Meu Feed

Últimos dias

Alagamentos em São Paulo: capital entra em estado de atenção

Alagamentos em São Paulo: capital entra em estado de atenção

Tecmundo A cidade de São Paulo acordou em alerta neste domingo (25). As fortes chuvas que atingiram toda a capital deixaram o município em estado de alerta para possíveis alagamentos. Os avisos começaram às 11h28 da manhã, mas, com a queda de intensidade, foram retirados cerca de 3 horas depois.Os avisos de alerta foram emitidos pelo Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas da Prefeitura (CGE). As tempestades caíram em toda a capital do estado de SP. Em alguns bairros, como o Bela Vista e o Butantã, chegaram a ter chuvas de granizo por um período de tempo. Leia mais... Veja Mais

Como é utilizar o banheiro no espaço? Astronauta responde

Como é utilizar o banheiro no espaço? Astronauta responde

Tecmundo O astronauta estadunidense Chris Cassidy sanou uma recorrente dúvida sobre a rotina de viajantes espaciais: como é utilizar o banheiro no espaço. Em vídeo, Cassidy demonstra como é o processo de fazer “o número 1” e “visitar o trono” durante as missões, bem como algumas curiosidades relacionadas a isso.Os astronautas têm um espaço reservado na estação espacial para atender às suas necessidades fisiológicas: é o Waste e Hygiene Compartment (WHC). Esse ambiente é composto de uma cabine totalmente fechada, apertada e localizada próximo dos equipamentos de exercícios físicos — como a esteira e a máquina de levantamento de peso.Leia mais... Veja Mais

Covid-19: ciência guia apoio a vacinas, não nacionalidade, diz OMS

Covid-19: ciência guia apoio a vacinas, não nacionalidade, diz OMS

Tecmundo Em resposta às declarações do presidente Jair Messias Bolsonaro, de que o governo brasileiro não comprará vacinas chinesas para combater o novo coronavírus, Margaret Harris, porta-voz da Organização Mundial da Saúde (OMS), afirmou, nesta sexta-feira (23), que a entidade decide quem apoia pelo respeito aos critérios científicos estabelecidos, não pela nacionalidade. De acordo com Harris, "essa é a beleza de ser multilateral, esse é o ponto da ONU.""Nós escolhemos a ciência e deveremos escolher a melhor vacina. E, como se sabe, não vamos apoiar nenhuma até que seja provada a obtenção do mais alto padrão de segurança e do nível certo de eficácia", complementa Margaret. Mariângela Simão, vice-diretora-geral da instituição, aponta: "Hoje o mundo depende de muitos produtos farmacêuticos que são oriundos da China. Muitos dos princípios ativos farmacêuticos, boa parte das plantas, das fábricas de produção, por exemplo, de antibióticos, são chinesas, vêm da China."Leia mais... Veja Mais

NASA vai anunciar 'descoberta empolgante' sobre a Lua no dia 26

NASA vai anunciar 'descoberta empolgante' sobre a Lua no dia 26

Tecmundo Ontem (21), a NASA explicou através de um comunicado de imprensa que pretende anunciar “uma nova descoberta empolgante sobre a Lua” em uma coletiva na segunda-feira (26), às 13h (horário de Brasília).Segundo a publicação, a novidade veio do Observatório Estratosférico de Astronomia Infravermelha (cuja sigla em inglês é SOFIA), que realizou seu primeiro voo em 2007 e foi criado através da união da ciência da agência norte-americana com o Centro Aeroespacial Alemão.Leia mais... Veja Mais

Detritos podem ocasionar 'explosões na órbita', alertam cientistas

Detritos podem ocasionar 'explosões na órbita', alertam cientistas

Tecmundo A órbita terrestre está prestes a vivenciar uma escalada sem precedentes no risco de colisões com detritos espaciais, afirmam especialistas. Holger Krag, líder do programa de segurança espacial da Agência Espacial Europeia (ESA), alerta que acidentes no espaço podem resultar em “explosões na órbita”, devido a resíduos de combustíveis e energia deixados para trás.“O maior contribuidor para o atual cenário de detritos espaciais são explosões na órbita, ocasionados por energia descartada — combustível e baterias deixados em espaçonaves e foguetes”, comentou o cientista em uma declaração. Krag afirma que muito foi feito para evitar esse tipo de escalada, mas as medidas não foram eficientes para reduzir o número de eventos na órbita.Leia mais... Veja Mais

Anvisa autoriza compra de 6 milhões de doses da vacina CoronaVac

Anvisa autoriza compra de 6 milhões de doses da vacina CoronaVac

Tecmundo A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou, nesta sexta-feira (23), a importação de 6 milhões de doses da CoronaVac, imunização desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac. O pedido foi feito em caráter excepcional pelo Instituto Butantan, parceiro da farmacêutica asiática no Brasil.Na solicitação enviada à agência reguladora, o Butantan alegou que a autorização poderia facilitar a antecipação da distribuição da vacina contra covid-19 a uma parcela da população, conforme as recomendações de uso do Ministério da Saúde.Leia mais... Veja Mais

Astrônomos descobrem estrelas de cujos planetas ETs podem nos ver

Astrônomos descobrem estrelas de cujos planetas ETs podem nos ver

Tecmundo O método mais usado para se encontrar exoplanetas é aquele que observa o decaimento do brilho de uma estrela em intervalos regulares de tempo – o chamado método de trânsito. Dois astrônomos, porém, resolveram reverter essa perspectiva e imaginar quais planetas cujas estrelas estejam em linha direta com a Terra, se fossem habitados, estariam em posição de usar esse mesmo recurso para nos descobrir. O exercício rendeu uma lista de mais de mil estrelas próximas cujos planetas em sua órbita podem abrigar vida inteligente o bastante para fazer o mesmo que nós: tentar detectar vida extraterrestre.Leia mais... Veja Mais

Testes da vacina de Oxford seguem, apesar da morte de voluntário

Testes da vacina de Oxford seguem, apesar da morte de voluntário

Tecmundo A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou, nesta quarta-feira (21) que os testes clínicos da vacina de Oxford no Brasil não serão paralisados. A possibilidade de interrupção foi cogitada depois do anúncio da morte de um dos voluntários que participam do estudo, na última segunda-feira (19).Conforme o presidente da Anvisa Antônio Barra Torres, o Comitê Internacional de Avaliação de Segurança, responsável por analisar a eficácia das imunizações contra a covid-19 que estão sendo testadas, sugeriu a continuidade do ensaio, após a realização de uma revisão independente.Leia mais... Veja Mais

Demência causada por príons está se tornando comum no Japão

Demência causada por príons está se tornando comum no Japão

Tecmundo Em 2030, um em cada três japoneses terá 65 anos ou mais. Esse dado é preocupante à luz do estudo de uma equipe de pesquisadores da Universidade de Okayama sobre a incidência e mortalidade da doença de Creutzfeldt-Jakob (CJD) no Japão. Mesmo considerada um transtorno cerebral raro, casos da doença quase dobraram em uma década.O tecido cerebral humano, visto sob microscópio, exibe os buracos esponjosos causados pela doença de Creutzfeldt-Jakob.Leia mais... Veja Mais

Máquinas farão metade das tarefas de trabalho até 2025

Máquinas farão metade das tarefas de trabalho até 2025

Tecmundo Metade de todas as tarefas de trabalho será realizada por máquinas até 2025, segundo prevê um relatório do Fórum Econômico Mundial (WEF, na sigla em inglês). No documento, a organização afirma que a esperada "revolução robótica" vai criar 97 milhões de empregos em todo mundo e destruir outros tantos, deixando alguns grupos sociais em situação de vulnerabilidade.Segundo o WEF, trabalhos manuais e rotineiros que envolvam administração e processamento de dados serão automatizados; já novos empregos surgirão em campos como Economia Verde e Big Data.Leia mais... Veja Mais

Geofísicos confirmam a existência de placa tectônica ancestral

Geofísicos confirmam a existência de placa tectônica ancestral

Tecmundo O trocadilho é inevitável: dois geólogos da Universidade de Houston encontraram, usando tecnologia de mapeamento 3D, evidências que mostram que a Resurrection (Ressurreição) — uma ancestral placa tectônica no que hoje é a costa da América do Norte voltada para o oceano Pacífico — realmente existiu.A leste de onde é hoje o Alasca, medições detectaram a presença de grandes quantidades de magma, o que pode ser a consequência de intensa atividade vulcânica na região. Por isso, enquanto alguns geofísicos punham em dúvida a existência de uma terceira placa tectônica na região, além das já conhecidas Kula e a Farallon, outros argumentavam que faltava uma peça no quebra-cabeça. Leia mais... Veja Mais

MIT cria inteligência artificial para traduzir línguas 'mortas'

MIT cria inteligência artificial para traduzir línguas 'mortas'

Tecmundo Uma equipe de pesquisadores do Laboratório de Ciência da Computação e Inteligência Artificial do MIT (CSAIL) anunciou na última quarta-feira (21) a criação de um algoritmo de decifração capaz de fornecer automaticamente o significado de linguagens perdidas há muito tempo, mesmo que não tenham qualquer relação com outros idiomas.O projeto se baseia em um artigo escrito no ano passado pela professora Regina Barsilay, do MIT, e do estudante de doutorado Jiaming Luo, do MIT , que decifrou duas línguas mortas: o ugarítico e o Linear B, que levaram muitos anos para serem decifradas pelos humanos. Porém, essas línguas estavam relacionadas às primeiras formas do hebraico e do grego.Leia mais... Veja Mais

Estudo traz perfil com maior risco de desenvolver covid-19 prolongada

Estudo traz perfil com maior risco de desenvolver covid-19 prolongada

Tecmundo Uma a cada 20 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus fica doente por um período de no mínimo 8 semanas, mas o que determina a longevidade da infecção? Um estudo realizado pelo King's College London pode trazer algumas respostas, e, ao que parece, idade avançada e uma série de sintomas iniciais indicam a alta probabilidade dessa forma de covid-19 – ainda maior para aqueles que possuem excesso de peso e asma.O objetivo da pesquisa, segundo os cientistas, foi levantar dados para desenvolver metodologias de detecção precoce, o que possibilitaria atendimento especializado e garantiria o aumento das chances de recuperação. Para chegarem a essas conclusões, os pesquisadores coletaram informações relacionadas aos sinais apresentados logo no início dos casos, registradas no aplicativo Covid Symptom Study, e buscaram padrões que auxiliassem na previsão de cenários futuros.Leia mais... Veja Mais

Lixo espacial: SpaceX quer usar a Starship para realizar 'faxina'

Lixo espacial: SpaceX quer usar a Starship para realizar 'faxina'

Tecmundo Antes de levar astronautas à Lua e posteriormente fazer parte de uma histórica missão a Marte, a nave Starship pode ser utilizada em outra importante tarefa: recolher o lixo espacial. O plano foi anunciado pela diretora de operações da SpaceX Gwynne Shotwell, durante entrevista à TIME, nesta quinta-feira (22).Nomeada pela revista como uma das 100 pessoas mais influentes do mundo, Shotwell disse que a espaçonave, com capacidade para transportar até 100 toneladas de carga ou 100 passageiros, pode realizar esse trabalho de coleta na órbita terrestre. Assim, ajudaria a evitar, pelo menos em parte, um dos maiores problemas para a exploração espacial.Leia mais... Veja Mais