Meu Feed

No mais...

Backer terá que informar pontos de venda e quantidade de cervejas contaminadas, diz secretário

G1 Economia Segundo Luciano Timm, da Secretaria Nacional do Consumidor, multa pode chegar a R$ 9,9 milhões se houver descumprimento. Polícia achou substância tóxica em cerveja; Backer nega uso. Ministério da Agricultura manda recolher produção da cervejaria Backer O secretário nacional do Consumidor, Luciano Timm, informou nesta segunda-feira (13) que a cervejaria Backer terá que fazer uma campanha para informar os pontos de venda e a quantidade de cervejas que podem estar contaminadas. A secretaria é subordinada ao Ministério da Justiça. Mais cedo, nesta segunda, o Ministério da Agricultura informou ter intimado a cervejaria a fazer um recall de todas as cervejas e chopes da empresa e a suspender a venda de qualquer produto da marca. As medidas foram adotadas porque na semana passada a polícia encontrou dietilenoglicol em cervejas da Backer. Ao todo, 17 casos de intoxicação já foram notificados em Minas Gerais, segundo a Secretaria de Saúde do estado. A substância é um solvente orgânico altamente tóxico que causa insuficiência renal e hepática e pode levar à morte em caso de ingestão. A Backer diz que não usa a substância. Segundo o Ministério da Justiça, a Backer terá de: informar pontos de venda; quantidade de cervejas contaminadas; potenciais consumidores em risco; gastos com campanha de comunicação; número de propagandas na TV, no rádio e na internet; alcance da campanha. Segundo o secretário Luciano Timm, se descumprir essas regras e não repassar as informações, a empresa pode ser multada em até R$ 9,9 milhões, segundo a portaria 618/19, que trata do recall. Luciano Timm informou ainda que a Backer já foi comunicada da decisão. Initial plugin text Veja Mais

Modelo Gigi Hadid está entre possíveis jurados do julgamento de Harvey Weinstein por estupro

G1 Pop & Arte Seleção do júri do julgamento do ex-produtor continuou nesta segunda-feira. Modelo disse que poderia ser imparcial mesmo conhecendo vítimas e acusado. Gigi Hadid no desfile da Chanel Reprodução/Instagram A seleção do júri do julgamento do ex-produtor de cinema Harvey Weinstein por estupro continuou nesta segunda-feira. Neste momento, o juiz e os advogados do caso escolhem um grupo de doze possíveis jurados, entre eles a modelo Gigi Hadid, para decidir o destino do réu. Hadid disse ao juiz James Burke que conheceu Weinstein, assim como a atriz Salma Hayek, que pode ser chamada como testemunha ou ser mencionada no julgamento. Apesar disso, Hadid disse que pode ser imparcial. Dezenas de outros potenciais jurados foram dispensados depois de afirmarem que não poderiam ser imparciais, apesar de não darem um motivo para isso. Weinstein, de 67 anos, se declarou inocente das acusações de agressão de duas mulheres em Nova York. Ele enfrenta o risco de uma pena de prisão perpétua se for condenado pela acusação mais grave, a de agressão sexual predatória. O julgamento começou em 6 de janeiro e pode durar até dois meses. Mais 80 acusações Harvey Weinstein chefa ao tribunal de Nova York para julgamento de casos de agressão sexual no começo de janeiro AP Photo/Seth Wenig Desde 2017, mais de 80 mulheres, incluindo atrizes famosas, acusaram Weinstein de conduta sexual inapropriada em casos de até décadas atrás. O produtor negou as acusações e afirmou que as relações sexuais foram consensuais. As acusações ajudaram a impulsionar o movimento #MeToo, no qual mulheres vieram a público com acusações de conduta sexual inapropriada contra homens poderosos nos negócios, na indústria de entretenimento e na política. Antes um dos produtores mais poderosos de Hollywood, Weinstein deixou sua marca com filmes aclamados pela crítica, como "Shakespeare Apaixonado" e "O Paciente Inglês". A seleção do júri do caso Weinstein está em sua primeira fase, e os jurados em potencial serão pré-analisados para se descartar comportamentos tendenciosos. Uma fase mais intensiva deve começar na quinta-feira (16), quando advogados farão perguntas mais detalhadas para os jurados. O juiz disse nesta segunda-feira que 108 de 360 potenciais jurados convocados na semana passada passaram por uma pré-avaliação. Ainda no dia 6 de janeiro, a procuradora do distrito de Los Angeles, Jackie Lacey, anunciou novas acusações de agressão sexual contra Weinstein. Veja Mais

Soundgarden, Judas Priest e mais são finalistas do Hall da Fama do Rock

Soundgarden, Judas Priest e mais são finalistas do Hall da Fama do Rock

R7 - Música Chris Cornell do Soundgarden em 2012 Tenho Mais Discos Que Amigos Foto de Chris Cornell via Shutterstock O Hall da Fama do Rock and Roll de 2020 está chegando e já temos alguns prováveis induzidos. Soundgarden, Dave Matthews Band, Judas Priest e mais são os favoritos dos fãs. O resultado da votação pública saiu nesta segunda-feira (13) e ainda tem Pat Benatar e The Doobie Brothers. Como sempre, a decisão ficará com o time de especialistas da indústria -- o top 5 da votação dos fãs conta como 1 ponto para cada nome na decisão final. O Priest usou o Facebook para agradecer aos fãs pelo feito: Um grande obrigado do Metal à nossa família Priest por votar muito e defender o Judas Priest na votação de fãs do Hall da Fama do Rock and Roll em 2020 -- nós conseguimos e ficamos entre o top 5 através do seu amor e apoio. Qualquer que seja o resultado, somos abençoados com os melhores fãs de Metal do mundo do Heavy Metal! Esta edição ainda tem indicados como Whitney Houston, Depeche Mode, Motörhead, Nine Inch Nails e mais. Confira a lista completa com a relação de votos abaixo. 1. Dave Matthews Band: 1,005,657 votos 2. Pat Benatar: 882,207 votos 3. The Doobie Brothers: 784,729 votos 4. Soundgarden: 722,931 votos 5. Judas Priest: 675,434 votos 6. Whitney Houston: 593,374 votos 7. Depeche Mode: 563612 votos 8. Thin Lizzy: 556,476 votos 9. Motorhead: 512,918 votos 10. Todd Rundgren: 440,898 votos 11. Nine Inch Nails: 380,869 votos 12. T.Rex: 365,290 votos 13. The Notorious B.I.G.: 275,892 votos 14. Rufus Featuring Chaka Khan: 166,596 votos 15. Ktaftwerk: 163,667 votos 16. MC5: 160,685 votos Veja Mais

Por que o WhatsApp vai parar de funcionar em alguns celulares?

Por que o WhatsApp vai parar de funcionar em alguns celulares?

canaltech Que o WhatsApp vai parar de funcionar este ano nós já sabemos. Você muito provavelmente não terá com o que se preocupar, uma vez que a ferramenta só irá desaparecer de smartphones que já estão com software defasado há anos. Nestes aparelhos, o aplicativo não oferecerá mais suporte para algumas versões do Android e também do iOS. Por isso, se a versão do sistema que você usa é antiga, é melhor ficar de olho. A justificativa dada pelo Facebook (dono do WhatsApp desde 2014), é que a iniciativa tem como finalidade a garantia de segurança para os usuários do WhatsApp, uma vez que sistemas antigos são mais difíceis de serem protegidos devido à ausência de atualizações. No entanto, mesmo sendo por uma boa causa, a decisão deverá afetar milhões de pessoas. WhatsApp duplo: como usar duas contas do WhatsApp no mesmo celular WhatsApp vai parar de funcionar em alguns celulares O WhatsApp não será removido desses smartphones, mas deixará, aos poucos, de realizar determinadas funções. Além disso, a ausência de atualizações de software também o tornará cada vez mais vulnerável. Atualmente, o mensageiro oferece suporte para as versões do Android a partir do 4.0.3 Ice Cream Sandwich, e para o iOS 9 ou superior. Além disso, o sistema KaiOS 2.5.1, utilizado em smartphones mais básicos, também possui suporte para o mensageiro. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Em quais celulares o WhatsApp vai parar de funcionar? Até agora, o WhatsApp confirmou que encerrará este ano o suporte para o Android 2.3.7 Gingerbread e todas as versões anteriores do software. Isso inclui smartphones que foram fabricados em 2011 ou em anos anteriores, bem como os que jamais foram atualizados para o Android 4.0. No que diz respeito ao iOS, o WhatsApp vai parar de funcionar para todos os iPhones rodando o iOS 8 ou versões anteriores do sistema, o que certamente irá impactar a vida de muitas pessoas, uma vez que isso engloba o iPhone 4, o iPhone 3GS, o iPhone 5 e modelos mais antigos, que não receberam atualização para o iOS 9. Estima-se que a quantidade de pessoas que ainda utilizam esses aparelhos é de 63 milhões. Usuários do Windows Phone, por sua vez, já iniciaram 2020 sem acesso às funcionalidades do WhatsApp. O aplicativo parou de funcionar no dia 1º de janeiro para aparelhos Nokia, Samsung e de outras marcas que utilizavam o sistema operacional da Microsoft. Aprenda a desativar uma conta do Whatsapp caso seu celular seja roubado Qual é o prazo para o WhatsApp parar de funcionar? Usuários de smartphones com um software defasado terão até o dia 1º de fevereiro para trocar de celular ou atualizar seu software (caso seja possível). O prazo vale para quem já tinha o aplicativo instalado, uma vez que ele não poderá mais ser encontrado na Play ou App Store desde o anúncio da desativação. Vale reforçar, conteúdo, que o WhatsApp não garante o funcionamento integral do aplicativo. Descubra a seguir a versão do software de seu smartphone e evite que o WhatsApp pare de funcionar: Android Para descobrir a versão do software de um Android, basta acessar o menu “Sobre o telefone” e selecionar “Versão Android”. Caso seu celular seja Samsung, toque em “Informações do software” para fazer a verificação. Checando a versão de software do Android (Captura de tela: Ariane Velasco) iPhone Se você usa um iPhone, vá até “Ajustes” e encontre o menu “Geral > Sobre”. Depois, verifique o sistema em “Versão do software”. Verifique a versão do software de seu iPhone (Imagem: Reprodução/Apple) É importante lembrar, novamente, que o WhatsApp não irá parar de funcionar para todos os modelos de smartphones antigos, somente os que foram fabricados em 2012 ou anos anteriores. O Galaxy S3, por exemplo, embora antigo, possui Android acima do 4.0 e continuará rodando o aplicativo normalmente. Além disso, iPhones a partir do 5S também estão seguros desde que tenham sido devidamente atualizados para o iOS 9. Você sabia desta mudança? O que pensa sobre ela? Compartilhe sua opinião com a gente nos comentários. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Com vendas de 100 mil unidades do Mate X por mês, Huawei não bate Samsung Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

A lista dos 10 filmes mais pirateados da semana (13/01/2020)

A lista dos 10 filmes mais pirateados da semana (13/01/2020)

Tecmundo Uma nova semana está começando e com ela temos a atualização do ranking dos filmes mais pirateados divulgado a cada sete dias pelo TorrentFreak. Presença constante nas últimas edições, Coringa volta a ocupar a liderança, algo que pode ter relação com os prêmios conquistados recentemente por Joaquin Phoenix (ele ganhou o Globo de Ouro e o Critics’ Choice Awards de Melhor Ator).Leia também: Coringa: filme com Joaquin Phoenix investiga violência (crítica)Leia mais... Veja Mais

Autoridades britânicas e americanas se reúnem enquanto Johnson decide sobre 5G

R7 - Economia Autoridades americanas e britânicas fazem reuniões enquanto o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, se prepara para decidir se há um futuro para a gigante de tecnologia chinesa Huawei nas redes 5G do país, segundo o porta-voz do governo britânico James Slack. "A segurança e a resiliência da rede de telecomunicações do Reino Unido são de suma importância", disse Slack a repórteres. "Temos controles rigorosos sobre como os equipamentos da Huawei estão atualmente implantados no Reino Unido. O governo está realizando uma revisão abrangente para garantir a segurança e a resiliência do 5G no Reino Unido", acrescentou. Ele disse que o governo continuará avaliando a segurança da rede 5G e informará o parlamento quando tomar uma decisão. O governo dos EUA tem pressionado os aliados europeus a excluirem a Huawei de novas redes móveis 5G, com receio de ciberespionagem por parte da China. Fonte: Associated Press Veja Mais

O bilionário japonês que busca mulher 'companheira de vida' para passeio à Lua

Glogo - Ciência Yusaku Maezawa, de 44 anos, será o primeiro turista a dar uma volta ao redor do satélite natural da Terra. Maezawa disse ainda que vai convidar até oito artistas para se juntar a ele no espaço Getty Images/BBC O bilionário japonês Yusaku Maezawa está em busca de uma "companheira de vida" para acompanhá-lo em sua viagem à Lua. O magnata da indústria de moda, de 44 anos, será o primeiro turista a dar uma volta ao redor do satélite natural da Terra. A missão espacial, prevista para 2023, será conduzida pela empresa de exploração aeroespacial SpaceX, do empreendedor Elon Musk, a bordo da nave Starship. A última jornada do homem à Lua foi realizada em 1972. Em um anúncio feito online, Maezawa diz que deseja compartilhar a experiência com uma mulher "especial". O empresário, que recentemente se separou da namorada, a atriz Ayame Goriki, de 27 anos, pediu às mulheres interessadas que se inscrevam em seu site. "À medida que sentimentos de solidão e vazio começam a surgir lentamente, há uma coisa em que penso: continuar amando uma mulher", escreveu Maezawa. "Quero encontrar uma 'companheira de vida'", acrescentou. "Com essa minha futura parceira, quero gritar nosso amor e a paz mundial do espaço sideral." Initial plugin text O site apresenta uma lista de condições e um cronograma para o processo seletivo. As condições, redigidas no mesmo estilo de um perfil de aplicativo de relacionamento, dizem que as candidatas devem ser solteiras, com mais de 20 anos, otimistas e ter interesse em ir para o espaço. O prazo para as inscrições se encerra no dia 17 de janeiro — e a companheira de Maezawa deve ser escolhida até o fim de março. Excêntrico que ganhou fama como baterista da banda de punk rock Switch Style, Maezawa é mestre em proezas para chamar a atenção. No início deste mês, ele prometeu compartilhar 100 milhões de ienes (cerca de R$ 3,7 milhões) entre seis pessoas escolhidas aleatoriamente que compartilhassem um de seus tuítes. "Para participar, tudo que você precisa fazer é me seguir e dar um RT neste tuíte", escreveu. Fundador da loja virtual de roupas japonesa Zozo Inc, Maezawa fez sua fortuna no mundo da moda. Estima-se que ele tenha um patrimônio pessoal de quase US$ 3 bilhões (aproximadamente R$ 12,2 bilhões), dos quais investe grande parte em obras de arte. Ele se tornou mais conhecido internacionalmente no fim do ano passado, depois de ter sido anunciado como o primeiro passageiro particular a dar uma volta ao redor da Lua pela SpaceX. O preço que Maezawa concordou em pagar pela passagem para o espaço não foi divulgado, mas, segundo Elon Musk, foi "muito dinheiro". O empresário japonês afirmou ainda que planeja levar um grupo de artistas com ele no voo. VÍDEOS SOBRE A LUA Nasa desenvolve trajes para mulheres pisarem na Lua Especial Lua – A conquista do espaço (Episódio 01) Veja Mais

CT News - 13/01/2020 (Implementação do 5G no Brasil só em 2022, diz ministro)

CT News - 13/01/2020 (Implementação do 5G no Brasil só em 2022, diz ministro)

canaltech No CT News em podcast de hoje: Marcos Pontes estima implementação do 5G no Brasil apenas para 2022; receita de anúncios deve levar Alphabet a US$ 1 trilhão em valor de mercado; Uber deve sair da Colômbia após decisão judicial e mais. Ouça ao podcast. Veja Mais

Índices acionários dos EUA batem recordes por otimismo com comércio

G1 Economia Empresas do segmento de tecnologia foram o destaque na sessão desta segunda-feira. Apple, Alphabet e outras empresas do segmento de tecnologia levaram os índices acionários dos EUA a patamares recordes nesta segunda-feira (13), alimentados pelo otimismo sobre a assinatura de um acordo comercial preliminar entre Estados Unidos e China e também pela proximidade da divulgação de balanços corporativos do quarto trimestre. O Dow Jones subiu 0,29%, terminando em 28.907,05 pontos, enquanto o S&P 500 teve alta de 0,70%, para 3.288,13 pontos, máxima histórica para um encerramento. O Nasdaq saltou 1,04%, para 9.273,93 pontos, também um recorde. Wall Street Lucas Jackson/Reuters Apple, Facebook, Netflix, Microsoft e Amazon.com Inc - que têm sustentado o mais longo movimento de alta nas ações norte-americanas - estiveram entre os principais impulsos aos recordes para o S&P 500 e o Nasdaq nesta sessão. Apple avançou 2,14% para fechar em um novo recorde. Também em uma nova marca, Alphabet, dona do Google, avançou 0,8%, elevando seu valor de mercado para US$ 993 bilhões. Uma redução das tensões no Oriente Médio e a Fase 1 do acordo comercial entre EUA e China, que deve ser assinada em Washington na quarta-feira, incentivaram apostas mais arriscadas ao longo da última semana. "As pessoas estão otimistas em relação aos balanços e também estão aliviadas que a situação do Irã na semana passada não acabou ficando pior do que estava, e as pessoas estão felizes que China e EUA estejam se unindo para assinar a fase 1 do acordo comercial. Há muitos motivos para ser otimista", disse Jake Dollarhide, diretor executivo da Longbow Asset Management em Tulsa, Oklahoma. Investidores estão aguardando os balanços de grandes bancos. JPMorgan Chase & Co, Citigroup Inc. e Wells Fargo & Co iniciam a temporada de resultados do quarto trimestre a partir de terça-feira. Analistas esperam que os lucros das empresas do S&P 500 recuem 0,6% pelo segundo trimestre consecutivo, de acordo com dados da Refinitiv IBES. Muitos investidores, no entanto, já estão atentos a chances de lucros potencialmente mais satisfatórios quando EUA e China resolverem sua disputa comercial. Veja Mais

Brasil teve aumento de 488% nos casos de dengue em 2019

Glogo - Ciência As doenças ligadas ao mosquito Aedes aegypti cresceu 248% no ano passado, segundo o Ministério da Saúde. Casos de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti aumentam 248% O Brasil registrou 1.544.987 casos de dengue em 2019, um aumento de 488% em relação a 2018, segundo dados do Ministério da Saúde. Desses, 782 pessoas morreram em todo o país. No ano passado, o Brasil também registrou 10.708 casos de Zika, com 3 mortes, e 132.205 ocorrências de chikungunya, com 92 mortes, um aumento, respectivamente, de 52% e de 30% em relação aos casos de 2018. Juntando todos os casos de dengue, Zika e chikungunya, houve um aumento de 248% no registro das doenças transmitidas pelo mosquido do Aedes aegypti em 2019. Estudo relaciona desnutrição de mães com agravamento dos efeitos do vírus da zika na malformação de fetos O Ministério da Saúde publicou um comunicado no dia 10 alertando a população que o "verão é o mais propício à proliferação do mosquito Aedes aegypti, por causa das chuvas, e consequentemente é a época de maior risco de infecção por essas doenças". O Ministério da Saúde convoca a população brasileira a continuar, de forma permanente, com a mobilização nacional pelo combate ao mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, doenças que podem gerar outras enfermidades, como microcefalia e Guillain-Barré, o Aedes Aegypti, publicou o órgão. São Paulo O estado de São Paulo foi responsável por mais de 33% dos casos de dengue seguidos de morte no país, com 400.184 casos registrados, seguidos por 263 óbitos. Os dados são da Secretaria da Saúde estadual. Mayaro, dengue, zika e chikungunya: veja semelhanças e diferenças entre os vírus Em nota, a Secretaria afirmou que o aumento dos casos pode ser explicado pela circulação no país de um novo sorotipo de dengue, mais forte que o sorotipo em circulação até 2018. Veja a nota: A dengue é uma doença sazonal, com oscilação de casos e aumento a cada três/quatro anos, em média. Em 2015, por exemplo, houve um recorde de infecções. Desde 2019, devido a circulação do sorotipo 2 de dengue, mesmo os pacientes que já tiveram dengue tipo 1, por exemplo, estão suscetíveis a infecções, o que contribui para o aumento de casos e até mesmo para a ocorrência de quadros clínicos mais graves. O órgão também informou que cerca de 80% dos criadouros do mosquito Aedes aegypti estão em residências e, por isso, "o enfrentamento ao Aedes é uma tarefa contínua e coletiva". Veja Mais

Mars 2020: rover da NASA entra em fase final de testes

Mars 2020: rover da NASA entra em fase final de testes

Tecmundo Os técnicos e cientistas da NASA estão a menos de seis meses dos chamados “Sete Minutos de Terror”: essa é a janela de tempo mais angustiante, quando um rover da agência espacial americana manobra para descer na superfície de Marte (confira o vídeo abaixo). O Mars 2020 entrou na fase final de testes e ajustes e, para isso, agora vive em um ambiente asséptivo e de condições controladas.Por ser uma missão astrobiológica, o rover foi transferido para o High Bay 1, um galpão esterilizado (o chamado clean room, ou “câmara limpa”) no Laboratório de Propulsão a Jato (JPL, sigla em inglês) da NASA em Pasadena, na Califórnia. “Imagine descobrir, ao examinar uma amostra: 'Ei, essa está com o meu cabelo!’”, explicou o gerente de Operações de Montagem, David Gruel.Leia mais... Veja Mais

Fóssil de "chiclete" revela germes e DNA de quem o mascou há quase 6 mil anos

Fóssil de

canaltech Pense rápido: há quantos anos você acha que foi "inventada" a goma de mascar? A resposta aproximada pode ter sido atualizada recentemente: com uma espécie de chiclete natural, de uns 2 centímentros, encontrado na Dinamarca, uma equipe de geneticistas foi capaz de extrair uma quantidade sem precedentes de DNA presente na amostra, e sequenciar todo o genoma humano de quem o mascava — no caso, uma jovem mulher apelidada de Lola. A descoberta é um marco, pois foi a primeira vez que, usando qualquer material fossilizado (que não fossem ossos humanos), cientistas fizeram a "engenharia reversa" e conseguiram chegar ao sequenciamento. Mais surpreendente ainda, segundo estudo publicado na revista Nature Communications, é que a equipe de pesquisadores, liderada pelo geneticista Hannes Schroeder, foi capaz de analisar os genes de 40 micróbios preservados da boca de Lola e alguns patógenos — aqueles micróbios que podem causar doenças em seu hospedeiro, como bactérias.  Na amostra de chiclete, foi possível detectar bactérias como a Porphyromonas gingivalis, um germe que pode causar doenças na gengiva, e Streptococcus pneumoniae, ligado à pneumonia. Também foram encontrados traços do vírus Epstein-Barr, da família do herpes, conhecido por causar a mononucleose ou a doença do beijo, como é conhecida popularmente. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- "Agora podemos ver a evolução de patógenos específicos, como o Epstein-Barr, e como esses vírus mudaram em termos de virulência", disse Schroeder. "Ser capaz de obter os genomas desses patógenos antigos permite que você veja como eles evoluíram e se espalharam." Vale lembrar, que a presença da bactéria não significa necessariamente que Lola estava doente, pois os germes, como os da herpes, podem estar presentes em uma pessoa sem manifestar sintomas. A descoberta pode, no entanto, ajudar os cientistas a entenderem melhor como os germes mudaram ao longo de milhares de anos e como eles podem evoluir ainda mais no futuro. Chiclete de 5.700 anos revela muito da história dos germes no planeta (Foto: Theis Jensen/ Business Insider) Goma de bétula e cola Tudo isso só foi possível pela preservação da uma suposta goma de mascar. Especificamente, essa ancestral humano mastigava um pedaço de bétula — uma versão pegajosa e aquecida da casca de uma árvore de bétula (em termos comparativos, uma espécie próxima dos carvalhos) com alcatrão, que é basicamente uma mistura pegajosa de substâncias orgânicas destiladas. "Talvez, assim como as crianças de hoje adoram, isso fosse um tipo de chiclete", afirma o pesquisador Schroeder. "Mas não era doce como chiclete." O geneticista ainda explica que nunca provou a casca de bétula, mas presume ter um sabor amargo. Além disso, o alcatrão — encontrado junto da massa de mascar — pode ter propriedades anti-sépticas e antibacterianas. Os caçadores antigos usavam o alcatrão como um adesivo para colar as pontas das flechas em seus suportes e fixar as lâminas de pedra em cabos de madeira. Também é possível sugerir outros usos, "como aliviar dores de dente ou suprimir a fome", acrescentou Schroeder. Simulação de mulher que viveu há mais de 5.000 anos na Dinamarca (Foto: Tom Björklund/ Business Insider) A história de quem mascou Há cerca de 5.700 anos, a história que permitiu essas descobertas começa com uma mulher que, após se alimentar de uma porção de avelãs e carne de pato, foi mascar um pedaço desse tal chiclete — algo muito comum no século XXI. E depois do chiclete perder o "gosto", essa caçadora e coletora jogou a bétula mastigada em uma lagoa salgada, que é hoje o lago Lolland, na Dinamarca. Desde então, a amostra tinha se mantido preservada até que uma equipe de arqueólogos a descobriu no ano passado. A partir dela, "podemos aprender muito com todo um genoma: história da população, características físicas e características fenotípicas", comenta Schroeder. "É uma riqueza de informações que somos capazes de extrair dessa goma de mascar". Pelas informações descobertas de Lola, os cientistas estimam que ela tinha a pele e os cabelos escuros, além de olhos azuis. Mais do que descobrir sua fisionomia e os germes que trazia, a amostra determinou também suas origens e a história da própria Dinamarca.  Segundo a pesquisa, seus genes estavam mais relacionados aos caçadores e coletores da Europa continental do que os grupos que viviam na Escandinávia na época. Isso diz aos arqueólogos sobre como a Dinamarca foi povoada. Pelo vestígio encontrado, a ideia é que a colonização da Dinamarca tenha começado pelo sul do país, onde fica o lago Lolland.  Com as evidências fósseis encontradas perto da goma de mascar, os cientistas também descobriram que a vila de Lola se alimentava, principalmente, da pesca e da caça como alimento. Até porque ossos de gado, veados e lontras tinham sido depositados na mesma região, ao lado de restos de armadilhas para peixes. Depois de tantas informações descobertas de uma única goma de mascar, vale tomar bastante cuidado na hora de jogar seu chiclete fora.  Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Xbox Series X não terá exclusivos do console no lançamento, confirma Microsoft

Xbox Series X não terá exclusivos do console no lançamento, confirma Microsoft

canaltech A Microsoft vai quebrar a sua própria tradição e não deve lançar o Xbox Series X, o console da próxima geração da empresa, com jogos exclusivos. Ao invés disso, a empresa de Redmond deve valer-se do conceito Play Anywhere e adotar a retrocompatibilidade com jogos do Xbox One e Xbox 360 desde o início, abrindo seu leque de jogos para os jogos de todo o seu catálogo. Segundo o chefe dos estúdios Microsoft, Matt Booty, o desejo da empresa é o de que todos os jogos que ela produzir, independente da plataforma, sejam jogáveis em qualquer lugar, por qualquer dispositivo: “no próximo ano, daqui dois ou quatro anos, todos os nossos jogos, assim como é no PC, serão pulverizados por toda a nossa família de dispositivos. Queremos nos assegurar de que, se alguém investir em um Xbox entre agora e a chegada do Series X, que tenha feito um bom investimento e sinta que nós teremos compromisso com nosso conteúdo”, afirmou em entrevista ao site britânico MCV. O Xbox Series X, próximo console da Microsoft, não contará com jogos exclusivos da plataforma em seu lançamento (Imagem: Divulgação/Microsoft) A notícia não é exatamente nova, já que a própria Microsoft havia confirmado, na E3 2019 (antes da confirmação do Xbox Series X, quando este se chamava apenas “Project Scarlett”) que tentaria fazer com que todos os jogos first party, ou seja, aqueles desenvolvidos por ela própria, fossem jogáveis tanto nos consoles Xbox como no PC, além de dizer no mesmo evento que o Series X rodaria games do Xbox One. A mesma premissa se confirmou com a rival Sony: a fabricante japonesa confirmou que o PlayStation 5 contará com o recurso de retrocompatibilidade — embora ela não tenha dito nada sobre lançamentos específicos de seu próximo console. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- No caso do Series X, o maior lançamento já confirmado para o novo console — Halo Infinite — rodará também no Xbox One e PC. Segundo Booty, porém, esse será o caso com todos os jogos da plataforma, com pelo menos um ano depois de seu lançamento. A premissa pode dar muito certo, ou muito errado para a Microsoft: a vantagem é que a empresa se torna atraente para jogadores que investiram um bom dinheiro em uma biblioteca consistente de jogos (quem migrou do PlayStation 3 para o 4, por exemplo, ficou a ver navios, obrigado a abandonar o que havia adquirido ou manter os dois consoles ativos). Mas o lado ruim da estratégia é que não há uma razão suficientemente convincente para seduzir usuários a fazerem o upgrade. Afinal, ao menos em teoria, a ausência de títulos exclusivos faz com que os novos jogos, multiplataforma, possam trazer desempenho melhor em outro lugar — sobretudo no PC, como é o caso quando comparamos desktops e consoles. O novo console da Microsoft contará com retrocompatibilidade para jogos do Xbox One e Xbox 360 (Imagem: Divulgação/Microsoft) Ainda temos, porém, um bom tempo para saber se isso dará certo: a expectativa é que o Xbox Series X seja lançado até o final de 2020, juntamente de seu maior rival, o PlayStation 5. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

BRIT Awards anuncia lista de artistas indicados para 2020

BRIT Awards anuncia lista de artistas indicados para 2020

R7 - Música Bring Me the Horizon Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Justin Borucki/Divulgação É isso! O BRIT Awards, evento de premiação mais importante da indústria da música britânica, acaba de divulgar a lista dos nomeados de 2020. Este ano assistiremos à 40ª edição da cerimônia que acontece desde 1977 (tendo pulado alguns anos iniciais), e quem vem acompanhando as últimas edições vai perceber diferenças - já que a organização optou por fazer algumas mudanças no evento. BRIT Awards 2020 Uma das alterações mais interessantes é a autonomia que o BRITs quer dar aos artistas que se apresentarão por lá. A ideia é encorajar os músicos a tomarem as rédeas e criarem suas próprias apresentações, a fim de garantir maior identidade aos shows de cada um. Outra mudança é a redução do número de categorias a serem premiadas, bem como a alteração do nome de algumas delas. A edição de 2020 premiará nove artistas, enquanto o evento do ano passado premiou 14 - confira aqui os vencedores de 2019. Segundo o próprio BRIT Awards, o objetivo é abrir mais espaço e tempo para as apresentações ao vivo. A mudança mais significativa, no entanto, é a eliminação do voto popular – o que, na visão da Billboard, pode acarretar numa redução de boy/girl bands entre os vencedores. Agora, os artistas serão avaliados exclusivamente por um corpo técnico oficial. No próprio site do evento, a organização explicou: Nós renovamos todas as categorias, com os vencedores sendo eleitos pela 2020 Official Voting Academy (ou Academia Oficial de Votação de 2020, em português) – A Academia é composta por aproximadamente 1200 experts da indústria da música do Reino Unido, incluindo artistas, distribuidoras, promotores, agentes, editoras, gravadoras, produtores e mídia. A cerimônia acontece no dia 18 de fevereiro, na O2 Arena, em Londres. LEIA TAMBÉM: The 1975 no BRIT Awards: assista ao video da apresentação Veja abaixo os nomeados para o BRIT Awards 2020: Artista Solo - Masculino Dave Harry Styles Lewis Capaldi Michael Kiwanuka Stormzy Artista Solo – Feminino Charli XCX FKA Twigs Freya Ridings Mabel Mahalia Melhor Grupo Bastille Bring Me The Horizon Coldplay D-Block Europe Foals Música do ano (antigo “Melhor Single Britânico”) AJ Tracey - 'Ladbroke Grove' Calvin Harris & Rag’n’Bone Man - 'Giant' Dave feat. Burna Boy - 'Location' Ed Sheeran & Justin Bieber - 'I Don't Care' Lewis Capaldi - 'Someone You Loved' Mabel - 'Don't Call Me Up' Mark Ronson feat. Miley Cyrus - 'Nothing Breaks Like a Heart' Sam Smith & Normani - 'Dancing With A Stranger' Stormzy - 'Vossi Bop' Tom Walker - 'Just You and I' Álbum do Ano Dave - Psychodrama Harry Styles - Fine Line Lewis Capaldi - Divinely Uninspired to a Hellish Extent Michael Kiwanuka - Kiwanuka Stormzy - Heavy Is The Head Melhor Novo Artista (antigo “Artista Revelação”) Aitch Dave Lewis Capaldi Mabel Sam Fender Artista Solo Internacional - Feminino Ariana Grande Billie Eilish Camila Cabello Lana Del Rey Lizzo Artista Solo Internacional - Masculino Bruce Springsteen Burna Boy Dermot Kennedy Post Malone Tyler The Creator Estrelas em Ascensão (antigo “Prêmio de Escolha da Crítica”) Beabadoobee Celeste (vencedora)* Joy Crookes *o vencedor desta categoria se apresenta no dia da cerimônia, e, por isso, é anunciado anteriormente. Para este ano, Celeste levou o prêmio e vai se apresentar no dia do evento. Veja Mais

Novas músicas: Black Lips, PEARS e Wolf Parade

Novas músicas: Black Lips, PEARS e Wolf Parade

R7 - Música Black Lips Tenho Mais Discos Que Amigos Foto por Dani Pujalte Falta pouco para o divertido quinteto norte-americano de garage rock/rock psicodélico, Black Lips, apresentar seu aguardado nono álbum de estúdio, Sing in a World That’s Falling Apart. O disco, composto por 12 faixas, tem lançamento agendado para o dia 24 deste mês de Janeiro via Fire Records/Vice. O material foi gravado e co-produzido por Nic Jodoin no histórico Valentine Recording Studios, que também abrigou nomes como Beach Boys e Bing Crosby, sem quaisquer tecnologias contemporâneas, como pro-tools. A proposta do grupo de apresentar um som mais cru e apostar em suas influências no alt-country fica ainda mais clara na nova faixa divulgada, 'Rumbler', sucessora de 'Gentleman' e 'Odelia', que também farão parte de seu novo registro. Confira o resultado de 'Rumbler', que fala sobre os bonecos G.I. Joe (sim): https://youtu.be/23S-UkslzOM PEARS [caption id='attachment_354022' align='alignnone' width='696'] PEARS Tenho Mais Discos Que Amigos Foto por John Allen[/caption] Em mais uma parceria com a excelente Fat Wreck Chords, gravadora de Fat Mike (NOFX), a banda de hardcore punk Pears lançará seu terceiro álbum de estúdio em breve. Segundo o grupo, o disco homônimo e que chegará no dia 6 de Março será composto por 14 faixas, que incluem elementos de gêneros distintos: pop, hardcore e grunge. Uma prévia do álbum pode ser conferida com a faixa “Comfortably Dumb”. Ouça logo abaixo: https://youtu.be/ngB8pqE1Sq8 Wolf Parade [caption id='attachment_354023' align='alignnone' width='640'] Wolf Parade Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Divulgação[/caption] Os canadenses da banda de indie rock Wolf Parade lançarão no dia 24 deste mês de Janeiro o seu quinto álbum de estúdio. Thin Mind, conforme foi intitulado o registro, sairá através do respeitado selo Sub Pop e contará com 10 faixas inéditas, incluindo 'Julia Take Your Man Home', que acabou de ser disponibilizada para audição. Confira: https://youtu.be/NxfbhXWgGfE Veja Mais

Cardi B diz que pensa em seguir carreira política: 'Fico encantada com o governo'

G1 Pop & Arte Rapper e ex-stripper falou sobre voltar a estudar e vontade de 'fazer parte do congresso'. Cardi B recebe o prêmio de Melhor Clipe de Hip Hop por "Money" no VMA 2019, nesta segunda (26) Matt Sayles/Invision/AP Cardi B, rapper americana que ganhou destaque nos últimos anos, diz estar considerando a ideia de iniciar uma carreira política. Ela falou que poderia "virar a mesa" no Congresso dos Estados Unidos. "Acho que quero ser política. Fico encantada com o governo, mesmo quando não estou de acordo", comentou em seu Twitter. "Sinto que se voltar a estudar e me concentrar posso fazer parte no Congresso. Só preciso de uns dois anos na escola e poderei virar a mesa", disse a rapper conhecida por hits como "Bodak Yellow," "Money" e "I Like It" disse. A stripper que se tornou estrela de rap já tem um passado político. Em 2016, ficou famosa por motivar seus fãs com um vídeo repleto de palavrões em que pedia "vote no papi Bernie" (Sanders) e alertava mulheres estrangeiras. "Vão ser deportadas se Trump for presidente", cantou. A cantora também está por trás da campanha presidencial de Sanders, especialmente quando se reuniu com o senador de Vermont em um salão de beleza para discutir o salário mínimo, o cancelamento da dívida estudantil e a crise climática. Aos 27 anos, ela tem idade para concorrer à Câmara dos Representantes. A idade mínima é de 25 anos. Ela precisaria esperar chegar aos 30 para lançar uma candidatura ao Senado e aos 35 para tentar ser presidente. Seus seguidores elogiaram a reflexão política ela fez nas redes sociais: "Não precisa voltar a estudar se não quiser! Você pode aprender com as pessoas que já estão em movimentos de luta e ler isso por conta própria, ou com outros. Seria genial", sugeriu Natalie Shure no Twitter . Veja Mais

Xbox Series X terá seus primeiros exclusivos como cross-gen

Xbox Series X terá seus primeiros exclusivos como cross-gen

Tecmundo A empolgação dos jogadores com o Xbox Series X cresce a cada dia, já que todos querem saber como serão os jogos da próxima geração. Agora, a Microsoft deu uma pequena freada nessa empolgação ao anunciar que, inicialmente, todos os seus exclusivos também serão compatíveis com o Xbox One.Muitos acreditavam que, além de Halo: Infinte, que já havia sido confirmado como um game cross-gen, a Microsoft estaria preparando algum título exclusivo do Xbox Series X para mostrar o poder do console, mas o chefe do Xbox Game Studios, Matt Booty, revelou que isso não deve acontecer tão cedo.Leia mais... Veja Mais

TOOL homenageia Neil Peart em show na Califórnia; vídeo

TOOL homenageia Neil Peart em show na Califórnia; vídeo

R7 - Música Danny Carey e Neil Peart Tenho Mais Discos Que Amigos Fotos via Wikimedia Commons O incrível Neil Peart, baterista e principal compositor do lendário Rush, nos deixou recentemente aos 67 anos de idade. Vítima de um câncer no cérebro, o músico era um dos mais respeitados de toda a história por sua técnica e estilo únicos. Claro que diversas homenagens já estão surgindo por aí e uma das mais legais e emocionantes foi a de Danny Carey, baterista do TOOL. Em turnê para promover o mais recente álbum Fear Inoculum, a banda fez um show no último dia 10 em San Diego, na Califórnia. Por lá, Carey tocou seu solo de bateria na instrumental 'Chocolate Chip Trip' em uma versão diferente, inspirada no Rush. Além disso, uma imagem projetada de Peart acompanhou tudo do telão do palco. Confira a seguir a gravação! TOOL e Neil Peart https://www.youtube.com/watch?v=zfIqkT8Y6do O TOOL ainda tocou excertos de 'A Passage to Bangkok' entre 'Schism' e 'Jambi'. Não há gravações desse momento já que a banda proíbe o uso de celulares em suas apresentações, mas o tributo já foi feito diversas vezes no passado como uma introdução à faixa 'Cold & Ugly', como na abertura do show do Lollapalooza de 1993. Por fim, os caras ainda encerraram o show com '2112' sendo tocada nas caixas de som da casa. LEIA TAMBÉM: Foo Fighters presta tributo a Neil Peart (Rush): 'tinha as mãos de Deus' Veja Mais

Veja as vagas de emprego do Sine Macapá para o dia 14 de janeiro

G1 Economia São oportunidades para nutricionista, mestre doceiro, gerente de restaurante, entre outros. Há vaga para nutricionista no Sine Amapá Jamile Alves/G1 O Sistema Nacional de Emprego no Amapá (Sine-AP) oferece vagas de empregos para Macapá. O número de vagas está disponível de acordo com as empresas cadastradas no Sine e são para todos os níveis de escolaridade e experiência. Os interessados podem procurar o Sine, localizado na Rua General Rondon, nº 2350, em frente à praça Floriano Peixoto. Em toda a rede Super Fácil tem guichês do Sine e neles é possível obter informações sobre vagas na capital. Para se cadastrar e atualizar os dados, o trabalhador deverá apresentar Carteira de Trabalho, RG, CPF e comprovante de residência (atualizado). Veja as vagas disponíveis de acordo com as solicitações das empresas: encarregado de padaria mestre doceiro nutricionista gerente de restaurante O Sine informa que as vagas oferecidas podem sofrer alterações de um dia para o outro, pois o sistema não contabiliza os atendimentos ao longo do dia realizado nas unidades Superfácil, que funcionam após o fechamento da agência central. Para ler mais notícias do estado, acesse o G1 Amapá. Veja Mais

Bolsonaro diz que governo quer dar transparência às despesas públicas

Bolsonaro diz que governo quer dar transparência às despesas públicas

R7 - Economia Bolsonaro usou o Twitter para citar transparência Palácio do Planalto O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (13), em publicação no Twitter, que tem determinado aos ministros que “fortaleçam a transparência em defesa do interesse público e combate à corrupção”. O presidente destacou que o governo publicou, em dados abertos, a remuneração dos servidores aposentados e os pagamentos aos pensionistas do Poder Executivo. Segundo Bolsonaro, o Portal da Transparência também passou a divulgar os gastos com o BPC (Benefício de Prestação Continuada), que tem 4,8 milhões de beneficiários e somaram R$ 41,5 bilhões de  janeiro a setembro de 2019. - O Portal da Transparência do Governo Federal também passou a divulgar recentemente os gastos com o Benefício de Prestação Continuada (BPC) que são 4,8 milhões de beneficiários. Os gastos de janeiro a setembro de 2019 somaram R$ 41,5 bilhões.— Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) January 14, 2020 O presidente também destacou o lançamento, em 2019, de dois painéis eletrônicos com informações relacionadas ao pagamento de benefícios do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e do programa Bolsa Família. “Ressalto que o nosso governo tem o compromisso de apurar e sanar quaisquer irregularidades detectadas ou denunciadas e, acima de tudo, dar transparência às despesas públicas com o intuito de engajar nossa sociedade na fiscalização contínua dos recursos públicos”, escreveu Bolsonaro no Twitter. - Ressalto que o nosso governo tem o compromisso de apurar e sanar quaisquer irregularidades detectadas ou denunciadas e, acima de tudo, dar transparência às despesas públicas com o intuito de engajar nossa sociedade na fiscalização contínua dos recursos públicos.— Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) January 14, 2020 Veja Mais

Samsung anuncia aquisição de TeleWorld Solutions para expandir 5G nos EUA

Samsung anuncia aquisição de TeleWorld Solutions para expandir 5G nos EUA

canaltech Nesta segunda-feira (13), a Samsung anunciou a aquisição da TeleWorld Solutions, empresa de telecomunicações sediada na Virgínia (EUA) que fornece serviços de consultoria e redes. Esse acordo tem, como principal foco, as soluções 5G. As informações foram divulgadas pelo próprio Samsung Newsroom, responsável por trazer as principais novidades da empresa. Basicamente, a TWS fornece serviços de design, teste e otimização de rede para operadoras de serviços móveis e a cabos e operará como uma subsidiária da Samsung, continuará a atender seus clientes e clientes que eles atualmente suportam com a Samsung. A equipe de liderança da TWS continuará a gerenciar os negócios e, juntamente com a Samsung, abordará o ciclo de atualização da rede que ocorre nos Estados Unidos. "A aquisição da TWS nos permitirá atender às crescentes necessidades das operadoras móveis de melhorar suas redes 4G e 5G e, eventualmente, criar novas oportunidades para aprimorar nossos recursos de serviço para nossos clientes", declara Paul Kyungwhoon Cheun, vice-presidente executivo e chefe de redes e negócios na Samsung. "A Samsung continuará impulsionando a inovação em tecnologia de comunicações, fornecendo serviços de otimização para implantações de rede que aceleram a expansão da rede nos EUA 5G". -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Samsung anuncia aquisição de TeleWorld Solutions para expandir 5G nos EUA Por outro lado, Shervin Gerami, CEO da TeleWorld Solutions, acrescenta que o advento do 5G e a quantidade de novos espectros que entram no mercado dos EUA exigem escala e inovação para a próxima geração de tecnologias sem fio. "A união de forças com a Samsung acelerará a inovação para ajudar nossos clientes a atender às suas necessidades de estratégia, implantação e automação de rede”, afirma. A Samsung ainda acrescenta, em seu blog, que o crescimento contínuo do uso móvel está impulsionando a necessidade de um novo espectro e densificação da rede, e a demanda está aumentando por serviços de infraestrutura, design, implantação e otimização de rede. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Com vendas de 100 mil unidades do Mate X por mês, Huawei não bate Samsung Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Lynyrd Skynyrd deve voltar ao Brasil em 2020 com turnê de despedida

Lynyrd Skynyrd deve voltar ao Brasil em 2020 com turnê de despedida

R7 - Música Lynyrd Skynyrd Tenho Mais Discos Que Amigos Foto via Wikimedia Commons Boas notícias para os fãs brasileiros do Lynyrd Skynyrd! A banda, que está em turnê de despedida, deve incluir o Brasil em seu giro em junho deste ano. A informação é do jornalista José Norberto Flesch, do Destak. Essa será a segunda vez do grupo por aqui, que veio ao país em 2011 como atração do festival SWU. Já são mais de 50 anos de carreira e hits como 'Free Bird' e 'Sweet Home Alabama' na bagagem. Mais informações serão divulgadas em breve. Show cancelado O Skynyrd viria em 2017 ao país para o festival Solid Rock, ao lado do Deep Purple. O grupo precisou cancelar a apresentação para que o vocalista Johnny Van Zant pudesse cuidar da filha, diagnosticada com leucemia. O último disco da banda é Last of a Dyin' Breed, lançado em 2012. LEIA TAMBÉM: Larry Junstrom, co-fundador do Lynyrd Skynyrd, morre aos 70 anos Veja Mais

Hong Kong: casos de depressão e stress pós-traumático aumentaram desde o início das manifestações

Glogo - Ciência Desde o início das manifestantes na ex-colônia britânica, que começaram em junho de 2019, cerca de um terço de adultos do país sofrem de problemas ligados ao stress pós-traumático. É o que mostra um estudo publicado na sexta-feira (10) na revista científica The Lancet. Manifestantes detidos pela polícia em Hong Kong, em 1º de dezembro de 2019 Navesh Chitrakar/Reuters De acordo com a pesquisa, entre setembro e novembro de 2019, cerca de 2 milhões de pessoas maiores de 18 anos apresentaram sintomas da doença após o início da mobilização pela democracia e contra a ingerência chinesa. O número de habitantes com a síndrome, explicam os autores do estudo, é comparável ao de populações vítimas de atentados terroristas ou de uma catástrofe natural, por exemplo. A pesquisa é a maior do mundo sobre o impacto de movimentos sociais na saúde mental dos habitantes, segundo os autores. Cerca de 18 mil pessoas foram interrogadas e responderam um formulário específico. Os especialistas também identificaram uma alta dos casos de depressão, que atinge 11,2% dos participantes. Este número pode ser ainda mais elevado se os menores forem levados em conta. Cerca de 15% dos detidos tinham menos de 18 anos, segundo as autoridades. Os resultados, divulgados na sexta-feira (10), não permitem estabelecer uma relação de causa-efeito direta entre os confrontos com a polícia e os sintomas observados. O estudo analisou de maneira estatística os últimos dez anos, comparando, através de uma linha do tempo, o número de casos de stress pós-traumático aos movimentos sociais. Um dado interessante é que as pessoas que consultam mais as redes sociais, utilizadas para promover, organizar ou documentar os protestos, apresentam mais sintomas da doença ou de depressão do que as outras que se conectam com menos frequência. Hong Kong vive há cerca de sete meses protestos quase diários, muitos deles violentos, que levaram à sua pior crise em décadas. Milhões de pessoas foram às ruas no centro financeiro semiautônomo para exigir mais liberdade democrática. Esses são considerados os maiores protestos desde a transferência do território do Reino Unido para a China, em 1997, após 156 anos de administração colonial britânica. Além do voto: fomação política Movimentos sociais e saúde mental Os resultados da pesquisa levam a crer que conflitos sociais influenciam a saúde mental independentemente de onde ocorram, acreditam os autores. “Estamos em um momento onde os movimentos sociais ganham força em todo o mundo, principalmente nas grandes cidades como Barcelona, Nova Délhi, Paris ou Santiago. A questão se tornou primordial para a saúde pública”, conclui Michael Ni, um dos co-diretores do estudo, da Universidade de Hong Kong. Cerca de 800 mil pessoas participam de manifestação pró-democracia em Hong Kong Veja Mais

Primeiro trailer de Morbius mostra a origem do vampiro

Primeiro trailer de Morbius mostra a origem do vampiro

canaltech Depois de falhar em sua representação como Coringa - um papel que apareceu apenas como coadjuvante em um filme (bem ruim) e que provavelmente nunca mais irá retomar - Jared Leto espera passar pelo mesmo caminho de “redenção” de atores como Chris Evans e Ryan Reynolds, que falharam em filmes de super-heróis anteriores antes de serem figuras respeitadas do gênero. E ele espera conseguir essa redenção com Morbius, que teve seu primeiro trailer divulgado nesta segunda (13). No filme, Leto assumirá o papel de Morbius, um médico brilhante, com uma rara doença sanguínea que, enquanto testa uima possível cura para ela, acaba se transformando em um “vampiro”, ganhando habilidades de morcego, como ecolocalização e sede por sangue. Se o filme for mesmo focado na história de origem do personagem, o primeiro trailer já conta quase tudo, mas o grande destaque vai mesmo para o remix de Für Elise, usado como música de fundo em todo o vídeo, que responde à pergunta: “e se o caminhão do gás existisse no universo de Castlevania?”   Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Morbius é a segunda aposta da Sony em criar filmes solo dos vilões do Homem-Aranha - uma aposta que já deu certo com Venom. Mas agora que a Marvel e a Sony conseguiram chegar em um acordo sobre a utilização do herói aracnídeo, é possível que esse universo de vilões da empresa se torne ainda mais interessante. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- E a possível ligação com os filmes da Marvel já é mostrada no trailer, que não apenas mostra o logo da Marvel e dos dois filmes solo do Homem-Aranha, mas também, em sua cena final, revela a presença de Michael Keaton. Keaton interpretou o Abutre em Homem-Aranha: De Volta ao Lar, e ainda que nada no trailer indique se tratar do mesmo personagem, seria muito improvável mostrar o ator no fim do trailer se não fosse para indicar que o Abutre também faz parte do filme. Morbius tem a estreia marcada para o dia 30 de julho aqui no Brasil. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Profissionais da Saúde recebem homenagem da Universal

Profissionais da Saúde recebem homenagem da Universal

R7 - Economia Ação ocorrerá em todos templos da Universal no Brasil Freepik A Igreja Universal do Reino de Deus realizará, no próximo dia 26 de janeiro, o “Prestígio aos Profissionais da Saúde”, evento nacional em homenagem a médicos, enfermeiros e técnicos auxiliares.  A ação acontecerá em todos os templos da Universal no Brasil. Na cidade de São Paulo, o principal evento ocorrerá no Templo de Salomão, localizado no bairro do Brás. A iniciativa tem por objetivo valorizar esse segmento da sociedade que entrega anos de vida aos estudos, perdendo noites de sono e com grandes sacrifícios pessoais, apenas para cuidar do próximo. Atualmente, mais de 2,5 milhões de brasileiros atuam nessa área. Para beneficiar esses profissionais, os voluntários do Grupo da Saúde, programa social mantido pela Universal, já distribuíram mais de 330 mil convites em UBS (Unidades Básica de Saúde), UPA (Unidades de Pronto Atendimento), hospitais, clínicas de acolhimento, casas de repouso e asilos de todo o Brasil. Segundo Eduardo Ribeiro, responsável pelo programa social no país, os secretários estaduais da Saúde também estão sendo convidados. O Grupo da Saúde oferece assistência social aos profissionais da área desde 2018, além de oferecer palestras e livros. Nas madrugadas, os voluntários do programa oferecem café da manhã às pessoas que aguardam pelo atendimento médico, em filas de hospitais. Segundo dados do COFEN (Conselho Federal de Enfermagem), existem hoje no Brasil cerca de 2 milhões de enfermeiros ativos, entre eles, técnicos auxiliares e Bacharéis. Além disso, o país conta com mais de 450 mil médicos para atender a população. Prestígio aos Profissionais da Saúde Data: 26/01/2020Local: Na cidade de São Paulo, no Templo de Salomão – Av. Celso Garcia, 605, Brás. Nas demais cidades, nos templos da Universal. Veja Mais

Homem foi detido ao tentar invadir Palácio da Alvorada

O Tempo - Política Aparentemente embriagado, ele ultrapassou as grades do perímetro de segurança e transpôs o espelho d'água que separa o edifício da área aberta ao público Veja Mais

EUA deportará 21 militares sauditas após terrorismo em base na Flórida

O Tempo - Mundo Segundo o procurador-geral norte-americano, os cadetes 'tinham material suspeito' Veja Mais

Malware é encontrado em celular subsidiado pelo governo americano

Malware é encontrado em celular subsidiado pelo governo americano

Tecmundo Um celular de baixo custo subsidiado pelo governo americano está sendo comercializado com dois malwares pré-instalados, um deles quase impossível de ser removido. A descoberta foi feita pela empresa de segurança Malwarebytes, que revelou o problema na última quinta-feira (9).O smartphone em questão é o UMX U683CL, vendido para a população de baixa renda pela operadora Virgin Mobile com subsídio do programa federal Lifeline Assistance, criado pela Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês) em 1985 com o objetivo de tornar acessíveis os serviços de comunicação.Leia mais... Veja Mais

EUA retiram rótulo da China de país que manipula o câmbio

G1 Economia Em agosto do ano passado, o governo dos EUA acusou a China de manipular o câmbio e disse que iria trabalhar com o FMI para eliminar competição injusta de Pequim. Notas iuan e dólar - Washington acusou Pequim de manipular o câmbio Getty Images O governo dos Estados Unidos retirou nesta segunda-feira (13) o rótulo da China de que ela manipula o câmbio, em mais num sinal de alívio na guerra comercial promovida entre os dois países. A mudança foi confirmada no relatório semestral do Departamento do Tesouro dos EUA enviado ao Congresso nesta segunda. Na quarta-feira (15), os governos norte-americano e chinês devem assinar a chamada "Fase Um" do acordo comercial. Pelo acordo, "a China assumiu compromissos aplicáveis para evitar desvalorizações para fins competitivos", informou o Departamento do Tesouro dos EUA. Em agosto do ano passado, o governo dos EUA acusou a a China de manipular a cotação do iuan e disse que iria trabalhar com o Fundo Monetário Internacional (FMI) para eliminar competição injusta de Pequim. Guerra comercial: entenda as tensões entre EUA e China À época, o governo da China deixou o iuan romper o nível de 7 por dólar pela primeira vez em mais de uma década, num sinal de que o país estava disposto a tolerar mais fraqueza no câmbio para incentivar as suas exportações. O governo chinês não era acusado de manipular o câmbio desde 1994. Veja Mais

Com vendas de 100 mil unidades do Mate X por mês, Huawei não bate Samsung

Com vendas de 100 mil unidades do Mate X por mês, Huawei não bate Samsung

canaltech No ano passado, a Samsung falou abertamente sobre as vendas do Galaxy Fold, que bateram 1 milhão de unidades. As estimativas de outubro atingiram as vendas da época em 500 mil unidades, e relatórios anteriores afirmaram que a Samsung está planejando vender 6 milhões de dispositivos dobráveis ​​em 2020. Nesta segunda (13), foi a vez da Huawei falar sobre as suas vendas: a empresa revelou que está vendendo 100 mil unidades do Mate X na China. Diferente do Galaxy Fold, que foi colocado à venda na Coreia do Sul em setembro do ano passado, o Mate X foi lançado na China apenas em meados de novembro, ou seja, está à venda na China há dois meses, o que significa que a Huawei até agora vendeu cerca de 200 mil unidades do telefone dobrável. Considerando o fato de ser vendido em apenas um mercado único, e o fato de ser mais caro que o Galaxy Fold da Samsung (O Mate X, que está à venda apenas na China, é vendido por 16.999 yuan, cerca de US$ 2,4 mil ou R$ 9,6 mil, enquanto o Galaxy Fold está a US$ 2 mil, ou seja, R$ 8 mil, mais ou menos), as vendas não vão mal, necessariamente. Mate X, da Huawei Acontece que a Huawei e a sua rival Samsung foram as duas primeiras na corrida para lançar um telefone dobrável no mercado pela primeira vez em 2019. Na CES 2019, protótipos dobráveis eram abundantes, mas a Samsung venceu os concorrentes quando o Galaxy Fold foi lançado (embora tenha sido relançado depois). Nesse nicho, o dobrável Duo da Microsoft e o Razr dobrável da Motorola serão lançados ainda este ano. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Quanto ao Mate X, da Huawei: o smartphone foi anunciado no Mobile World Congress 2019 e estava programado para ser lançado em julho daquele ano, mas empresa adiou o lançamento para novembro, a fim de refinar e melhorar sua tela dobrável, depois que a Samsung precisou lidar com problemas de produção em seu Galaxy Fold. Galaxy Fold, da Samsung A Huawei não anunciou oficialmente uma data de lançamento para o Mate X fora da China, mas disse anteriormente que estrearia na Europa no primeiro trimestre deste ano. Metade da tela do Mate X vira para trás, de modo que, quando é dobrada e fechada, tem uma tela nos dois lados. Espera-se que a segunda iteração do Mate X seja apresentada no MWC 2020 no próximo mês. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Roddy Ricch fica no topo do ranking de álbuns dos EUA com "Please Excuse Me For Being Antisocial"

Roddy Ricch fica no topo do ranking de álbuns dos EUA com

R7 - Música Vagalume Vagalume Em mais uma semana de calmaria na parada,quem levou a melhor foi o rapper Roddy Ricch. Além de ter emplacado "The Box" no primeiro lugar na lista de singles, ele também viu seu álbum "Please Excuse Me For Being Antisocial", subir uma posição no ranking de álbuns e tomar o primeiro lugar do disco do coletivo JackBoys que caiu para o quarto posto. "Hoillywood's Bleeding" de Post Malone e "Fine Line" de Harry Styles ficaram com a segunda e terceira colocação respectivamente. O top 10 seguiu bem parecido com o visto há sete dias, com os álbuns apenas trocando de posição entre si. A exceção foi "Ghetto Gospel" de Rod Wave que subiu sete postos e acabou no décimo lugar, tirando assim "Lover" de Taylor Swift da lista dos dez mais desta semana. O top 10 da semana foi esse: 1 -"Please Excuse Me For Being Antisocial" - Roddy Ricch (subiu uma posição) 2 - "Hollywood's Bleeding" - Post Malone (subiu uma posição) 3 - "Fine Line" - Harry Styles (subiu uma posição) 4 - "JackBoys" - JackBoys (caiu três posições) 5 - Trilha sonora de "Frozen 2" (mesma posição) 6 - "Kirk" - DaBaby (subiu duas posições) 7 - "When We All Fall Asleep, Where Do We Go?" - Billie Eilish (caiu uma posição) 8 - "So Much Fun" - Young Thug (caiu uma posição) 9 - "Over It" - Summer Walker (subiu uma posição) 9 - "Ghetto Gospel" - Rod Wave (subiu sete posições)Fonte: Vagalume Veja Mais

Patti Smith canta Neil Young em rara aparição na TV americana; assista

Patti Smith canta Neil Young em rara aparição na TV americana; assista

R7 - Música Patti Smith Jimmy Fallon Tenho Mais Discos Que Amigos Reprodução/YouTube A lendária Patti Smith fez uma rara aparição na TV na última quinta-feira (9), convidada do programa de Jimmy Fallon. A cantora foi divulgar seu novo livro, Year of the Monkey, com uma entrevista e apresentação musical. Patti conversou com Fallon sobre o projeto e, também, outros assuntos como Bob Dylan, Instagram e mais. Logo depois, Smith fez uma performance incrível de 'After the Gold Rush', música de Neil Young. Confira os vídeos abaixo! Patti Smith https://www.youtube.com/watch?v=XfeIk5XKnf8&feature=emb_title https://youtu.be/pXSGqjmdqyw https://youtu.be/qz50xKLibZs Te mostramos nos últimos dias um vídeo incrível onde a artista aparece cantando o hino 'People Have the Power' com um coral de 200 pessoas. Vale lembrar que Patti veio ao Brasil pela segunda vez em novembro de 2019, como atração do Popload Festival. LEIA TAMBÉM: Patti Smith escreve poema para Greta Thunberg em seu aniversário Veja Mais

Canais de streaming têm prejuízo de US$ 9 bi com senhas compartilhadas

Canais de streaming têm prejuízo de US$ 9 bi com senhas compartilhadas

Tecmundo Em 2014, o ex-CEO da HBO Richard Plepler (recém-contratado pela Apple TV+) disse que o canal via o compartilhamento de senhas como um "excelente veículo de marketing para a próxima geração de espectadores". Essa também era a opinião do cofundador e CEO da Netflix, Reed Hastings. Pois em 2019, as empresas de streaming perderam cerca de US $ 9,1 bilhões em compartilhamento de senhas e pirataria.Leia mais... Veja Mais

Jared Leto viverá um vampiro no novo filme da Marvel. Confira o trailer de "Morbius"

Jared Leto viverá um vampiro no novo filme da Marvel. Confira o trailer de

R7 - Música Vagalume Vagalume Depois de viver o Coringa no filme "Esquadrão Suicida" (da DC Comics), Jared Leto dará vida a mais um personagem dos quadrinhos, desta vez, no universo da Marvel. O vocalista do 30 Seconds to Mars estrelará o filme "Morbius", que teve seu primeiro trailer divulgado, nesta segunda-feira (13), pela Sony. Na trama, Leto interpretará um dos vilões derivados das histórias de Homem-Aranha, chamado Michael Morbius, um bioquímico reconhecido que, ao tentar encontrar a cura para uma doença sanguínea, acaba se transformando em um vampiro. O longa foi dirigido por Daniel Espinosa e tem estreia marcada para o dia 31 de julho nos cinemas. Clique para ver no VagalumeFonte: Vagalume Veja Mais

PSDB ironiza indicação de 'Democracia em Vertigem' ao Oscar

O Tempo - Política 'Parabéns à diretora Petra Costa pela indicação de melhor ficção e fantasia', diz a postagem no Twitter Veja Mais

Barack Obama e Michelle são indicados ao Oscar pela primeira vez

Barack Obama e Michelle são indicados ao Oscar pela primeira vez

R7 - Música Casal Obama Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Wikimedia Commons Após oito anos na presidência dos Estados Unidos, agora Barack Obama e a primeira-dama Michelle foram indicados ao Oscar! Saiu nesta segunda-feira (13) a lista de nomeações para a premiação deste ano, e o casal entrou com o documentário American Factory ('Indústria Americana' aqui no Brasil). O trabalho foi distribuído pela Higher Ground Productions, empresa liderada pelos Obamas. American Factory American Factory conta a história do encerramento de uma fábrica da General Motors em Dayton, Ohio, e o impacto na comunidade local, principalmente após a chegada de investidores chineses. O documentário foi bastante elogiado pela crítica, com uma impressionante nota 86/100 no Metacritic. No Twitter, Barack Obama celebrou a indicação: Fico feliz em ver a indicação ao Oscar de 'American Factory' como Melhor Documentário. É o tipo de história que não vemos com muita frequência e é exatamente o que Michelle e eu esperamos alcançar com a Higher Ground. Parabéns aos cineastas incríveis e toda a equipe! Parabéns mesmo! Barack Obama Confira por aqui a lista de músicas favoritas de 2019 do Presidente americano. Veja Mais

Menino curado de leucemia é recebido com aplausos em escola nos Estados Unidos; veja o vídeo

Glogo - Ciência O garoto de apenas 6 anos John Oliver Zippay concluiu 3 anos de tratamento contra o câncer e foi ovacionado pelos colegas e professores. Menino curado de leucemia é recebido com aplausos na escola O pequeno John Oliver Zippay, de apenas 6 anos de idade, foi recebido com aplausos por colegas e funcionários de sua escola, após superar um tratamento contra leucemia. O fato ocorreu na cidade de Newbury, no estado de Ohio, nos Estados Unidos, e vídeos desse grande momento na vida de Oliver ganharam as redes sociais nos últimos dias. Os amigos fizeram um corredor para receber o garotinho e, conforme ele entrava na escola, a St. Helen Catholic School, foi aplaudido por todos. Alguns o cumprimentaram e sorriram para ele, que ficou três anos fora da escola. (Veja o vídeo acima.) Oliver foi diagnosticado com leucemia quando tinha somente 3 anos de idade, segundo afirmou seu pai, John Zippay, à rede de TV americana CNN. Durante o tratamento, o garotinho passou por diversos tipos de quimioterapia, exames e procedimentos cirúrgicos. Os efeitos colaterais eram muito fortes e impediam que o menino pudesse ter uma vida normal. Em dezembro do ano passado, a família recebeu a notícia de que Oliver estava curado. Ele fez a última sessão de quimioterapia em 27 de dezembro. Menino curado de leucemia é recebido com aplausos na escola Reprodução/Facebook Veja Mais

Google está perto de lançar sua versão do AirDrop para Android

Google está perto de lançar sua versão do AirDrop para Android

canaltech Quem tem dispositivos da Apple conhece o recurso conhecido como AirDrop, que é o compartilhamento sem fio de conteúdo para aparelhos próximos. Embora o Android conte com algumas soluções semelhantes, a maioria funciona como apps, e não de forma embutida em sistemas — o que poderia torná-las mais rápidas e eficientes. O Google já havia acenado com a chegada de sua versão, batizada inicialmente de Fast Share (“Compartilhamento Rápido”), mas nada mais foi dito desde novembro do ano passado. Isso muda agora, segundo uma nova descoberta feita pelo pessoal do XDA Developers, que costuma destrinchar códigos de gigantes da tecnologia em busca de novidades. O Fast Share foi flagrado com outro nome, Nearby Share (“Compartilhamento Próximo”) — o que pode ser uma boa, pois o objetivo é mesmo oferecer o envio de conteúdo nas proximidades dos smartphone, e exatamente velocidade dessa ação. Assim como o Android Beam, que era (de forma muito limitada) a funcionalidade parecida com o Airdrop oferecida pelo Google, o Nearby Share deve utilizar Bluetooth para fazer o pareamento inicial. Depois da comunicação estabelecida, a troca de arquivos passa a acontecer por meio da conexão Wi-Fi — o Android Beam usava o Bluetooth para todo o processo, o que o deixava muito lento. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Imagem: Reprodução/XDA Developers Vale destacar que várias fabricantes chinesas, como a OPPO, a Vivo e a Xiaomi, já vinham trabalhando em suas próprias versões do AirDrop, em uma aliança que permitirá a comunicação para troca de arquivos entre seus dispositivos. O Nearby Share ainda não foi confirmado oficialmente e pouco se sabe sobre sua data de lançamento — e se será atualizado via Google Play Services ou somente no Android 11. Mas como a novidade já pode ser vista nos códigos, isso indica que sua estreia estaria bem próxima do mercado. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Com vendas de 100 mil unidades do Mate X por mês, Huawei não bate Samsung Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada HP pode mudar atuação no mercado de impressoras, principalmente nas tintas Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

2019 foi o ano mais lucrativo da história de Pokémon GO

2019 foi o ano mais lucrativo da história de Pokémon GO

canaltech Quando de seu lançamento em julho de 2016, Pokémon Go instantaneamente se tornou um fenômeno global. Até mesmo pessoas que não eram muito ligadas aos personagens da franquia aderiram à febre de capturar os monstrinhos usando a câmera do celular. Mas, ainda que a empolgação pelo jogo tenha diminuído pelo público em geral, o game nunca teve uma performance tão boa quanto em 2019 em termos de faturamento. De acordo com a Sensor Tower, empresa especializada em análises do mercado de dispositivos móveis, o ano passado foi o melhor da história do jogo para a Niantic, que conseguiu uma receita de cerca de US$ 900 milhões através das vendas de itens dentro do próprio game. Isso quer dizer que a empresa conseguiu, pela primeira vez, arrecadar mais do que os US$ 832 milhões da época do lançamento - uma marca extremamente difícil de se conseguir para qualquer jogo que se torna um fenômeno temporário. Para efeitos de comparação, em seu segundo ano de existência, o faturamento do game caiu para US$ 582 milhões e esperava-se que essa fosse a quantia base que o título continuaria mantendo, já que ele não tinha mais o status de “sensação” e contava apenas com a base de fãs fieis da marca Pokémon. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Receitas da Niantic com Pokémon GO a cada ano (Imagem: Sensor Tower) A Sensor Tower estima que, quase quatro anos desde seu lançamento, a Niantic já arrecadou um montante de US$ 3,1 bilhões com o jogo, mas é difícil dizer quanto exatamente deste montante ficou com a empresa. Isso porque ela possui um acordo de divisão das receitas com a The Pokémon Company (empresa subsidiária da Nintendo que é dona da marca Pokémon) e os termos desta parceria nunca foram revelados para o público. Mas, independente de como essa divisão é feita, o sucesso de Pokémon GO é o responsável direto não apenas por tornar a Niantic a líder no desenvolvimento de aplicativos que utilizam tecnologia de realidade aumentada (RA), mas também uma das maiores desenvolvedoras de apps de todo o mercado. Desde o lançamento do jogo dos monstrinhos, a empresa já lançou também Ingress Prime (um reboot de Ingress, seu primeiro jogo em RA e que serviu de base para muitas coisas utilizadas em Pokémon GO) e Harry Potter: Wizards Unite (jogo feito em parceira com a Warner Bros e que utiliza o mesmo conceito de Pokémon GO no universo de Harry Potter). Além disso, ela disponibilizou todo o seu kit de desenvolvimento de aplicações em realidade aumentada (o Niantic Real World Platform) para qualquer desenvolvedor que queira entrar neste mercado. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Com vendas de 100 mil unidades do Mate X por mês, Huawei não bate Samsung Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada HP pode mudar atuação no mercado de impressoras, principalmente nas tintas Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Bolsonaro pede opinião de seguidores sobre transgêneros no esporte

O Tempo - Política O presidente não disse o que pensa, apenas postou a chamada para uma matéria sobre o assunto Veja Mais

Resident Evil 3 Remake tem novos detalhes revelados

Resident Evil 3 Remake tem novos detalhes revelados

Tecmundo O anúncio do remake de Resident Evil 3 deixou vários fãs felizes, mas também desconfiados com as possíveis mudanças que a Capcom poderia fazer no game. Agora, a empresa japonesa revelou o quão diferente a nova versão será do jogo original.A Capcom já havia confirmado que o remake não seria uma cópia exata do original e, em uma reportagem da Official PlayStation Magazine UK, a desenvolvedora revelou o quão sensível serão as diferenças. Spoiler: não tem nada absurdo na nova versão, ainda que a empresa pareça ter mexido mais no remake de RE3 do que no de RE2.Leia mais... Veja Mais

Guedes deve aprovar alta no salário mínimo para cobrir perda real

Guedes deve aprovar alta no salário mínimo para cobrir perda real

R7 - Economia Sem reajuste, governo prevê derrota no Congresso Adriano Machado/Reuters - 5.11.2019 O ministro da Economia, Paulo Guedes, deve dar sinal verde para elevar o valor do salário mínimo de 2020 e garantir a recomposição da inflação do ano passado. O assunto foi tema de reunião do ministro com a equipe na volta ao trabalho após um período de férias de fim ano. O custo adicional deve ficar entre R$ 2 bilhões e R$ 3 bilhões. A avaliação é que, se o governo não fizer o ajuste no mínimo para recompor a inflação passada, o próprio Congresso fará na volta dos trabalhos do Legislativo, com desgaste para o presidente Jair Bolsonaro. O governo também quer evitar que os mais pobres tenham um reajuste menor já que para aposentadorias e pensões acima de um salário mínimo, o porcentual ficou em 4,48%. Esse valor é maior que a correção dos segurados do INSS que ganham um salário mínimo (4,1%). Leia mais: Aposentado que ganha mínimo terá reajuste de 3,3% em 2020 O salário mínimo foi fixado em R$ 1.039, com alta de 4,1%. O ajuste ficou abaixo do INPC (Índice Nacional de Preços ao Mercado) de 2019, de 4,48%, que serve como base para correção do salário mínimo. Se for dado o mesmo índice sobre o salário mínimo vigente em 2019, o valor subirá para R$ 1.042,71. Guedes encontrou uma série de "abacaxis" para resolver, além do reajuste do mínimo: fila do INSS, fundo para compensar a alta do preço dos combustíveis, subsídios para templos religiosos e painéis solares e pressão para aumento dos recursos destinados ao programa Bolsa Família. Apesar dos temas delicados, o ministro voltou animado, repassou prioridades e metas ao seus secretários. Guedes disse que o trabalho foi "zerado, como se o governo começasse agora". Benefícios do INSS, PIS, BPC: veja o que muda com novo mínimo Um integrante da equipe econômica informou ao Estado que todos os temas mais polêmicos precisam passar ainda pelas análises técnicas. Segunda a fonte, o governo “pode fazer muita coisa desde que escolha o que é prioritário”. O papel da equipe econômica, reforçou, é apenas alertar para as regras orçamentárias. As restrições são legais. Não há como criar novas despesas sem que se tenha claro a fonte orçamentária e se há espaço no teto de gastos (mecanismo que impede que as despesas cresçam em ritmo superior à inflação). Auxiliares do ministro afirmam que o risco maior é que uma parte do governo ache que o ajuste fiscal já foi feito. O Ministério da Economia já se posicionou contra a concessão de subsídios para a conta de luz de templos religiosos. O ministro, no entanto, ainda não discutiu o assunto com o presidente da República, mas a tendência é que o governo recue devido à repercussão negativa da proposta nas redes sociais – que tem sido apelidado de “dízimo elétrico” e “dízimo de ateu”. A tentativa do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, de diminuir a polêmica, tampouco deu certo - ele considerou insignificante um custo de R$ 37 milhões por ano. O subsídio seria concedido aos templos de grande porte, conectados à alta tensão, que pagam valores até 300% mais altos no horário de ponta, entre o fim da tarde e o início da noite. Pelo plano em estudo, eles pagariam uma tarifa mais barata nesses horários, e a diferença seria repassada às tarifas dos demais consumidores. Veja Mais

Baixo número de servidores do INSS aumenta fila por aposentadorias

Baixo número de servidores do INSS aumenta fila por aposentadorias

R7 - Economia O aumento da busca por novas aposentadorias, aliado à perda de 11 mil funcionários do INSS desde 2015, resultou no aumento da fila de busca por benefícios do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Agora, a meta do governo é reduzir o número de benefícios represados até agosto Veja Mais

Deputados apuram assassinato indígena no Maranhão - 13/01/20

Deputados apuram assassinato indígena no Maranhão - 13/01/20

Câmana dos Deputados Deputados fizeram diligência à terra indígena Araribóia, no Maranhão. No início de janeiro, uma emboscada feita por madeireiros terminou com a morte do líder Paulo Paulino Guajajara, integrante dos 'guardiões da floresta', um grupo formado por índios pra proteger o território das etnias Guajajara, Kaapor e Awa-guajá. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Novo vírus que causa doença pulmonar misteriosa gera temor na China, mas há motivo para preocupação?

Glogo - Ciência Mais de 50 pessoas foram infectadas em surto; sete estão em estado grave; autoridades sabem que se trata de novo tipo de conronavírus, mas ainda não descobriram de onde vem. Surto surgiu na cidade chinesa de Wuhan Getty Images/BBC Um vírus misterioso — e desconhecido pela ciência até há pouco — vem causando uma doença pulmonar grave na cidade chinesa de Wuhan. Mais de 50 pessoas foram infectadas, sete estão em estado grave. O surgimento de um vírus, deixando pacientes com pneumonia, é sempre motivo de preocupação, e autoridades de saúde ao redor do mundo estão em alerta. Mas esse é mais um caso de doença "que vem e passa" ou é o primeiro sinal de algo muito mais perigoso? O que é esse vírus? Amostras do vírus foram coletadas de pacientes e analisadas em laboratório, e autoridades da China e da Organização Mundial da Saúde concluíram que a infecção é um coronavírus. Os coronavírus são uma ampla família de vírus, mas sabe-se que apenas seis deles (com o novo descoberto são sete) infectam humanos. A Síndrome Respiratória Aguda Grave (conhecida pela sigla em inglês Sars), que é causada por um coronavírus, matou 774 das 8.098 infectadas em uma epidemia que começou na China em 2002. "Há uma memória forte da Sars, e é daí que vem muito medo, mas nós estamos muito mais preparados para lidar com esses tipos de doenças", afirmou Josie Golding, da Wellcome Trust, organização não governamental sediada no Reino Unido. A situação é grave? Coronavírus podem causar desde um resfriado comum até a morte do paciente infectado. O novo vírus aparentemente está em algum lugar no meio do caminho. "Quando vimos um novo coronavírus, buscamos saber quão severos eram os sintomas, e eles são mais parecidos aos de um resfriado, o que gera preocupação, mas não são tão graves quanto os da Sars", afirmou o professor Mark Woolhouse, da Universidade de Edimburgo. De onde ele vem? Novos vírus são descobertos a todo momento. A maioria pula de outras espécies, onde passam despercebidos, para os humanos. "Se formos pensar nas epidemias passadas, se este é um novo coronavírus, ele terá vindo de um outro animal", afirmou Jonathan Ball, virologista da Universidade de Nottingham, no Reino Unido. A Sars passou para os humanos a partir de um animal selvagem conhecido como civeta (ou gato-de-algália, parente do guaxinim) — que era considerado uma iguaria na região de Guangdong, na China. Já a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers, na sigla em inglês), que matou 858 dos 2.494 pacientes identificados com a infecção desde 2012, geralmente pula de dromedários. E de que animal vem esse novo vírus? Uma vez que é identificado o animal reservatório, como é chamado o ser vivo onde um agente infeccioso vive e se multiplica, é muito mais fácil lidar com isso. Os casos têm sido associados ao mercado público de frutos do mar em Wuhan. Ainda que alguns mamíferos aquáticos possam portar o coronavírus, como a baleia-beluga, também são comercializados no mercado outras classes de animais selvagens vivos, o que inclui galinhas, morcegos, coelhos e cobras — e são apontados como fontes mais prováveis. E por que a China? Woolhouse, da Universidade de Edimburgo, afirmou que a China tem mais casos desse tipo por causa do tamanho de seu território, de sua densidade populacional e do contato próximo que algumas pessoas têm com animais infectados. "Ninguém fica surpreso que o próximo surto seja na China ou naquela parte do mundo", disse. Essa doença se alastra facilmente? Talvez o elemento mais tranquilizador sobre esse surto seja que o novo vírus aparentemente não é transmitido de uma pessoa para outra. Essa é a principal preocupação com novos vírus que infectam pulmões, já que tosses e espirros são meios bastante eficientes para espalhar doenças. Caso fosse transmitido de pessoa para pessoa, provavelmente haveria casos envolvendo profissionais de saúde, por terem tido contato com pacientes doentes. Autoridades chinesas dizem, no entanto, que não há registro disso. No entanto, alguns especialistas dizem que é muito cedo para assegurar isso. "Teria havido, por outro lado, 59 eventos de transmissão de animais para humanos em um curto período de tempo, o que intuitivamente é algo bastante alto. Então ainda é uma questão em aberto", afirmou Ball, da Universidade de Nottingham. Woolhouse, da Universidade de Edimburgo, disse ser "mais cauteloso do que cético", e que sua preocupação inicial era de que "a maioria dos coronavírus são transmissíveis entre humanos". E ela está se espalhando rápido? Até agora, não muito. Todos os 59 pacientes tiveram sintomas que começaram entre os dias 12 e 29 de dezembro de 2019. E não houve casos novos até agora. Mas ainda há preocupações ligadas ao Ano Novo chinês, no fim de janeiro, período em que centenas de milhões de pessoas viajam. Como as autoridades chinesas têm respondido ao surto? Pessoas infectadas têm sido submetidas a tratamentos com isolamento a fim de minimizar o risco de alastramento da doença. Mais de 150 pessoas que tiveram contato com esses pacientes estão sendo monitoradas sobre eventuais sinais da doença. O mercado de frutos do mar da cidade foi fechado para limpeza e desinfecção e, em alguns aeroportos, foram instalados scanners de temperatura para monitorar passageiros. Quão preocupados estão os especialistas? Golding, da Wellcome Trust, afirmou que, por ora, "até termos mais informações, como a fonte, é muito difícil saber quão preocupados nós devemos ficar". Para Ball, da Universidade de Nottingham, "nós devemos nos preocupar com qualquer vírus que chegue aos humanos pela primeira vez, porque ele superou uma primeira grande barreira". "Uma vez dentro de uma célula humana e se replicando, pode começar a gerar mutações que podem permitir que ele se espalhe mais facilmente e se torne mais perigoso." E completa: "Nós não queremos dar ao vírus essa oportunidade". VÍDEOS SOBRE A CHINA Festival de Inverno na China atrai milhões de turistas Neve muda paisagem na China China condena cientista por criar bebês com DNA modificado Veja Mais

A Voz do Brasil - 13/01/2020

A Voz do Brasil - 13/01/2020

Câmana dos Deputados RÁDIO CÂMARA - Confira nesta edição, entre outros assuntos: ✔️Câmara autoriza acúmulo de empregos públicos para agentes de saúde ✔️Deputados apontam políticas para tratamento de diabetes e doenças raras ✔️Parlamentares criticam taxas de energia cobradas pelas concessionárias Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais Veja Mais

Fraca telecomunicação da Austrália deixa população desinformada sobre queimadas

Fraca telecomunicação da Austrália deixa população desinformada sobre queimadas

canaltech A Austrália já é conhecida como a região com uma das menores infraestruturas de internet do mundo há bastante tempo. Agora, em meio a uma terrível crise de queimadas que vem destruindo florestas, matando animais e deixando milhares de desabrigados, o problema passou a se tornar uma verdadeira dor de cabeça. De acordo com informações da ABC News, da Austrália, a população vem passando por problemas no momento de obter informações sobre as queimadas, que vêm acontecendo desde setembro do ano passado. Algumas regiões já perderam o serviço de internet móvel e também de banda larga, fazendo com que as pessoas não consigam ser informadas pelo governo sobre uma eventual necessidade de evacuar suas casas para se salvar, por exemplo. Há tempos a Austrália passa por esse problema de infraestrutura, algo que deveria ter mudado ainda nos anos 2010. Na época, o governo apresentou um programa chamado National Broadband Network (NBN), que deveria, em poucos anos, oferecer uma conexão mais veloz em todo país. No entanto, esse processo vem sendo vem demorando mais do que o previsto, devido a problemas técnicos e também pelo alto custo da instalação da fibra. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- Imagem: Reprodução Para a instalação da NBN, os tradicionais fios de cobre telefônicos teriam que ser retirados de todas as casas, o que trouxe um pouco de angústia para a população que mora nas áreas mais rurais, que poderiam ficar sem um serviço mínimo de comunicação. Além disso, futuramente, eles terão que desembolsar uma alta quantia para a manutenção da nova rede. Sem contar que muitos defendem de que não há a necessidade dessa remoção, pois é possível apenas implementar a nova infraestrutura na já existente. No momento, a Austrália não conta com um plano de emergência nacional em relação às telecomunicações, provocando a revolta da população que não sabe para onde recorrer. Sem os fios de telefone que estão sendo removidos, que funcionariam até mesmo com a energia desligada, não há como as pessoas se comunicarem. Enquanto isso, o primeiro-ministro da Austrália, Scott Morrison, vem defendendo esse processo. Imagem: Reprodução Embora a Austrália seja um país considerado rico, nação está classificada apenas em 64º na lista dos países com a melhor velocidade de internet banda larga fixa. Infelizmente, em meio a todos os problemas enfrentados pela população nos últimos meses, a situação das telecomunicações não deve ser resolvida tão cedo. Até então, a estimativa é que mais de 1.25 bilhão de animais tenham morrido nas queimadas, mais de oito milhões de hectares de terra foram devastados e cerca de 25 pessoas perderam suas vidas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Grupo Caoa desiste de comprar fábrica da Ford em São Bernardo

Grupo Caoa desiste de comprar fábrica da Ford em São Bernardo

R7 - Economia Caoa ainda deve anunciar investimentos em São Paulo Nacho Doce/Reuters O grupo Caoa desistiu de comprar a fábrica da Ford em São Bernardo do Campo, São Paulo. A informação foi dada nesta segunda-feira (13) pelo governador João Doria e, posteriormente, confirmada pela companhia. Segundo Doria, a Caoa, apesar de não concretizar a compra da planta da montadora norte-americana, deverá anunciar importantes investimentos no setor automobilístico no Estado em 2020. “Não foi possível viabilizar [a venda da fábrica da Ford para a Caoa] neste caso específico, mas a Caoa deve anunciar, agora em 2020, um novo e forte investimento com fabricante chinês na indústria automobilística aqui em São Paulo”, disse Doria em entrevista coletiva. Leia mais: Caoa quer menos incertezas para investir na Ford “Não é fácil você vender uma fábrica instalada, é difícil, sob certos os aspectos. É mais fácil você motivar a implantação de uma fábrica do que a venda de uma fábrica porque ela tem que ser muito ajustada. Uma coisa é você fazer um terno, e outra é você vender o terno pronto para um número muito pequeno de potenciais usuários”, acrescentou o governador. Em nota, o grupo Caoa confirmou a informação do governador. “A Caoa confirma que as negociações devam seguir o encaminhamento informado pelo governador Doria.” O governador disse que a compra da fábrica da Ford está sendo estudada por dois grupos de investidores chineses. Doria não identificou os dois grupos empresariais. “Há um entendimento novo com dois fabricantes chineses, entendimentos que estão em curso, mas não temos propagado, até para que eles possam seguir com tranquilidade, sem a pressão do tempo.” A Ford anunciou em 20 de outubro do ano passado o encerramento da produção de caminhões na fábrica de São Bernardo, após de 52 anos de funcionamento. O anúncio havia sido previamente divulgado em fevereiro e, segundo nota da montadora, está “em linha com a decisão de sair do segmento de caminhões na América do Sul”. O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC informou, na época, que cerca de 650 funcionários da produção seriam desligados da fábrica. Aproximadamente mil trabalhadores, da parte administrativa, continuariam na fábrica de São Bernardo e seriam transferidos para uma nova sede, na capital paulista, a partir de abril deste ano. Veja Mais

Os eventos de 2019 que representam o zeitgeist

Os eventos de 2019 que representam o zeitgeist

R7 - Economia Zeitgeist /ˈtsÄ«tˌɡīst,ˈzÄ«tˌɡīst/. Palavra alemã que significa o espírito ou humor particular de um determinado período da história, demonstrado pelas ideias e crenças daquele tempo. Ao longo de 2019, reuni diversos artigos que me chamaram a atenção. Passei as últimas semanas revendo o que tinha acontecido, e compilei num texto, junto aos meus comentários, os temas […] O post Os eventos de 2019 que representam o zeitgeist apareceu primeiro em SpaceMoney. Veja Mais

Pequenas comarcas enfrentam obstáculos para implantar juiz de garantias

O Tempo - Política Dentre os problemas, estão a falta de pessoal, a distância entre cidades e a falta de um aparato de apoio Veja Mais

Queen irá tocar em “Live Aid” pelas vítimas de incêndio na Austrália

Queen irá tocar em “Live Aid” pelas vítimas de incêndio na Austrália

R7 - Música Queen e Adam Lambert Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Reprodução/YouTube O Queen é um dos nomes do line-up do Fire Fight Australia, festival que segue o conceito do histórico Live Aid. Assim como o evento de 1985 que marcou a história da banda, o novo festival também foi criado por uma boa causa. O Fire Fight Australia vai arrecadar fundos para a National Bushfire Relief, organização que está lutando para conter os incêndios florestais que têm destruído o país. Além do Queen, que se apresenta com Adam Lambert nos vocais, a escalação ainda tem nomes como Alice Cooper, k.d. lang, Olivia Newton-John e muito mais. O festival acontece no dia 16 de fevereiro no Estádio ANZ, em Sydney. Os ingressos estão à venda por aqui. Queen https://www.instagram.com/p/B7OwO89hihi/?utm_source=ig_embed 2020 marca o aniversário de 25 anos do lançamento de Made in Heaven, último disco lançado pela banda com Freddie Mercury nos vocais. Te contamos por aqui a história do álbum. Veja Mais

Nikkie de Jager, youtuber de maquiagem, revela ser uma mulher transgênero

G1 Pop & Arte Canal NikkieTutorials tem mais de 1,1 bilhão de visualizações e 12,5 milhões de inscritos. Nikkie de Jager, youtuber de maquiagem do canal NikkieTutorials Divulgação Nikkie de Jager, youtuber de maquiagem do canal NikkieTutorials, revelou ser uma mulher transgênero. Ela comentou sobre isso em um vídeo publicado no YouTube nesta segunda-feira (13). O canal NikkieTutorials tem mais de 1,1 bilhão de visualizações e 12,5 milhões de inscritos. “Quando eu era mais jovem, nasci no corpo errado, o que significa que sou transgênero. É tão surreal dizer isso”, diz Nikkie em seu vídeo. Nikkie conta que não gosta de rótulos, mas revelou que foi "chantageada" por pessoas que queriam espalhar detalhes sobre sua vida pessoal. Por isso, decidiu falar sobre o assunto em seu canal no YouTube. Ela comentou que sempre se identificou como mulher, desde quando tinha seis anos de idade. "Quando eu tinha 19 anos, já havia feito a transição completa. Eu mudei enquanto já estava no YouTube." O canal com dicas e tutorais de maquiagem está no ar desde que ela tinha 14 anos. Veja o vídeo com o relato completo de Nikkie: Veja Mais

Pearl Jam anuncia novo álbum e turnê pela América do Norte e Europa

Pearl Jam anuncia novo álbum e turnê pela América do Norte e Europa

R7 - Música Vagalume Vagalume Quase trinta anos depois de seu primeiro álbum, "Ten" é de 1991, o Pearl Jam anunciou que em breve lançará "Gigaton", seu 11° trabalho de estúdio. O novo disco chegará ao mercado em 20 de março e botará um fim em uma espera de sete anos por novas músicas da banda de Seattle. O single ""Dance of the Clairvoyants", chegará antes para que os fãs tenham uma ideia do que esperar do material que vem aí. "Fazer este disco foi uma longa jornada", disse o guitarrista Mike McCready em comunicado. “Foi emocionalmente sombrio e confuso às vezes, mas também um roteiro emocionante e experimental para a redenção musical. Colaborar com meus colegas de banda no Gigaton ao final me proporcionou mais amor, consciência e conhecimento da necessidade de conexão humana nesses tempos." O quinteto também já se prepara para, em breve, voltar à estrada. A princípio eles tocarão na America do Norte (entre 18 de março e 19 de abril) e na Europa (de 23 de junho a 23 de julho). OS fãs do Brasil ficam então na torcida para que uma etapa pela América do Sul seja realizada ou no final do ano, ou em. 2021. Veja a capa do álbum: Vagalume Vagalume Fonte: Vagalume Veja Mais

Europa quer padronizar entradas em smartphones; Apple segue "do contra"

Europa quer padronizar entradas em smartphones; Apple segue

canaltech Parlamentares europeus pretendem, mais uma vez, buscar um meio de forçar as fabricantes de smartphones e dispositivos móveis em geral a padronizar o conector dos aparelhos para simplificar a vida do usuário. Desde 2009 o parlamento tenta fazer com que todos os aparelhos tenham o mesmo formato, o que também reduziria impactos ambientais, de acordo com a justificativa dos defensores. Todo mundo já passou ou viu alguém passar por uma situação dessas: um smartphone vai chegando ao limite da bateria, e o usuário vai atrás de um cabo para conectar a uma tomada e ganhar mais algum tempo de uso. E aí tem que perguntar: “alguém aí tem o carregador do dispositivo tal?”, em vez de simplesmente pedir um cabo. É que a Apple tem seu próprio padrão, o Lightning, usado no iPhone desde o 5, lançado em 2012. Já nos dispositivos Android, o micro USB reinou durante muitos anos, e em 2019 o USB-C, que chegou em 2015 e foi ganhando espaço aos poucos, passou a ser o conector mais comum, apesar de alguns modelos de baixo custo ainda insistirem no outro padrão. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Apple não se mostrou preocupada em perturbar usuários ao remover conector P2 de seus produtos (Foto: Reprodução/Tihnte.vn) Mas essa diferença entre dispositivos é bem mais antiga. Hoje em dia até que simplificou bastante. Antes dos smartphones, cada fabricante tinha seu próprio tipo de conector, o que dificultava bem mais. Em 2009, o Parlamento Europeu começou a discutir sobre essa padronização, e em 2014 votou uma lei que encorajava as empresas a adotarem um único padrão de conector de carregamento. “A abordagem da Comissão de ‘encorajar’ a indústria a desenvolver carregadores padrões ficou aquém dos objetivos dos co-legisladores”, diz um comunicado do parlamento. “Os acordos voluntários entre diferentes agentes da indústria não alcançaram os resultados desejados”. Nova abordagem Cinco anos se passaram e os parlamentares acreditam que é hora de fazer uma nova tentativa. Alguns acreditam em tentar “medidas vinculativas” para assegurar que um único tipo de carregador seja compatível com todos os dispositivos móveis. Poderia ser o micro-USB, o USB-C ou até mesmo o Lightning. Contanto que todos adotem o mesmo, os europeus ficarão satisfeitos. “Um carregador comum deveria servir em todos os telefones móveis, tablets, leitores de e-book e outros dispositivos portáteis”, diz o texto no site do Parlamento Europeu, que vai começar a discutir o assunto nesta segunda-feira, 13. Padrão Lightning é proprietário da Apple (Foto: Divulgação) Do contra A Apple saiu em defesa do seu conector proprietário e, além do mais, contra a ideia de padronizar os carregadores para todas as marcas. “Mais de 1 bilhão de dispositivos Apple foram enviados usando um conector Lightning, além de todo um ecossistema de fabricantes de acessórios e dispositivos que usam o Lightning para servir nossos consumidores”, disse a empresa, em nota aos parlamentares. Uma das justificativas a favor da padronização é que, a cada ano, são geradas 51.000 toneladas de lixo eletrônico só de cabos antigos. Na nota, a Apple alerta para a necessidade de uma legislação que tome o cuidado de não obrigar as fabricantes a enviarem cabos extras ou adaptadores. “Isso poderia resultar em um volume de lixo eletrônico e incomodaria bastante os usuários. Forçar a perturbar esse gigantesco mercado de consumidores terá consequências muito além dos objetivos declarados pela Comissão”, segue a empresa. No entanto, é bom lembrar, a Apple não se mostrou tão preocupada em gerar lixo ou incomodar os usuários quando retirou a entrada de fone de ouvido dos seus dispositivos. O assunto está em discussão no momento, e será votado em uma sessão parlamentar no futuro. Há legisladores a favor e contra forçar as empresas a adotarem um único padrão para todos os dispositivos, e a aposta é que, no final, seja votada uma abordagem voluntária, em que as fabricantes decidem se utilizam carregadores padronizados ou não. A própria Comissão Europeia acredita que, se for esse o caso, a medida deve ser ignorada pelas empresas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Uber deve sair da Colômbia após decisão judicial; entenda Veja Mais

Microsoft aconselha usuários de Windows 7 a comprarem PCs Windows 10 Pro

Microsoft aconselha usuários de Windows 7 a comprarem PCs Windows 10 Pro

Tecmundo A Microsoft anunciou que não irá mais fazer atualizações de segurança no Windows 7 a partir de amanhã (14). Os usuários desse sistema operacional - que atualmente são quase 440 milhões, como informa a Tech Radar - podem migrar para o Windows 10 Pro com uma simples atualização, mas segundo a empresa essa não é a melhor estratégia.A desenvolvedora aconselhou que os usuários comprassem novos dispositivos com a última versão do SO, uma vez que a atualização em um dispositivo mais antigo pode gerar sérias incompatibilidades com o hardware e drives do computador. A situação fica ainda mais crítica quando estamos falando de computadores utilizados para negócios, apesar de o conselho ter sido direcionado a todos os usuários. A falta de suporte pode gerar brechas para invasores e malwares, fazendo com que o Windows 7 seja inseguro para qualquer pessoa.Leia mais... Veja Mais

Por que é tão difícil prever a erupção de vulcões?

Glogo - Ciência Antecipar esse tipo de fenômeno ou sua intensidade costuma ser uma tarefa complicada - mas cientistas ficam de olho em pelo menos três sinais. O vulcão de White Island, na Nova Zelândia, é um dos mais ativos do país - sua última erupção aconteceu em dezembro Getty Images via BBC A erupção do vulcão Taal, nas Filipinas, provocou uma violenta tempestade elétrica, forçou o fechamento do aeroporto da capital, Manila, e desalojou temporariamente cerca de 8 mil pessoas. Erupção do vulcão Taal coloca Filipinas em alerta; veja VÍDEO Vulcão Taal emite nuvem de cinzas e entra em erupção nas Filipinas; FOTOS Prever esse tipo de fenômeno ou sua intensidade, especialmente quando um vulcão está há muito tempo adormecido, costuma ser uma tarefa bastante complicada. Os cientistas que monitoram essas estruturas geológicas para tentar antecipar o momento em que elas cuspirão fogo e lava dão atenção especial a três sinais: terremotos, emissões de gases e alterações no relevo do entorno. A maioria das erupções é antecedida por um ou mais desses fenômenos. Assim, quanto mais dados eles reunirem sobre o vulcão, maiores as chances de preverem suas erupções. Foi assim em 1991, quando uma previsão bem-sucedida do Serviço Geológico dos Estados Unidos e do Instituto Filipino de Vulcanologia e Sismologia salvou estimadas 5 mil vidas. Os cientistas haviam monitorado por 10 semanas pequenas explosões no também filipino Monte Pinatubo e alertaram as autoridades para evacuarem a área do entorno o mais rápido possível. Essa foi uma das maiores erupções do último século. Cinzas do vulcão Taal causam transtornos nas Filipinas Ainda assim, a simples ocorrência de tremores ou fato de que a cratera está expelindo gases muitas vezes não dá aos especialistas informações suficientes para que eles consigam dizer se a erupção acontecerá dali a algumas horas, alguns dias ou mesmo meses. Populações inteiras já foram removidas desnecessariamente de áreas de risco por causa de previsões de erupção frustradas. Em contrapartida, algumas explosões acontecem sem qualquer tipo de "aviso prévio". Foi o caso, por exemplo, da erupção do Monte Ontake, em 2014, no Japão. A efetividade das agências de monitoramento também depende da disponibilidade de recursos e do nível de expertise das equipes locais. A Nova Zelândia, por exemplo, é referência nessa área e auxilia outros países da região com intensa atividade vulcânica, como a ilha de Vanuatu. Erupção do Tungurahua no Equador em 2016 Getty images via BBC A tecnologia de monitoramento neo-zeolandesa usa receptores GPS, sensores e drones, que atuam em paralelo com equipes que são enviadas aos locais para acompanhar os vulcões de perto. Ben Kennedy, vulcanologista na Universidade de Canterbury, diz que o país faz um esforço contínuo para ficar "cada vez melhor" no campo das previsões. "Conseguimos prever erupções vulcânicas (do modo) muito melhor do que grandes terremotos provocados pelo deslocamento de placas tectônicas, por exemplo", ele diz. Raio atinge cinzas do vulcão nas Filipinas Veja Mais

ONDE FRED VAI JOGAR? Veja o que Carlos Alberto acha: 'Cairia bem'

ONDE FRED VAI JOGAR? Veja o que Carlos Alberto acha: 'Cairia bem'

Fox Sports Brasil Quer saber tudo sobre o melhor do esporte? Acesse nossas redes! http://www.foxsports.com.br Baixe o APP! http://bit.ly/yt_cnbra ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #JogoSagrado #Cruzeiro #FoxSports Veja Mais

As principais contratações de 2020!

As principais contratações de 2020!

Fox Sports Brasil Quer saber tudo sobre o melhor do esporte? Acesse nossas redes! http://www.foxsports.com.br Baixe o APP! http://bit.ly/yt_cnbra ➡ Facebook: http://facebook.com/foxsportsbrasil ➡ Twitter: http://twitter.com/foxsportsbrasil ➡ Instagram: http://instagram.com/foxsportsbrasil Torcemos Juntos! #MercadoFOX #Futebol #Soccer Veja Mais

Dolly Parton está produzindo músicas para serem lançadas após sua morte

Dolly Parton está produzindo músicas para serem lançadas após sua morte

R7 - Música Dolly Parton Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Divulgação Dolly Parton, lenda viva da música americana, parece querer que sua voz ecoe pela eternidade através de seus clássicos mas também com canções inéditas. Em entrevista ao podcast Dolly Parton’s America a cantora revelou que está preparando um acervo de músicas para serem usadas após sua morte. Tenho centenas, centenas e até milhares de canções - uma grande parte delas nunca foi gravada. Há coisas suficientes para continuar eternamente com a minha música, para fazer álbuns de compilação e coisas novas. Ela explicou que deseja que essas faixas estejam tão próximas da finalização que os produtores possam usar somente a sua voz e assim criar colaborações póstumas ou que possam adequá-la a qualquer estilo de música. LEIA TAMBÉM: Dolly Parton pode substituir estátua de líder da KKK nos EUA Legado de Dolly Parton Uma das preocupações de Dolly é de que sem esse planejamento seu legado musical possa ficar preso em burocracias jurídicas. “Eu sou uma daquelas pessoas que acreditam que devem estar preparadas. Não quero deixar minhas coisas da mesma forma como Prince, Aretha ou qualquer pessoa que não planeje com antecedência deixa,” finalizou. https://www.youtube.com/watch?v=CqN7N9-AHXs Veja Mais

Promoção da Apple dá fone Beats de graça no Brasil; veja como funciona

Promoção da Apple dá fone Beats de graça no Brasil; veja como funciona

canaltech A Apple quer aproveitar o período de volta às aulas para vender mais Macs e iPads para estudantes no Brasil. Para isso, a companhia lançou uma promoção que, além de descontos nos produtos e em serviços da marca, como o AppleCare Protection Plan, traz também fones sem fio Beats de graça, bem como assinaturas gratuitas do Apple TV+. Para participar, alunos de universidades, assim como professores e demais profissionais do ensino superior, precisam comprovar que fazem parte das instituições de ensino, por meio de documentação. Funciona assim: ao comprar um MacBook Air, MacBook Pro de 13’’ ou 16’’, iMac, iMac Pro, iPad Air ou iPad Pro no site da Apple, você pode adicionar, sem custo adicional, o Beats Studio3, Beats Solo3 ou o BeatsX, de entrada — é possível escolher qualquer cor, com exceção das disponíveis nas coleções Camo e Club do Studio3. Imagem: Divulgação/Apple Vale destacar que o novo MacBook Pro de 16’’ tem preço inicial de R$ 19.519 e o iPad Air custa a partir de R$ 4.299. Para saber mais sobre a promoção e todos os preços e condições, é só acessar a página oficial da campanha. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Com vendas de 100 mil unidades do Mate X por mês, Huawei não bate Samsung Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Windows 7 não terá mais suporte da Microsoft a partir desta terça

G1 Economia Empresa está sugerindo que usuários do antigo sistema operacional migrem para o mais atual, o Windows 10. O que acontece quando o Windows 7 deixar de receber suporte da Microsoft? Reuters A Microsoft deixará de prestar suporte aos usuários do Windows 7 a partir desta terça-feira (14). Isso significa que o sistema operacional não receberá mais atualizações corretivas da Microsoft. A empresa explica que, com isso, "haverá um risco maior de encontrar vírus". O que acontece quando o Windows 7 deixar de receber suporte da Microsoft O colunista do G1, Ronaldo Prass, explica que, na prática, em um primeiro momento, pouca coisa deve mudar para o usuários. "O sistema permanecerá funcionando normalmente nos computadores, porém com o passar do tempo, programas desenvolvidos por terceiros deixarão de receber as suas respectivas atualizações". A própria Microsoft está recomendando que os usuários substituam o antigo sistema operacional pelo mais recente, o Windows 10. Além do novo programa, a empresa de tecnologia também sugere que os clientes não instalem o software mais atual nos computadores que rodavam com Windows 7. "Se o computador tiver mais de três anos, talvez seja hora de considerar a atualização para um novo dispositivo", diz a Microsoft, em uma área para tirar dúvidas de consumidores em seu site. O sistema operacional foi lançado em 2009, e foi sucedido por Windows 8 e Windows 10. Veja Mais

Twitter: como alterar a região dos trending topics no PC e celular

Twitter: como alterar a região dos trending topics no PC e celular

canaltech O trending topics usado pelo Twitter já se tornou uma referência em todo mundo, seja por sua relevância para assuntos mais sérios ou apenas para quem gosta de seguir uma tendência mundial, seja no segmento de música, moda ou alimentação, por exemplo. O objetivo do trending topics é ordenar os assuntos mais populares do dia seguindo os usuários da rede, entre referências locais e mundiais. Há quem prefira ver os assuntos que estão em alta no Brasil, enquanto outros preferem mudar a seleção de país para ver tendências globais. Se este é o seu caso, então você está no artigo certo. A seguir você irá aprender a trocar a região dos trending topics do Twitter no seu celular ou PC. Como ativar o modo escuro para Twitter no PC Como alterar a região dos trending topics no PC Lembrando que você precisa ter uma conta ativa no Twitter e estar logado com ela para seguir os passos deste tutorial. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Abra sua conta do Twitter; No menu lateral direito, clique no ícone de engrenagem que aparece ao lado de "Tendências de Brasil"; Escolha o ícone de engrenagem para ter acesso ao menu de ajustes / Captura de tela: Bruno Salutes No pop-up que irá se abrir, clique em "Alterar localização"; Onde estiver escrito "Brasil", clique e escolha o país de preferência. Altere a região do trending topics do seu Twitter / Captura de tela: Bruno Salutes Se você quiser visualizar os assuntos do momento em nível global, escolha a opção "Global" (ou "Worldwide", dependendo da sua configuração de região e idioma), que aparece junto na lista de países. Como alterar a região dos trending topics no PC No celular o procedimento é semelhante, e sua conta deve estar logada no aplicativo oficial do Twitter para Android e iOS. Abra o aplicativo do Twitter; Acesse o menu esquerdo deslizando para a direita; Em "Configurações e privacidade", clique em "Preferências de conteúdo"; Abra as preferências de conteúdo do app Twitter / Captura de tela: Bruno Salutes Na seção "Explorar", escolha "Assuntos do momento"; Agora, na tela seguinte, clique em "Alterar localização"; Escolha o país que você deseja ver os assuntos do momento. Escolha a localização dos seus trending topics / Captura de tela: Bruno Salutes Vale lembrar que você pode desfazer as alterações a qualquer momento refazendo o passo a passo deste tutorial e trocando a região novamente. A mudança na localização dos trending topics não altera a preferência de conteúdo que você vê em seu feed. Você acompanha os assuntos do país ou do mundo através do trending topics do Twitter? Deixe um comentário logo abaixo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Veja Mais

Chad Smith diz que John Frusciante quis voltar ao Red Hot Chili Peppers

Chad Smith diz que John Frusciante quis voltar ao Red Hot Chili Peppers

R7 - Música Red Hot Chili Peppers com John Frusciante Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Divulgação Há alguns dias ficamos todos surpresos com a notícia de que John Frusciante, lendário guitarrista do Red Hot Chili Peppers, estava de volta à banda após 10 anos de afastamento. É claro que se de um lado foi só alegria, do outro houve tristeza já que Josh Klinghoffer, seu substituto, foi avisado de que não estaria mais no grupo. Ontem (12) um fã da banda californiana conseguiu se encontrar com o baterista Chad Smith na sua exposição, 'The Art Of Chad Smith', e de acordo com o Red Hot Chili Peppers Brasil, fez algumas perguntas a respeito da nova fase. Volta de John Frusciante e Saída de Josh Klinghoffer Segundo a publicação do fansite, baseada em um post no Reddit, foram três pontos centrais abordados por Chad na conversa. O primeiro deles é que John sentiu vontade de estar em uma banda novamente e, sendo assim, gostaria que essa banda fosse o Red Hot Chili Peppers. Além disso, ele contou como Josh reagiu à notícia, dizendo que o ex-guitarrista 'ficou calado por um minuto e depois disse que estava muito feliz por eles.' O terceiro é que ele não sente nada além de 'amor e respeito' por Klinghoffer, mas destacou a química de Frusciante com o RHCP. Um quarto ponto, não exatamente relacionado à banda, é o baterista é fã de Harry Potter por causa dos filhos. Futuro do Red Hot Chili Peppers 2020 deve ser um ano movimentado para os Peppers. A banda já tem uma série de shows com John Frusciante anunciados para o ano e ainda deve gravar um novo disco de estúdio, o primeiro desde The Getaway (2016) e o primeiro com o velho novo guitarrista desde Stadium Arcadium (2006). LEIA TAMBÉM: Red Hot Chili Peppers confirma novo disco com John Frusciante Chad Smith e Ozzy Osbourne Vale lembrar que o baterista do Red Hot Chili Peppers é também o baterista do novo disco solo de Ozzy Osbourne, Ordinary Man, a ser lançado em Fevereiro. Ele não apenas assumiu o instrumento como se envolveu bastante na produção e nos arranjos, falando até sobre a faixa título ao lado de Elton John e Slash em primeira mão e descrevendo seu processo. Veja Mais

Ghosn pede pensão à Renault, alegando que carta de renúncia não tem validade, diz jornal

G1 Economia Ao francês 'Le Figaro', o ex-executivo disse que sua demissão, quando já estava preso, foi uma farsa. Carlos Ghosn em entrevista coletiva no Líbano, no último dia 8 de janeiro Mohamed Azakir/Reuters O ex-presidente da aliança Renault-Nissan Carlos Ghosn está processando a montadora francesa. O brasileiro, que estava em prisão domiciliar no Japão e fugiu para o Líbano, alega que a carta de renúncia da presidência da Renault, que assinou 1 ano atrás, ainda na prisão, não tem validade. "Minha demissão da Renault? É uma farsa!", disse o ex-executivo em entrevista ao jornal francês "Le Figaro", em Beirute. Segundo a reportagem, publicada no último domingo (12), ele quer uma pensão, além dos pagamentos de aposentadoria. “Reivindico meus direitos à aposentadoria e todos os direitos que me foram adquiridos. Eu primeiro queria que isso fosse resolvido amigavelmente", afirmou Ghosn ao jornal. Na época, o governo da França, que é acionista da Renault, pressionava a montadora a trocar o comando, que ainda estava oficialmente nas mãos de Ghosn, preso 2 meses antes, em novembro de 2018. Fianças milionárias e fuga Ghosn é acusado de irregularidades financeiras e quebra de confiança pela Nissan, no Japão. O ex-superstar da indústria automotiva pagou fiança milionária para deixar a prisão em março de 2019 e acabou detido novamente, dias depois, tendo de arcar com uma segunda fiança, para aguardar julgamento em prisão domiciliar. Fuga de Ghosn: o que falta esclarecer Ele é alvo de um alerta vermelho da Interpol emitido dias depois de sua fuga, no fim do ano passado. O país asiático também pediu que a mulher dele, Carole, que está com ele no Líbano, seja presa. O ex-executivo, que tem cidadania libanesa e francesa, nega as acusações. Em entrevistas em Beirute, Ghosn voltou a dizer que foi vítima de um complô dos diretores da Nissan com promotores japoneses porque a montadora temia que a Renault aumentasse sua influência sobre a aliança, que foi criada pelo brasileiro. O Ministério da Justiça do Japão repudiou as declarações. Jornal fala em separação da Nissan A aliança Renault-Nissan, que, mais recentemente incluiu a Mitsubishi, começou em março de 1999. Na época, à beira da falência, a japonesa Nissan, sob o comando de Ghosn, vendeu 36,8% de suas ações para a francesa Renault, que também era liderada pelo brasileiro. Também no último domingo, o jornal "Financial Times" publicou, de acordo com fontes, que a Nissan tem um plano para se separar da Renault. A medida incluiria uma divisão total nas áreas de engenharia e manufatura, e mudanças no conselho da Nissan. As ações da montadora francesa caíram cerca de 3% nesta segunda. As montadoras não comentaram a reportagem. Reveja entrevista de Ghosn à GloboNews, em Beirute: Carlos Ghosn fala sobre fuga e acusação de fraude fiscal Relembre quem é Carlos Ghosn e os principais pontos da prisão Arte/G1 Initial plugin text Veja Mais

'Poeira de estrelas' mais antiga na Terra é identificada e tem 7,5 bilhões de anos

Glogo - Ciência Cientistas que analisavam um meteorito descobriram o material mais antigo já descoberto. Alguns dos grãos pré-solares no meteorito de Murchison poderiam ter vindo de estrelas evoluídas semelhantes à Nebulosa do Ovo ESA/Hubble/Nasa/Janaína Ávila/BBC Cientistas que analisavam um meteorito descobriram o material mais antigo conhecido na Terra. Eles descobriram grãos de poeira dentro da rocha espacial — que caiu na Terra na década de 1960 — com até 7,5 bilhões de anos. O mais antigo dos grãos de poeira foi formado em estrelas que existiam muito antes de nosso Sistema Solar nascer. Uma equipe de pesquisadores descreveu o resultado na revista Proceedings, da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos. Quando as estrelas morrem, as partículas formadas dentro delas são lançadas no espaço. Esses "grãos pré-solares" são incorporados a novas estrelas, planetas, luas e meteoritos. "São amostras sólidas de estrelas, poeira estelar real", disse o principal autor do estudo, Philipp Heck, curador do Field Museum de Chicago e professor associado da Universidade de Chicago. Micrografia eletrônica de um grão pré-solar. Este exemplo tem cerca de 8 micrômetros de comprimento Janaína N. Ávila/BBC 'Balde em tempestade' Uma equipe de pesquisadores dos EUA e da Suíça analisou 40 grãos pré-solares contidos em uma parte do meteorito de Murchison, que caiu na Austrália em 1969. "Começamos com a trituração de fragmentos do meteorito", disse a coautora Jennika Greer, do Field Museum e da Universidade de Chicago. "Depois que todas as peças são segregadas, vira uma espécie de pasta e tem uma característica pungente — cheira a manteiga de amendoim podre." Em seguida, esta pasta difusa foi dissolvida em ácido, deixando apenas a poeira estelar. "É como queimar o palheiro para encontrar a agulha", disse Philipp Heck. Para descobrir a idade dos grãos, os pesquisadores mediram quanto tempo eles foram expostos aos raios cósmicos no espaço. Esses raios são partículas de alta energia que viajam por nossa galáxia e penetram na matéria sólida. Alguns desses raios interagem com o material que encontram e formam novos elementos. Quanto mais tempo eles são expostos, mais esses elementos se formam. Os pesquisadores usaram uma forma particular (isótopo) do elemento néon - Ne-21 - para datar os grãos. O meteorito de Murchison caiu na Terra em 1969 James St John/BBC "Eu comparo isso com colocar um balde em uma tempestade. Supondo que a chuva seja constante, a quantidade de água que se acumula no balde indica quanto tempo ficou exposta", disse o Dr. Heck. Medir quantos dos novos elementos estão presentes diz aos cientistas por quanto tempo o grão foi exposto aos raios cósmicos. Por sua vez, informa-os quantos anos tem. Alguns dos grãos pré-solares acabaram se revelando os mais antigos já descobertos. Com base em quantos raios cósmicos interagiram com os grãos, foi possível aferir que a maioria tinha entre 4,6 e 4,9 bilhões de anos. Para fins de comparação, o Sol tem 4,6 bilhões de anos e a Terra, 4,5 bilhões. No entanto, o mais antigo revelou uma data de cerca de 7,5 bilhões de anos. Só o começo O dr. Heck disse à BBC News que "apenas 10% dos grãos têm mais de 5,5 bilhões de anos, 60% dos grãos são 'jovens' (entre 4,6) e 4,9 a 4 bilhões de anos, e o restante está entre os mais velhos e os mais jovens". "Tenho certeza de que existem minerais pré-solares mais antigos no Murchison e outros meteoritos, mas ainda não os encontramos." Até hoje, o grão pré-solar mais antigo datado com isótopos de néon tinha cerca de 5,5 bilhões de anos. A descoberta contribui para o debate sobre se novas estrelas se formam a uma taxa constante ou se há altos e baixos no número de novas estrelas ao longo do tempo. "Graças a esses grãos, agora temos provas diretas de um período de formação estelar aprimorada em nossa galáxia, sete bilhões de anos atrás, com amostras de meteoritos. Essa é uma das principais conclusões de nosso estudo", disse Heck. Os pesquisadores também descobriram que os grãos pré-solares costumam flutuar juntos no espaço presos em grandes aglomerados. "Ninguém pensou que isso fosse possível nessa escala", explicou Heck. VÍDEOS SOBRE METEOROS Passagem de um meteoro foi registrada na Paraíba Veja Mais

Xiaomi registra Pocophone F2, Galaxy Z Flip dobrável – Hoje no TecMundo

Xiaomi registra Pocophone F2, Galaxy Z Flip dobrável – Hoje no TecMundo

Tecmundo No programa de hoje, temos novidade sobre a segunda geração da família Pocophone da Xiaomi, mudança de nome no próximo dobrável da Samsung, um Tesla falante e mais um atraso no 5G brasileiro com prejuízo milionário pro país. O Hoje no TecMundo traz as notícias de destaque no mundo da tecnologia, de segunda a sexta (exceto feriados), no fim da tarde.Leia mais... Veja Mais

China terá terceiro ano de queda nas vendas de veículos em 2020, segundo montadoras

G1 Economia Em 2019, os emplacamentos caíram 8,2% no maior mercado do mundo para automóveis. Fabricantes avaliam que desenvolvimento em 'alta velocidade' terminou. Pátio de veículos da Hyundai na China em 2017 ; vendas de carros devem cair pelo terceiro ano seguido em 202,0, segundo montadoras Thomas Peter/Reuters As vendas de veículos na China caíram 8,2% em 2019, na comparação com o ano anterior. Foi o segundo ano de recuo nos emplacamentos, e as montadoras esperam que a tendência continue em 2020. A queda neste ano deve ser menor, de 2%, segundo as estimativas da Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis (Caam). Com vendas foram pressionadas por novos padrões de emissão de CO2, em uma economia em desaceleração e que também enfrentava tarifas de importação dos Estados Unidos, a China precisa se acostumar com o novo normal de crescimento mais lento. As vendas anuais começaram a cair em 2018, recuando 2,8%, interrompendo uma marcha de crescimento iniciada nos anos 90 naquele que se tornou o maior mercado global de automóveis. "Nós passamos pela fase de desenvolvimento em alta velocidade. Temos de aceitar a realidade do desenvolvimento de baixa velocidade", disse Shi Jianhua, um oficial da associação de fabricantes. "Tivemos um crescimento em alta velocidade por 28 anos seguidos, o que realmente não foi ruim, então espero que todos possam olhar com calma para o mercado", completou. Observadores da indústria, no entanto, esperam que a recuperação das vendas nas cidades menores e a diminuição das tensões comerciais entre a China e os EUA possam ajudar a aliviar o declínio. Meta para elétricos é 'impossível' As vendas de veículos movidos a novas fontes de energia (NEVs), como os elétricos, na China aumentaram 62% em 2018, mas um corte de subsídio prejudicou o desempenho no ano passado. Os emplacamentos caíram 27,4% em dezembro, resultando em um declínio geral de 4%, para 1,24 milhão de unidades em 2019. Perguntado se a indústria poderá vender 2 milhões de NEVs este ano, uma meta originalmente estabelecida pelo ministério da indústria da China em 2017, o secretário-geral assistente da Caam, Xu Haidong, disse que isso "não é possível". Segundo ele, as vendas em 2020 provavelmente "permanecerão no mesmo nível ou aumentarão ligeiramente" em relação ao ano passado. Veja Mais

Skype: empresa da China ouvia áudios do app sem uso de segurança

Skype: empresa da China ouvia áudios do app sem uso de segurança

Tecmundo Segundo o The Guardian, a Microsoft manteve um programa de transcrição de áudio do Skype e Cortana que acessava conversas de usuários a partir da China sem adotar qualquer método de segurança ou verificação. De acordo com o jornal, isso era realizado por uma empresa terceirizada do país, a qual permitia que seus funcionários ouvissem os dados, inclusive de suas próprias casas, via aplicativo web executado no Chrome.A informação foi repassada ao veículo através de um ex-colaborador britânico da prestadora de serviço chinesa. “Eles apenas me davam um login por e-mail e tinha acesso às gravações da Cortana. Eu poderia hipoteticamente compartilhar esse logon com alguém”, revelou.Leia mais... Veja Mais

Sob elogios da crítica, Georgia lança seu segundo disco, “Seeking Thrills”

Sob elogios da crítica, Georgia lança seu segundo disco, “Seeking Thrills”

R7 - Música Georgia - Seeking Thrills Tenho Mais Discos Que Amigos Divulgação Chegou na última sexta-feira (10) Seeking Thrills, o aguardado segundo disco de Georgia. A artista britânica, cujo nome é Georgia Barnes, ganhou os holofotes lá em 2015 com seu disco de estreia, homônimo. Apesar de ser lançado só neste ano, Seeking Thrills já vem sendo divulgado desde 2017. Naquele ano a artista lançou o primeiro single de trabalho, 'Feel It'. Desde então, foram outros cinco singles até o lançamento do disco completo, que chega sob uma chuva de elogios e boas notas da crítica. No Metacritic, por exemplo, o disco está avaliado em 78 de 100 -- suas avaliações citam uma sonoridade 'confortante' e um 'tributo artisticamente construído às pistas de dança'. Ouça na íntegra logo abaixo! https://open.spotify.com/album/26FuPLPN5Vyznv9yFxKOTM?si=9or1EH7HT9mY0Wnn6rYZDQ Veja Mais

Roddy Ricch chega ao topo e Justin Bieber estreia em 2º lugar: Veja o top 10 singles dos EUA!

Roddy Ricch chega ao topo e Justin Bieber estreia em 2º lugar: Veja o top 10 singles dos EUA!

R7 - Música Vagalume Vagalume O rapper Roddy Ricch é o novo número 1 na parada de singles da parada norte americana. "The Box" subiu duas posições, superando grandes nomes. O segundo lugar ficou com Justin Bieber, que estreou com o seu novo single "Yummy". Post Malone, que estava em 1º na semana anterior, caiu duas posições e ficou em terceiro lugar. Veja o top 10 da semana abaixo: 1º - "The Box", Roddy Ricch (subiu duas posições) 2º - "Yummy", Justin Bieber (estreia) 3º - "Circles", Post Malone (caiu duas posições) 4º - "Memories", Maroon 5 (caiu duas posições) 5º - "10,000 Hours (With Justin Bieber)", Dan + Shay (subiu quatro posições) 6º - "Someone You Loved", Lewis Capaldi (caiu duas posições) 7º - "Dance Monkey", Tones And I (mesma posição) 8º - "Good As Hell", Lizzo (caiu duas posições) 9º - "Roxanne", Arizona Zervas (caiu quatro posições) 10º - "Lose You To Love Me", Selena Gomez (mesma posição)Clique para ver no VagalumeFonte: Vagalume Veja Mais

Vulcão nas Filipinas entra em erupção e preocupa autoridades

Vulcão nas Filipinas entra em erupção e preocupa autoridades

Tecmundo O vulcão Taal entrou em atividade nesta segunda-feira (13), e colocou as autoridades locais em estado de alerta. Até o momento, ao menos 30 mil pessoas já deixaram suas casas, mas o número pode passar de 200 mil nas próximas horas. A província de Batangas, onde está localizado o vulcão, declarou estado de calamidade.O Instituto Filipino de Vulcanologia e Sismologia registrou pelo menos 75 terremotos causados pelo vulcão e elevou o alerta para o nível 4, o segundo mais alto. Eles solicitaram uma evacuação total em um raio de 17 quilômetros do vulcão, devido ao risco de “uma erupção perigosa ocorrer em horas ou dias”.Leia mais... Veja Mais

Nova versão do Microsoft Launcher já está disponível para download

Nova versão do Microsoft Launcher já está disponível para download

canaltech Sem muita pompa, a Microsoft lançou nesta segunda-feira (13) uma preview do que deverá ser a versão 6.0 do Microsoft Launcher para Android, e de acordo com a empresa servirá para ela testar algumas funções novas no app antes do lançamento da versão completa. Isso porque o novo Launcher foi desenvolvido não apenas como um incremento do anterior, mas em cima de todo um código-base novo. Essa mudança permitiu que a Microsoft implementasse no programa algumas funções como o Modo Escuro e a navegação na forma de paisagem. Com mais de 10 milhões de downloads, o Microsoft Launcher é um dos aplicativos mais importantes da empresa, pois permite a integração entre os diversos serviços da empresa (como listas de tarefas, gerenciadores de e-mail e notificações de compromissos) de maneira bem simples entre o smartphone e o computador, além de fornecer aos usuários Android uma tela inicial altamente customizável. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Microsoft Launcher Preview rodando com a tela inicial no estilo "paisagem" e com Modo Escuro (Captura: Rafael Rodrigues/Canaltech) O Microsoft Launcher Preview 6.0 funciona em qualquer smartphone que possua o Android 7 ou mais novo como base, e pode ser baixado gratuitamente na Google Play Store. Mesmo assim, vale lembrar que o aplicativo ainda não está em sua versão completa, e por isso pode rodar com alguns bugs. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Uber deve sair da Colômbia após decisão judicial; entenda Veja Mais

Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada

Após doar 5 minutos de trabalho para ajudar a Austrália, Jeff Bezos vira piada

canaltech A Austrália está em chamas e, desde setembro do ano passado, quase 30 pessoas morreram vítimas dos incêndios e mais de duas mil casas simplesmente desapareceram do mapa. A devastação é tanta que uma onda de empresas busca levantar fundos para sua reconstrução. Nessa história, até a desenvolvedora do game Call of Duty: Modern Warfare doará parte dos seus lucros para a causa. Jeff Bezos é alvo de críticas por pequena doação para as vítimas da Austrália (Foto: Divulgação/ Amazon) Na semana passada, a Amazon também prometeu 1 milhão de dólares australianos, o que equivale a cerca de US$ 690.000, para apoiar vítimas dos incêndios que estão devastando o continente. Inclusive, criou uma lista de desejos de caridade, sem fins lucrativos (mas nenhum desconto), para engajar seus consumidores a colaborarem com a causa australiana. Com protetor solar e kit de ferramentas, a seleção traz itens que serão entregues diretamente para agências humanitárias locais. No entanto, a quantia doada vem gerando insatisfação e uma forte repercussão negativa. Isso porque as cifras anunciadas, praticamente, desaparecem quando são comparadas ao valor de mercado da Amazon, que é de US$ 936 bilhões. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Só o CEO da Amazon, Jeff Bezos, ganha US$ 690.000 em menos de cinco minutos, de acordo com uma estimativa do Business Insider, baseada no patrimônio líquido de Bezos relatado pela Forbes. Por ano, Bezos fatura cerca de US$ 78,5 bilhões, o que equivale a mais de US$ 215 milhões por dia ou ainda US$ 149.353 por minuto. Este número é uma estimativa baseada em quanto seu patrimônio líquido cresceu de um ano para o outro e não reflete, necessariamente, o salário exato de Bezos na Amazon. choose your fighter pic.twitter.com/19n1euu4r8 — jordan (@JordanUhl) 12 de janeiro de 2020 Entenda o problema Para a ajuda de vítimas dos incêndios australianos, o Facebook afirmou que doará 1,25 milhão de dólares australianos, e celebridades como Kylie Jenner prometeram doações maiores ou iguais as da Amazon. Inclusive, a influencer americana Kaylen Ward alega ter levantado quase o dobro do que a Amazon prometeu em doações, somente com a troca de nudes online por contribuições. I know everyone will be saying this but that is literally the equivalent of me announcing I am donating $0.69 — Spice Latté (@GTA4brycecity) 12 de janeiro de 2020 Como um usuário do Twiteer comenta: "eu sei que todo mundo vai dizer isso, mas é, literalmente, o equivalente a um anuncio meu de que estou doando $ 0,69 [para a causa]." Do outro lado, há também usuários que levantam o ponto de que ao menos a empresa está contribuindo, enquanto outras nem se engajaram contra os incêndios da Austrália. Até o momento, a Amazon não respondeu sobre pedido de comentário, referente à questão. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 Por que é tão difícil voltar a trabalhar depois das férias? A ciência explica! Uber deve sair da Colômbia após decisão judicial; entenda Veja Mais

Instagram remove publicações que apoiam general iraniano

 Instagram remove publicações que apoiam general iraniano

canaltech No último dia 2, o iraniano Qassem Soleimani, líder da Guarda Revolucionária Islâmica, foi morto em uma operação militar comandada pelos Estados Unidos. Desde então, publicações a favor do general iraniano e contra os oficiais militares dos EUA encheram redes sociais como o Facebook e o Instagram. Frente a isso, essas redes passaram a remover as publicações em favor do islâmico. Em um comunicado fornecido à CNN, o Facebook chegou a afirmar que sua empresa segue as leis de sanções dos EUA. Com isso em mente, o Instagram até suspendeu a conta de Soleimani na plataforma depois que os EUA designaram o IRGC como uma organização terrorista no ano passado. Ainda de acordo com a CNN, o Facebook relata que o Instagram remove contas executadas por de pessoas ou organizações sancionadas para cumprir a lei dos EUA e postagens que apoiam as ações de partidos e indivíduos sancionados.  Instagram remove publicações que apoiam general iraniano Acontece que depois do assassinato de Soleimani, pelo menos 15 jornalistas iranianos tiveram suas contas suspensas. O Instagram até restaurou algumas delas, mas as postagens com informações sobre o general foram excluídas permanentemente. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Falando agora de outra rede social: no Twitter, o porta-voz do governo Ali Rabiei protestou contra as ações do Instagram: “Em uma ação não democrática e sem escrúpulos, o Instagram bloqueou a voz de uma nação inocente que estava protestando contra o assassinato do general Soleimani, enquanto os verdadeiros terroristas têm direito a uma voz livre”, publicou. In an undemocratic and unashmed action,Instagram has blocked an innocence nations' voice protesting to the assesination ofGeneral #Soleimani,while the real terrorists have been given an open voice.The stick behind the democracy and media freedom is displayed in the nick of time — Alirabiei (@Alirabiei_ir) 6 de janeiro de 2020 Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão Fotos do novo smartphone da Samsung confirmam que ele se chamará Galaxy S20 Uber deve sair da Colômbia após decisão judicial; entenda Microsoft quer resolver problema de incompatibilidade de drivers no Windows 10 HP pode mudar atuação no mercado de impressoras, principalmente nas tintas Veja Mais