Meu Feed

Últimos dias

Cientistas querem criar mapa 3D da Terra antes que o Homem a destrua

Cientistas querem criar mapa 3D da Terra antes que o Homem a destrua

canaltech Dois pesquisadores decidiram criar um mapa 3D de alta resolução do mundo inteiro, o mais rápido possível. O motivo? É que, devido às mudanças climáticas causadas pelo Homem, o planeta está mudando cada vez mais rápido. Com isso, florestas queimam, geleiras derretem e vestígios de culturas antigas desaparecem, todos os dias. Quanto mais esse efeito devastador afeta as características e registros da Terra, mais rápido os cientistas perdem materiais de pesquisas importantes, que poderiam nos revelar mais sobre o passado do planeta, das civilizações extintas, e outros mistérios ainda não desvendados. Para tentar guardar algum registro, o arqueólogo Chris Fisher e o geógrafo Steve Leisz, ambos da Colorado State University, criaram um projeto sem fins lucrativos chamado The Earth Archive. A proposta é usar lasers para criar um mapa 3D de alta resolução do mundo inteiro, em seu estado atual. "A crise climática ameaça destruir nosso patrimônio cultural e ecológico em décadas", disse Fisher no início deste ano, em uma palestra no TEDx. "Como podemos documentar tudo antes que seja tarde demais?" -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- A resposta, de acordo com Fisher, é um método chamado lidar, que realiza a varredura de uma paisagem usando aeronaves para cobrir a área com uma densa rede de raios laser. A partir desse bombardeio de luz, os pesquisadores podem criar os mapas 3D de alta resolução e depois editá-los digitalmente. Por exemplo, eles poderiam remover folhagens e outros objetos para revelar coisas difíceis de se detectar na superfície da Terra. Em 2018, arqueólogos varreram parte de uma floresta na Guatemala com raios laser para revelar vestígios de uma metrópole antiga (Imagem: Luke Auld-Thomas and Marcello A. Canuto) Essa técnica já é utilizada na arqueologia, e se tornou mais proeminente em pesquisas nessa área na última década. Ela ajudou os pesquisadores a descobrirem cidades perdidas em lugares cobertos por folhas de árvores na África e América do Su, por exemplo, e também ajudou a revelar estradas soterradas da Roma antiga, além de paisagens urbanas perdidas no Camboja. Em 2007, o próprio Fisher fez parte de uma equipe que usava o lidar para descobrir vestígios de uma metrópole perdida na floresta tropical hondurenha. Usando essa tecnologia, o The Earth Arquive pretende fazer a varredura de toda a área terrestre do planeta — ou seja, cerca de 29% da superfície, já que o restante são oceanos. A equipe começaria o trabalho nas regiões mais ameaçadas, como a floresta amazônica e regiões costeiras que correm o risco de desaparecer com o aumento do nível do mar. O projeto provavelmente levaria décadas para ser concluído e exigiria muito financiamento — cerca de US$ 10 milhões — apenas para começar na Amazônia. Mas o resultado, na visão de Ficher, valeria a pena: ele seria "o presente final para as gerações futuras". Além da verba, há outros obstáculos a serem superados. Mat Disney, professor do Departamento de Geografia da University College London, disse que esse projeto inevitavelmente afastaria o financiamento de outros projetos de pesquisa. Além disso, obter permissão para pilotar um avião de pesquisa em espaços aéreos restritos seria complexo. "Quem lhes dará permissão para sobrevoar o Brasil? O governo brasileiro que não seria", disse Disney. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas Veja Mais

Conheça os melhores antivírus para smartphones disponíveis no mercado em 2019

Conheça os melhores antivírus para smartphones disponíveis no mercado em 2019

canaltech Os antivírus são importantes ferramentas para proteção de computadores e dispositivos, uma vez que impedem malwares de acessar a privacidade e os dados dos usuários. Naturalmente, existem diversas opções deles no mercado, em versões pagas e gratuitas. Se você deseja proteger seu aparelho com um antivírus, porém ainda não conseguiu decidir entre todas as opções, confira algumas dicas que poderão lhe auxiliar. Conheça alguns dos melhores antivírus para Android disponíveis: AVG Antivírus Muito popular no mercado, o AVG é frequentemente mencionado como um dos antivírus que melhor protegem smartphones, computadores e outros dispositivos. Recentemente, ele recebeu pontuação máxima no AV-Test, site que testa a qualidade de softwares de segurança. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- É possível utilizar o AVG antivírus tanto em sua versão gratuita quanto na paga, que custa cerca de R$9,99/ano na versão Pro, R$25,99/ano na versão Ultimate e garante acesso a mais recursos de proteção, além de ausência total de propagandas. Imagem: Divulgação AVL Pro antivírus Embora menos conhecido, o antivírus AVL é leve, simples de usar e possui bom grau de proteção para os dispositivos. Além disso, ele também recebeu pontuação máxima no AV-Test. Esse antivírus também possui ótimos recursos, como bloqueador de chamadas e ferramentas de monitoramento. Embora ele possua ótima funcionalidade, pode ser baixado gratuitamente, uma vez que não existe nenhuma versão paga da ferramenta. Imagem: Divulgação Norton Mobile Security Assim como o Avast e o AVG, o Norton é um dos antivírus mais populares do mercado. Sua funcionalidade é muito boa e ele oferece proteção contra vários tipos diferentes de malware, oferecendo inclusive funções como bloqueio de chamadas e monitoramento frequente. Embora um pouco mais caro, o Norton pode ser muito útil para usuários que possuem dados sigilosos em seu computador ou smartphone. É possível baixar a versão paga do antivírus por cerca de R$36. Imagem: Divulgação Avast Antivírus O Avast é um dos antivírus mais populares atualmente. Disponível nas versões paga e gratuita, ele oferece várias ferramentas de proteção, como otimizador de RAM, verificação de conexões Wi-Fi, escaneamento inteligente, teste de velocidade, entre outras. Além disso, o antivírus é conhecido por sua facilidade de encontrar ameaças e proteger a navegação com dados sigilosos através de seu firewall. É possível assinar a versão Pro do Avast Antivírus por R$12,99/ano, enquanto a versão Ultimate sai por cerca de R$36/ano. Imagem: Divulgação Kaspersky Antivírus O Kaspersky é um antivírus que oferece muitas funcionalidades, como bloqueio de SMS e chamadas e verificação de malwares. No entanto, o recurso de proteção em tempo real de seu smartphone só é liberado para assinantes da versão paga do antivírus, que custa cerca de R$29/ano. É possível fazer o download da proteção tanto em smartphones Android quanto iOS. Imagem: Divulgação Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas Veja Mais

NASA encerra missão das sondas Van Allen após sete anos de descobertas

NASA encerra missão das sondas Van Allen após sete anos de descobertas

canaltech Após sete anos, a missão das sondas Van Allen, da NASA, chega ao fim. Os operadores enviaram o último comando para a segunda espaçonave robótica da dupla - a primeira já havia recebido seu comando final em 19 de julho. As sondas gêmeas foram lançadas em agosto de 2012 para estudar o clima espacial, principalmente o Cinturão de Van Allen, causado pela influência do Sol no ambiente da Terra. Esse fenômeno atmosférico é causado por concentrações de partículas no campo magnético terrestre, e foi descoberto em 1958 por James Van Allen. Essa região ao redor do planeta pode interferir nas redes elétricas da Terra, nos satélites de navegação, comunicação de equipamentos em órbita e na saúde dos astronautas. Os cientistas têm poucos dados sobre o clima espacial para construir e ajustar modelos, mas as sondas Van Allen ofereceram muito material de estudo. De acordo com Sasha Ukhorskiy, cientista que trabalha nesse projeto, as sondas gêmeas foram a primeira missão projetada para permanecer em “cinturões de radiação perigosos por um período de tempo tão longo". Na verdade, elas duraram bem mais do que o planejado - o projeto inicial era para apenas dois anos e meio de duração. Ela conta que os dados coletados ao longo desses sete anos “serão o padrão na física dos cinturões de radiação para que muitas gerações de cientistas se beneficiem". -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Ambas as naves continuarão existindo silenciosamente por cerca de 15 anos no espaço, mas não há mais combustível para qualquer funcionamento. Eventualmente, elas orbitarão a Terra em direção à atmosfera, entrando em combustão, sem se chocar contra a superfície. O legado das sondas Van Allen Ilustração do posicionamento das sondas Van Allen em relação à Baixa Órbita Terrestre e os cinturões (Imagem: NASA) O tempo de sobrevivência das sondas em uma região tão perigosa forneceu aos cientistas uma ampla gama de observações sobre clima espacial. Com medições de dois satélites diferentes, é possível entender melhor como esse clima pode mudar ao longo do tempo e do espaço. Tudo isso é vital para previsões mais precisas. Naves espaciais podem ser prejudicadas se expostas à radiação dessa área. Inclusive, esse é um dos motivos que levam alguns a acreditarem que o Homem não foi capaz de chegar até a Lua no século passado com o program Apollo, da NASA. Mas, desde que os cinturões foram descobertos através dos dados da sonda Explorer 1, também da NASA, os engenheiros têm descoberto meios de proteger as espaçonaves para suportar a radiação, além de técnicas de voo para evitar muita exposição. Apesar disso, o clima espacial é dinâmico, e o mesmo ocorre com a radiação, o que dificulta a prevenção. Com os dados das sondas Van Allen, essa tarefa poderá ser realizada com muito mais precisão. Para isso, os engenheiros precisaram projetar uma espaçonave capaz de funcionar dentro dessa área. "Sempre quisemos enviar uma espaçonave para estudar esse ambiente hostil, e ninguém realmente se atreveu a enviar uma espaçonave", disse Nelli Mosavi, gerente de projetos das sondas Van Allen. "O legado é a espaçonave resiliente que construímos para suportar esses ambientes que ninguém mais poderia ter ido". Humanos não voltaram a viajar para além da da baixa órbita terrestre desde a era Apollo. Naquela época, não havia nada parecido com as sondas Van Allen para estudar os perigos da região. Agora, as tecnologias usadas nas sondas para torná-las tão resistentes podem ser implementadas também para proteger as futuras espaçonaves. O conhecimento adquirido também ajudará a proteger os astronautas que vivem e trabalham na Estação Espacial Internacional - afinal, eles também não estão livres da radiação. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas Veja Mais

STF suspende medida que dispensava publicação de atos públicos em jornais

O Tempo - Política Gilmar Mendes determinou que a MP 892/2019, editada pelo presidente Jair Bolsonaro, não gere efeitos até que seja analisada pelo Congresso Nacional Veja Mais

Petrobras vai provisionar R$ 3,2 bilhões relativos a três processos

G1 Economia Litígios envolvem a Sete Brasil, um processo ambiental no Paraná e participação especial e royalties relacionados à ANP. A Petrobras informou nesta sexta-feira (18) que vai provisonar R$ 3,2 bilhões por litígios envolvendo a Sete Brasil, um processo ambiental no Paraná e litígios de participação especial e royalties relacionados à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Segundo a petroleira, o efeito do provisionamento será reconhecido no resultado consolidados do terceiro trimestre, com as informações sendo apresentadas em seu balanço do trimestre subsequente. "A companhia permanece em defesa de seus interesses nos processos em curso", disse a Petrobras em nota. Prédio da Petrobras no Rio de Janeiro Sergio Moraes/Reuters Veja Mais

Petrobras vai provisionar R$3,2 bi relativos a três processos

R7 - Economia SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras informou nesta sexta-feira que vai provisonar 3,2 bilhões de reais por litígios envolvendo a Sete Brasil, um processo ambiental no Paraná e litígios de participação especial e royalties relacionados à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).Segundo a petroleira, o efeito do provisionamento será reconhecido no resultado consolidados do terceiro trimestre, com as informações sendo apresentadas em seu balanço do trimestre subsequente."A companhia permanece em defesa de seus interesses nos processos em curso", disse a Petrobras em nota.None (Por Gabriel Araujo; edição de Roberto Samora) Veja Mais

Malévola: Dona do Mal quase não justifica sua existência

Malévola: Dona do Mal quase não justifica sua existência

canaltech Quando uma receita dá muito certo, geralmente ela é copiada à exaustão ou, no mínimo, utilizada muitas vezes. O exemplo mais claro disso no cinema talvez seja a Marvel, que viu sua fórmula dar certo em Homem de Ferro (de Jon Favreau, 2008) e, com o passar dos anos, foi acrescentando tempero e engrossando o caldo, até chegar em Vingadores: Ultimato (de Anthony Russo e Joe Russo, 2019) com o termo Fórmula Marvel cunhado e consolidado. Claro que, no caminho, um ingrediente a mais ou a menos parecia indicar que tudo poderia desandar. Mas a mão de ferro da empresa invadia a cozinha e acrescentava uma pitada de um condimento diferente, então tudo se renovava. A Disney – que tem a Marvel Studios como subsidiária –, já havia realizado alguns live-actions no final do século passado, mas resolveu investir em novos ingredientes em suas receitas após a falta de sucesso e, com isso, surgiram os filmes repaginados, as histórias com modificações e reimaginações. Nada como chamar um diretor inventivo como Tim Burton para essa retomada, que veio com Alice no País das Maravilhas (2010). O problema é que o resultado não foi exatamente como esperado e, então, a empresa assumiu os projetos como a sua subsidiária. Se por um lado isso renderia alguns bons filmes, como Mogli, O Menino Lobo (de Jon Favreau, 2016) e outros bem sensíveis como Christopher Robin: Um Reencontro Inesquecível (de Marc Forster, 2018) e deixaria escancarada a habilidade de recriar dos roteiristas, por outro revelaria que a empresa pouco sabe fazer em questão de continuidade (algo que é o alicerce da Marvel no cinema). -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Cuidado! Daqui em diante a crítica pode conter spoilers! Os medalhões salvando o roteiro Malévola: Dona do Mal, enfim, pode se encaixar justamente neste perfil. O roteiro de Micah Fitzerman-Blue, Noah Harpster (ambos de A Beautiful Day in the Neighborhood) e Linda Woolverton (do citado Alice no País das Maravilhas) parece perdido na ideia de expansão da vilã repaginada no filme de 2014; é como esticar uma massa que seria para uma pizza brotinho até ela ficar do tamanho gigante. É tudo esticado ao máximo, mesmo sem ter mais para onde ir; cada decisão imposta pelo texto é previsível e quase descartável. Resistir ao descarte, aliás, é algo que fica para os momentos finais, quando, enfim, Malévola (Angelina Jolie) é alçada a uma categoria mitológica. Sua alma (e não somente) de fênix é tão bem-vinda quanto bonita de se ver, ainda mais em se tratando de um ser tão machucado durante os dois filmes. O renascimento é de uma força emblemática, como se aquele ser – representado pela personagem de Jolie – fosse uma metáfora para quem resiste, para toda resiliência possível de ser encontrada no amor e na luta por causas justas. Jolie, por sinal, é uma presença fundamental para que Malévola: Dona do Mal tente ser um filme válido. Até mesmo quando o roteiro parece querer afundar seu trabalho em um humor incondizente – quando a indicar sua breve aula de expressões faciais com Diaval (Sam Riley) –, a atriz consegue transformar a situação um tanto quanto kitsch em algo a ser pensado. Se a receita está ruim, Jolie é, aqui, uma espécie de bom azeite, que empresta mais sabor sempre que está em cena. "Jolie consegue transformar as situações em algo a ser pensado." (Imagem: Walt Disney Studios Motion Pictures) O problema é mesmo o roteiro, que, além da sua total previsibilidade – do pedido de casamento à descoberta da maldade da Rainha Ingrith (Michelle Pfeiffer) por Aurora (Elle Fanning) –, está bem indisposto a um trabalho minimamente complexo. A própria Rainha Ingrith, que teria peso para ser um contraponto fundamental na relação entre Aurora e o Príncipe Philip (Harris Dickinson), é logo pintada como vilã da história. O que tinha potencial, então, para ser um embate familiar onde o público poderia ceder algum investimento emocional, acaba em uma jogo pobremente maniqueísta. E é de se estranhar que a personagem de Pfeiffer seja tão rapidamente vilanizada em um filme que traz um ser feminino como a Dona do Mal (ou Amante do Mal em tradução livre do título original). Felizmente, por esse lado, Pfeiffer é certeira ao atuar em um modo totalmente caricato, exagerando nas expressões – e uma risada clássica de bruxa má pode até fazer falta para ela. É como se a atriz entendesse seu papel por um lado muito mais de expor o quanto é desagradável a sua vilanização (especialmente extrafilme). "Pfeiffer é certeira ao atuar em um modo totalmente caricato." (Imagem: Walt Disney Studios Motion Pictures) Uma boa tentativa se for vista como tropeço A direção do norueguês Joachim Rønning (do excelente Expedição Kon Tiki, 2012), por sua vez, para além de dar liberdade ao elenco (especialmente aos medalhões Jolie e Pfeiffer), conduz tudo em um piloto automático tão sonolento quanto tedioso. Há um tipo de linha inquebrantável entre o seu trabalho e o que a Disney se dispõe a ter como resultado. É como se Rønning pensasse em um ritmo mais lento e a empresa insistisse em algo ágil e épico. O resultado é uma vitamina sonolenta e sem gosto que encontra vocação para massa de crepe no meio do terceiro ato, quando a guerra é iniciada. Nesse sentido, para um filme que prega a união entre os povos, a harmonia e a paz, uma sequência violenta (com muitas mortes por esfarelamento inclusive) ser o que há de mais interessante em quase duas horas de duração é preocupante. "Uma sequência violenta ser o que há de mais interessante é preocupante." (Imagem: Walt Disney Studios Motion Pictures) A verdade (nunca absoluta) é que Malévola: Dona do Mal é uma continuação que pouco diz de diferente, pouco expande e pouco acrescenta além de novos bichinhos fofinhos e com mais destaque. Alguns planos que são emolduráveis de tão bonitos – graças à iluminação da fotografia de Henry Braham (de Guardiões da Galáxia Vol. 2) –, as presenças de Jolie e Pfeiffer e um final épico não justificam a existência do filme. Mas a tentativa, se for vista como um tropeço, pode ser bem válida. Resta saber se a Disney descobrirá qual foi o ingrediente que fez tudo desandar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Veja Mais

CT News - 18/10/2019 (Evite problemas no seu Android com o horário de verão)

CT News - 18/10/2019 (Evite problemas no seu Android com o horário de verão)

canaltech Como evitar problemas no seu Android com o fim do horário de verão // Facebook libera novo visual com tema escuro // iPhone 11 chega ao BR custando a partir de R$ 4.999 // Samsung deve estrear câmera sob a tela em 2020 // Mega é desbloqueado no Brasil Ouça ao podcast. Veja Mais

Trabalho de Base - Perpétua Almeida

Trabalho de Base - Perpétua Almeida

Câmana dos Deputados TRABALHO DE BASE – QUINTA TEMPORADA As votações em Plenário são uma parte fundamental do processo legislativo. Mas as ações do parlamentar não se limitam ao Congresso. Trabalho de Base mostra as atividades dos deputados e deputadas em seus estados. A deputada Perpétua Almeida (PCdoB-AC) conta o trabalho que realiza pela população do seu estado. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Disputa pela liderança do PSL acirra crise no segundo maior partido

Disputa pela liderança do PSL acirra crise no segundo maior partido

Câmana dos Deputados - Disputa pela liderança do PSL na Câmara acirra a crise no segundo maior partido da casa. O deputado Delegado Waldir continua líder da legenda. O presidente da Câmara diz que os desentendimentos no PSL não devem interferir nas votações da casa. - O Plenário aprovou a MP que reestrutura a administração do poder Executivo. A votação do acordo sobre base de Alcântara ficou para a semana que vem. - Na CCJ, foi adiada a votação da proposta que põem na lei a possibilidade de prisão depois da condenação em segunda instância. - Relatório final da CPI do BNDES pede o indiciamento de 64 pessoas. Os nomes dos ex-presidentes Lula e Dilma foram retirados do texto. - E na reportagem especial, você vai ver que a Câmara dos Deputados analisa projetos que propõe pena de prisão para quem maltratar ou matar animais. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

O que a menopausa realmente provoca no seu corpo

Glogo - Ciência Quando a mulher para de menstruar é um sinal do fim da fertilidade. Os sintomas causam muitos desconfortos, mas podem ser aliviados com hábitos simples. Sintomas e duração da menopausa variam de mulher para mulher BBC Mulheres de 45 a 50 anos fazem parte do clube exclusivo da menopausa, que sinaliza o fim da menstruação e da fertilidade. Nem todas passam por isso, mas, se passam, os sinais são claros. A menopausa afeta o cérebro, os ossos, os músculos e o coração. Pode causar ondas de calor, problemas de sono, ansiedade, disfunção urinária e ressecamento vaginal. Muitas vezes, as mulheres também perdem o interesse em fazer sexo. Queda na produção de estrogênio causa a menopausa BBC Tudo se resume a um hormônio, o estrogênio. Conforme o corpo envelhece, o corpo produz menos. Mas nenhuma menopausa é igual à outra. Os sintomas variam, assim como sua duração. Exercícios e uma dieta saudável ajudam a minimizar desconfortos. Algumas mulheres têm sintomas antes dos 45 anos, mas ainda não estão na menopausa. Uma mulher não entra de fato na menopausa até parar de menstruar por um ano. Como homens não menstruam, não têm menopausa. Mas sabe quem tem? Quatro espécies de baleias com dentes. São os únicos animais além dos humanos que entram na menopausa. Veja mais sobre menopausa no vídeo da BBC. Veja Mais

O que é um algoritmo? Veja a introdução para quem quer programar

O que é um algoritmo? Veja a introdução para quem quer programar

Tecmundo Aprender a programar parece desafiador no começo. As linhas de código de programadores experientes parece estar muito além do alcance, até mesmo incompreensíveis, para muitos que querem se introduzir na área. Antes de começar a programar, é preciso conhecer uma estratégia fundamental para a programação. Você conhece algoritmos? Se não, talvez queira conhecer alguns cursos bem legais sobre o tema:Constantemente reproduzimos ações para realizar alguma tarefa. Pode parecer um curioso, mas eu lhe pergunto: quais ações compõem a tarefa de tomar um banho comum? Basta ir ao banheiro, ligar o chuveiro e utilizar sabonetes e produtos de higiene? Na verdade, nunca é tão simples. Leia mais... Veja Mais

Defesa de Lula vai à Justiça contra semiaberto que Lava Jato pediu

O Tempo - Política Defesa afirma que ex-presidente vai buscar liberdade plena Veja Mais

PASSEIO NA BUNDESLIGA! Veja os melhores momentos de Frankfurt e Bayer Leverkusen

PASSEIO NA BUNDESLIGA! Veja os melhores momentos de Frankfurt e Bayer Leverkusen

Fox Sports Brasil Os donos da casa tiveram uma vitória fácil sobre o Leverkusen. Quer saber tudo sobre o melhor do esporte? Acesse nossas redes! http://www.foxsports.com.br ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #Frankfurt #BayerLeverkusen #Bundesliga Veja Mais

OnePlus 8 Pro pode trocar câmera retrátil por “buraco” na tela, aponta vazamento

OnePlus 8 Pro pode trocar câmera retrátil por “buraco” na tela, aponta vazamento

canaltech O OnePlus 7 Pro e o One Plus 7T Pro mal chegaram às lojas e já há rumores sobre a próxima linha da companhia chinesa. Um novo vazamento indica que a câmera retrátil vista nesses aparelhos devem dar lugar ao famoso “buraco” na tela. O site 91Mobiles, em parceria com o vazador OnLeaks, criou renderizações que mostram mais detalhes do que pode vir por aí no OnePlus 8 Pro, a partir de descrições obtidas junto à cadeia de fornecedores. Como você pode ver, o “buraco” parece menor do que o padrão visto nos últimos smartphones com o mesmo layout e fica no canto superior esquerdo. A tela deve ter 6,65 polegadas em um painel curvado com taxa de atualização de 90 Hz — um pouco menor do que a de 6,67 polegadas do OnePlus 7T Pro. (Imagem: Reprodução/OnLeaks/91Mobiles) A traseira não traz tantas diferenças em relação ao seu antecessor, com exceção de um quarto sensor, junto ao conjunto triplo de câmeras. Essa lente a mais seria destinada ao 3D time-of-flight que emprega o laser para calcular distâncias e profundidade com mais precisão. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- (Imagem: Reprodução/OnLeaks/91Mobiles) Embora ainda estejamos longe de seu lançamento, as fontes dizem que as imagens estão bem próximas do que possivelmente vejamos em breve. Ao que parece, as câmeras pop-up não parecem ter emplacado. E você o que acha dessa mudança? Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Testado e aprovado: Facebook libera novo visual com tema escuro para web GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Veja Mais

Nova coleção do Google Arts & Culture celebra legado da civilização Maia

Nova coleção do Google Arts & Culture celebra legado da civilização Maia

canaltech É inegável que a civilização Maia deixou uma marca na história, não apenas por sua arquitetura emblemática ou por seu calendário, mas também pela escrita hieroglífica, composta por mais de 700 signos, e por sua escultura religiosa, entre outros aspectos, que a diferenciam de outras sociedades do mundo. Seu encanto vai além da História e fica evidente no legado deixado para toda a humanidade. Foi tendo essa civilização em mente que o Google resolveu fazer uma homenagem em forma de coleção. A ideia é revisitar as origens da história mexicana e latino-americana em geral, através de uma parceria entre o Google Arts & Culture, o Museu Britânico e o INAH (Instituto Nacional de Antropologia e História do México). O resultado dessa parceria é a coleção Explorando o mundo Maia — Uma viagem ao passado com arte antiga, exploradores vitorianos e tecnologia digital. Esse projeto que busca preservar e compartilhar, em formato digital, o maior arquivo antigo de arte e patrimônio Maia do mundo. Por meio dessa iniciativa, foi possível reunir histórias, artefatos, obras de arte e realizar a exploração virtual de locais com influência da civilização, antes inacessíveis on-line. Para trazer o projeto à tona, o Google Arts & Culture digitalizou em 3D os moldes de gesso que compõem a Escada Hieroglífica de Palenque, atualmente no Museu Britânico. Uma reprodução em 3D do tamanho real da escada do Reino Unido está sendo enviada para o local original no patrimônio mundial de Palenque, no México, onde a obra de arte original se deteriorou devido à exposição. O objetivo é proteger a arte original com a reprodução em 3D. Escada de Palenque para o céu. Os maias registraram histórias nos degraus da escada dentro do Palácio Palenque, no México Além da escadaria de Palenque, o projeto inclui a recriação digital de mais de 660 peças, entre as quais destacam-se moldes de gesso do século XIX, que estão em condições muito frágeis, fotografias de placas de vidro, além de 20 passeios virtuais em vídeo, 4 editoriais sobre a história dos Maias, 9 exposições que demonstram a evolução da civilização. É possível ainda conferir o escaneamento dos arquivos encontrados no Museu Britânico e que agora retornam ao México digitalmente. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- A exposição também contribui para o trabalho de preservação do patrimônio cultural maia, iniciado há mais de 130 anos nas florestas da América Central. Esses esforços continuam até hoje, impulsionados pela tecnologia e agora com ajuda da parceria entre Google, Museu Britânico e Governo do México – colaboração que possibilitou a primeira reprodução de peças digitais sobre o mundo físico. Quatro funerais e um casamento, obra que simboliza a visão da civilização maia em torno da morte e renascimento Para saber mais sobre a exposição, basta entrar no site oficial, onde há mais informações sobre a iniciativa e sobre a civilização maia em si. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Testado e aprovado: Facebook libera novo visual com tema escuro para web Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Veja Mais

Leilão de energia A-6 supera expectativas e contrata 2,9 gigawatts

G1 Economia Volume contratado deverá representar investimentos de R$ 11,16 bilhões. Operações estão previstas para começar em 2025. O leilão de energia A-6 contratou nesta sexta-feira (18) usinas que somarão 2,9 gigawatts em capacidade instalada, um volume que superou expectativas de analistas e deverá representar investimentos de R$ 11,16 bilhões para implementação dos projetos, que deverão iniciar operações em 2025. Após quase quatro horas e meia de disputa, o certame registrou preço médio de R$ 176,09 por megawatt, o que representou deságio de 33,73% frente aos preços máximos definidos pela licitação, segundo dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). A expectativa de contratação variava entre 500 MW e 800 MW, bem abaixo dos quase 3 GW contratados. "Estamos hoje festejando, os analistas de mercado de energia até ontem estimavam um volume muito abaixo. Conseguimos uma compra quase duas, três vezes dos valores previstos", disse o secretário de Planejamento do Ministério de Minas e Energia, Reive Barros, a jornalistas. Segundo ele, com essa contratação, haverá energia suficiente para atender o crescimento do país. Para o secretário, o nível de contratação do leilão desta sexta-feira poderá se repetir a partir de 2020 ou até aumentar. "Nossa expectativa para 2020 é que se mantenha nesse patamar, até porque estamos hoje com reforma da Previdência ainda incompleta, reforma tributária por vir, reforma administrativa... em 2020 vamos estar com outro nível de situação no país. E aí não se trata de nenhum ufanismo, nenhuma visão mais otimista, é em cima dos dados de que dispomos", destacou. Entre as empresas vencedoras, apareceram a brasileira Eneva, com a térmica Nova Venécia, de 92,2 megawatts; a francesa Voltalia, com ao menos dois parque solares, num total de 80 megawatts; e a norueguesa Statfrakt, com projeto eólico de 75,6 megawatts, entre diversas outras, segundo relatório da CCEE. Usinas eólicas foram a fonte com maior volume negociado, com 1,04 gigawatt em capacidade, seguidas pelas termelétricas a gás, com 734 megawatts, e pelos parques solares, com 530 megawatts. Mas a licitação também contratou 445 megawatts em usinas hídricas e cerca de 230 megawatts em térmicas a biomassa. Veja Mais

Jane Fonda é detida de novo em protesto nos EUA

G1 Pop & Arte Jane Fonda, atriz de 81 anos, foi mais uma vez detida em um protesto de ativistas ambientais em Washington, nos EUA, nesta sexta-feira (18). Vídeos nas redes sociais mostram a atriz sendo algemada e levada em uma viatura policial. O protesto do grupo Oil Change International exigia medidas contra o aquecimento global. Ela já havia sido detido na semana passada pelo mesmo motivo. Veja Mais

Estado do RJ deve receber R$ 14,8 bilhões em royalties de petróleo em 2020

G1 Economia Valor é 10% superior ao que deverá ser arrecadado este ano. Governador mencionou aumento de receita de royalties como um dos fatores para manter o Rio de Janeiro no Regime de Recuperação Fiscal. Estado deverá receber R$ 14,8 bilhões pela extração de petróleo em 2020. Reuters/Sergio Moraes O Estado do Rio deverá receber R$ 14,8 bilhões de royalties da extração de petróleo no território fluminense em 2020 – atualmente, cerca de 70% da receita de R&PE do Estado do Rio de Janeiro tem sua origem em campos pré-sal. A expectativa de arrecadação é da Secretaria de Estado de Fazenda. O valor representa um aumento de 10% em relação ao que se pretende arrecadar até o fim deste ano: R$ 13,4 bilhões. Na quarta-feira (16), o governador Wilson Witzel mencionou o aumento dos recursos dos royalties em 2020 como um dos argumentos para manter o Rio no Regime de Recuperação. Foi uma resposta ao Conselho de Supervisão Fiscal - pela primeira vez, o órgão afirmou que o Rio não conseguirá cumprir cinco das 20 metas estabelecidas para permanecer no programa. Até o momento, o Rio arrecadou R$ 10,4 bilhões em 2019. Esse valor não inclui o montante do leilão do excedente da cessão onerosa - rateio entre estados e municípios de parte dos recursos do leilão de petróleo dos excedentes de barris de petróleo do pré-sal, a ser realizado no próximo dia 6 de novembro. Nele, o Estado pretende receber mais R$ 2,3 bilhões. Por meio de nota, a Secretaria de Fazenda informou que "Todo o montante que o Rio recebe de royalties, após as deduções constitucionais e legais, é destinado ao Rioprevidência. As deduções obrigatórias são: Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano (Fecam), Fundo Estadual de Investimentos e ações de Segurança Pública e Desenvolvimento social (Fised), transferência aos municípios e obrigações de crédito com a União". Conselho decide nesta sexta Witzel: "Não se pode crucificar o Rio de Janeiro". Reprodução/TV Globo As cinco metas não alcançadas pelo Estado do Rio são as seguintes: Concessão de linhas de ônibus intermunicipais; Extinção de estatais; Revisão da metodologia de cálculo de preço do gás; Antecipação da concessão da CEG; Emissão de títulos da dívida ativa. Essas medidas representariam uma economia de R$ 4 bilhões em três anos. O Rio também pode perder o direito de participar do Plano de Recuperação Fiscal por outro motivo: uma medida aprovada no fim do ano passado que criou nova despesa para o Estado – a revisão do plano de carreira dos funcionários da Uerj. Em contrapartida, para tentar fechar as contas, o Estado ofereceu a revisão dos contratos de fornecimento de comida para os presídios. O governador Wilson Witzel disse que já vinha apresentando alternativas para adiar o início do pagamento à União. "Se atingimos 80% das metas, isso é mais que satisfatório. Não se pode crucificar o Estado do Rio de Janeiro, diante de toda a crise que passou, se não cumprir 100% das metas. Algumas eram inexequíveis. Uma delas, por exemplo, era aumentar impostos. O Regime de Recuperação Fiscal tem dois momentos: um técnico e outro político. O técnico vai me dizer que não cumpriram 100% das metas, o político é da alçada do ministro da Fazenda e do presidente – eles irão dizer se o Rio não poderá permanecer no Regime de Recuperação Fiscal. O presidente pode tomar uma decisão política, mas eu entendo ainda que a decisão do presidente está sujeita a um processo decisório no Congresso Nacional", disse o governador. A decisão do Conselho Fiscal sobre o caso estava prevista para ser tomada nesta sexta-feira (18). Veja Mais

Sem horário de verão, Google pede a usuários que tirem atualização automática do relógio no Android

G1 Economia Mudança de horário foi revogada pelo governo em abril deste ano e não vai mais acontecer neste final de semana. Mas celulares podem fazer atualização do relógio automaticamente. Os aparelhos que não fizerem a mudança já foram atualizados pelos fabricantes, ou então estão seguindo regras enviadas pelas operadoras de telefonia. Divulgação/Google O Google publicou um anúncio oficial em seu blog,nesta sexta-feira (18), recomendando que usuários de Android no Brasil alterem as configurações automáticas de data e hora. Segundo a empresa, isso deve ser feito para não correr o risco de perder a hora no domingo, caso os telefones atualizem para o horário de verão, que não está mais em vigor no país. Bolsonaro assina decreto que acaba com o horário de verão O horário de verão do brasileiro deveria acontecer entre este sábado (19) e domingo (20), com os relógios sendo adiantados em 1 hora, mas foi revogado presidente Jair Bolsonaro, em um decreto assinado em abril. Para fazer a alteração siga estes passos: Entre no menu de configurações; Entre na opção "Sistema" (segundo o Google, dependendo do aparelho este passo pode ser pulado); Escolha as opções de "Data e Hora"; Desativa as funções “Data e hora automáticas” e “Fuso horário automático”. Essas configurações podem ser mantidas até o dia 16 de fevereiro, quando o horário de verão chegaria ao fim, se ainda estivesse em vigor. "Na prática, isso significa que alguns celulares possivelmente não tenham a informação necessária para evitar que o relógio dos aparelhos seja alterado automaticamente", afirmou a empresa. Segundo o Google, a mudança no horário de verão brasileiro impacta o banco de dados da Autoridade para Atribuição de Números de Internet (IANA), responsável por passar as informações para os smartphones. Alguns aparelhos podem não ser impactados neste final de semana, mas no dia 3 de novembro, por causa de mudanças que aconteceram no ano passado, durante as eleições. De acordo com o Google, valem as mesmas recomendações. Os aparelhos que não fizerem mudanças no horário, segundo o Google, já foram atualizados pelos fabricantes, ou então estão seguindo regras enviadas pelas redes das operadoras de telefonia. Horário de verão No Brasil, o horário de verão foi instituído pela primeira vez no verão de 1931/1932, pelo então Presidente Getúlio Vargas. Sua versão de estreia durou quase seis meses, vigorando de 3 de outubro de 1931 a 31 de março de 1932. No verão seguinte, a medida foi novamente adotada, mas, depois, começou a ser em períodos não consecutivos. Primeiro, entre 1949 e 1953, depois, de 1963 a 1968, voltando em 1985 até abril de 2019, quando foi revogado por decreto. O período de vigência do horário de verão era variável, mas, em média, durava 120 dias. No mundo, o horário diferenciado é adotado em 70 países — e atinge cerca de um quarto da população mundial. O horário de verão é adotado em países como Canadá, Austrália, Groenlândia, México, Nova Zelândia, Chile, Paraguai e Uruguai. Rússia, China e Japão, por exemplo, não implementam esta medida. Veja Mais

Apple TV 4K tem um conector Lightning escondido, mas ninguém sabe por que

Apple TV 4K tem um conector Lightning escondido, mas ninguém sabe por que

canaltech Um conector Lightning foi encontrado na porta Ethernet (a saída de rede) do Apple TV 4K. Porém, segundo informa o Apple Insider, ninguém parece ter a menor ideia de qual serventia ele tem. A descoberta foi feita por Kevin Bradley, especialista em hardware da Apple para a comunidade global de reparos IFixIt, em 2017, e novamente tocada por ele em um tuíte publicado em sua conta oficial na data de ontem (17). Bradley sugeriu que o ponto de conexão pode ser usado para ganhar acesso à firmware do Apple TV 4K, o que poderia trazer potencial para um jailbreak. O especialista, porém, jogou um balde de água fria em seus leitores: diferente do que se vê com o iOS no iPhone, “liberar” um Apple TV 4K traz pouco ou nenhum benefício, haja vista que as mudanças possíveis por essa ação não são numerosas. Especialista de hardware Kevin Bradley encontrou um conector secreto Lightning dentro do Apple TV 4K, lançado há dois anos: com propósito desconhecido, descoberta gerou teorias de qual seria a sua função (Foto: Kevin Bradley/nito.tv) O acesso não foi visto anteriormente porque a Apple, inteligentemente, disfarçou o conector com uma espécie de painel acrílico. Levantá-lo com a ferramenta certa é que revela o ponto, mas segundo outro especialista, Steven Barker, um cabo Lightning comum não entraria — seria necessário um conector específico. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Já o desenvolvedor Steven Thoughton-Smith acredita que o conector em questão é usado para debug de hardware. Isso bate com um histórico da Apple de esconder conexões em vários de seus dispositivos a fim de rodar diagnósticos avaliativos de cada produto: versões anteriores do Apple Watch, por exemplo, contavam com uma entrada escondida dentro do conector onde o usuário trocava e encaixava novas pulseiras. O Apple TV 4K foi lançado há mais de dois anos, mas a descoberta de um conector secreto o coloca novamente sob os holofotes da internet: o que você acha que ele faz? Conte para nós nos comentários abaixo! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas Veja Mais

Câmara é Notícia 21h | Câmara iluminada para outubro rosa - 18/10/2019

Câmara é Notícia 21h | Câmara iluminada para outubro rosa - 18/10/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Preço da gasolina nos postos tem leve queda após 5 semanas de avanço, diz ANP

G1 Economia Já o valor médio do diesel para o consumidor subiu novamente, registrando o sétimo avanço semanal consecutivo. Bomba de combustível abastece carro em posto de São Paulo. gasolina, preço da gasolina, frentista, álcool, diesel, combustíveis, reajuste, aumento. -HN- Marcelo Brandt/G1 O preço médio da gasolina nos postos terminou a semana em leve queda, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira (18) pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Foi o primeiro recuo após 5 altas consecutivas. Enquanto isso, o preço do diesel teve sua sétima alta seguida. De acordo com o levantamento, o valor médio por litro da gasolina nas bombas foi de R$ 4,382 para R$ 4,379 - uma queda de 0,07%. Já o diesel teve um aumento de 0,08%, de R$ 3,70 para R$ 3,703. Os valores são uma média calculada pela ANP com dados coletados em diferentes cidades pelo país. Por isso, os preços podem variar de acordo com a região. No acumulado de 2019, o preço da gasolina para o consumidor final tem alta de 0,8%. O avanço é bem menor que o do diesel, que até agora já subiu 7,3% para os motoristas. A ANP também acompanha o preço do etanol, que nesta semana teve alta de 0,38%, para R$ 2,903. O aumento foi de aproximadamente R$ 0,01. No ano, há alta acumulada de 2,83%. Já o preço do botijão de gás de cozinha caiu 0,03%, ou R$ 0,02, para a média de R$ 68,78. No ano, há queda acumulada de 0,62%. Veja Mais

Lucro da Neoenergia sobe quase 20% no 3º tri, para R$599 mi

R7 - Economia SÃO PAULO (Reuters) - A elétrica Neoenergia, controlada pelo grupo espanhol Iberdrola, reportou nesta sexta-feira lucro líquido de 599 milhões de reais no terceiro trimestre, alta de 19,7% ante mesmo período do ano passado.A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) somou 1,5 bilhão de reais, alta de 15% na comparação anual.A receita líquida atingiu 6,9 bilhões de reais, praticamente estável ano a ano.Segundo a companhia, os números do trimestre refletem o crescimento do mercado de distribuição de energia em suas áreas de concessão, além de controle de custos, ganhos de eficiência e disciplina na alocação do capital.A energia distribuída (cativo + livre) pelas distribuidoras da Neoenergia (Coelba, Celpe, Cosern e Elektro) somou 14.010 GWh, acréscimo de 1,9% em relação ao mesmo período de 2018.O grupo encerrou setembro com investimento total de 1,16 bilhão de reais, alta de 7,3% na mesma comparação.O indicador de dívida total líquida/Ebitda caiu de 3,49 vezes no fim de 2018 para 3,33 vezes em 30 de setembro passado, apesar de o endividamento líquido ter crescido de 15,8 bilhões para 17,5 bilhões de reais no período.None (Por Roberto Samora) Veja Mais

A Voz do Brasil - 18/10/2019

A Voz do Brasil - 18/10/2019

Câmana dos Deputados Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

'Ele é maior de idade', diz Bolsonaro sobre Eduardo embaixador ou líder

O Tempo - Política Em meio à crise interna no PSL, presidente atuou diretamente nesta semana para substituir Delegado Waldir pelo filho Veja Mais

Microsoft assume que Android é a melhor opção para o smartphone Surface Duo

Microsoft assume que Android é a melhor opção para o smartphone Surface Duo

canaltech No início deste mês de outubro, a Microsoft revelou a sua volta ao mercado dos smartphones apresentando o Surface Duo. O que não retorna, no entanto, é o sistema operacional da companhia para dispositivos móveis, fazendo então com que o Android chegue para o novo aparelho. A rivalidade entre a Microsoft e o Google foi deixada de lado para poder levar o sistema operacional até o Surface Duo, fazendo com que o aparelho seja o primeiro da gigante da tecnologia a funcionar com Android. Panos Panay, diretor de produtos do setor de dispositivos da Microsoft, revelou que a melhor opção para este produto (Surface Duo) é, de fato, o Android. Imagem: Reprodução O Surface Duo deve chegar, como não poderia deixar de ser, com os aplicativos do pacote Office pré-instalados. O smartphone conta com duas telas de 5,6 polegadas cada, capazes de fazer uma rotação de 360 graus, além de processador Snapdragon 855, da Qualcomm. O lançamento está programado para algum momento do ano que vem. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Veja Mais

Trabalho de Base - Hildo Rocha

Trabalho de Base - Hildo Rocha

Câmana dos Deputados TRABALHO DE BASE – QUINTA TEMPORADA As votações em Plenário são uma parte fundamental do processo legislativo. Mas as ações do parlamentar não se limitam ao Congresso. Trabalho de Base mostra as atividades dos deputados e deputadas em seus estados. O deputado Hildo Rocha (MDB-MA) fala sobre o trabalho realizado no estado do Maranhão. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Novo NVIDIA Shield vaza na Amazon com controle remoto remodelado

Novo NVIDIA Shield vaza na Amazon com controle remoto remodelado

Tecmundo Uma homologação de uma nova geração do Nvidia Shield já deixou alguns curiosos sobre o anúncio do novo TV Box da Nvidia há algumas semanas atrás, mas o assunto ficou em silêncio até essa sexta-feira (18). Segundo o site Variety e o ExtremeTech, o produto foi listado pela loja americana da Amazon e derrubado pouco tempo depois — mas as informações e imagens sobre o produto já percorreram a internet.O anúncio na Amazon citou que o produto traz um processador Tegra X1+ com suporte tanto para Dolby Atmos quanto Dolby Vision. Ele conta com uma memória RAM de 3 GB, sem citar ainda o armazenamento interno. No anúncio também constou que o novo chip é "25% mais rápido" e que o aparelho conta com uma versão "Pro", mas as especificações dessa edição aprimorada não foram reveladas.Leia mais... Veja Mais

O projeto do primeiro útero artificial, que poderá salvar bebês prematuros

Glogo - Ciência Nos Países Baixos, médicos e designers estão desenvolvendo o primeiro útero artificial para bebês extremamente prematuros. Bebês prematuros poderão ser colocados no útero artificial, explicam cientistas da Holanda BBC Nos Países Baixos, médicos e designers estão desenvolvendo o primeiro útero artificial para bebês extremamente prematuros. "Meu projeto para um útero artificial é feito de de cinco grandes balões onde bebês vão ficar meio que nadando em seus próprios fluidos", explica a designer Lisa Mademaker. "Tubos fazem a circulação de fluidos, de sangue." "Quando eu fazia residência em ginecologia, 27 anos atrás eu sabia que era possível fazer isso", diz Guid Oei, ginecologista, do Centro Médico Máxima e responsável pelo projeto. "A principal diferença é que o útero artificial é preenchido com líquido. Uma incubadora é preenchida com ar, que é um ambiente inóspito para bebês extremamente prematuros", afirma. "O ar machuca os pulmões em formação." Cientistas da Holanda estão trabalhando para produzir útero artificial em labortório BBC Ele explica que o bebê prematuro será colocado no aparelho imediatamente após o parto, e conectado a uma placenta artificial. "O útero artificial é um ambiente líquido preenchido com água e vários tipos de minerais. Então o bebê recebe oxigênio e nutrientes através do cordão umbilical. Assim como quando ele está em seu ambiente natural", afirma Oei. Segundo ele, o bebê cresce e depois de quatro é feito um 'segundo parto'. "Isso poderia salvar muitas vidas", diz. Por ano, cerca de 15 milhões de bebês nascem prematuros no mundo todo. Cerca de metade dos que nascem mais prematuros morrem. "Ainda não sabemos nada sobre consequências de curto e longo prazo para os bebês. Esse projeto vai demorar cerca de cinco anos até começarmos a usar o útero artificial em bebês humanos", explica o médico. Veja mais sobre o útero artificial no vídeo. Veja Mais

Projetos defendem animais da crueldade - 18/10/19

Projetos defendem animais da crueldade - 18/10/19

Câmana dos Deputados Só no Brasil existem 30 milhões de animais abandonados vagando pelas ruas: 10 milhões seriam gatos; e 20 milhões, cachorros - de acordo com números da Organização Mundial da Saúde. Mas essa informação já pode estar defasada por que a população de cães e gatos abandonados aumenta diariamente. Esses bichinhos que vivem pelas ruas têm que enfrentar outro problema além do abandono: os maus tratos. Para tentar combater esse tipo de crueldade, a Câmara dos Deputados analisa dois projetos: um, propõe pena de prisão para quem maltratar ou matar um animal. A outra proposta que reforça os direitos dos animais sugere que os bichinhos deixem de ser considerados bens móveis. É a chamada descoisificação. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Lucas Lucco apresenta seis músicas inéditas em EP gravado em bar de Goiânia

G1 Pop & Arte Embora seja mineiro, Lucas Lucco começou oficialmente a carreira de cantor em Goiânia (GO) em 2013. É por isso que o artista costuma eleger a capital de Goiás para fazer registros de shows. Foi assim, mais uma vez, neste ano de 2019. Em 16 de setembro, Lucco subiu ao palco do Madalena Gastrobar, na cidade goiana, para apresentar seis músicas inéditas em show gravado ao vivo diante de plateia de cerca de 500 pessoas. Formatadas sob direção musical de Willi Baldo, essas seis músicas – Boquinha de cerveja, Desnecessário, Disney, Ex-pegador, Sumiu do mapa e Rolo, coisa e tal – estão sendo lançadas pelo cantor sertanejo no EP De bar em bar. O disco ao vivo está sendo posto no mercado fonográfico nesta sexta-feira, 18 de outubro, um mês após a gravação do show. Os registros audiovisuais das seis músicas serão lançados paulatinamente no canal oficial de vídeos de Lucco. O da música Sumiu no mapa (Rodrigo Marco, Kaique KeF e Felipe KeF) já está disponível. Capa do EP 'De bar em bar', de Lucas Lucco Reprodução Veja Mais

Jane Fonda é detida de novo: e vai fazer mais 12 protestos às sextas-feiras

O Tempo - Mundo "Vou pegar meu corpo, que é meio famoso e popular agora por causa da série 'Gracie e Frankie' e vou fazer uma manifestação toda sexta-feira" Veja Mais

Mallu Magalhães grava o quinto álbum solo com Mario Caldato Jr. e Marcelo Camelo

G1 Pop & Arte Mallu Magalhães com Mario Caldato Jr. em estúdio de Lisboa Joanalinda / Reprodução Instagram Mallu Magalhães Mallu Magalhães começou esta semana a gravar efetivamente o quinto álbum solo de estúdio. Radicada em Portugal, a cantora e compositora paulistana dá forma em Lisboa ao sucessor do álbum Vem (2017) com Mario Caldato Jr. e com Marcelo Camelo, arquiteto do azeitado disco anterior da artista. Músicos como o baterista Domenico Lancellotti e o guitarrista Gabriel Muzak foram arregimentados para a gravação. Com inédito repertório autoral, o álbum – cabe lembrar – já vem sendo preparado há meses por Mallu. Em julho, a artista informou em rede social que estava "curtindo as primeiras bases do disco novo". Veja Mais

Reconhecimento facial do Pixel 4 desbloqueia celular mesmo com os olhos fechados

G1 Economia Google recomenda guardar telefone em local seguro, com uma bolsa ou bolso frontal. Pixel 4 traz vários sensores na borda superior e aposta no desbloqueio por reconhecimento facial. Divulgação/Google O Pixel 4, o mais recente smartphone da linha Pixel anunciado esta semana pelo Google, pode ser desbloqueado por qualquer pessoa que colocar o telefone na frente do rosto do dono do aparelho, mesmo enquanto ele estiver dormindo. O reconhecimento facial do aparelho — que depende de sensores presentes em uma borda acima da tela — aparentemente não verifica se a pessoa está de olhos abertos, o que abre diversas possibilidades de abuso. O problema foi percebido pelo repórter da "BBC" Chris Fox, que gravou um vídeo de demonstração. No entanto, o comportamento é intencional e está descrito na documentação do Pixel, que recomenda que os consumidores guardem o telefone em um local seguro, "como no bolso da frente ou na bolsa". "Seu smartphone também poderá ser desbloqueado por outra pessoa se for direcionado para seu rosto, mesmo que você esteja com os olhos fechados", diz a página de ajuda do Pixel. Para manter a segurança do telefone durante o sono, deve-se ativar o "bloqueio total", que desliga o reconhecimento facial e reverte para o uso de senha ou desenho de padrão. Porém, não é possível agendar o "bloqueio total" para ser ativado automaticamente durante a noite, o que obriga o usuário a lembrar disso todos os dias. O Pixel 4, assim como os modelos anteriores da série, não deve ser comercializado oficialmente no Brasil. Mas a tecnologia usada no celular ainda pode chegar ao Brasil: como é projetado pelo próprio Google, que é responsável pelo Android, o Pixel funciona como uma referência da plataforma e das funções que poderão ser adotadas pelos demais fabricantes. Bloqueio total precisa ser habilitado nas configurações do Android e ativado manualmente com o botão liga/desliga. Reprodução Comparação com FaceID da Apple Por enquanto, o Pixel 4 está apenas nas mãos de jornalistas e influenciadores que receberam o aparelho do Google para testes e análises. Especialistas em segurança não puderem adquirir o telefone para realizar testes, então os detalhes da tecnologia de reconhecimento facial do Google ainda são desconhecidos. O funcionamento do "FaceID" da Apple, lançado com o iPhone X em 2017, já foi estudado por pesquisadores. A tecnologia do iPhone verifica se o olho está aberto, mas o uso de óculos associado a um ambiente pouco iluminado, que pode ser simulado com fita preta, também pode permitir o desbloqueio do aparelho. Os óculos precisam ser colocados no dono do celular para fazer o desbloqueio. Par de óculos criado por especialistas da Tencent engana sensor do iPhone que verifica se o olho está aberto. Tencent Pelo que se sabe da tecnologia do Google, um par de óculos como este não seria necessário, já que o olho aberto não é levado em conta na análise do rosto. Tecnologias de autenticação biométrica — que reconhecem a pessoa pela voz, rosto ou impressão digital — devem verificar se a pessoa está consciente para que a trava de segurança digital não coloque em risco a segurança física do indivíduo. Isso é normalmente um desafio para esses sistemas, principalmente quando é necessário equilibrar a segurança com a conveniência de uso. Assim como o Android possui o bloqueio total, o iOS dispõe do SOS de Emergência para desligar os sensores biométricos (FaceID e TouchID). Impacto na segurança dos aplicativos Enquanto alguns telefones com Android possuem reconhecimento facial simulado por software, que é inseguro, o Pixel 4 traz os sensores necessários para o reconhecimento 3D do rosto, da mesma forma que o FaceID da Apple ou o Windows Hello da Microsoft. Por outro lado, o Pixel 4 não tem um leitor de impressão digital como outros smartphones com o sistema do Google. O reconhecimento facial é a única opção de biometria nesse aparelho. Muitos aplicativos — inclusive de pagamentos e internet banking — aceitam o reconhecimento de digital para desbloquear tokens, autorizar transferências e outras atividades. Como o Pixel 4 não possui leitor de digital, esses apps seriam obrigados a migrar para o reconhecimento facial para não sacrificar a conveniência aos usuários. Na prática, qualquer fragilidade no reconhecimento facial também compromete os aplicativos que dependem dessa tecnologia. Dúvidas sobre segurança, hackers e vírus? Envie para g1seguranca@globomail.com Selo Altieres Rohr Ilustração: G1 Veja Mais

Facebook libera Modo Escuro no Brasil; confira como ficou

Facebook libera Modo Escuro no Brasil; confira como ficou

Tecmundo O redesign do Facebook para navegadores de desktop foi prometido pela companhia desde o começo do ano, na conferência anual de desenvolvedores. Felizmente, o desenvolvimento desse novo visual já deve estar nas etapas finais e algumas pessoas já estão sendo agraciadas com o modo Beta. O TecMundo já conseguiu habilitar o novo modo, venha ver o que achamos!No primeiro momento, a nova cara do Facebook nos deixa facilmente desorientados e espantados com o tamanho das fontes, ícones, fotos e atalhos. Agora, com visual mais próximo do mobile — com botões grandes, espaçados e o mínimo de nomes na tela — reaprender a usar o Facebook pode exigir um pouco de esforço, mas nada exagerado.Leia mais... Veja Mais

Nintendo Switch é o console mais vendido nos EUA pelo 10º mês seguido

Nintendo Switch é o console mais vendido nos EUA pelo 10º mês seguido

Tecmundo A Nintendo divulgou dados sobre as vendas do Switch e, de acordo com a companhia, o console já vendeu mais de 15 milhões de unidades somente nos EUA. Isso o coloca à frente, em popularidade, de seus maiores concorrentes: o PS4 e o Xbox One.O grupo NPD, uma empresa de pesquisa de mercado, revelou que o Nintendo Switch é o console mais vendidos no mercado americano há 10 meses e que foi o único a apresentar boas margens de vendas durante todos os períodos de 2019.Leia mais... Veja Mais

Trump espera que acordo entre EUA e China seja assinado até meados de novembro

G1 Economia Presidente norte-americano espera que acordo seja assinado durante as reuniões da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec) no Chile em 16 e 17 de novembro. O presidente norte-americano, Donald Trump, disse acreditar nesta sexta-feira (18) que um acordo comercial entre Estados Unidos e China será assinado durante as reuniões da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec) no Chile, nos dias 16 e 17 de novembro. "Acho que será assinado com facilidade, espero que até a cúpula no Chile, em que estaremos o presidente Xi e eu", disse Trump a repórteres na Casa Branca, sem dar mais detalhes. "Estamos trabalhando com a China muito bem", disse Trump. "Muitas coisas boas estão acontecendo." Bandeiras da China e dos Estados Unidos em imagem de arquivo de encontro diplomático Jason Lee/Reuters A Casa Branca anunciou que a China concordou em comprar até US$ 50 bilhões em produtos agrícolas dos EUA anualmente, como parte da primeira fase de um acordo comercial, embora pareça que a China mostre lentidão para levar isso adiante. A chamada fase 1 do acordo foi apresentada na Casa Branca na semana passada, durante visita do vice-premiê chinês, Liu He, como parte de uma tentativa de acabar com a guerra comercial entre os dois países. Autoridades dos EUA disseram que uma segunda fase de negociações pode tratar de assuntos mais espinhosos como transferência forçada de tecnologia e serviços não-financeiros. Veja Mais

Cade investiga tabelamento de preço de medicamentos e materiais usados em hospitais

G1 Economia Processo vai investigar se hospitais usam preços publicados em revistas para tabelar preço. Cade afirmou ainda que valores cobrados estão acima do praticado no mercado. A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) abriu um processo nesta sexta-feira (18) para investigar um possível tabelamento de preços de medicamentos e materiais usados em procedimentos feitos nos hospitais. Segundo informações do conselho, há fortes indícios de que entidades representativas estariam orientando hospitais e prestadores de servido de saúde a seguirem os preços publicados nas publicações Brasíndice e Simpro. O Cade indicou ainda que, além de prejudicar a concorrência ao tabelar preços, as tabelas publicadas nas duas revistas têm valores superiores aos praticados no mercado, o que estaria causando prejuízo aos consumidores. O processo investiga as duas publicações especializadas, uma federação e dois sindicatos (Pernambuco e Mato Grosso do Sul). Segundo a Superintendência-Geral, uma nota técnica do Cade aponta que a maioria dos hospitais do país utiliza os valores previstos nas tabelas divulgadas pelas revistas para efetuar a cobrança pelos medicamentos e materiais hospitalares utilizados em procedimentos médicos. Segundo a nota técnica, as publicações serviriam como ponto focal para a uniformização dos preços que devem ser pagos pelas operadoras de planos de saúde. Com a abertura do processo, as revistas e associações citadas serão notificadas para apresentar defesa. O G1 entrou em contato com as duas publicações e não recebeu resposta até a última atualização desta reportagem. Veja Mais

NA RAÇA! Veja os melhores momentos de Boca Juniors 0 x 1 Racing

NA RAÇA! Veja os melhores momentos de Boca Juniors 0 x 1 Racing

Fox Sports Brasil Com gol de Federico Zaracho, 'La Academia' ganhou de 1x0. Quer saber tudo sobre o melhor do esporte? Acesse nossas redes! http://www.foxsports.com.br Baixe o APP! http://bit.ly/yt_cnbra ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #BocaJuniors #Racing #SuperligaArgentina Veja Mais

Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas

Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas

canaltech Na segunda-feira (14), a Disney mostrou que não está para brincadeira com sua plataforma de streaming e vem para brigar de frente com a Netflix. A companhia tuitou mais de 600 vezes para mostrar a grande quantidade de títulos disponíveis no lançamento, com clássicos da animação, como Branca de Neve e Os Sete Anões, passando por Star Wars, até os filmes mais recentes do Marvel Studios, como Capitã Marvel. Nesta sexta-feira (18), a companhia do Mickey foi além e criou um vídeo de nada menos do que três horas e 18 minutos com clipes de 15 segundos de cada atração oferecida no lançamento do serviço. O que chama a atenção são alguns títulos obscuros, alguns dos quais nem devem ter sido exibidos no Brasil — ou sequer eram lembrados nos Estados Unidos. A maioria envolve algum animal, como The Million Dollar Duck (1971), Justin Morgan Had a Horse (1972), The Shaggy D.A. (1976), The Cat From Outer Space (1978) e outras pérolas. A longa prévia está logo abaixo, dá até comer uma pipoquinha enquanto você assiste. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.-   O Disney+ estreia no dia 12 de novembro, a US$ 7 mensais. Enquanto não chega ao Brasil, o que deve acontecer em 2020, parte desse conteúdo será exibido por aqui via Amazon Prime Video. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Veja Mais

Esquema milionário de pirâmide com bitcoins é descoberto nos EUA

Esquema milionário de pirâmide com bitcoins é descoberto nos EUA

Tecmundo Um homem foi preso nos Estados Unidos por supostamente ter aplicado um golpe usando Bitcoins que rendeu quase R$ 46 milhoes, lesando, pelo menos 14 pessoas dentro do país. O esquema fraudulento foi descoberto pelas autoridades do estado de Nevada, que levaram à prisão do suposto contraventor.A Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) anunciou o processo contra David Gilbert Saffron, do estado de Las Vegas, e a empresa Circle Society, Corp por solicitação fraudulenta, apropriação indébita e violações de registros.Leia mais... Veja Mais

Trabalho de Base - Camilo Capiberibe

Trabalho de Base - Camilo Capiberibe

Câmana dos Deputados TRABALHO DE BASE – QUINTA TEMPORADA As votações em Plenário são uma parte fundamental do processo legislativo. Mas as ações do parlamentar não se limitam ao Congresso. Trabalho de Base mostra as atividades dos deputados e deputadas em seus estados. O deputado Camilo Capiberibe (PSB-AP) fala sobre a diligência realizada no Porto de Santana, no Amapá. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Huawei lança versão enxuta do Enjoy 10 Pro com Kirin 710F e 4 GB de memória

Huawei lança versão enxuta do Enjoy 10 Pro com Kirin 710F e 4 GB de memória

canaltech No início de setembro, a Huawei revelou ao mundo o smartphone Enjoy 10 Pro. Hoje (18), a fabricante chinesa anunciou a chegada de uma versão mais enxuta do aparelho — batizada apenas de Enjoy 10 — que traz configurações de base e preços mais competitivos. A má notícia é que, pelo menos por enquanto, o modelo será restrito apenas ao mercado chinês. O Enjoy 10 traz processador Kirin 710F de propriedade da própria Huawei, e virá em três versões de configuração: 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento; 4 GB / 128 GB e, finalmente, 6 GB / 64 GB. Todas as três, porém, contam com capacidade de expansão no armazenamento para até 512 GB via cartão de memória. No mais, o Enjoy 10 contará com câmera de selfie de 8 megapixels localizada em um buraco na parte superior esquerda do display de 6,39 polegadas (resolução HD+). Na traseira, um esquema de câmera dupla contém o sensor principal de 48 megapixels e outro de 2 megapixels para profundidade. Não há, pelo que parece, um leitor de impressões digitais no aparelho — a versão Pro contava com um leitor de digitais abaixo das câmeras. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- (Imagem: Divulgação/Huawei) (Imagem: Divulgação/Huawei) O sistema operacional do smartphone é uma EMUI 9.1 baseada no Android 9 Pie — vale citar, porém, que devido à guerra comercial entre a Huawei e os Estados Unidos, essa versão não deve contar com suporte do Google para atualizações automáticas de sistema nem tampouco permitir a instalação de apps da empresa de Mountain View, como Gmail, Maps, YouTube e outros. A bateria do Enjoy 10, por todas as versões, é de 4.000 mAh, um pouquinho acima da média do mercado. O Enjoy 10 virá com quatro opções de cores: verde, vermelho, preto e um azul bem claro — todas com aspecto mais translúcido. Falando de preços, o aparelho vai custar US$ 170 / R$ 705 (versão 4 GB / 64 GB); US$ 200 / R$ 830. A versão com 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno também custará US$ 200 / R$ 830. As vendas começam em 1 de novembro. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Veja Mais

Jogadores reclamam que Epic deixou Fortnite muito mais difícil

Jogadores reclamam que Epic deixou Fortnite muito mais difícil

canaltech Depois de dois dias fora do ar, Fortnite retornou nesta última terça-feira (15) para o Capítulo 2 do jogo, que trouxe diversas mudanças para o game além de um mapa totalmente novo. Mas, de acordo com a Epic Games, a maior mudança seria no sistema de progressão do game, que exigiria menos esforço do jogador para alcançar chegar ao nível máximo do personagem. Mas, de acordo com a comunidade do jogo, não é exatamente isso que está acontecendo. Na teoria, a Epic Games aumentou as formas dos jogadores ganharem XP no jogo, permitindo que os personagens passem de level efetuando ações como abrir baús e coletar materiais. Mas ainda que, na teoria, isso deveria tornar mais fácil a subida de nível, na prática não é isso que está acontecendo. No Twitter, um usuário chegou até a mostrar toda a matemática do cálculo de XP para se levar um personagem do level 1 até o level 100 dentro da temporada, que costuma durar cerca de dez semanas. Pelos cálculos, mesmo que o jogador faça todos os desafios semanais e colete a experiência de todos os punchcards diários, será necessário ainda participar de cerca de 15 partidas por dia, todos os dias, para conseguir a experiência necessária para alcançar o nível máximo de personagem na temporada. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- This will explain how hard it will be to reach level 100. pic.twitter.com/7u9QZtftHg — Fortnite News (@FortniteFeedBR) October 18, 2019 Uma das maiores reclamações dos jogadores é a forma como funciona o novo esquema de desafios semanais. Antes, a cada semana novos desafios eram desbloqueados, então os jogadores que não eram muito habilidosos podiam coletar a experiência de completar os mais simples e, na semana seguinte, receber novos desafios para ajudá-lo a progredir no jogo. Agora, para se ter acesso aos novos desafios semanais, é preciso completar todos os já existentes na lista do jogador, o que tem feito algumas pessoas “travarem” no game por não conseguirem completar desafios muito específicos e que requerem uma certa habilidade. Isso tem feito com que os jogadores sintam que, apesar do discurso de deixar as coisas “mais divertidas”, a Epic Games tem se esforçado para impedir o progresso natural dos jogadores, obrigando-os a investir dinheiro na compra do Battle Pass, que é o modo como a companhia monetiza o jogo. Até o momento, a Epic ainda não sem pronunciou sobre o caso, mas as reclamações sobre as novas mecânicas de progressão de Fortnite não parecem que irão sumir tão cedo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Veja Mais

Subtenente Gonzaga analisa competência legal para investigação policial

Subtenente Gonzaga analisa competência legal para investigação policial

Câmana dos Deputados Uma comissão especial da Câmara vai analisar a competência legal de investigações de todas as polícias. O colegiado deve avaliar a adoção do princípio do ciclo completo de investigações das polícias. O deputado Subtenente Gonzaga (PDT-MG), que pediu a criação do colegiado, é o entrevistado desta edição do Palavra Aberta. Apresentação - Regina Assumpção Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Site está recrutando fãs da Disney para ganhar dinheiro assistindo a 30 filmes

Site está recrutando fãs da Disney para ganhar dinheiro assistindo a 30 filmes

canaltech O site Reviews.org está com uma vaga aberta para o que pode ser, para muitos, o emprego dos sonhos. Com o lançamento próximo do Disney+, a plataforma de streaming da Disney, a empresa busca por alguém que esteja disponível para assistir a 30 de seus filmes preferidos da Disney, durante um período de 30 dias, recebendo um total de US$ 1.000. "Não, não estamos loucos. Estamos apenas tão empolgados com o lançamento do Disney+ no dia 12 de novembro de 2019 que estamos selecionando um fã da Disney para nos ajudar a celebrar", diz o anúncio. Quem pode se candidatar e quais são os benefícios Para participar do processo de seleção, no entanto, é preciso atender a alguns quesitos que, infelizmente, vai deixar os brasileiros de fora, a não ser que você tenha um Green Card. Pode se inscrever quem tiver mais de 18 anos e for cidadão dos Estados Unidos ou residente permanente, ou seja, estiver no país de forma legal. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Além do pagamento de US$ 1.000, o escolhido irá ganhar um ano gratuito de assinatura do Disney+ e um kit com um cobertor personalizado, quatro copos do Mickey, e uma máquina de estourar pipoca da Pixar. Imagem: Reprodução Inscrição Se você se encaixa nos requisitos, tem até o dia 7 de novembro para fazer a sua inscrição neste link. Boa sorte! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Testado e aprovado: Facebook libera novo visual com tema escuro para web GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Veja Mais

Chaves: criador da série ganha biografia e universo compartilhado

Chaves: criador da série ganha biografia e universo compartilhado

Tecmundo Os personagens criados por Roberto Gómez Bolaños irão integrar um universo compartilhado, a partir de uma série biográfica sobre o ator e roteirista. As produtoras mexicanas Grupo Chespirito e Thr3 Media Group irão trabalhar juntas, no que está sendo chamado de “Chespirito Media Universe”.Famoso no Brasil por protagonizar os seriados do Chaves e do Chapolin, Bolaños era conhecido pelo apelido de Chesperito. O cânone criado pelo ator conta com mais de 100 personagens, que devem ganhar novas adaptações em diversas mídias, como TV, filmes e quadrinhos.Leia mais... Veja Mais

Governo garante pagamento de bolsas do CNPq para este ano

Governo garante pagamento de bolsas do CNPq para este ano

canaltech O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) anunciou nesta última quinta-feira (17) que os recursos para o pagamento das bolsas de pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) estão garantidos até o fim do ano. Segundo a pasta, foi efetuada a suplementação à Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 para pagamento das bolsas para outubro, novembro e dezembro no valor de R$ 250 milhões. Desse total, R$ 93 milhões serão disponibilizados por meio do Projeto de Lei (PLN) nº 41, enviado ao Congresso Nacional em 15 de outubro. O restante, R$ 156,9 milhões, será disponibilizado por meio de portaria que deverá ser assinada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, nos próximos dias. Segundo o ministério, a proposta de lei orçamentária para 2020 já prevê recursos para as atividades do CNPq e o problema não deve se repetir. De acordo com a pasta, a situação deste ano ocorreu devido ao montante insuficiente da lei orçamentária aprovada em 2018 que destinou recursos inferiores ao que era necessário para o CNPq. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- “Havia uma preocupação muito grande com o pagamento das bolsas do CNPq. São 84 mil pesquisadores desde iniciação científica até pesquisadores seniores na espera desse resultado”, disse o ministro Marcos Pontes. “Os pesquisadores podem dormir sossegados e eu também até o final do ano”. Fusão do CNPq e Capes? O ministro Marcos Pontes reiterou, ainda, seu posicionamento contrário a uma eventual fusão entre o CNPq, subordinado à sua pasta, e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), vinculada ao Ministério da Educação (MEC). “Recebemos a proposta do MEC com relação a esses estudos de junção da Capes com o CNPq e uma resultante ficando no MEC. É possível a convivência, como já tem sido, das duas agências, cada uma com sua tarefa e um trabalho administrativo de gestão para reduzir os custos”, afirmou Pontes. “Vamos ter uma reunião com a Educação para discutir quais serão os destinos, mas a junção das duas é extremamente improvável”, complementou.   No último dia 11, em sua conta no Twitter, Marcos Pontes afirmou que a posição do MCTIC era contrária à fusão, pois seria prejudicial ao desenvolvimento científico do país. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Testado e aprovado: Facebook libera novo visual com tema escuro para web GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Veja Mais

Dois papos ligeiros sobre censura (II)

G1 Pop & Arte Toda censura é burra, não é demais repetir. A censura que veta, proíbe, condena, oculta o que o artista cria para ser visto, lido ou ouvido por todo o mundo. Censura diferente daquela a que me referi, de sugerir idade, hora e lugar mais adequados para que a obra de arte seja mais bem apreciada. Sugerir, sim, nunca proibir. Quando nos lembramos que, na flor de seus vinte anos, Vinicius de Moraes foi censor de filmes, podemos apostar que sua tarefa era somente a de dizer com que idade podia-se ver, por exemplo, sua favorita Marlene Dietrich em “O anjo azul”, filme bastante ousado para... 1930. Hoje, Vinicius estaria rindo de tudo aquilo. São muitos os exemplos de burrice cometida por nossos censores. Bastaria um dia consultando os guardados do Arquivo Nacional, na Praça de República, Rio de Janeiro (como já fiz, na companhia da repórter e pesquisadora Mariana Filgueiras), para se reunir material tão farto que não caberia num só volume. Principalmente, de 1964 a 1984, os tais anos dos quais ainda há quem tenha saudade. Escolho uma arte em que os danos não têm sido tão graves: a música. De fato, raros são os casos como o de Geraldo Vandré, cuja carreira foi interrompida por causa de uma canção, “Para não dizer que não falei das flores”, cujo sentido só foi percebido pelos censores quando, cantada em coro por todo o Maracanãzinho, virou uma espécie de hino contra a ditadura. Naqueles tempos, a música era um dos alvos mais frequentes da burra sanha dos censores. Em defesa da moral da mulher brasileira, pela preservação do idioma pátrio, para manter longe o comunismo ou para não se falar de assunto tão incômodo como a homossexualidade, tudo era motivo para o censor sacar sua arma: caneta. Em 1971, inspirado no interesse do cantor Mário Rei pelos pregões da Bolsa, Chico Buarque dedicou-lhe um samba repleto de termos usados no mercado de ações: “Comprei na bolsa de amores/As ações melhores que encontrei por lá/Ações de uma morena dessas/Que dão lucro à beça/Pra quem sabe jogar/ Mas o mercado entrou em baixa/Estou sem nada em caixa/Já perdi meu lote/Minha morena me esquecendo/Não deu dividendo, nem deixou filhote”. O censor não só vetou o samba, que só chegaria ao público 22 anos depois, como se permitiu um aparatoso comentário: “O autor parece estar de uns tempos para cá muito preocupado em denegrir a reputação de todas as mulheres, vide uma de suas últimas composições, ‘Minha história’, que relata a vida de um homem filho de uma prostituta”. O censor não entendeu a versão de Chico para “Gesùbambino”, canção do italiano Lucio Dalla. E “todas as mulheres”, no caso da letra em português, era apenas uma pobre mãe transformada em prostituta pelo censor. A língua portuguesa, sua preservação, seu compromisso com o bom gosto e, principalmente, o que certas palavras podem querer dizer (sem dizer), estavam entre as preocupações dos censores, entre estes o beque direito da seleção brasileira de 1950. Se até poemas de Mário de Andrade (1893-1945) foram cassados pela ditadura, imaginem os sambas de Adoniran Barbosa, quase todos no idioma coloquial, com erros e gírias próprios da população paulistana mais pobre. Cinco de seus sambas foram censurados em 1973, um deles inédito. Uma censora culta achou de mau gosto versos que falavam em “tauba de tiro ao álvaro” e rimavam “artomorve” com “revorve”. Pelo menos, deu conselhos ao compositor: regravar coisas como “O Arnesto nos convidô prum samba, ele mora no Brás/Nóis fumo e não encontremo ninguém?/Nóis vortemo cuma baita duma réiva/Qui dôtra vez nóis num vai mais...” assim: “O Ernesto nos convidou para um samba, ele mora no Brasil/Nós fomos e não encontramos ninguém/ Voltamos com baita de uma raiva/Em outra vez não vamos mais”. Conselho que Adoniram achou por bem não seguir. Censuras musicais contra a esquerda podem vir mais de cima, de gente “mais preparada” para evitar qualquer ameaça que surja, inclusive na música. Pois foi justamente um ministro, o da Justiça, Armando Falcão, quem proibiu que o balé “Romeu e Julieta”, produzido e transmitido pela BBC de Londres para mais de cem países, comprado e anunciado pela TV Globo, fosse exibido em 1976. Motivo: sendo russo, o Balé Bolshoi “poderia apresentar uma leitura comunista da tragédia de Shakespeare”. Aproveitou-se a ocasião para se negar os vistos para que o Bolshoi se exibisse no Brasil, como vinha sendo tentado por quase um ano. Foi também política a censura a “Calabar, o elogio da traição”, peça musical de Ruy Guerra e Chico Buarque, escrita em 1973 para ser encenada no ano seguinte. Não foi. Partiu do Ministério do Exército a proibição –– da peça, do título e até da proibição, que não podia ser divulgada. Na história, Domingos Fernandes Calabar passa de traidor a herói ao se unir aos holandeses contra os portugueses, em 1632, durante a Insurreição Pernambucana. O texto de Chico e Ruy fala de ações contra o povo, abuso de poder, tortura, a má herança lusitana, detalhes incômodos ao governo militar. Mas foi permitido a Chico gravar um disco com as canções, desde que certos reparos fossem observados. Nada de título, nada de capa chamativa, nada de canções como “Vence na vida quem diz sim”, debochada apologia da subserviência, e “Ana de Amsterdam”, a da cama, da cana, fulana, sacana. “Bárbara”, canção que fala do amor de Ana por ela, só não foi censurada porque um dos censores, numa de inteligente, garantiu que uma simples mudança na letra já gravada jogaria para debaixo do tapete a clara menção ao amor de uma mulher por outra. Tudo bem. Nos versos “Vamos ceder enfim à tentação de nossas bocas cruas/E mergulhar no poço escuro de nós duas”, a voz de Chico é apagada sobre a palavra duas. Já em outros versos, o censor deixou passar “O meu destino é caminhar assim desesperada e nua/ Sabendo que no fim da noite serei tua”. São casos antigos para reconhecer que a censura já foi mais dura do que a que pode se institucionalizar no Brasil de hoje. Mais dura, mas não necessariamente menos burra. Veja Mais

A psicologia do filme do Coringa

A psicologia do filme do Coringa

 Minutos Psíquicos O que você achou do filme do Coringa? Gostou? Hoje vamos analisar alguns aspectos psicológicos que foram explorados no filme. Já fizemos muitos vídeos sobre assuntos abordados no filme, os links para eles estão aqui: Psicopatia - https://youtu.be/T1zg5qeLu-4 A tríade sombria da personalidade: Maquiavelismo, psicopatia e narcisismo - https://youtu.be/etYS8EzAJcE Autoestima e narcisismo - https://youtu.be/LIHkETn66zk Os perigos dos maus-tratos infantis - https://youtu.be/rz1KxtBJx_Y Quais são as causas da violência humana? - https://youtu.be/ofVpwbg-zGY Medicamentos psiquiátricos fazem bem ou mal? - https://youtu.be/qeOWOt_SzJ4 Esquizofrenia - https://youtu.be/cD6Fjnqlk3M Cérebro machucado: Traumatismo, AVC, aneurisma e tumor cerebral - https://youtu.be/213Wcb6iIT8 Ir ao psicólogo é coisa de maluco? - https://youtu.be/gFLbNTeKdO4 Agradecimento especial aos nossos apoiadores no YouTube, no Patreon e no APOIA.SE: Mathias Gheno Azzolini Marco Aurélio Roncatti Eloa Gabriele Paulo André Batista Araújo Daniel Francener Marcia V Pinto Carlos Henrique Oliveira Elisangela de Moura Gonçalves Carla Nascimento Renan Fernandes Vinícius Xavier do Amaral Mathias Gheno Azzolini Uriel Marx Jose Caetano Fernando da Silva Trevisan Victor Augusto Martins Ribeiro Ingrid Philigret Inoue Elisangela Da Silva Cláudio Toma Monique Aguilar Estefânia Dias Jussara Robson Túlio Furtado Rodrigues Inês Cozzo Olivares Nildson de Avila Thaís Amaral do Canto Sanderson Quixabeira Da Silva Nildson de Avila Silva Integrity Assessoria em Auditoria e Compliance Kaissés Costa Sedrês Raquel Alves de Sene Josue Spier do Nascimento Guinevere Ingrid Barcellos Soares Odair Silva Carmen Adell Gordinho 90 Luciana Xavier Felipe Gandra Katyanne Melo Kleber Pereira de Souza Caio Henrique Cupertino Guarido Karen Castro Safira Atiele Pereira Cunha Maneirinho Diniz Eduardo Valença Mateus Mtsl Marisa Silva Danielle Lima Lucas Aciole Gustavo Barros ERICA VITORIA DE SOUZA FAGUNDES Juliana Belko Barros Jorge Gomes John Darceno Maria Betânia Ferreira Itamar Koling Bruno Andrade Silva Gustavo de Brito Gomes Itamar Koling Tania Cristina Gomes Molinari Cíntia da Silva Pereira Pedro Lucas dos Santos Você pode apoiar a gente no Patreon: http://www.patreon.com/minutospsiquicos Ou no APOIA.se: https://apoia.se/minutospsiquicos Ou no YouTube (clica no botão "SEJA MEMBRO" logo abaixo do vídeo ou no link a seguir): https://www.youtube.com/channel/UCFiEI1kDHlO9UQtxx0wj-XA/join Se gostou do vídeo, curta, compartilhe ele com mais pessoas e inscreva-se no nosso canal! Siga as páginas do Minutos Psíquicos nas redes sociais para acompanhar os próximos vídeos e falar com a gente: Facebook: https://www.facebook.com/minutospsiquicos/ Twitter: https://twitter.com/minutopsiquicos Instagram: https://www.instagram.com/minutospsiquicos/ Créditos Pesquisa, roteiro e narração: André Rabelo (http://minutospsiquicos.com/) Edição: Lucas Carvalho (https://www.instagram.com/lucascarvc_/) Ilustração: Pedro Tavares (Chicão) (https://www.facebook.com/pfranciscotavares/?fref=ts) Música: Harsh Alien Machine de Audionautix está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/) Artista: http://audionautix.com/ Medusa de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/) Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100804 Artista: http://incompetech.com/ Para ver nossas referências e mais informações sobre o tema do vídeo, como artigos, livros e materiais de referência, acesse: http://www.minutospsiquicos.com/2019/10/18/video-novo:-a-psicologia-do-filme-do-coringa/ #coringa #filmes #psicopatia Veja Mais

Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea

Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea

canaltech Na última terça-feira (15), o desabamento do Edifício Andrea, na cidade de Fortaleza (CE), chocou o Brasil com a gravidade do acidente, que já matou seis pessoas e mantém pelo menos mais quatro soterradas. Mas o arquivo das imagens registradas pelo circuito das câmeras de segurança do prédio, obtidas pelo Sistema Verdes Mares (afiliada da Rede Globo em Fortaleza), mostra que o desabamento pode não ter sido acidental. Na última quinta-feira (17) o engenheiro contratado para fazer a reforma do prédio, José Anderson Gonzaga dos Santos, havia afirmado que as obras ainda não tinha começado quando o prédio desabou no dia 15, contradizendo os moradores, que afirmavam que os trabalhos haviam sido iniciados no dia 14 — um dia antes do desabamento. E as imagens obtidas da câmera de segurança do edifício mostra que os moradores estavam certos e contradizem a versão do engenheiro, pois elas não apenas provam que a reforma já havia começado, como mostram claramente um operário quebrando uma das colunas de sustentação do prédio.   O registro foi captado às 9h54 do dia 15, exatos 34 minutos antes do desabamento. Já às 10h08, cerca de vinte minutos antes do ocorrido, outra câmera mostra o mesmo operário quebrando outras colunas na parte da frente do edifício, próximo do portão de entrada de veículos e pessoas. Já às 10h27, dois minutos antes do desabamento, é possível ver pedaços da estrutura do edifício, que começam a se soltar do teto. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Logo em seguida é possível ver a presença da síndica Maria das Graças Rodrigues (que ainda está desaparecida sob os escombros), olhando preocupada para cima, de onde estão caindo pedaços da estrutura. O vídeo termina às 10h28, quando é possível ver um novo pedaço da estrutura se soltando segundos antes do desabamento, que ocorreu exatamente às 10h29m5s. Por enquanto, sete pessoas já foram resgatadas com vida e quatro ainda estão desaparecidas nos escombros. Não se sabe ainda como o vídeo irá influenciar as investigações, mas é possível que ele seja usado pela polícia como prova para responsabilizar o engenheiro pela tragédia, já que ficou claro que havia um operário quebrando colunas de sustentação do prédio minutos antes dele desabar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Não são aliens! Astrônomos estudam estrela bizarra e continuam sem resposta Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Veja Mais

Microsoft diz que Android é o melhor sistema para celulares

Microsoft diz que Android é o melhor sistema para celulares

Tecmundo Depois de anos patinando com versões mobile do Windows, a Microsoft anunciou recentemente o celular de duas telas Surface Duo, que chegará ao mercado rodando Android. Apesar de ser um movimento inesperado, a empresa parece estar colocando bastante fé no sistema operacional da Google e Panos Panay, chefe de produto da firma, até definiu o SO como "a melhor" solução para dispositivos móveis.Em um evento em Londres, Panay comentou sobre a adoção do Android em um dispositivo da Microsoft. O executivo explicou que o antigo concorrente é a melhor alternativa para o produto e também o local em que os consumidores estão atualmente. "Queremos alcançar os usuários onde eles estão, e esse lugar é o Android", ressaltou o executivo.Leia mais... Veja Mais

Criador de Sons of Anarchy e Mayans MC, Kurt Sutter é demitido da FX

Criador de Sons of Anarchy e Mayans MC, Kurt Sutter é demitido da FX

canaltech Kurt Sutter não é um nome muito famoso para quem acompanha séries de forma mais casual, mas fãs mais arraigados o conhecem por ser o criador de grandes sucessos como The Shield, Sons of Anarchy e seu atual spin-off, Mayans M.C. Todas estas produções foram veiculadas na emissora a cabo americana FX, filiada à FOX e, hoje, uma propriedade da Disney. Bem, segundo comunicado divulgado pelo próprio Sutter e veiculado em matéria do Hollywood Reporter sobre o assunto, o icônico produtor e roteirista foi demitido da emissora após 18 anos de casa. Segundo suas próprias palavras, as empresas — Disney e FOX — disseram que as reclamações contra ele tornaram o ambiente de produção “abrasivo e intolerante”. Kurt Sutter, criador de Sons of Anarchy, Mayans M.C. e The Shield: "ser demitido por ser abrasivo está na moda" (Foto: Reprodução/Getty Images) “Aparentemente, o RH da Disney e [a área de] Relações Comerciais conduziram uma investigação sobre as condições inaceitáveis que foram criadas no set de Mayans MC durante a gravação da segunda temporada”, disse Sutter no comunicado. “Como todos sabem, eu me afastei bastante nesta temporada, deixando que outros executassem um papel maior na produção da série. Foi relatado por roteiristas, produtores, elenco e equipe que a minha ausência e subsequente comportamento quando presente, serviu apenas para criar confusão, caos, hostilidade e foi compreendida como ‘abandono’. Ou, pelo menos, é como a Disney interpretou isso. Estou certo de que isso é verdade. Nesta manhã, eu fui demitido por Dana Walden e John Landgraf por causa de todas as reclamações feitas contra mim. Não é como eu queria terminar minha relação de 18 anos com a FX. Pelo menos, ser demitido por ser um filho da **** abrasivo está na moda”. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- Sutter finalizou dizendo que pede “imensas desculpas se eu fiz com que as pessoas se sentissem pouco apoiadas. A minha intenção era, literalmente, o oposto. Claramente, porém, eu não estava prestando atenção. Minha arrogância e crônica distração causaram bagunça. Só para que todos saibam, eu adoro essa equipe e esse elenco”. Sutter deu vida ao personagem Otto Delaney em Sons of Anarchy: produtor e roteirista foi demitido da emissora FX (Imagem: Reprodução/FX) Sutter foi contratado pela FX em 2002, no cargo de roteirista da série The Shield. Foi em 2008, porém, que ele se tornou um nome mais conhecido após criar Sons of Anarchy. A série, protagonizada por Charlie Hunnam no papel do motoqueiro Jackson “Jax” Teller, rendeu sete temporadas e ganhou um spin off — a atual Mayans M.C., que recentemente finalizou as gravações de sua segunda temporada e também foi criada por Sutter. Entre a primeira e segunda temporadas da nova série, Sutter abriu espaço para que outras pessoas assumissem o comando da produção, alegando que “era hora do homem branco deixar o prédio”. A justificativa dele foi a de que, por Mayans ser narrada e protagonizada por um motoclube mexicano, uma “pessoa de cor” é quem deveria liderar a série. Em 2004, Sutter casou-se com a atriz Katey Segal, que viria a ter um papel proeminente em Sons of Anarchy (Gemma Teller, mãe de Jax), além de ter ocasionais aparições em Mayans M.C. O próprio Kurt Sutter também teve um papel duradouro em Sons of Anarchy: ele era o membro encarcerado do grupo, Otto Delaney. A FX não comentou sobre a demissão do produtor e roteirista, porém Sutter publicou em sua conta oficial no Instagram uma foto aérea da Disneyland, o parque temático da Disney, comumente conhecido (e legendado na foto como tal) como “o lugar mais feliz do mundo”. Ver essa foto no Instagram The happiest place on earth... Uma publicação compartilhada por Kurt Sutter (@sutterink) em 16 de Out, 2019 às 11:05 PDT Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas Veja Mais

Acredite: Banana Phone deve ganhar uma nova versão em breve

Acredite: Banana Phone deve ganhar uma nova versão em breve

canaltech Nós, brasileiros, não estamos acostumados a ouvir o tema “Bananaphone”, que é uma canção do compositor canadense Raffi — por isso, é mais popular mesmo entre as crianças norte-americanas. Pois bem, em 2017, uma startup homônima transformou a faixa em realidade, com um gadget em forma de banana, capaz de parear com smartphones via Bluetooth. E agora esse acessório deve ganhar uma nova versão. O modelo original foi bem em sua campanha de arrecadação no site de financiamento coletivo IndieGogo, reunindo um total de quase US$ 187 mil. Mas, segundo testes do pessoal do The Verge, o aparelho não funcionava muito bem, com ruídos e volume baixo no áudio. Daí a vinda de um sucessor, que deve trazer qualidade melhor de reprodução e conectividade Bluetooth aprimorada.   A documentação do gadget foi flagrada nos registros da Anatel gringa, a Federal Communications Comission (FCC, na sigla em inglês). O presidente da empresa Banana Phone, Brian Brunsing, não somente confirmou a novidade como adiantou que o “telefone” poderá também reproduzir músicas — já que o alto-falante deve ter um upgrade significativo. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- O “Banana Phone 2” deve trazer também uma atualização na bateria, que deve permitir 10 horas a mais de conversa, totalizando 20 horas com uma só carga. O lançamento está previsto para a Black Friday, no último final de semana de novembro, com o preço de US$ 40 (R$ 184 na conversão direta). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Disney+ mostra catálogo disponível na estreia em vídeo de mais de três horas Veja Mais

Minas é o penúltimo Estado em ranking de solidez fiscal

O Tempo - Política Estudo aponta fragilidade nas contas públicas estaduais, em comparação com o resto do país Veja Mais

Festival MADA leva diversidade, Júnior Groovador e o melhor da música nacional a Natal

Festival MADA leva diversidade, Júnior Groovador e o melhor da música nacional a Natal

R7 - Música Jomardo Jonas, do Festival MADA Tenho Mais Discos Que Amigos O Festival MADA está começando em Natal, no Rio Grande do Norte, e já carrega no nome a proposta que gosta de mostrar ao público, aos artistas e ao mercado quando diz que 'Música é Alimento Da Alma'. Em 2019, a vigésima primeira edição do evento conta com artistas como BaianaSystem, Luedji Luna, Baco Exu do Blues, Djonga e até o Junior Groovador, e nós conversamos com Jomardo Jonas, produtor do MADA, a respeito do festival, dos artistas, da música brasileira e mais. Leia nosso papo logo abaixo! TMDQA!: Há alguns anos estamos vivendo a cultura dos festivais no Brasil, mas o MADA já é um veterano, chegando à sua vigésima primeira edição. Como surgiu o evento e como sua proposta estética e artística foi evoluindo de lá pra cá? Jomardo: Surgiu de uma necessidade da cidade de ultrapassar as fronteiras do estado com sua música e, também, junto com a efervescência do surgimento de vários festivais pelo Brasil na época. Para conseguir se manter todo esse tempo sem perder nosso objetivo inicial, que é apostar em novas sonoridades, fomos crescendo, acrescentando e ampliando essa nossa diversidade musical, sempre com um recorte bem atualizado do que está rolando em todo o Brasil. Line-up de Sexta-feira do Festival MADA 2019 Tenho Mais Discos Que Amigos TMDQA!: O MADA é conhecido por mesclar novos nomes com artistas já consagrados e o faz com horários bons e destaques mesmo para quem não tem seu nome consolidado. Como vocês lidam com essa mistura e como percebem a resposta do público à programação? Jomardo: Temos uma resposta excelente e ultimamente percebemos um crescimento do público e sua renovação constante, o que nos mostra que estamos conseguindo atender e surpreender sempre.   TMDQA!: Esse ano teremos a presença de uma estrela da cidade que cresceu nos últimos dias por causa do Rock In Rio. Júnior Groovador irá tocar no MADA e deve dar o que falar. Como é o show dele para um festival como o MADA e como surgiu o convite? Jomardo: Na verdade, conheço o Junior e sua família há muito tempo, quando ele ainda era um garoto e totalmente metaleiro, depois o acompanhava pelas redes com suas danças e grooves de rock em ritmo de forró. Até que quando vimos ele estava no RIR! Nos falamos depois e decidimos fazer um show dele e banda, mesclando rock com forró no MADA. Para o festival será uma grande festa ter o querido Junior Groovador no lineup. Line-up de Sábado do Festival MADA 2019 Tenho Mais Discos Que Amigos TMDQA!: Se você pudesse destacar algo que diferenciasse o MADA dos demais festivais do Brasil, o que diria que o faz diferente? Jomardo: Todos os festivais tem suas particularidades, no caso do MADA nossa ideia é crescer sem perder o conceito inicial de quando fizemos a primeira edição, que é sempre trabalhar a diversidade da música brasileira.   TMDQA!: Eu sempre digo que estamos vivendo uma das épocas mais incríveis da música brasileira, e o line-up mostra que iremos desde o reggae consagrado do Natiruts até o rap explosivo de Baco Exu do Blues e a mistura que faz do BaianaSystem um dos melhores shows do país. Como você vê toda essa fusão e quais são os desafios para encaixar tudo isso em um line-up de festival? Jomardo: O MADA sempre teve essas fusões em sua programação, desde sua primeira edição. Já tivemos Dona Militana (contadora de Histórias) no mesmo lineup com o rock and roll uruguaio do Motosierra. Essa diversidade é uma das marcas do MADA.   Festival MADA 2019 Os ingressos para o evento ainda estão disponíveis por aqui. Festival MADA - 21 anos Local | Estádio Arena das Dunas - Lagoa Nova, Natal - RN Data | 18 e 19 de outubro Horário | a partir das 18h Veja Mais

CEO da Oracle, Mark Hurd, morre aos 62 anos

CEO da Oracle, Mark Hurd, morre aos 62 anos

Tecmundo Nesta sexta-feira (18), a direção da Oracle surpreendeu seus funcionários ao lhes enviar um email que avisava sobre o falecimento do CEO da companhia, Mark Hurd. A mesma mensagem foi publicada no site pessoal de Hurd, pelo cofundador e diretor de tecnologia da empresa, Larry Ellison. Hurd já havia sido internado recentemente, justamente por apresentar saúde fraca.Ellison lamentou a perda e disse que Hurd era seu amigo íntimo e insubstituível, além de colega de confiança. “A Oracle perdeu um líder brilhante e amado, que tocou pessoalmente a vida de muitos de nós durante sua década na companhia”, disse ele.Leia mais... Veja Mais

Youtube Music testa função para transição direta entre faixas

Youtube Music testa função para transição direta entre faixas

canaltech Quem usa o serviço de streamming musical do YouTube sabe que ele ainda precisa de algumas melhorias, mesmo com mais de um ano disponível no Brasil. Ainda que apresente uma infinidade de shows e diferentes versões de músicas, o Youtube Music não reproduz uma sequência de músicas de maneira direta, sem pausas. Mas ao que tudo indica, isso está para acabar. Em tópico de discussões no Reddit, alguns usuários notaram que o Youtube Music passou a reproduzir faixas de música de maneira interrupta. O que é uma excelente novidade para álbuns em que uma letra continua o contexto da outra, como o álbum The Dark Side of the Moon, do Pink Floyd. Youtube Music apresenta nova função, em fase de testes A função que parece, ainda em fase de testes, promete ser um novo recurso para melhorar a experiência dos usuários. Este é um recurso importante para que o YouTube Music comece a ser considerado uma opção entre os usuários que buscam boas opções para escutarem música. E, nesse caso, este Music estava muito atrasado em relação aos seus concorrentes. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Agora, resta saber quando a novidade estará disponível para todos os usuários. A seguir, confira a gravação compartilhada no fórum de discussão com a transição automática entre faixas do Pink Floyd:  É um recurso muito necessário para que um aplicativo de música seja levado a sério; portanto, o YouTube Music estava muito atrasado. Para muitos, espera-se que a espera continue por um curto período de tempo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Quantos anos tem seu cérebro? Cientistas treinam IA para revelar idade cerebral Veja Mais

NASA mostra o novo traje espacial da primeira mulher na Lua

NASA mostra o novo traje espacial da primeira mulher na Lua

Tecmundo Na última terça-feira, a NASA revelou novos protótipos de trajes espaciais que serão usados pela primeira mulher a caminhar na Lua.Num evento realizado no quartel-general da agência espacial em Washington, o chefe Jim Bridenstine e os engenheiros responsáveis pelo traje promoveram o "desfile" dos dois trajes espaciais de nova geração, especialmente desenhados pelo Programa Artemis com o objetivo de vestir o próximo casal a visitar a Lua em 2024.Leia mais... Veja Mais

Trabalho de Base – Rosana Valle

Trabalho de Base – Rosana Valle

Câmana dos Deputados As votações em Plenário são uma parte fundamental do processo legislativo. Mas as ações do parlamentar não se limitam ao Congresso. Trabalho de Base mostra as atividades dos deputados e deputadas em seus estados. A deputada Rosana Valle (PSB-SP) fala sobre o trabalho realizado no seu estado. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Câmara dos Deputados - Fórum Nacional de Compliance no Legislativo - 18/10/2019 - 14:20

Câmara dos Deputados - Fórum Nacional de Compliance no Legislativo - 18/10/2019 - 14:20

Câmana dos Deputados Eventos - Seminário LOCAL: Auditório Nereu Ramos TEMA: "1º Fórum Nacional de Compliance no Legislativo" Veja Mais

Filarmônica lança campanha de assinaturas e anuncia programação para 2020

O Tempo - Diversão - Magazine Na próxima temporada, Beethoven será um dos grandes homenageados pela orquestra mineira Veja Mais

Histórico! Primeira caminhada espacial 100% feminina é concluída com sucesso

Histórico! Primeira caminhada espacial 100% feminina é concluída com sucesso

canaltech Christina Koch e Jessica Meir fizeram história ao realizar a primeira caminhada espacial exclusivamente feminina. As astronautas da NASA deram início à missão na manhã desta sexta-feira (18), às 8h38 (horário de Brasília), e saíram da câmara Quest da Estação Espacial Internacional (ISS) com a tarefa de substituir um controlador de energia defeituoso. O spacewalk, também conhecido como “atividade extra-veicular” (EVA), havia sido programado para o dia 21 de outubro, mas a NASA antecipou a missão para o dia 18. E tivemos que esperar bastante por esse momento: já se passaram sete meses desde que a NASA teve que cancelar a caminhada feminina, que deveria ter acontecido em março. Na ocasião, a ISS tinha apenas um traje espacial de tamanho médio a bordo, então não seria possível usar um tamanho grande no caso da astronauta companheira, que usava tamanho médio também. Dessa vez, a NASA enviou um segundo traje espacial adequado para o corpo das astronautas, garantindo assim o spacewalk histórico. A tarefa foi antecipada do dia 21 para o dia 18 porque uma das novas baterias, instaladas por outros astronautas dias antes, não estava funcionando muito bem. Um instrumento necessário para carregar e descarregar a bateria estava defeituoso e, com isso, a estação estava perdendo energia em um dos oito canais usados ​​para fornecer eletricidade à ISS. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Koch e Meir realizam reparos e manutenção do lado de fora da ISS (Imagem: NASA) Portanto, Koch e Meir foram enviadas um pouco mais cedo para substituir essa unidade de carga/descarga e deixar o canal de energia funcionando novamente. A missão teve um total de sete horas e 17 minutos de duração. A dupla foi guiada pela astronauta veterana Stephanie Wilson, que fez o trabalho de comunicação na sala de controle da missão. Os colegas de ISS Luca Parmitano e Andrew Morgan, também vivendo na ISS, ajudaram a guiar algumas etapas. Durante a caminhada, as astronautas receberam uma ligação da Casa Branca, na qual o presidente dos Estados Unidos parabenizou a dupla. "Vocês duas são mulheres muito corajosas e brilhantes e representam esse país tão bem… estamos muito orgulhosos de vocês... o que vocês fazem é realmente algo muito especial. Então, primeiro a Lua e depois vamos a Marte. Obrigado a ambas". Com gafes e bom humor, Trump parabeniza astronautas da NASA em chamada ao vivo durante a caminhada espacial (Imagem: NASA) O Presidente Trump também acrescentou erroneamente que “esta é a primeira vez que uma mulher está fora da estação espacial”. No entanto, esta é a 42ª vez que mulheres participam de uma spacewalk. Bola fora! A importância da caminhada espacial 100% feminina Mas afinal, por que demos tanta importância para a primeira caminhada espacial realizada apenas por mulheres? É que, desde as primeiras viagens de humanos no espaço, 227 pessoas deixaram as naves espaciais para realizarem algum tipo de atividade extra-veicular. Dentre todas essas pessoas, apenas 14 eram mulheres. A primeira mulher a caminhar no espaço foi a cosmonauta soviética Svetlana Savitskaya, em 1984. Isso aconteceu quase 20 anos depois que o primeiro ser humano realizou um spacewalk, o também soviético Alexei Leonov. Só depois, os EUA enviaram a astronauta Kathryn Sullivan para uma tarefa do lado de fora do ônibus espacial. Astronautas Koch e Meir a bordo da ISS (Imagem: NASA) Sempre que uma mulher flutuou para o espaço, teve a companhia de um homem. Duas mulheres ao mesmo tempo é o momento histórico que busca não apenas a igualdade de gênero nas missões espaciais, mas também destacar a importância da equidade, para que cada vez mais agências e companhias espaciais comerciais adotem políticas mais igualitárias. Além disso, missões como esta pode inspirar milhares de futuras astronautas ao redor do mundo. O evento de hoje, transmitido ao vivo pela NASA, foi um grande sucesso. Koch e Meir, que receberam uma parabenização ao vivo do presidente dos Estados Unidos, reconhecem o impacto de seu trabalho. "O que estamos fazendo agora mostra todo o trabalho realizado nas décadas anteriores, todas as mulheres que trabalharam para chegar onde estamos hoje", disse Meir durante uma entrevista na estação espacial, pouco antes de realizar a caminhada. Tracy Caldwell Dyson, astronauta da NASA que acompanhou a missão no Centro de Controle de Missões em Houston, disse que “o marco é que esperemos que isso agora seja considerado normal… para não ofuscar as mulheres [que] estão fazendo caminhadas espaciais por 35 anos. Acho que muitos de nós esperamos que isso seja normal". A NASA sabe que este é um momento histórico e, por isso, incluiu perguntas e mensagens compartilhadas nas mídias sociais durante a transmissão ao vivo. Algumas perguntas foram enviadas de salas de aula das escolas, e houve até mesmo fotos de garotas inspiradas no evento. A transmissão também incluiu ex-astronautas da NASA que estavam em outros momentos históricos, incluindo Sally Ride, Eileen Collins e Shannon Lucid.   Quem são as astronautas que fizeram o spacewalk Além de colegas da NASA, Christina Koch e Jessica Meir são melhores amigas. Esta foi a quarta caminhada de Koch e a primeira de Meir. Jessica Meir sonhava com o dia em que chegaria ao espaço desde os cinco anos de idade. Esse sonho se tornou realidade no dia 25 de setembro de 2019, quando ela deixou a Terra em seu primeiro voo espacial rumo à ISS. Antes disso, ela estudou pinguins na Antártica e mapeou cavernas na Itália — tarefas que prepararam para o ambiente extremo do espaço. Christina Koch, além de astronauta, é engenheira e física. Sua carreira a levou a lugares como o polo sul e a Groelândia para realizar missões científicas de campo. Antes de ser selecionada como candidata a astronauta em 2013, ela trabalhou como engenheira elétrica no laboratório de astrofísica do Centro de Voo Espacial Goddard. Koch voou para o espaço em 14 de março de 2019 e deve entrar para a história em breve, quando estabelecer o recorde de o voo espacial mais longo realizado por uma mulher. Isso acontecerá quando ela completar 328 dias no espaço, e isso dará aos pesquisadores a oportunidade de observar os efeitos dos voos espaciais de longa duração sobre o corpo de uma mulher — o que será bastante útil quando a NASA enviar novos astronautas à Lua e, futuramente, a Marte. O próximo marco será, provavelmente, a primeira mulher a pisar na Lua, o que ocorrerá nas missões Artemis — com o pouso programado para 2024, mas com orçamento ainda incerto. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Arquivo de câmeras revela possível culpado pelo desabamento do Edifício Andrea Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Veja Mais

Agência chinesa revela imagem da nave que explorará Marte em 2020

Agência chinesa revela imagem da nave que explorará Marte em 2020

Tecmundo A Agência Espacial Chinesa mostrou ao mundo a primeira foto da sua nave que será lançada com destino a Marte em 2020, em uma viagem com previsão de duração de sete meses. A missão, em fase final de desenvolvimento, terá três importantes tarefas a cumprir, entre as quais examinar a atmosfera marciana.Na imagem divulgada pelo site CGTN não é possível ver maiores detalhes, apenas a nave em uma espécie de casulo. Mas autoridades locais já informaram que a missão engloba um rover para exploração do solo e uma sonda orbital, além do módulo de pouso.Leia mais... Veja Mais

Narrativa arrastada prejudica “Midsommar: O Mal Não Espera a Noite”

Narrativa arrastada prejudica “Midsommar: O Mal Não Espera a Noite”

R7 - Música Midsommar Tenho Mais Discos Que Amigos Por Bruno Inácio Dirigido por Ari Aster – que atingiu o status de cult com Hereditário (2018) – Midsommar: O Mal Não Espera a Noite gerou expectativa ao apresentar um trailer abstrato e repleto de simbolismos. O filme recém-lançado, no entanto, deixa a desejar por conta de alguns problemas apresentados, especialmente no que se refere à lentidão da narrativa. A história gira em torno do casal Dani (Florence Pugh) e Christian (Jack Reynor), que não vê hora de terminar o relacionamento com sua namorada por considerá-la muito dependente. No entanto, quando uma tragédia familiar deixa Dani sem perspectivas, Christian a convida para uma viagem à Suécia, para uma pequena comunidade que vive isolada da sociedade. Acompanhado pelos amigos de Christian, o casal parte para a aldeia, que é conhecida por ter um estilo de vida próprio e vários rituais, como o Midsommar. A princípio, tudo parece divertido e aconchegante, mas conforme os dias passam, o grupo de amigos percebe que está em uma comunidade assustadora e repleta de segredos. O ponto alto do filme é que ele não apresenta um suspense clichê. Ao invés de noites assustadoras, pouca luz e personagens tipicamente sinistros, o filme demonstra que o mal pode estar em pessoas sorridentes, vestidas de branco, com flores na cabeça e em comunhão com a natureza. Outro aspecto positivo é acompanhar o quanto os personagens centrais vão se modificando ao longo da história, seja por influência do local ou por traumas mal resolvidos. Entretanto, a narrativa arrastada prejudica muitos aspectos que poderiam ser mais bem desenvolvidos. Durante boa parte do longa-metragem, por exemplo, são apresentados diversos elementos que poderiam fazer do filme uma obra tão rica em simbolismos quanto Mãe (Darren Aronofsky), que inclusive tem uma fotografia bem parecida com a de Midsommar: O Mal Não Espera a Noite. De forma geral, o novo filme de Ari Aster tinha tudo para ser reflexivo, provocador e nada convencional. Mas na prática, acabou se tornando decepcionante e arrastado, mesmo que tenha seu mérito por ser corajoso e experimental. Veja Mais

Bolsonaro tentou comprar deputados com cargos, diz líder do PSL na Câmara

O Tempo - Política Delegado Waldir afirma que o presidente queria que os parlamentares assinassem lista favorável à colocação de Eduardo Bolsonaro como novo líder da bancada na Câmara Veja Mais

Aaron Paul conta a evolução do bordão “bitch” em Breaking Bad; assista

Aaron Paul conta a evolução do bordão “bitch” em Breaking Bad; assista

R7 - Música Aaron Paul Breaking Bad Bitch Tenho Mais Discos Que Amigos Reprodução/YouTube Aaron Paul continua promovendo El Camino, filme derivado de Breaking Bad, e agora de uma maneira pra lá de divertida. Em um vídeo promocional para a Netflix, o intérprete de Jesse Pinkman explica o bordão 'bitch', usado pelo personagem a todo momento no seriado. Enquanto assiste a algumas cenas da série, Paul dá detalhes dos bastidores e ainda faz piada com alguns momentos. Por exemplo, Aaron diz que em determinada cena Pinkman usa seu 'bitch' para ganhar confiança, enquanto em outra ele usa como um 'conforto'. Assista abaixo! El Camino https://www.youtube.com/watch?v=woN8pnA5_wk O filme já está disponível na Netflix e, ao contrário do hype, não tem recebido tantas críticas positivas. LEIA TAMBÉM: Criador de Breaking Bad explica operação de guerra para esconder surpresa da mídia em 'El Camino' Veja Mais

Guerra religiosa ou conflito político?

G1 Pop & Arte Há algumas semanas, sem mais aquela, comecei a receber muitas mensagens de WhatsApp. A maioria exortava-me a votar para eleger membros do Conselho Tutelar do município do Rio de Janeiro. Não sabia que a eleição para os Conselhos Tutelares era uma atribuição de todos os cidadãos, nem tinha ideia de que era um pleito nacional e englobava os mais de cinco mil municípios brasileiros. Decidi cumprir meu dever cívico, mas fui votar com certo desconforto. Explico. Entre as mensagens havia muitas advertindo abertamente ser preciso impedir que candidatos “evangélicos” assumissem os postos e fizessem deles trampolim para seu projeto político de “direita”. A caminho da minha zona eleitoral fui pensando se era justo não votar em “protestantes”. Havia lido na internet pequenas biografias sobre os candidatos com os da região administrativa referente ao meu local de residência. Escolhi um sem pensar em religião, até por que nenhum deles afirmava a sua fé. Optei por uma mulher cuja biografia me pareceu interessante. Discutindo com amigos depois da votação perguntei se não havia algo errado nas mensagens que se manifestavam contra o voto em evangélicos. Defendi que o fato de muitos deles serem de “direita”, terem um projeto político ou verem Jesus na goiabeira, não faz de todos os evangélicos pessoas perigosas. Alguns dos meus interlocutores concordaram comigo, mas outros me responderam rispidamente dizendo que os neopentecostais, especialmente os da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), eram teleguiados pelos pastores que tinham, sim, um projeto político perigoso. Refleti sobre o tema ao longo das semanas seguintes à votação para o Conselho Tutelar e sobre meu desconforto diante do que me pareceu “intolerância religiosa”, algo como culpar todos os muçulmanos pelos ataques terroristas, mal comparando. Para reafirmar o meu pensamento volto ao passado para lembrar a primeira vez em que um candidato a senador pelo Rio de Janeiro, progressista e apoiado pela Igreja católica foi derrotado por um bispo neopentecostal e bispo da IURD, o atual prefeito Marcelo Crivella. A eleição de 2002 talvez tenha sido o início desta guerra religiosa e política vivida hoje com intensidade muito mais profunda e com outros personagens, ou quase. Na famosa eleição de 2002, na qual Brizola, candidato pela terceira vez ao governo aos oitenta anos, perdeu as eleições, Artur da Távola (pseudônimo de Paulo Alberto Artur da Távola Moretzsonh Monteiro de Barros) era o candidato mais forte ao senado. Político tradicionalmente apoiado pela Igreja católica, fundador do PSDB e jornalista renomado, em sua campanha atacava Marcelo Crivella usando o caso do “chute na santa”– um pastor da IURD que desferiu golpes contra uma imagem de Nossa Senhora Aparecida em um programa televisivo no dia da padroeira em 1995. A ascensão e vitória de Crivella foi vertiginosa e esta foi a maior derrota da aliança entre a Igreja Católica e os, digamos, “progressistas”. Temos memória muito curta. Esquecemos o passado com facilidade, mas enquanto a sociedade muda rapidamente e os protestantes crescem avassaladoramente, vemos estratégias políticas tradicionais se repetirem: desde 2002 o ataque aos candidatos neopentecostais e evangélicos se faz desqualificando a religião e a intenção eleitoreira deles, e os críticos parecem não olhar para o seu próprio umbigo. Será que a história política do Rio de Janeiro teria sido diferente se a disputa não tivesse sido enfrentada com essas acusações ao protestantismo ou “neopentecostalismo”? Lendo matéria da revista Isto É de 5/10/2019 sobre a eleição para os Conselhos Tutelares constatei existir mesmo uma guerra de mensagens via WhatsApp na qual participavam as igrejas neopentecostais, a Igreja Católica, os partidos de oposição e o partido do prefeito. O desfecho dessa “guerra recente” na nossa cidade parece ter favorecido os partidos de oposição, pois a candidata mais votada com mais de quatro mil votos foi uma moça de um partido oposicionista. Será preciso uma avaliação acurada desta votação para saber o que se passou em outros municípios do País e mesmo em outras regiões da cidade maravilhosa. Veja Mais

'Lançamento' de Alckmin a governador em 2022 e cria saia-justa a Doria

O Tempo - Política Tucano já governou o estado por mais de 12 anos e disputou a presidência em 2018, ficando em quarto lugar com apenas 5% dos votos Veja Mais

Bateria do smartphone durando 4 VEZES MAIS? É possível, e custa baratinho!

Bateria do smartphone durando 4 VEZES MAIS? É possível, e custa baratinho!

canaltech *IMPORTANTE: fique atento à data de publicação desta matéria, pois todos os preços e promoções estão sujeitos à disponibilidade de estoque e duração da oferta, que tem tempo limitado. Alterações de preço podem ocorrer a qualquer momento, sem prévio aviso. O preço ou valor total do produto poderá ser alterado de acordo com a localidade considerando frete e possíveis impostos interestaduais. Esta matéria é fruto de uma parceria com o Magazine Luiza e traz uma oferta especial para os leitores do Canaltech. Saiba tudo sobre a loja Magazine Você no vídeo que gravamos na sede do Magalu:   Você ainda não se rendeu à praticidade dos power banks? Então imagino que você seja aquele tipo de pessoa que ou está sempre procurando uma tomada para plugar seu carregador, ou acaba pedindo para os amigos um carregador portátil emprestado. Mas seus problemas acabaram: chegou a hora de comprar seu próprio power bank, e estamos falando de um aparelho de qualidade, pois a fabricante dele é ninguém menos do que a Samsung. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Afinal, as baterias "eternas" de grafeno ainda são apenas um conceito, então por enquanto temos que nos contentar com as baterias de íons de lítio mesmo. E, ainda que existam dicas de como cuidar da bateria de seu smartphone para que ela dure o máximo possível, é fato que esses componentes acabam tendo a vida útil reduzida após um tempo de uso — então os power banks acabam fazendo o papel de melhores amigos nessas horas. Dois modelos da Samsung estão com preços excelentes no Magazine Luiza, e você confere um pouco sobre eles logo abaixo. Power Bank Samsung EB-P1100CSPGBR 10.000 mAh Este power bank conta com as tecnologias AFC (Adaptive Fast Charging) e Quick Charge 2.0 para que o carregamento da bateria seja ainda mais veloz, e o aparelho ainda oferece proteção contra sobrecarga de corrente para que você fique tranquilo ao carregar seus aparelhos sem se preocupar com qualquer dano que possa ser causado ao smartphone. Ainda, graças às duas portas presentes, a bateria portátil carrega dois dispositivos ao mesmo tempo, o que é ainda mais conveniente no dia a dia. Isso porque a bateria é compatível com vários dispositivos tanto da Samsung quanto de outras marcas, desde que usem conexão USB. Então, você carrega smartphones e vestíveis, como smartwatches, à vontade. A capacidade do power bank é de nada menos do que 10.000 mAh, e o produto, além de tudo, é fino, leve e ergonômico, pesando apenas 220 gramas e medindo 9,57 cm de largura, por 24,3 de altura e 2,96 cm de profundidade. Na promoção imperdível do Magalu, este power bank Samsung está custando só R$ 99 e o frete é grátis, ainda por cima. Na loja oficial da marca, o preço é de R$ 199, então está valendo muito a pena mesmo! Power Bank Samsung EB-U1200CPPGBR 10.000 mAh Outra opção também com 10.000 mAh de capacidade é esta aqui, com a diferença de que este outro modelo permite o carregamento por indução, livre de fios. Então, dispositivos compatíveis com a tecnologia Qi podem ser usados aqui, como é o caso dos Galaxy S10 lançados neste ano, além do smartwatch Galaxy Watch Active. Mas o carregador também funciona em dispositivos de outras marcas, desde que sejam compatíveis com tal tecnologia. Também são compatíveis iPhone 8, iPhone X, iPhone XR, iPhone XS e iPhone XS Max. O aparelho também oferece carregamento rápido por meio da tecnologia Fast Wireless Charging, e você pode carregar até dois aparelhos simultaneamente. É só plugar um deles na porta USB-C enquanto o outro fica apoiado em cima do power bank para ser carregado sem fios. Prático, não? Este modelo está custando R$ 169 à vista ou em 4x sem juros na promoção do Magazine Luiza, e o frete também é grátis! Ah, o preço dele na loja oficial da Samsung é de R$ 319, então olha só que ótimo negócio! *O Canaltech Ofertas tem como objetivo informar seus leitores e publicar as melhores ofertas encontradas no varejo brasileiro. Entretanto, não nos responsabilizamos por alterações posteriores nos preços informados, uma vez que as ofertas aqui apresentadas podem ter diferentes períodos de vigência. Recomendamos aos nossos leitores que sigam nossas publicações e participem do nosso grupo de descontos no WhatsApp e também do grupo no Telegram para receber as melhores indicações de ofertas assim que elas forem publicadas. O que é o Magazine Você? Acessou os links e não entendeu o que é o Magazine Você? Trata-se do canal de divulgação das ofertas do site Magazine Luiza, conforme consta em comunicado oficial. Somos um dos parceiros oficiais de divulgação e nossa loja chama-se Magazine Canaltechbr. Todo o processo de cobrança, faturamento e logística é feito pelo próprio Magazine Luiza que, além do site, possui mais de 900 lojas físicas espalhadas pelo Brasil. Uma dúvida comum de nossos leitores é o motivo dos preços em nossa loja serem muitas vezes diferentes dos anunciados no site principal do Magazine Luiza. O motivo é que o Magazine Você recebe ofertas exclusivas que não são divulgadas no site principal. Então aproveite as promoções e acesse nossa loja para garantir ofertas exclusivas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Testado e aprovado: Facebook libera novo visual com tema escuro para web Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Veja Mais

Lendário! Orlando Drummond, dublador do Vingador e Scooby Doo, completa 100 anos

Lendário! Orlando Drummond, dublador do Vingador e Scooby Doo, completa 100 anos

canaltech Nesta sexta-feira (18), o ator e dublador Orlando Drummond está completando 100 anos. Responsável por verdadeiros marcos em diversas gerações, o aniversariante teve vários trabalhos na televisão, emprestando a voz a personagens como Scooby Doo, Popeye, Alf e Vingador, da Caverna do Dragão. Um de seus principais trabalhos foi como o Seu Peru, no clássico humorístico A Escolinha do Professor Raimundo, protagonizada por Chico Anysio. O ator, que nasceu no Rio de Janeiro, ingressou no mercado de atuação e dublagem em 1942, e a sua carreira teve início nas rádios. Foi por meio da interpretação do personagem Seu Peru que Orlando Drummond passou a ter o rosto mais conhecido pelo público. "Antes eu era do rádio e da televisão, mas eu não tinha cara. A minha cara era a dos personagens, como o Scooby Doo, o Popeye, o Alf. Quando eu passei a fazer o Seu Peru, as pessoas começaram a falar: ‘é o Seu Peru que faz o Scooby Doo, o Popeye’ e outros tantos personagens que enumerá-los é até difícil", o ator chegou a declarar durante uma entrevista à Globo. Drummond chegou a entrar no Guinness Book, o livro dos Recordes, por ter dado voz ao Scooby-Doo por nada menos que 35 anos (de 1975 a 2010). No Twitter, vários internautas aproveitaram a ocasião para parabenizar o ator pelo seu trabalho e prestar homenagens. "Um século de vida e possivelmente mais personagens em sua carreira do que as velas do seu bolo. Feliz aniversário, gênio", um dos fãs chegou a escrever. "Feliz centésimo aniversário ao nosso querido Orlando Drummond! Um comediante genial e uma das maiores lendas da dublagem brasileira", outro escreveu. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Dentre as homenagens nas redes sociais, uma que se destaca é a de Guilherme Briggs, colega de profissão de Drummond, já que também empresta a sua voz a diversos personagens (como Cosmo, de Os Padrinhos Mágicos e Buzz Lightyear, de Toy Story, por exemplo). "Um século de uma vida que me ensina e inspira diariamente. Te amo", Briggs escreveu. Hoje o meu querido mestre Orlando Drummond completa 100 anos. Ele nasceu nesse mundo através do amor e o iluminou, carregando em suas veias o humor, que doou constantemente e sem se cansar ou reclamar. Um século de uma vida que me ensina e inspira diariamente. Te amo.❤ pic.twitter.com/CVRMS0ag4I — Guilherme Briggs (@GuilhermeBriggs) 18 de outubro de 2019 Em julho deste ano, a Globo prestou uma homenagem ao ator, levando-o para as gravações do remake da Escolinha do Professor Raimundo. Na ocasião, o Seu Peru original ficou lado a lado com o Seu Peru interpretado por Marcos Caruso, o que rendeu grandes emoções. "Não tem preço. Toda vez enquanto eu estiver vivo, estarei presente com muito amor e muito carinho. Obrigado, obrigado", Drummond afirmou, no vídeo:   Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência GARANTA O SEU | iPhone 8 pelo menor preço histórico já registrado! Saiba o que é uma "VSCO Girl", novo estilo das redes sociais Não são aliens! Astrônomos estudam estrela bizarra e continuam sem resposta Curiosity e InSight são fotografados por sonda orbital da NASA em Marte Veja Mais

Vivo inicia vendas da família iPhone 11 a partir de R$ 2.999, na contratação de plano

tudo celular A empresa oferece os três novos modelos da Apple com preços reduzidos, caso queira vincular a compra a um plano de celular. Veja Mais