram discutidos. Na comissão de relações exteriores houve um consenso: para preservar é preciso antes desenvolver economicamente a região. Em comissão geral no Plenário Ulysses Guimarães, deputados, especialistas, sociedade civil, além dos povos da floresta debateram formas de enfrentar o desafio do desmatamento e das queimadas na Amazônia. Vamos acompanhar na reportagem de Fernanda de Bretanha e Sandra Amaral. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Livro reúne contos inspirados em canções de Raul Seixas

R7 - Música Em agosto completou 30 anos da morte de Raul Seixas, um dos maiores artistas da história do país. Para homenageá-lo, Conte Outra Vez: coletânea de contos inspirados em canções de Raul Seixas reúne textos inspirados em canções do músico. Inicialmente, o livro teria apenas 30 contos, mas recebeu 6 faixas-bônus. O organizador T. K. Pereira explica que percebeu que as canções escolhidas permeavam quase todos os álbuns 17 álbuns de estúdio, deixando de fora o primeiro e os últimos. “Convidei mais autores e pedi que eles escolhessem uma canção de cada álbum faltante”, completa. A obra mostra inspirações são mais sutis, outras mais diretas, com o próprio cantor surgindo em várias narrativas. Houve a preocupação de dar diversidade à coletânea, reunindo escritores de Minas Gerais, Paraíba, Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Sul, São Paulo e outras partes do país. Pereira comenta que os anos criaram misticismos e lendas ao redor do Raul, mas o fascínio dele pelo baiano surge de outro lugar. “O que ficou dele para mim foi o artista que nunca deixou de acreditar em si mesmo, em sua obra e no que tinha a dizer, por mais obstáculos que surgissem em seu caminho”, finaliza. Gratuito e exclusivamente digital, o livro está disponível na Amazon, Apple Books e outras plataformas digitais, incluindo o site oficial do organizador. https://open.spotify.com/album/4olOj6yjNB49NOej2lZynI?si=49eIpTsOSH2uqfMiAJHbiQ Veja Mais

Câmara é Notícia 21h | Comissão Geral discute Amazônia - 04/09/2019

Câmara é Notícia 21h | Comissão Geral discute Amazônia - 04/09/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Provedores de internet dificultam combate ao cibercrime, diz especialista

Provedores de internet dificultam combate ao cibercrime, diz especialista

canaltech A demora de alguns provedores de conexão a internet em atualizar seus sistemas de identificação de usuários da rede mundial de computadores tem dificultado o trabalho de policiais encarregados de investigar crimes cibernéticos. A afirmação é do coordenador do Laboratório de Inteligência Cibernética do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Alessandro Barreto. Segundo Barreto, o problema decorre, principalmente, da resistência de algumas empresas em fazer os investimentos necessários para migrarem da tecnologia IPv4 para o IPv6 - protocolo de internet (do inglês Internet Protocol, ou IP) lançado em 2012, como uma resposta à ameaça de saturação dos “endereços” numéricos que identificam cada computador, servidor, celular, tablet ou dispositivo conectado à rede. Criado no início da década de 1980, o IPv4 opera com "endereços" de 32 bits, suportando cerca de 4,30 bilhões de IPs em todo o mundo. As combinações numéricas que identificam um IP permitem a conexão dos equipamentos em rede. Ou seja, para realizar uma pesquisa, enviar um e-mail ou acessar as redes sociais, o internauta tem que necessariamente utilizar um equipamento com um número de IP autenticado. Ocorre que, conforme a internet se popularizou, o número de endereços ainda disponíveis no protocolo IPv4 foi diminuindo rapidamente, motivando a Corporação da Internet para Atribuição de Nomes e Números (do inglês, Icann ) a lançar o IPv6, que usa 128 bits, possibilitando um número infinitamente maior de combinações numéricas. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- De acordo com Barreto, com a saturação do antigo protocolo, provedores que ainda não migraram para o IPv6 passaram a atribuir um mesmo IP a mais de um internauta. "Alguns provedores, por várias questões, não querem fazer a migração. Então, eles pegam um endereço de IP e compartilham [entre vários clientes]. Já pegamos um único IP sendo usado por 1.020 aparelhos. Como vamos chegar à conexão?”, questionou Barreto, ao explicar como isso dificulta o trabalho dos investigadores. “É como se tivéssemos uma autopista com mil veículos, todos da mesma cor e com uma mesma placa. [Por isso] alguns abusadores e exploradores sexuais deixaram de ser identificados”, ressaltou o coordenador, sustentando que a 5ª fase da Operação Luz na Infância, deflagrada esta manhã (4) para investigar a suspeita de crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes, também foi prejudicada por essa questão. “Isso não afeta só crime de abuso e exploração sexual infantil. Afeta fraudes eletrônicas, crimes eleitorais, o que quer que seja que exija a identificação do responsável. Asseguro a todos vocês que os números de hoje poderiam ser maiores. Poderíamos ter mais operações de busca e apreensão sendo feitas neste momento”, comentou Barreto sobre os 105 mandados de busca e apreensão que estão sendo cumpridos em 14 estados, no Distrito Federal, e em outros seis países: Chile, El Salvador, Equador, Panamá e Paraguai, além dos Estados Unidos, onde um investigado foi detido, no estado do Michigan. Até as 13h, o ministério confirmava a prisão de 31 pessoas, incluindo o suspeito detido em território norte-americano. Se todos os provedores migrarem para o protocolo IPv6, o número de IP disponíveis aumentará, e o sistema suportará muito além dos cerca de 4,30 bilhões de endereços. Com isso, será mais fácil distinguir os equipamentos conectados à rede. “Isso minimizará os problemas e conseguiremos identificar mais abusadores e outros criminosos [cibernéticos]. Alguns provedores já estão se adequando, mas há alguns provedores gigantescos que aplicam a metodologia [IPv4] e que não querem migrar para o IPv6”, acrescentou Barreto. “Então, vou usar este espaço para pedir encarecidamente [às empresas]: migrem para a versão 6 do protocolo.” Questionado sobre o que mais o governo pode fazer além de pedir às empresas que atualizem seus sistemas, Barreto revelou, sem citar nomes, que um provedor já foi multado durante uma fase anterior da Operação Luz na Infância por ter dificultado investigações. “No Brasil, o Marco Civil da Internet estabelece que os provedores de conexão têm que fornecer informações que nos permitam individualizar a autoria e a materialidade de delitos. A legislação é clara quanto a isso.” Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Joice diz que Bolsonaro tem 'ciuminho' de sua relação com Doria

O Tempo - Política Ela afirmou que conheceu o governador de São Paulo "antes do PSL" e antes de conhecer o presidente Veja Mais

Warren cria rede de assessores de investimento

Valor Econômico - Finanças Corretora aposta na maior diferenciação da atividade de consultoria financeira em relação ao modelo de agentes autônomos Veja Mais

Nintendo confirma: Overwatch chega ao Switch no dia de 15 outubro

Nintendo confirma: Overwatch chega ao Switch no dia de 15 outubro

canaltech Muita gente já especulava isso por aí e o burburinho só aumentava nos bastidores. Agora, a própria Nintendo confirmou: o shooter multiplayer online Overwatch será mesmo lançado para o Switch em outubro — para ser mais preciso, no dia 15. "Overwatch reúne jogadores em competição cooperativa em uma visão brilhante e otimista do futuro e estamos ansiosos para receber os jogadores do Nintendo Switch nessa diversão. A Legendary Edition inclui mais de três anos de atualizações de conteúdo e aprimoramentos de jogabilidade. Estamos empolgados em nos unir à Nintendo para fornecer aos jogadores novas maneiras de aproveitar a experiência completa de Overwatch", disse o presidente da Blizzard, J. Allen Brack, durante o anúncio.   Como Brack mesmo apontou, a versão para o console da Big N deve trazer alguns mimos. O primeiro é o uso de movimentos com os Joy-Con durante a jogatina. Ela traz a skin Widowmaker e três meses de Nintendo Switch Online nos pedidos de pré-venda. E se você logar no dia 31 de dezembro, também recebe uma Golden Loot Box como bônus, com pelo menos um item lendário. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Legendary Edition Aliás, a Overwatch Legendary Edition vem com 15 skins: cinco de vestes lendárias, cinco épicas e outras cinco de origem. Será vendida tanto na versão física, com códigos de download, quanto na Nintendo eShop, a US$ 39,99 (R$ 163,75 na conversão direta). Ainda não se sabe exatamente como deve ser a taxa de atualização de quadros, mas a promessa é de que seja equivalente a de outros sistemas. Não há detalhes sobre cross-play ou importação das conquistas em um perfil jogado no PlayStation 4, Xbox One e PC. Mas, finalmente, os usuários de Switch poderão entrar na festa, já a partir do mês que vem. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Nintendo Switch recebe 20 clássicos do Super Nintendo Após Jack Dorsey ser hackeado, Twitter encerra função de tuitar por SMS Veja Mais

Ondas do furacão Dorian levam tijolos de cocaína a praias da Flórida

O Tempo - Mundo Bolsa com a droga foi encontrada em Cocoa Beach nesta quarta-feira (4) Veja Mais

TRF-4 mantém bloqueio de bens do espólio de Marisa Letícia Lula da Silva

O Tempo - Política Dois recursos pediam a liberação referentes ao espólio da ex-primeira-dama que foram impedidos para cumprimento de pena do ex-presidente Lula Veja Mais

Bolsonaro nomeia Ricardo Braga para cargo de secretário especial de Cultura

O Tempo - Política Desde o dia 22 de agosto, a secretaria de Cultura estava sob comando de José Paulo Soares Martins Veja Mais

Jogador descobre jeito mais fácil de pescar em Zelda: Breath of the Wild

Jogador descobre jeito mais fácil de pescar em Zelda: Breath of the Wild

Tecmundo Jogos da série Zelda sempre permitem que os jogadores, de uma maneira ou outra, acabem descobrindo uma maneira mais fácil de realizar alguma tarefa. As coisas não seriam diferentes com The Legend of Zelda: Breath of the Wild, que entra nessa lista graças a um macete para tornar a pescaria mais simples e sem uso de vara de pescar.O método em questão foi compartilhado no reddit por um usuário conhecido como Charlieboy95, e exige que o jogador utilize o assovio em uma área com um pouco de areia próximo ao mar para induzir o peixe a nadar para aquela região. Dessa forma, tudo que você precisa fazer é passar coletando os louros deste “árduo” trabalho posteriormente.Leia mais... Veja Mais

Congresso instala CPMI das Fake News - 04/09/19

Congresso instala CPMI das Fake News - 04/09/19

Câmana dos Deputados Foi instalada nessa quarta-feira a CPI Mista das Fake News. Deputados e Senadores vão se juntar para investigar o compartilhamento de notícias falsas com objetivos eleitorais. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Operação prende 35 pessoas por exploração sexual de menor na internet

 Operação prende 35 pessoas por exploração sexual de menor na internet

canaltech Realizada simultaneamente em 14 estados brasileiros, além do Distrito Federal, e em seis países, a quinta fase da Operação Luz na Infância resultou, até o início da tarde de hoje (4), na prisão de 35 pessoas suspeitas de participação nos crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes pela internet. Segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública, 32 suspeitos foram detidos em flagrante no Brasil. Outros três foram presos no exterior, sendo um nos Estados Unidos e dois no Paraguai. Dos suspeitos autuados em território brasileiro, sete foram localizados em São Paulo e seis em Santa Catarina. No Distrito Federal, foram presas quatro pessoas, enquanto em Alagoas, três pessoas foram detidas. Em Mato Grosso do Sul, Pará e Paraná foram efetivadas duas prisões em flagrante em cada estado. Amazonas, Ceará, Mato Grosso, Amapá, Rio de Janeiro, Maranhão registraram, cada um, uma detenção. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- No total, foram expedidos mandados de busca e apreensão contra 105 alvos sob investigação. As ações coordenadas pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública contam com o apoio das polícias civis de 11 unidades da federação, além da Polícia Federal (PF) e das autoridades do Chile, El Salvador, Estados Unidos, Equador, Panamá e do Paraguai. Mais cedo, o coordenador do Laboratório de Inteligência Cibernética do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Alessandro Barreto, declarou que o número de mandados de busca e apreensão expedidos pelo Poder Judiciário teria sido maior se os investigadores não se deparassem com uma dificuldade adicional às já complicadas investigações de crimes cibernéticos: o fato de provedores de conexão a internet oferecerem um mesmo IP (do inglês internet protocol), ou seja, um único protocolo de internet a vários equipamentos (computador, servidor, celular, tablet ou qualquer outro dispositivo conectado à rede) atrapalha as investigações, dificultando a identificação dos suspeitos. “Asseguro a todos vocês que os números [de mandados de busca e apreensão] poderiam ser maiores. Poderíamos ter mais operações de busca e apreensão sendo feitas neste momento”, disse Barreto. Leis Barreto defendeu a necessidade de os legisladores brasileiros aprovarem penas mais severas para quem comete crimes cibernéticos contra crianças e adolescentes. A título de comparação, ele explicou que cada país participante desta fase da Operação Luz na Infância tem leis próprias para lidar com a exploração e o abuso sexual de crianças pela internet. A do Brasil e a do Chile, segundo Barreto, são das mais brandas do grupo. Enquanto no Brasil alguém que compartilhe esse tipo de material pela internet está passível de ser punido com prisão de três a seis anos, em El Salvador a sanção legal pode variar entre seis e 12 anos de reclusão. Nos Estados Unidos, o compartilhamento de conteúdo pode levar alguém a passar acima de 15 anos na cadeia. A mesma lógica se aplica à produção e ao armazenamento do material. "Mas o mais importante é a prevenção. A repressão tem que ser adequada para que tenhamos um ambiente cibernético mais seguro e para que todos possam navegar com tranquilidade. Mas a prevenção deve começar dentro de casa. Os responsáveis legais pelas crianças têm que estar atentos ao que seus filhos estão fazendo on-line, pois a internet é um terreno fértil para o cometimento de vários crimes e onde há milhares de predadores à solta", acrescentou Barreto. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália Porsche apresenta o Taycan, seu primeiro carro 100% elétrico e com 760 cv Veja Mais

YouTube vai mudar regras de publicidade em vídeos que têm audiência infantil

G1 Pop & Arte Novidade foi anunciada no mesmo dia em que empresa concordou em pagar multa de US$ 170 milhões por usar dados de crianças para direcionamento publicitário. Após multa milionária, YouTube diz que não mais irá exibir publicidade para vídeos que tenham algum apelo infantil. Dado Ruvic/Reuters O YouTube anunciou mudanças na maneira como divulga publicidade em sua plataforma principal nesta quarta-feira (4). "Começando nos próximos quatro meses, nós passaremos a tratar dados de qualquer pessoa vendo conteúdo voltado para crianças no YouTube como se fossem dados de uma criança, independente da idade do usuário", escreveu Susan Wojcicki, presidente global da plataforma de vídeos, em uma carta no blog oficial do YouTube. Ainda segundo Wojcicki, o YouTube também "vai parar de direcionar publicidade para esse tipo de conteúdo inteiramente e algumas funcionalidades não estarão mais disponíveis, como comentários e notificações". A partir de agora, o único tipo de publicidade que poderá ser exibido em vídeos do YouTube que tenham algum tipo de audiência infantil são publicidades de contexto. Nesse modelo, as propagandas são associadas ao vídeo em que são exibidas, não direcionadas de acordo com o comportamento e outras informações pessoais do usuário que está assistindo — que é o modelo padrão de exibição publicitária. Na carta, Wojcicki afirma que o conteúdo voltado para audiência infantil será identificado em parceria com os próprios criadores e YouTubers, que a partir de agora devem dizer se produzem algum tipo de vídeo que entra nessa categoria. "Nós também usaremos aprendizado de máquina para encontrar conteúdo que claramente é direcionado para audiências mais jovens, como aqueles que têm ênfase em personagens infantis, brinquedos ou jogos". Exemplos de canais e produtores que se enquadram nessa regra não foram fornecidos. O Google, que é dono do YouTube, concordou em pagar uma multa de US$ 170 milhões por ter coletado dados de menores de idade e ter direcionado publicidade para essas pessoas usando essas informações. É incerto como a medida de tratamento desses dados deve impactar no faturamento publicitário do YouTube, que não disponibiliza dados oficiais de quanto arrecada com propaganda. O restante do Google, que é uma empresa muito maior, faturou US$ 137 bilhões em 2018. Crianças e o YouTube De acordo com o Ato de Proteção Online à Criança (COPPA, na sigla em inglês) — uma lei de proteção à vida privada das crianças na internet — pessoas com menos de 13 anos não devem ter acesso a plataformas como o YouTube, ou a redes sociais, como Instagram ou Facebook. Por esse motivo, essas redes cancelam contas de pessoas com idade menor a essa. Apesar disso, a plataforma pode ser usada por menores de idade, que tenham entre 13 e 18 anos, razão pela qual 23 organizações de defesa dos direitos digitais e de proteção da infância haviam apresentado a ação que resultou na multa da plataforma. O YouTube reiterou esse posicionamento na carta publicada nesta quarta e afirma que os pais devem usar o YouTube Kids para crianças menores de 13 anos. "Dezenas de milhõesde pessoas usam o YouTube Kids todas as semanas e queremos que os pais estejam mais cientes do aplicativo e de seus benefícios", disse Wojcicki, que anunciou uma campanha no YouTube principal para conscientizar os pais. No YouTube Kids, as publicidades são inteiramente no modelo de contextualização, vinculados ao conteúdo exibido e não ao perfil do usuário. Esse modelo é semelhante à publicidade veiculada em canais de conteúdo infantil, por exemplo. Remoção de conteúdo nocivo Na terça-feira (3), o Youtube tinha divulgado um balanço com iniciativas de remoção de conteúdo nocivo. O time da plataforma removeu, no segundo trimestre desde mais de 500 milhões de comentários nocivos, além de 100 mil vídeos e mais de 17 mil canais que violavam a política de discurso de ódio. Veja Mais

Viúva Negra: Scarlett Johansson comenta o destino da heroína em Vingadores

Viúva Negra: Scarlett Johansson comenta o destino da heroína em Vingadores

Tecmundo A personagem de Scarlett Johansson em Vingadores: Ultimato, teve um dos destinos mais imprevisíveis do filme. Durante uma recente entrevista ao Hollywood Reporter, a atriz aproveitou para falar sobre a morte da heroína e o quanto ela queria que aquele fosse um momento importante para a sua personagem."A conclusão foi triste, mas fiquei animada por morrer com honra", explicou Johansson. "Parecia que ela se sacrificaria, é claro pela humanidade, mas, na verdade foi por seus amigos, pelas pessoas que ama. Foi agridoce", conclui a atriz.Leia mais... Veja Mais

Dia Nacional da Natação: veja como foi a discussão na Comissão do Esporte

Dia Nacional da Natação: veja como foi a discussão na Comissão do Esporte

Câmana dos Deputados A Comissão do Esporte da Câmara realizou audiência pública para discutir a criação do Dia Nacional da Natação. O dia 2 de Agosto foi a data proposta para a criação do Dia Nacional da Natação. Opinião dos participantes: - Deputado Luiz Lima (PSL-RJ); - Jorge Steinhilber, presidente do Conselho Federal de Educação Física; - Rudá Franco, representante da Comissão de Atletas da Confederação Brasileira de Pólo Aquático e atleta da modalidade - Ricardo Prado, diretor técnico da Confederação Brasileiro de Desportos Aquáticos. Ricardo Prado é considerado o maior nadador brasileiro da década de 1980. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Leroy Merlin abre inscrições para programa de trainee 2020

R7 - Economia A Leroy Merlin, empresa de varejo no setor de construção, está com vagas abertas para o seu programa de Trainee 2020. Para participar, o candidato precisa ter formação no ensino superior entre dezembro de 2015 e o final deste ano, tendo possibilidade para mudanças. O programa tem duração de 12 a 15 meses, contando com […] Veja Mais

Constituição e Justiça e de Cidadania - Crime de responsabilidade dos ministros do STF - 04/09/19

Constituição e Justiça e de Cidadania - Crime de responsabilidade dos ministros do STF - 04/09/19

Câmana dos Deputados Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania - Reunião Deliberativa. Votação do PL 4754/16, do deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) e outros 22 deputados, que inclui como crime de responsabilidade dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) a usurpação de competência do Poder Legislativo ou do Poder Executivo. E outras propostas. Local: Anexo II, Plenário 01. Início: 04/09/2019 às 10h19. Veja Mais

CCJ do Senado aprova sugestão de PEC que libera inclusão de estados e municípios na reforma da Previdência

G1 Economia Com o aval da comissão, texto passará a tramitar no Senado e, se aprovado, segue para a análise da Câmara dos Deputados. Antes, comissão aprovou PEC principal. A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira (4) uma sugestão de proposta de emenda à Constituição (PEC) de reforma da Previdência, que prevê, entre outras alterações, a adoção por estados e municípios das regras do regime próprio da previdência dos servidores da União, por meio de aprovação de lei ordinária. Com o aval do colegiado, a chamada "PEC paralela" começará a tramitar no Senado e, se for aprovada pela Casa, seguirá para a análise da Câmara dos Deputados. Leia aqui o ponto a ponto sobre a PEC paralela “Apenas estamos aprovando a sugestão de que a PEC, a Proposta de Emenda Constitucional que consta do anexo, vai imediatamente para o plenário, para que qualquer senador, a partir daí, possa apresentar emendas. Após a apresentação das emendas, cinco sessões de discussão esta proposta virá para que nós, inclusive, votemos sua admissibilidade, ou não. Esta etapa, pelo regimento, não pode ser suprimida e não será suprimida. Nenhum etapa está sendo suprimida e nenhum direito para qualquer parlamentar a favor ou contra de apresentar emendas, debater, de acordo com as suas consciências e votar”, explicou a presidente da CCJ, Simone Tebet (MDB-MS). Antes de aprovar a sugestão de PEC paralela elaborada por Tasso Jereissati (PSDB-CE), os parlamentares aprovaram o relatório do tucano favorável à PEC principal da reforma da Previdência, que, entre outros pontos, prevê idade mínima de aposentadoria de 65 anos para homens e 62 anos para mulheres. A expectativa com a PEC principal, segundo cálculos do relator, é gerar uma economia de R$ 870 bilhões em 10 anos para a União. De acordo com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), a ideia é finalizar a votação da PEC principal em plenário até o dia 10 de outubro. Já uma eventual aprovação da PEC paralela pelo Congresso, faria a economia subir para cerca de R$ 1,3 trilhão. Ainda não há uma data agendada para a votação da PEC paralela, cuja sugestão de texto foi aprovada pela CCJ nesta quarta. Veja Mais

Localiza irá pagar R$ 74,6 milhões em juros sobre capital próprio

R7 - Economia A Localiza (RENT3) aprovou nesta quarta-feira (4) o pagamento de R$ 74,6 milhões em juros sobre o capital próprio com valor bruto por ação de R$ 0,103680691, passível de modificação. O pagamento ocorrerá em 8 de novembro de 2019, com retenção do Imposto de Renda na fonte, exceto para os acionistas que já sejam comprovadamente imunes […] Veja Mais

Nubank é a startup brasileira mais desejada para trabalhar em 2019; veja ranking com 25 empresas

R7 - Economia O Nubank foi eleito a startup brasileira mais desejada para trabalhar em 2019 pelo LinkedIn. A segunda edição, divulgada nesta quarta-feira (4), apresenta as 25 empresas de destaque do ano, conhecidas pelo grande crescimento, a disrupção que causam em seus setores e o modo como estão mudando a forma de viver e trabalhar dos profissionais. […] Veja Mais

Aplicativo UVLens é hackeado e envia notificações pornográficas aos usuários

Aplicativo UVLens é hackeado e envia notificações pornográficas aos usuários

canaltech Talvez você não conheça, já que não é um aplicativo tão popular, mas o UVLens fornece previsões do tempo a usuários do iOS. E na última terça-feira (3), o público se deparou com uma surpresa: notificações do aplicativo cheias de conteúdo pornográfico. Acontece que um serviço terceirizado de notificação por push que o UVLens utiliza foi comprometido, permitindo que um remetente de spam enviasse as notificações inadequadas pela rede, atingindo todos os usuários do aplicativo em questão. O caso ganhou repercussão quando dezenas de reclamações de usuários, que receberam as notificações explícitas, encheram o Twitter. Antes disso, o aplicativo funcionava normalmente e não tinha nenhum histórico de envio de conteúdo inapropriado. Notificação do UVLens com conteúdo explícito espanta usuários (Foto: MacRumors) Tendo recebido as notificações com o conteúdo inapropriado, várias pessoas enviaram reclamações via Twitter, para que o aplicativo possa ser removido da App Store ou corrigido o mais rápido possível. O caso gerou polêmica, principalmente porque o UVLens tem a classificação etária de apenas 4 anos, então nada impede que crianças também tenham visto o material. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- A reação do aplicativo, a princípio, foi enviar uma nova notificação para seus usuários pedindo desculpas pelo ocorrido e esclarecendo tudo: "Você pode ter recebido uma mensagem push explícita. Definitivamente não era da equipe do UVLens. Estamos investigando esse assunto com muita seriedade agora. Manteremos você atualizado". Equipe do UVLens manda nova notificação esclarecendo tudo (Foto: MacRumors) Segundo o portal norte-americano MacRumors, o UVLens declarou também que já foram tomadas algumas medidas para impedir que isso aconteça novamente. Além disso, nenhum software de aplicativo foi comprometido. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: STJ determina que motoristas não têm vínculo trabalhista com a Uber Atualização do Windows 10 está fazendo a CPU de muitos computadores fritar MUITO BARATO | Smart TV Samsung 50 polegadas 4K por R$ 1.790 no Submarino Conheça o Brigie, primeiro aplicativo feito para intercâmbio na Austrália Spotify traz plano Premium Duo para América Latina, mas Brasil fica de fora Veja Mais