Meu Feed

Hoje

CUPOM DE R$ 1.000 | Compre Galaxy S20 ou S20+ e leve de brinde o Watch Active 2

CUPOM DE R$ 1.000 | Compre Galaxy S20 ou S20+ e leve de brinde o Watch Active 2

canaltech *IMPORTANTE: fique atento à data de publicação desta matéria, pois todos os preços e promoções estão sujeitos à disponibilidade de estoque e duração da oferta, que tem tempo limitado. Alterações de preço podem ocorrer a qualquer momento, sem prévio aviso. O preço ou valor total do produto poderá ser alterado de acordo com a localidade considerando frete e possíveis impostos interestaduais. Os novos topo de linha da Samsung já chegaram ao Brasil e, apesar de não terem preço oficial muito atraente, estão com ofertas interessantes durante a pré-venda. As Casas Bahia estão com uma mega oferta pelos dispositivos da Samsung, com redução de 20% no preço do Galaxy S20 e S20+. Para quem comprar agora, ainda tem direito a resgatar o relógio Galaxy Watch Active 2. Sobre o Galaxy S20 e S20+   Tendo o S20 Ultra como o mais caro e poderoso, as duas versões menores da família não deixam de oferecer alto poder de fogo e conjunto de câmeras impressionante. Ambos trazem tela Dynamic AMOLED com HDR10+ para melhorar contraste e deixas as cores mais nítidas. A diferença fica no tamanho: o Galaxy S20 tem 6,2 polegadas, contra 6,7 polegadas do S20+. Ambos ainda oferecem leitor de impressão digital embutido no display. Ah sim, com tamanhos de tela diferente, a capacidade de bateria também muda: 4.000 mAh para o modelo menor e 4.500 mAh para o "do meio" — há ainda o S20 Ultra, o maior dos três. No interior, tudo igual nos dois modelos: plataforma Exynos 990, com processador de oito núcleos, 8 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento. Há espaço para utilizar um cartão micro SD e expandir a memória até 1 TB. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- O grande destaque desta nova linha de smartphones está nas câmeras. A Samsung promete que estes aparelhos "mudarão a história da fotografia" mobile. O S20 tem câmeras traseiras de 12, 64 e mais 12 megapixels, com zoom híbrido de 3x. A Samsung garante ser possível dar zoom de até 30 vezes em suas fotos, sem perda de resolução. Para selfies, a câmera frontal é de 10 MP. No S20+, a diferença fica para a presença de um sensor ToF, cuja função é capturar ainda melhor a profundidade entre o aparelho e o objeto fotografado. Esse sensor emite feixes de luz infravermelha como se fosse um radar, medindo o tempo que a luz leva para voltar ao sensor e, então definindo quão distante está o objeto. Isso gera um mapeamento em três dimensões, e tudo isso, resumindo, melhora a qualidade das fotos de várias maneiras. Exemplo: todos os elementos de uma cena podem sair em foco com mais precisão, ao apertar de um botão na tela. Desconto ultrapassa os R$ 1.000! Galaxy S20, S20+ e S20 Ultra (Foto: Adriano Ponte/Canaltech) Nas Casas Bahia, você leva o seu Galaxy S20 por apenas R$ 3.949,10 à vista, utilizando o cupom GALAXYS20. No cartão, você pode parcelar em até 12 vezes, pagando R$ 4.499, desconto total de R$ 1.000 no valor cheio. Não esqueça de incluir o cupom na tela do carrinho. Você ainda tem direito a resgatar um smartwatch Galaxy Watch Active 2 de brinde, veja instruções abaixo. Só o relógio vale mais de R$ 1.350, ou seja, o recém lançado S20 está saindo por menos de R$ 2.600. Fica a dica do Canaltech para quem quiser economizar ainda mais: você pode vender o relógio e ficar só com o aparelho. O Galaxy S20+ também participa da promoção com o cupom. Inserindo o vale GALAXYS20 na tela do carrinho, o dispositivo fica R$ 4.399,10 à vista ou R$ 4.999 em até 12 vezes no cartão. Assim como no S20, o S20+ te permite resgatar um Galaxy Watch Active 2 posteriormente no site da Samsung. Clique aqui para comprar o Galaxy S20 ou S20+ nas Casas Bahia. É só escolher o seu modelo e a cor e fechar o carrinho. Depois, cadastre-se no site da Samsung (instruções abaixo) para pedir o seu Galaxy Watch Active 2. Como solicitar o seu brinde: Galaxy Watch Active 2 O processo para solicitar seu brinde é simples. Após receber e ativar seu S20, basta acessar o site promocional da Samsung e clicar no botão "Resgate seu brinde". Selecione a loja Casas Bahia, o modelo do Galaxy S20 adquirido, preencha a data de compra e o código IMEI do aparelho (código impresso na caixa do aparelho). Por último, envie o arquivo da nota fiscal, de preferência em JPG, PNG ou PDF. No passo seguinte serão solicitados endereço e dados de identificação. Pronto, agora basta aguardar a Samsung lhe enviar a confirmação por e-mail. Após a validação da documentação de compra o aparelho será enviado para seu endereço. Promoção válida somente nas compras realizadas no período de 12/03/2020 a 03/05/2020. O resgate poderá ser feito até 03/06/2020. *O Canaltech Ofertas tem como objetivo informar seus leitores e publicar as melhores ofertas encontradas no varejo brasileiro. Entretanto, não nos responsabilizamos por alterações posteriores nos preços informados, uma vez que as ofertas aqui apresentadas podem ter diferentes períodos de vigência. Recomendamos aos nossos leitores que sigam nossas publicações e participem do nosso grupo de descontos no Telegram para receber as melhores indicações de ofertas assim que elas forem publicadas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Ouviu o barulho no céu? Entenda o fenômeno que assustou os brasileiros no FDS Veja Mais

Nova Beta do navegador da Samsung para Android ganha reforço de privacidade

Nova Beta do navegador da Samsung para Android ganha reforço de privacidade

canaltech A Samsung começou a liberar hoje (06) a versão 11.2.0.64 Beta do Samsung Internet, seu navegador nativo para Android, com uma série de novidades relacionadas a privacidade e interface – esta última com recursos compatíveis com diferentes tamanhos de tela. One UI 2.5: Samsung já está desenvolvendo nova interface para smartphones Veja mais detalhes sobre a nova interface One UI 2, da Samsung Atualização para Galaxy S10 e Note 10 com One UI 2.1 está disponível globalmente Novos recursos de privacidade e segurança O navegador ganhou um novo recurso chamado "Bloquear páginas indesejadas", que faz exatamente o que parece: interrompe sites mal-intencionados de inserir abas indesejadas e cookies de rastreamento sem que você saiba. Aliado à função citada acima, a Samsung também anunciou uma melhora no Smart Anti-tracking, que agora é capaz de detectar e bloquear spam e cookies de rastreamento mais rápidamente. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Outra novidade da atualização vai impedir que os sites iniciem certos aplicativos, como o YouTube, sem a sua permissão. Samsung Internet compatível com telas grandes A interface One UI oferece uma experiência de uso adaptada que tira todo proveito das telas grandes dos smartphones da Samsung. O navegador de internet da sul-coreana dá sequência a essa ideia e aprimorou a sua navegação para ser usado em celulares com formatos de tela diferentes, como o Galaxy S20. Além disso, foram adicionados novos atalhos rápidos que você pode adicionar à barra de menus, como Modo Secreto, procurar algum endereço, fechamento e abertura de guias e desativar o Ad-Blockers. Novos atalhos do Samsung Internet Beta (Foto: Reprodução/Medium) A nova versão do Samsung Internet Beta está disponível na Play Store e as novidades já podem ser testadas. No entanto, não há garantia de que todos os recursos apresentados serão transportados à versão estável do app. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Resident Evil 8 pode sair em 2021 com visão em primeira pessoa

Resident Evil 8 pode sair em 2021 com visão em primeira pessoa

canaltech O remake de Resident Evil 3 mal saiu e as informações já apontam para um lançamento de Resident Evil 8. Pelo menos é isso o que aponta Dusk Golem, insider conhecido por acertar alguns palpites sobre os rumos da saga. No Twitter, ele falou que um novo título da franquia de horror deve chegar no ano que vem, trazendo de volta a jogabilidade em primeira pessoa e algumas inovações para a saga. O protagonista de Resident Evil 7, Ethan, deve retornar, assim como Chris e uma pegada mais voltada para o terror do game de 2017 (apesar de, logo na sequência, afirmar que a participação de ambos havia sido “modificada”). Dusk Golem descreve um título focado no horror psicológico, com alucinações, insanidade e ocultismo presentes no enredo e na jogabilidade, com direito a inimigos descritos como bruxas que não podem ser mortas e lobisomens, outro elemento já citado em vazamentos anteriores. O insider vai além, afirmando que o título que se tornou Resident Evil 8 fazia parte, originalmente, da subsérie Revelations, mas os testes internos com fãs foram tão positivos que a Capcom decidiu dar ao jogo um ano adicional de desenvolvimento e promovê-lo a game numerado. Segundo ele, apesar das diferenças, o jogo ainda é um título que faz jus à franquia, mas suas alterações podem desagradar aos fãs mais puristas. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Okay, so the little game is done. This will be breaking this month with more details later not by myself, but I've needed to clear some stuff up. "Resident Evil 2021" is Resident Evil 8, but it wasn't always RE8. During most of its development it existed as Revelations 3. — AestheticGamer aka Dusk Golem (@AestheticGamer1) April 4, 2020 Restam dúvidas, entretanto, sobre quando o jogo será anunciado. De acordo com Dusk Golem, um vazamento mais completo deve surgir ainda em abril e o anúncio completo estava sendo preparado pela Capcom para a E3. Entretanto, como anunciado recentemente, a feira não deve existir nem mesmo como evento digital, deixando no ar exatamente em que momento a produtora realizará a apresentação de Resident Evil 8. Ele deixa claro, entretanto, que se tratará de um jogo cross-gen, ou seja, que sairá para a atual geração de consoles e para a próxima. Por que The Last of Us: Part II foi adiado indefinidamente? Conheça 10 jogos de smartphone para entreter as crianças em tempos de isolamento Ainda de acordo com o insider, outro game estava sendo desenvolvido para ser o oitavo título da franquia. Com a troca no caráter do suposto Revelations 3, esta sequência acabou ficando para depois e não se sabe exatamente o que vai acontecer com ela — Dusk Golem afirma, apenas, que o título está a alguns anos de seu lançamento e não deve ver a luz do dia tão cedo. For one clarification, I do not know precisely when the game will be revealed. I do know the original ideas was it was going to be revealed at this E3, but of course that's not happening now.The later this month comment is something different than an official announcement. — AestheticGamer aka Dusk Golem (@AestheticGamer1) April 4, 2020 A Capcom, claro, se mantém calada e não fala em rumores ou especulações, enquanto trabalha na divulgação de seu mais recente lançamento, o remake de Resident Evil 3 e de Resistance, um título independente e gratuito que acompanhou a reimaginação e é focado no multiplayer online. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

Roteirista de Rick and Morty escreverá Homem-Formiga 3

Roteirista de Rick and Morty escreverá Homem-Formiga 3

canaltech Com Paul Rudd no papel-título, Homem-Formiga é um dos braços mais cômicos da Marvel, que sempre traz um pouco de humor para seus filmes. Vale lembrar que o humor de Scott Lang varia entre azedo e non-sense e é por isso que a Marvel foi procurar em Rick and Morty o seu novo roteirista: Jeff Loveness. Segundo informações divulgadas pelo The Hollywood Reporter, a Marvel já teria contatado e fechado as negociações com Loveness, que agora está atrelado ao roteiro de Homem-Formiga 3. Chegou ao Brasil o Amazon Prime, maior concorrente mundial da Netflix. Teste grátis por 30 dias! Loveness escreveu o roteiro de Claw and Hoarder: Special Ricktim's Morty, o quarto episódio da 4ª temporada de Rick and Morty, memorável por todo humor non-sense de duplo sentido envolvendo relações entre familiares e com dragões. Além disso, o roteirista coproduziu cinco episódios da série animada e roteirizou oito episódios do Jimmy Kimmel Live! -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- T04E04 Claw and Hoarder: Special Ricktim's Morty (Imagem: Adult Swim) Coronavírus | Evangeline Lilly pede desculpas por postagem no Instagram Crítica | Homem-Formiga e a Vespa ou os elos com o tempo Peyton Reed: diretor dos dois primeiros Homem-Formiga conduzirá o terceiro O roteiro de Loveness será dirigido por Peyton Reed, que também realizou Homem-Formiga (2015) e Homem-Formiga e a Vespa (2018). Em fase de pré-produção, a Marvel está dando continuidade a tudo que pode ser resolvido virtualmente e, sem previsão para retomar às reuniões presenciais por causa da pandemia do coronavírus, Homem-Formiga 3 segue sem data de estreia, embora ainda seja aguardado para 2022. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video

Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video

canaltech A Amazon lançou a sua divisão Amazon Studios de produção de filmes e séries ainda em 2010 e, desde então, vem acrescentando novos títulos na indústria e também na sua plataforma de streaming, o Prime Video. A companhia, hoje, é concorrente direta de vários outros serviços de streaming do mundo e não deixa a desejar na hora de entreter, informar e contar histórias. Se você ainda não está muito familiarizado com as produções originais da Amazon disponíveis no Prime Video, o Canaltech fez uma lista com os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video que você precisa conhecer. Tem filmes de ação, fantasia, suspense, drama e até documentários. Ficou curioso? Então confira a lista completa com os melhores filmes originais do Amazon Prime Video! -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- 1. One Child Nation Imagem: Divulgação A primeira dica de produção original do Amazon Prime Video é One Child Nation, um documentário que fala sobre a política de filho único da China, contando a história de pessoas que foram afetadas por ela. A medida foi criada para conter o crescimento da população do país, que no fim do ano passado chegou à marca de 1,4 bilhão. O documentário foi comandado pelas cineastas chinesas Nafu Wang e Jialing Zhang. 2. Troop Zero Imagem: Divulgação Troop Zero se passa no estado da Geórgia rural de 1977, nos Estados Unidos, contando a história de uma garota fora dos padrões que tem o sonho de viver no espaço. Graças a uma competição nacional, ela ganha a chance de ter a sua voz gravada no Golden Record da NASA, e para isso uma tropa improvisada de escoteira é recrutada para ajudá-la nesta missão. Fazem parte do elenco de Troop Zero atrizes como Viola Davis (Miss Rayleen), McKeena Grace (Christmas Flint) e Allison Janney (Miss Massey). O filme é dirigido por Bert & Bertie. 3. Querido Menino Imagem: Divulgação Em Querido Menino, Timothee Chalamet é Nic Sheff, um jovem viciado em metanfetamina que acaba abalando a estrutura da família. É quando seu pai, David Sheff (Steve Carell), um jornalista e escritor influente, tenta entender onde falhou na criação do jovem, que sempre recebeu carinho e suporte dos pais, e como a droga causa dependência. O filme é comandado pelo diretor Felix Van Groeningen, contando ainda com Maura Tierner, Jack Dylan Grazer, Oakley Bull e Christian Convery no elenco, entre outros. 4. A Maratona de Brittany Imagem: Divulgação Filmes, Séries, Musicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? A Maratona de Brittany conta a história da própria Brittany, interpretada por Jillian Bell, uma mulher exausta de sua rotina, que consiste em fazer coisas que não gosta para agradar quem está a sua volta. Mas a vida dela dá uma reviravolta quando vai ao médico e recebe um diagnóstico inesperado, fazendo com que ela comece a fazer exercícios e ver sua rotina mudar completamente. Também fazem parte do elenco os atores Patch Darragh como Dr. Falloway, Alice Lee como Gretchen e Michaela Watkins como Catherine, e o filme é dirigido por Paul Downs Colaizzo. 5. Os Aeronautas Imagem: Divulgação Os Aeronautas é dirigido por Tom Harper e se passa em Londres de 1862, acompanhando a vida de Amelia Wren (Felicity Jones) e James Glaisher (Eddie Redmayne). Ela, uma mulher experiente no balonismo, e ele um cientista que vai realizar o sonho de viajar de balão ao lado da jovem, em uma missão inédita e perigosa: chegar a uma altitude nunca antes alcançada por algum ser humano. O elenco de Os Aeronautas ainda conta com Tom Courtenay como Arthur Glaisher, Tim McInnerny como Airy, Phoebe Fox como Antonia, entre outros. Crítica | Os Aeronautas é uma biografia muito pouco biográfica 6. Guava Island Imagem: Divulgação Em 2019, a Amazon Prime Video lançou o filme Guava Island, dirigido por Hiro Murai e que conta com Donald Glover, Rihanna e Letitia Wright no elenco. A trama, que tem menos de uma hora de duração, conta a história de Deni Maroon, um jovem músico que usa os poucos recursos que tem para criar um festival de música e que tem o objetivo de libertar a população da Ilha de Guava. Também fazem parte do elenco os atores Renny Arozarena, como o açougueiro, Nonso Anozie, como Red Cargo, Alan Jael Velázquez Abreu como Kiko, entre outros. 7. O Relatório Imagem: Divulgação Tendo o atentado terrorista de 11 de setembro de 2001 como cenário, o filme O Relatório mostra a CIA usando a tortura para conseguir informações de pessoas classificadas como perigosas para os Estados Unidos. Anos depois, Daniel J. Jones, interpretado por Adam Driver, começa a investigar denúncias sobre o caso e luta para conseguir os documentos necessários para provar o que acontecia. Estão no elenco de O Relatório os atores Annette Bening como Dianne Feinstein, Jon Hamm como Denis McDonough, Sarah Gouldberg, entre outros, sob direção de Scott Z. Burns. 8. Suspiria Imagem: Divulgação No filme Suspiria, lançado em 2019, a bailarina norte-americana Susie Bannion (Dakota Johnson) viaja à Berlim para entrar na famosa academia de dança Markos Tanz Company. Chegando lá, a personagem Patricia (Chloe Grace Moretz) desaparece misteriosamente e, enquanto aprimora suas habilidades na dança, começa a se envolver com o caso. O elenco da trama conta ainda com Tilda Swinton como Helena Markos, Mia Goth como Sara, Jessica Harper como Anke, entre outras. 10 filmes para assistir no Amazon Prime Video durante o isolamento 9. City of Ghosts Imagem: Divulgação No documentário City of Ghosts, de Matthew Heineman, acompanhamos a jornada de um grupo chamado Raqqa is Being Slaughtered Silently, composto por jornalistas anônimos que se uniram após verem o seu país ser dominado pelo Estado Islâmico. 10. Sem Fôlego Imagem: Divulgação Comandado pelo diretor Todd Haynes, Sem Fôlego se passa em dois cenários, sendo o primeiro em 1977, acompanhando a vida do garoto Ben (Oakes Fegley), que ficou surdo após um raio cair em sua casa. O segundo se passa 50 anos antes e é sobre a garota também surda Rose (Millicent Simonds), que foge de casa para encontrar a mãe. A vida dos dois garotos está interligada por um livro. Também fazem parte do elenco de Sem Fôlego Julianne Moore como Lilian Mayhew, Michelle Williams como Elaine, Amy Hargreaves como Jenny, entre outros. E para você, quais são os melhores filmes originais do Amazon Prime Video? Conte-nos aqui nos comentários! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Veja Mais

Diretor de Shazam! aproveita isolamento para criar novo curta de terror

Diretor de Shazam! aproveita isolamento para criar novo curta de terror

canaltech   Em 2013, David F. Sandberg lançou o curta Luzes Apagadas (acima), com atuação de Lotta Losten, sua companheira. Com apenas três minutos de duração, o filme foi um sucesso, viralizou na internet e rendeu Quando as Luzes se Apagam, uma adaptação lançada em 2016. Enquanto o curta apenas mostrava uma sequência de terror, sem aprofundar nenhum dos personagens, o longa, com roteiro de Eric Heisserer, acompanha a protagonista Rebecca (Teresa Palmer), que, junto com seu irmão mais novo, precisa desvendar o mistério sobre um espírito sobrenatural ligado à mãe deles.   Agora, aproveitando o ócio criativo do isolamento, enquanto pouco tem a se fazer para tocar adiante a sequência de Shazam!, o cineasta gravou um novo curta-metragem intitulado Shadowed, estrelado novamente por Lotta Losten. No Twitter, Sandberg divulgou o filme dizendo “Criei um novo curta de terror de 3 minutos, 'Shadowed', junto com @lottalosten” e justificou que, afinal, o que mais eles poderiam fazer enquanto estão presos dentro de casa? -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Made a new 3 minute horror short, 'Shadowed', together with @lottalosten because what else are we going to do while stuck indoors.YouTube: https://t.co/o7EPpTjwpqVimeo (often better quality): https://t.co/OYf63PbGbA pic.twitter.com/GPAp8eMQcc — David F. Sandberg (@ponysmasher) April 2, 2020 Amazon Prime chegou ao Brasil e está todo mundo assinando. Já fez seu teste grátis de 30 dias? Clique aqui!   Em resposta, um usuário comentou: “Impressionante, como sempre! Curioso como você fotografou/editou as sombras”. Sandberg respondeu que utilizou o After Effects e o Blender para editar as imagens e que, em breve, irá publicar um vídeo com os bastidores, no qual explicará melhor isso. After Effects and Blender. I’ll put together a behind the scenes soon. https://t.co/fG616Q5vuv — David F. Sandberg (@ponysmasher) April 2, 2020 Outro usuário elogiou o jogo de sombras dizendo que “é supereficaz” e que faz pensar que Sandberg “arrumou uma sala, a texturizou e a dimensionou”, além de notar que, em comparação ao primeiro curta, a resolução aumentou, o que foi confirmado pelo próprio realizador, que disse ter utilizado uma BlackMagic Pocket com resolução 4K. Yeah I recreated the basic geometry of the hallway in 3D using fSpy+Blender. This is the first short we’ve done in 4K using the @Blackmagic_News pocket 4K. https://t.co/HIWLbboohM — David F. Sandberg (@ponysmasher) April 2, 2020 Os lançamentos da Netflix em abril de 2020 Darkflix | Streaming nacional de filmes e séries de horror deve chegar em abril 10 filmes para assistir no Amazon Prime Video durante o isolamento Recentemente, Sandberg disse que está fazendo o possível para não adiar o início da produção da sequência ainda sem título de Shazam!, que deve iniciar ainda este ano para lançamento em 2022. Antes disso, ainda veremos Adão Negro, estrelado por Dwayne Johnson, em 2021, mas embora sejam do mesmo universo, o filme solo do vilão é um spin-off e será dirigido por Jaume Collet-Serra. Será que também veremos um longa de Shadowed? Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Como estão as missões da NASA em meio à pandemia de COVID-19?

Como estão as missões da NASA em meio à pandemia de COVID-19?

canaltech A NASA conta com milhares de cientistas e especialistas de diversas áreas cuidado de suas muitas missões em andamento. Devido à epidemia de COVID-19, eles estão agora trabalhando em suas respectivas casas, reunindo-se virtualmente através de videoconferência - e isso não impede que as naves e sondas espaciais atualmente em funcionamento continuem seu trabalho. Além de várias pesquisas que a NASA está realizando sobre o impacto da pandemia ao redor do planeta, a agência espacial dos EUA continua a manter suas missões robóticas através do Community Coordinated Modeling Center - uma parceria entre várias agências para executar e apoiar as pesquisas e o desenvolvimento da ciência espacial e os modelos de clima espacial. Entre as missões que continuam a todo vapor, estão o Solar Dynamics Observatory e o Solar Terrestrial Relations Observatory, que monitoram o Sol 24 horas por dia, sete dias por semana. A agência espacial também segue “de olho” em asteroides, detectando e estudando objetos que se aproximem da Terra. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- NASA e ESA premiarão propostas de pesquisas que ajudem no combate ao coronavírus Após interrupção devido ao coronavírus, missões espaciais da ESA voltam à ativa Coronavírus no espaço? O que a NASA faria caso um vírus do tipo chegasse à ISS Concepção artística que mostra a sonda OSIRIS-REx coletando amostras do asteroide Bennu (Imagem: NASA) Também há estudos sendo feitos em asteroides mais distantes, como Bennu, observado de pertinho pela sonda OSIRIS-REx. No dia 14 de abril, ela fará um sobrevoo a uma distância de cerca de 125 metros da superfície. Depois, em 26 de maio, passará a 250 metros de altitude do local conhecido como Osprey, uma das regiões do asteroide onde amostras serão coletadas e, posteriormente, trazidas à Terra. A NASA também enviou recentemente um relatório ao Conselho Nacional do Espaço sobre o Programa Artemis, que levará a primeira mulher e o próximo homem à Lua. Também foi apresentado um cronograma para o estabelecimento de uma presença humana sustentável e permanente na Lua. O projeto inclui vários elementos: um veículo lunar que transportará a tripulação na superfície do satélite natural; uma plataforma habitável móvel que permitirá a realização de viagens com estadias prolongadas na Lua, com duração de até 45 dias; uma plataforma habitável fixa, que abrigará até quatro astronautas em estadias mais curtas; e a estação Gateway, que permanecerá na órbita lunar para realizar pesquisas científicas. Infográfico mostrando a evolução das atividades lunares do Programa Artemis na superfície e em órbita (Imagem: NASA) “Nos próximos anos”, disse o administrador da NASA, Jim Bridenstine, “Artemis servirá como nossa Estrela do Norte, enquanto continuamos a trabalhar para uma exploração ainda maior da Lua, onde demonstraremos os principais elementos necessários para a primeira missão humana a Marte”. Falando em Marte, o rover Curiosity realizou recentemente mais uma atividade de perfuração. Foi a primeira tarefa desse tipo a ser executada enquanto a equipe da missão controla o robê trabalhando em home office. O buraco foi perfurado em um local específico com o objetivo de compreender mais sobre um material que formava a camada que cobria uma grande parte da cratera Gale. Júpiter, por sua vez, receberá uma nova aproximação da sonda Juno em 10 de abril. Ela fará um sobrevoo a uma atitude projetada para realizar medições de partículas na aurora do planeta. Os cientistas esperam obter dados que ajudarão a responder perguntas importantes sobre como a aurora do planeta funciona, comparando-a com as auroras da Terra. Concepção artística da sonda Juno em Júpiter (Imagem: NASA) Enquanto isso, a NASA comemora, neste mês de abril, o trigésimo aniversário do telescópio espacial Hubble, que fará aniversário no dia 24. O outro grande observatório operacional da NASA, o Chandra, continua a estudar objetos em todo o universo por meio de "visão" de raios-x. Nas últimas semanas, ele coletou dados da Supernova 1987A e de um aglomerado de galáxias em desenvolvimento a 10 bilhões de anos-luz de distância, entre outros objetos. O Chandra também observará, em breve, um possível magnetar - estrela de nêutrons com um campo magnético extraordinariamente forte - descoberto em 10 de março. Por fim, dados científicos continuam sendo enviados da Estação Espacial Internacional (ISS), inclusive do NICER, um telescópio da NASA que fica na estação orbital. Alguns dos destaques do NICER nas últimas duas semanas incluem a detecção de uma falha em um magnetar e a descoberta de um sistema binário de estrelas de nêutrons. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

App store e Play store batem recorde e já somam US$ 23 bilhões em 2020

App store e Play store batem recorde e já somam US$ 23 bilhões em 2020

canaltech As medidas de isolamento social implementadas por diversos países surtiram um efeito bastante positivo no setor de aplicativos. Isso porque tanto a App Store quanto a Play Store registraram recordes nas receitas durante o primeiro trimestre de 2020 — as informações são da empresa de estatísticas App Annie. Google Play Games agora permite comparar troféus entre amigos estilo PS4 e Xbox Google vai apostar ainda mais nos games para fazer Play Store crescer Google não vai mais fornecer APIs para multiplayer no Play Games Services O estudo, divulgado na última sexta-feira (3), mostrou que as lojas de aplicativos arrecadaram mais de US$ 23 bilhões entre janeiro e março, o que representa um aumento de 5% em relação ao mesmo período de 2019. Do total, somente a App Store foi responsável por faturar US$ 15 bi, enquanto a Play Store arrecadou US$ 8,3 bi. A China e os Estados Unidos são os principais consumidores do iOS, além de maiores impulsadores do crescimento trimestral. Já na loja de apps do Google, os estadunidenses tiveram a companhia dos sul-coreanos como principais responsáveis pelo aumento de faturamento. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Consumidores gastaram mais em jogos do que em apps (Foto: App Annie) Tempo gasto em apps e jogos aumentou significativamente O tempo médio gasto pelos consumidores durante o primeiro trimestre de 2020 também teve um aumento significativo. Na China, primeiro país afetado pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2), houve um crescimento de 30% em relação ao mesmo período de 2019. Somente no último mês de março, alguns países da Europa, como Itália, França e Alemanha, registraram aumento de até 30% no tempo gasto em aplicativos. Vale lembrar que o continente concentra o maior número de vítimas por COVID-19 até o momento. Resultados foram 20% melhores que o mesmo período do ano passado (Foto: App Annie) A maioria dos usuários de smartphones Android gastaram seu tempo em jogos e aplicativos de rede social e entretenimento, como a Disney+ e a Twitch. O mesmo aconteceu com os usuários do iOS, com o uso de apps de foto e vídeo — neste caso, destacam-se o TikTok, Tinder, YouTube e Netflix. Número de downloads também bateu recorde Embora os apps do iOS tenham arrecadado mais, o número de downloads na Play Store continua significativamente superior. No primeiro trimestre, a loja do Google teve 22,5 bilhões de downloads, um aumento de 5% em relação ao mesmo período do ano passado. Já a App Store registrou um crescimento de 15% no período, com cerca de 9 bilhões. Em downloads, Play Store segue muito superior (Foto: App Annie) No período, Brasil e Índia foram os maiores mercados da Play Store em número de downloads, enquanto a App Store teve como destaques a China e os Estados Unidos. A Itália, um dos países mais afetados pela pandemia de COVID-19, registrou um crescimento de 15% em ambas as lojas online. Com as medidas de isolamento social se tornando mais restritas em países como Reino Unido, Espanha, Alemanha e Estados Unidos, o número de downloads por lá deve aumentar bastante. Apps de chamadas de vídeo se destacam Em tempos em que a principal recomendação das autoridades de saúde é evitar aglomerações, os apps de chamadas de vídeo tiveram aumentos expressivos de uso. O estudo destaca o ZOOM Cloud Meetings, que se tornou o app número um de downloads em 141 mercados na plataforma da Apple. O Hangouts Meet também viu sua utilização crescer expressivamente nos últimos meses, e, segundo o Google, o app registrou um crescimento diário de 60% em relação ao mês de janeiro. Já o Microsoft Teams reportou que houve um aumento de 500% no número de reuniões virtuais. Top downloads nas lojas online (Foto: App Annie) Por fim, o estudo mostrou que o TikTok permaneceu como app mais baixado nas duas plataformas. Justificando sua necessidade durante isolamento, o mensageiro WhatsApp subiu para segunda posição, empurrando o Facebook para o terceiro lugar. Curiosamente, o Tinder, principal app de relacionamentos, se manteve como o aplicativo onde os usuários gastam mais tempo, com o YouTube vindo logo depois, três posições acima na comparação com os três últimos meses de 2019. Lançado em alguns países no final de março, o Disney+ conseguiu aparecer no relatório trimestral. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Veja Mais

Coronavírus: YouTube removerá vídeos que relacionem 5G à pandemia

tudo celular Medida visa combater notícias falsas a respeito do COVID-19 em todo o mundo, que se multiplicam em ritmo crescente. Veja Mais

Huawei reduz dependência dos EUA com linha P40, indica lista de fornecedores

tudo celular Apesar das sanções dos EUA, a Huawei produziu a linha P40 com peças de fornecedoras do país. No entanto, a grande maioria dos componentes são de empresas chinesas. Veja Mais

Versão global do Vivo V19 estreia com câmera dupla para selfies e Snapdragon 712

tudo celular Modelo global do vivo v19 é anunciado com hardware aprimorado e câmera frontal dupla. Veja Mais

Novidades chegando! iOS 14 deve permitir widgets na tela inicial e trazer mudanças nos papéis de parede

tudo celular iOS 14 deve trazer mudanças interessantes para a experiência de uso. Mais detalhes no artigo a seguir. Veja Mais

Smartphone vicia? Conheça o impacto que o aparelho causa no seu cérebro

Smartphone vicia? Conheça o impacto que o aparelho causa no seu cérebro

canaltech Todos já ouvimos falar que o uso excessivo da tecnologia pode trazer consequêncas, e seguindo nessa linha, todos também já ouvimos dizer que encarar a tela de um celular o dia inteiro é simplesmente prejudicial. Entretanto, muitos tendem a ignorar esse aviso, justamente por não entender precisamente o motivo pelo qual o uso excessivo de smartphones pode ser prejudicial. É claro que os smartphones fazem muitas coisas notáveis ​​para nós. Eles tornaram o mundo menor, nos aproximando de nossos amigos e familiares, e expandiram massivamente nosso acesso ao conhecimento, sem contar que as pessoas agora têm acesso a ferramentas criativas mais poderosas do que nunca. Smartphones não são vilões. Só que, por outro lado, a tecnologia também tem alguns efeitos danosos em potencial no cérebro, e é disso que precisamos estar cientes. Falta de atenção Uma das maiores preocupações do movimento de bem-estar digital é restaurar o tempo médio de atenção das pessoas. O National Center for Biotechnology Information (NCBI) afirma que esse tempo médio caiu de 12 segundos em 2000 para 8 segundos em 2013 e colocou a culpa no uso da Internet. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Isso parece acompanhar o fato de que o usuário médio gasta menos de 15 segundos em cada página da Web, em média. Com tanta informação disponível para nós, nos tornamos incrivelmente bons em filtrar, ou seja, verificar rapidamente se estamos na página certa, encontrar o fato ou detalhe específico que estamos procurando e depois passar para o próximo objetivo. Sendo assim, não é exatamente uma surpresa que o ser humano esteja tendo dificuldades para focar em períodos longos quando necessário. Estratégias inteligentes de bem-estar digital precisam limitar a quantidade de navegação irracional que fazemos e equilibrar isso com atividades que requerem atenção mais longa e sustentada. Improdutividade Há uma grande diferença entre olhar para a tela e estar realmente envolvido com o seu trabalho. De acordo com uma pesquisa da Clever Tap (uma empresa de gerenciamento de ciclo de vida do cliente e marketing móvel baseada em SaaS, com sede em Mountain View, Califórnia), o usuário médio de smartphone recebe 46 notificações todos os dias e, para alguns, esse número é provavelmente muito maior. Em outras palavras, são mais de 46 vezes que sua atenção está sendo desviada do seu trabalho, tempo de inatividade ou tempo de qualidade com seus filhos. E há momentos em que isso também pode ser verdadeiramente perigoso, como quando você está dirigindo. O Canaltech conversou com Marcelo Kimati, médico psiquiatra, professor de Saúde Coletiva na Universidade Federal do Paraná (UFPR) e integrante da diretoria da Associação Brasileira de Saúde Mental (Abrasme). E quanto ao impacto na produtividade, o psiquiatra aponta que o smartphone é uma fonte de informação de altíssima disponibilidade, dando acesso em um dia ao que uma pessoa na Idade Média absorvia em vários anos e, com isto, absorve a atenção das pessoas constantemente com informações superficiais, frequentemente associadas a consumo e, portanto, muito atraentes. "Sim, seguramente traga o tempo disponível e a atenção, diminuindo a produtividade no trabalho". A nossa equipe também buscou o olhar de Dr. Henrique Bottura, psiquiatra da Clínica de Psiquiatria Paulista e colaborador do ambulatório de impulsividade do Hospital das Clínicas de São Paulo. "O celular é um centralizador de prioridades dos outros. Quando se tem um celular na mão, você vê solicitações de outras pessoas. Se o usuário não tem claro quais são suas proridades, perde-se nas prioridades dos outros e acaba não produzindo e não ficando centrado naquilo que é importante para ele", aponta o profissional. Vício Os smartphones são projetados para serem viciantes, principalmente quando se trata de jogos como Candy Crush, que são muito mais traiçoeiros, usando incontáveis ​​truques psicológicos. Essa natureza viciante torna os smartphones muito ruins para a nossa saúde mental. Cada vez que praticamos algum desses comportamentos gratificantes, nosso cérebro libera uma substância química chamada dopamina. Esse neurotransmissor está associado à recompensa e é produzido no cérebro quando pensamos que estamos trabalhando em direção a uma recompensa. A dopamina é boa e, como tal, as ações que resultam em sua liberação são reforçadas. O problema é que, com o tempo, o cérebro responde a essas grandes quantidades de dopamina, reduzindo os receptores à substância. Sem algum tipo de estímulo, nos sentimos agitados e inquietos. Isso significa que a dopamina não é mais capaz de ter tanto impacto em nosso humor e foco, por isso precisamos de um impacto maior para obter o mesmo efeito. A dopamina também está implicada em muitos outros aspectos da saúde mental, incluindo foco e atenção. O desequilíbrio da dopamina foi associado ao transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) — uma condição cuja incidência tem aumentado. O vício em smartphone se torna um problema se isso significa que você está se envolvendo menos com outras coisas que costumavam lhe proporcionar prazer. Uma pesquisa realizada pela Microsoft descobriu que 77% das pessoas de 18 a 24 anos responderam "sim" à pergunta "Quando nada está ocupando minha atenção, a primeira coisa que faço é pegar o telefone". De acordo com o Dr. Henrique, não existe uma descrição psicopatológica que se chame dependência de celular propriamente dita, porque as pessoas fazem coisas diferentes no aparelho. "Evidentemente existem pessoas que são muito voltadas para o celular em termos de conexão e mídias sociais, mas isso ainda não é considerado uma dependência que tem critérios diagnósticos estabelecidos", explica. Tecnologia e redes sociais: qual é o impacto em nossa autoestima? Como a era digital impactou os relacionamentos amorosos Tá difícil controlar a ansiedade? Estes apps podem ajudar! Estresse Hoje em dia, poucos de nós sabemos como relaxar. Após um longo dia de trabalho, ainda recorremos aos nossos telefones e rolamos os feeds das mídias sociais, o que acaba trazendo o oposto de relaxamento. A todo momento, o corpo e a mente ficam entre dois estados: simpático ou parassimpático. O estado simpático consiste no corpo desperto porque está focado, assustado, ativo, agressivo ou com fome. Você vê um aumento nos sinais de excitação, como tensão ​​muscular, pressão arterial, dilatação da pupila e frequência cardíaca. Mas enquanto o sangue está sendo direcionado em quantidades maiores para o cérebro e os músculos, também está sendo direcionado para outros processos, como digestão e imunidade. É por isso que você fica doente se estiver estressado por muito tempo, e é por isso que você fica com borboletas no estômago antes de fazer um discurso. Enquanto isso, entramos no estado parassimpático quando dormimos, quando relaxamos após uma boa refeição. É quando o corpo é capaz de se concentrar em reparar tecidos danificados, digerir alimentos e consertar as conexões no cérebro. Quando constantemente inundamos nossos cérebros com dopamina, cortisol e adrenalina através do uso de telefones celulares, impedimos que nosso sistema parassimpático entre em ação. Em suma, precisamos dos dois estados, e as práticas de bem-estar digital precisam nos ajudar a escapar de um estado de alerta constante. "Muitas vezes, quando a pessoa está estressada,pega o celular e acaba perdendo a oportunidade de relaxar a mente nesse momento. Então o celular acaba não só sendo uma fonte de estresse, como acaba com a possibilidade de fazer um relaxamento em um momento que a vida está mais tensa", aponta Dr. Henrique. Por sua vez, Marcelo diz o seguinte: "Consideramos estresse um fenômeno adaptativo. Toda pessoa que vive em uma situação de mudança ou uma exposição excessiva a informações e estímulos pode experimentar sensações de falta de energia, irritação e alterações de atenção. O smartphone nos expõe no dia a dia à realidade de estar fazendo um conjunto de coisas ao mesmo tempo. Isto cria uma sobrecarga". Marcelo ainda acrescenta: "Boa parte do que se faz com o smartphone está baseada na interação com outras pessoas e isto engloba afeto, envolvimento emocional e tomada de decisões continuamente. Neste sentido, usar smartphone corresponde a estar todo o dia numa sala pequena falando com várias pessoas ao mesmo tempo, sobre coisas diferentes enquanto se trabalha e lê jornal. Isso potencializa o desgaste natural do cotidiano". Sem descanso Quando constantemente inundamos nossos cérebros com dopamina, cortisol e adrenalina através do uso de telefones celulares, estamos dizendo ao cérebro que ele precisa se concentrar, precisa trabalhar, precisa cumprir o objetivo daquele joguinho... e, como consequência, as tréguas ficam cada vez mais raras. Isso piora se estivermos jogando jogos de computador ou recebendo mensagens de nossos chefes (o que pode causar um grande aumento nos hormônios do estresse!). Mas mesmo a leitura de uma página da web pode causar o mesmo problema. Isso ocorre porque as cores, sons, anúncios e até a luz da tela causam esse estado de alerta. De fato, a luz de nossas telas móveis é tão eficaz no aumento do cortisol que pode impedir a liberação do hormônio do sono, a melatonina, à noite, prejudicando seriamente a qualidade do sono. Autoestima A teoria da comparação social proposta pelo psicólogo Leon Festinger sugere que nossa felicidade é muitas vezes baseada no sucesso de outras pessoas. Em outras palavras, se você tem uma casa de dois quartos, com um banheiro e não possui um carro, mas a sua é a casa mais bonita do quarteirão, você será feliz. Mas se seus vizinhos forem bilionários com uma mansão, você se encontrará constantemente se comparando a eles e se sentindo deprimido como resultado. Graças ao Facebook, estamos constantemente sendo expostos a pessoas com estilos de vida muito mais extravagantes e bem-sucedidos do que os nossos. Vemos constantemente imagens de pessoas em férias incríveis, comprando casas bonitas e dando à luz filhos bonitos. O que esquecemos é que as pessoas apenas enviam seus destaques para as mídias sociais. Assim, você está comparando sua vida cotidiana aos destaques de outra pessoa. No entanto, seu cérebro não faz essa distinção e, portanto, você se sente mal-sucedido e azarado. O mesmo acontece quando vemos belas modelos retocadas no Instagram. Muitos filósofos e psicólogos acreditam que a felicidade e o contentamento vêm de aprender a ser feliz com o que você tem, mas isso é difícil quando nossos amigos continuam esfregando seu sucesso, aparentemente constante, em nossas caras. "Isso aguça, em cada um, uma comparação. E muitas vezes, comparamos nossos problemas com os momentos em que a pessoa está viajando, no Caribe, com aquela água bonita, ou ostentando alguma coisa. Isso pode gerar, em quem está olhando, uma sensação desconfortável. Dizer que isso vai levar à depressão é uma afirmação que seria de muito mais estudo, mas eu diria que eventualmente a rede social pode levar a um tipo de emoção negativa, mas para ter uma depressão pré estabelecida é preciso ter uma base biológica, uma matriz no indivíduo que seja vulnerável a isso", diz Dr. Henrique. Já para Marcelo, o smartphone através de redes sociais estabelece uma diferente forma de interação, mais anônima, impessoal, protegida. A partir de um certo grau de dificuldade de interação, torna-se preferencial a Virtual à real. Neste sentido, o smartphone cria um universo de relações que é mais facilmente substituível, demanda menor necessidade de adaptação, não exige o desenvolvimento de estratégias de sociabilização. "Acho difícil associar isso a transtornos mentais, ou denominar este fenômeno, em si, como um deles, porque trata-se de algo tão amplo, disseminado e hegemônico que é um modelo, não uma distorção. Seguramente o processo como um todo expõe pessoas tímidas, por exemplo, a não desenvolverem estratégias para que o convívio social seja menos desgastante, o que acentua suas características. Da mesma forma, uma pessoa controladora terá mais necessidade de checar o celular da namorada e irá dedicar mais tempo a isso e a preocupações obsessivas", explica o psiquiatra. Marcelo ainda acrescenta que não há transtornos mentais especificamente relacionados ao uso de smartphone, já que a sua interferência se dá de forma disseminada, interferindo nas relações sociais. Da mesma forma, em decorrência das mudanças frequentes de critérios para os diagnósticos psiquiátricos, não há estudos consistentes sobre prevalência de doenças mentais antes e depois do surgimento dos celulares, o que não permite estabelecer relações de causalidade. Portanto, há muitas coisas boas para comemorar sobre smartphones e a Internet, mas é válido observar os efeitos negativos que a tecnologia pode ter em nossa saúde mental. Ressalta-se que smartphones e mídias sociais não são "ruins". Eles só se tornam problemas quando permitimos que tomem conta de nós, e é exatamente por isso que é tão importante que conheçamos ou, no mínimo, consideremos as consequências. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Ouviu o barulho no céu? Entenda o fenômeno que assustou os brasileiros no FDS Veja Mais

Huawei ainda não conseguiu criar um celular sem nenhuma peça dos EUA

Huawei ainda não conseguiu criar um celular sem nenhuma peça dos EUA

canaltech Uma publicação na rede social Weibo divulgou uma lista de componentes usados no Huawei P40. Apesar de o autor do post indicar que nenhuma peça usada no smartphone é feita nos Estados Unidos, uma análise feita pelo jornal Financial Times identificou alguns componentes de empresas norte-americanas. Huawei P40, P40 Pro e P40 Pro+ são anunciados; confira detalhes e preços Análise do Huawei P40 Pro ressalta traseira e leitor de digital do smartphone P40 Pro surpreende em comparativo de câmeras com iPhone 11 Pro Max e S20 Ultra O post no Weibo indica que boa parte dos componentes no aparelho é feita pela própria Huawei, como o processador, modem, chips de áudio e controle. Outra parcela importante vem de fornecedores chineses, e mais alguns de empresas sul-coreanas (LG, Samsung) e japonesas (Sony). Lista sugere independência dos EUA (imagem: Weibo) “Made in USA” O jornal Financial Times, por sua vez, preferiu desmontar o aparelho e identificar os componentes usados. O FT encomendou a tarefa à empresa chinesa XYZone, que realizou o processo e descobriu algumas peças de empresas norte-americanas. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- A análise encontrou alguns componentes no módulo de radiofrequência feitos pelas empresas Qualcomm, Qorvo e Skyworks. Componentes semelhantes das mesmas empresas foram usados também no modelo P30, lançado no começo de 2019. As peças são fundamentais nos aparelhos e sua fabricação está concentrada em companhias estadunidenses. Componentes destacados são de empresas dos EUA (imagem: FinancialTimes/XYZone) Marcas dos EUA estão proibidas de fazer negócios com a Huawei desde o ano passado, mas podem solicitar uma licença especial para fornecer peças ou tecnologias à empresa chinesa. Alguns analistas indicaram que a Huawei teria estocado grandes quantidades de componentes feitos por empresas dos EUA antes da proibição, o que é possível, considerando que o planejamento para a produção de um aparelho é feito meses antes de sua chegada às lojas. A fabricação do P40 começou no último trimestre de 2019, por exemplo. Mesmo assim, a análise feita para o FT identificou que pelo menos uma fornecedora de peças para o P30 foi deixada de lado – a norte-americana Micron, fabricante de chips de memória flash. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

iPhone 12 teria sensor LiDAR como grande novidade no conjunto de câmeras

iPhone 12 teria sensor LiDAR como grande novidade no conjunto de câmeras

canaltech A Apple deve incluir o novo sensor LiDAR pelo menos nos modelos mais avançados do iPhone 12 este ano. Caso isso se confirme, esta seria a maior evolução no conjunto de câmeras dos modelos de 2020, aproveitando um recurso que já está presente no iPad Pro mais recente. iPhone 12: tudo o que podemos esperar dos próximos lançamentos da Apple O perfil de Instagram ConceptsiPhone publicou uma imagem com os esquemas, que teriam sido obtidos em arquivos vazados do iOS 14. O leaker Choco_bit, que já adiantou algumas novidades em dispositivos Apple no passado, republicou a imagem, reforçando o rumor. Ver essa foto no Instagram iPhone 12 Pro leaked on iOS 14 leaked files. . #iphone #iphone12 #iphone12pro #ios14 #iphone12promax -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Uma publicação compartilhada por CONCEPTSIPHONE (@conceptsiphone) em 28 de Mar, 2020 às 2:23 PDT De acordo com a Apple, o sensor LiDAR ajuda o dispositivo a tornar o uso da realidade aumentada mais preciso. O nome é uma sigla para “Light Detection and Ranging” (“detecção e variação de luz”), e o recurso é um pouco parecido com o que faz o sensor ToF, que também escaneia o ambiente para calcular a distância de cada objeto presente no quadro. Não está claro se esse sensor estará presente apenas no iPhone 12 Pro e Pro Max, junto às três câmeras já incluídas nos modelos lançados em setembro de 2019, ou se o modelo (ou modelos) mais acessível também será contemplado com o recurso. Já existe uma longa lista de rumores sobre o iPhone 12. Além do novo sensor LiDAR, especula-se que o aparelho vai adotar um design mais quadradão, estio iPhone 4, um chipset fabricado a 5 nm e suporte à rede 5G. A apresentação dos modelos 2020 deve ser mesmo em setembro, contrariando rumores de atraso devido à pandemia do novo coronavírus. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

LG pode lançar smartphone novo 5G no dia 15 de maio, diz rumor

LG pode lançar smartphone novo 5G no dia 15 de maio, diz rumor

canaltech A LG apostará mais uma vez na tecnologia 5G para tentar recuperar seu espaço no mercado mobile. A companhia, que já apresentou o topo de linha V60 ThinQ 5G em 2020, anunciou que lançará outro smartphone com suporte para a nova rede em maio. Embora a LG não tenha revelado a data, fontes internas indicam que o smartphone será lançado no dia 15 e não fará parte da linha G, confirmando rumores divulgados anteriormente. O modelo trará todas as características de um topo de linha, mas com preço mais baixo que o Galaxy S20 – ou seja, custará menos de US$ 900 (ou cerca de R$ 4.700). Diferente do V60 ThinQ 5G, é esperado que o smartphone rode a plataforma intermediária Snapdragon 765G 5G, fabricada com processo de 7 nm e dotada de um processador de oito núcleos com arquitetura Kryo 475 e chip gráfico Adreno 620. O modelo também possuirá suporte para o Dual Screen, acessório da LG que acopla uma segunda tela ao celular. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- 5G é um ponto de esperança para a LG A LG continuou acumulando prejuízos no departamento de smartphones ao longo dos últimos anos. A empresa registrou, somente em 2019, mais de US$ 850 milhões em perdas no setor. No entanto, a tecnologia 5G é considerada uma luz no fim do túnel para a marca, vendo nos modelos topos de linha e intermediários com o novo padrão de rede um caminho para voltar aos bons números. Review completo do LG G8x ThinQ Dual Screen:   Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

Huawei trabalha em smartphone com zoom de câmera 55x

Huawei trabalha em smartphone com zoom de câmera 55x

canaltech Depois da corrida para adicionar mais e mais câmeras nos aparelhos, parece que o novo campo de batalha é a capacidade do zoom nos smartphones. Uma publicação na rede social Weibo sugere que a Huawei está trabalhando em um zoom de 55x, mas não dá pistas de qual aparelho terá o recurso. Zoom digital de 55x é inédito na marca (imagem: Weibo) A imagem mostra o menu de câmera da personalização EMUI com um seletor de zoom na opção de 55x. Atualmente, nenhum modelo das marcas da Huawei possui o recurso, com os modelos P30 Pro e P40 Pro com zoom digital de 50x, enquanto o P40 Pro+ tem zoom de 100x. EMUI 10.1: nova interface da Huawei será lançada com a linha P40 Huawei P40, P40 Pro e P40 Pro+ são anunciados; confira detalhes e preços Análise do Huawei P40 Pro ressalta traseira e leitor de digital do smartphone O site GizChina especula que algum modelo entre as faixas intermediária e avançada poderá estrear o recurso, como as linhas Honor 30, nova 7, Mate 30S ou Mate 40. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- De qualquer forma, apesar da imagem vazada, nada garante que o recurso chegará de fato a algum modelo. Pelo menos não nas próximas semanas, após os lançamentos recentes do Huawei P40 e do Honor 30S. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Zoom pode ser varrido por software que captura até 100 IDs de reuniões por hora

Zoom pode ser varrido por software que captura até 100 IDs de reuniões por hora

canaltech O aumento na popularidade do Zoom acabou saindo pela culatra para os gestores da empresa, que viram uma série de problemas de segurança e privacidade serem expostos pela mídia. E a situação parece não ter acabado: um grupo de pesquisa em cibersegurança intitulado SecKC, junto do expert no assunto, Trent Lo, desenvolveram uma ferramenta automatizada capaz de “adivinhar” os números de identificação de reuniões feitas pelo aplicativo. O app, chamado de “zWarDial”, tem a capacidade de descobrir até 100 IDs de reuniões por hora, ou 2,4 mil reuniões por dia. Segundo Lo, a ferramenta tem 14% de chance de descobrir uma identificação exata de reunião virtual por tentativa. O número parece baixo, mas é importante considerar que o zWarDial é capaz de fazer milhares de tentativas por hora, o que eleva consideravelmente as preocupações com a segurança do Zoom. Cada ID, vale citar, tem entre nove e 11 dígitos exclusivos. Ao adivinhar uma ID, o zWarDial é capaz de extrair informações como o link da reunião, data e hora de sua realização, o usuário organizador e o conteúdo a ser discutido nela. Leia mais: Zoom interrompe lançamento de funções para focar em segurança Popularidade do Zoom ascendeu após quarentenas em resposta ao novo coronavírus, mas problemas de segurança acabaram minando a confiabilidade do aplicativo de videochamadas Até mesmo o mecanismo de bloqueio de tentativas de escaneamento de IDs, desenvolvido em janeiro pela Check Point Research, é totalmente ineficaz contra o zWarDial, pois o app roteia as tentativas do mecanismo por meio da rede anônima Tor, o que impossibilita determinar sua origem ou seu volume. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Leia mais: Zoom interrompe compartilhamento de dados com o Facebook A única ressalva é que o zWarDial não consegue escanear reuniões que sejam protegidas por senha. Os gestores do Zoom alegaram, no passado, que reuniões novas possuem proteção por senha como padrão, mas o fato de o app desenvolvido pelo SecKC encontrar e extrair informações de milhares delas por dia sugere o contrário. Assim sendo, é recomendável que usuários façam a inserção de senha para suas reuniões manualmente — o organizador pode fazer isso pelo menu de configurações do aplicativo. Leia mais: Hackers estão invadindo conferências do Zoom para exibir pornografia Leia mais: App de vídeochamadas Zoom é acusado de propaganda enganosa sobre criptografia Este é apenas mais um problema a compor a miríade de dificuldades relacionadas a cibersegurança enfrentadas pelo Zoom. Desde sua ascensão, o aplicativo de videochamadas teve de conter crises relacionadas ao compartilhamento de dados de seus usuários com o Facebook, hackers invadindo reuniões para bombardeá-las com spams de pornografia, além de o próprio app confirmar ao site americano The Intercept que sua criptografia não é “de ponta a ponta” (E2E), ao contrário do que eles próprios afirmam em seu site oficial e white paper. O Zoom anunciou na semana passada que paralisaria o lançamento de novos recursos e funções para se dedicar exclusivamente à resolução dos problemas de segurança. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Atualização para Galaxy S10 e Note 10 com One UI 2.1 está disponível globalmente

Atualização para Galaxy S10 e Note 10 com One UI 2.1 está disponível globalmente

canaltech Aparelhos topo de linha da Samsung em 2019, as linhas Galaxy S10 e Galaxy Note 10 não foram esquecidos pela fabricante sul-coreana mesmo após a chegada da família S20. A atualização de abril para os dois modelos já está disponível globalmente, com algumas das novidades lançadas em 2020 para o S20. A atualização já estava ativa em alguns países desde o final de março, mas, segundo o site SamMobile, passou a ser oferecida em todo o mundo junto da atualização de segurança para abril. One UI 2.5: Samsung já está desenvolvendo nova interface para smartphones Veja mais detalhes sobre a nova interface One UI 2, da Samsung Galaxy S10 e Note 10 devem receber atualização para One UI 2.1 em abril Novidades na câmera Além da personalização One UI ter sido atualizada para a versão 2.1, as principais novidades da atualização estão nos recursos de câmera, herdados da linha Galaxy S20. O aplicativo ganhou um novo recurso de captura de múltiplas fotos com seleção da melhor imagem com o uso de inteligência artificial, o modo noturno foi aprimorado e agora é possível personalizar os filtros aplicados. Na parte de vídeo, a atualização traz um novo modo "Pro", com mais opções de controles manuais. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Os recursos de compartilhamento também receberam novidades, com uma opção para enviar fotos, vídeos e documentos para contatos nas redondezas, e um novo recurso para permitir que outra pessoa se conecte a uma caixa de som bluetooth sem desconectar o seu aparelho. Como sempre, para conferir se a atualização está disponível para o seu celular basta ir ao app de Configurações, selecionar a opção “Atualização de Software” e depois em “Baixar e Instalar”. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Veja Mais

Jurassic World: Domination | Diretor compartilha imagem dos bastidores do filme

Jurassic World: Domination | Diretor compartilha imagem dos bastidores do filme

canaltech Faltando pouco mais de um ano para o lançamento do novo filme da saga Jurassic World, uma nova imagem dos bastidores começou a circular nesta semana. O longa Jurassic World: Domination, comandado pelo diretor Collin Trevorrow, vinha sendo gravado no Havaí desde fevereiro deste ano, mas as gravações foram suspensas devido à pandemia da COVID-19. No seu Instagram oficial, Trevorrow publicou uma foto de um escritório com um monitor e a legenda "trabalhando de casa". Não está claro, no entanto, se o hiato das gravações vai chegar a atrapalhar o andamento da produção, assim como a sua data de estreia. Série animada de Jurassic World chega à Netflix em 2020 Ver essa foto no Instagram Working from home. #JurassicWorld -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Uma publicação compartilhada por Colin Trevorrow (@colin.trevorrow) em 31 de Mar, 2020 às 7:56 PDT A produção executiva de Jurassic World: Domination está nas mãos do próprio Trevorrow e de Steven Spielberg. O roteiro foi escrito por Derek Connoly, que também ajudou a escrever os dois primeiros longas. A trama ainda conta com colaboração de Frank Marshall e Pat Crowley na produção, com o retorno de personagens dos dois primeiros filmes da franquia Jurassic World no elenco, como Chris Pratt, Bryce Dallas Howard, Jake Johnson, Omar Sy, Daniella Pineda e Justice Smith. Da franquia Jurassic Park estarão Laura Dern, Sam Neill e Jeff Goldblum, entre outros atores como Mamoudou Athie, DeWanda Wise, Dichen Lachman, Scott Haze e Emily Carmichael. Chris Pratt e Collin Trevorrow (Imagem: Reprodução) Jurassic World: Domination está previsto para chegar aos cinemas em 11 de junho de 2021. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Veja Mais

Com direito a teclado corrigido, MacBook Pro com tela de 14” pode ser lançado em maio

tudo celular Novo MacBook Pro traria tela ligeiramente maior, teclado borboleta e processadores Intel de 10ª geração. Veja Mais

LG deve lançar nova linha de smartphones com 5G e preço mais baixo que do Galaxy S20

tudo celular A LG está preparando um novo intermediário premium que deve trazer conexão 5G e preço baixo. Veja Mais

Lá vem ele! Galaxy A51 5G ganha certificação Wi-Fi reiterando proximidade do lançamento

tudo celular Registro no Wi-Fi Alliance reitera que o lançamento do intermediário-premium deve acontecer muito em breve. Veja Mais

COVID-19 | Mercado de computadores pode registrar queda de até dois dígitos

COVID-19 | Mercado de computadores pode registrar queda de até dois dígitos

canaltech De janeiro a dezembro de 2019, as vendas de computadores e impressoras no Brasil cresceram 2,6% e 3,1%, respectivamente, e as de tablets caíram 7,4% na comparação com 2018. Foram vendidos 5,8 milhões de computadores, 2,4 milhões de impressoras e 3,3 milhões de tablets. Os números fazem parte dos estudos IDC Brazil PCs Tracker 2019, IDC Brazil Quarterly Hardcopy Tracker 2019 e IDC Brazil Tablets Tracker 2019, realizados pela IDC Brasil. Em receita, os mercados de computadores e tablets registraram aumento na comparação com 2018. A alta foi de 14,7% e 5,4%, com R$ 18,9 bilhões e R$ 2,02 bilhões, respectivamente. Já o mercado de impressoras teve queda de 1,3%, com faturamento de US$ 659 milhões. IDC Brazil PCs Tracker 2019 -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- O mercado de computadores em 2019 teve desempenho melhor do que em 2018. Dos 5,8 milhões de computadores vendidos, pouco mais de 4 milhões foram de notebooks e 1,7 milhão foi de desktops. O setor corporativo ficou com 2,1 milhões de máquinas em 2019. Impulsionadas pela oferta de locação, as vendas de notebooks tiveram alta de 12,3%, já as de desktops sofreram queda de 3,7%. “O Device as a Service ou locação de equipamentos ganhou mais espaço em 2019 nas PMEs, nas grandes empresas e até no governo”, afirma Rodrigo Okayama Pereira, analista de mercado da IDC Brasil. No varejo, foram vendidos 3,6 milhões de computadores no ano passado. O segundo semestre teve melhor desempenho, com 1,9 milhão de computadores contra 1,7 milhão registrados no primeiro. As vendas pela Black Friday se destacaram. Segundo Pereira, a data superou as expectativas depois de um ano que começou bem, mas viu as vendas desacelerarem com o passar dos meses. “As fabricantes mostraram que estão por dentro do comportamento do consumidor e fizeram ações que agradaram tanto no varejo online como no físico”, afirma Pereira. IDC Brazil Quarterly Hardcopy Tracker 2019 No mercado de impressoras, a alta de 3,1% em 2019 era esperada pela IDC Brasil. As vendas de equipamentos com tanque de tinta cresceram 5,3% em relação a 2018, e os modelos cartucho de tinta, 4,5%. Dos 2,4 milhões de máquinas vendidas, 1,06 milhão foram de modelos com tanque de tinta, 838.544 foram de equipamentos com cartucho de tinta e 523.715 foram de impressoras a laser. Segundo a IDC, os modelos com cartucho foram responsáveis pela maioria das vendas ao consumidor doméstico, enquanto as impressoras a laser dominaram no setor corporativo. “Ano passado houve uma desaceleração nos projetos corporativos e por isso a queda nas vendas deste segmento. Mas ainda assim vemos o mercado de impressoras a laser ganhando espaço, principalmente com novidades, como os modelos de laser colorido, categoria que cresceu 11,6% em 2019”, revela o analista da IDC Brasil. IDC Brazil Tablets Tracker 2019 Em 2019 foram vendidos 3,3 milhões de tablets, queda de 7,4% em relação a 2018. O destaque positivo ficou para as vendas de tablets com teclado destacável, que cresceram 38,6%. Segundo o analista da IDC Brasil, esse modelo é bem-vindo no mercado corporativo por ser focado em produtividade e atender profissionais de diversas áreas, como o de criação de conteúdo. No entanto, sua representatividade ainda é de apenas 2,4% no total de vendas. Um dos motivos, acredita Pereira, é o preço quatro vezes maior do que o dos tablets convencionais, que custaram, em média, R$ 602 no ano passado. Segundo a IDC Brasil, em 2019 também houve ofertas de tablets para locação, mas ainda em baixo volume, não sendo o suficiente para alavancar o setor No varejo, o segundo semestre de 2019 foi o mais forte em vendas de tablets, segundo a IDC Brasil, com 895.696 unidades vendidas no terceiro e 1,07 milhão de unidades no quarto trimestre. “As fabricantes lançaram produtos e se prepararam para a Black Friday. O resultado foi um quarto trimestre com desempenho melhor do que os três primeiros”, comenta. Expectativa para 2020 No mercado de computadores e impressoras, a expectativa da IDC Brasil até agora é fechar o ano com alta de 0,6% e 2%, respectivamente. Já o mercado de tablets deve ter queda de 5,8%. Mas, segundo o analista da IDC Brasil, com a pandemia de COVID-19, esses mercados podem registrar queda de até dois dígitos. “Estamos trabalhando em conjunto com clientes e parceiros para prever cenários com os possíveis impactos da pandemia”, finaliza. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

O Poço | Possíveis furos de roteiro e final explicados (ou não)

O Poço | Possíveis furos de roteiro e final explicados (ou não)

canaltech Atenção! Este texto contém spoilers! O Poço (disponível na Netflix) teve uma grande repercussão, ganhando fãs e muitas discussões sobre os simbolismos, sobretudo com relação ao final do filme. O colunista Renaldo Matadeen, do CBR, deu a sua versão sobre alguns dos principais pontos do filme, comentando seus possíveis furos de roteiro e explicando seu final. Segundo Matadeen, O Poço "testa a determinação dos presos em uma torre espanhola neo-futurista". Embora "testar a determinação" seja algo bastante arriscado de se dizer, afinal muitos estão ali contra a própria vontade, ainda assim é um viés interessante de ser pensado. Após descrever parte da trama, o autor descreve o final dizendo que “no andar de baixo, quando a mesa vazia volta aos chefs que administram as instalações e testam a ganância da humanidade, Goreng envia uma jovem misteriosa de volta para lembrá-los de que a humanidade ainda acredita em esperança”; e acrescenta que “há alguns buracos cruciais na trama que desvendam o grande final de Goreng”, ponto do filme que é mais amplamente discutido em todas as formas de fórum internet afora. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Crítica | O Poço é um elogio à educação como elemento revolucionário Imagem: Latido Films / Netflix Um dos furos de roteiro reivindicados pela análise de Matadeen diz que vermos Goreng e Baharat descerem com a plataforma “é contraintuitivo porque o filme esquece a regra principal segundo a qual a plataforma opera. As elites deveriam ter visto as ações da dupla e interrompido a insurreição aquecendo ou congelando os níveis”. Acontece, no entanto, que o congelamento ou aquecimento só acontecem caso alguma comida fique em um andar fora da plataforma e não parece haver uma regra clara sobre os prisioneiros subirem na plataforma, o que acredito estar dentro do livre arbítrio deles da mesma forma que está a escolha pelo suicídio. Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Madateen ainda sustenta essa ideia ao dizer que “o primeiro companheiro de equipe de Goreng, Trimagasi, disse anteriormente que não se pode interferir no plano e a mesa tem que descer para os presos tomarem suas decisões por livre arbítrio”. O plano, aqui, nada mais é que a ideia de que a plataforma surge no primeiro andar com a comida intacta e desce todos os 333 níveis, voltando em seguida. A ideia de que não é possível interferir no plano, no entanto, não parece ter a ver com as atitudes dos habitantes do Poço e, mesmo que tenha, não é algo conhecido por nós: não temos, em momento algum do filme, acesso ao funcionamento do Poço por parte do Sistema, tudo o que temos são vivências e opiniões de pessoas inseridas no Sistema. Mesmo a personagem Imoguiri (Antonia San Juan), que trabalhava para o Sistema, descobre que não tinha noção alguma de como realmente funcionava aquele ambiente. Em resumo: mesmo as regras que parecem claras sobre O Poço podem ser questionadas simplesmente porque as fontes não são confiáveis. O segundo ponto levantado por Madateen diz respeito à polêmica sobre a garota do 333. Segundo ele, não é possível que a criança fosse filha de Miharu, porque “Imoguiri revelou anteriormente que nenhuma mulher grávida poderia entrar no poço.” Isso, no entanto, não é suficiente para negar a maternidade de Miharu. Conforme expliquei acima, Imoguiri acaba revelando que, apesar de estar muito próxima da elite que controla o Poço, nem mesmo isso foi suficiente para que ela tomasse conhecimento do que acontecia dentro do local, ou seja, mesmo que ela insistisse em dizer que grávidas e crianças não eram admitidas, não significa que isso não acontecia sem ela saber. Apesar de ser funcionária do Sistema, Imoguiri era tão ignorante sobre ele quanto qualquer outra pessoa do Poço. Imagem: Latido Films / Netflix MADATEEN – Além disso, a garota tem cerca de oito ou nove anos, então não há como ela sobreviver ali por tanto tempo. Miharu nem teria tido tempo para fazê-la e criá-la desde criança, especialmente porque Trimagasi disse que ninguém fica na torre por tanto tempo. A matemática simplesmente não se compara e, visto que a garota tem um macacão do tamanho de uma criança, seria razoável que as elites soubessem sobre ela ou até a colocassem em algum nível. Essa interpretação tem diversos pontos refutáveis: não sabemos nada sobre a sobrevivência da criança simplesmente porque só a conhecemos através da visão dos protagonistas: obviamente algo sustentava a vida daquela criança naquele local, apenas não sabemos quem ou o que. A alternativa plausível, aqui, é de que ela seria uma ilusão dos protagonistas, o que é perfeitamente aceitável no contexto do roteiro, ainda que não seja a minha interpretação favorita. 10 filmes para assistir no Amazon Prime Video durante o isolamento 10 filmes para assistir na Netflix durante a quarentena Outro ponto levantado pelo autor diz respeito à informação dada por Trigamasi e também carece de respaldo porque o personagem, embora tenha algum conhecimento sobre o local, não vê o Poço senão como prisioneiro, inserido no Sistema. É preciso lembrar que tudo que os personagens falam sobre o local é passível de refutação se pensarmos que cada um tem uma visão própria de como funciona o Sistema (o que penso ser um dos melhores pontos de reflexão do filme). Imagem: Latido Films / Netflix Madateen ainda finaliza dizendo que “claramente as regras foram quebradas pela equipe criativa [roteiro] para adicionar drama ao final”, o que chega a ser uma crítica pouco polida ao trabalho de David Desola e Pedro Rivero, que não entregaram uma história tão complexa que fosse passível desse tipo de acusação. Uma vez que todas as regras sobre O Poço são explicadas por prisioneiros do local, cabe a nós, espectadores, não tomarmos opinião como lei. E essa é uma excelente lição para a contemporaneidade. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Spotify testa recurso que exibe letras de músicas em nova interface

Spotify testa recurso que exibe letras de músicas em nova interface

canaltech Se você quer cantar junto (e sem errar) as músicas que ouve no Spotify, em breve, poderá fazer isso de forma muito mais fácil e acessível. Isso porque o programa já vem testando um recurso que exibe letras das músicas reproduzidas, tanto no app para celulares quanto na versão para desktop. Quem trouxe a novidade foi o site Android Police, que relatou a investigação não versão Beta 8.5.46.848 do app para Android. Este recurso vem sendo testado desde novembro do ano passado, mas parece estar disponível para um maior número de usuários neste momento — nós falamos dele também em fevereiro. Nova interface da exibição de letras de músicas do Spotify. (Imagem: Reprodução/Android Police) Quantas vezes um artista precisa tocar no Spotify para ganhar um salário mínimo? Spotify Kids: como criar uma conta exclusiva para o seu filho Ainda segundo a publicação, as letras são fornecidas pelo Musixmatch, que já forneceu esse mesmo tipo de conteúdo para o Spotify anteriormente. O recurso pode ser acionado por meio de um botão que aparece na tela sempre que a letra estiver disponível, e, uma novidade dentro da novidade: as letras são exibidas em uma nova interface exclusiva para elas, tornando o processo bem mais visualmente agradável e proveitoso. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- A novidade já aparece disponível para você? Deixe a sua opinião nos comentários. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

Marvel libera Guerra Civil, Vingadores vs X-Men e outras HQs online grátis

Marvel libera Guerra Civil, Vingadores vs X-Men e outras HQs online grátis

canaltech Como todo mundo sabe, o momento é de distanciamento social para evitarmos a rápida disseminação do novo coronavírus (SARS -CoV-2). Assim, várias empresas do setor de entretenimento vem oferecendo conteúdo para nos distrair nesses tempos difíceis. A Marvel Comics entrou nessa corrente positiva e liberou eventos famosos, incluindo os campeões de vendas Guerra Civil e Vingadores vs X-Men, e títulos que vêm sendo muito bem recebidos, a exemplo do retorno do Quarteto Fantástico e a fase do Duende Vermelho em Amazing Spider-Man. Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Para conferir, é bem fácil: basta que você acesse o site da Marvel Comics ou o app Marvel Unlimited para iOS e para Android. A plataforma da Casa das Ideias não somente fornece a lista de títulos como também possui funcionalidades específicas para a leitura de quadrinhos digitais — como movimentação intuitiva dos quadros durante a narrativa. Imagem: Reprodução/Marvel.com Abaixo, a lista de HQs que a Marvel está oferecendo de graça: -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Vingadores: O Hospedeiro Final Guerra Civil Thanos Vence O Espetacular Homem-Aranha: Duende Vermelho Quarteto Fantástico: Para Sempre Pantera Negra de Ta-Nehisi Coates X-Men: A Saga da Fênix Negra Capitão América: O Soldado Invernal Viúva Negra: Procurada pela SHIELD Vingadores: A Guerra Kree-Skrull Capitã Marvel: Mais alto, mais longe, mais rápido Vingadores vs X-Men O Marvel Unlimited já conta com mais de 27 mil edições digitalizadas e a biblioteca recebe semanalmente mais exemplares, a US$ 10 (R$ 53,50) por mês. Como dito, a lista acima está de graça, por tempo indeterminado, e você pode lê-la no computador ou em tablets e celulares. Vale destacar que o material só pode ser lido na versão em inglês. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

Brecha no sistema de transporte da Grande Vitória expôs dados de estudantes

Brecha no sistema de transporte da Grande Vitória expôs dados de estudantes

canaltech A falta de protocolos de segurança adequados no site do GVBus, o sistema de transporte coletivo da Grande Vitória, levou à possível exposição de informações pessoais de centenas de milhares de estudantes das cidades da região. O acesso aos dados era possibilitado apenas com a inserção do CPF, sem nenhum método adicional de verificação de identidade. Uma vez dentro do sistema, terceiros poderiam ter acesso a todos os dados cadastrados do aluno, incluindo nome completo e do pai e mãe, RG, e-mail, telefone, data de nascimento e endereço. Informações da instituição de ensino também apareciam disponíveis, como o nome da escola ou faculdade, número de matrícula, nível de ensino, turno e curso em que o estudante está matriculado. Tais informações também podiam ser alteradas a partir da mesma tela. O problema foi descoberto pelo técnico em redes Mateus Gomes e atingiria os beneficiários do Passe Escolar da Grande Vitória, que garante o benefício da meia passagem. Plataformas que dão acesso a passes gratuitos para estudantes de baixa renda, apesar de acessadas pelo mesmo sistema da GVBus, não sofriam com essa vulnerabilidade. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- CPF era o único dado solicitado para acessar o sistema de recadastro de estudantes da GVBus, expondo informações sensíveis dos alunos registrados (Imagem: Reprodução/Felipe Demartini) “O CPF é algo pessoal que diferencia as pessoas, mas não é um documento protegido”, explica Gomes. Encontrar os números dos cidadãos brasileiros na internet não é tarefa complicada e, uma vez de posse desses dados, seria fácil acessar o sistema e verificar se as informações dos alunos aparecem lá. Além disso, o técnico aponta outro problema, que abre a possibilidade de uma segunda etapa de golpe: a ausência de proteção contra ataques de força bruta. Em golpes desse tipo, sistemas são sobrecarregados por solicitações sucessivas, muitas vezes de forma a retirar a plataforma do ar. Entretanto, quando essa prática é associada a uma exposição de dados, a ideia é que hackers seriam capazes de extrair informações em massa a partir de serviços desprotegidos. “Um atacante poderia desenvolver um código malicioso que testa possibilidades de CPFs e, conforme fosse acertando, seria feita a extração dos dados”, explica Gomes. Ausência de proteções e necessidade de credenciais também poderia levar a uma extração em massa das informações, por meio de ataques de força bruta Ele ainda aponta a utilização de serviços de computação na nuvem para esse fim, com o poder destas plataformas sendo usado para rodar códigos de forma veloz e obter um gigantesco volume de informações que, mais tarde, pode ser usado em golpes. “Qualquer pessoa pode comprar grande processamento computacional por um preço acessível, não ficando restrita ao computador pessoal. Além disso, muitas empresas [do ramo] oferecem serviços gratuitos”, completa. Uma prova de conceito foi exibida ao Canaltech pelo técnico, que mostrou a falha utilizando seus próprios dados pessoais e, depois, mostrou como um código simples é capaz de realizar tentativas sucessivas no site da GVBus, extraindo informações de alunos sempre que um acesso bem-sucedido é detectado. Em teoria, a falha atingiria virtualmente todos os alunos cadastrados na plataforma de Passe Escolar, um universo de centenas de milhares de pessoas. Portas fechadas Sistema foi retirado do ar menos de 24 horas após notificação da brecha pela reportagem; GVBus afirma que cadastros foram suspensos devido às medidas de combate ao novo coronavírus (Imagem: Reprodução/Felipe Demartini) A reportagem foi notificada sobre a falha no dia 19 de março, com o primeiro contato do Canaltech com a GVBus acontecendo no dia 25 daquele mês. Menos de 24 horas depois, a plataforma de recadastro de estudantes foi desativada, com todos os cadastros se tornando inacessíveis e uma mensagem informando que o site está em manutenção. Uma resposta da empresa, entretanto, veio apenas no dia 30 de março e após mais um contato do Canaltech. No comunicado, a GVBus afirma que a equipe técnica está verificando o problema reportado em busca de fragilidades de segurança, mas negou que a plataforma tenha sido retirada do ar por causa delas. Segundo eles, o período de manutenção é um reflexo das medidas de combate à pandemia do coronavírus. O porta-voz da companhia afirma que o governo do Espírito Santo optou por suspender a realização de novos cadastros de estudantes e a utilização de benefícios de gratuidade ou meia passagem, já que o período letivo foi interrompido devido às medidas de isolamento social. A plataforma, então, deve permanecer fora do ar enquanto vigorarem as medidas. A empresa não respondeu às demais tentativas de contato do Canaltech. A plataforma de cadastramento de estudantes permanece inacessível no momento de publicação desta reportagem. Medidas e cuidado Exposição de dados pessoais pode levar a ataques direcionados de phishing e tentativas de clonagem do WhatsApp, avisa especialista (Imagem: Pixabay) De acordo com Emilio Simoni, diretor do dfndr Lab, o laboratório de segurança digital da PSafe, medidas comuns poderiam mitigar os riscos de acesso direcionado às informações de indivíduos específicos, ainda que mantendo o acesso ao sistema apenas por meio de CPF. “Os dados poderiam ser enviados a um e-mail cadastrado pelo usuário, por exemplo, já que se supõe que apenas ele teria acesso [à caixa de entrada]”, explica. Além disso, ele cita a utilização de captchas para evitar ataques de força bruta, já que sistemas dessa categoria são capazes de impedir a atuação de robôs que realizam essa coleta ostensiva. De acordo com Simoni, cabe às equipes técnicas da empresa analisarem logs de acesso em busca de tentativas não-autorizadas ou que tenham sido feitas de forma massiva. “Ele pode verificar um ataque de força bruta verificando logs em busca de solicitações que tenham sido feitas muitas vezes por segundo, por exemplo”, diz o especialista. Ele também ressalta que tentativas desse tipo nem sempre implicam em um comprometimento: “Como se trata de tentativa e erro, os resultados podem ser limitados”. Não existem indícios de exploração da falha por terceiros, mas, ainda assim, a recomendação é de cautela para os eventuais atingidos, principalmente em relação a tentativas de golpe que utilizem engenharia social. Bandidos poderiam usar as informações extraídas do sistema de cadastro de estudantes para aplicar golpes em nome da própria GVBus e também da instituição de ensino em que estão matriculados, além de, possivelmente, utilizarem os dados pessoais na prática de fraudes. “O bandido pode ligar para a vítima e fornecer dados que ela já tem como forma de provar a autenticidade do contato, aplicando um golpe na sequência”, completa Simoni. Por fim, ele chama atenção especial para tentativas de clonagem do WhatsApp, que também podem utilizar métodos semelhantes. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Google Maps passa a indicar restaurantes que fazem entregas na sua região

Google Maps passa a indicar restaurantes que fazem entregas na sua região

canaltech O Google Maps ganhou um recurso capaz de ajudar quem está seguindo as recomendações das autoridades de saúde do Brasil e do Mundo e se mantendo em isolamento sempre que possível durnte o surto de COVID-19. A novidade é a presença de filtros para o usuário saber quais restaurantes fazem entrega ou aceitam pedidos para retirada em sua região. O novo recurso pode ser rapidamente acessado a partir da tela inicial do Google Maps e já está disponível em alguns países, incluindo no Brasil. Basta tocar sobre as opções “Para viagem” ou “Entrega” para saber quais estabelecimentos próximos à sua localização realizam tais tipos de pedido. Maps ganha novidade que deve ajudar o comércio local durnte a pandemia de COVID-19. (Imagem: Reprodução/Canaltech) A novidade, vale destacar, não permite que você realize pedidos por meio do app, mas apenas encontre restaurantes e lanchonetes capazes de atender à sua necessidade. Os pedidos para tais comércios deverá ser feito por meio do telefone, do site do local ou ainda pelo app de pedir comida de sua preferência. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Novo Humble Bundle doará dinheiro para combater a COVID-19

Novo Humble Bundle doará dinheiro para combater a COVID-19

canaltech A loja online Humble Bundle lançou um novo pacote de jogos a serem adquiridos por preços bem competitivos, prometendo direcionar 100% da receita dessa nova oferta a organizações de combate à pandemia causada pelo SARS-CoV-2, o novo coronavírus, com foco especial em entidades que forneçam equipamentos de proteção a profissionais da saúde, como EPIs e máscaras cirúrgicas. A oferta em si é bastante generosa: são cerca de US$ 1.000 (R$ 5.233) em jogos com valor total de compra de US$ 30 (R$ 156,70). Dentro do pacote, temos títulos consagrados como Undertale, The Witness, Broken Age, além de quadrinhos como Locke and Key — este último, aliás, virou uma série adaptada pela Netflix. (Captura de Imagem: Rafael Arbulu/Canaltech) A oferta pode ser vista como uma ótima oportunidade de economizar dinheiro, haja vista que boa parte dos jogos disponíveis aqui está disponível em lojas como a Steam por preços bem mais altos e em caráter unitário. Ademais, o valor do pacote, encoraja a empresa, pode ser acrescido caso o consumidor queira contribuir um pouco mais com as ações de combate ao novo coronavírus. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Os valores são cobrados em dólar e os jogos normalmente são adquiridos via cartão de crédito internacional (considerar a variação cambial mais as taxas administrativas que variam de cartão para cartão). Além disso, diversos outros pacotes também podem ser encontrados no site. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Veja Mais

Oppo Find X2 Lite tem detalhes vazados que reforçam distanciamento da proposta original da linha

tudo celular Primeiro intermediário da família mostra mudanças de estratégia da Oppo para linha que seria dedicada a inovações. Veja Mais

Samsung deve reduzir metas de lucros e se adequar com a crise do coronavírus

tudo celular Fontes do mercado indicam que a Samsung já começa a se adequar ao cenário da crise provocada pelo coronavírus. Veja Mais

Xiaomi Brasil anuncia edição nacional do "Mi Fan Festival" com ofertas e promoções

tudo celular A Xiaomi Brasil deve realizar a sua primeira edição do Mi Fan Festival em território nacional. Veja Mais

Lançamento iminente?! iPhone 9 ganha página de reservas em varejista chinesa

tudo celular Uma varejista chinesa disponibilizou a página de reservas do novo iPhone baratinho da Apple. Veja Mais

Código no iOS 14 beta sinaliza a chegada de um dos melhores recursos do Android

Código no iOS 14 beta sinaliza a chegada de um dos melhores recursos do Android

canaltech O que é bom é para ser copiado e isso fica muito claro entre os sistemas operacionais. Agora, algumas pistas indicam que o iOS finalmente receberá um dos recursos mais populares do Android, os widgets na tela principal. A descoberta foi feita pelo site 9to5Mac, que encontrou referências ao recurso, apelidado de “Avocado“, no código da versão de desenvolvimento do iOS 14, esperado para o final do ano.  iOS 14: o que esperar da próxima versão do sistema? iOS 14 promete grandes novidades para usuários de iPads Código do iOS 14 pode indicar chegada de um headphone on-ear da Apple Atualmente, o iOS possui suporte a widgets, mas apenas na tela “Visualização para Hoje” adicionada na versão 8 do sistema operacional. O Android, por sua vez, oferece o recurso na tela principal desde suas versões iniciais, com a opção de movê-los livremente entre os painéis. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Segundo a publicação, os widgets têm relação com outra novidade do iOS 14, um novo painel de configurações para os papéis de parede. As imagens serão separadas por coleções e o usuário poderá definir uma figura dinâmica exclusivamente para a tela principal. Hey @EveryApplePro, @MaxWinebach said you like wallpapers pic.twitter.com/4P8BrMzCkI — Dongle (@DongleBookPro) April 4, 2020 Os papeis de parede dinâmicos estarão disponíveis em diferentes versões – cor lisa, desfocado e escuro – para que os ícones e widgets tenham o contraste necessário com a imagem de fundo. Ambas as novidades estão em estágio de desenvolvimento, por isso ainda podem ser modificadas ou até mesmo deixadas de lado antes do lançamento oficial do iOS 14. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Novo CEO da IBM pede aos funcionários "foco maníaco" em nuvem híbrida e IA

Novo CEO da IBM pede aos funcionários

canaltech Arvind Krishna, novo CEO da IBM, assumiu o cargo nesta segunda-feira, 6, e pediu "foco maníaco" na Inteligência Artificial e na nuvem híbrida, as principais áreas que a gigante da tecnologia pretende dominar. Krishna, que foi nomeado em janeiro para substituir Ginni Rometty, também prometeu um estilo pragmático e ágil na liderança da empresa que vem lutando para voltar ao topo em um mercado de rápidas mudanças. "Uma das minhas prioridades será promover uma mentalidade empreendedora em nosso negócio", disse o décimo CEO da companhia de 109 anos, em uma carta aos funcionários. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- O novo CEO também é conhecido por liderar o novo plano da IBM de nuvem híbrida, uma tendência mundial em que as empresas associam nuvem privada e pública. Krishna disse que a empresa espera que essa seja uma oportunidade de mercado de US$ 1,2 trilhões. Além da nuvem, a IBM também está com planos agressivos de explorar seus recursos de pesquisas, especialmente na área de Inteligência Artificial. "A cloud híbrida e a IA são duas forças dominantes que têm proporcionado mudanças para nossos clientes e precisam estar no foco de toda companhia", reforçou na carta. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

YouTube vai limitar alcance de conspiração que liga 5G ao coronavírus

YouTube vai limitar alcance de conspiração que liga 5G ao coronavírus

canaltech O YouTube anunciou neste domingo que vai começar a limitar o alcance de vídeos que ventilem a conspiração que liga a tecnologia 5G à pandemia do novo coronavírus. Os conteúdos dessa natureza, segundo a empresa, podem não mais serem exibidos nas pesquisas da plataforma, além de perderem o direito à exibição de anúncios, também uma forma de desincentivar criadores a trabalharem em material assim. A medida foi anunciada neste domingo (06), depois de relatos da polícia apontarem a depredação de mais quatro torres 5G no Reino Unido. Apenas nas principais cidades do país, o total de estruturas atacadas já chega a sete, com três delas sendo incendiadas ao longo da última semana na medida em que a conspiração começa a ganhar corpo por redes sociais, mensageiros instantâneos e, claro, o YouTube. Engenheiros que trabalham com a tecnologia também teriam sofrido ameaças. Apesar disso, os primeiros relatos sobre a ideia vêm de fevereiro, quando o 5G foi apontado como o sinal ativador do coronavírus. O patógeno é sempre citado como arma biológica, mas suas origens variam — às vezes o sentimento é antiamericano, mas em outras, o inimigo é todo o mundo ocidentral. A origem seria Wuhan, uma das primeiras cidades chinesas a ter parte de seu território coberto pela conexão, ainda em fase experimental no país. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Governo promete unidades de saúde 100% conectadas até o fim de abril Coronavírus atinge o recorde de 1 milhão de infecções em todo o mundo Segundo o YouTube, vídeos conspiratórios denunciados recebem as sanções rapidamente e estão sendo considerados como conteúdo “de limite”, que não necessariamente quebram os termos de uso da plataforma, mas geram danos por meio da desinformação. O serviço pede que seus usuários ajudem a denunciar conteúdos desse tipo, cujos canais também serão menos recomendados aos espectadores. Mais do que espalhar notícias falsas e levar a danos ao patrimônio, operadoras de telefonia inglesa apontam que a destruição de torres 5G pode levar a buracos de comunicação e efetivamente dificultar a conectividade entre cidadãos e serviços de saúde. A Vodafone, por exemplo, apontou que alguns dos totens destruídos compartilhavam infraestrutura com a rede 4G, o que levou ao enfraquecimento do sinal e quedas na velocidade em algumas regiões atingidas. Ver essa foto no Instagram Meanwhile the Chinese are bringing 5g antennas down Uma publicação compartilhada por Woody Harrelson (@woodyharrelson) em 1 de Abr, 2020 às 11:13 PDT Entretanto, não ajuda em nada o fato de celebridades estarem compartilhando relatos e vídeos sobre a suposta ligação entre o 5G e o coronavírus. O ator Woody Harrelson, por exemplo, divulgou textos e clipes sobre a conspiração, incluindo um “mostrando” chineses derrubando torres com uma motosserra — as imagens, na realidade, são dos protestos em Hong Kong e a estrutura destruída é um totem de reconhecimento facial do governo. O boxeador Amir Khan e a apresentadora de TV Amanda Holden também estão entre os famosos que levaram a ideia adiante. De acordo com o YouTube, milhares de vídeos desinformativos sobre a pandemia do coronavírus já foram removidos da plataforma desde fevereiro. Em milhares de outros casos, um link foi adicionado à página levando a informações oficiais sobre a pandemia, de acordo com o país do usuário. Além disso, as ações de limitação de alcance teriam reduzido as visualizações desse tipo de conteúdo em 70% para os que permaneceram no ar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

Justiça determina que Rappi e iFood paguem entregadores afastados pela COVID-19

Justiça determina que Rappi e iFood paguem entregadores afastados pela COVID-19

canaltech A Justiça do Trabalho do estado de São Paulo decidiu neste domingo (5) que empresas de entrega como Rappi e iFood precisam dar assistência financeira a entregadores afastados por conta da COVID-19. Foi determinado o pagamento de pelo menos R$ 1.045 (salário mínimo) para os entregadores afastados que se integram ao grupo de risco e que estejam confirmados ou com suspeita da doença. A decisão tem caráter liminar, ou seja, provisória, e foi apresentada pelo juiz Elizio Luiz Perez, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2). O juiz emitiu documentos separados para ambas empresas, mas que refletem o mesmo. As companhias precisam garantir "assistência financeira aos trabalhadores que integram grupo de alto risco que demandem necessário distanciamento social ou afastados por suspeita ou efetiva contaminação pelo novo coronavírus", escreveu o juiz na decisão. Os trabalhadores podem receber acima do mínimo, baseado no ganho médio dos últimos 15 dias. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Além disso, as companhias precisam oferece espaços e equipamentos para higienização dos entregadores. “A empresa deve fornecer, gratuitamente, e orientar os profissionais de transporte de mercadorias a manter álcool-gel (70%) em seus veículos; [...] providenciar espaços para a higienização de veículos, bags que transportam as mercadorias, capacetes e jaquetas (uniformes), bem como credenciar serviços de higienização”, enumera o documento. Também estão inclusos a oferta de espaços para higienização com água corrente e sabão, além de hidratação dos entregadores. O documento ainda informa que as companhias precisam estimular entregas sem contato físico, ou entrada nas áreas comuns dos prédios, como elevadores. Recentemente, tanto iFood quanto Rappi adicionaram a seus aplicativos a opção com envio “sem contato”, em que o entregador somente deixa a comida na entrada do prédio ou porta da residência, diminuindo a possibilidade de contaminação. Leia mais | Receber sem contato físico: como usar no iFood, Rappi e Uber Eats De acordo com o juiz, as empresas têm 48 horas para implementar a medida após a notificação pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). As duas estão passíveis de multa de R$ 50 mil por dia de descumprimento. O que dizem as companhias?  Em nota para o Canaltech, a Rappi disse já estar ciente da liminar e que está analisando como vai tomar as medidas necessárias. "A empresa informa que desde que as conversas sobre Covid-19 começaram globalmente, a Rappi - seguindo as orientações das autoridades competentes e sob a supervisão de uma infectologista brasileira - tem se antecipado e colocado em prática uma série de protocolos de segurança e de comunicação com todos os elos de seu ecossistema", respondeu a companhia. Além disso, ela enumerou algumas das ações que já toma atualmente. "- Criamos e estamos praticando uma comunicação massiva e diária com todo nosso ecossistema para que sigam as orientações de segurança das autoridades competentes, antes, durante e depois das entregas; - Desenvolvemos e colocamos em prática a entrega sem contato - em que os entregadores deixam o pedido na porta do cliente e se afastam, para evitar a proximidade -, e estamos incentivando o pagamento via app, para evitar o contato com cédulas de dinheiro (já não operávamos com máquinas de cartão); - Compramos álcool gel e máscaras para entregadores parceiros, e estamos trabalhando para intensificar sua distribuição, assim como os orientando quanto aos procedimentos de uso; - Reforçamos as medidas de segurança em nossas Dark Kitchens e com nossos personal shoppers que trabalham dentro dos supermercados parceiros; - Disponibilizamos no aplicativo do entregador parceiro um botão específico para que ele notifique a Rappi caso apresente sintomas compatíveis com Covid-19 ou confirme o diagnóstico, para que deixe de prestar serviços no aplicativo e seja imediatamente orientado; - Criamos um fundo que apoiará financeiramente os entregadores parceiros com sintomas ou confirmação da COVID-19 pelo período de 14 dias em que eles precisarão cumprir a quarentena. A Rappi tem, inclusive, evoluído as regras e gestão do fundo - que será feita por uma entidade de renome global -, sempre seguindo os aprendizados em cada região. " O Canaltech também buscou contato com o iFood e aguarda posicionamento. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os 10 melhores filmes originais do Amazon Prime Video Veja Mais

Galaxy A51 5G pode ser lançado em breve, indica nova certificação

Galaxy A51 5G pode ser lançado em breve, indica nova certificação

canaltech A versão 5G do Galaxy A51 está prestes a ser lançada na Coreia do Sul. É o que indica uma certificação do smartphone intermediário no Wi-Fi Alliance, registrada no último dia 3 de abril, apresentando algumas novidades em relação às suas conexões sem fio. Confira os 10 smartphones Android mais poderosos de março, segundo o AnTuTu Segundo as informações, o vindouro Galaxy A51 5G (modelo SM-A516N) terá suporte ao Wi-Fi Dual Band (2.4 GHz e 5 GHz) b/g/n/ac, além de Wi-Fi Direct, padrão no qual dois dispositivos se conectam sem um ponto de acesso intermediário – como um roteador. O registro também sugere o Android 10 de fábrica no smartphone, consequentemente trazendo a mais recente One UI com ele. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Página de certificação Wi-Fi do Galaxy A51 5G (Foto: Sam Mobile) Possíveis especificações técnicas do Galaxy A51 5G A principal mudança no Galaxy A51 5G será no seu interior. O smartphone rodará o processador Exynos 980, um octa-core com frequência máxima de 2.2 GHz, GPU Mali-G76 MP5 e modem Shannon 5G integrado. O modelo é o mesmo encontrado no Vivo X30, atualmente um dos smartphones intermediários mais potentes do mundo, segundo testes do AnTuTu. Diferente do Galaxy A51 tradicional, lançado no Brasil em janeiro, sua versão 5G deverá trazer construção de metal e um padrão diferente no módulo de câmeras. No mais, podemos esperar as mesmas características do modelo original, incluindo uma tela de 6,5 polegadas com resolução Full HD+, quatro câmeras na traseira (principal de 48 MP + ultrawide de 12 MP + macro de 5 MP + profundidade de 5 MP) e um sensor frontal de 32 MP. Além disso, o Galaxy A51 5G deverá vir com versões de 4 GB e 6 GB de RAM LPDDR4X, 128 GB de armazenamento UFS 2.1 e suporte para cartão de memória. Embora o smartphone seja equipado com um processador mais potente, a bateria de 4.000 mAh será mantida, bem como o carregamento rápido de 15 W. Especificações do Galaxy A51 5G: Tela: 6,5 polegadas Full HD+ Super AMOLED; Chipset: Exynos 980 - Dois Cortex-A77 CPU cores (2.2GHz), seis Cortex-A55 CPU cores (1.8GHz); Memória RAM: 4 GB / 6 GB Armazenamento interno: 128 GB com suporte para cartão microSD; Câmera traseira: principal de 48 MP + ultrawide de 12 MP + macro de 5 MP + profundidade de 5 MP; Câmera frontal: 32 MP; Dimensões: não revelado; Peso: não revelado; Bateria: 4.000 mAh com carregamento rápido; Extras: GPS, Wi-Fi ac, Bluetooth 5.0, NFC, USC Tipo-C, entrada 3.5mm para fones, leitor de digitais na tela, 5G; Cores disponíveis: não revelado; Sistema operacional: Android 10 com interface One UI 2.0 ou 2.1. Vale lembrar que, a princípio, o Galaxy A51 5G será exclusivo do mercado sul-coreano e outros países com rede 5G disponível — ou seja, o Brasil não receberá essa versão. Review completo do Galaxy A51:   Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Looke: como funciona o serviço de streaming que é a 'Netflix' brasileira

Looke: como funciona o serviço de streaming que é a 'Netflix' brasileira

canaltech Existem diversas plataformas de streaming que, além da mesma função, também possuem uma interface bem parecida com a da Netflix. No entanto, poucas contam com o serviços de streaming tanto de filmes, séries e documentários quanto de músicas (DVDs de shows ao vivo), permitindo tanto a assinatura de planos quanto o aluguel separado. Essa é justamente a proposta do Looke, site brasileiro que, além de mais barato, pode proporcionar tanta diversão quanto outras plataformas. Os títulos são divididos por categorias e englobam lançamentos, séries, vencedores do Oscar, cinema nacional, entre outros tipos de produções renomadas, seja no Brasil ou no exterior. Looke: como funciona a plataforma Ao acessar a página inicial do Looke, antes mesmo de fazer seu cadastro são exibidas diversas opções de filmes para locação (por 48h a partir da primeira exibição) e venda, todos a partir de R$ 1,89 para alugar e R$ 14,90 para comprar. O que chama atenção na plataforma é justamente a possibilidade de ter acesso a todo o conteúdo sem qualquer tipo de assinatura. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- O pagamento pelo aluguel ou pela compra dos títulos pode ser feito via cartão de crédito, gift card, PicPay ou pelos Créditos Looke, um tipo de bonificação oferecido dentro da própria plataforma. Já, para assinar o Looke, é possível escolher entre os seguintes planos: 1 tela com acesso ilimitado a todos os títulos da plataforma, por R$ 16,90; 3 telas com acesso ilimitado, por R$ 18,90; 5 telas com acesso ilimitado e 1 locação garantida por mês, por R$ 25,90. Looke: planos variam de acordo com a quantidade de telas (Captura de tela: Ariane Velasco) No entanto, vale ressaltar que os assinantes dos planos se encaixam na categoria Vídeo Club do Looke, o que não inclui lançamentos, uma vez que eles estão, segundo a plataforma, sujeitos às “regras de distribuição dos Estúdios e Produtores e não estarão disponíveis para assinantes em um primeiro momento”. Looke: limite e exclusão de dispositivos Cada um dos três planos do Looke conta com uma quantidade limitada de dispositivos onde os filmes podem ser exibidos. Para assistir em seu smartphone, tablet, TV ou console, é necessário registrar o dispositivo em questão em sua conta, respeitando o limite máximo. Caso você tenha que trocar de tela, basta remover o dispositivo de sua conta nas configurações, que podem ser acessadas no canto superior direito da tela. Filmes, Séries, Musicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? Looke: exibição de filmes offline Também é possível assistir filmes, séries, documentários ou shows offline no Looke, o que é ideal para pessoas que passam muito tempo longe de casa e não possuem tanta internet móvel para usar com esse tipo de atividade. Para ter acesso ao conteúdo offline, basta baixar o aplicativo disponível para Android, iOS e Windows. Em seguida, é só escolher o filme que você quer assistir e fazer o download quando tiver uma conexão com a internet disponível. A partir desse momento, ele poderá ser acessado em sua biblioteca mesmo quando você estiver completamente offline. Fácil, não é mesmo? Looke: conteúdo pode ser assistido offline e acessado através de canais (Captura de tela: Ariane Velasco) Looke Kids Além das categorias que apresentam filmes e shows musicais, o Looke também conta com a tela “Kids”, voltada para o público infantil. São centenas de títulos que reúnem os personagens mais amados pelas crianças, como a Turma da Mônica, o Sonic e diversos outros. Para acessar a versão kids da plataforma, basta clicar no ícone localizado no canto superior direito da tela (no navegador da web), ao lado do ícone de menu. Além da Netflix | 12 serviços de streaming diferentes que você precisa conhecer 8 serviços de streaming de música para quem ficou órfão do Grooveshark Looke: fazendo sua assinatura A seguir, confira um breve tutorial para fazer sua assinatura no Looke: Passo 1: acesse o site do Looke e, na página inicial, clique em “Assine ou alugue”. Looke: serviço de streaming permite alugar ou comprar filmes recém lançados (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 2: role a tela até ver todos os planos disponíveis na plataforma e, logo abaixo, clique em “Cadastre-se agora gratuitamente”. Os preços do aluguel e venda variam de acordo com o filme (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 3: agora, preencha seus dados pessoais como e-mail, senha, nome, CPF, endereço e número de celular. Não se esqueça de inserir um e-mail de fácil acesso e uma senha válida (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 4: digite o código de confirmação enviado por SMS para seu celular. Caso o código não chegue, é possível reenviá-lo em poucos minutos (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 5: clique em “Assinar” abaixo do plano escolhido. É possível experimentar qualquer plano por 7 dias (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 6: insira seus dados para pagamento e finalize em “Efetuar pagamento”. Caso você tenha algum código promocional, é só inserir no espaço acima do botão de confirmação. Você também pode assinar o Looke via PayPal (Captura de tela: Ariane Velasco) E você, já havia ouvido falar no Looke? Conte pra gente nos comentários. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Vendas de celulares da Xiaomi começam a "esfriar" após um excelente 2019

Vendas de celulares da Xiaomi começam a

canaltech A Xiaomi teve um 2019 incrível, com direito a recorde de arrecadação que permitiu a ela ultrapassar a Huawei, já em 2020, para ocupar o posto de terceira maior fabricante de smartphones do mundo. Agora, porém, as coisas parecem começar a esfriar e a chinesa já se vê em um cenário não tão florido. De acordo com o DigiTimes, a empresa têm dificuldades em manter os ótimos resultados de 2019 neste ano. Citando fontes anônimas, o veículo especializado no mercado mobile crava que as vendas de celulares da Xiaomi diminuíram, daí a dificuldade em manter o bom momento do período anterior. Novos smartphones da Xiaomi serão capazes de manter, em 2020, o bom momento de 2019? (Imagem: Reprodução/Xiaomi) Os resultados não tão positivos indicados por fontes ligadas ao mercado vão de encontro com as mais recentes alegações do vice-presidente da empresa, Lu Weibing. Em coletiva online realizada no fim de março, ele afirmou que as vendas da companhia não teriam sido afetadas pela crise gerada pelo novo coronavírus. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Como tudo ainda se baseia apenas em afirmações, tanto do executivo quanto de fontes do mercado, resta esperar os relatórios financeiros oficiais dos períodos mais recentes para saber quem de fato está com a razão. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Veja Mais

Xiaomi lança relógio Haylou Solar com autonomia de até 30 dias e preço baixo

tudo celular A Xiaomi lançou um novo relógio inteligente conhecido como Haylou Solar. O dispositivo promete autonomia de 30 dias. Veja Mais

Agora sim! Samsung libera One UI 2.1 para as linhas Galaxy S10 e Note 10 no mundo todo

tudo celular Nova versão do firmware já está sendo distribuída globalmente. Veja Mais

Finja surpresa: iPhone 12 deve trazer sensor LiDAR como o do iPad Pro, sugere vazamento

tudo celular Módulo similar ao do iPad Pro (2020) pode ser encontrado nos próximos smartphones da Apple. Veja Mais

Honor 30 Pro dá as caras no Geekbench mostrando processador Kirin 990 5G

tudo celular Top de linha traz chipset mais poderoso da Huawei, com suporte a 5G e mais. Veja os detalhes no artigo a seguir. Veja Mais

Últimos dias

Série solo do Obi-Wan Kenobi tem novo roteirista definido

Série solo do Obi-Wan Kenobi tem novo roteirista definido

canaltech Há muito os fãs esperam por uma produção Star Wars com Obi-Wan Kenobi como protagonista. Anteriormente, um filme havia sido prometido, um spin-off que seria lançado após Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith, mas a Disney, que comprou a LucasFilm, resolveu que seria melhor dar ao personagem uma série própria. Estrelada por Ewan McGregor, a série acabou de ganhar seu roteirista depois de ter perdido Hossein Amani, que abandonou o projeto por ter este um enredo muito parecido com o de O Mandaloriano. Segundo informações do Variety, o novo nome a embarcar no projeto é Joby Harold, que, além de roteirista, será também produtor. Amazon Prime chegou ao Brasil e está todo mundo assinando. Já fez seu teste grátis de 30 dias? Clique aqui! Imagem: Lucasfilm / Disney Joby Harold tem pouca experiência como roteirista, tendo trabalhado em Awake: A Vida por um Fio em 2007 e, dez anos depois, em Rei Arthur: A Lenda da Espada. Seus próximos trabalhos ainda são desconhecidos para o público: Army of the Dead, que está em pós-produção, e um projeto Transformers ainda sem título que foi apenas anunciado. Como produtor, no entanto, Harold tem um currículo muito mais recheado, com títulos como John Wick 3: Parabellum. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Série de Obi-Wan Kenobi tem gravações adiadas por problemas com o roteiro Roteiro original de Star Wars daria destino diferente a Obi-Wan Disney deve “tirar o pé” de filmes de Star Wars por enquanto, aponta CEO Harold tem um trabalho intenso pela frente: mesmo que a produção da série sobre Obi-Wan só seja iniciada em 2021, o roteirista terá que aproveitar esse tempo não só para reescrever o que já foi feito, mas para melhorar significativamente o conteúdo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020) TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Veja Mais

Rumo a Marte: rover Perseverance terá rodas especiais e paraquedas de kevlar

Rumo a Marte: rover Perseverance terá rodas especiais e paraquedas de kevlar

canaltech Os trabalhos da NASA seguem a todo o vapor para enviar o rover Perseverance a Marte neste ano. O veículo exploratório — que irá ao Planeta Vermelho com a missão Mars 2020, a ser lançada entre julho e agosto —, terá como objetivo procurar por bioassinaturas na superfície marciana, especificamente em uma área onde se estima que, um dia, existiu o delta de um rio. Esse local, chamado Cratera Jezero, possui um terreno bem complicado e vai exigir que o rover tenha um sistema de rodas mais avançado do que seus "irmãos" mais velhos, enviados para lá no passado. Suas rodas são quase um milímetro mais grossas das que equipam o Curiosity, rover que chegou a Marte em 2012 e ainda estuda o planeta. Esses exemplares ganharam ranhuras com espaçamentos de 48° suavemente curvados, que ajudam na aderência ao terreno, bem diferente do que vemos no Curiosity, cujas rodas têm relevo em zigue-zague. Segundo a NASA, com essas mudanças, as novas rodas são mais capazes de encarar o relevo específico do local onde o Perseverance pousará. Diferenças entre os designs das rodas do Curiosity e do Perseverance(Imagem: NASA) Perseverance é o nome do rover da NASA que buscará bioassinaturas em Marte Entenda como o rover Mars 2020 tentará encontrar sinais de vida em Marte NASA revela mais detalhes sobre o novo rover que será enviado a Marte em 2020 O Perseverance, que está em processo final de montagem no Kennedy Space Center, na Flórida, recebeu suas seis rodas no último dia 30 de março. Elas já foram testadas em um ambiente off-road que simulou o terreno de Marte, chamado Mars Yard e localizado no Jet Propulsion Laboratory, da própria NASA. A agência espacial, porém, não deu mais detalhes sobre o sistema de suspensão e freios do rover. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- (Imagem: NASA) Paraquedas também é diferenciado Tão importante quanto a movimentação no solo de Marte, é a chegada do módulo de pouso em nosso vizinho, incluindo o processo de passar pela fina atmosfera marciana e reduzir sua velocidade para evitar colisão com o solo. De acordo com informações da NASA, ao iniciar o processo de pouso, o módulo carregando o Perseverance em seu interior deve alcançar uma velocidade em torno de 320 km/h. Para suavizar a chegada do rover ao solo marciano, foi instalado um paraquedas ultramoderno — feito de nylon, technora e kevlar —, e que está embalado em uma peça de alumínio de 50 cm de largura. Quando o veículo, que pesa mil quilos, estiver a 11 quilômetros do solo, o equipamento será aberto, expondo seus 21,5 m de largura para proporcionar uma chegada suave à superfície. O lançamento da missão Mars 2020, levando o rover Perseverance a Marte, tem decolagem agendada para o período entre 17 de julho e 5 agosto. A chegada ao Planeta Vermelho é estimada para o dia 18 de fevereiro de 2021. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Veja Mais

Galaxy S20 Plus vs S10 Plus: quem procura um celular top tem que pensar bem | Comparativo

tudo celular Um ano depois do lançamento é sempre uma boa hora para comprar o topo de linha da Samsung. Mas fica a dúvida: ele vale a pena perto do atual? Colocamos o Galaxy S10 Plus para brigar com o Galaxy S20... Veja Mais

10 canais do YouTube para entreter seus filhos durante a quarentena

10 canais do YouTube para entreter seus filhos durante a quarentena

canaltech Como medida de precaução contra a disseminação da COVID-19, a regra é ficar em casa. O que pode ser uma tarefa angustiante para os adultos, transforma-se em algo ainda mais pesado para as crianças. Neste caminho, os vídeos no YouTube podem dar uma mãozinha para entreter os pequenos enquanto estes não podem brincar lá fora. A nossa equipe reuniu neste artigo dez canais na plataforma de streaming de vídeo, os quais você pode mostrar tranquilamente aos seus filhos e segurar a agitação do isolamento social. Como, muito provavelmente, você já conhece a Pepa Pig, fomos um pouco mais além do tradicional. Vamos lá: 1. Ticolicos   O Ludi é o personagem principal deste canal. Ele ensina a fazer brinquedos em casa, conta histórias e mais interessante: responde às perguntas dos pequenos. Um dos vídeos mais importantes é este destacado acima: “Por que lavas as mãos?” -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- O canal também traz quiz interativo sobre perguntas de ciência e curiosidades, às quais se pode responder clicando na tela. Ou seja, temos diversão e aprendizado ao mesmo tempo. Embora já esteja parado em novas produções, o canal tem uma vasta biblioteca para ser explorada. 2. Show da Luna   Este talvez seja o canal mais conhecido desta lista. Luna é uma menina curiosa que quer saber como tudo é feito. A cada episódio, ela entra em uma aventura respondendo perguntas clássicas das crianças. “Onde estão os dinossauros?”, por exemplo. O canal está com algumas listas para este momento de isolamento, com dicas sobre lavar as mãos e a importância de ficar em casa. 3. Canal do Júlio   Quem é um pouco mais velho deve lembrar de Cocoricó. O programa vespertino era comandado pelo boneco Júlio e trazia conversa com os animais da fazendo, além de passar uma série de desenhos em meio a isso. Agora, Júlio tem seu próprio canal no YouTube, com vídeos curtos no estilo vlog, em que conversa com crianças sobre temas importantes. Ele também está com material especial para a situação de isolamento. 4. Quintal da Cultura   Em se tratando de conteúdos da TV Cultura, a emissora agora começou a colocar suas produções mais antigos também no YouTube. No “Quintal”, estão reunidos só os vídeos para a criançada, com programas educativos e divertidos ao mesmo tempo. Além disso, a emissora também tem adicionado novas produções com contação de história e um estilo mais atualizado de comunicação. 10 filmes premiados para assistir no Amazon Prime Video 5. Cordel Animado   Este canal traz um modo diferente de contar histórias: usando música de cordel. Ele é encabeçado por duas irmãs que escrevem músicas sobre histórias infantis. A proposta é mesclar leitura de histórias com cordel. Agora, com o isolamento, elas estão fazendo lives quase diárias com diferentes temas pelas tardes para entreter os pequenos. 6. Palavra Cantada   Este é um projeto já antigo, em que os músicos Sandra Peres e Paulo Tatit fazem música para conversar som as crianças. Em cada som, eles discutem um tema diferente, explorando de forma educativa as caraterísticas de objetos e sentimentos. Esta é uma ótima pedida para deixar na TV como música de fundo para animar o ambiente de casa. 7. Telmo e Tula   Ficar em casa também é um bom momento para levar as crianças para cozinha e ensinar um pouquinho de como é fazer receitas. Neste canal, os personagens Telmo e Tula mostram, com uma linguagem infantil, como fazer um bolo, um doce e a importância de comer legumes. Aqui, há um detalhe, trata-se de uma produção de português de Portugal. Então, talvez os pequenos vão precisar de uma mãozinha para entender todas as palavras. 10 filmes para assistir na Netflix durante a quarentena 8. Hélio Ziskind   Você lembra das músicas que tocavam nas principais produções infantis da TV Cultura? Pois bem, elas foram compostas por Hélio Ziskind. Com o sucesso na televisão, ele resolveu abrir seu próprio canal no YouTube, com animações em cima das suas principais músicas. É um prato cheio para a criançada conhecer novas canções. 9. Fafá conta histórias   Como o próprio nome supõe, este é um canal de contar histórias. A atriz Flávia Schemer entra na personagem para dar dramatização e linguagem infantil a várias histórias curtinhas, com menos de 10 minutos. O canal tem uma biblioteca vasta dividida por temas, sendo que Flávia também faz lives durantes este momento de quarentena. 10. Mundo Bita   Bita é um senhorzinho simpático cheio de amigos. Este canal é voltado para crianças menores entre 1 a 3 anos, oferecendo canções e imagens mais simples, cheia de cores para chamar atenção. As letras falam sobre sentimentos, brincadeiras e curiosidades com uma linguagem bem fácil. E aí, curtiu essa lista? Compartilha nos comentários quais são os canais que você está usando para entreter a criançada durante este isolamento social. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL] Foto do Hubble mostra que cometa interestelar 2I/Borisov se dividiu em dois Veja Mais

TIM reforça compromisso com clientes, sociedade e colaboradores no combate ao novo coronavírus

tudo celular Confira a seguir as iniciativas da TIM no auxílio ao combate à pandemia do novo coronavírus. Veja Mais

Coronavírus: Brasil chega a 445 mortes em 10.360 casos confirmados | Relatório diário da Covid-19

tudo celular Fique por dentro dos dados atualizados de casos confirmados e mortes por Covid-19 no Brasil e no mundo. Veja Mais

TAILÂNDIA R$2390 | Pacote para conhecer Bangkok e Phuket em 2021 com voo e hotel

TAILÂNDIA R$2390 | Pacote para conhecer Bangkok e Phuket em 2021 com voo e hotel

canaltech *IMPORTANTE: fique atento à data de publicação desta matéria, pois todos os preços e promoções estão sujeitos à disponibilidade de estoque e duração da oferta, que tem tempo limitado. Alterações de preço podem ocorrer a qualquer momento, sem prévio aviso. O preço ou valor total do produto poderá ser alterado de acordo com a localidade considerando frete e possíveis impostos interestaduais. Nada como relaxar planejando as próximas férias, não é? Para ficar melhor, só com promoção. E é o que o Hurb oferece. Se você tem interesse em conhecer Bangkok e aproveitar para dar um pulinho na ilha montanhosa de Phuket, olha só essa oferta para começar a programar uma viagem para 2021! Confira também outros pacotes para 2021: -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- DUBAI: pacote com voo e hotel por R$ 1.999 em 12x sem juros CANCÚN: Viaje com all-inclusive por apenas R$ 1.999 Sobre Bangkok e Phuket Bangkok (Divulgação) Bangkok (Divulgação) Bangkok (Divulgação) Bangkok (Divulgação) Bangkok (Divulgação) Bangkok (Divulgação) Bangkok (Divulgação) Phuket (Divulgação) Phuket (Divulgação) Phuket (Divulgação) Phuket (Divulgação) Phuket (Divulgação) Na capital da Tailândia você pode visitar os mais de 400 templos sagrados espalhados pela Cidade dos Anjos, passear na Khaosan Road, uma rua de 410 metros de extensão que ficou conhecida como “capital mundial dos mochileiros”, andar de Tuk Tuk, passear de barco no rio Chao Phraya ou apenas passear, fazer compras e conhecer uma nova cultura e sua gastronomia. Já em Phuket, você aproveita para descansar na praia, deitado na areia ouvindo as ondas baterem. Ou pode passear pela ilha, cheia de florestas e trilhas. É sua escolha, afinal, são as suas férias. Há voos partindo das seguintes cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte e Brasília. A hospedagem em Bangkok será no Lub d Bangkok Siam, já em Phuket você ficará hospedado no Aspery Hotel, ambos com café da manhã incluso. Em caso de não haver disponibilidade nos hotéis citados, será oferecida hospedagem com categoria similar, também padrão 3 estrelas, com café da manhã. Sobre o Hurb Também conhecido como Hotel Urbano, o Hurb é uma agência de viagens brasileira fundada em janeiro de 2011 e que já soma mais de 20 milhões de viajantes cadastrados, que foram a mais de 35 mil destinos mundo afora. Com a missão de tornar as viagens cada vez mais simples, o Hurb prioriza preços acessíveis, e seu principal produto é a venda de diárias em hotéis — mas também trabalha com passagens aéreas, passeios, traslado, e muito mais. Além de vantagens exclusivas, a agência permite pagamento também via boleto bancário, parcelamento em até 12x sem juros e cancelamentos grátis. Com mais de 12 milhões de seguidores no Facebook, o Hurb possui o selo Disney Select, ou seja, a agência faz parte do grupo de operadoras que representam o Walt Disney World Resort no Brasil, autorizada, portanto, a vencer pacotes específicos para esse destino tão cobiçado. Esses pacotes incluem ingressos, hospedagem nos hotéis Disney, refeições nos restaurantes do local, transporte, cruzeiros e conteúdos Disney exclusivos. Oportunidade imperdível Pacote Tailândia (Site Hurb) A promoção do Hurb tem pacote para Bangkok e Phuket a partir de R$ 2.390, pagando em até 12 vezes sem juros de R$ 199,16 no boleto ou cartão, com passagens aéreas e hospedagem inclusas. São 3 diárias na capital tailandesa e mais 5 diárias na ilha, totalizando oito dias no país asiático. Você poderá escolher três datas entre março e novembro de 2021, e a agência verifica a disponibilidade para marcar a sua viagem. Também tem também opções com mais dias em cada destino e com passeio turístico na cidade. Quer mais pacotes para 2021?  DUBAI: pacote com voo e hotel por R$ 1.999 em 12x sem juros CANCÚN: Viaje com all-inclusive por apenas R$ 1.999 *O Canaltech Ofertas tem como objetivo informar seus leitores e publicar as melhores ofertas encontradas no varejo brasileiro. Entretanto, não nos responsabilizamos por alterações posteriores nos preços informados, uma vez que as ofertas aqui apresentadas podem ter diferentes períodos de vigência. Recomendamos aos nossos leitores que sigam nossas publicações e participem do nosso grupo de descontos no WhatsApp para receber as melhores indicações de ofertas assim que elas forem publicadas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Espanhol bate recorde de maior live de um jogo no YouTube Veja Mais

Samsung anuncia garantia estendida para produtos em virtude da COVID-19

Samsung anuncia garantia estendida para produtos em virtude da COVID-19

canaltech Além das medidas preventivas adotadas em suas unidades de fabricação e lojas oficiais para combater o coronavírus, a Samsung também anunciou, na última quinta-feira (2), através de comunicado oficial, a ampliação do prazo de garantia de seus produtos aqui no Brasil. Always On Display: Samsung libera atualização com melhorias no visual Samsung invoca BTS para aumentar a popularidade do Galaxy S20 (e funciona) A medida, com validade até 31 de maio, beneficia os consumidores cujos smartphones, televisores, notebooks, tablets ou produtos da linha branca, por exemplo, teriam a garantia expirada durante o período de quarentena, que teve início no dia 15 de março. “Para a Samsung, a satisfação de seus clientes está entre as principais prioridades da empresa e, por este motivo, decidimos pela ampliação do prazo de garantia para oferecer total suporte neste momento. É hora de reforçar o cuidado com nossos clientes e oferecer soluções práticas e seguras, como os atendimentos online disponíveis todos os dias, 24h”, declara Luiz Xavier, Diretor Sênior de Customer Service da Samsung Brasil. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- A fabricante sul-coreana reforça a oferta de serviços virtuais, como o acesso remoto para problemas de configuração, atendimento telefônico ou via chat, além vídeos tutoriais no canal do YouTube da Samsung Brasil.   Asus, LG e Motorola também ampliam prazo de garantias Assim como a Samsung, outras fabricantes também anunciaram ações para ajudar seus consumidores. A ASUS, por exemplo, mantém o atendimento através de e-mail, telefone e chat normalmente, além de manter a garantia ativa caso o primeiro contato tenha sido feito após o decreto da quarentena. Moto E6s é lançado no Brasil com câmera inferior e mesmo preço do E6 Plus Estádio do Pacaembu vira hospital de campanha e tem auxílio da LG A Motorola, assim como a LG, também segue com os canais de atendimento abertos, incluindo o WhatsApp, porém com as assistências técnicas fechadas até que tudo se normalize, aceitando o envio pelos Correios de aparelhos cuja garantia venceu no período. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Veja Mais

Final Fantasy VII | Jogo tem pré-download liberado para quem já comprou

Final Fantasy VII | Jogo tem pré-download liberado para quem já comprou

canaltech Quem já fez a compra antecipada de Final Fantasy VII Remake, pode já pre-baixar o jogo digitalmente na loja do PlayStation 4 e começar a jogar já no primeiro dia do lançamento. O game está agendado para chegar co console da Sony em 10 de abril. A empresa está preocupada com as implicações do isolamento da COVID-19, o que pode refletir em envios de mídias físicas. Assim, é possível que os servidores de download fiquem sobrecarregados no dia do lançamento. “Sabemos que, pela pandemia da COVID-19 e a necessidade de as pessoas ficarem em casa, aluns de vocês podem sentir uma demanda maior em sua largura de banda. Queremos que todos nossos fãs tenham tempo de sobra para baixar o jogo”, disse Yoshinori Kitase, produtor do game. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- A própria Sony já anunciou o adiamento de The Last of US: Part II por conta de dificuldades de distribuição. Preview | Final Fantasy 7 Remake é o jogo que todos os fãs pediram a Deus Além do anúncio do pré-download, a Square-Enix também divulgou o trailer final do Final Fantasy VII: Remake. Focado na história de Aerith, ele rememora os conteúdos apresentados na demonstração gratuita disponível na PlayStation Network.   Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Quais os celulares usados pela equipe do Canaltech? Confira! Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Veja Mais

Pode baixar! Firefox é atualizado e corrige duas vulnerabilidades classificadas como grave

tudo celular Brechas foram recentemente reportadas e já foram corrigidas pela Mozilla, sendo portanto indicada a atualização do navegador Veja Mais

Coronavírus: Google Maps passa a exibir botão para restaurantes com delivery e retirada

tudo celular Novidade já está disponível no Brasil e facilita a vida daqueles que estão em isolamento social mas querem optar por compra de refeições em restaurantes da região Veja Mais

Você usaria?! Surgem imagens do que pode ser a próxima geração do Samsung Galaxy Buds

tudo celular Suposto novo formato será mais discreto e ergonômico mas pode oferecer menor isolamento acústico Veja Mais

DUBAI 2021 | Pacote com voo e hotel por R$ 1999 em 12x sem juros, uma pechincha!

DUBAI 2021 | Pacote com voo e hotel por R$ 1999 em 12x sem juros, uma pechincha!

canaltech *IMPORTANTE: fique atento à data de publicação desta matéria, pois todos os preços e promoções estão sujeitos à disponibilidade de estoque e duração da oferta, que tem tempo limitado. Alterações de preço podem ocorrer a qualquer momento, sem prévio aviso. O preço ou valor total do produto poderá ser alterado de acordo com a localidade considerando frete e possíveis impostos interestaduais. Nunca é cedo para começar a planejar as próximas férias, certo? Para te ajudar, o Hurb tem feito diversas promoções nas últimas semanas. A mais recente é um pacote para Dubai que está 40% mais barato. São 5 diárias no exterior por menos de R$ 2.000! Aproveite para começar a programar sua viagem de 2021. Sobre o pacote Dubai (Divulgação) Dubai (Divulgação) Dubai (Divulgação) Dubai (Divulgação) Dubai (Divulgação) Dubai (Divulgação) Dubai (Divulgação) Dubai (Divulgação) -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Trata-se de uma oferta especial do Hurb chamado Pacote de Data Flexível. Você compra o pacote e, quando o pagamento for aprovado, recebe um formulário via e-mail para escolher até três datas possíveis para a viagem. Pode ser qualquer data entre 1º de março e 30 de novembro, exceto feriados e o mês de julho. Até 45 dias antes da primeira data escolhida, o Hurb te manda todos as informações de horários e passagens. No valor promocional há opções de saída das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília. Em Dubai, você ficará hospedado no hotel Sun and Sands Clock Tower, ou outro de mesma categoria, padrão 3 estrelas. Além das cinco diárias, você pode adquirir um pacote com o passeio para o Burj Khalifa conhecer o topo do maior arranha-céu já construído pela humanidade. Sobre o Hurb Também conhecido como Hotel Urbano, o Hurb é uma agência de viagens brasileira fundada em janeiro de 2011 e que já soma mais de 20 milhões de viajantes cadastrados, que foram a mais de 35 mil destinos mundo afora. Com a missão de tornar as viagens cada vez mais simples, o Hurb prioriza preços acessíveis, e seu principal produto é a venda de diárias em hotéis — mas também trabalha com passagens aéreas, passeios, traslado, e muito mais. Além de vantagens exclusivas, a agência permite pagamento também via boleto bancário, parcelamento em até 12x sem juros e cancelamentos grátis. Com mais de 12 milhões de seguidores no Facebook, o Hurb possui o selo Disney Select, ou seja, a agência faz parte do grupo de operadoras que representam o Walt Disney World Resort no Brasil, autorizada, portanto, a vencer pacotes específicos para esse destino tão cobiçado. Esses pacotes incluem ingressos, hospedagem nos hotéis Disney, refeições nos restaurantes do local, transporte, cruzeiros e conteúdos Disney exclusivos. Melhor preço disponível Na promoção do Hurb, a viagem com cinco diárias incluindo passagem (voos sem escalas) e estadia sai por apenas R$ 1.999, que você pode pagar em até 12 vezes no boleto ou cartão de crédito. Há também opção com 8 diárias, caso queira ficar mais tempo na cidade. *O Canaltech Ofertas tem como objetivo informar seus leitores e publicar as melhores ofertas encontradas no varejo brasileiro. Entretanto, não nos responsabilizamos por alterações posteriores nos preços informados, uma vez que as ofertas aqui apresentadas podem ter diferentes períodos de vigência. Recomendamos aos nossos leitores que sigam nossas publicações e participem do nosso grupo de descontos no WhatsApp para receber as melhores indicações de ofertas assim que elas forem publicadas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: COVID-19: há pelo menos 8 tipos diferentes do novo coronavírus pelo mundo La Casa de Papel | Netflix garante partes 5 e 6 do seriado Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Veja Mais

Essa galáxia espiral tem apenas um braço — e ninguém sabe o porquê

Essa galáxia espiral tem apenas um braço — e ninguém sabe o porquê

canaltech Localizada na direção da constelação Canes Venatici (Cães de Caça), a cerca de 21 milhões de anos-luz de distância da Terra, está a NGC 4618, uma peculiar galáxia que tem apenas um braço espiral. Ela foi descoberta em 1787 pelo famoso astrônomo William Herschel, cerca de 6 anos após sua descoberta mais famosa - o planeta Urano. Mas o motivo de esta galáxia "diferentona" ter apenas um braço permanece um mistério para os astrônomos. Ela não é muito grande, tendo apenas cerca de um terço do diâmetro da Via Láctea. O fato de ela ter um único braço lhe garantiu um lugar no Atlas of Peculiar Galaxies, catálogo que documenta galáxias peculiares universo afora, produzido em 1966. Neste atlas, a NGC 4618 é uma das três únicas galáxias espirais com um braço só. E este não é um mistério fácil de resolver. Astrônomos têm buscado uma resposta há muito tempo, e pode ser que uma das pistas sejam as galáxias vizinhas. É possível que alguma delas esteja interagindo gravitacionalmente com a NGC 4618, causando esse efeito. Temos, inclusive, muitos exemplos de como esse tipo de interação altera a morfologia de algumas galáxias, como parece ser o caso da própria Via Láctea e seu formato em S como resultado da interação com uma galáxia menor. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Astrônoma descobre galáxia "fantasmagórica" quase tão antiga quanto o universo Hubble tira foto de galáxia "floculenta" a 60 milhões de anos-luz da Terra As 5 galáxias mais curiosas que já encontramos universo afora Imagem da galáxia NGC 4625 capturada pelo telescópio Hubble No entanto, um estudo publicado no The Astronomical Journal concluiu que nenhuma interação com outras galáxias poderia explicar a presença de apenas um braço na NGC 4618. Os autores do artigo justamente buscaram “saber se essas duas galáxias estão realmente interagindo e que efeito essa interação pode ter sobre o NGC 4618 e o NGC 4625, principalmente no que diz respeito à formação". Eles disseram que, de acordo com suas observações, o “gás que se acredita ser a ponte que liga as duas galáxias tem dois componentes cinemáticos bem definidos e separados”. Essa constatação seria um “forte argumento contra [a ideia de] uma interação contínua entre as galáxias NGC 4618 e NGC 4625”. Os discos externos das duas galáxias são distintos, indicando que elas não estão interagindo. Os pesquisadores concluem, então, que a estrutura da NGC 4618 e a natureza de seu disco externo sugerem que existe "alguma interação". Mas apenas isso, pois não se sabe ainda com que outro objeto a galáxia estaria interagindo. De qualquer forma, parece certo que há alguma coisa acontecendo por lá, ou tenha acontecido talvez há muito tempo, para que esta galáxia curiosa tenha apenas um braço espiral. Mas, para descobrir mais sobre isso, serão necessários mais estudos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: COVID-19: há pelo menos 8 tipos diferentes do novo coronavírus pelo mundo La Casa de Papel | Netflix garante partes 5 e 6 do seriado Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Veja Mais

Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020)

Os 10 filmes mais pirateados da semana (05/04/2020)

canaltech Mais uma semana de isolamento dentro de casa para conter o avanço do novo coronavírus (SARS-CoV-2) e a internet continua fritando com gente buscando entretenimento para passar o tempo. A movimentação é intensa tanto em serviços de streaming legítimos quanto no submundo dos trackers torrent, que oferecem toda sorte de filmes para download ilegal. Os lançamentos da Netflix em abril de 2020 Os lançamentos do Amazon Prime Video em abril de 2020 Prova dessa movimentação frenética por lá é o levantamento que o Canaltech faz toda semana dos 10 filmes mais pirateados. Se antes víamos uma certa "estabilidade" na lista, com um filme e outro trocando de posições ao longo de várias semanas, agora há sempre pelo menos um novo integrante no lineup do Barba Negra. É verdade que esta semana foi mais tímida do que as anteriores, com apenas uma nova produção, da Disney/Pixar, entrando para o páreo, mas o sobe-e-desce habitual se fez presente, com o pódio se mantendo praticamente intacto, com exceção da terceira colocação, que deu a medalha de bronze para um dos filmes que estrearia nos cinemas neste primeiro semestre de 2020, mas que acabou sendo lançado online devido à pandemia que está assolando pessoas e indústrias do mundo todo. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Confira a seguir o ranking completo dos 10 filmes mais pirateados da semana feito pelo Canaltech para fins informativos. Filmes, Séries, Musicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? 10. Dois Irmãos – Uma Jornada Fantástica   Nova produção da Pixar, Dois Irmãos conta uma história emocionante que promete arrancar lágrimas de gente de todas as idades. A trama se passa num mundo repleto de fantasias, habitado por elfos e duendes, e segue os irmãos Ian e Barley Lightfoot , que embarcam em uma jornada para tentar reencontrar o pai falecido, nem que seja por um dia. Até aí, tudo normal, mas aí você descobre que tudo isso é inspirado na vida do diretor Dan Scanlon, que nunca pôde conhecer seu pai, morto em um acidente de carro quando ele ainda era criança. Leia também: Crítica | Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica fala sobre luto com o coração 9. Vivarium   Estrelado por Jesse Eisenberg e Imogen Poots, Vivarium é um suspense de ficção científica que mostra um casal procurando pela casa ideal para que possam finalmente morar juntos. Porém, eles acabam se vendo presos em uma espécie de labirinto feito por casas idênticas. Claro, não demora para eles notarem que o local não é nada do que pensavam e que precisam agir rápido antes que seja tarde demais. 8. Parasita   Vencedor do Oscar de Melhor Filme em 2020, Parasita acompanha a história da família de Ki-taek, que está desempregada e vivendo em um porão sujo e apertado. Uma obra do acaso faz com que o filho adolescente da família comece a dar aulas de inglês a uma garota de uma família rica. Fascinados com a vida luxuosa dessas pessoas, pai, mãe, f ilho e filha bolam um plano para se infiltrarem na família burguesa, um a um. Mas os segredos e mentiras necessários para ascender na sociedade custarão caro a todos. Leia também: Crítica | Parasita mostra a sociedade em canibalismo Leia também: Além de Parasita: 10 filmes sul-coreanos para assistir na Netflix 7. Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa   Você já ouviu aquela piada sobre a policial, a cantora, a psicopata e a princesa da máfia? Aves de Rapina: Arlequina e Sua Emancipação Fantabulosa é um conto distorcido narrado por Harley (Margot Robbie), como só ela poderia contar. Quando o mais terrível e narcisista vilão de Gotham, Roman Sionis (Ewan McGregor), e seu braço direito, Victor Zsasz (Chris Messina), começam a caçar uma jovem chamada Cass, a cidade é virada de cabeça para baixo em busca da garota. Os caminhos de Arlequina, Caçadora (Mary Elizabeth Winstead), Canário Negro (Jurnee Smollett-Bell) e Renee Montoya (Rosie Perez) se encontram e o quarteto improvável não tem escolha a não ser se unir para derrubar Roman. Leia também: Crítica | Aves de Rapina confirma escalada da DC Films com boa diversão 6. Ameaça Profunda   Um grupo de pesquisadores confinados em um laboratório subaquático a 11 mil metros de profundidade é atingido por um terremoto que destrói o local e expõe a equipa à morte. Obrigados a caminhar nas profundezas do mar, com pouco oxigênio, para tentar sobreviver, eles acabam se deparando com uma criatura mortal que ninguém sabe quem é nem de onde veio. Leia também: Crítica | Ameaça Profunda diverte sendo esquecível 5. O Homem Invisível   Depois de fugir das garras do ex-abusivo, Cecilia (Elisabeth Moss) recebe a notícia de que ele tirou a própria vida e lhe deixou sua fortuna. Apesar disso, ela não se sente segura e começa a suspeitar que a morte dele foi uma farsa. Suas dúvidas aumentam quando uma série de coincidências começam a lhe tirar o sossego, ameaçando até mesmo a vida dela. Agora caberá a Cecilia provar que está sendo caçada por alguém que ninguém pode ver. Leia também: Crítica | O Homem Invisível é terror de peso para compreender relações abusivas Leia também: Os 10 melhores filmes de terror da nova geração 4. O Chamado da Floresta   Buck é um doguinho que por anos viveu na casa de uma família na Califórnia, mas sua vida muda repentinamente e ele precisa entrar em contato com seus instintos mais selvagens para enfrentar as grandes adversidades do Alasca. Com o tempo, seu lado feroz toma conta de Buck e ele acaba se tornando o líder de uma grande matilha. 3. Magnatas do Crime   Um dos filmes que estrearia nos cinemas, mas teve seu lançamento online antecipado devido à pandemia do novo coronavírus, Magntas do Crime mostra a vida do chefão do crime Mickey Pearson (Matthew McConaughey), que construiu um império traficando maconha no Reino Unido. Agora, ele quer vender seu negócio lucrativo, mas acaba virando alvo de conspirações, esquemas, subornos e chantagens. 2. Bloodshot   Adaptado dos quadrinhos da Valiant Comics, Bloodshot é adaptado para o cinema interpretado por Vin Diesel. Na trama, o personagem é um ex-soldado capaz de se regenerar e de se metamorfosear, cortesia de um processo de ressurreição a que foi submetido depois de ser morto ao lado de sua esposa. O efeito colateral disso, entretanto, é que ele teve sua memória apagada várias vezes e não se lembra de quem é nem da vida que um dia teve. Porém, ao começar a ter lampejos disso, parte para se vingar daqueles que mataram sua família. Leia também: Quem é Bloodshot? Conheça o anti-herói da nova adaptação de HQs com Vin Diesel Leia também: Crítica | Bloodshot convence e pode ser o início de uma nova franquia de heróis 1. Bad Boys Para Sempre   Quem acompanhou os filmes de ação e porradaria dos anos 1990 e 2000 com certeza lembra dos policiais Mike Lowery (Will Smith) e Marcus Burnett (Martin Lawrence). Agora, depois de 17 anos, eles estão de volta e se juntam para derrubar o líder de um cartel de drogas em Miami. Ao lado deles está a recém-criada equipe de elite do departamento de polícia de Miami para enfrentar o implacável Armando Armas. Leia também: Crítica | Bad Boys para Sempre revigora a franquia com “ação tiozão ostentação” Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social Veja Mais

Zoom reforça segurança e exige senha para evitar “grampos” em videochamadas

Zoom reforça segurança e exige senha para evitar “grampos” em videochamadas

canaltech Figurando entre as primeiras posições entre os aplicativos mais baixados nas lojas virtuais de todo o mundo, o Zoom não só viu seu número de usuários crescer 2000% em menos de três meses, como também se envolver em várias questões ligadas a segurança cibernética. Por conta do chamado “Zoombombing”, no qual hackers invadem as teleconferências para exibir conteúdos impróprios, o software, que já tinha interrompido o lançamento de funções para focar em segurança, está atualizando as suas configurações para a entrada nas salas de reunião e agendamento de reuniões virtuais. Slack passa a permitir ligações e videochamadas com Zoom e Microsoft Teams App de vídeochamadas Zoom é acusado de propaganda enganosa sobre criptografia Como todas as reuniões do Zoom são públicas por padrão, a partir deste domingo (5), os usuários dos planos Free Basico e Single Pro precisam obrigatoriamente utilizar uma senha para participarem de reuniões, não sendo mais possível alterar as configurações para o método anterior, evitando assim que não convidados possam entrar na conversa. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.-   Nova Iorque proíbe uso do Zoom nas escolas Com a pandemia do novo coronavírus, muitas instituições de ensino adotaram a educação a distância (EAD) e a utilização dos serviços de teleconferência para que os alunos não fiquem defasados no período de isolamento social. Chamada de vídeo no Instagram: saiba como fazer Como fazer uma chamada de vídeo no WhatsApp em grupo Contudo, autoridades de Nova Iorque, nos EUA, epicentro da COVID-19, proibiram o uso do Zoom para ensino remoto nas escolas por conta das falhas de segurança apresentada nos últimos dias. "É essencial fornecer uma experiência de aprendizado remoto segura e protegida para nossos alunos. Após uma análise mais aprofundada das questões de segurança, as escolas devem deixar de usar o Zoom o mais rápido possível", revela Danielle Filson, porta-voz do departamento de educação de Nova Iorque. Vale ressaltar que aqui no Brasil muitos estados da federação passaram a usar alternativas como o Google Classroom, usado para aulas da rede pública do RJ, por exemplo, ou transmissões ao vivo pela TV e YouTube. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Veja Mais

Base de assinantes do Spotify é maior que Apple Music e Amazon Music juntas

Base de assinantes do Spotify é maior que Apple Music e Amazon Music juntas

canaltech Além de ser marcado pelo lançamento de plataformas como a AppleTV+ e Disney+, prevista para chegar em novembro aqui no Brasil, o ano de 2019 trouxe bons resultados para o mercado de streaming. De acordo com um relatório divulgado pela Counterpoint Research, o segmento de música obteve crescimento de 32% e, novamente, o Spotify figurou como líder no setor. Spotify ganha novidade para quem quer descobrir músicas com mais facilidade Spotify Kids: como criar uma conta exclusiva para o seu filho Em números de assinantes em todo o mundo, o streaming de áudio totalizou 358 milhões, registrando um aumento de 23% em comparação ao ano anterior (2018). Com isso, o Spotify atingiu 35% de participação de mercado e correspondeu a 31% da receita total do mercado. O Apple Music, por sua vez, ampliou a vice-liderança crescendo 36%, número acima da média, conquistando 19% do mercado. Em seguida, está o Amazon Music, com 15% do total. Um dado curioso é que se a soma de ambos (34%) ainda fica atrás do Spotify, mostrando assim a força do primeiro colocado. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Spotify lidera com folga o mercado de streaming musical em 2019 (Imagem: Counterpoint Research) “O Spotify manteve seu primeiro lugar com a ajuda de atividades promocionais como o Spotify Premium grátis por três meses, reduções de preço, campanhas personalizadas como o Spotify e foco em conteúdo exclusivo. Gigantes da tecnologia como Amazon, Apple e Google começaram a se concentrar no streaming de música e têm dinheiro suficiente à sua disposição para dar uma forte concorrência ao Spotify”, revela Abhilash Kumar, analista de pesquisa da Counterpoint. Vale ressaltar que apesar desses players liderarem o mercado global, em determinadas regiões o cenário é completamente diferente. Na Rússia, por exemplo, o Yandex Music lidera com folga, na Índia o Gaana é que tem a preferência dos usuários e na China o Tencent Music Group com as suas marcas QQ Music, Kugou e Kuwo é que domina a lista. Coronavírus deve impactar o mercado de streaming em 2020 Corroborando com o crescimento no número de transmissões ao vivo nas redes sociais devido ao surto da COVID-19, o mercado de streaming também deve seguir a mesma tendência. Segundo a Counterpoint, o número de assinantes tanto de plataformas de vídeo quanto de música aponta para um aumento em mais de 25%. Coronavírus: cresce número de vídeos tutoriais de máscaras no YouTube e TikTok Netflix reduz a qualidade de vídeo no Brasil para evitar sobrecarga na internet Dessa forma, caso as previsões se concretizem, o número total de assinantes pagos deve ultrapassar os 450 milhões em todo o mundo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL] Veja Mais

Com direito a aprimoramentos! Xiaomi lança tênis Mijia Sneakers 4 pelo equivalente a R$ 150

tudo celular Disponíveis em três cores (cinza, azul e preto) e em tamanhos que vão do 39 a 44. Mais detalhes no artigo a seguir. Veja Mais

Contagem regressiva! OnePlus 8 e 8 Pro vazam na web poucos dias antes do lançamento

tudo celular Imagens mostrando os supostos tops de linha pode se tratar, na verdade, do OPPO Find X2 e X2 Pro, acredita vazador. Veja Mais

Trailers imperdíveis de filmes e séries [05/04/2020]

tudo celular Confira os trailers mais badalados de filmes e séries que foram publicados nos últimos dias. Veja Mais

Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL]

Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL]

canaltech *Com colaboração de Patricia Gnipper De tempos em tempos, nós, da redação do Canaltech, vasculhamos os quatro cantos da internet para fazer uma verdadeira curadoria de "dicas gratuitas", com coisas legais que você pode curtir online sem pagar nada por isso. Cursos, eBooks, palestras, sites, apps, jogos, serviços, filmes, séries, shows, músicas.... vale de tudo um pouco, desde que sejam coisas divertidas, informativas, úteis ou só curiosas mesmo — e, obviamente, "na faixa" de maneira legalizada. A ideia é que você, leitor, conte com a gente naqueles momentos em que o catálogo do streaming de vídeos já não está muito interessante, está cansado de conferir o que está rolando nas redes sociais, já leu todos os seus livros e não quer reler nenhum, enfim, aqueles momentos em que o tédio domina, mas você não quer ou não está podendo gastar dinheiro se distraindo fora de casa. Quando o barzinho com os amigos ou o cineminha não são opção, quem melhor do que a internet para oferecer a solução? -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- E é exatamente isso o que muitas pessoas estão enfrentando neste momento com o isolamento social necessário para conter a disseminação do novo coronavírus (SARS-CoV-2), causador da pandemia da doença COVID-19. Por isso, elaboramos uma edição especial da coluna "Aproveita que é de graça!", trazendo um montão de coisas muito bacanas que estão disponíveis gratuitamente na internet por tempo limitado e, claro, de graça! Assim, incentivamos que todo mundo permaneça em casa, mas sem "enlouquecer" porque já não sabe mais o que fazer para "matar" o tempo livre. Que tal aprender algo novo? Cursos de Desenho da Faber-Castell Para quem deseja desenvolver seu lado artístico durante o período de isolamento, a Faber Castell disponibilizou uma série de aulas gratuitas no chamado Combo #EmcasacomFaberCastell. São diversos conteúdos que pretendem estimular a criatividade no campo da arte tanto em adultos quanto nas crianças, como lettering, narrativa, composição, além de aulas com variadas técnicas para aprimorar seus desenhos, incluindo aulas de como expressar emoções, como desenhar monstros e mundos místicos, como desenvolver personagens, como fazer traços realistas, e mais. Para ter acesso, é necessário efetuar a matrícula cadastrando-se no site. As aulas estão disponíveis gratuitamente até o dia 19 de abril. Cursos diversos com a Dobra A Dobra, que vende carteiras "diferentonas", decidiu se transformar temporariamente em um canal de conteúdo gratuito para você se entreter. Intitulada Dobraflix e com um layout que remete muito à plataforma de streaming que todo mundo conhece, na nova página você encontra vídeos disponibilizados por parceiros do site sobre educação financeira, empreendedorismo, futurologia e inovação, além de vídeos gravados pela própria equipe da Dobra com pautas de desenvolvimento pessoal, como bem-estar, produtividade, gatilhos mentais e controle emocional. Até quem é fã de esportes pode curtir mini-documentários sobre diversos nomes que marcaram a história esportiva, como Kobe Bryant, Michael Phelps, Zion Williamson, entre outros. Cursos livres com o Senac O Senac também aposta na educação à distância e gratuita. Sua página de EAD agora tem um hotsite especial recheado de cursos e conteúdos livres para assistir (e aprender!) sem sair de casa. Fazem parte do acervo temas como liderança, liberdade financeira, imagem pessoal, entre outros relacionados à vida profissional, e também há cursos de tecnologia disponíveis gratuitamente por tempo limitado em parceria com a Cisco e a Microsoft. As inscrições são gratuitas, mas há cursos ali com número limitado de vagas — e alguns já estão esgotados! Cursos da USP A Universidade de São Paulo (USP) está disponibilizando conteúdos gratuitos em quatro plataformas diferentes — E-Aulas, YouTube da USP, YouTube da Univesp e Coursera. São diversos cursos de diferentes disciplinas, como História do Brasil, Astronomia, Matemática Financeira, entre outras áreas do conhecimento. As aulas são ministradas por pesquisadores e professores da instituição, e alguns desses cursos emitem certificados de conclusão após o término. Interessados podem acessar a página oficial da USP. Cursos da Microsoft A Microsoft liberou diversos recursos para contribuir para o aprendizado durante o período de isolamento social. O Microsoft Learn tem diversos módulos e cursos técnicos para estudantes de todas as idades e níveis de experiência, enquanto a Microsoft AcademIA traz 12 módulos gratuitos sobre nuvem e inteligência artificial. Divirta-se! Quadrinhos da Turma da Mônica View this post on Instagram O pacote Gibis Históricos foi liberado gratuitamente no aplicativo Banca da Mônica, disponível em iOS e Android. São 188 quadrinhos no total. Com o português e os tons de cores das épocas em que os primeiros gibis saíram. Link na bio. A post shared by Turma da Mônica (@turmadamonica) on Mar 26, 2020 at 10:25am PDT A Turma da Mônica também não está de fora das campanhas de isolamento social. Após chocar os fãs com uma foto do Cascão lavando as mãos para evitar a contaminação da COVID-19, a Turma liberou 188 de seus quadrinhos clássicos para ler de graça durante esse período. Os conteúdos estão disponíveis até o dia 25 de abril no aplicativo Banca da Mônica, grátis para baixar na App Store e na Play Store. Montreux Jazz Festival O Montreux Jazz Festival acontece anualmente em março. Mas, devido à pandemia, a eidição deste ano teve de ser adiada. Enquanto isso, os organizadores do festival reuniram mais de 50 sets de artistas icônicos como Johnny Cash, James Brown, Nina Simone, Alanis Morissette, Marvin Gaye, The Raconteurs (e muito mais!) para você aproveitar o tempo em casa. Para se deliciar com essa oferta temporária, é preciso seguir umas instruções disponíveis no site do festival. Basicamente, você precisa se cadastar no Stingray, inserindo o cupom promocional FREEMJF1M neste cadastro para ativar a gratuidade do acesso. Depois, é só clicar aqui para conferir o acervo do Montreux. Espetáculos do Cirque du Soleil Para amantes da arte circense, o Cirque du Soleil disponibilizou uma plataforma cheia de conteúdos para levar o circo até a sua casa. No CirqueConnect, em inglês, o público pode assistir a gravações de espetáculos, vivenciar situações circenses com realidade virtual, ouvir playlists usadas nas apresentações e aprender exercícios físicos com movimentos reais dos artistas, além de tutoriais de maquiagens usadas por esses profissionais. Shows do Metallica É fã do Metallica? Então, essa é uma ótima pedida para você! A banda, que faria shows no Brasil em abril, adiou as apresentações para dezembro. Porém, o grupo separou uma série de conteúdos musicais para transmiti-los, um por semana e ao vivo, toda segunda-feira às 21h (horário de Brasília). Os shows são disponibilizados na íntegra no YouTube da banda, mas quem preferir também pode acompanhar a live na página oficial no Facebook. Você pode conferir mais informações sobre a ação chamada #MetallicaMondays no site oficial do grupo. Streaming de filmes do Cine Belas Artes Se você cansou dos tradicionais serviços de streaming de filmes, fica uma sugestão bem interessante para o período de isolamento social: o Belas Artes à la Carte, plataforma do cinema homônimo localizado na Rua da Consolação, em São Paulo. O acervo de filmes é divido em categorias "diferentonas", principal proposta do serviço. Com títulos de diversos gêneros e nacionalidades, o Belas Artes à la Carte está com o acesso liberado gratuitamente até o dia 15 de abril. Após essa data, a assinatura de R$10,90 por mês volta a ser cobrada — então corra! Foco na cultura e no conhecimento! eBooks infantis da Editora MOL A Editoria MOL, especialista em projetos socioeditoriais, em parceria com a Ri Happy, está disponibilizando o download gratuito da versão digital de três de seus best-sellers. O livro 101 Coisas Para Fazer com as Crianças Antes que Elas Cresçam, o baralho recreativo Língua Solta! e o eBook Brinca Comigo? podem ser baixados por tempo ilimitado através do site oficial da editora. eBooks da NASA Você sabia que a NASA tem um montão de eBooks para download gratuito em seu site oficial? Apesar de serem todos em inglês, muitos deslumbram até mesmo quem não entende uma palavra do idioma estrangeiro — tudo graças às imagens sensacionais do espaço e do nosso próprio planeta, captadas em diversas missões espaciais já realizadas pela agência. Você pode conferir todos os eBooks que abordam temas históricos da NASA e da exploração espacial aqui, enquanto os eBooks que abordam questões mais científicas ficam aqui. Mas a gente já deu uma "fuçada" lá e recomendamos, em especial, esses quatro dos eBooks que a NASA oferece de graça: Hubble Focus: Galaxies through Space and Time: aqui, você confere algumas das grandes descobertas que o telescópio espacial Hubble fez mais recentemente sobre galáxias — desde a nossa Via Láctea, até a galáxia mais distante já descoberta. Este é o segundo livro da série especial do Hubble. O primeiro abordou o Sistema Solar e você pode baixá-lo clicando aqui; The Saturn System Through the Eyes of Cassini: durante 13 anos, a sonda Cassini registrou cerca de 450 mil imagens de Saturno e suas luas. A missão, encerrada em 2017, foi resumida neste eBook cheio de fotos de tirar o fôlego deste que é um dos planetas mais chamativos do Sistema Solar; Earth: este livro mostra o nosso planeta visto do alto, trazendo imagens e suas descrições em capítulos sobre a Atmosfera, Água, Terra, Gelo e Neve; Earth at Night: mais um livro que retrata a Terra vista do espaço, mas, desta vez, as imagens mostram como nosso planeta aparenta ser durante a noite, quando visto por astronautas que estiveram na Estação Espacial Internacional nos últimos 25 anos. Visitas virtuais a museus Diante da pandemia do novo coronavírus, o Google Arts & Culture fez uma parceria com mais de 500 museus de todo o planeta para oferecer visitas virtuais às pessoas que estão respeitando o isolamento social. Acessando a coleção de museus do serviço, você visita — sem sair de casa — lugares como o MoMA, o Museu da Frida Kahlo, o Palácio de Versailles e até o brasileiro MASP, entre muitos outros. O Louvre, por sua vez, não está na lista. Porém, o museu francês disponibiliza visitas virtuais a algumas de suas salas — é só você acessar a página da tour online no site do museu. Livros diversos no Internet Archive O Internet Archive suspendeu as listas de espera de 1,4 milhão de livros em sua biblioteca de empréstimos e criou um acervo para quem quiser consultar os títulos disponíveis, em inglês. Em comunicado, a entidade anunciou que a ação acontece até o dia 20 de junho. "As pessoas que não podem acessar fisicamente suas bibliotecas locais por causa do fechamento ou da quarentena podem continuar a ler e prosperar durante esse período de crise", comunicou o diretor das bibliotecas do Internet Archive, Chris Freeland. O acervo pode ser acessado aqui. Vai um joguinho aí? Project Mercury Jogos eletrônicos também entraram em promoções por tempo limitado durante o período de isolamento. Um deles é o Project Mercury, produção independente para PC que se passa num futuro apocalíptico. O download está gratuito até o dia 8 de abril e, embora não esteja disponível em português, há a vantagem de o período promocional não vencer — ou seja, se você baixar o jogo até a próxima quarta-feira, ele continuará sendo seu mesmo depois do fim da oferta. Baixe agora mesmo na Steam. Escape 60 O Escape 60, franquia de jogos de fuga presenciais no Brasil, teve de fechar suas unidades em todo o país diante da pandemia do novo coronavírus. Pensando em oferecer uma alternativa de entretenimento para o isolamento social, a marca criou o E60Play. Para jogar, basta ter acesso à internet via computador ou smartphone. O primeiro desafio, intitulado Cyber-Twins, já está disponível e é totalmente gratuito. Gone Home Para quem gosta de jogos de mistério e suspense, Gone Home é uma ótima pedida para esse tempo de isolamento social. Gratuito para baixar na Epic Games até o dia 9 de abril, o jogo para PC é um simulador de exploração interativa que deixará sua curiosidade à flor da pele, com uma experiência sem quebra-cabeças ou violência que te permite jogar em seu próprio ritmo. De quebra, ainda conta com cenários característicos dos anos 1990. Drawful 2   Outro jogo que está com download gratuito até o dia 9 de abril é Drawful 2. Se você é fã de Imagem & Ação ou Gartic, vai gostar dessa alternativa. O nome é uma mistura das palavras drawing (desenho, em inglês) e awful (horrível, em inglês), e a dinâmica consiste em desenhar figuras bizarras enquanto os outros jogadores tentam adivinhar do que se tratam seus rabiscos. Os palpites viram respostas erradas para múltipla escolha, e então todo mundo tenta adivinhar a resposta correta. Para baixar, é só acessar o site da Epic Games. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Harry Potter at Home | Plataforma traz conteúdo para período de isolamento

Harry Potter at Home | Plataforma traz conteúdo para período de isolamento

canaltech Estar isolado para contribuir com a diminuição da proliferação da COVID-19 não é motivo para deixar a magia de lado. Para trazer um pouco do mundo bruxo para dentro dos lares, J.K. Rowling, a criadora do universo de Harry Potter, anunciou um novo serviço online para trouxas de todas as idades. A plataforma foi divulgada pela autora no Twitter: “Pais, professores e cuidadores que estão trabalhando para manter as crianças entretidas e interessadas enquanto estamos presos podem precisar de um pouco de magia, por isso estou feliz em lançar http://harrypotterathome.com” Parents, teachers and carers working to keep children amused and interested while we’re on lockdown might need a bit of magic, so I’m delighted to launch https://t.co/cPg0dZpexB pic.twitter.com/i0ZjTplVoU -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- — J.K. Rowling (@jk_rowling) April 1, 2020 Filmes, Séries, Musicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? A proposta da plataforma foi explicada pelo Wizarding World, que lembra que há mais de 20 anos Hogwarts tem sido uma fuga para fãs de diversas gerações. Harry Potter at Home é, nesse período de pandemia, um “refúgio amigável para você, sua família e aqueles de quem você está cuidando.” A Capa da Invisibilidade de Harry Potter pode virar realidade graças à ciência Animais Fantásticos 3 | Ator que interpreta Kowalski fala sobre batalhas épicas Imagem: Wizarding World Uma das novidades é a liberação dos livros para que professores possam fazer vídeos de leitura para seus alunos, priorizando as relações online em tempos de isolamento. Através do Audible, audiolivros de Harry Potter estão disponíveis gratuitamente. Especificamente sobre o Harry Potter at Home, o Wizarding World explicou: "Aqui no Wizarding World, criamos um espaço dedicado para você visitar, o qual será o tempo todo atualizado para sua diversão. Este hub especial, Harry Potter at Home, é onde você encontrará todas as coisas mais recentes para mantê-lo ocupado – desde kits de atividades especiais da Bloomsbury à Scholastic, até vídeos de artesanato mágico excelentes (ensine seus amigos a desenhar um Pelúcio!), artigos divertidos, testes, quebra-cabeças e muito mais. Estamos lançando um feitiço de banimento no tédio". Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Veja Mais

LG K50s vs Moto G8 Play: alguém se esforçou mais aqui | Comparativo

tudo celular O tradicional e conhecido Moto G8 Play ou o popular LG K50s? Confira o embate entre esses dois celulares de entrada aqui! Veja Mais

Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020)

Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020)

canaltech Estamos caminhando para mais uma semana de isolamento para conter o avanço do novo coronavírus, cujos casos não param de crescer em todo o Brasil. Nesse período de quarentena autoimposta, o melhor a fazer é mesmo ficar com os familiares e assistir a um bom filme ou maratonar uma nova série. Semanalmente a Netflix adiciona novidades ao seu catálogo, mas para quem não assina o serviço ou se agradou com o que saiu por lá, a saída é recorrer a serviços de streaming concorrentes e de vídeo sob demanda como Amazon Prime Video, Telecine, Play Store e iTunes. Para ajudar você nessa tarefa, todo sábado o Canaltech seleciona os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online, sem ter de sair de casa. Geralmente, essa lista inclui alguns nomes recém-saídos de cartaz, para alegria de quem não pode assisti-los no cinema e está em busca de coisa nova. Prova disso é que nesta semana quatro filmes que estavam em cartaz até o fim de 2019 estão sendo lançados online e mais dois que tinha estreias nas telonas agendadas para as próximas semanas estão sendo disponibilizados diretamente na internet. Filmes, Séries, Musicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? Além deles, há uma dramédia romântica muito bem-recebida pelo público e pela crítica para arrancar alguns sorrisos e dar um quentinho no coração em tempos tão difíceis como os atuais e duas séries que, no meio de tantos cancelamentos e adiamentos, continuam recebendo episódios semanais. E ah, também tem filme para você que é fã de histórias e cenários apocalípticos também. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Se ficou curioso, dê uma olhada na lista completa dos melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online. Para facilitar a sua vida, o Canaltech sempre acrescenta trailer e uma pequena descrição de cada produção, além de incluir os links para os serviços em que elas estão disponíveis, assim o seu trabalho é basicamente apenas apertar o play. Veja quais te agradam, prepare a sala, reúna toda a família e divirta-se! Os lançamentos da Netflix em abril de 2020 Os lançamentos do Amazon Prime Video em abril de 2020 Luta por Justiça   Fãs de dramas biográficos vão encontrar em Luta por Justiça um prato cheio. Estrelado pelo excelente Michael B. Jordan, o filme conta a história de Bryan Stevenson, um advogado recém-formado por Harvard que abre mão de atuar nos escritórios mais importantes para os Estados Unidos para engajar em casos envolvendo condenados que nunca tiveram representação legal adequada. De mala e cuia, ele parte para o Alabama, onde conhece Walter McMillian (Jamie Foxx), um homem condenado à morte por supostamente ter assassinado um rapaz de 18 anos. O problema é que o caso não conta com nenhuma prova concreta que Walter foi o autor do crime, fazendo Bryan entrar de cabeça em um labirinto de racismo e manobras legais e políticas para salvar seu cliente e outros na mesma situação. Leia também: Crítica | Luta Por Justiça desenha para expor o racismo Luta Por Justiça também conta com Brie Larson (Capitã Marvel) no elenco e pode ser assistido mediante aluguel no Looke, Play Store e Microsoft Store. Crime sem Saída   Tem muita gente que só conhece Chadwick Boseman pelo papel de Pantera Negra, mas vamos te contar um segredo: ele tem outros filmes bem bacanas na carreira. Mais recentemente, o ator vem apostando em produções policiais quando sai de Wakanda e mostrando várias facetas diferentes. Em Crime sem Saída, ele interpreta Andre Davis, um policial que tem fama de matar criminosos. Com ele não tem conversa fiada: se o sujeito bobear, é eliminado. Por isso corregedoria está questionando Davis e seus métodos, tentando deixá-lo na geladeira o máximo possível. Mas o jogo vira quando um grupo de bandidos executa sete policiais e a polícia precisa de alguém para dar um "jeito" no caso. Leia também: 10 filmes para assistir no Amazon Prime Video durante o isolamento Crime sem Saída já apareceu na nossa lista de indicações há algumas semanas, mas a novidade agora é que ele está disponível para os assinantes do Amazon Prime Video. Também há a opção de comprar ou alugar o filme na Play Store e iTunes. O Caso Richard Jewell   Mais um filme que até pouco tempo atrás estava em cartaz nos cinemas, O Caso Richard Jewell é mais um drama baseado em uma história verídica. Dirigido pelo lendário Clint Eastwood, o longa se passa durante os Jogos Olímpicos de 1996, realizados em Atlanta, nos Estados Unidos. O evento foi alvo de um ataque a bomba que matou diretamente uma pessoa e feriu outras 111. O número de fatalidades poderia ter sido muito maior caso o segurança Richard Jewell não tivesse encontrado os explosivos antes de eles serem detonados. O problema é que, mesmo afastando o público dali, o homem foi apontado como um dos principais suspeitos no caso, numa história de injustiça e difamação contada neste longa. O Caso Richard Jewell está disponível apenas para compra na Play Store, iTunes e Microsoft Store. Guerra Mundial Z   No meio da pandemia, sempre tem os carniceiros que gostam de especular o apocalipse e como seria a vida num dia-a-dia caótico. Mas ei, a gente não está aqui para julgar ninguém. Tanto é que aqui está a indicação de um bom filme com essa temática que voltou ao catálogo de vários serviços nessa semana. Apesar de ser de 2013, Guerra Mundial Z é um dos melhores filmes já lançados com a temática zumbi. A trama é tocada como se um oficial das Nações Unidas (Brad Pitt) estivesse relatando tudo o que aconteceu na Terra depois que a humanidade sucumbiu a um vírus letal e ressuscitou na forma de zumbis. Porém, diferentemente dos mortos-vivos tradicionais que estamos acostumados a ver, lerdos e meio bocós, os deste filme são ágeis e se deslocam em hordas gigantescas. Leia também: 8 filmes de zumbi com muitos miolos e tripas que você precisa assistir Guerra Mundial Z é uma adaptação do best-seller homônimo de Max Brooks e pode ser assistido por quem é assinante da Netflix, embora também esteja disponível para compra e aluguel na Play Store, Microsoft Store e iTunes. Doom Patrol – Patrulha do Destino   Quem é fã de super-heróis tem sofrido com o adiamento de filmes e a interrupção de transmissões de séries por causa do novo coronavírus. Por sorte, neste último caso ainda é possível encontrar uma produção e outra ganhando novos episódios, como é o caso de Doom Patrol – Patrulha do Destino. Baseada nos personagens da DC Comics e derivada de Titãs, que está em cartaz na Netflix, a série foca na Patrulha do Destino, um grupo de super-heróis marginalizados que ganharam habilidades sobre-humanas depois de sofrerem acidentes terríveis. Em sua primeira temporada, a atração mostra o grupo encabeçado pelo cientista Niles Caulder investigando fenômenos estranhos para manter a Terra a salvo. Doom Patrol – Patrulha do Destino tem previsão de receber 15 episódios, com um novo episódio sendo disponibilizado toda semana para quem é assinante do HBO GO. Home Before Dark   Gosta de séries misteriosas e que envolvem investigações? Home Before Dark pode ser uma ótima pedida. A trama segue a vida de Hilde Lysiak, uma garotinha de apenas nove anos de idade que ganhou fama como repórter infantil em sua antiga escola. Agora a pequena aspirante a jornalista está de mudança com sua família, saindo do Brooklyn para morar numa pequena cidade onde seu pai nasceu e cresceu. Porém, ao chegar lá, ela descobre e passa a relatar um caso frio que há anos os moradores vêm tentando acobertar – incluindo seu pai. Que caso bizarro é esse você descobre assistindo a Home Before Dark no Apple TV+. A primeira temporada tem 10 episódios programados e três foram liberados nesta semana. Mesmo se Nada der Certo   Gosta de comédias românticas com boa música e quer dar uma esquentada no coração? Mesmo se Nada der Certo conta a história de Gretta (Keira Knightley) e de Dan (Mark Ruffalo), que se conhecem quando estão passando por uma daquelas fases da vida. Ela se mudou do Reino Unido para os Estados Unidos com o namorado (Adam Levine) para emplacar a carreira de cantora, mas acabou levando um fora dele, que a trocou por outra. Já ele foi demitido do emprego de produtor musical e está passando por maus bocados na vida pessoal. Ao esbarrar com Gretta, Dan acredita que pode torná-la uma grande estrela da música, dando início à história de uma relação de evolução e de muitas trocas entre os dois tanto no âmbito profissional quanto pessoal. Misture a isso uma ótima trilha sonora e boas atuações e você tem aqui um ótimo filme para assistir a dois ou com toda a família. Leia também: 10 filmes para assistir na Netflix durante a quarentena Mesmo se Nada der Certo pode ser assistido por quem é assinante do Telecine, além de estar disponível para aluguel ou compra na Play Store, Looke e iTunes. Verdade Debaixo de Fogo   Ainda não cansou de filmes baseados em histórias reais? Então toma aqui mais um! Drama de guerra, Verdade Debaixo de Fogo conta uma história da Guerra do Vietnã que pouca gente conhece, a do paramédico das Forças Aéreas William Pitsenbarger (Jeremy Irvine). Durante uma das batalhas mais sangrentas daquele conflito, ele teve a oportunidade de fugir do campo de batalha no último helicóptero que partiu dali, mas resolveu permanecer e salvar a vida de soldados feridos. Depois de resgatar 60 homens, ele foi atingido por uma bala inimiga e morreu. Demorou 34 anos até seu ato heroico ser reconhecido pelo exército dos Estados Unidos e, postumamente, ele finalmente recebeu a mais alta honraria militar do país. Leia também: 7 melhores filmes de guerra inspirados em histórias reais Verdade Debaixo de Fogo estreou no catálogo do HBO GO para todos os assinantes do serviço. O Quarto dos Desejos   Como já diz o ditado, quem casa, quer casa. E é exatamente isso que Matt (Kevin Janssens) e Kate (Olga Kurylenko) está procurando. Eles não só estão decididos a juntar as escovas, como também mudar completamente de vida e deixar Nova Iorque para trás. Depois de alguma pesquisa, eles se mudam para a nova casa e acabam descobrindo que ela possui um quarto secreto e mágico que concede a eles todos seus desejos materiais. Aos poucos eles vão pedindo por tudo que sempre desejaram em suas vidas, até que decidem pedir por um filho... Só que o que no início parecia um sonho realizado acaba se transformando num pesadelo. O Quarto dos Desejos tinha estreia nos cinemas brasileiros agendada para este primeiro semestre de 2020, mas já pode ser assistido no Amazon Prime Video, além de estar disponível para aluguel e compra na Microsoft Store, Looke e iTunes. A Grande Mentira   Um exemplo de filme que polariza opiniões, A Grande Mentira não dá espaço para o expectador dizer "é, o filme é bonzinho" quando os créditos sobem. Só há duas opiniões possíveis: ou você adora ou odeia o longa dirigido por Bill Condon. Essa dicotomia é um dos aspectos que levam muita gente a assisti-lo — outro é o elenco composto pelos monstros Helen Mirren e Ian McKellen. A trama segue a vida do vigarista Roy Courtnay, que acredita ter tirado a sorte grande ao conhecer a viúva rica Betty McLeish online. Mas o que deveria ser apenas mais um golpe se transforma em algo a mais quando Roy percebe que sente algo por Betty. Indeciso sobre o que fazer, ele acaba se vendo sobre uma verdadeira corda bamba. A Grande Mentira está disponível para aluguel e compra na Play Store, iTunes e Microsoft Store. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Foto do Hubble mostra que cometa interestelar 2I/Borisov se dividiu em dois Veja Mais

Desventuras do trabalho remoto - PODCAST PORTA 101 #50

Desventuras do trabalho remoto - PODCAST PORTA 101 #50

canaltech Ficar em casa trabalhando à distância parece uma das melhores soluções para muita gente, porém nem tudo são flores nessa jornada diferenciada de trabalho. Confira neste episódio do Porta 101 as desventuras em série de quem não era ligado no Home Office. Ouça ao podcast. Veja Mais

Facebook divulga tutoriais para uso do Stories e filtros em vídeochamadas para idosos

tudo celular Ação chega em um momento onde o distanciamento social exige o uso de novas formas de interação Veja Mais

Facebook: como diminuir as notificações de sugestões de amizade

Facebook: como diminuir as notificações de sugestões de amizade

canaltech As sugestões de amizade no Facebook podem ser bem úteis na hora de adicionar conhecidos ou conhecer pessoas interessantes que tenham amigos em comum. No entanto, recebê-las a todo o momento pode ser um pouco cansativo. Se você já tentou desativar esse recurso, saiba que, embora não seja possível deixar de receber sugestões completamente, existe um “truque” que pode diminuir a quantidade delas. Cansou do azul? Aprenda a mudar a cor do Facebook sem instalar vírus no PC Como desconectar sua atividade fora do Facebook em sites e apps de terceiros Saiba como remover vírus do Facebook O tutorial abaixo só pode ser feito na versão mobile do Facebook, pois envolve a integração de seus contatos com a rede social: -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Passo 1: abra o Facebook Mobile e toque no ícone de três barras localizado no canto superior direito da tela. Passo 2: acesse as configurações abaixo de “Configurações e privacidade”. Passo 3: desça a tela até encontrar a opção “Mídia e contatos”. Depois, toque nela. Passo 4: no Android, desative a opção “Carregamento contínuo de contatos” (caso você tenha um iPhone, basta selecionar “Carregar contatos” e desativar “Carregamento de contatos”). Pronto. A partir daí, suas sugestões de amizade no Facebook devem começar a diminuir. Para não aparecer na sugestão de amizade do Facebook de estranhos Passo 1: acesse o Facebook e, depois, suas configurações. Passo 2: clique na opção “Privacidade”, na barra do lado esquerdo da tela. Passo 3: na seção “Como as pessoas encontram você e entram em contato”, clique em “Editar” ao lado de “Quem pode lhe enviar solicitações de amizade?” Passo 4: por fim, escolha a opção “Amigos de amigos”. A partir desse momento, somente pessoas que tiverem algum amigo seu na lista poderão lhe enviar convites e, consequentemente, você aparecerá menos nas sugestões de amizade do Facebook. Você sabia que era possível diminuir a quantidade de sugestões de amizade do Facebook? Conte pra gente nos comentários. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: COVID-19: há pelo menos 8 tipos diferentes do novo coronavírus pelo mundo La Casa de Papel | Netflix garante partes 5 e 6 do seriado Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Veja Mais

App de busca do Google aposenta a antiga busca por voz

App de busca do Google aposenta a antiga busca por voz

canaltech Mesmo após o lançamento do Google Assistente, os antigos recursos de comandos e busca por voz continuaram a funcionar no app de pesquisa do Google para Android. Mas tudo indica que o recurso atual está com os dias contados. Chega de teclado! Veja 4 apps de digitação por voz 10 funções e dicas para usar o assistente virtual da Google Uma atualização da versão de testes (beta) do app Google deixou para trás a tela antiga, usando em seu lugar a mesma janela de digitação por voz (usada, por exemplo, na barra de endereços do Chrome). Tela antiga (esq.) e nova (dir.) da busca por voz (imagem: 9to5Google) A tela antiga mostra os quatro pontos coloridos e a mensagem “Ouvindo...” na parte superior da tela. Já a nova, mostra a logo do Google, o ícone de microfone, a mesma mensagem e o idioma configurado no aparelho. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- A alteração apareceu na versão 11.3 do app de busca do Google, ainda em testes, e não tem data para chegar a todos os usuários. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber La Casa de Papel | Netflix garante partes 5 e 6 do seriado Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Coronavírus pode entrar em breve na segunda onda de infecções pelo Brasil Boletim: Brasil registra mais de nove mil casos de COVID-19 e chega a 359 óbitos Veja Mais

COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social

COVID-19: Veja em que lugar está o seu estado no Índice de Isolamento Social

canaltech Após a ampla campanha de prevenção ao novo coronavírus (SARS-CoV-2) em todo o mundo, a Organização Mundial da Saúde (OMS) agora vêm orientando os governos a estabelecer uma nova fase de combate à COVID-19, com medidas proativas. Uma das frentes dessa ofensiva ao patógeno é o monitoramento do deslocamento das pessoas, que se tornou especialmente mais importante nesse momento de isolamento e distanciamento social. O Estado de São Paulo e a Vivo já haviam anunciado uma parceria para realizar esse levantamento em todos os municípios paulistas e, agora, a In Loco, empresa do setor de segurança da informação e antifraude, oferece suas tecnologias de geolocalização para fazer a tarefas semelhantes. A companhia criou o Índice de Isolamento Social, que permite mapear a movimentação de pessoas dentro de regiões específicas e medir quais apontam maior distanciamento social. A base de dados conta com mais de 60 milhões de dispositivos móveis em todo o Brasil. Imagem: Reprodução/In Loco “Com a nossa tecnologia, podemos ajudar no combate à disseminação do coronavírus. De forma criptografada e agregada, sem dados que possam identificar diretamente um usuário específico, nosso levantamento permite que os órgãos responsáveis atuem diretamente nas áreas de risco ou mais afetadas pelo vírus”, explica André Ferraz, CEO da In Loco. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Distrito Federal é o líder de isolamento social A In Loco afirma que coleta apenas a localidade dos dispositivos, a partir de um software integrado a apps de parceiros e contagem de visitas de estabelecimentos. Isso, segundo a empresa, torna o rastreamento 30 vezes mais preciso do que o GPS. O Índice de Isolamento Social criptografa os dados e observa apenas a movimentação das pessoas nos bairros e regiões. Qualquer pessoa pode ter acesso aos dados, no site www.inloco.com.br, na seção o Mapa Brasileiro da Covid-19. Nele, a população poderá acompanhar o índice nacional e a divisão por estado, com o histórico da semana. O conteúdo será atualizado diariamente, sempre no período da manhã, com as informações do dia anterior. Imagem: Reprodução/In Loco Os dados mais recentes desta quinta-feira (2) mostram que o Distrito Federal, com 59,12% no índice, é o mais eficiente no cumprimento da medida recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde. Goiás (56,05%), Pernambuco (54,43%), Rio de Janeiro (53,84%) e Santa Catarina (53,52%) vêm logo em seguida. Mato Grosso do Sul (47,20%), Mato Grosso (46,61%), Roraima (44,98%) e Tocantins (44%) estão nas últimas colocações. Dados ajudam promover novas ações Os dados estatísticos são disponibilizados para órgãos de todo o Brasil e até agora os governos estaduais de Minas Gerais, Santa Catarina, Amazonas, Alagoas, Pará, Paraíba, e a prefeitura do Recife já adotaram o índice para promover mais campanhas de conscientização para a população — já que, nesta semana, todo o país viu um número crescente de pessoas nas ruas e vários estabelecimentos considerados não essenciais de portas abertas. Entre as ações estão o envio de carros de som para alertar sobre a importância do distanciamento social e orientar as pessoas sobre os cuidados de higiene. A tecnologia permite também enviar alertas por notificação push via aplicativos do próprio governo, como os de transporte público. Segundo a In Loco, há um cuidado especial com a privacidade das pessoas. A empresa diz que não consegue identificar diretamente os usuários dos smartphones mapeados e coleta apenas a localidade do aparelho, por meio de sensores presentes nos telefones e tablets, como WiFi, Bluetooth, GPS, entre outros. “Não temos acesso aos dados de identificação civil como nome, RG, CPF e endereço de e-mail, por exemplo”, explica Ferraz. Além disso, uma mensagem pergunta ao usuário se ele permite ou não o compartilhamento da localização de seu dispositivo — e a companhia adiantou que vai deletar essas informações após o fim da pandemia. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Conheça 10 jogos de smartphone para entreter as crianças em tempos de isolamento

Conheça 10 jogos de smartphone para entreter as crianças em tempos de isolamento

canaltech Vou contar algo inédito para você: pais e mães amam seus filhos. Eu sei, é chocante. Alguns amam tanto que costumam ter mais de um. A situação fica ainda mais evidente quando algum fator alheio à nossa rotina acaba nos forçando a conter nossos rebentos em casa, a fim de protegê-los. Como o que está acontecendo neste momento. 10 canais do YouTube para entreter seus filhos durante a quarentena Entretanto, aqui vai outro fato inédito: crianças são cheias de energia, por natureza. Mesmo o mais recatado dos bebês ainda vem com um “modo turbo” embutido, acionado sem sobreaviso e pegando pais e mães desprevenidos — Pedro Cipoli e Stephanie Kohn, da nossa equipe, que o digam. Então, nessa época de isolamento social, pais e mães precisam de formas criativas para prender a atenção dos pequenos. Pensando nisso, o Canaltech elaborou uma lista de jogos destinados a crianças de até 12 anos, que prometem segurar todo esse “gás” infantil. Os jogos abaixo prometem exercitar a mente das crianças com atividades não apenas divertidas, mas seguramente educativas. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- 1. Animal Jam O Animal Jam foi desenvolvido pela WildWorks em parceria com a National Geographic e traz atividades interativas centralizadas em temas como zoologia e ecologia, ensinando princípios básicos de ambas as áreas por meio de jogos e elementos sociais. O interessante é que ele é inteiramente online, então há o aspecto de socialização à distância, com você podendo adicionar amigos entre os mais de 160 milhões de usuários globais. O jogo também traz avatares e companheiros virtuais controlados por Inteligência Artificial (IA), todos com visual caricato e atraente para os pequenos. Para tranquilizar os pais e mães, o controle parental aqui é topo de linha, aliviando eventuais preocupações sobre conteúdos abusivos. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   2. Zooba O Zooba já apareceu em uma de nossas icônicas listas de apps recomendados para Android e não foi à toa. O jogo consegue agradar a crianças e adultos, trazendo elementos sociais ao dispor, em um ambiente online, o seu personagem contra diversos outros jogadores do mundo. Embora a premissa possa preocupar alguns — animais de um zoológico se armam para derrotar outros bichos em busca de se tornar o rei da partida —, o ambiente competitivo é minimizado por um visual cartunesco e personagens cativantes. Desenvolvido pela Wildlife Studios, o primeiro unicórnio brasileiro voltado ao setor de jogos mobile, Zooba rapidamente tornou-se um sucesso, amealhando milhões de downloads na Play Store e iOS. O jogo ainda conta com elementos leves de RPG, permitindo que você evolua personagens e itens, tornando-os mais fortes e mais engraçados. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   3. Prodigy Ok, nem todo mundo gosta da ideia de “competição” para crianças, o que é uma abordagem tão saudável quanto. Para essas pessoas, temos Prodigy, um jogo bem mais voltado ao ambiente educativo, mas sem abandonar a característica de ser visualmente atraente. Disponível para iOS, Android e PC, esse jogo gratuito dispõe de desafios matemáticos que os pequenos devem responder para progredir em uma aventura com leves toques de RPG. O jogo traz cenários de alta vivacidade, com cores vibrantes e animações bastante evidentes — tudo isso devidamente premeditado de forma a atrair e prender a atenção da criança por um período maior de tempo. O que é ótimo, já que ela passará mais tempo aprendendo e resolvendo enigmas — e isso invariavelmente levará a uma melhora de personalidade e conhecimento para ela. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   4. Endless Alphabet Nem sempre a matemática é o caminho para prender a atenção dos meninos: de repente, mamãe, você deu à luz a uma pessoinha de Humanas, certo? Pensando nisso, o Endless Alphabet procura outro formato, apostando em monstros joviais para ensinar seu filho a formar sentenças completas e introduzi-lo à alfabetização básica. É um jogo simples e gratuito, com visual que busca simular a apresentação de stickers em um caderno de leitura. E o bom é que o estúdio por trás do jogo - o Originator - traz diversos outros jogos do gênero, como introdução à leitura rápida e até um que ensina palavras simples em espanhol. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   5. Toca Kitchen Muitas mamães já imaginaram seus filhos como futuros campeões do Masterchef, certo? Não? Jura? Mas todo mundo gosta de comida! Tanto que Toca Kitchen, parte da série “Toca” de aplicativos, vem com a premissa de botar a criatividade infantil para trabalhar justamente na criação de alimentos. Pense assim: lembra das brincadeiras de “cozinha” que você já deve ter feito com seus pais ou brincado com pequenos depois de adulto, onde as crianças começam a “inventar” sabores e refeições? É exatamente isso, só que via app de smartphone. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   6. Médico Infantil: Dentista Disponível para iOS e Android, Médico Infantil: Dentista é parte de uma série completa de jogos infantis voltados a ensinar cuidados básicos às crianças, de forma divertida e visualmente atraente. Neste caso, você tem uma série de animais com os dentes em, digamos, poucas condições de higiene, e será o trabalho do seu filhote escová-los e tratar de todos eles. A premissa é simples e fácil de ser compreendida, daí o jogo ser recomendado para crianças a partir de 3 anos. Ademais, a série Médico Infantil também conta com outras situações clínicas reproduzidas em tom de brincadeira. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   7. Roblox Roblox é um jogo online mais imersivo, que permite que vocês — pais e filhos — vivam aventuras simplistas em diversos mundos. O seu aspecto mais interessante é que a maior parte destes universos pequenos foram criados pela própria comunidade formada ao redor do jogo, além de trazer opções de customização de personagens e avatares. Além dos elementos de jogabilidade, Roblox também traz uma segurança aprimorada, permitindo que recursos como salas de chat sejam moderados ou até mesmo completamente isolados dos pequenos pelos pais. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   8. Coloring Games: Coloring, Painting and Glow Draw Às vezes, queremos algo não tão tecnológico. Por mais que os smartphones evoluam ao ponto de se tornarem indispensáveis para muitos de nós, há momentos em que o que queremos é algo simples: Coloring Games vem para preencher essa lacuna, oferecendo nada mais que uma série de painéis para as crianças colorirem. Aqui, o charme fica justamente para o fato de que a tela de toque prende a atenção dos pequenos: convenhamos, qual criança não gosta de colorir “com os dedos”? Ademais, o jogo conta com ferramentas variadas de pintura (tipo de pincel, por exemplo) e modos específicos de aprendizado, com pintura por números, e ferramentas de edição criativas, como adesivos e glitter para deixar as criações infantis mais atraentes. O único problema: Coloring Games está disponível apenas para PC e Android, excluindo o iOS. Baixe-o via Play Store (Android).   9. Minion Rush: A Despicable Me Game Um icônico exemplo do gênero endless runner, Minion Rush coloca você no controle de um dos “minions” da franquia Meu Malvado Favorito de filmes. O jogo é exatamente o que você espera: um cenário vertical com seu minion correndo sem parar, coletando itens e desviando de obstáculos. Minion Rush traz recursos que também apelam aos adultos, como ranking de jogadores e evolução de personagens e recursos, mas o simples fato de ser chancelado por uma das animações mais famosas dos cinemas e extremamente popular com o público infantil, tornam essa uma das opções mais óbvias para que seus filhos tenham uma forma bem duradoura de entretenimento. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   10. Marvel: Torneio de Campeões Finalmente, temos um jogo que não é exatamente destinado para as crianças menores (a classificação etária fala em 12 anos), mas também promete divertir aquelas com um pouquinho mais de idade. Marvel: Torneio de Campeões é, essencialmente, um jogo de luta entre os icônicos personagens da Casa das Ideias. O mote aqui é simples: você escolhe uma série de personagens, monta uma equipe e percorre diversos mundos, enfrentando heróis e vilões em cenários pertinentes ao universo Marvel. Há aqui elementos de evolução, com a coleta de “cartas” dos personagens contribuindo para a melhoria de seus atributos; e as atualizações constantes do jogo, que claramente pega carona no universo cinematográfico da Marvel, asseguram um volume de conteúdo bastante duradouro. Baixe-o via App Store (iOS) ou Play Store (Android).   É sempre importante ressaltar que nada do que posicionamos aqui é um substituto à atenção e cuidado vindo dos próprios pais. Entretanto, nessas horas de isolamento social, considerando que muitos dos jogos acima possuem elementos que permitem uma jogatina compartilhada, nossa lista pode ser uma boa referência para que você e seus filhos possam se distrair enquanto se divertem. E você, tem filhos ou crianças pequenas em casa? Como estão passando por esse período? Conte para nós o que você tem feito de interessante nos comentários abaixo! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Coronavírus | Sobreviventes doam plasma para tentar salvar outras pessoas Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Invasão Zumbi 2: Península ganha trailer nacional repleto de zumbis sedentos

Invasão Zumbi 2: Península ganha trailer nacional repleto de zumbis sedentos

canaltech   Os zumbis de Yeon Sang-ho estão de volta! Quatro anos após o lançamento de Invasão Zumbi (Train to Busan, 2016), chegará aos cinemas Invasão Zumbi 2: Península, ambientado no mesmo mundo que o primeiro filme, mas quatro anos depois, quando os zumbis já tornaram o cenário apocalíptico. Ainda sem uma data de estreia específica, porque os cinemas do Brasil também fecharam diante da pandemia do coronavírus, Invasão Zumbi 2: Península é aguardado para o segundo semestre de 2020. Enquanto isso, ficamos com o trailer, no qual é possível ver um mundo dominado por zumbis, com humanos em menor número tentando sobreviver à nova realidade. Chegou ao Brasil o Amazon Prime, maior concorrente mundial da Netflix. Teste grátis por 30 dias! Imagem: Paris Filmes Yeon Sang-ho está novamente na direção, mas desta vez conta uma história muito mais ampla e épica, ao contrário do primeiro filme, em que boa parte da trama se desenrola em ambientes pequenos. Segundo a Paris Filmes, Invasão Zumbi 2: Península “revela uma Coreia do Sul completamente destruída devido a um vírus misterioso que transformou seus habitantes em zumbis. Com isso, inicia-se uma luta desesperada para escapar da península abandonada”. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Invasão Zumbi 2: Península ganha novas imagens mostrando protagonista e zumbis Além de Parasita: 10 filmes sul-coreanos para assistir na Netflix 8 filmes de zumbi com muitos miolos e tripas que você precisa assistir O protagonista agora é alguém com treinamento militar o suficiente para sobreviver em meio a um mundo cheio de mortos-vivos (e os de Sang-ho não são aqueles zumbis lentos dos filmes clássicos, pois aproximam-se muito mais dos zumbis de filmes como Guerra Mundial Z). A sinopse oficial explica um pouco mais sobre a trajetória do personagem principal de Península: "Quatro anos após o surto de zumbis que atingiu os passageiros de um trem-bala com destino a Busan, a península coreana ficou devastada. Jung-seok, um ex-soldado que conseguiu fugir do país tem a missão de retornar e surpreendentemente encontra alguns sobreviventes. Ele será capaz de sobreviver novamente ao desastre?" Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL] Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Preços de celulares Android 4G devem despencar nos próximos meses, prevê executivo

tudo celular Executivo parceiro da Xiaomi acredita que diversos motivos levarão à queda brusca nos preços dos smartphones Android com 4G. Veja Mais

Galaxy A50 é atualizado para o Android 10 com One UI 2.0 no Brasil

tudo celular Intermediário-premium da Samsung começa a receber atualização no Brasil, trazendo também o pacote de segurança de março. Veja Mais

Novidades da Netflix nesta semana [05/04/2020]

tudo celular Confira o que chega e o que sai do catálogo da Netflix nesta semana! Veja Mais

Celular com 3 telas da Microsoft pode ser alternativa às telas dobráveis

Celular com 3 telas da Microsoft pode ser alternativa às telas dobráveis

canaltech Apesar de toda a inovação e criatividade dos engenheiros, os smartphones dobráveis ainda precisam provar a confiabilidade de suas telas, parte mais sensível dos aparelhos lançados até agora. A Microsoft pode ter uma solução para isso, pelo menos segundo uma patente registrada pela empresa. Registrada sob a identificação US 10.606.540 B2, a patente descreve um aparelho dobrável, semelhante ao Surface Duo. Mas no lugar das duas telas do Duo, a descrição da patente inclui uma terceira, localizada na dobradiça do dispositivo. Terceira tela (126) ficaria na dobradiça entre as telas principais (imagem: Microsoft) A patente descreve alguns usos potenciais para a terceira tela, dependendo do estado do aparelho, como controles de aplicativos (música, navegação, etc), notificações ou atalhos para configurações do sistema. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Surface Duo | Microsoft revela novo smartphone com duas telas para 2020 Royole apresenta Flexpai 2 e nova geração de tela dobrável "sem marcas" TCL mostra celular com tela ‘rolável’ e aparelho com duas dobras No registro da patente, solicitada em 8 de julho de 2019 e concedida em 31 de março deste ano, a Microsoft descreve o aparelho como sendo um telefone celular, smartphone, computador portável, assistente pessoal (PDA) ou qualquer outro dispositivo pessoal. Como sempre acontece com patentes, o registro não indica necessariamente que a empresa esteja trabalhando a ideia para lançá-la em um produto. Para 2020, a Microsoft deve lançar além do smartphone Surface Duo, o computador portátil com duas telas Surface Neo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Nikon está oferecendo aulas de fotografia gratuitas online

Nikon está oferecendo aulas de fotografia gratuitas online

canaltech Uma boa e uma má notícia: a Nikon está oferecendo 10 aulas gratuitas de seu curso de fotografia, em uma promoção que dura todo o mês de abril. O problema é que as aulas são somente em inglês e destinadas ao público dos Estados Unidos. Ah, e não são “10 aulas” à escolha do aluno, mas sim um conjunto específico de 10 aulas. “A missão da Nikon sempre foi a de empoderar criadores. Nesses momentos de incerteza, nós podemos fazer isso ao ajudar criadores a se manterem inspirados, engajados e crescendo. É por isso que estamos oferecendo todos os nossos cursos online de graça por todo o mês de abril. Vamos sair disso ainda melhores”, diz um comunicado publicado na página da empresa. (Captura de Imagem: Rafael Arbulu/Canaltech) Os temas abordados são variados, indo desde introdução aos fundamentos da fotografia até orientações específicas para certos equipamentos, como produção de vídeos com uma câmera Z50 ou efeitos visuais utilizando uma SB-5000. Todos os cursos são ministrados por influenciadores da marca Nikon e especialistas no assunto, como Kitty Peters, Reed Hoffman e Chris Hershman. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- A duração de cada aula também é variável, com materiais mais básicos durando entre 10 e 15 minutos e tópicos mais especializados facilmente atravessando uma hora inteira. Cada curso gratificado custa uma média entre US$ 15 e US$ 30 (R$ 79 a R$ 158), com alguns até passando dessa margem, então a Nikon está dando, ao todo, pouco mais de US$ 200 de economia. A lista de cursos segue abaixo, com seus nomes originais: Creator’s Mindset: Creating Video Content with Z 50 com Kitty Peters Photographing Children and Pets com Tamara Lackey Getting Started with Your Nikon DSLR Hands-on with SB-5000 Speedlight com Joe McNally Fundamentals of Photography com Reed Hoffmann Environmental Portraiture com Joey Terrill The Art of Making Music Videos com Chris Hershman Beyond the Fundamentals of Photography com Reed Hoffman Discovering Macro Photography com Joey Terrill Exploring Dynamic Landscape Photography com Taylor Glenn Você terá que, obrigatoriamente, criar uma conta e fornecer seu endereço, mas esse é um preço pequeno a ser pago, considerando os benefícios dos cursos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Quais os celulares usados pela equipe do Canaltech? Confira! Veja Mais

Fotos dos leitores #302 - Xiaomi Mi A3 em Paraty (RJ)

tudo celular Você pode enviar quantas fotos desejar para a nossa coluna, assim aumentará suas chances de ser escolhido. Veja Mais

Virou regra? Atualização do Windows 10 é reportada como problemática por usuários

tudo celular Disponibilizada recentemente como opcional, a atualização em questão vem recebendo críticas por trazer mais problemas ao Windows 10 Veja Mais

De cara nova, Petra Belas Artes libera catálogo gratuitamente durante pandemia

De cara nova, Petra Belas Artes libera catálogo gratuitamente durante pandemia

canaltech Anteriormente hospedada na plataforma Looke, o streaming do cinema Petra Belas Artes, que reúne grandes clássicos da sétima arte, agora ganhou um endereço próprio. Além de estar de cara nova, a Petra Belas Artes disponibilizou seu catálogo gratuitamente até o dia 15 de abril para ajudar aqueles que estão isolados durante a pandemia da COVID-19 e já estão saturados com o catálogo mais mainstream de outros serviços como Netflix e Amazon Prime Video. Fundado a partir do cinema de rua homônimo de São Paulo, a Petra Belas Artes reúne títulos de diversas décadas e países diferentes, tendo a proposta de resgatar grandes filmes que acabam ignorados em meio à enxurrada de novidades que a indústria proporciona. Sem diminuir a importância de novas produções, um catálogo de filmes cult é um modo de ter acesso a produções reconhecidas e cultuadas que, por terem uma distribuição mais restrita, acabam sendo de difícil acesso mesmo para espectadores interessados especificamente nesse nicho do cinema. Amazon Prime chegou ao Brasil e está todo mundo assinando. Já fez seu teste grátis de 30 dias? Clique aqui! Imagem: Petra Belas Artes Ao entrar no site, o usuário é recebido pela proposta de “uma nova maneira de ver filmes em casa: com programação especial”, isso porque a ideia da plataforma não é somente ter um número de filmes para seus assinantes, mas sim apresentar títulos como uma indicação, já que foram escolhidos por um curador. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- 10 filmes para assistir na Netflix durante a quarentena 10 filmes para assistir no Amazon Prime Video durante o isolamento No catálogo, a Petra Belas Artes tem grandes destaques como Metrópolis (Fritz Lang, 1927), Contos da Lua Vaga depois da Chuva (Kenji Mizoguchi, 1953), Morte em Veneza (Luchino Visconti, 1971), Uma Noite em Casablanca (Archie L. Mayo, 1946), Uma Mulher é uma Mulher (Jean-Luc Godard, 1961) e A Regra do Jogo (Jean Renoir, 1939), além do brasileiro Esta Noite Encarnarei no Teu Cadáver, de José Mojica Marins, o Zé do Caixão. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Foto do Hubble mostra que cometa interestelar 2I/Borisov se dividiu em dois Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Vai prorrogar?! Senado adia lei de Proteção de Dados Pessoais para 2021

tudo celular Lei ainda precisa passar pela Câmara dos Deputados para ser promulgada oficialmente Veja Mais

Skype agora te deixa fazer chamadas de vídeo sem login e senha

Skype agora te deixa fazer chamadas de vídeo sem login e senha

canaltech O Skype criou uma ferramenta para os usuários criarem conferências em vídeo sem precisar de login e senha. É isso mesmo, não precisa mais criar um usuário para fazer uma videochamada, e nem mesmo do aplicativo. Basta que você e seu interlocutor (ou interlocutores) tenham um dispositivo conectado à internet. Facebook Messenger ganha app oficial para Windows e Mac Telegram: como criar um canal para fazer transmissão de conteúdo Por enquanto a plataforma só está disponível em inglês, mas é bem fácil de usar. É só acessar esta página e clicar em “create free meeting” (“criar um encontro grátis”, em tradução livre). Ele vai criar um link para você compartilhar com quem quiser que participe da conversa. É só mandar para essa pessoa e pronto. Assim que ela aceitar a chamada, vocês podem se conversar e se ver. Skype agora permite videoconferência sem login e senha (Imagem: Reprodução) Até agora, o Skype exigia login de cada pessoa que participasse das conversas. Com a nova plataforma, isso não é mais um problema. Aproveite para conversar com sua família e amigos e matar, ao menos um pouco, a saudade de quem você ama. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Lembrando que, por enquanto, a recomendação das autoridades de saúde é que a gente fique em casa e evite contato direto com outras pessoas. Via videochamada é possível ver e interagir em tempo real com todo mundo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: COVID-19: há pelo menos 8 tipos diferentes do novo coronavírus pelo mundo La Casa de Papel | Netflix garante partes 5 e 6 do seriado Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Veja Mais

COVID-19: há pelo menos 8 tipos diferentes do novo coronvaírus pelo mundo

COVID-19: há pelo menos 8 tipos diferentes do novo coronvaírus pelo mundo

canaltech Vírus vivem em constante mutação, e isso não seria diferente para o novo coronavírus (SARS-CoV-2), identificado pela primeira vez no final do ano passado. Desde então, já são pelo menos oito diferentes tipos do vírus da COVID-19 espalhados pelo mundo. Cada um desses novos tipos representa, na verdade, uma cepa diferente do vírus, ou seja, tem algumas pequenas variações genéticas em sua composição. Essas variações surgem no processo de reprodução desse coronavírus. Quando o vírus vai se reproduzir, ele usa o material genético da célula para replicar novos patógenos, só que nesse processo, às vezes, a cópia apresenta algumas alterações em relação ao original. É esse processo que recebe o nome de mutação e forma uma nova cepa — o que pode nos levar a pensar que quanto mais pessoas tiverem COVID-19, mais tipos do vírus teremos. Sem coronavírus: em quais territórios a COVID-19 não chegou? Pesquisa genética Para se chegar às conclusões das novas cepas, mais de 2.000 sequências genéticas do vírus foram enviadas dos laboratórios para o banco de dados NextStrain, que mostra a mutação nos mapas, em tempo real. O sistema agrega amostras de todos os continentes, exceto da Antártida — que não tem nenhum caso confirmado ainda. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- A análise dessas informações revela que o SARS-CoV-2 sofre uma nova mutação, em média, a cada 15 dias. No entanto, essa informação não deve causar alarde, porque, de acordo com o cofundador da NextStrain, Trevor Bedford, essas mutações captadas são tão pequenas que não tornaram o coronavírus mais letal. Plataforma da NextStrain traça panorama de mutações do novo coronavírus no mundo (Captura de tela: Fidel Forato/Canaltech) Casos brasileiros de coronavírus possuem genomas diferentes No Brasil mesmo, os dois primeiros casos identificados da COVID-19 tinham vírus com algumas mutações, como comprovaram pesquisadores do Instituto Adolfo Lutz e da USP, ambos em São Paulo, a partir da análise genômica das amostras coletadas. Mutação como radar "Essas mutações são completamente benignas e úteis como uma peça do quebra-cabeça para descobrir como o vírus está se espalhando", explica Bedford. Para o pesquisador, as várias linhagens permitem que os dados apontem se a transmissão da virose é generalizada, por exemplo, o que pode informar se as medidas de bloqueio foram eficazes. Além disso, o professor de medicina e doenças infecciosas da Escola de Medicina da Universidade da Califórnia, em San Francisco, Charles Chiu, lembra que esse banco de dados também fornece informações sobre como o vírus está se movendo nos EUA, como uma espécie de radar do vírus. Como está o Brasil depois de 30 dias do primeiro caso confirmado de COVID-19? "Os surtos são rastreáveis", avisa Chiu. "Temos a capacidade de fazer o sequenciamento genômico quase em tempo real para ver quais cepas ou linhagens estão circulando", conclui o pesquisador sobre a possibilidade de entender onde o controle e o isolamento social dos pacientes não tem funcionado. Por exemplo, a maioria dos casos na costa oeste dos Estados Unidos está ligada a uma cepa identificada pela primeira vez no estado de Washington, que fica a apenas três mutações da primeira cepa conhecida. Ou seja, é um grande quebra-cabeça possível de ser montado. No entanto, Kristian Andersen, professora da Scripps Research, alerta que os mapas montados não revelam um panorama completo da propagação desse vírus. "Lembre-se, estamos tendo uma pequena visão de uma pandemia muito maior", comenta Anderson. “Temos meio milhão de casos descritos agora, mas talvez 1.000 genomas sequenciados. Então, faltam muitas linhagens”, completa, sobre a falta de amostras coletadas perto do número total de casos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber La Casa de Papel | Netflix garante partes 5 e 6 do seriado Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Coronavírus pode entrar em breve na segunda onda de infecções pelo Brasil TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Veja Mais

Como desinstalar ou ocultar aplicativos no seu celular Android

Como desinstalar ou ocultar aplicativos no seu celular Android

canaltech Ocultar aplicativos que não são frequentemente acessados pode ajudar muito na hora de organizar melhor sua tela inicial e aproveitar ao máximo as ferramentas que seu smartphone Android pode oferecer. O processo é bem simples e pode ser feito em alguns segundos. Como rastrear seu Android perdido ou roubado com o Encontre meu Dispositivo Como usar múltiplas contas simultaneamente em quase todos apps no Android Como instalar aplicativos do Android no cartão de memória Ocultar aplicativos no Android: como organizar melhor sua tela inicial Passo 1: acesse as configurações de seu Android. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Passo 2: em seguida, selecione a opção “Aplicativos”. Passo 3: escolha quais aplicativos você deseja ocultar, um de cada vez. Vale lembrar que essa função só pode ser utilizada para aplicativos que já vêm instalados de fábrica. Passo 4: por fim, toque em “Desativar” ou “Desabilitar”. O aplicativo será ocultado da tela inicial de seu smartphone. Ocultando aplicativos de forma simples Além disso, existe um jeito bem mais simples de ocultar aplicativos, especialmente para smartphones Samsung ou LG - porém também válido para alguns modelos de outras marcas. Veja abaixo: Passo 1: acesse o menu aplicativos do celular e toque no ícone de três pontos localizado no canto superior direito. Passo 2: toque em “Configurações da tela inicial”. Passo 3: arraste a tela para baixo até que a opção “Ocultar aplicativos” apareça. Em seguida, toque nela. Passo 4: escolha cada um dos aplicativos que você deseja ocultar e toque em “Aplicar”. Pronto. Você sabia que era tão simples assim ocultar aplicativos no Android? Conte pra gente nos comentários. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Metallica libera show exclusivo no YouTube a partir das 21h desta segunda-feira TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Apple registra patente de interface que funciona até embaixo d’água

Apple registra patente de interface que funciona até embaixo d’água

canaltech A Apple obteve o registro de uma patente que indica planos cheios d’água para o futuro de seus dispositivos. Segundo documento encontrado pelo site chinês IT Home, a companhia tem na gaveta um projeto para uma interface de usuário totalmente funcional e utilizável mesmo quando o dispositivo estiver completamente submerso. O documento fala explicitamente em uma “interface desenvolvida para facilitar usuários submersos no manuseio de dispositivos eletrônicos”. Quem utilizasse um iPhone ou um iPad, por exemplo, embaixo da água poderia recorrer a uma “saída tátil” por meio da movimentação vertical da superfície sensível ao toque. Sistema da Apple aprimorado para funcionamento embaixo d'água pode estar a caminho. (Fonte: ITHome/Reprodução) Segundo a Apple, a novidade registrada permitiria reduzir a “carga cognitiva” de pessoas que utilizam um iPhone embaixo d’água ao facilitar o acesso aos comandos do sistema operacional. Em suma, a ideia é basicamente a de tornar tudo mais simples quando o cenário estiver totalmente coberto por água. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Apple registra patente para um dispositivo dobrável Além disso, a nova tecnologia planejada pela Maçã também garantiria um melhor aproveitamento dos recursos do smartphone, pois é capaz de diminuir o consumo do processador e, consequentemente, da bateria. Como de praxe, não custa avisar que isso se trata de uma patente e não há qualquer garantia de que tal recurso ganhará vida em algum momento. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL] Veja Mais

Tesla tem melhor primeiro trimestre da história, com 102 mil carros fabricados

Tesla tem melhor primeiro trimestre da história, com 102 mil carros fabricados

canaltech Em meio à pandemia da COVID-19, investidores da Tesla receberam uma boa notícia. A empresa teve o melhor primeiro trimestre da história no início de 2020, segundo anúncio oficial. No período que terminou em 31 de março, a companhia fez 102.672 veículos, sendo que 88.400 foram enviados ao mercado. Segundo nota da própria Tesla para investidores, este foi o melhor resultado para o período na história da empresa. Ela produziu 13.390 modelos S e X (sem especificar parcelas de cada um em separado), dos quais entregou 12.200. Leia mais: Tesla já produziu 1 milhão de veículos elétricos, informa Elon Musk -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Já para as linhas Model 3 e Y, foram 87.282 (também sem especiações individuais) unidades vendidas, com total de 76.200 entregues. A empresa ainda ressalta que o modelo Y começou a ser fabricado somente em janeiro, sendo que as unidades foram entregues só em março. Ou seja, é possível que o número seja maior para o próximo trimestre. Veja números: Model S/XProdução: 15.390Entregas: 12.200 Model 3/YProdução: 87.282Entregas: 76.200 Total:Produção: 102.672Entregas: 88.400 Ainda não é possível saber quais os impactos da COVID-19 para a empresa. Ela deve apresentar previsões quando revelar o relatório completo a investidores, ainda sem previsão. A companhia chegou a fechar escritórios na China e Estados Unidos por conta da disseminação do novo coronavírus. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL] Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Veja Mais

Apple Music se torna o segundo serviço de streaming de músicas mais popular do mundo

tudo celular Apple Music aproxima-se cada vez mais do Spotify, se tornando o segundo serviço de streaming de músicas mais popular do mundo. Veja Mais

De incógnita a pandemia: a evolução do coronavírus Covid-19 registrada nos tuítes da OMS

tudo celular Veja nos tuítes da OMS a trajetória do Coronavírus Covid-19 desde seu surgimento até a pandemia. Veja Mais

Waze: como usar o modo offline e economizar internet

Waze: como usar o modo offline e economizar internet

canaltech O Waze, popular aplicativo GPS para smartphones Android e iOS, é muito útil para ensinar o caminho de um lugar para outro ou até mesmo para traçar rotas que tenham menos trânsito. No entanto, a necessidade de internet pode atrapalhar alguns usuários que nem sempre têm uma conexão 3G, 4G ou wifi disponível. A boa notícia é que já é possível usar o aplicativo offline durante suas viagens, desde que o trajeto seja salvo antes da viagem, quando você ainda tem acesso à internet. O processo é bem simples. Melhores aplicativos para carro que ajudam motoristas Google Maps em 10 dicas indispensáveis de uso 5 aplicativos Windows Phone para ajudar você a se locomover Waze: como usar o aplicativo offline Passo 1: abra o Waze e toque no ícone de busca, do lado inferior esquerdo da tela. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Você também pode usar o microfone para não precisar digitar o seu destino (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 2: agora, insira o destino para o qual você irá ao campo “Para onde?” e selecione a opção oferecida pelo aplicativo. Selecione a rota do Waze que melhor se aplica ao local desejado (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 3: toque em “Ir” para que o Waze calcule a sua rota. Em seguida, selecione “Geral”. O ícone "Geral" mostra todo o itinerário da viagem (Captura de tela: Ariane Velasco) Passo 4: agora, toque em “Recentralizar” para que a rota volte a ser exibida como estava e lembre-se de manter o aplicativo aberto para que, mesmo offline, as informações não sejam perdidas. A partir daí, você pode continuar usando o Waze offline até chegar ao destino. Fácil, não é mesmo? Toque em re-centralizar para usar o Waze offline (Captura de tela: Ariane Velasco) E você, já conhecia esse truque para usar o Waze offline? Conte pra gente nos comentários. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Aproveita que é de graça! Dicas gratuitas para o isolamento [EDIÇÃO ESPECIAL] Espanhol bate recorde de maior live de um jogo no YouTube Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Veja Mais

Clássico repaginado: como jogar Stop online com os amigos

Clássico repaginado: como jogar Stop online com os amigos

canaltech Jogar online com amigos é uma opção para se divertir durante os tempos de isolamento. Além de reunir as companhias, mesmo que de forma virtual, serve para descontrair em algum jogo de interesse de todos. As pessoas não precisam de um videogame ou computador gamer para isso, com algumas opções simples e acessíveis disponíveis. Uma delas é uma grande brincadeira de criança: o stop, ou adedonha. 7 jogos e aplicativos para crianças brincarem no tablet e smartphone Sem espaço no celular? Veja 10 jogos bem leves para Android e iOS O famoso jogo de listar palavras por letras possui versão online e pode ser jogada tanto pelo celular como pelo computador, reunindo duplas ou grupos de até 50 pessoas. Duas plataformas se destacam: o Stopots e o aplicativo Stop - Famoso jogo de palavras. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Cada um possui suas particularidades. O Stopots destaca-se por realizar partidas em grupo e permite customização de temas, tempo das rodadas e letras disponíveis. Já o Stop - Famoso Jogo de Palavras é voltado para partidas com dois jogadores, na qual o primeiro a levar a melhor em três rodadas é o vencedor. Veja como jogar cada um! 10 jogos absurdamente estranhos para se divertir de forma duvidosa Como jogar pelo Stopots Passo 1: abra pelo site ou baixe o aplicativo, disponível para Android e iOS; Passo 2: escolha entre entrar com uma conta anônima ou fazer login utilizando perfil do Twitter, Facebook ou Google; Tela inicial do site Stopots (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 3: o menu principal oferece três opções - “Jogar”, “Criar Sala” e “Salas Criadas”. A primeira direciona para uma partida aleatória. A segunda abre um menu para criação de sala. A terceira mostra uma lista de todas as salas ativas no jogo; Menu principal do Stopots: é possível entrar em uma partida em andamento e criar a própria sala (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 4: seguindo a opção “Criar Sala”, o jogador terá acesso a um menu para customizar as opções da partida. É possível alterar o tempo das rodadas, o número máximo de jogadores, as letras usadas e os temas; Criação de sala permite diversas opções personalizáveis (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 5: para remover um tema, clique no ícone em X ao lado do marcador. Para adicionar outro, digite no campo “Adicionar Tema” e depois pressione “Add”; Personalize temas para a partida de Stop (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 6 (opcional): salas podem ser protegidas por senha. Para isso, basta preencher o campo no canto inferior esquerdo; Salas podem ser acessadas através de senha (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 7: clique em “Criar Sala” para poder ter acesso à sala de jogo. Será gerado um link, que pode ser compartilhado com amigos; Compartilhe o link da sala com amigos (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 8: a partida iniciada segue as regras tradicionais do jogo com papel e caneta. São 12 categorias que precisam ser preenchidas, e o primeiro a completar aperta o botão “Stop”; O jogo começa: funcionamento é parecido com as partidas em papel e caneta (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 9: no final de cada rodada, os participantes precisam validar as escolhas das palavras. Para invalidar, clique no termo; Após cada rodada, jogadores validam as palavras escolhidas (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 10: com as palavras avaliadas, o jogo calcula a pontuação por jogador. Vence o que acumular mais pontos até o final das rodadas. Ao final de cada rodada, jogo mostra os melhores pontuadores (Foto: Reprodução/André Magalhães) Como jogar pelo Stop - Famoso Jogo de Palavras Passo 1: faça o download do aplicativo na App Store ou Google Play Store; Passo 2: escolha entre enfrentar um amigo ou um adversário aleatório. O jogo pode ter acesso aos seus contatos no Facebook; Aplicativo permite jogar contra aleatórios ou contra amigos (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 3: o jogo sorteará os temas da atual rodada. É possível alterá-los gastando moedas; Jogo sorteia automaticamente os temas da rodada (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 4: com os temas definidos, o jogador precisa girar uma roleta para decidir a letra da rodada; Gire uma roleta para descobrir a letra da rodada (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 5: a rodada é iniciada e o objetivo é preencher as cinco categorias no menor tempo possível. Ao terminar, arraste o botão para baixo para finalizar. Não é necessário que os dois jogadores estejam online ao mesmo tempo; Preencha as categorias no tempo mais rápido possível (Foto: Reprodução/André Magalhães) Passo 6: o adversário terá o mesmo tempo que você gastou para terminar a rodada. No final, o jogo compara os resultados e determina o vencedor. Existem palavras raras, que contam como um bônus. Palavras raras valem mais pontos no Stop - Famoso Jogo de Palavras (Foto: Reprodução/André Magalhães) Qual das duas opções é sua preferida? Deixe seu comentário! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Veja Mais

Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia

Fim do mundo? Barulho no céu tem explicação científica e relação com pandemia

canaltech Com a pandemia do coronavírus se disseminando pelo mundo de forma rápida, a população mundial segue no isolamento social e bastante sensível a notícias que remetem a possíveis tragédias ou o fim do mundo, como muitos dizem. Satélies Starlink, da SpaceX, foram avistados no céu noturno (e tem vídeo!) Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Quem entrou no Twitter neste sábado (4) deve ter notado a hashtag #barulhonoceu entre os assuntos mais comentados da rede social. Entre memes, teorias ligadas ao coronavírus e referências com o apocalipse, o fato é que inúmeras usuários de todas as regiões do país registraram através de vídeos, áudios e mensagens o misterioso estrondo vindo do alto. As reações foram, obviamente, as melhores possíveis: -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Coronavírus tem relação indireta com o fenômeno da natureza Conforme apurado pelo site BHAZ, que entrevistou especialistas no assunto, entre elas a professora pós-graduada em física Bruna Ignaczuk, o forte barulho tem ligação indireta com a pandemia da COVID-19, uma vez que os níveis de poluição diminuíram em virtude da menor atividade das pessoas pelo mundo todo. “Pode ser que com menos funcionamento da indústria, uma quantidade menor de poluição na atmosfera influenciou a movimentação dos gases”, conta a especialista. Já sobre o que ocasiona o tal som, Bruna explica que - por mais curioso que possa parecer - o som é natural, apesar de raro, e há registros do mesmo na Rússia desde 2012: “O som ocorre quando gases entram em contato com mudança de pressão atmosférica. Como acontece quando o ar sai de uma bexiga cheia ou de uma panela de pressão”, explica. E você, leitor(a), chegou a presenciar um desses barulhos? Se sim, compartilha aqui com a gente como foi essa experiência! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Quais os celulares usados pela equipe do Canaltech? Confira! Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (04/04/2020) Veja Mais

TIM cancela banda larga fixa de usuários e muda regulamento sem aviso prévio

TIM cancela banda larga fixa de usuários e muda regulamento sem aviso prévio

canaltech No combate ao coronavírus, a TIM é uma das operadoras de telefonia que adotou uma série de medidas como a oferta de bônus de dados móveis, por exemplo, para ajudar os clientes durante o período de isolamento social. Além disso, a companhia também formou uma espécie de “corrente do bem” com as concorrentes. COVID-19: as operadoras de telecomunicação no Brasil estão prontas? Operadoras de celular passam a enviar SMS sobre prevenção ao coronavírus Por outro lado, de acordo com inúmeros relatos de usuários no fórum Adrenaline, a empresa tem surpreendido os assinantes do TIM Live com o cancelamento de seus planos banda larga fixa sob a alegação de uso excessivo. Conforme apuração do Tecnoblog, a TIM mudou o regulamento de contratação sem aviso prévio, passando a considerar o limite de 2TB, e não mais 17 TB como antes, como tráfego exorbitante. Cláusula do novo contrato do TIM Live sobre o limite de tráfego de dados (Imagem: TIM) A medida serve como “proteção” contra provedores piratas que utilizam o plano residencial para fornecer internet para outros pontos de conexão, além de que a operadora oferece pacotes empresariais com maior número de conexões simultâneas. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Vale ressaltar que, através de uma medida cautelar, a Anatel determina que as operadoras de banda larga fixa não adotem medidas após uso da franquia contratada como a cobrança por tráfego excedente, redução de velocidade ou suspensão do serviço. O Canaltech entrou em contato com a TIM, que nos enviou o seguinte comunicado: A TIM oferece planos residenciais e empresariais com características de utilização distintas, de acordo com parâmetros técnicos para uso dos serviços. Conforme estabelecido em contrato da TIM Live, existem parâmetros objetivos e transparentes para caracterizar um tráfego como uso Industrial e não residencial. A operadora reitera que os parâmetros não representam imposição de franquia de uso, mas sim caracterizam o uso incompatível com perfil de plano residencial. Esse perfil de utilização congestiona a rede e afeta a qualidade do serviço para os clientes que fazem uso correto de sua banda larga.  A TIM reforça que não reduz a velocidade e nem cobra tráfego excedente dos clientes. Eventuais desconexões foram realizadas pela utilização inadequada do serviço de acordo com o Regulamento Geral dos Direitos do Consumidor e o contrato. Quando constatado esse tipo de comportamento, a operadora realiza notificação prévia ao cliente por e-mail e carta impressa, concedendo um prazo de 5 dias para que o mesmo regularize sua situação ou contrate um plano TIM Live Empresas, mais compatível com as necessidades do usuário. TIM reforça compromisso com a Anatel Reforçando o compromisso de combater o avanço da COVID-19 no país, na última sexta-feira (3), a operadora enviou uma carta à Agência Nacional de Telecomunicações ressaltando as ações adotadas com os clientes e funcionários, além da colaboração com os órgãos governamentais. TIM quer monitorar base de clientes para controlar avanço do coronavírus Coronavírus: operadoras de telefonia adotam medidas contra a inadimplência No documento, a TIM destaca, por exemplo, o acordo com a Prefeitura do Rio de Janeiro, em que passa a fornecer um mapa de deslocamento na cidade, e também a parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, em tecnologia semelhante por geolocalização. Além desses, também vale ressaltar a notificação de provedores over-the-top (OTT) como Netflix, YouTube e Instagram para que reduzam a qualidade de seus serviços para gerar menos tráfego na rede, e a disponibilização de vários cursos grátis através da plataforma TIM Tec. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Quais os celulares usados pela equipe do Canaltech? Confira! Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"; entenda Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Veja Mais

Quais os celulares usados pela equipe do Canaltech? Confira!

Quais os celulares usados pela equipe do Canaltech? Confira!

canaltech É bem provável que você já tenha se feito a pergunta acima em algum momento enquanto lia nossas notícias ou assistia a nossas análises sobre o universo mobile. E se a curiosidade vinha batendo forte aí, nós tratamos de acabar com ela agora mesmo, pois chegou a hora de saber qual celular o pessoal do Canaltech utiliza em seu dia a dia. Foi um tanto trabalhoso compilar todos esses dados, afinal são dezenas de pessoas — eu ainda coloquei um campo aberto para observação na pesquisa e, olha, nós temos sempre muito a dizer —, mas aqui está o resultado. Sem mais enrolação, vamos a um resumo geral da pesquisa realizada entre todos nós. Quais os modelos usados por quem faz o CT? O aparelho mais comum em nosso time (incluindo pessoas de diferentes áreas, não apenas a redação) é o iPhone XS Max — são quatro unidades. Em segundo lugar vêm o iPhone 11 Pro Max e o iPhone 7 — três de cada. Em terceiro lugar, todos com duas unidades cada, vêm os seguintes modelos: Galaxy S10+, iPhone 6s, iPhone 7 Plus, iPhone SE, iPhone XR e Zenfone 5. O restante dos modelos citados é um aparelho de cada. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- O panorama geral, então, fica assim: (Imagem: Francielle Lima/Canaltech) Quando olhamos para as marcas mais comuns, a Apple domina com folga a preferência da turma do CT: são 19 unidades — quase 45% das pessoas que responderam à pesquisa. Em segundo lugar está a Samsung, com 12 aparelhos, seguida da Motorola, em terceiro, com quatro smartphones. (Imagem: Francielle Lima/Canaltech) Trocar ou não trocar? Eis a questão Foi perguntado à equipe do Canaltech quem pretende trocar de aparelho este ano e 23 pessoas disseram que não. Entre os 16 que querem adquirir um novo modelo, o principal "alvo" é o iPhone 11, objeto de desejo de quatro pessoas. Logo depois estão o iPhone 12 e o iPhone 11 Pro Max (duas pessoas cada). (Imagem: Francielle Lima/Canaltech) Fala, Canaltech Algumas pessoas deixaram relatos sobre a sua relação com o seu smartphone, seus desejos celularísticos para o futuro próximo e tudo mais. Aqui estão alguns deles (acredite, eram muitos e infelizmente tivemos que fazer uma seleção): Aline Rossi Gerente de marketing Modelo atual: Moto Z3 Play Pretende trocar este ano: não "Maravilhoso para mim, principalmente sua bateria que dura muuuito, carrega rápido — e não trava, como outros por aí." Camila Rinaldi Editora-chefe Modelos atuais: Pixel 3 e iPhone 11 Pro Max Pretende trocar este ano: não "Eu vivo com dois corações. Ambos os aparelhos são excelentes, mas como o iPhone está uma geração além do Pixel, a tendência é que seja melhor. Agora, nos dois casos, o que me atrai é o sistema operacional puro, que chega junto com a desenvolvedora do hardware — neste caso, Android e iOS. Por muito tempo, fui superfã da Samsung, que me conquistou com os Galaxy S7 e S8. Porém, hoje, sou muito feliz com meu Pixel 3 e meu iPhone 11 Pro Max." Claudio Yuge Repórter/redator Modelo atual: Galaxy A50 Pretende trocar este ano: não "Como não uso para tudo, ou seja, não o uso como um computador, ele dá conta de navegação, alguns games simples, comunicação e fotos sem grandes requintes. É rápido, a bateria dura bastante e dá para assistir vídeos curtos numa boa também. O custo-benefício é OK também." Domingos Hypolito Neto Diretor Modelo atual: iPhone 11 Pro Max Pretende trocar este ano: sim, por um iPhone 12 "Uso o último porque compramos no CT, mas, para mim, ele é como um canhão para matar formigas. Uma versão de três anos atrás me atenderia perfeitamente." Douglas Ciriaco Editor de conteúdo Modelo atual: Galaxy A8+ Pretende trocar este ano: sim, por um Galaxy S10e "O único grande defeito do A8+ é a sua câmera traseira, porque no geral o aparelho tem desempenho e acabamento ótimos. A tela é incrível e a câmera de selfie é poderosa, apesar de eu nem usar tanto. Mas eu derrubei ele na calçada, parte da tela espatifou e desde então eu espero uma promoção matadora do S10e para realizar a troca. Me ajuda, Samsung!" Felipe Demartini Repórter/redator Modelo atual: iPhone XR Pretende trocar este ano: não "Um iPhone 4 foi o melhor celular que já tive na vida, e agora essa experiência está se repetindo. Jamais pagaria o valor normal cobrado pela Apple, mas em uma promoção e pela longevidade, vale a pena pagar pelo iOS, já que nenhum Android, por melhor que fosse, durou na minha mão pelo mesmo tempo sem me irritar ou apresentar lentidão. Não pretendo sair do iOS novamente, para ser sincero." Felipe Ribeiro Repórter/redator Modelo atual: Galaxy S7 Pretende trocar este ano: sim, por um Galaxy Note 10+ "Depois de quatro anos utilizando o aparelho e mesmo ele não me deixando na mão em momento algum (menos quando o assunto é bateria), está na hora de trocar e fazer um upgrade." Felipe Szatkowski Diretor Modelo atual: iPhone 11 Pro Max Pretende trocar este ano: sim, por um iPhone 12 "Só troco porque pegamos o novo para análise anualmente. A vantagem de ter um iPhone é esta: você vende o atual por um ótimo preço (se bem cuidado) e só paga a diferença para o novo. Vendendo no Brasil e comprando o novo na gringa, a conta fecha lindamente." Isabel Cristina Analista de SEO Modelo atual: Zenfone 5 Pretende trocar este ano: não "Nao tenho problema com bateria e não trava muito." Natalie Rosa Repórter/redatora Modelo atual: Pretende trocar este ano: sim, por um iPhone XR "16 gb de armazenamento é inviável em 2020." Patricia Gnipper Editora de conteúdo Modelo atual: iPhone SE Pretende trocar este ano: sim, por um iPhone 11 "Uso o SE desde o lançamento, gosto dele pelo tamanho compacto e sei que vou xingar muito no Twitter quando comprar o 11 (até me acostumar com o tamanhão). Mas claro que um aparelho com quase quatro anos de uso tem componentes desgastados (oi, bateria!) e o desempenho já deixa a desejar. Mantive ele em 2019 porque a Apple foi gente boa e liberou o iOS 13 pro SE, mas como o iOS 14 não vai ser compatível, já estamos quase nos 45 do segundo tempo para comprar um iPhone mais atualizado." Rubens Eishima Repórter/Redator Modelos atuais: Galaxy S9 e Nokia Lumia 532 Pretende trocar este ano: não "Comprei apenas porque meu aparelho anterior foi roubado. Assim como o atual, era um topo de linha do ano anterior à data de compra e estava com preço de intermediário, e o Windows 10 pro celular reserva já tinha sido abandonado." Talita Ruiz Comercial Modelo atual: Galaxy A8 Pretende trocar este ano: não "Atende as minhas necessidades, mas logo, logo deixará de atender por conta das atualizações. Trocaria por isso ou por sempre quebrar todos os meus aparelhos." E aí, matou a sua curiosidade? Gostou de saber um pouco mais sobre as pessoas que fazem Canaltech? Deixa a sua opinião aí nos comentários! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube TikTok | Canal oficial do Estado de SP faz sucesso no combate à pandemia Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Foto do Hubble mostra que cometa interestelar 2I/Borisov se dividiu em dois Veja Mais

Coronavírus: AliExpress revela que pedidos por máscaras para brasileiros quintuplicou

tudo celular Alta no consumo de mascaras, itens de higiene pessoal e proteção é diretamente relacionada ao surto de coronavírus (COVID-19) Veja Mais

Coronavírus: cadastramento para recebimento do "coronavoucher" poderá ser feito via app

tudo celular Informação foi confirmada oficialmente pelo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni e deve ser disponibilizado já na semana que vem Veja Mais

Governo promete unidades de saúde 100% conectadas até o fim de abril

Governo promete unidades de saúde 100% conectadas até o fim de abril

canaltech O registro e o envio de dados sobre os pacientes e a disseminação do novo coronavírus (SARS-CoV-2) são essenciais para que as autoridades e profissionais possam manter a situação atualizada. E, para que os hospitais possam se comunicar com mais agilidade, é necessário que eles estejam equipados com internet. Por isso, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e o Ministério da Saúde (MS) anunciaram na quarta-feira (1º) a instalação em todas as mais de 16 mil unidades de saúde do país até o final do mês. Segundo o governo, o sucesso dessa implantação total depende da agilidade das operadoras. O ministro Marcos Pontes descreveu o trabalho em três frentes realizado pelo MCTIC: a ciência, que ataca a raiz do problema; a tecnologia, que ajuda a diminuir os impactos da pandemia; e as comunicações, que permitem a rápida coordenação de esforços do governo e da sociedade. Imagem: Divulgação/Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações  Além disso, Pontes voltou a destacar os já anunciados R$ 100 milhões de investimentos em licitações para avanços no setor. A primeira chamada será realizada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e contará com R$ 30 milhões do MCTIC e mais R$ 20 milhões do MS. serão contemplados projetos em testes diagnósticos, desenvolvimento de vacinas, testes clínicos, patogênese do vírus e outros projetos relacionados à COVID-19. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Outro edital será lançado pela Financiadora de Estudos e Projetos e terá o valor de R$ 50 milhões para projetos em uma rede de sequenciamento do material genético do vírus, ligada à Rede Vírus MCTIC. Entre as atividades previstas estão o estudo computacional de moléculas para o tratamento da doença, testes in vitro, inovações em kits de exames e diagnóstico, desenvolvimento de vacinas e ações em ciências sociais para avaliar o impacto da situação em trabalhadores do sistema de saúde e na população. Outras ações No campo de tecnologia e produção, o MCTIC vem realizando pesquisa em biorreagentes para a produção de álcool em gel e o aumento da produção de ventiladores entre 90 a 120 dias, por meio de contatos com cinco grupos de empresas. Também foi firmado um acordo com o Hospital das Forças Armadas para o teste de uma solução de inteligência artificial que irá auxiliar equipes de saúde no acompanhamento de pacientes nos hospitais. O ministro também destacou o trabalho realizado pelos Correios, que vem operando o apoio logístico na distribuição de amostras do vírus entre as instituições de pesquisa do país. A coleta, o transporte e a entrega do material obedecem aos padrões de biossegurança e têm chegado aos destinos em menos de 20 horas, evitando assim a deterioração. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: COVID-19: há pelo menos 8 tipos diferentes do novo coronavírus pelo mundo La Casa de Papel | Netflix garante partes 5 e 6 do seriado Senado aprova adiamento da LGPD para agosto de 2021 Auxílio emergencial: saiba quem tem direito e como receber Liberadas mais de mil aulas para alunos do Fundamental e Médio no YouTube Veja Mais