Meu Feed

Últimos dias

Google planeja mudar a forma de como direciona propagandas aos usuários

Google planeja mudar a forma de como direciona propagandas aos usuários

canaltech Hoje em dia, não é difícil se deparar com anúncios online referentes a um produto do qual você estava conversando até pouco tempo atrás. Isso ocorre porque os nossos smartphones e dispositivos eletrônicos estão, a todo momento, coletando informações de uso e criando um perfil de comportamento para direcionar propagandas de forma personalizada. Obviamente, isso acaba sendo um grande problema para a segurança de informação, e a Google — uma das principais empresas que coleta nossos dados — está tentando encontrar uma solução em que proteja os dados das pessoas ao mesmo tempo em que consiga direcionar os anúncios de seus parceiros comerciais. Para chegar a uma solução, a gigante das buscas estaria trabalhando em cima de um “Sandbox de privacidade”. A ideia por trás desse conceito estaria em juntar, em um único banco de dados, usuários com comportamentos semelhantes para evitar o registros dos rastros digitais. Considerando que, atualmente, os algoritmos identificam o comportamento de cada usuário para criar uma “bateria de anúncios” que pode interessar a essas pessoas, é natural que muitos acabem sentindo uma certa falta de privacidade e tenham preocupações quanto ao uso de seus dados. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Ao alocar e misturar dados de várias pessoas num mesmo grupo, os anunciantes já não teriam como identificar os usuários de forma individual, mas poderiam continuar tendo os seus anúncios divulgados normalmente. Ou seja, a Google espera conseguir proteger os consumidores mascarando suas informações sem que seja necessário acabar prejudicando anunciantes. Dessa forma, a empresa acabaria satisfazendo tanto os usuários quanto as empresas que anunciam em sua plataforma. Outro ponto interessante do “Sandbox de privacidade” estaria no fato de que os anunciantes só poderiam direcionar seus conteúdos para grupos “suficientemente” grandes, onde já não teria a possibilidade de localizar as pessoas de forma individual. Apesar de ainda não ter nenhuma informação quanto à data de aplicação do “Sandbox de privacidade” ou detalhes técnicos de como o algoritmo funcionaria de forma exata, é interessante saber que as empresas estão começando a concentrar mais atenção para esse tipo de problema, que nos preocupa cada vez mais. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Asteroide do tamanho do maior prédio do mundo passará perto da Terra em setembro WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Novo filme de Mortal Kombat já tem alguns atores confirmados; veja quem são 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited Veja Mais

Huawei divulga Global Industry Vision, estudo que prevê megatendências para 2025

Huawei divulga Global Industry Vision, estudo que prevê megatendências para 2025

canaltech Na última quarta-feira (21), a Huawei lançou o relatório Global Industry Vision (GIV), com previsões relacionadas ao desenvolvimento tecnológico e industrial até 2025. Essas previsões foram feitas com base nos dados quantitativos da própria fabricante chinesa. A primeira edição do GIV foi lançada em 2018, para servir como um guia estratégico. "A acelerada evolução tecnológica nos permitirá chegar a cenários que somente imaginávamos em filmes de ficção científica. Estamos direcionando nossa visão para além do que vemos agora e olhando para o futuro, mudando de inovação para invenção”, analisa Julio Sgarbi, diretor de Consultoria da Huawei Brasil. E as 10 megatendências para 2025 são: 1. Viver com bots Além de prever uma taxa de penetração global de 14% de robôs domésticos, o relatório aponta também que avanços na ciência material, Inteligência Artificial perceptual e tecnologias de rede estão sendo responsáveis pelo impulsionamento da adoção da robótica em casa e na vida pessoal. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- 2. Super visão "Ver além da distância" é uma das principais megatendências. Isso reverbera na convergência de 5G, Realidade Virtual/Realidade Aumentada, aprendizado de máquina e outras tecnologias emergentes. A tendência também consiste na visão além da distorção, da superfície e da história, abrindo novas perspectivas para pessoas, negócios e cultura. Está previsto que a porcentagem de empresas que usam Realidade Virtual/Realidade Aumentada aumentará para 10%. A realidade virtual é um dos aspectos apontados como megatendência para 2025 pelo relatório da Huawei 3. Zero Busca Levando em consideração que o GIV prevê que 90% dos proprietários de dispositivos inteligentes usarão assistentes pessoais inteligentes, é possível apontar que, à medida em que os dispositivos direcionados por dados e com sensores integrados começam a antecipar nossas necessidades, as informações vão encontrar as pessoas. Em outras palavras, pesquisas futuras serão livres de botões, redes sociais pessoais serão criadas sem esforço e a indústria se beneficiará da “manutenção de pesquisa zero”. 4. Ruas Adaptadas Outra previsão do relatório divulgado pela Huawei é que os sistemas inteligentes de transporte conectarão pessoas, veículos e infraestrutura. Isso significa, basicamente: congestionamento zero, resposta rápida a emergências e outras funções tornando a vida muito mais tranquila. Para justificar isso, o relatório que 15% dos veículos terão a "tecnologia conectada a tudo", via rede móvel. 5. Trabalhando com Bots Uma das coisas apontadas pelo relatório é a automação inteligente. O GIV diz que bots vão assumir tarefas mais perigosas, repetitivas e de alta precisão, o que significa uma colaboração tanto para a segurança quanto para a produtividade em si. Além disso, o relatório também prevê que haverá 103 robôs na indústria para cada 10 mil funcionários. 6. Criatividade Aumentada De acordo com a fabricante chinesa em meio às suas previsões, a Inteligência Artificial em nuvem vai ficar responsável por reduzir o custo e a barreira de entrada para a experimentação científica, inovação e arte. Como consequência, ela vai abrir uma "mina de ouro do potencial criativo que está disponível para todos". Com isso, é possível apontar que o GIV prevê que 97% das grandes empresas terão implantado Inteligência Artificial. Inteligência artificial também é uma das megatendências para 2025 7. Comunicação sem atrito Até o ano de 2025, a análise de Inteligência Artificial e big data vai acabar criando uma comunicação mais alinhada entre empresas e clientes, e quebrará as barreiras da linguagem. A empresa aponta que precisão, compreensão e confiança irão sustentar as comunicações futuras. Em relação a essas comunicações, o relatório traz à tona a previsão de que as empresas utilizarão 86% dos dados que produzem. 8. Economia Simbiótica Além disso, para o ano de 2025, o relatório também prevê que todas as empresas em todos os lugares usarão a tecnologia de nuvem, e 85% dos aplicativos de negócios serão baseados em nuvem. Isso porque empresas em todo o mundo estão adotando tecnologia digital e aplicativos inteligentes em plataformas de acesso unificadas. Basicamente, quer dizer maior colaboração, compartilhamento de recursos, ecossistemas globais mais fortes e maior produtividade. 9. Lançamento rápido do 5G Por sua vez, o 5G está prestes a se tornar realidade no mundo inteiro, muito mais rápido do que qualquer geração sem fio anterior, e o potencial da tecnologia para indivíduos, empresas e sociedade é enorme. Para isso, O relatório traz uma boa notícia, ou melhor, previsão: 58% da população mundial terá acesso ao 5G até o ano de 2025. Conforme relatório divulgado pela Huawei, o 5G também é uma das principais megatendências para 2025, c 10. Governança Global Digital A última previsão do relatório é que os avanços na tecnologia digital devem ser equilibrados por padrões e princípios de dados compartilhados para o uso de dados. Sendo assim, a edição atual do GIV aponta que, da atualidade até o ano de 2025, o volume anual de dados globais vai chegar a 180 ZB (1 ZB = 1 trilhão de GB). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Asteroide do tamanho do maior prédio do mundo passará perto da Terra em setembro WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Novo filme de Mortal Kombat já tem alguns atores confirmados; veja quem são 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited Veja Mais

Geek City | Final nacional de concurso de robótica será em parceria com a LEGO

Geek City | Final nacional de concurso de robótica será em parceria com a LEGO

canaltech O Geek City 2019 será a sede da final nacional da FIRST LEGO League Jr., evento de robótica promovido pela marca, que já teve etapas em cinco estados brasileiros. Em 30 de agosto, primeiro dia do maior evento de cultura pop do Sul do país, os grupos classificados, formados por crianças de 6 a 10 anos de idade, disputarão uma vaga na final nacional da liga, que acontece nos Estados Unidos em março do ano que vem. A FLL Jr., como também é conhecida a competição, tem a Lua como tema da temporada 2018/2019. Usando um kit LEGO exclusivo e plataformas de programação, as crianças devem realizar trabalhos voltados para a exploração e colonização do satélite natural da Terra, construindo uma base lunar que deve lidar com questões como alimentação, energia e respiração, bem como diversão e outras necessidades da humanidade. As melhores construções desse projeto Mission Moon, agora, estarão em Curitiba (PR) para que a melhor seja conhecida. Além disso, o Geek City 2019 contará com a estreia do espaço LEGO Education, um local voltado para a diversão e o aprendizado com esculturas e oficinas da marca. Em meio às peças de montar e os workshops, os visitantes também poderão aprender um pouco sobre engenharia e robótica. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Além dos participantes da FLL Jr., o evento já tem outros nomes de peso confirmados. Entre os convidados estão Paul Zaloom, o eterno Beakman, que encantou crianças e formou cientistas na década de 1990; Alex Hogh Andersen, que interpreta Ivar, o Desossado na série Vikings; o criador dos quadrinhos d’O Corvo, Jamers O’Barr; e o elenco de Hermes & Renato. O Canaltech é o parceiro oficial e fará a cobertura completa. Além disso, o Geek City 2019 traz de volta a Galeria dos Artistas, com um espaço para que essa galera de talento exponha seus trabalhos; a Arena Geek City, com três dias de competições ao vivo de e-Sports, além da presença de influenciadores; e também o tradicional Concurso de Cosplays, que vai premiar os melhores intérpretes em quatro categorias com vídeo games, televisores e caixas de som da JBL. O Geek City 2019 acontece entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro no Expo Barigui (Alameda Ecologica Burle Marx, 2886-2810, Santo Inácio), em Curitiba (PR). O ingresso individual custa R$ 50 para qualquer dia, enquanto o passaporte para todos sai por R$ 130 e ainda inclui uma credencial exclusiva. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Veja Mais

Nome do Android, privatização dos Correios - Hoje No TecMundo

Nome do Android, privatização dos Correios - Hoje No TecMundo

Tecmundo Na edição desta quinta-feira do Hoje no TecMundo, a gente fala sobre o nome do novo Android, de mais celulares da Samsung, da privatização dos Correios e do possível fim da linha Mi Mix da Xiaomi. E também tem mais notícias!1- Correios será a 1ª estatal privatizada pelo governo BolsonaroLeia mais... Veja Mais

Dwayne Johnson é o primeiro da lista dos atores mais bem pagos de 2019

Dwayne Johnson é o primeiro da lista dos atores mais bem pagos de 2019

Tecmundo A Forbes divulgou esta semana a sua famosa lista dos 10 atores mais bem pagos do ano, com Dwayne “The Rock” Johnson em primeiro lugar. Além dele, metade do TOP 10 é formado pelos atores que participaram do sucesso Vingadores: Ultimato.Como em qualquer outro negócio, Hollywood também procura por um empreendimento que seja seguro, ou seja, que o protagonista chame audiência. A compensação para estes atores é considerável com uma salário de oito dígitos e parte do faturamento do filme.Leia mais... Veja Mais

Campinas recebe a Campus Party Experience no Parque D. Pedro Shopping

Campinas recebe a Campus Party Experience no Parque D. Pedro Shopping

canaltech O Parque D. Pedro Shopping recebe, a partir de quinta-feira (22), a Campus Party Experience Campinas, evento que faz parte da Campus Party, maior imersão de tecnologia do mundo. A experiência oferece, nos 11 dias de atividades, experiências e conteúdos voltados à tecnologia, inovação e criatividade. Tudo totalmente gratuito.  A programação é variada e agrada desde entusiastas até especialistas das mais diversas áreas da tecnologia. Para isso, conta com atividades para todas as idades. Simulador O simulador é uma ótima pedida para quem busca, além de conhecimento, diversão. O equipamento simula um voo de asa delta com apoio de tecnologia de realidade virtual. A experiência faz o participante sentir como se estivesse voando, sem sair do lugar.  -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- HackaSpace e Co-working HackaSpace acomoda o co-working da Campus Party Experience Campinas, espaço onde o público pode utilizar a internet de alta velocidade da Campus para trabalhar enquanto fazem networking com estudantes e profissionais da área.  Nele também é realizado o famoso Hackathon, um desafio para que estudantes, profissionais de TI, Design, RH e criativos possam desenvolver uma solução que atenda a um propósito específico descrito previamente pela organiozação. A partir daí, as equipes desenvolvem e apresentam os projetos para uma banca julgadora, que irá eleger o vencedor. A equipe vencedora leva R$ 10.000 em premiação. As inscrições para o Hackathon começam em breve, no site da Campus Party Experience.  MakerSpace No espaço é possível a utilização de máquinas de produção de corte como impressoras 3D e a laser. Além disso, concentra também as mais de 50 oficinas oferecidas, que não necessitam de inscrição prévia. Confira a programação abaixo: •      Oficina de Corte a Laser (12 às 14h): o participante conhecerá os recursos de uma máquina de corte e gravação a laser, poderá operar o equipamento e realizar algumas tarefas como, por exemplo, cortar seu nome em MDF. Uma das oficinas consiste na fabricação de um “mini robot”, pintura com giz de cera ou lápis de cor e depois a montagem do robô. Teremos também uma oficina para montar um dinossauro (montagem e pintura). •    Oficina de Impressão 3D (14h às 16h): O participante terá contato com a impressora 3D, conceitos, operação, técnicas de modelagem e saberá como aplicar suas funções no dia a dia.    •    Oficina Recorte Eletrônico (16h às 18h): O participante vai conhecer um plotter de recorte eletrônico, o conceito de aprender a desenhar e enviar para a máquina de cortar o substrato, que poderá ser um adesivo ou um paper toy. Também aprenderá alguns recursos da máquina e como pode utilizá-la no dia a dia.  •    Oficina de Robótica (18h às 20h): O participante vai aprender o conceito de programação, montagem, oficina de solda e encaixe. Teremos atividades que despertem a criatividade do participante, que também poderá programar robôs.  •    Oficina de sublimação (20h às 22h): O participante vai aprender a estampar um tecido, camiseta e até mesmo uma caneca, utilizando desenho com lápis e giz especial. Depois irá estampar o desenho. Programação Geral CO-WORKING E HACKASPACE Co-working De 22/8 a 30/8Segunda a sábado: das 12h às 22h Domingo: das 14h às 20h (Exceto dia 30/8 que terá horário especial: das 12h às 19h) HackaSpace Meetup (para inscritos)Dia 30/8: das 19h às 22h Hackathon (para selecionados)Das 10h do dia 30/8 às 18h do dia 01/09 MAKERSPACE Das 12h às 14h (exceto domingos) Oficina criativa Robot + corte a laser (Corte, pintura e montagem) Das 14h às 16hOficina de impressão 3D (Conceitos de modelagem e impressão) Das 16h às 18hOficina de recorte eletrônico (Adesivos + papéis) Das 18h às 20hOficina de robótica (Conceitos de programação, arduíno, placas e montagem)  Das 20h às 22h (exceto domingos)Oficina de sublimação (Conceitos de desenhos e estamparia digital) Simulador Simulador Asa Delta, com realidade virtual. Funcionará em todo o período do evento.De 22/8 a 01/09 Segunda a sábado: das 12h às 22h Domingo: das 14h às 20h Inscrições para o Hackathon, em breve, no site da CPEXPERIENCE. Sobre a Campus Party A Campus Party é a maior imersão tecnológica em Internet das Coisas, Blockchain, Cultura Maker, Educação e Empreendedorismo do mundo. O evento conta hoje com mais de 550 mil campuseiros cadastrados em todo mundo. Já produziu edições nos seguintes países: Espanha, Holanda, México, Alemanha, Reino Unido, Argentina, Panamá, El Salvador, Costa Rica, Colômbia, Equador, Itália e Singapura. O evento está presente no Brasil há doze anos. CPEXPERIENCE: Local: Parque D. Pedro Shopping (Entrada de Flores e Pergolado da Alameda)Data: 22/08 a 01/09Horários: segunda a sábado, das 14h às 22h, e aos domingos das 14h às 20h Para conhecer mais sobre a Campus Party Experience Campinas, basta acessar o site oficial do evento. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Versão beta do EMUI 10 chega em setembro para Huawei P30 e P30 Pro

Versão beta do EMUI 10 chega em setembro para Huawei P30 e P30 Pro

canaltech A Huawei anunciou nesta quinta-feira (22) que a versão beta do EMUI 10 (Emotion User Interface, o sistema operacional baseado em Android que permeia os smartphones da fabricante chinesa) vai chegar no próximo mês para os aparelhos P30 e P30 Pro. O anúncio foi feito pelo Weibo, uma das redes sociais mais populares na China. "O aguardado primeiro plano de atualização da EMUI10 está chegando! A otimização da adaptação de outros modelos também está em pleno andamento", escreveu a conta oficial do EMUI na rede social em questão. Segundo a Huawei, os smartphones P30 e P30 Pro serão os primeiros a receberem o EMUI 10 beta. De acordo com a publicação, a chegada da versão beta do sistema operacional acontece em 8 de setembro e, possivelmente, essa data corresponde ao lançamento na China. Espera-se que a chegada no mercado internacional seja adiada por alguns dias ou semanas. A empresa diz que o P30 e o P30 Pro serão seguidos pelos modelos Mate 20, Mate 20 Pro, Mate 20 X e Mate 20 Porsche Design e que o programa beta nesses aparelhos está previsto para o final de setembro. Por sua vez, o Honor 20 , Honor 20 Pro, Honor View20 e Honor Magic 2 receberão o Magic UI 3.0 que, assim como o EMUI 10, também baseado no Android Q. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- O sistema operacional EMUI 10 é baseado no Android Q (Foto: Divulgação) O EMUI 10 traz como principais novidades o modo escuro, um design repaginado. A Huawei afirma que existem outros modelos cuja verificação ainda se encontra pendente, então é provável sejam anunciados mais cedo ou mais tarde. A expectativa é que o Mate 30 chegue em meados de outubro com a versão estável do EMUI 10. Além disso, a versão 9.1.0.193 do EMUI já se encontra disponível (em beta) para usuários chineses, com disponibilização gradual para outros países nas próximas semanas. A atualização traz alguns aprimoramentos técnicos de performance e segurança, e a Huawei recomenda ter pelo menos 50% de bateria antes de rodar o processo de atualização. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Android 10 terá recursos bem avançados de segurança e privacidade

Android 10 terá recursos bem avançados de segurança e privacidade

Tecmundo O Android 10 está para ser anunciado nas próximas semanas. O sistema móvel da Google quebrará a tradição de ter codinomes de doces, que era uma das características legais do SO. Daqui em diante, ele terá apenas o nome Android acompanhado do número da edição. E o Android 10 trará ótimas melhorias nas áreas de segurança e privacidade dos usuários.Atualmente, o Android possui 2,5 bilhões de usuários em todo o mundo. A preocupação com a segurança cresce a partir do momento em que uma pequena falha pode atingir dezenas de milhares de pessoas espalhadas pelo globo. Neste sentido, o Android 10 vai apresentar maior foco nas questões que podem ter gerado problemas em versões anteriores do SO.Leia mais... Veja Mais

Próximo iPhone receberá grande update de câmeras e fotos, diz Bloomberg

Próximo iPhone receberá grande update de câmeras e fotos, diz Bloomberg

canaltech Segundo uma reportagem publicada nesta quinta-feira (22) pela Bloomberg, o sucessor do iPhone XS — que, de acordo com rumores, se chamará iPhone 11 Pro — deverá trazer diversas melhorias, tanto de hardware quanto da parte externa do aparelho. Conforme a Bloomberg relata em sua publicação, o maior foco de venda do aparelho será um conjunto de mudanças no sistema de câmera traseira, que adicionará uma terceira lente às duas que já existem no iPhone XS — que será do tipo ultra-grande-angular — além de um novo software que tornará as fotos e vídeos feitos com o aparelho ainda melhores. O novo software também trará uma melhoria bem interessante para quem precisa fazer gravações em vídeo, e a reportagem sugere que o aparelho terá um sistema de edição de vídeo “ao vivo”, permitindo que o usuário faça cortes, edite a imagem e até mesmo insira efeitos durante a própria gravação — isso tudo com uma qualidade muito próxima a de câmeras de vídeo profissionais. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Já para a fotografia em si também haverá algumas mudanças. Uma delas é como a própria câmera funcionará para fotografias: ao invés de tirar uma única foto de casa vez, a câmera irá capturar três fotos a cada toque do usuário, e usará a IA para fundir essas três imagens em uma só para criar não apenas uma fotografia final melhor, mas também para permitir ao usuário mais opções de edição para a imagem. Também se espera que a câmera ofereça uma resolução de foto maior do que a do iPhone XS, além de ter uma performance melhor do que o atual smartphone da empresa em ambientes de pouca luminosidade. Render de como deverá ser o iPhone 11 Mas não serão apenas as câmeras traseiras do aparelho que ganharão melhorias: a câmera frontal também passará por mudanças. Um dessas mudanças será no sistema de reconhecimento facial Face ID, que conseguirá reconhecer o rosto dos usuários de maneira mais rápida e numa variedade maior de ângulos. A melhoria seria similar à que a Apple já introduziu ano passado no iPad Pro, e as fontes que revelaram sobre ela não entraram em detalhes sobre se o sistema será igual ao do iPad Pro ou uma melhoria dele. Além do sistema de câmeras, outra mudança que o iPhone 11 Pro deverá apresentar é a introdução de um coprocessador de matriz AMX, que irá ajudar o processador principal do aparelho a cuidar das tarefas e cálculos mais pesados, como em situações de realidade aumentada e inteligência artificial. A reportagem não fala exatamente qual será esse processador, mas como espera-se que o aparelho utilize um chip A13 de 7 nm, é possível que esse coprocessador seja algo da mesma família. A reportagem também fala de algumas especificações que já eram esperadas, como a inclusão do carregamento sem fio reverso (usar o aparelho para carregar a bateria de outro smartphone), e uma camada de impermeabilizante que permite que o aparelho sobreviva mais do que 30 minutos embaixo d’água. Além disso, também foi confirmado que o aparelho não terá a função 3D Touch e nem suporte a redes 5G, que deverão retornar apenas nos modelos do iPhone que serão lançados em 2020. Por enquanto, ainda não se sabe quais dessas mudanças deverá aparecer também no iPhone 11 — o provável sucessor do iPhone XR — mas é sabido que ele ganhará pelo menos o acréscimo de uma câmera traseira (ficando com duas ao invés de uma só) e funcionará com um novo processador A13. Fora isso não se sabe quais dessas melhorias serão exclusivas do Pro, nem mesmo se existirão até no modelo mais básico. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Veja Mais

YouTube é pressionado a proibir anúncios que deturpam manifestações em Hong Kong

YouTube é pressionado a proibir anúncios que deturpam manifestações em Hong Kong

canaltech Nos últimos dias, Hong Kong tem sido palco de manifestações que chegaram a reunir mais de 1,7 milhão de pessoas, e a principail arma do governo tem sido a mídia. Uma agência de notícias chinesa chamada China Xinhua News usou o Twitter para disseminar informações deturpadas a respeito das manifestações (que foram pacíficas), falando que foram violentas. Dessa vez, o YouTube é a ferramenta utilizada para deturpar os manifestantes. Acontece que a plataforma de vídeos está sendo pressionada a remover anúncios da Televisão Central da China (CCTV), um canal de mídia estatal que supostamente está espalhando informações erradas sobre o caso. Isso foi trazido à tona por meio de usuários do Twitter e do Reddit, que printaram os anúncios e divulgaram. Segundo o que pode ser visto por meio das capturas e tela, os protestos de Hong Kong estão sendo apontados como um produto ilegítimo da influência estrangeira. Os usuários acusam o YouTube e a Google de permitir uma "infestação de anúncios" que "tenta semear a discórdia política", e exigem que a Google impeça que a CCTV exiba anúncios no YouTube. (Foto: Captura de tela feita por um usuário do Reddit) Apesar de ter regras para anúncios políticos e proibir conteúdo que represente falsamente o produto ou a organização sobre a qual um anúncio está falando, a Google não tem uma polícia que fale diretamente sobre agências de mídia estatais (como é o caso da CCTV), então ainda não está claro se esse tipo de anúncio viola as políticas da empresa. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- A onda de manifestações teve início em março deste ano. Inicialmente, os protestos foram feitos contra uma lei de extradição (processo oficial pelo qual um Estado solicita e obtém de outro a entrega de uma pessoa condenada ou suspeita da prática de uma infração criminal). Atualmente, a lei em questão se encontra suspensa, e as manifestações em Hong Kong passaram a abranger outras intenções, como a libertação de manifestantes presos, ou investigação sobre a conduta policial do país. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Veja Mais

LG apresenta K50s e K40s em antecipação à IFA 2019

LG apresenta K50s e K40s em antecipação à IFA 2019

canaltech Queimando a largada da IFA 2019, a LG já mostrou dois novos aparelhos da linha K que estarão no evento na Alemanha. Em comunicado oficial, ela apresentou o K40s e o K50s, seus dispositivos que se posicionam como intermediários da marca. Uma curiosidade dos modelos é que eles seguem um padrão de resistência chamado de MIL-STD-810G, voltado para uso militar. Ou seja, a proposta é de que eles aguentem muita pancada, poeira, altas variações de temperatura e umidade. A linha também conta com o DTS:X 3D Surround Sound, assim chamada a tecnologia capaz de simular um sistema de som surround 7.1, principalmente em games e filmes. Isso através de fones de ouvido, e não pelas caixas de som do dispositivo. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Vamos às especificações. LG K40s LG K40s (Divulgação/LG) O dispositivo chega com tela de 6,1 polegadas em proporção 19.5:9 e resolução em HD+. Em termos de fotografia, ele traz um conjunto duplo de sensores na parte de trás, com um principal de 13 MP e outro de 5 MP voltado para fotos com lente grande-angular. Já na frente, a lente de selfie carrega um sensor de apenas 13 MP, em um pequeno entalhe no formato de gota centralizado. As especificações dele trazem um chipset (não especificado pela LG) de 2.0 GHz e Octa-Core. A LG se comporta da seguinte forma com seus aparelhos: na linha de intermediários, geralmente, ela usa processadores da MediaTek. Somente para os topos de linha é que ela reserva os Snapdragon da Qualcomm. Portanto, embora ela não abra essa informação em seu comunicado, é bem possível que o processador seja da Mediatek. Segundo o site GSMArena, o chipset é um Mediatek MT6762 Helio P22, com CPU Cortex-A53, junto a uma GPU PowerVR GE8320 no processamento gráfico. A informação não é confirmada no comunicado oficial. A peça é acompanhada do conjunto de 2 MB de memória RAM e 32 GB de espaço de armazenamento interno. O aparelho aceita cartão microSD de até 2 TB. O smartphone também chega com algumas outras ferramentas, como leitor de digital, botão para Google Assistente e já vem com Android 9 Pie. Em termos de bateria, são 3.500 mAh. A companhia ainda não anunciou o preço do dispositivo. LG K50s LG K50s (Foto: Divulgação/LG) Esta é a versão mais potente da linha. De cara, ela já chega com tela maior, de 6,5 polegadas, também com proporção 19.5:9 e resolução em HD+. O LG K50s carrega uma lente a mais na parte de trás para fotos. Assim, o conjunto é: 13 MP para um sensor principal, 2 MP para o de profundidade e 5 MP para grande-angular. O modelo mais potente também conta com um entalhe em gota e um sensor de 13 MP na frente. A LG informa que o processador, aqui, também é apenas um “chipset 2.0 GHz Octa-Core”. Com isso, segundo também o GSMArena, ele chega com o mesmo conjunto Mediatek MT6762 Helio P22, com CPU Cortex-A53 e GPU PowerVR GE8320. Uma mudança, contudo, está na mémoria RAM, aqui são 3 GB com os mesmos 32 GB de armazenamento interno (expansíveis até 2 TB, por microSD). A bateria desta versão também é maior, com 4.000 mAh. O LG K50s também tem as mesmas ferramentas da versão menos potente. Ou seja, Android 9 Pie, leitor de digital e botão de Google Assistente. Os dois modelos serão lançados nas cores preta e azul e chegam aos mercados latino-americano, europeu e asiático em outubro. A companhia deve apresentar os modelos e dizer o preço somente na IFA, evento que começa em 6 de setembro na Alemanha. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Anatel deve aprovar nesta quinta-feira compra da Time Warner pela AT&T

Anatel deve aprovar nesta quinta-feira compra da Time Warner pela AT&T

Tecmundo Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) deve aprovar nesta quinta-feira (22) a compra da Time Warner pela AT&T, que necessita apenas de autorização do órgão brasileiro para concluir o negócio. A decisão favorável à gigante norte-americana deve ocorrer especialmente por pressão do presidente Jair Bolsonaro. Isso seria fruto da parceria entre o governo brasileiro e Donald Trump, que teria exigido a liberação como troca de alinhamento estratégico.A aquisição de 85 bilhões de dólares teve envolvimento de 18 países e segue em território brasileiro envolvida em polêmica. O motivo seria o de que a Lei do SeAC impede a existência de propriedade cruzada entre operadoras — neste caso a Sky, que é controlada pela AT&T — e produtoras — como a Time Warner. Outro detalhe importante é que nessa legislação ainda é determinado que uma operadora pode ter apenas 30% da participação de uma programadora.Leia mais... Veja Mais

Netflix briga para colocar O Irlandês nos cinemas e concorrer ao Oscar

Netflix briga para colocar O Irlandês nos cinemas e concorrer ao Oscar

Tecmundo A gigante do streaming, Netflix, está em negociações com grandes redes de cinema americanas para conseguir que o seu filme O Irlandês tenha uma chance na disputa ao Oscar 2020. O longa de Martin Scorsese tem Robert De Niro, Al Pacino e Joe Pesci interpretando mafiosos da vida real. Uma das regras de elegibilidade para a premiação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas é que os filmes tenham sido exibidos por pelo menos 7 dias consecutivos em um cinema de Los Angeles, com o mínimo de três exibições por dia. Para isso, a Netflix está tentando negociar com redes como AMC e Cineplex, mas elas estão impondo a condição de que o filme fique ao menos três meses em cartaz antes de entrar na plataforma de streaming.Leia mais... Veja Mais

Só um teste! Microsoft atualiza Windows 10 20H1 para build 18965 com "nada de novo"

tudo celular Isso mesmo. A gigante de Redmond lançou o update sem qualquer modificação. Veja Mais

Nokia deve ter smartphone 5G 'acessível' já em 2020

Nokia deve ter smartphone 5G 'acessível' já em 2020

canaltech A HMD Global, empresa finlandesa que atualmente fabrica os smartphones da Nokia, informou que está fabricando um telefone 5G topo de linha, mas com preço mais "acessível". De acordo com Juho Sarvikas, diretor de produto da companhia, o aparelho deverá aparecer com custo entre US$ 500 (R$ 2.000,00, na cotação atual) e US$ 650 (R$ 2.613,00). Para se ter uma ideia, entre os telefones 5G do momento, como o Galaxy Note 10+ 5G e o LG V50 ThinQ 5G, os preços são de US$ 1300 (R$ 5.226,00) e US$ 1000 (R$ 4.020,00), respectivamente. “Nós vemos uma oportunidade especial para trazermos a conexão 5G para um segmento mais acessível, à medida em que entrarmos para competir neste mercado”, disse Sarvikas, em entrevista ao site Digital Trends. “Eu diria que é acessível em relação ao que está disponível hoje", complementa. Um telefone Nokia 5G com preço de até US$ 650 seria uma espécie de divisor de águas quando se trata de impulsionar a adoção dessa conexão, mas, claro, enfrentando forte concorrência. A MediaTek e a Huawei estão trabalhando juntas para criar um smartphone 5G de baixo custo (embora provavelmente não venha para os EUA), e empresas como a Motorola e a OnePlus se esforçarão para oferecer alternativas mais baratas em 2020. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Sarvikas disse que a HMD está "trabalhando de perto" com alguns fornecedores para o modem e demais peças - provavelmente a Qualcomm, já que a maioria de seus smartphones usa chipsets dela - bem como com a Nokia, que vem implementando e operando a infraestrutura de serviços 5G para clientes corporativos. A HMD informou, também, que está falando com operadoras norte-americanas, o que é crucial para levar um telefone 5G para os EUA, já que ainda não há dispositivos desse tipo desbloqueados (todos são atrelados à operadoras). A HMD normalmente faz vários anúncios importantes sobre smartphones no Mobile World Congress. Por isso, há uma boa chance de vermos notíciasvsobre um vindouro telefone Nokia 5G em fevereiro de 2020. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização

Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização

canaltech Em uma nova atualização do Windows 10 disponibilizada para usuários Insiders (que testam as novidades antes do público), a Microsoft está dando destaque adicional a um recurso que reabre todos os aplicativos ativos antes de uma reinicialização do sistema. A funcionalidade aparece na versão 18965 da plataforma, ainda em caráter de testes, mas deve dar as caras de forma final em breve. O recurso vem desativado por padrão e aparece nas configurações de login do Windows 10, sob o menu de Contas. A comunicação é clara, com a opção indicando a possibilidade de salvar os aplicativos abertos no momento em que o usuário desconecta de um perfil para que eles sejam reabertos assim que ele retornar. É importante frisar, entretanto, que não se trata de uma opção de retomar o trabalho de onde ele havia sido interrompido, mas sim, uma forma de acelerar o acesso às soluções que são usadas com frequência, como navegadores e serviços de e-mail. Para todos os efeitos, é o mesmo que fechá-los manualmente antes da reinicialização e abrir de novo após o processo, com a diferença que, agora, o Windows 10 é que fará isso para você. Sendo assim, vale a pena ficar atento para não confundir o recurso com a opção de iniciar softwares automaticamente com o sistema. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Recurso que facilita reinicialização ao reabrir apps deve ganhar mais clareza em atualização do Windows 10 (Imagem: Reprodução/GenBeta) A funcionalidade nem mesmo é uma novidade, já que existe nas versões atuais do Windows 10. A comunicação, porém, não é das melhores, e ela aparece escondida em meio a configurações de privacidade e usando terminologias complexas, relacionadas à configuração automática de um dispositivo e o uso de informações de login para reinício rápido. O que a Microsoft faz, basicamente, é dar mais ênfase e clareza a um recurso que pode ser pouco conhecido pelas pessoas, mas bastante útil a elas. Tanto que a mudança vem em resposta a um apelo dos próprios Insiders, que solicitaram à Microsoft mais intuitividade no uso do recurso. Por enquanto, a novidade aparece apenas na versão de testes do Windows 10, mas como se trata apenas de uma alteração de nomenclatura em um recurso que já existe na edição final do sistema operacional, não é nada irreal pensar que ela pode dar as caras no novo formato já em um dos próximos updates da plataforma. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

É treta! Produtora de Eminem processa Spotify por violação de direitos autorais

tudo celular Hit 'Lose Yourself' é o pivô do processo movido pelo cantor. Veja Mais

Avisou no Twitter! Novo teaser revela que OnePlus TV terá painel QLED de 55 polegadas

tudo celular OnePlus utilizou o Twitter para contar a novidade Veja Mais

Brasil sobe pontuação sobre impacto da ciência produzida no país

Brasil sobe pontuação sobre impacto da ciência produzida no país

Tecmundo Apesar da crise que atinge a pesquisa científica no país, o Brasil atingiu sua segunda melhor marca de impacto na pesquisa científica em 30 anos, alcançando 0,89 (seu melhor resultado foi de 0,92, em 2016), segundo o anúncio feito pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC) na segunda-feira (20).O Brasil, porém, ainda está longe de alcançar a média global, que é de 1 ponto. A pontuação é estabelecida usando-se as informações sobre a pesquisa científica de cada país, armazenadas no Web of Science. A plataforma cruza os dados dos estudos indexados e analisa sua relevância (o quanto ele é citado, consultado e usado como base para outros trabalhos), aferindo um valor dentro da comunidade científica global.Leia mais... Veja Mais

Dell anuncia nova linha Inspiron e atualiza notebook XPS 13 com Intel Core 10ª geração

tudo celular Modelos estarão disponíveis no mercado norte-americano até o final do ano. Veja Mais

Festival Red Bull Basement 2019 conta com planetário e traz diferentes culturas

Festival Red Bull Basement 2019 conta com planetário e traz diferentes culturas

canaltech Em 14 de setembro, no Red Bull Station, em São Paulo, acontece a 5ª edição do Festival Red Bull Basement. Com direito a planetário e uma programação diferenciada, o evento vai abordar as diferentes culturas existentes no planeta, com o tema de 2019 intitulado "Visualizações de Mundos". Um destaque, por exemplo, é a cultura indígena, já que suas constelações serão trazidas para a nova edição do festival. A ideia do Festival Red Bull Basement é "refletir sobre a multiplicidade de saberes, corpos, tempos, espaços e modos de vida existentes, para além dos padrões e visualizações computacionais atuais", explica o site oficial do evento. Para isso, os visitantes podem esperar filmes, palestras, workshops e debates sobre a relação entre a tecnologia e os problemas na sociedade (o que se desdobra em temáticas como sustentabilidade, educação e acessibilidade). A curadoria do evento fica nas mãos de Claudio Ribeiro. No site oficial do Festival Red Bull Basement, ele fala sobre o conceito dessa edição: -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- "As tecnologias digitais geram o tempo todo saída gráficas e visuais para maneiras de pensar, entender, visualizar e interpretar o mundo. E quando falamos ‘mundos’ no plural, a gente entende que apesar dessas tecnologias terem sido criadas e orientadas a partir de um pensamento eurocêntrico e norte-americano, existem muitos outros ‘mundos’ possíveis e existentes". Workshop de construção de drone no  Festival Red Bull Basement 2018 (Foto: Marcelo Maragni / Red Bull Content Pool) Tendo isso em mente, é possível perceber que a programação do evento conta com inúmeras atividades voltadas a esse conceito, como um workshop chamado "Espaços Inventados", em que o visitante cria espaços tridimensionais a partir de miniaturas e luz; ou "Tecnologias de navegação", uma oficina de construção de antenas para uma cartografia de frequências e navegações eletromagnéticas. O evento conta também com experiências em realidade virtual, estufa automatizada de hardware livre para cultivo de plantas e conversas envolvendo processos de reciclagem e de energia, a partir da redução, reutilização e recuperação de materiais. Outro ponto alto da programação é o "Astronomia e constelações afro-indígenas brasileiras", em que Germano Afonso Bruno, especialista em astronomia afroindígena, mostra constelações de diferentes culturas e as compara com constelações da tradição ocidental. Nas horas finais do evento, tem o projeto ComuRede, baseado num dispositivo de alerta sobre o abastecimento de água em comunidades periféricas do Rio de Janeiro. O festival encerra com "Inclusão e robôs - Acessibilidade num mundo tecnológico", com um projeto de cão-guia robótico e uma discussão sobre tecnologia robótica destinada à acessibilidade. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses Queimadas na floresta amazônica brasileira são vistas por satélite da NASA Rumor | iPhone 11 Pro deve ter suporte para a Apple Pencil Veja Mais

Apple TV+ | Códigos indicam que é possível baixar vídeos e assistí-los offline

Apple TV+ | Códigos indicam que é possível baixar vídeos e assistí-los offline

canaltech A Apple vem modificando o seu modelo de negócios e começou a oferecer (ou anunciou) vários serviços na modalidade SaaS (Software como Serviço, na tradução livr para o português), como o Apple News+, Apple Card, Apple Arcade e Apple TV+. E, como era de se esperar, várias pessoas começaram a fuçar as entranhas dos códigos desses serviços e, de acordo com o MacRumors, parece que a Maçã pode permitir o download de mídias para a visualização offline no Apple TV+. A equipe do MacRumors informou que, analisando o código das versões mais recentes do macOS, conseguiu encontrar trechos de textos como: "Você atingiu seu limite de downloads [número pré-definido]", "Limite de download alcançado para [título] Temporada 1 Episódio 1" e "Para baixar este episódio de [título], exclua-o do outro dispositivo e tente novamente". Assim, fica evidente que a empresa de Tim Cook está planejando permitir o download dos vídeos no Apple TV+ mas, com restrições. Algo que já acontece em serviços como o Netflix, Amazon Prime Video e HBO Go. Essas restrições, por sinal, são bastante comuns entre os serviços de streaming de vídeos. A Netflix, por exemplo, também aplica uma série de limitações para o download de seu acervo. Apesar de ser um pouco inconveniente para o usuário, esses bloqueios são necessários para proteger as assinaturas e os serviços da empresa, evitando que os conteúdos audiovisuais acabem vazando para todo canto, principalmente para quem não possui uma assinatura e quer aproveitar o conteúdo sem pagar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses Queimadas na floresta amazônica brasileira são vistas por satélite da NASA Rumor | iPhone 11 Pro deve ter suporte para a Apple Pencil Veja Mais

Trailer de One Punch Man mostra mecânica ‘derrote todos com um soco’

Trailer de One Punch Man mostra mecânica ‘derrote todos com um soco’

Tecmundo A essa altura, fãs de One Punch Man certamente estão curiosos para saber mais sobre One Punch Man: A Hero Nobody Knows, especialmente como que Saitama, o protagonista da história, será utilizado em um título no qual ele pode derrotar todos com um soco. Caso isso tenha passado pela sua cabeça, o novo trailer do game traz essa resposta.Divulgado durante a Gamescom 2019, ele mostra que o título vai manter um sistema de combates entre trio, mas aqueles que selecionarem o protagonista perceberão que haverá uma barra de energia a menos em seu time. Entretanto, Saitama ainda entrará em combate caso o jogador sobreviva e faça o contador chegar a zero (realizar combos acelera esse processo). Caso consiga, o personagem pode ser usado para derrotar todos com apenas um soco.Leia mais... Veja Mais

iQOO Pro é oficializado com Snapdragon 855 Plus, até 12GB de RAM e 5G

tudo celular Aparelho poderá ser adquirido a partir de hoje na China Veja Mais

Photoshop para iPad inicia programa de testes antes de lançamento oficial

Photoshop para iPad inicia programa de testes antes de lançamento oficial

Tecmundo A Adobe iniciou seu programa de testes beta do Photoshop CC para iPad, entre um seleto grupo de convidados. A informação partiu de um deles, o usuário @alireza, através do Twitter.Em outubro de 2018, a Adobe promoveu o Photoshop durante o lançamento do iPad Pro, para demonstrar que o dispositivo estaria pronto para lidar com a complexidade do app. Uma versão final foi prometida para ser lançada em 2019, onde espera-se que isso aconteça na conferência Adobe MAX, a ser realizada em novembro.Leia mais... Veja Mais

Missão indiana Chandrayaan-2 divulga sua primeira foto da Lua

Missão indiana Chandrayaan-2 divulga sua primeira foto da Lua

canaltech A missão indiana Chandrayaan-2, lançada no dia 22 de julho, divulgou no início do mês fotos incríveis da Terra vista do espaço. A espaçonave entrou em órbita da Lua nesta semana, e uma nova imagem divulgada pela Organização de Pesquisas Espaciais da Índia (ISRO) mostra sua vista privilegiada do nosso satélite natural. Essa imagem foi capturada na quarta-feira (21), na órbita lunar, a uma distância de cerca de 2.650 km acima da superfície da Lua. A foto mostra parte do lado oculto da Lua, incluindo a cratera Apollo e o Mare Orientale. Primeira foto da lua capturada pela missão Chandrayaan-2. Foto: ISRO Apesar de a imagem mostrar essa região específica, o destino da Chandrayaan-2 é outro: um local muito mais próximo ao polo sul da Lua, onde um rover pousará no dia 6 de setembro. Esse lugar foi escolhido em parte por causa de algumas descobertas missão anterior Chandrayaan-1, que detectou ali gelo congelado em crateras que estão permanentemente afastadas da luz do Sol. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Se a nave conseguir pousar com sucesso, a Índia será o quarto país a realizar tal façanha, depois da União Soviética, dos EUA e da China, e o primeiro a levar um rover ao polo sul lunar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Asteroide do tamanho do maior prédio do mundo passará perto da Terra em setembro WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Novo filme de Mortal Kombat já tem alguns atores confirmados; veja quem são 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited Veja Mais

Coringa: diretor já pensa em sequência para o filme

Coringa: diretor já pensa em sequência para o filme

Tecmundo O filme sobre a origem do Coringa ainda nem chegou aos cinemas e seu diretor, Todd Phillips, já está pensando em uma possível sequência. Apesar de ter sido desenvolvido como um longa independente do DCEU, se demonstrar força nas bilheterias e com os críticos, a Warner Bros. Pictures pode considerar uma segunda parte e talvez um crossover com outras produções da DC.Quem sabe no futuro teremos o Coringa de Joaquin Phoenix contra o Batman de Robert Pattinson?Leia mais... Veja Mais

Microsoft se junta a consórcio da Fundação Linux para proteção de dados

Microsoft se junta a consórcio da Fundação Linux para proteção de dados

canaltech A Microsoft anunciou nesta quinta-feira (22) uma passo importante para a comunidade de código aberto: a empresa agora também faz parte do Consórcio de Computação Confidencial, uma iniciativa criada pela Fundação Linux para melhorar a segurança dos arquivos e apps que estão sendo usados pelo computador, sejam de forma local ou através da nuvem. A companhia então se junta a empresas como Intel ARM, Baidu, Google Cloud, IBM, Red Hat e diversas outras do setor de tecnologia que fazem parte do consórcio, cujo objetivo é a adoção da “computação confidencial”, que utiliza TEEs (Trusted Execution Environments, ou Ambientes de Execução Confiáveis em tradução livre) para garantir que todos os executáveis que estão sendo usados pelo usuário estão seguros. De acordo com a Fundação Linux, a computação confidencial permitirá que toda informação que estiver em uso seja criptografada sem expor o restante do sistema, reduzindo a exposição a dados sensíveis e garantindo ao usuário maior controle e transparência sobre os processos da máquina. Isso quer dizer que, mesmo que o computador esteja infectado por um malware, o programa que o usuário estivesse usando impediria que um invasor o utilizasse para tentar acessar a máquina, pois as portas de acesso estariam encriptadas. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Claro, para que uma ferramenta dessa seja criada com êxito, é necessária a colaboração conjunta de muitas pessoas, e a contribuição da Microsoft para o projeto é o Open Enclave SDK, uma framework que facilita o desenvolvimento e a verificação de aplicativos de proteção de hardware - os TEEs. Esses aplicativos funcionarão com diversas arquiteturas de hardware diferentes, e atualmente incluem a SGX da Intel e a TrustZone da ARM, além, claro, dos ambientes de software relativos ao Linux e ao Windows. O objetivo do projeto é garantir uma maior segurança para todos os elementos de um computador e, mesmo que a projeto tenha fins lucrativos, o sucesso dele será de muito interesse não só para os desenvolvedores de software mas também para o usuário comum, pois sempre que ocorre uma invasão de banco de dados boa parte dos dados roubados se referem a esses usuários, então a criação de uma ferramenta que diminui a chance de invasões ajudará a garantir a privacidade de dados para todos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Veja Mais

Microsoft não planeja mais lançar seus jogos exclusivos para Switch ou PS4

Microsoft não planeja mais lançar seus jogos exclusivos para Switch ou PS4

Tecmundo Em uma declaração recente para o GamesIndustry, a Microsoft revelou que não tem mais projetos para liberar jogos de primeira linha e exclusivos de seus consoles Xbox e do Windows 10 para outras plataformas, como PlayStation 4 e Nintendo Switch. A empresa justificou que deseja focar no lançamento de games exclusivamente para PC e Xbox.A empresa deixou claro que “não possui planos de expandir os jogos exclusivos de primeira linha para outros consoles", mas permanece acreditando na “progressão de jogos com flexibilidade para que desenvolvedores garantam uma experiência justa e divertida”. Assim, considerando a volatilidade da indústria de games, não se sabe se a decisão da Microsoft será permanente, principalmente considerando a concorrência acirrada com empresas como o Google e os serviços de streaming de jogos. Este cenário reforça os planos da Microsoft para o lançamento do xCloud, sua plataforma de jogos em nuvem.Leia mais... Veja Mais

Novo filme de Mortal Kombat já tem alguns atores confirmados; veja quem são

Novo filme de Mortal Kombat já tem alguns atores confirmados; veja quem são

canaltech Ainda vai demorar um pouquinho até o novo filme de Mortal Kombat, chegar aos cinemas. O reboot, que está sendo produzido por James Wan (Aquaman), só vai para a telona na primavera americana (outono brasileiro) de 2021. Mas, nem por isso precisamos ficar órfãos de informações acerca da película. Alguns atores já foram confirmados para interpretarem os icônicos personagens de uma das maiores franquias de jogos de luta de todos os tempos. E tem de tudo... Tem ex-Power Ranger, parceiro do Thor em Asgard, e por aí vai. Veja alguns dos nomes confirmados e seus respectivos lutadores. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Mehcad Brooks (Jackson "Jax" Briggs) Mehcad Brooks (Desperate Housewives, The Game), que vai deixar seu papel como "Jimmi Olsen" em Supergirl, vai interpretar o parceiro de Sonya Blade, Jax Briggs. Imagen: IGN USA Anteriormente, Jax foi interpretado por Gregory McKinney e Lynn Williams nos dois filmes live-action dos anos 90. Tadanobu Asano (Raiden) O último papel mais relevante do ator japonês Tadanobu Asano foi em Thor: Ragnarok, quanto interpretou o personagem Hogun. O curioso é que, ao invés de ajudar o deus do Trovão em um universo, interpretará outro deus em uma outra franquia. Imagem:IGN USA E mais curioso ainda é que os dois "Raidens" anteriores foram atores com aparência ocidental: Christopher Lambert interpretou Raiden no filme de 1995, enquanto James Remar completou a sequência, Mortal Kombat: Aniquilação. Sisi Stringer (Mileena) A novata Sisi Stringer vai interpretar Mileena, filha do imperador Shao Kahn. Ao contrário de sua irmã adotiva, a princesa Kitana, Mileena possui uma aparência maléfica, graças ao seu DNA diabólico. Imagem: IGN USA A personagem foi anteriormente interpretada por Dana Hee em Mortal Kombat: Aniquilação. Ludi Lin (Liu Kang) Imagem: IGN USA Ludi Lin (Power Rangers) vai interpretar o principal lutador do game — e também dos filmes —, Liu Kang, um dos guerreiros mais poderosos e capazes da Terra. Robin Shou interpretou Kang em ambos os filmes de Mortal Kombat dos anos 90. Joe Taslim (Sub-Zero) Imagem: IGN USA O renomado artista marcial e ator Joe Taslim (Velozes e Furiosos 6) vai encarnar o ninja especialista na arte de controlar o gelo e um dos principais nomes da franquia: Sub-Zero. Não se sabe, no entanto, qual dos dois Sub-Zeros ele interpretará, se Bi-Han ou o irmão mais novo Kuai Liang. Anteriormente, Sub-Zero foi vivido por François Petit e Keith Cooke. Dirigido por Simon McQuoid, Mortal Kombat começa a ser filmado este ano, na Austrália. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS

WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS

canaltech Nesta quinta-feira (22), o WhatsApp disponibilizou uma nova atualização para os usuários que participam do programa de testes beta do aplicativo, e desta vez a atualização é voltada para os donos de um dispositivo iOS. A atualização muda o programa para a versão 2.19.90.23, e traz apenas duas mudanças em relação à versão anterior, mas pelo menos uma delas deverá agradar bastante os fãs do aplicativo. A primeira dessas alterações é apenas visual, e insere a frase “WhatsApp from Facebook” (WhatsApp do Facebook, em tradução livre) ao fim do menu de configurações, deixando claro que o aplicativo pertence à rede social. Essa mudança já havia acontecido também na última versão beta do app para Android, e agora chega para os usuários iOS. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Mensagem adicionada no menu de configurações que indica que o WhatsApp pertence ao Facebook (Captura: WABetaInfo)  Mas a segunda mudança que vai deixar os usuários felizes: atendendo a pedidos, o WhatsApp finalmente passa a dar suporte às figurinhas Memoji! Agora os usuários que possuem um iPhone XR, iPhone XS ou iPhone XS Max poderão utilizar essas figurinhas também nas interações pelo aplicativo. Os Memojis finalmente chegam ao WhatsApp (Captura: WABetaInfo) Todas essas mudanças estarão disponíveis no próximo update oficial do WhatsApp, que deverá chegar à App Store nas próximas semanas. Então, se você ainda não faz parte do programa de testes Beta, logo essas funções também serão incluídas no seu aplicativo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Prepare as armas: Gears Pop! está disponível para baixar no Android e iOS

Prepare as armas: Gears Pop! está disponível para baixar no Android e iOS

Tecmundo Conforme anunciado nesta semana durante a Gamescom 2019, Gears Pop! já está disponível para download. Jogadores brasileiros podem seguir para a loja do sistema instalado em seu dispositivo móvel para fazer o download e começar a jogatina.Caso não conheça o título, Gears Pop! traz partidas que prometem durar no máximo três minutos. Elas contam com diversos inimigos e rostos conhecidos da série para participar de combates no estilo PvP visto em títulos como Clash Royale, com direito a um sistema de cartas e barra de pontos para realizar as ações nos combates.Leia mais... Veja Mais

Gamer Gear e Microsoft lançam loja online da marca Xbox no Brasil

Gamer Gear e Microsoft lançam loja online da marca Xbox no Brasil

canaltech A partir desta quinta-feira (22), a Gamer Gear e Microsoft estão se unido para oferecer primeira loja oficial de vestuários da marca Xbox no Brasil. A primeira coleção de produtos será disponibilizada para compra online, e consiste de moletons, camisetas, canecas e almofadas remetentes aos consoles da Microsoft. A ideia da empresa é, basicamente, que os fãs de Xbox possam mostrar a paixão pelo console. Além disso, a proposta também é ampliar o portfólio de produtos disponíveis nas lojas online da Gamer Gear. A Microsoft pretende ainda aumentar o número de produtos licenciados, então ao longo dos próximos anos deve lançar coleções que vão além do vestuário, como volta às aulas com mochilas, cadernos e agendas. “Nosso portfólio oferece hoje produtos diversos com qualidade premium, e com essa nossa pluralidade de produtos, atendemos hoje às preferências de todos perfis de gamers”, explica Diogo Santos, diretor comercial e de novos negócios da Webedia Shopping Services (unidade de e-commerce do grupo responsável pela linha Gamer Gear). “Ser a primeira empresa a adquirir a licença da marca Xbox no Brasil não apenas mostra que temos a chancela de uma grande empresa multinacional, mas que também apostamos no crescimento do mercado de games em todas as suas áreas”, Diogo acrescenta. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Basicamente, a ideia da loja online é que os fãs de Xbox demonstrem a paixão pela marca Por sua vez, Bruno Motta, gerente sênior de categoria de Xbox Brasil, afirma: “Oferecer uma linha completa e diversa de produtos licenciados de Xbox sempre foi uma vontade antiga nossa aqui na Microsoft e um pedido de longa data da nossa comunidade. Estamos muito felizes que conseguimos viabilizar esse projeto com produtos de diversos tipos, feitos de gamers para gamers”. Vale lembrar que as próximas coleções da marca devem ser lançadas sazonalmente, aproveitando momentos importantes do mercado, como no caso da Brasil Game Show, contando com coleções destinadas aos fãs da marca. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Mais um livro de Stephen King ganhará adaptação para os cinemas Veja Mais

Samsung lança Galaxy Note 10 em 70 países nesta sexta, mas não no Brasil

Samsung lança Galaxy Note 10 em 70 países nesta sexta, mas não no Brasil

Tecmundo A Samsung finalmente vai lançar o Galaxy Note 10 e Note 10 Plus no mercado nesta sexta-feira, 23. A companhia anunciou que os aparelhos chegarão em mais de 70 países amanhã. O Brasil, porém, não faz parte da lista.Os novos smartphones chegarão primeiro aos grandes mercados da companhia, incluindo Estados Unidos, Europa, Canadá, Índia, Coreia do Sul e mais alguns países do sudeste asiático. Na América do Sul, um dos locais que receberá os smartphones é o Chile, que foi palco de um dos eventos de lançamento dos novos smartphones.Leia mais... Veja Mais

MediEvil: veja fotos que comparam versões de PS1 e PS4 e novo gameplay

MediEvil: veja fotos que comparam versões de PS1 e PS4 e novo gameplay

Tecmundo Com o lançamento do remake de MediEvil cada vez mais próximo, a Sony e a produtora Other Ocean decidiram divulgar algumas imagens mostrando uma comparação entre o jogo original e a versão que será disponibilizada para PlayStation 4 (e que você confere na galeria que está nesta notícia).Além das imagens comparativas, a Sony aproveitou para divulgar alguns dados referentes ao game, como o fato de que ele possui uma vibe parecida com a da série Dark Souls. Também foi mencionado que o remake vai manter os principais elementos do game original (que permanecem intactos) e que a trilha sonora foi gravada novamente para adaptar o clássico aos dias atuais.Leia mais... Veja Mais

PUBG: atualização traz clima dinâmico de volta ao game e outras mudanças

PUBG: atualização traz clima dinâmico de volta ao game e outras mudanças

Tecmundo PUBG é o game que popularizou o gênero battle royale na indústria, antes mesmo da febre de Fortnite. a PUBG Corp. continua a trazer novidades ao game e revelou que uma nova atualização está a caminho e ela traz de volta o clima dinâmico ao jogo, um passo importante para reanimar o entusiasmo dos jogadores.Além do clima, outras novidades também estão disponíveis no patch 4.2, como melhorias no sistema de áudio, dirigibilidade e novas skins. A lista completa do update você pode conferir aqui.Leia mais... Veja Mais

Radar a laser do Inep registrou a nuvem de fuligem que enegreceu São Paulo

Radar a laser do Inep registrou a nuvem de fuligem que enegreceu São Paulo

Tecmundo Enquanto se discute se São Paulo ficou às escuras no meio da tarde por conta de uma frente fria ou por causa das queimadas, um radar de laser que permite o sensoriamento remoto ativo da atmosfera para a detecção de poluentes registrou, já no último domingo (18), uma nuvem comprida e densa (ou, como os pesquisadores chamam, uma pluma de material particulado) a mais de três mil metros de altitude. A observação foi feita por uma equipe do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen) por meio do sistema LIDAR (Light Detection And Ranging, ou Detecção de Luz e Medição de Distâncias).O funcionamento do sistema baseia-se na emissão de luz que as partículas presentes no ar refletem. A imagem é capturada por um telescópio e posteriormente analisada. Isso possibilita identificar o tipo de partícula e a distância da superfície em que ela se encontra.Leia mais... Veja Mais

Bandidos usam Snapchat para vender armas contrabandeadas

Bandidos usam Snapchat para vender armas contrabandeadas

canaltech Assim como todas as redes sociais, o Snapchat tem uma política que proíbe anúncios que promovam armas de fogo, armas, munições ou acessórios relacionados, e defende, claro, que sua plataforma não deve ser utilizada em prol de atividades ilegais. Até aí tudo bem, mas alguns usuários do aplicativo não estão obedecendo essas políticas. Recentemente, o jornal The Guardian trouxe à tona que três pessoas foram presas justamente por vender armas de fogo contrabandeadas por meio do...Snapchat. É o caso, por exemplo, de Anthony Reed, de 22 anos. Os promotores norte-americanos alegam que ele usou a rede social para comercializar armas na Califórnia. Os anúncios de Reed foram eficazes em atrair inúmeros clientes. Um deles era um agente secreto do ATF (órgão que controla a regulamentação do uso de armas nos EUA) que contatou o infrator e seus supostos comparsas através do Snapchat. Esse agente secreto chegou a pagar mais de US$ 30 mil por 35 revólveres. Outros casos incluem um homem de 31 anos, que foi preso por contrabandear armas na Geórgia (EUA), onde as leis de armas de fogo são relativamente frouxas, e por anunciá-las no Snapchat. Além disso, um morador de 17 anos do Novo México (também nos Estados Unidos) foi preso pelo FBI em junho deste ano por vender rifles de assalto na rede social em questão. Eles foram rastreados por agentes da ATF e um assinaram um acordo de confissão. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Os usuários do Snapchat podem postar o que quiserem em suas contas e cabe aos membros da comunidade ou às ferramentas automatizadas da plataforma sinalizarem o problema. Por isso, a fiscalização dessa prática acaba sendo um verdadeiro desafio. As políticas do Snapchat são contra a venda de armas e outras atividades ilegais, mas é um desafio impor isso aos usuários No entanto, não é apenas o Snapchat que tem sofrido com usuários utilizando a plataforma para vender armas de fogo ilegalmente. No início desta semana, o The Wall Street Journal fez uma reportagem sobre como os vendedores de armas continuam a contornar as restrições do Facebook três anos depois que a rede social implementou uma proibição em resposta às vendas ilegais feitas na plataforma. Outra rede social que já chegou a sofrer do mesmo mal foi o Instagram. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Rússia envia seu primeiro robô humanoide ao espaço, o Fedor

Rússia envia seu primeiro robô humanoide ao espaço, o Fedor

Tecmundo Nesta quinta-feira (22), a Rússia enviou seu primeiro robô humanoide para o espaço, o "Fedor". Fedor (derivado de "Feodor") é um nome russo, mas também a sigla para o termo inglês “Final Experimentational Demonstration Object Research” (pesquisa de objeto de demonstração experimental final, em português). O robô, identificado como Skybot F-850, decolou a bordo de um foguete Soyouz às 6:38 de Moscou (0:38 em Brasília), partindo da base russa de Baikonur, no Cazaquistão. Ele só deve chegar ao seu destino no sábado (24).Fedor foi enviado à Estação Espacial Internacional (ISS, da sigla em inglês), onde deve permanecer até o dia 7 de setembro, para desempenhar de cinco a seis tarefas, as quais não foram reveladas. O objetivo geral é saber como esse tipo de máquina pode ajudar os humanos em operações espaciais de alto risco.Leia mais... Veja Mais

Xbox Scarlett vai receber grande melhorias na CPU, confirma gerente geral

tudo celular Aos poucos, mais informações a respeito da próxima geração de consoles têm sido divulgadas. Veja Mais

WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários

WhatsApp já começa a aparecer com

canaltech O Facebook anunciou há algumas semanas que mudaria o nome de dois dos seus maiores aplicativos, o WhatsApp e o Instagram. Uma mudança que, para os usuários, pode não siginificar muita coisa, mas que, na prática, será enorme. Com essa medida, a rede social de Mark Zuckerberg quer que esses programas assumam mais a personalidade do "dono da bola", escancarando que todos fazem parte de um mesmo ecossistema. Pois bem, com isso esclarecido, já podemos ir para o que realmente importa: o WhatsApp foi o primeiro a ser "rebatizado". De acordo com o social media Mohit Kabra, que postou imagens do seu próprio app, alguns países já estão recebendo a versão Beta 2.19.222 do aplicativo com o novo nome. É possível ver, no menu das configurações, que o nome oficial do WhatsApp agora é "WhatsApp do Facebook", ou "Whatsapp from Facebook", para quem o utiliza em inglês. New WhatsApp beta update- 2.19.222 has WhatsApp from Facebook mentioned in the settings.#WhatsappUpdate #NewUpdate #BetaUpdate #DigitalUpdate https://t.co/IMoXNku3uf pic.twitter.com/gCprr5cQGN -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- — Mohit Kabra (@mk199602) August 13, 2019 Alguma mudança na prática? De acordo como Facebook, não existirão alterações no funcionamento dos aplicativos, que operam de maneira quase independente do Facebook. Não é preciso ter uma conta na rede social para acessar nenhum dos dois, por exemplo, e, enquanto os dados de telemetria podem até ser compartilhados para exibição de publicidade, o mesmo não vale para sistemas de comunicação e contatos. A redação do Canaltech verificou e não constatou a disponibilidade da versão que traz o novo nome do WhatsApp no Brasil. Mesmo assim, não deve demorar muito até que ela aparece por aqui. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Samsung lança os Galaxy A30s e A50s; veja o que mudou da linha original Veja Mais

Nação verde! Xbox ganha produtos de vestuário oficiais para o mercado brasileiro

tudo celular Produtos começam a ser vendidos hoje (22). Veja Mais

Melhor celular da LG para comprar em 2019 | Guia do TudoCelular

tudo celular Em dúvida sobre qual celular da LG comprar? Confira a nossa seleção com os melhores que testamos. Veja Mais

Huawei só lançará celular com HarmonyOS se for banida do Android

Huawei só lançará celular com HarmonyOS se for banida do Android

Tecmundo A Huawei ainda está na mira dos Estados Unidos e pode ser banida de fazer negócios com empresas do país, como é o caso da Google, dona do Android. Ainda assim, a empresa não pretende investir em uma versão para smartphones do seu sistema operacional próprio, o HarmonyOS, a menos que seja obrigada a fazer isso.De acordo com o CNET, o vice-presidente sênior da Huawei, Vincent Yang, disse em um evento que a firma não tem planos de lançar um celular com HarmonyOS em 2019 e pretende continuar com o Android enquanto for possível. Por outro lado, o sistema operacional próprio também é um "plano B" e pode ser utilizado em aparelhos da marca caso a companhia seja proibida de negociar com a Google.Leia mais... Veja Mais

GE é acusada de escândalo contábil de US$ 38 bilhões

GE é acusada de escândalo contábil de US$ 38 bilhões

canaltech A GE está sendo acusada de cometer uma fraude contábil no valor de US$ 38 bilhões, no que pode ser o maior escândalo desse tipo já registrado. O total é equivalente a cerca de 40% do valor de mercado da companhia, que teria sido ocultado em registros e relatórios financeiros, como forma de ocultar dos investidores a verdadeira saúde da empresa, que se encontra próxima da insolvência. A denúncia foi feita por Harry Markopolos, especialista financeiro que ficou conhecido após denunciar o maior esquema de pirâmide da história, com valor de US$ 65 bilhões e iniciado nos anos 1960 pelo bilionário Bernie Madoff, que, atualmente, cumpre pena na prisão. Agora, ele diz ter investigado os relatórios financeiros da GE durante sete meses e aponta que a fraude contábil cometida por ela pode ser a maior já vista na história, maior até mesmo que casos notórios como os da Enron e Worldcom. De acordo com o especialista, em um estudo de mais de 170 páginas, o principal foco do ocultamento que vem sendo realizado pela GE está em sua divisão de seguros, com os executivos diminuindo riscos e perdas financeiras registradas em contratos de longo prazo. Os comunicados regulatórios falsos também esconderiam cálculos indevidos realizados na compra de uma parcela da Baker Hughes, uma prestadora de serviços do mercado petrolífero. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Segundo os especialistas, a brecha fica ainda mais clara quando se leva em conta o que concorrentes da GE fazem com contratos semelhantes, mantendo margens bem maiores e apresentando indicações financeiras mais claras aos investidores. Foi justamente esse tipo de situação, segundo Markopolos, que levou sua investigação a focar na companhia, uma linha que surgiu durante trabalhos relacionados a outra empresa não revelada. Na visão de Markopolos, a GE também seria adepta de mudanças nas projeções para o futuro e na forma de apresentação de seus relatórios financeiros, como forma de dificultar a localização dos números manipulados e também a projeção de analistas de mercado. Faltaria transparência, ainda, na apresentação de despesas administrativas e valores relacionados à fabricação e venda de produtos. Isso tudo ocorre devido, novamente, às falhas nas contas, com a GE minimizando riscos e deixando de fazer a diluição devida de prejuízos, gerando uma conta gigantesca, que acabou tendo de ser ocultada do mercado. As acusações foram publicadas por Markopolos na última semana e levaram a uma queda de 14% nas ações da GE. Os números se recuperaram nos dias seguintes, mas continuam sendo operados com uma baixa de 4% em relação aos valores originais, obtidos antes da divulgação do relatório. Harry Markopolos detonou o maior esquema de pirâmide da história, e agora, afirma que a GE comete a mais grave fraude contábil já registrada nos EUA (Imagem: Divulgação/Harry Markopolos) Em resposta oficial, a GE negou as afirmações de Markopolos e disse que ele jamais entrou em contato com a empresa durante suas investigações. A companhia aponta, ainda, que interesses financeiros estariam por trás das alegações do especialista, com fundos de investimento interessados em uma baixa nas ações para geração de volatilidade, que levaria a uma venda dos papeis, que poderiam ser adquiridos pelos interessados abaixo do custo usual. Ainda, a GE disse trabalhar com a maior transparência e integridade possíveis, sem números ocultos ou problemas em seus relatórios financeiros. No comunicado, ela taxa as alegações de Markopolos como infundadas e diz lamentar que alguém sem conhecimento da estrutura interna da empresa esteja agindo em benefício próprio desta maneira. Outros processos O Departamento de Justiça americano também tem uma investigação em andamento tendo a GE como alvo, igualmente relacionada aos números apresentados ao mercado. Neste caso, o foco foi o anúncio de uma reserva de US$ 15 bilhões para sua divisão de seguros, com gastos que seriam diluídos ao longo dos próximos cinco anos. As práticas contábeis relacionadas a isso, e também a gastos relacionados ao segmento energético da empresa, estariam na mira do governo americano. Caso as alegações de Markopolos sejam confirmadas em investigações oficiais, esta será a segunda vez que a GE se vê envolvida em um escândalo de fraude contábil. Em 2009, ela foi condenada a pagar US$ 50 milhões, justamente, por inflar lucros e ocultar prejuízos, passando ao mercado uma aparência de saúde financeira que não condizia à realidade. A multa foi paga em troca do encerramento do caso, sem que a companhia apresentasse provas contrárias ao que vinha sendo alegado. Até o momento, entretanto, um inquérito oficial sobre as afirmações do delator não foi anunciado, mas o especialista acredita que isso não deve demorar a acontecer. Em entrevista à CNN, Markopolos demonstrou dúvidas sobre a sobrevivência da GE até 2021, principalmente sob o olhar da justiça americana, uma vez que, em outros casos de fraude desse tipo, nomes como Enron e Worldcom afundaram em cerca de quatro meses. Aqui, o rombo é ainda maior, e o resultado negativo ainda permanece inestimável. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses NASA planeja usar energia térmica nuclear em foguetes para chegar a Marte Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox Nubank começa a expandir contas de pessoa jurídica para seus clientes Veja Mais

Google trabalha em sucessor do Home Mini com novo nome, alto-falante mais potente e outras novidades

tudo celular Nest Mini chegaria ainda em 2019 ao lado dos novos Google Pixel 4. Veja Mais

Expansão mundial! Nubank anuncia cartão de crédito sem anuidade no México

tudo celular O primeiro produto da fintech no local será emitido pela subsidiária Nu México. Veja Mais

Apple investe US$ 290 milhões na compra de novos escritórios em Cupertino

Apple investe US$ 290 milhões na compra de novos escritórios em Cupertino

canaltech A Apple está firmando raízes ainda mais profundas em Cupertino, no estado da Califórnia. Segundo informações divulgadas pelo site Mercury News, a companhia investiu US$ 290 milhões (pouco mais de R$ 1,16 bilhão) na compra de dois complexos corporativos relativamente próximos ao seu atual campus tecnológico e quartel-general. De acordo com o site, a Apple já vinha utilizando a região para o desenvolvimento de diversos projetos ao longo dos últimos anos e optou por adquirir os dois prédios para dar continuidade à sua expansão física pelos Estados Unidos. A empresa também tem o Apple Park e estruturas corporativas em San Jose e Sunnyvale, embora Cupertino ainda seja o principal centro de seus esforços administrativos. Novos escritórios da Apple em Cupertino: edifícios estão próximos ao campus principal da empresa (Imagem: Google Maps) “A Apple realmente adora estar em Cupertino, e isso é uma forma de ela solidificar a sua presença por aqui”, disse Eric Fox, diretor executivo da incorporadora Cushman & Wakefield. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Os dois edifícios são chamados de “Cupertino City Center 1” e “Cupertino City Center 2” e já estão em reforma para acomodar a fabricante. Se conhecemos bem a Apple, o projeto deve tomar mais tempo que o normal, dada a atenção que a empresa dá aos detalhes estéticos e identificação visual. Aqui no Brasil, embora não muito divulgada, a Apple também tem um escritório administrativo: ele fica em São Paulo, na região do Itaim Bibi, zona sul da capital. Ao contrário do campus de Cupertino, porém, a estrutura paulista da Maçã se limita a um andar em um prédio comercial onde também ficam empresas como o braço brasileiro da agência de notícias Bloomberg e o banco de investimentos Goldman Sachs. Como de costume, a Apple não comentou o investimento (embora os dados sejam públicos), tampouco que tipos de projetos os dois novos edifícios poderão abrigar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses Queimadas na floresta amazônica brasileira são vistas por satélite da NASA Rumor | iPhone 11 Pro deve ter suporte para a Apple Pencil Veja Mais

Bose anuncia caixa de som com suporte ao Google Assistente, Alexa e AirPlay 2

tudo celular Nova caixa de som da Bose custa 350 dólares e é compatível com Assistente, Alexa, AirPlay 2 e Spotify. Veja Mais

TCL registra patente de tablet e smartphone dobrável que pode lançar em 2020

tudo celular Além do FlexTab revelado em vazamento, TCL planeja mais um dispositivo dobrável. Veja Mais

Roteiristas de Vingadores: Ultimato revelam quem seria o marido de Peggy

Roteiristas de Vingadores: Ultimato revelam quem seria o marido de Peggy

Tecmundo Vingadores: Ultimato deixou perguntas sem respostas. Quem seria o marido misterioso da agente Peggy Carter? A volta do Capitão América para o passado afetaria de que forma a linha do tempo? Diante das dúvidas, os fãs não perderam tempo e criaram suas próprias teorias.Agora, os roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely falaram sobre o assunto: para eles, Steve Rogers sempre foi o marido da agente Carter. Já o retorno do personagem ao passado teria criado um looping temporal, mas a história não teria sido alterada, pois isso já estaria estabelecido em Capitão América: Soldado Invernal.Leia mais... Veja Mais

Google Drive agora permite preenchimento de PDFs

Google Drive agora permite preenchimento de PDFs

Tecmundo Graças a uma atualização para Android e iOS, agora é possível preencher PDFs simples pelo Google Drive.  A novidade, disponível a partir de hoje (22) para todas as edições do G Suite, será ativada por padrão.Será possível escrever nos campos de texto, selecionar opções em um menu suspenso ou marcar itens via caixas de seleção. Para completar um formulário, basta tocar no ícone do lápis na visualização do PDF no menu suspenso ou diretamente no campo a ser preenchido. Quando terminar, salve a edição ou uma cópia do documento.Leia mais... Veja Mais

Novo Switch oferece até 78% mais bateria que o antigo, diz Digital Foundry

Novo Switch oferece até 78% mais bateria que o antigo, diz Digital Foundry

Tecmundo A Nintendo acaba de lançar uma versão de revisão do Switch e, apesar de as mudanças não serem tão significativas assim, o que mais chama atenção no novo aparelho é a duração de sua bateria. Segundo uma análise do Digital Foundry, a duração pode ser de até 78% a mais em algumas condições.Depois de alguns testes, o canal descobriu que a Nintendo cumpriu sua promessa no que diz respeito à duração do console longe da tomada. A durabilidade geral está otimizada e o consumo de energia foi reduzido quase pela metade – de 13W para 7W no caso de The Legend of Zelda: Breath of the Wild, por exemplo. Já em Fast RMX,  o consumo pode cair de 12W para impressionantes 4W em certas situações.Leia mais... Veja Mais

Realidade virtual e aumentada serão debatidas no primeiro dia da Technology Hub

Realidade virtual e aumentada serão debatidas no primeiro dia da Technology Hub

canaltech Internet das Coisas, RA, RV, Inteligência artificial, robótica, tecnologias embarcadas, dispositivos móveis, impressão 3D e muitas outras soluções digitais possuem potencial disruptivo substancial e que atingirão seu ponto de inflexão nos próximos cinco anos. Com esse conjunto de tecnologia, a IoT Latin America, em sua quarta edição, amplia fronteiras no mundo da tecnologia formando a Technology Hub Brasil, um evento B2B a ser realizado nos dias 17 e 18 de setembro no PRO MAGNO Centro de Eventos, em São Paulo. Essas tecnologias que serão abordadas na feira, compõe a indústria 4.0. De acordo com levantamento da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), a  expectativa é de que, em dez anos, 15% das indústrias de todo o território nacional atuem sob o conceito de Indústria 4.0, que se caracteriza principalmente pela automação de processos aliada a um conjunto de ferramentas de inteligência operacional do negócio. Hoje, menos de 2% das empresas estão inseridas nesse conceito. “O desenvolvimento da pesquisa e a imersão da tecnologia nos negócios é fundamental para o desenvolvimento da Indústria 4.0 no Brasil. Neste sentido, a Technology Hub Brasil contribui para fomentar o debate envolvendo relevantes especialistas e líderes do setor”, afirma Luiz Fernando Pereira, project manager da feira. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Atividades Paralelas Congresso Brasileiro e Latino-Americano de IoT Realizado pelo Fórum Brasileiro de Internet das Coisas, o Congresso discute tendências, inovações e desafios da IoT em modelos de negócios, desenvolvimento e pesquisa, aplicações, padrões e políticas. Os temas deste ano serão: Indústria 4.0 (Manufatura Avançada); Governança; Cyber Security, Safety and Privacy; Avaliação da situação brasileira da IoT; Arquiteturas, framework e tecnologias habilitadoras para Cyber-physical Systems (CPS); IoT no agronegócio; IoT na medicina. Para participar, basta acessar o site oficial. Painéis da Technology Hub 2019 Nos dois dias, os visitantes vão conferir painéis quer irão debater os seguintes temas: Internet industrial Realidade Virtual 5G Automação Comercial Internet das Coisas (IoT) Domótica Robotic Process Automation (RPA) Inteligência Artificial Inovação Digital  Technology Hub Showcase Apresentações simultâneas em formato de ilha, nas quais os visitantes têm a oportunidade de assistir a apresentações dos fornecedores participantes, compartilhar experiências, ampliar sua rede de networking e se conectar com outros profissionais. Sobre a Technology Hub Brasil Um evento B2B que promove discussões acerca da convergência de tecnologias disruptivas e que apresenta relevantes fornecedores e líderes do setor, além de influenciadores digitais. Ao longo dos dois dias do evento serão discutidas as últimas tendências e as potencialidades das diferentes verticais da indústria beneficiadas pelo conjunto de tecnologias discutidas. Serviço TECHNOLOGY HUB BRASIL 2019 Soluções Tecnológicas que Geram Negócios Data: 17 e 18 de Setembro Horário: 13h às 20h Local: PRO MAGNO Centro de Eventos — Av. Profa. Ida Kolb, 513, São Paulo – SP, 02518-000 Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited

1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited

canaltech *IMPORTANTE: fique atento à data de publicação desta matéria, pois todos os preços e promoções estão sujeitos à disponibilidade de estoque e duração da oferta, que tem tempo limitado. Alterações de preço podem ocorrer a qualquer momento, sem prévio aviso. O preço ou valor total do produto poderá ser alterado de acordo com a localidade considerando frete e possíveis impostos interestaduais. Quem já caiu nas graças dos eBooks sabe bem o quanto esses leitores acabam se tornando seu melhor amigo no dia a dia. Afinal, carregar livros físicos por aí hoje em dia acaba não sendo lá uma vantagem, ainda mais se o livro que você estiver devorando no momento for uma "Bíblia" de tão pesado. Então, ao ler a mesma obra virtualmente, você consegue transportá-la por aí e curtir a leitura onde estiver, quando desejar, nem que seja só para ler uma paginazinha naqueles minutinhos entre uma estação e outra do transporte público. E um dos eReaders mais populares é o Kindle, da Amazon, que já existe em várias versões para agradar a diferentes perfis de leitores. Além de tudo, o Kindle oferece o serviço Kindle Unlimited, que te dá acesso a mais de 1 milhão de títulos por uma assinatura mensal baratinha, sendo este uma verdadeira "Netflix dos livros"! Melhor ainda: o serviço pode ser assinado mesmo por quem não tem um dispositivo Kindle, pois o app Kindle é gratuito para baixar e usar à vontade. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- E agora a melhor notícia do dia: Está rolando uma superpromoção com a Amazon para você assinar o Kindle Unlimited agora mesmo! Mais sobre o serviço O Kindle Unlimited oferece toda a experiência Kindle de maneira ainda mais simples, com um catálogo completo e constantemente atualizado, incluindo mais de 1 milhão de eBooks em português, inglês, espanhol, e outras línguas. E a gente garante: vale a pena experimentar, pois você pode ler onde quiser em qualquer dispositivo Kindle, ou, se preferir, pode instalar o app Kindle no seu PC, tablet ou smartphone sem pagar absolutamente nada por isso. “Ah mas para ler vou ter que gastar meu plano de dados?” Fique tranquilo, meu caro! O Kindle Unlimited não consome a sua conexão móvel para a leitura dos livros se você não quiser, pois, com a mesma conta, você consegue acessar os seus títulos baixados de qualquer dispositivo em que logar, sem que seja necessário fazer o download do eBook todas as vezes em que abri-lo em um aparelho diferente. Traduzindo: é possível usar o Wi-Fi no computador para baixar um título e, então devorá-lo no caminho de volta para casa pelo celular ou tablet, após o trabalho ou a faculdade. A taxa mensal dá acesso aos títulos que você pega “emprestado” e lê no tempo determinado, quantas vezes e de que forma quiser. Pra quem lê bastante e gasta em média de R$ 30,00 a R$ 40,00 em um único livro, com certeza o serviço é uma opção com custo-benefício garantido. Teste grátis e 3 meses mais barato Agora vamos à oportunidade de ouro: você pode assinar o Kindle Unlimited agora mesmo sem pagar absolutamente nada, pois o serviço dá 30 dias de uso gratuito para novos usuários. Você precisa inserir os dados do cartão de crédito no ato da assinatura, mas pode cancelar a qualquer momento antes do último dia do período grátis para não ser cobrado, se não quiser continuar assinando (o que a gente duvida que vá acontecer, mas tudo bem!). Mas se já tiver certeza de que se tornará um fã assíduo do Unlimited, dispensando o período de testes grátis você paga somente R$ 1,99 pelos três primeiros meses de assinatura! Passando esse período, o valor da assinatura mensal volta a ser os R$ 19,90 cobrados de todo mundo, o que ainda é um preço bastante atraente para quem lê muitos livros em seu dia a dia! Dispositivos Kindle   E se você se empolgou com a ideia e já quer comprar logo um eReader Kindle, em vez de ler livros na telinha menor do celular, você está no lugar certo! Abaixo, você confere os dispositivos disponíveis no catálogo da Amazon para comprar agora mesmo — e com frete grátis, ainda por cima! Kindle 10ª geração com iluminação embutida: R$ 349 em 10x sem juros Kindle Paperwhite 8 GB à prova d'água: R$ 499 em 10x sem juros Kindle Oasis 7" sensível ao toque, à prova d'água e com Wi-Fi: R$ 999 em 10x sem juros *O Canaltech Ofertas tem como objetivo informar seus leitores e publicar as melhores ofertas encontradas no varejo brasileiro. Entretanto, não nos responsabilizamos por alterações posteriores nos preços informados, uma vez que as ofertas aqui apresentadas podem ter diferentes períodos de vigência. Recomendamos aos nossos leitores que sigam nossas publicações e participem do nosso grupo de descontos no WhatsApp para receber as melhores indicações de ofertas assim que elas forem publicadas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Os melhores apps Android da semana (22/08/2019)

Os melhores apps Android da semana (22/08/2019)

canaltech A lista de apps da semana chega com várias novidades sobre games, principalmente para quem gosta de um bom quebra-cabeças. A Play Store também conta com ferramentas para você que é jovem e pode usufruir de benefícios com isso, quer melhorar suas fotos e até refinar a velocidade do seu “mouse” em jogos de tiro. Vamos aos programas. 1. ID Jovem 2.0 Foto: Google Play Este é o programa oficial da Secretaria Nacional da Juventude (SNJ). A ideia é que você possa usar o seu smartphone para gerenciar a sua ID Jovem, a identidade com a qual menores de idade de baixa renda podem contar para ter certos benefícios. Por exemplo, o ID Jovem garante meia entrada em alguns eventos, tais quais cinema, teatro, competições esportivas e mais. Algo muito semelhante ao que faz a carteirinha de estudante. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Com este app, você substitui a sua carteirinha do ID Jovem física e consegue comprovar a meia entrada somente usando o smartphone. O programa é gratuito, sendo que esta versão chegou à loja da Google em 15 de agosto deste ano. É preciso ter um aparelho com Android 4.1 ou acima para que ele funcione. 2. NFS Heat Studio   Se você é um amante de carros, principalmente dos tunados, este é um programa para você. O NSF Heat Studio é um app de suporte para o game Need for Speed Heat, que vai chegar para consoles em novembro deste ano. Aqui, você cria sua conta e pode modificar uma centena de carros, trocando basicamente tudo que eles têm de mais estiloso. Mude as rodas, a saia, o aerofólio, tudo que você quiser, colocando aquele neon massa para dar um rolê por aí. O bacana é que, se você comprar o Need for Speed Heat para consoles depois, vai poder levar a customização do app mobile também para dentro do jogo nos consoles. Ou seja, correr com o carrão que você criou no app. O programa é gratuito, independente do jogo para PlayStation 4 e Xbox One e foi lançado em 21 de agosto deste ano. Um impeditivo, talvez, é que exige Android 8.0 ou acima para funcionar. 3. Intro Maker Foto: Google Play Como o nome em inglês já sugere, a ideia aqui é dar ferramentas de criação de uma introdução para vídeos, também chamadas de vinhetas, pelo jargão do meio. De forma simples, o Intro Maker é um editor de vídeo, mas conta com pequenos templates, efeitos próprios e uma timeline de edição compatível com smartphones. Ele conta com trilhas brancas (sem direitos autorais) para que você possa criar uma vinheta de forma rápida e fácil. O Intro Maker também tem efeitos como slow motion, glitch e outras ferramentas bem interessantes para vídeos simples. Lançado em 21 de agosto, o app é gratuito e funciona em aparelhos com Android 5.0 ou acima. 4. Super Mecha Champion   Este é o primeiro game, efetivamente, da nossa lista. Trata-se de um jogo de tiro em terceira pessoa entre mechas, aqueles robôs gigantes de animes. Aqui, você é colocado em uma arena com outros jogadores e precisa sair vitorioso com o seu robô. A quem é aficcionado por mechas, este é um prato cheio, com gráficos bem interessantes e boa movimentação. O jogo também é feito pela NetEase, empresa já antiga do ramo. Contudo, pela quantidade de elementos em tela, é preciso um aparelho mais robusto para rodar o título de forma tranquila. O game chegou à loja da Google em 22 de agosto e pede Android 4.1 ou superior para funcionar. Para baixar, ele é totalmente gratuito. 5. Verdade ou desafio Foto: Google Play Vamos falar a verdade aqui (ou aceitar o desafio): quem nunca brincou de verdade ou desafio na vida? Bom, este app é um guia de uma das brincadeiras mais antigas para para dar uns beijinhos naquele crush. A ideia aqui é simples: ele embaralha as opções (entre verdade e desafio) e também já traz os desafios para que as pessoas não fiquem perdendo tempo na criatividade. Vale dizer aqui que o app tem desde opções de desafios mais divertidos e leves até coisas quentes. Portanto, neste caso, só vale para maiores de 18 anos, hein? O app é levinho, fácil de usar e funciona na maioria dos aparelhos, de Android 4.1 para cima. Ele é gratuito, mas é preciso comprar alguns desafios dentro dele. O programa chegou à loja da Google em 1 de agosto. 6. Sushi Escape Foto: Google Play Sushi Escape é um simpático jogo em que você tem que salvar sushis de seu prato, e não comê-los. O jogador tem um número limitado de movimentos para fazer com que todos os rolinhos de sushi cheguem até a borda do prato e fujam para a liberdade. Parece simples, né? Pois não é tanto assim. Há toda uma sequência de qual pecinha movimentar antes para que todos possam seguir são e salvos. Portanto, prepare-se para queimar alguns neurônios. O legal é que o game traz um desenho minimalista todo fofo e uma trilha sonora igualmente interessante. O jogo é gratuito e funciona em aparelhos com Android 4.2 ou acima. Ele foi lançado em 16 de agosto. 7. Mouse Conversion Pro Foto: Google Play Se você está jogando algum game e percebeu que o toque na tela não tem aquela velocidade que você gostaria, este app resolve este problema. A proposta aqui é refinar a velocidade do movimento do dedo, como se faz com a sensibilidade de um mouse no computador. Contudo, vale perceber que ele não funciona como um substituto para mouses, nem muda a sensibilidade deles, caso esteja com o periférico ligado a seu smartphone ou tablet. Outra vantagem é que você pode configurar perfis de sensibilidade de acordo com diferentes jogos, mantendo a velocidade padrão para quando você não estiver jogando. O aplicativo tem uma versão gratuita com propagandas, mas a completa é paga, pelo preço de R$ 3,79. Ele pede Android 4.1 ou acima para funcionar e chegou a loja da 20 de agosto. 8. Poke Foto: Google Play Este é um daqueles joguinhos com uma premissa simples e extremamente criativa. Ele é um quebra-cabeças em que você precisa juntar duplas de simpáticos pokes, estas bolinhas vermelhas na tela. O interessante é que, quando você faz um movimento, o seu personagem encontra um símbolo que, automaticamente, faz outro movimento da sua bolinha na direção indicada. Ou seja, todo deslocamento terá outro como consequência. O objetivo é você fazer com que as bolinhas se unam em duplas com o menor número de movimentos possível. Poke foi lançado gratuitamente em 16 de agosto e pede Android 4.1 ou acima para funcionar. 9. Meus bloqueados Foto: Google Play Este programa oferece a função de baixar toda a lista de telefones que você já bloqueou dentro do seu smartphone. A ideia fazer com que você nunca perca tais números, mesmo que alguém lhe roube o aparelho. Assim, ele permite baixar a sua lista de bloqueados e salvar o arquivo em nuvem ou como backup no computador. Você também pode compartilhar a sua lista com familiares e amigos usando links diretos para download no WhatsApp, e-mail e mais. Este programa é pago, custando R$ 4,99 — sendo que a última versão está disponível na loja da Google desde 18 de agosto. Ele exige Android 7.0 ou acima para funcionar. 10. Sand Balls Foto: Google Play Nosso último app é um joguinho também muito simpático. Sand Balls faz com que você precise escavar um buraco em um campo de areia para fazer com que bolas encontrem seu destino. Contudo, se você cavar no local errado, pode fazer com que elas fiquem presas. A grande estratégia aqui é criar os buracos de forma que as bolas sempre tenham como descer pela aceleração da gravidade. Com formato bem simples, ele oferece mais de uma centena de fases com objetivos diferentes, sempre envolvendo esta mecânica de bolinhas e escavação. O jogo é gratuito e foi lançado em 15 de agosto para usuários de Android 4.1 ou acima. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Cinema | Confira os lançamentos da semana (22/08 a 28/08)

Cinema | Confira os lançamentos da semana (22/08 a 28/08)

canaltech Mais um fim de semana está se aproximando e quem é cinéfilo sempre estica o pescoço para dar uma conferida na lista de lançamentos que estão chegando aos cinemas. E, cumprindo a tabela, o Canaltech não só lista todas as estreias, como dá dicas do que você pode curtir no escurinho do cinema. Nesta semana o grande destaque fica por conta de Brinquedo Assassino, um reboot da franquia clássica dos anos 1980 que fez muita criança se borrar e ter pesadelos à noite. Com uma pegada semelhante, este novo filme traz o encapetado boneco Chuck numa nova roupagem, todo tecnológico e compatível até mesmo com comandos de voz. De igual ele tem mesmo a afinidade com o capiroto e a capacidade de assassinar gente com 10 vezes o tamanho dele. Além da produção hollywoodiana, também estreia neste fim de semana a comédia brasileira Socorro, Virei uma Garota!. Explorando a insegurança da adolescência e o desejo do jovem de ser popular na escola, o filme transforma um garoto que só queria ser o rei da cocada preta em uma garota. Agora, ele terá não só de lidar com seu novo corpo, mas também aprender a controlar os sentimentos por uma garota por quem sempre foi apaixonado. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Filmes europeus e latino-americanos também marcam presença no circuito nacional, mas é o drama francês Um Amor Impossível que merece nota. Falando de amor, perdas e danos psicológicos, o longa dirigido por Catherine Corsini nos leva a refletir sobre o papel da mulher em uma família e os desafios que elas enfrentam ao serem mães solteiras. Além dessas três indicações há outros cinco filmes entrando em cartaz nos cinemas de todo o Brasil. A lista completa dos lançamentos você confere logo a seguir, com cada filme vindo acompanhado de seu respectivo trailer e sinopse, que é para ajudar você a decidir o que vai assistir. Dê uma olhada, programe-se e bom filme! Brinquedo Assassino   Andy (Gabriel Bateman) e sua mãe se mudam para uma nova cidade em busca de um recomeço. Preocupada com o desinteresse do filho em fazer novos amigos, Karen (Aubrey Plaza) decide dar a ele um boneco tecnológico de presente de aniversário. O brinquedo, além de ser o companheiro ideal para crianças e propor diversas atividades lúdicas, executa funções da casa sob comandos de voz. Os problemas, no entanto, começam a surgir quando o boneco Chuck se torna extremamente possessivo em relação a Andy e passa a fazer qualquer coisa para afastar o garoto das pessoas que o amam. Leia também: Crítica | Brinquedo Assassino Os Brinquedos Mágicos   Nathan é um bonequinho de argila feito para a coleção de chá de um tradicional mestre chinês. As obras do Mestre mudam de cor quando o chá quente é despejado sobre elas, seguindo o costume oriental de dispensar o primeiro gole em homenagem a criaturas, mas não é o caso de Nathan. Por ser a única peça que não muda de cor, ele é muito zombado pela turma. Quando aparece uma chance de ir para o futuro e descobrir o mistério de sua mudança de cor, Nathan e um robô saem em busca de respostas. Socorro, Virei uma Garota!   Júlio (Victor Lamoglia) é um garoto tímido, praticamente invisível aos olhos de seus colegas de escola. Um dia, ao ver uma estrela cadente, ele deseja ser a pessoa mais popular dali. Logo ele se transforma em uma garota, a Júlia (Thati Lopes), que é extremamente popular. Sem saber como lidar com seu novo corpo feminino, ele ainda precisa lidar com a proximidade de Melina, uma garota por quem é perdidamente apaixonado. Um Amor Impossível   No final da década de 1950, em Châteauroux, Rachel, uma funcionária de escritório, conhece Philippe, um jovem brilhante de uma família burguesa. Deste breve encontro acaba nascendo uma menininha, Chantal. Philippe se recusa a casar com alguém fora de sua classe social e Rachel terá de criar a filha sozinha. Porém, uma batalha de mais de dez anos pelo reconhecimento paterno desencadeia revelações inesperadas. Entre Tempos   Lui (Luca Marinelli) e Lei (Linda Caridi) são duas pessoas completamente diferentes entre si, mas que formam um casal intenso e apaixonado. Juntos há anos, seus sentimentos estão em conflito constante, mostrando uma montanha-russa emocional entre eles. Enquanto Lui acredita em um futuro brilhante, Lei não consegue deixar de viver no passado. Ao longo dos anos, o par colecionou frustrações, alegrias, tristezas e angústias. Uma Noite Não é Nada   São Paulo, meado da década de 1980. Agostinho, um decadente professor de física de um supletivo noturno, acaba se apaixonando por uma de suas alunas, Márcia, uma mulher bem mais jovem que ele, emocionalmente perturbada e soropositiva. Eles começam um relacionamento e logo a coisa se torna séria, fazendo com que Agostinho comece a arriscar seu casamento com Januária. O Verde Está do Outro Lado   Desde 1980 a gestão da água foi privatizada em todo o Chile, levando pequenos agricultores à ruína e debilitando milhares de famílias. O congresso do país concorda com a necessidade de mudar as leis, mas esbarra em dificuldades para combater a grande influência das grandes empresas da agricultura e mineração. Um retrato sobre a realidade e consequências do modelo econômico implantado há quase 40 anos no país andino. Pássaros de Verão   Na década de 1970, na Colômbia, uma família de nativos de Wayuu se encontra no coração da florescente venda de maconha para a juventude americana. Quando a honra da família tenta resistir à ganância humana, a guerra de clãs se torna inevitável e põe em perigo suas vidas ancestrais, cultura e tradições. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Mais um livro de Stephen King ganhará adaptação para os cinemas Veja Mais

Galaxy A70 vs A50 e A80: qual é o melhor intermediário Samsung? | Comparativo

tudo celular Os três celulares mais avançados da linha Galaxy A já disponíveis no Brasil disputam espaço entre si, e o TudoCelular faz um comparativo entre Galaxy A50 e A80 contra A70 para tirar a dúvida: qual é... Veja Mais

É possível vender mais para os mesmos clientes?

É possível vender mais para os mesmos clientes?

canaltech Ter uma grande carteira de clientes ativa, sendo, a maior parte, fidelizados e recorrentes é o desejo de qualquer empresa e empresário, justificando, muitas vezes, o alto valor na aquisição do lead. Com um LTV (Life Time Value) grande, se tem um gap maior para gastar na aquisição, além de muitas vezes tornar o comprador/usuário um "advogado" da marca. A aspiração é grande, assim como o desafio de conquistar esse patamar. A pesquisa “Vendo além da ilusão de fidelidade: é hora de investir de forma mais inteligente”, da Accenture Strategy, empresa global de consultoria de gestão, tecnologia da informação e outsourcing, aponta que 80% dos brasileiros estão diminuindo sua fidelidade em níveis que afetam o lucro das empresas. Junto a isso, a grande maioria dos consumidores (83%) trocaram de fornecedores de um ano para outro e 36% confiam que suas expectativas sobre fidelidade de marca mudaram completamente. É fato: o consumidor brasileiro é infiel e o adversário (a concorrência) enorme. Ao empresário, cabe buscar, diariamente, alternativas para manter o faturamento de vendas e o time ganhando. O start é ter em mente que nós, seres humanos, temos atitudes e reações distintas diante de uma oferta, com diversas objeções prontas e outras, formatadas conforme o modelo de negociação. Com isso, é preciso que as companhias entendam as linguagens da fidelidade dos seus clientes mais lucrativos e implementem a combinação ideal para garantir que elas ofereçam as experiências que impulsionam defesa, retenção e crescimento.  -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- As estratégias, portanto, devem considerar a dúvida e as necessidades do consumidor – e trabalhar em cima delas. Para uma empresa, por exemplo, que vende produtos físicos em pontos específicos, pode ser muito mais interessante trabalhar estratégias de PDV.  Já para empresas B2B com grandes contas, inbound marketing, venda consultiva e um funil de vendas mais complexo geralmente são caminhos a se considerar. Para as que possuem modelos SAAS, os clientes aceitam bem serviços com diferenciais competitivos, personalizando atendimentos. Portanto, o time em campo – a escolha de cada player deve ter grande atenção, assim como a qualidade do que é oferecido. Ressalto que vender dentro da base previamente conquistada é sempre mais fácil – a conquista do campo adversário costuma ser mais árdua do que o emplacamento; fora que a interação com clientes ativos para evolução dos serviços/produtos é algo que acaba gerando um ciclo em que se evolui o que é ofertado pensando no usuário, e, em resposta, o usuário vê valor nas novas soluções da empresa, continuando dentro da base, com feedbacks para melhorias. Mantê-la saudável e interessada no seu serviço é sempre benéfico.  Olhar para o cliente e ofertar o que ele precisa é ganho para todos: consumidor e empresa. Tenha isso em mente e trabalhe com o melhor do seu time, em termos de atendimento, e no desenvolvimento de produtos para que o crescimento e o placar estejam sempre a seu favor! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Veja Mais

Google propõe novo padrão de privacidade para proteger os usuários na web

Google propõe novo padrão de privacidade para proteger os usuários na web

canaltech A Google anunciou, no início desta quinta-feira (22), que está com uma nova iniciativa para desenvolver uma série de padrões para aprimorar a privacidade na web, chamada de Privacy Sandbox. Com a medida, seria possível que o usuário encontrasse pela web anúncios personalizados, sem precisar divulgar dados privados individuais, fortalecendo sua segurança. Mas, para conseguir executar essa tarefa com sucesso, a Google está procurando por técnicas que consigam mostrar que determinada pessoa pertence a um grupo de gostos pessoais, até que fique claro que ela não está sozinho nele. Com isso, a companhia implementaria um tipo de orçamento de privacidade, permitindo aos sites pedidos de solicitações de dados que pertençam a um grupo significativamente grande, bloqueando-os posteriormente. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Imagem: Reprodução "A tecnologia que anunciantes usam para fazer publicidade ainda mais relevante para as pessoas agora vem sendo usada para muito além do objetivo inicial de design, a ponto de fazer com que algumas práticas não combinem as expectativas de segurança dos usuário. Recentemente, alguns navegadores tentaram resolver esse problema, mas sem nenhum conjunto de padrões de acordo, as tentativas de melhorar a privacidade do usuário estão passando por consequências indesejadas", diz a Google em nota oficial, justificando a iniciativa. Por fim, a Google planeja implementar essas medidas sem que seja preciso desativar os cookies, por exemplo, fazendo com que a capacidade de exibição de anúncios relevantes fosse limitada, mas sim criando um equilíbrio entre usuários e reguladores. Além da Google, a Apple também está atrás de ideias para acompanhar conversões de anúncios, fazendo com que cada clique gere uma venda, sem que seja preciso rastrear os sites. O objetivo final da gigante da tecnologia é fazer com que esses métodos evitem fraudes em anúncios, beneficiando ainda sistemas de privacidade. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Veja Mais

Melhores jogos para Android e iOS da semana [22/08/2019]

tudo celular Experimente mais uma seleção de jogos diversos para todos os gostos! Veja Mais

Confirmado: Gears Tactics chegará ao PC e Xbox One

Confirmado: Gears Tactics chegará ao PC e Xbox One

Tecmundo Os fãs da série Gears of War terão mais motivos para comemorar além da chegada de Gears 5 ao Xbox One no dia 10 de setembro. Isso porque o chefe do The Coalition, Rod Fergusson, confirmou que Gears Tactics, jogo de estratégia anunciando somente para PC, também será lançado no Xbox One.Anunciado durante a E3 2018, Gears Tactics coloca o jogador no controle de tropas em um campo de combate travado por turnos. Com gameplay similar ao da série XCOM, ele surgiu como um exclusivo do Windows 10, mas um vazamento da Razer, que incluiu o título em sua lista de jogos do Xbox One compatíveis com mouse e teclado, despertou a esperança dos fãs que queriam jogá-lo no console.Leia mais... Veja Mais

Xiaomi Mi A é a linha de celulares Android One mais popular do mundo

Xiaomi Mi A é a linha de celulares Android One mais popular do mundo

Tecmundo A Xiaomi lançou na Índia os smartphones Mi A3 e resolveu divulgar os novos aparelhos usando o sucesso de seus antecessores. A companhia revelou que a linha Mi A conta com os aparelhos do programa Android One mais vendidos no mundo.Segundo a fabricante chinesa, mais de 10 milhões de unidades dos aparelhos da série Mi A foram vendidos mundialmente desde o lançamento da linha, há dois anos.Leia mais... Veja Mais

Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10”

Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10”

canaltech E assim, do nada, o sonho acabou. A Google decidiu encerrar a tradição de nomear novas versões do Android a partir de refeições e sobremesas, optando por simplesmente rotulá-las por meio da numeração da versão. Assim sendo, “Android Q” passa a se chamar “Android 10”. Essa mudança sem sabor acaba com os sonhos brasileiros de ver um “Android Quindim”, “Android Queijadinha” ou ainda um “Android Quinoa” para o consumidor mais fitness. Imaginem as possibilidades abandonadas. Segundo Sameer Samat, vice-presidente de gerenciamento de produto da Google, a mudança ajudará a empresa a tornar o Android mais simples e intuitivo para a comunidade que gira em torno do sistema operacional: “Como um sistema globalizado, é importante que esses nomes sejam claros e relacionáveis para todos no mundo. Por isso, a próxima versão do Android vai simplesmente usar o seu número indicado e se chamará ‘Android 10’”. Sem graça, né? -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!-   A Google não ofereceu uma data de quando teremos o sistema operacional disponível, mas assegurou de que ela deve chegar nas próximas semanas. A empresa também promoverá uma atualização na logomarca do sistema operacional. A nova versão teve suas primeiras demonstrações disponibilizadas em março de 2019, mostrando o foco da plataforma em maiores e melhores recursos de privacidade de dados. O Android 10 também trará suporte aos displays dobráveis, a fim de acomodar smartphones como o Galaxy Fold (Samsung) e o Mate X (Huawei, espera-se). Empresas como OnePlus, LG e Huawei já estão entre as certificadas para receberem o novo sistema operacional, além, claro, da linha de smartphones Pixel, da própria Google. "Android Q" não existe mais, e dá lugar ao "Android 10": Google anunciou mudança na política de nomeação do sistema operacional móvel em busca de simplificação da marca A Google sempre manteve uma tradição de nomear cada nova versão do Android sob alguma refeição ou sobremesa mais açucarada. As quatro últimas, por exemplo, eram “Android Pie” (“Torta” - Android 9), “Oreo” (a icônica bolacha recheada - Android 8), “Nougat” (conhecido no Brasil como “Torrone” - Android 7) e “Marshmallow” (Android 6). Se você nos perguntar, o mundo acaba de ficar menos doce. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

5 motivos para apostar no sucesso do Google Stadia. E 3 para apostar contra

5 motivos para apostar no sucesso do Google Stadia. E 3 para apostar contra

canaltech Em março de 2019, a Google anunciou a sua chegada oficial no mundo dos games apresentando o Stadia. Trata-se de uma plataforma que permite que o usuário rode jogos por meio do streaming, com alta qualidade gráfica e sem ficar na dependência de um console ou PC. O maior diferencial da plataforma, segundo a Google, é que você poderá usar o Stadia a partir de qualquer dispositivo, seja ele um smartphone, uma smart TV ou até mesmo o navegador do seu PC. Basta que eles estejam conectados à internet. No entanto, pouca gente testou o serviço, cujo lançamento está previsto para novembro de 2019, e muitas dúvidas ainda pairam sobre o sucesso do Stadia. Afinal de contas, ele entrará em um mercado com concorrentes bem mais consolidados (Sony, Microsoft e Nintendo), além das próprias fabricantes de smartphones. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Por isso, a pouco mais de três meses da chegada do Stadia e passado alguns anúncios feito pela Google durante a Gamecon, nós citamos cinco motivos para apostar no sucesso da plataforma. E também três motivos que nos fazem crer que o serviço não terá vida muito longa. Confira! Por que o Stadia vai revolucionar o mercado de games? A integração com os serviços da Google Como era de se esperar, o Stadia vai usar e abusar da integração com outros serviços da Google. O primeiro deles, claro, é o YouTube. Na plataforma de streaming de vídeos, você poderá, por exemplo, assistir ao trailer de um game e encontrará um botão que permitirá iniciar esse mesmo jogo em questão de segundos. Além disso, o Stadia também terá um joystick próprio (o Stadia Controller), que traz um botão para o Google Assistente e um microfone. Acionando essa função, você poderá pedir, por exemplo, dicas de como avançar em uma fase mais difícil, ou se conectar com outros jogadores para pedir ajuda.   Ou seja, o céu será o limite na hora de integrar o universo da Google com os games. O que pode trazer experiências interessantes. Jogar em qualquer lugar com a mesma qualidade gráfica Esta é a promessa mais ousada – e principal diferencial - do Stadia: você poderá rodar os jogos da plataforma em qualquer lugar, em qualquer dispositivo, mesmo com os smartphones e notebooks mais básicos (no caso das TVs, você precisa ter também um Chromecast Ultra). Basta que eles tenham uma conexão confiável à internet. Será possível jogar o Stadia em qualquer lugar, com diversos dispositivos Segundo a Google, os data centers usados para a plataforma contam com potência superior a de seus concorrentes, como o Xbox One X e o PlayStation 4 Pro. Isso porque o Stadia pode atingir até 10,7 teraflops de processamento, contra 6 teraflops do console da Microsoft e 4,2 teraflops do representante da Sony. Com isso, a configuração do dispositivo que estiver rodando os games não é tão importante, já que o processamento não será exigido no hardware e sim nos supercomputadores da Google. Ela diz que, no lançamento, o Stadia será capaz de rodar jogos em 4k e 60 fps, com a promessa de atingir resolução 8K e 120 fps no futuro. Facilidade para rodar os games Essa, talvez, seja a parte mais irritante dos videogames atuais. Sempre que você vai rodar um jogo novo neles, gasta-se um belo tempo para instalá-los, além dos pesados downloads que são necessários fazer de tempos em tempos, atualizações de rede, correções e afins. Sem contar o espaço de armazenamento limitado desses consoles, que exige que você desinstale um game para colocar outro. Carregar e rodar os jogos no Stadia será algo bem mais simples No Stadia, esses aborrecimentos tendem a desaparecer. Já que tudo será executado via streaming, não precisaremos mais instalar os jogos nos dispositivos para rodá-los, nem baixar as atualizações. Tudo isso será feito a partir dos data centers da Google. Só precisaremos acessar o game que queremos e pronto! Diversos blockbusters já estão confirmados Quando um novo videogame é lançado, é normal que o número de jogos seja reduzido em um primeiro momento. No entanto, esse é um problema que o Stadia não terá. As maiores desenvolvedoras do mercado já confirmaram presença na plataforma e trarão alguns de seus principais títulos. A Ubisoft, por exemplo, trará Assassin´s Creed Odissey, Just Dance e Tom Clancy´s Ghost Recon; já a Warner chega com Mortal Kombat 11; a Square Enix, por sua vez, terá Final Fantasy XV e os três últimos games da série Tomb Raider. A 2K Games oferecerá NBA 2K e Borderlands 3; a Codemasters contará com GRID e a THQ aparece com Darksiders Genesis e Destroy All Humans. E, entre outras desenvolvedoras, um dos maiores destaques a aparecer no Stadia fica por conta da CD Projekt RED, que lançará o aguardado Cyberpunk 2077, o game futurista onde um dos protagonistas é Keanu Reeves. Cyberpunk 2077 tem presença confirmada no Stadia. John Wick agradece  Sentimos falta dos anúncios de da EA, Rockstar e Disney, mas eles devem pintar logo mais. Evolução gráfica sem precisar gastar com hardware Como dissemos, a performance do Stadia não dependerá do hardware do seu notebook, celular, tablet ou smart TV. Basta que eles tenham uma boa conexão à internet para rodar os jogos com gráficos e tempo de respostas satisfatórios. Isso porque todo o processamento ocorrerá nos supercomputadores da Google e tudo será transmitido ao usuário via streaming E por que isso é uma boa notícia? Porque, ao longo dos anos você não terá de se preocupar em gastar dinheiro em hardware – novos videogames ou componentes para PCs como processadores, GPUs, monitores e memória RAM – para ter uma evolução gráfica e de jogabilidade no Stadia. No seu lançamento, o Stadia será capaz de rodar jogos em 4k e 60 fps. E, mais para a frente, a Google promete que o serviço atingirá resolução 8K a 120 fps. E você nem vai precisar pesquisar o preço de uma smart TV do gênero para ter essa qualidade gráfica. Por que o Stadia não emplacará no mundo dos games? O público gamer é conservador Por mais que que os videogames vivam de inovações, o fato é que aquelas consideradas mais, digamos, disruptivas são apenas pontuais. Entre as mais recentes, podemos citar o Nintendo Wii, pela possibilidade de interagirmos com os jogos usando movimento do corpo, e o Switch (também da Nintendo), pela portabilidade sem perda de processamento gráfico. No mais, quem tentou revolucionar o setor, como o Kinect (Microsoft) ou a realidade virtual, caíram por terra. E é aí que o Stadia corre risco. O Stadia vai conseguir vencer seus competidores mais bem estabelecidos no mercado? Isso porque, no geral, o público gamer é conservador. Sua sede por inovação está mais na forma de contar a história e na jogabilidade dentro de um game do que propriamente em inovações muito radicais de hardware, que possam colocar em risco a forma do usuário aproveitar o videogame do jeito que ele está acostumado. Logo, ele gosta de ter um console ali por perto, e sabe que se acontecer algum tipo de defeito, ele mesmo pode resolver. Algo que escapará das suas mãos no caso do Stadia. Não, o Stadia não será a “Netflix dos games” Quando o Stadia começou a virar notícia, muita gente imaginou que ele funcionaria como uma “Netflix dos games”, ou seja, bastaria pagar uma mensalidade para rodar quantos jogos quiséssemos. De quebra, em um primeiro momento, a Google não fez muita coisa para desmentir isso, pelo bem do marketing do seu produto. No entanto, a coisa não será bem assim. Isso porque o Stadia será oferecido em dois planos: o primeiro é o Stadia Base, que será gratuito e rodará jogos com resolução Full HD (taxa de 60 FPS), mas não terá nenhum game grátis. Já o Stadia Pro custará US$ 10, executará os games com resolução 4K ou superior (também a 60 FPS) e terá alguns jogos gratuitos à disposição (o primeiro será Destiny 2), bem como descontos para compra de outros títulos. Não, o Stadia não terá o sistema "Pague e jogue à vontade". Longe disso Ou seja, você precisará pagar para jogar os games mais badalados como Call of Duty, FIFA, GTA, etc. E, de quebra, os preços serão os mesmos que os cobrados nos rivais PS4 e Xbox One. Isso nas palavras de Phil Harrison, chefe do Stadia, que afirmou ao Eurogamer que “não vê como eles [os jogos] seriam mais baratos” quando questionado sobre o assunto. Na visão de Harrison, “o valor que você obtém de um jogo no Stadia é poder jogá-lo em qualquer tela da sua vida – TV, PC, laptop, tablet, telefone; eu acho que isso será valioso para os jogadores”. Resta combinar isso com os potenciais usuários. A internet pouco confiável em muitos países. Inclusive o Brasil Nos testes feitos pela Google, o Stadia conseguirá entregar jogos com resolução Full HD a 60 fps para usuários que tenham conexão à internet de 25 Mbps. Já para games 4K (também a 60 fps), essa velocidade mínima sobe para 30 Mbps. Ou seja, os usuários precisarão ter uma conexão rápida e, principalmente, estável para aproveitar o Stadia como se deve. Mas, como todos também sabemos, serviços confiáveis de internet, que primam pela estabilidade, são artigo raro mundo afora, principalmente no Brasil. Ainda mais se levarmos em conta ambientes com diversos dispositivos conectados a uma única rede, por exemplo, o que acontece em boa parte das residências. A banda larga do Brasil conseguirá suportar a velocidade exigida pela Stadia? Em outras palavras, é provável que boa parte dos provedores de internet mundo afora precise amadurecer mais antes de adotar o Stadia em larga escala. Sem contar que você não poderá aproveitar a plataforma em um ambiente offline, o que não ocorre nos consoles tradicionais. Em outras palavras, amiguinhos: prever que o Stadia será o divisor de águas no mundo dos videogames ainda é uma aposta arriscada. A reação inicial do público nos primeiros meses será fundamental para dizer se o serviço terá futuro ou não. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Essa é a maneira mais simples de acelerar a inicialização do Windows 10

Essa é a maneira mais simples de acelerar a inicialização do Windows 10

canaltech O Windows 10 é um sistema completo e bastante complexo, afinal, são centenas de computadores, laptops e tablets que carregam a obra-prima da Microsoft. Diante disso, é perfeitamente normal que algumas pessoas encontrem problemas da plataforma. Um deles é a demora na execução de tarefas e aplicativos em configurações mais simples. Até o início do próprio Windows 10, chamado de boot, é algo que precisa e pode ser melhorado pelo usuário. Se enquanto seu laptop ou PC com Windows 10 inicia, você consegue coar um café, fazer pão na chapa ou lavar a louça, saiba que alguma coisa de errado está acontecendo com sua máquina. Aprenda a desabilitar a tela de bloqueio no Windows 10 Nesse artigo, portanto, você vai aprender a acelerar o início do seu computador com Windows 10 de forma simples. As mudanças serão perceptíveis logo no primeiro reinício, depois que você seguir o tutorial abaixo. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Como acelerar a inicialização do Windows 10 Com o seu Windows 10 ligado, aperte as teclas Ctrl+Alt+ESC para que o Gerenciador de Tarefas seja aberto. Esse é o atalho mais prático, mas você também pode pesquisar por essa ferramenta na barra de buscas do sistema que fica ao lado do menu iniciar. Com o gerenciador aberto, clique na aba "Inicializar". Nesta seção aparecerá uma lista com todos os programas que são iniciados e carregados com o Windows 10, ou seja, sempre que o sistema é ligado esses programas são executados por completo. Note que você só consegue usar o sistema de forma ágil quando ele termina de carregar todas essas aplicações. Logo, desativar as opções que são inúteis para você, e também para o sistema, é a melhor forma de tornar a inicialização do Windows 10 mais rápida. Clique com o lado direito do mouse em cima do nome do programa desejado e selecione "Desabilitar". Desative apenas opções que você tem certeza que não são essenciais para o funcionamento do sistema. Algumas delas, inclusive, não podem ser desativadas (nem mesmo pelo administrador) por serem vitais para o sistema. Não aconselhamos, por exemplo, que você desabilite programas que rodam drivers de placas, como rede, impressora, áudio ou gráfico. Pronto! Reinicie seu computador para experimentar as alterações. Agora, se você usa um computador com Windows 8, precisa seguir o tutorial que publicamos no link abaixo, pois o procedimento é totalmente diferente do Windows 10: Aprenda a deixar o boot do seu Windows 8 mais rápido ainda E aí, o que achou dessa dica? Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

iPhones ultrapassam limite de radiação permitido pela FCC, apontam testes

iPhones ultrapassam limite de radiação permitido pela FCC, apontam testes

Tecmundo O Chicago Tribune contratou um laboratório para medir a radiação emitida por alguns smartphones populares e descobriu que boa parte dos modelos iPhone ultrapassam os limites estipulados pela Federal Trade Commission (FCC), órgão regulador dos Estados Unidos.O estudo mediu o nível de radiação absorvido pelo tecido humano com os smartphones da Apple em 5 mm e 2 mm, como se o aparelho estivesse no bolso do usuário. Os primeiros testes foram feitos nos padrões da FCC e apontaram resultados negativos em praticamente todos os modelos da Apple.Leia mais... Veja Mais

No celular! Konami agenda lançamento de PES 2020 para outubro no Android e iOS

tudo celular Jogo trará os mesmos recursos das versões de console e Windows. Veja Mais

Fitbit Versa 2: relógio inteligente ganha certificação e tem informações confirmadas

tudo celular Órgão de certificação Bluetooth SIG confirma detalhes do novo Fitbit Versa 2. Veja Mais

Correios será a 1ª estatal privatizada pelo governo Bolsonaro

Correios será a 1ª estatal privatizada pelo governo Bolsonaro

Tecmundo A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos será a primeira estatal privatizada entre as 17 companhias que apareceram na lista anunciada ontem (22) pelo ministro da economia, Paulo Guedes. A informação foi confirmada pelo presidente Jair Bolsonaro também nesta quarta-feira, segundo informa o Estado de S.Paulo.O presidente disse que a empresa de entregas será o ponto de partida no movimento das privatizações enquanto saída do Palácio da Alvorada. Ao ser questionado por jornalistas se a mudança ocorreria ainda este ano, o chefe de estado comentou que esse é "um processo bastante longo" e que precisa de aprovação do Congresso.Leia mais... Veja Mais

Nada de doces: Android Q vai se chamar apenas 'Android 10'

Nada de doces: Android Q vai se chamar apenas 'Android 10'

Tecmundo A Google oficializou nesta quinta-feira (22) o nome da próxima versão do sistema operacional Android, além de confirmar novidades na identidade visual da plataforma. A versão, que antes era chamada extraoficialmente de Android Q, foi batizada como Android 10. Ela sucede a Android Pie (9.0), atualmente saindo já de fábrica em dispositivos lançados no mercado.Essa decisão significa a quebra de uma tradição: desde o lançamento do Android 1.5 (Cupcake), a empresa batizada as atualizações com o nome de alguma sobremesa — veja a evolução completa aqui.Leia mais... Veja Mais

Galaxy A30s e A50s são oficialmente lançados pela Samsung

Galaxy A30s e A50s são oficialmente lançados pela Samsung

Tecmundo Depois de uma série de rumores e vazamentos, a Samsung oficializou nesta quinta-feira (22) dois novos smartphones da linha intermediária com aspectos premium. Os modelos são o Galaxy A30s e Galaxy A50s — que, como o nome indica, são versões levemente turbinadas dos já lançados A30 e A50.De acordo com a fabricante, os dois modelos são voltados para quem deseja "capturar e compartilhar as experiências instantaneamente", o que significa o foco em fotografia, bateria e qualidade da tela. Ainda não há informações sobre preço e disponibilidade dos dispositivos, nem em quais mercados eles serão lançados.Leia mais... Veja Mais

Baixe agora: papéis de parede oficiais do ROG Phone 2 já estão disponíveis para download

tudo celular Papéis de parece oficiais do ROG Phone 2 já estão disponíveis para download. Baixe agora mesmo para o seu smartphone. Veja Mais

Verizon recorre a parceria com Boingo para expandir cobertura 5G nos EUA

tudo celular Estratégia visa levar o poder da conectividade 5G a ainda mais clientes. Veja os detalhes no artigo a seguir. Veja Mais

Sinal verde! Operadora japonesa NTT Docomo volta a oferecer smartphones da Huawei em seu catálogo

tudo celular As três maiores telecoms do Japão voltaram a trabalhar com a venda de smartphones Huawei essa semana. Mais detalhes no artigo. Veja Mais

Fãs protestam contra cancelamento da série The OA e rola até greve de fome

Fãs protestam contra cancelamento da série The OA e rola até greve de fome

canaltech Em 2018, a Netflix confirmou que a série The OA teria 5 temporadas. No entanto, no início deste mês, a plataforma de streaming anunciou, subitamente, que a produção original seria cancelada. O motivo? Ninguém sabe. O canelamento da série repercutiu tanto que os fãs resolveram fazer protesto nas portas da sede da empresa na última quarta-feira (21), de acordo com o Business Insider. Desde o último dia 16 de agosto, Emperial Young, uma escritora de 35 anos e fã da série, passou a visitar a rua em que está situada a sede da Netflix diariamente, para tentar chamar a atenção da gigante do streaming na esperança de reverter a decisão da empresa de cancelar The OA. Young diz ao Business Insider que, em protesto, não está comendo nada desde a última segunda-feira (19). "Entretenimento é alimento para a alma humana e o algoritmo da Netflix não está medindo isso agora", afirma Young. "E ao não comer, estou dizendo que esse show é mais importante para mim do que comida de verdade", completa. Young decidiu inclusive levar as manifestações às redes sociais, explicando a sua decisão de fazer uma greve de fome e dissertando a respeito da importância de certos programas de televisão quando se trata de ajudar as pessoas a lidar com a vida cotidiana: "Para todas as pessoas que pensam que é absurdo a greve de fome sobre um programa de TV: eu concordo. Mas vocês querem saber algo ainda mais absurdo? Dezenas de milhares de pessoas morrem nos Estados Unidos todos os anos porque não conseguem ajuda. Eles não podem pagar serviços para tratar problemas de saúde mental e condições médicas. Condições não tratadas dificultam a obtenção de emprego, tornando ainda mais impossível obter ajuda", escreveu. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- PART I - THE OBLIGATORY ABSURDITYTo all the people thinking it is absurd to hunger strike over a TV show: I agree. But you want to know something even more absurd? — E. T. Young (@emverse) August 19, 2019 O protesto chamou a atenção de uma das estrelas de The OA, Brandon Perea. O ator estava passando pelo protesto solo de Young na semana passada, parou para tirar algumas fotos e vídeos, e ainda compartilhou nas redes sociais. "O suporte para #SaveTheOA é REAL! OBRIGADO", escreveu. Brandon Perea compartilha o protesto em suas redes sociais (Foto: Reprodução/Twitter) A série cancelada pela Netflix conta a história de uma mulher chamada Prairie Johnson (vivida por Brit Marling, de Babylon), que, completamente cega, desapareceu há sete anos apenas para retornar com sua visão totalmente restaurada. De volta sob o apelido de Anjo Original (daí o nome da série, abreviação de "Original Angel"), Johnson recrutou um grupo de agentes para ajudá-la a resgatar pessoas desaparecidas ao abrir portais para outra dimensão. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Asteroide do tamanho do maior prédio do mundo passará perto da Terra em setembro WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Novo filme de Mortal Kombat já tem alguns atores confirmados; veja quem são 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited Veja Mais

Malware rouba informações de preenchimento automático em navegadores

Malware rouba informações de preenchimento automático em navegadores

canaltech Nesta quinta-feira (22), a empresa Kaspersky, que é voltada à segurança cibernética, revelou que, se um computador estiver infectado com um malware chamado Stealer, as informações de preenchimento automático (aquelas de formulário que o navegador grava para te poupar de preencher tudo de novo) podem ser roubadas por criminosos. A empresa aponta que, somente no primeiro semestre deste ano, seus produtos de segurança detectaram mais de 940 mil ataques com o Stealer, aumento de um terço em relação ao mesmo período de 2018. No entanto, os stealers não se concentram unicamente em dados de preenchimento automático em navegadores. Eles também vão atrás de carteiras de criptomoedas e dados de jogos, e roubam arquivos da área de trabalho. O malware consegue as informações da seguinte forma: se alguém roubar um arquivo com dados de preenchimento automático, não poderá usá-lo porque tudo está protegido por criptografia, mas os navegadores presumem que o dispositivo e a conta estão bem protegidos, então qualquer programa executado a partir de sua conta de computador é capaz de extrair e descriptografar informações armazenadas. É aí que os malwares invasores agem, executados através da sua própria conta. Os navegadores não deixam as informações do usuário protegidas A Kaspersky diz que o único navegador que oferece proteção extra é o Firefox, porque ele deixa o usuário criar uma senha mestra que deve ser inserida quando precisar descriptografar informações. O Google Chrome, por sua vez, sempre armazena os dados do usuário no mesmo local, então os stealers encontram isso com facilidade. Quando o malware consegue os dados de preenchimento automático, eles são enviados aos cibercriminosos, que podem usar ou vender. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Frente a esse perigo, a empresa de segurança cibernética orienta os usuários a não confiar que informações importantes são mantidas em segurança pelo seu navegador, e inserir manualmente as informações sempre que for preencher algum formulário. Armazenar as senhas em um gerenciador de credenciais também é uma ideia. Além disso, usuários do Firefox podem proteger as informações armazenadas no navegador com uma senha mestra. A empresa ainda ressalta que a melhor maneira de proteger as informações é impedir que malwares entrem no seu computador e, para isso, é preciso instalar uma solução de segurança confiável que manterá as ameaças sob controle. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Veja Mais

Vazamento revela vários novos produtos que a Apple pode lançar em 2019

Vazamento revela vários novos produtos que a Apple pode lançar em 2019

canaltech Nesta quinta-feira (22), a Bloomberg publicou um enorme vazamento com diversas informações sobre os aparelhos que deverão ser anunciados pela Apple ainda este ano. Nós já separamos em uma outra postagem todas as informações que foram reveladas sobre o iPhone 11 e iPhone 11 Pro, então aqui falaremos sobre os outros dispositivos que foram citados no vazamento da vez. Novo MacBook Pro Além das diversas novidades sobre os novos iPhones, o vazamento fala também da existência de um novo MacBook Pro com uma tela do que 16 polegadas - o que fará do aparelho não apenas maior do que os outros MacBook Pro já existentes, como também o modelo com a maior tela de que o MacBook Pro de 17 polegadas foi descontinuado em 2012. Mas, apesar da tela maior, o notebook em si não irá aumentar de tamanho. O novo MacBook Pro terá o mesmo tamanho do modelo com tela de 15 polegadas, e isso será possível porque a Apple conseguiu diminuir as bordas da tela do equipamento, o que permitiu desenvolver um aparelho com tela maior sem a necessidade de aumentar suas dimensões. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Novos AirPods e HomePod Também foi revelada a existência de uma versão mais barata do HomePod, e a principal diferença será o uso de apenas dois falantes no aparelho, ao invés dos sete presentes no modelo original. Não se sabe quando esse novo HomePod será anunciado, mas espera-se que isso aconteça até o começo do ano que vem, caso não aconteça em 2019 mesmo. Além dos HomePods, a Apple também estaria trabalhando em um novo modelo dos AirPods, que serão mais caros do que os US$ 159 dos modelos atuais, mas trarão algumas melhorias interessantes como cancelamento de ruído externo e resistência à água. Novos iPads Também surgiram informações sobre três novos modelos de iPads: dois deles serão versões atualizadas do iPad Pro, de 11 e 12,9 polegadas. Ambos os aparelhos terão melhorias “parecidas” com as que existirão no iPhone 11, então poderemos esperar melhorias no hardware e no software da câmera e o uso dos novos chips A13 de 7nm desenvolvidos pela Apple. O terceiro modelo será um iPad de 10,2 polegadas com especificações de hardware mais simples, voltado para estudantes e outros usuários que não precisam de tanto potência. Esse modelo chegaria para substituir o iPad tradicional de 9,7 polegadas, sendo essa a primeira vez desde que a Apple anunciou o primeiro iPad que este tamanho de tela será substituído. Por enquanto, ainda não há uma data exata para quando essas novidades serão anunciadas, mas há rumores de que o próximo evento da Apple - que deverá anunciar os novos modelos do iPhone - deve acontecer no dia 10 de setembro. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários 1 milhão de livros por apenas R$ 1,99! Aproveite a promoção do Kindle Unlimited Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” WhatsApp libera nova versão beta do app para iOS Veja Mais

CT News - 22/08/2019 (iPhone 11 Pro com suporte para Apple Pencil)

CT News - 22/08/2019 (iPhone 11 Pro com suporte para Apple Pencil)

canaltech iPhone 11 Pro com suporte para Apple Pencil // TIM envia fatura digital pelo WhatsApp // Microsoft ouve o que você fala perto do Xbox // Spotify com teste gratuito por três meses // Samsung lança Galaxy A30s e A50s Ouça ao podcast. Veja Mais

YouTube retira vídeos de lutas de robôs alegando abuso animal

YouTube retira vídeos de lutas de robôs alegando abuso animal

Tecmundo O YouTube retirou do seu sistema uma série de vídeos. O motivo para a exclusão do conteúdo foi a alegação de presença de abuso animal no material. No entanto, a internet tem questionado a ação da plataforma. Segundo os usuários, os vídeos excluídos seriam de lutas de robôs e não teriam infringido nenhuma das regras da comunidade.A ação do YouTube fez com muitos usuários se pronunciassem sobre o tema. O canal Maker's Muse gravou um vídeo mostrando relatos de produtores de conteúdo que foram afetados. O questionamento apresentado é em relação ao sistema adotado. Aparentemente, o algortimo está excluíndo todos os vídeos sinalizados como impróprios, sem que haja uma revisão humana.Leia mais... Veja Mais

Apple Card ganha perfil no Twitter e recebe ações de publicidade nos EUA

Apple Card ganha perfil no Twitter e recebe ações de publicidade nos EUA

Tecmundo Apple Card ganha perfil oficial no Twitter e apresenta novo serviço de pagamento na rede social para público norte-americano. Até o momento a companhia de Cupertino público apenas um tuíte sobre o novo produto, lançado neste mês somente nos Estados Unidos. Assim a promoção do cartão de crédito deve seguir a mesma linha adotada pela Apple quanto a outros serviços, ao apresentá-los de modo segmentado e individual, como é o caso do iTunes, Apple Music e App Store.Além das mídias digitais, a empresa ainda tem feito ações de divulgação do Apple Card em suas lojas físicas. Em alguns desses espaços, já é possível visualizar banners sobre as vantagens de se adquirir o meio de pagamento exclusivo. Um desses casos apresenta seu programa de cashback de 3% sobre qualquer compra realizada com o Apple Card.Leia mais... Veja Mais

Irmãos Russo explicam as consequências das Joias do Infinito no Hulk

Irmãos Russo explicam as consequências das Joias do Infinito no Hulk

Tecmundo Os diretores Anthony e Joe Russo, participaram de uma conversa com fãs para responder algumas dúvidas sobre Vingadores: Ultimato. Uma das perguntas questionava sobre os ferimentos que o Hulk teve após usar a manopla. Como o herói possui fator de cura, os fãs ficaram se questionando por que ele terminou o filme com o braço machucado.“O Hulk nunca enfrentou todas as Joias do Infinito de uma única vez. Thanos é quase invencível e também não se recuperou”, explicou Joe Russo. "Então, naturalmente, quando você usa todo o poder das Joias, o dano é irreparável", complementou o diretor. "Se não te matar", acrescentou Anthony Russo.Leia mais... Veja Mais

Versão beta de Minecraft Earth traz realidade aumentada para Android

Versão beta de Minecraft Earth traz realidade aumentada para Android

canaltech Nesta tarde de quinta-feira (22), a equipe do Minecraft Earth anunciou, por meio do Twitter, que os usuários de dispositivos que usam o sistema operacional Android já conseguem acessar a versão beta do jogo em questão, a partir da próxima semana. Os jogadores que usam o sistema operacional iOS já tinham acesso à versão beta há um tempinho. Basicamente, o Minecraft Earth é um jogo de realidade aumentada da série Minecraft, e está sendo produzido pela Microsoft e pela Mojang. Semelhante ao original, o novo jogo de realidade aumentada é sobre construções colaborativas, ou seja: os jogadores podem construir estruturas de realidade aumentada em colaboração com outros jogadores, coletar recursos e compartilhar cópias de suas estruturas concluídas. Os jogadores podem ainda acessar a aba "Aventuras", que normalmente consiste em tarefas específicas que recompensam os jogadores com a moeda do jogo. Foto promocional do Minecraft Earth, que utiliza da realidade aumentada (Foto: Divulgação) No anúncio feito no Twitter, a equipe por trás do jogo disponibilizou um vídeo mostrando exatamente como funciona o Minecraft Earth, que leva em consideração o cenário em que o usuário se encontra. "Jogadores do Android, ouvimos o seu chamado. Na próxima semana, levaremos o Minecraft Earth beta para seus dispositivos! Certifiquem-se de se inscrever agora para ter a chance de participar da diversão", a conta oficial escreve. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Android players, we’ve heard your call. Next week, we'll be bringing the #MinecraftEarth beta to your devices! Make sure to sign up now for your chance to join the fun! ↣ https://t.co/qjeoN22EN5 ↢ pic.twitter.com/STfBP8cpsg — Minecraft Earth (@minecraftearth) August 22, 2019 Mais do que uma extensão do jogo de construção que envolve o mundo real, Minecraft Earth também permite enfrentar desafios quando o usuário sai de casa e ainda incentiva a fazer aventuras. Funciona como uma experiência verdadeiramente social de Minecraft que apenas usa a realidade aumentada como um artifício. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Eminem processa Spotify por streaming não licenciado Windows 10 dará destaque a recurso que facilita reinicialização Mais um livro de Stephen King ganhará adaptação para os cinemas Veja Mais

Homem-Aranha: Tom Holland pode não retornar ao papel do herói

Homem-Aranha: Tom Holland pode não retornar ao papel do herói

Tecmundo Depois de a Disney e a Sony não terem chegado a um acordo, tudo indica que os próximos filmes do Homem-Aranha não farão parte do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU). Porém, a situação fica ainda mais complexa com a possibilidade da Sony não produzir um terceiro filme com Tom Holland no papel do herói.De acordo com o Hollywood Reporter, o contrato do ator foi feito para dois filmes com um terceiro constando como opcional. Isso significa que se a Sony tiver interesse em produzir uma sequência de Homem-Aranha: Longe de Casa, Tom Holland pode repetir o papel. Porém, o estúdio está livre para ignorar os filmes feitos pela Marvel Studios e rebootar a franquia, mais uma vez.Leia mais... Veja Mais

Samsung traz Galaxy A50 ao Brasil com o dobro de armazenamento

Samsung traz Galaxy A50 ao Brasil com o dobro de armazenamento

canaltech Na última terça-feira (20), a Samsung anunciou o lançamento de aparelhos com 128 GB de memória interna. Galaxy A50, que chegou em abril deste ano no Brasil, contava com 64 GB de memória interna em meio aos já estavam disponíveis no mercado, então a fabricante sul-coreana de smartphones está investindo agora no dobro de memória. “Ao idealizarmos a família Galaxy A, buscamos criar smartphones que privilegiassem a produção de conteúdo. Nosso grande foco com esta linha é auxiliar o público que gosta de compartilhar momentos e contar histórias. Neste sentido, é fundamental que além de recursos que garantam a qualidade da câmera e desempenho, o A50 disponibilize espaço para guardar as memórias criadas. Foi pensando nisso que decidimos lançar uma versão com capacidade de memória interna ainda maior”, afirma Renato Citrini, gerente sênior de produtos da Samsung Brasil. O produto em questão possui câmera com lente Ultra Wide de 123º (que promete oferecer o mesmo ângulo de visão do olho humano e é destinada a fotos panorâmicas) e câmeras traseira e frontal de 25MP. Um aspecto presente nas câmeras é o foco dinâmico, que ajusta o desfoque do fundo da imagem se o usuário assim quiser. O otimizador de cena, que reconhece e aperfeiçoa 20 cenas (como fotos de pessoas, animais, paisagens e alimentos) também se destaca no Galaxy A50. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- O Galaxy A50 agora tem a versão com 128 GB de memória A empresa aponta que o carregamento do Galaxy A50 é rápido, com direito a uma bateria de 4.000 mAH. Além disso, é válido notar que o A50 é Dual SIM, possui 4 GB de RAM e a memória (64 GB ou 128 GB) pode ser expandida com mais 512 GB utilizando um cartão MicroSD. O smartphone também vem com um processador octactore de 2.3 GHz. O gerente sênior de produtos da Samsung Brasil acrescenta: “O Display Infinito do Galaxy A50, com 6.4 polegadas4 Super AMOLED, dá mais espaço para uso de tela e permite uma experiência mais criativa e divertida". Ele ainda completa: "As curvas suaves, por sua vez, garantem adaptação às mãos e conforto. Estamos oferecendo ao consumidor um aparelho que reúne três fatores essenciais para o mercado: inovação, desempenho e design moderno”. O Galaxy A50 pode ser encontrado tanto nas lojas Samsung físicas quanto virtuais por R$ 1,899, na versão com 128 GB. Por sua vez, a versão com 64 GB tem preço sugerido de R$ 1.799. O produto também vem em três modelos: preto, azul e branco. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Eminem processa Spotify por streaming não licenciado

Eminem processa Spotify por streaming não licenciado

canaltech Quem conhece o Spotify já está familiarizado com o portfólio interminável de músicas do mundo inteiro presentes no aplicativo de serviços de streaming. No entanto, nem todos estão satisfeitos com isso. É o caso do Eminem, cantor de rap por trás de músicas como Rap God, Venom, Lose Yourself e Without Me, conhecido principalmente pelas palavras ditas com muita rapidez. Na última quarta-feira (21), o The Hollywood Reporter apontou que a gravadora do Eminem, Eight Mile Style, entrou com uma nova ação judicial alegando que o Spotify infringiu centenas de direitos autorais de músicas. O Music Modernization Act (MMA), que costuma simplificar o licenciamento de música para empresas de tecnologia, permite que músicaa de proprietárioa desconhecidos sejam licenciadas em uma categoria específica, chamada "Controle de Direitos de Autor". Segundo o processo, as músicas de Eminem foram colocadas nessa categoria. A Eight Mile afirma que a empresa sabia exatamente quem possuía essas músicas, e que o Spotify "não se engajou nos esforços comercialmente razoáveis ​​para combinar gravações sonoras com a Eight Mile, conforme exigido pelo MMA", de acordo com a reclamação publicada no Hollywood Reporter. Processo contra o Spotify pode render bilhões Basicamente, o processo poderia render bilhões em danos para o Spotify. A princípio, os danos estão em US$ 150 mil (R$ 609 mil) por cada uma das 243 músicas de Eminem na plataforma, o que equivale a US$ 36,45 milhões (cerca de R$ 146 milhões). O processo também busca uma declaração judicial de que o Spotify não se qualifica para a limitação de danos sob o Music Modernization Act, bem como uma segunda declaração de que a eliminação retroativa da lei de danos disponíveis por violação de direitos autorais é inconstitucional. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- A Eight Mile está sendo representada por Richard Busch. Ele já representou a gravadora no passado, processando com sucesso a Apple e a Aftermath Records por não conseguir obter licenças corretamente antes de vender as músicas de Eminem no iTunes. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Google abandona tradição culinária e próximo Android se chamará “Android 10” Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Sites permitem que usuários finjam que são hackers

Sites permitem que usuários finjam que são hackers

canaltech A segurança cibernética é um assunto muito sério, mas você já se imaginou como um daqueles hackers de filmes, que são verdadeiramente inteligentes e conseguem invadir qualquer sistema? Alguns sites te permitem ter exatamente essa sensação, com aqueles códigos super complicados que (quase) ninguém nunca entende, mas que dão acesso ilimitado a informações confidenciais e muito valiosas. Claro que é tudo brincadeira, e a navegação é bem segura. Mas vale sentir o gostinho de que você é um daqueles mestres da tecnologia. Por meio de um site chamado Hackertype, o internauta se depara com um terminal completamente vazio. Conforme é digitada alguma tecla, um código começa a aparecer. Não tem segredo nenhum: é só apertar qualquer tecla, e a "mágica" acontece. Para se sentir como um verdadeiro hacker, basta digitar bem rápido e ver o código sendo desenvolvido. Aí é só imaginar que você está penetrando um sistema muito importante, como o da CIA ou do FBI. Vale para passar um tempo, brincar e tirar onda com os amigos, fingindo que está hackeando algum lugar (ou mesmo sendo hackeado), pregando peças etc. O Hackertype permite que você finja que é um hacker. Basta apenas apertar qualquer tecla, literalmente (Foto: Captura de tela/Hackertype) Por sua vez, o Geektyper leva a brincadeira de ser hacker a um outro nível. Enquanto o outro site tinha apenas uma página, esse conta com várias, e é bem mais elaborado. Você pode fingir que está acessando sistemas específicos e é só escolher: SHIELD (Vingadores), Umbrella Corporation (Resident Evil), Matrix (auto-explicativo) e até da NASA. São vários temas para você se sentir realmente como em um filme. Nesse caso, basta escolher um dos temas, e dentro dele há várias pastas que podem ser abertas também, trazendo a ilusão de que você está, de fato, entrando no sistema. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Além das pastas, o Geektyper também traz o terminal da empresa em questão, que funciona basicamente como o Hackertype: você digita qualquer tecla, e o código vai se desenvolvendo. O GeekTyper permite que você "invada" sistemas de empresas famosas, como a NASA (Foto: Caputra de tela/GeekTyper) Diferente do outro site, o GeekTyper está disponível também para download. "Este site destina-se a ser uma piada prática. Nós não somos responsáveis por qualquer problema que você possa ter com isso. O "hacking" não é real e tudo que você digita não é armazenado em lugar algum. Suas preferências são armazenadas no cache do seu navegador. Nós não somos responsáveis pelo conteúdo criado pelo usuário", diz a descrição do site. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

Mais um livro de Stephen King ganhará adaptação para os cinemas

Mais um livro de Stephen King ganhará adaptação para os cinemas

canaltech Os livros do novelista e escritor Stephen King já renderam ótimas adaptações para o cinema e, segundo o Hollywood Reporter e um tuíte do próprio autor, mais uma obra deve aparecer nas telonas: The Girl Who Loved Tom Gordon, sem tradução no Brasil, está em vias de ser filmado por Chris Romero, viúva do falecido produtor e ícone do “cinema zumbi” George A. Romero. A produtora se juntou à equipe responsável por IT: A Coisa — esta última, outra obra de King — para executar o projeto. Os produtores Roy Lee e Jon Berg (Vertigo Films), bem como Ryan Silbert (Origin Story) vão encabeçar as filmagens da obra literária de 1999. O livro conta a história de Trisha McFarland, que se perdeu em uma densa floresta durante uma trilha com sua recém-divorciada mãe e seu irmão. A protagonista, que tem nove anos de idade e tem medo do escuro, permanece na mata por nove dias, tentando retornar à civilização. Durante esse tempo, problemas como desidratação, fome e exaustão física causam alucinações na criança, que passa a falar com várias pessoas em sua imaginação, entre eles“Tom Gordon” um jogador de beisebol que é um ídolo da personagem. A trama evolui a ponto de Trisha acreditar que está sendo perseguida por uma fera sobrenatural chamada de “Deus dos Perdidos”. (Imagem: Reprodução/Wikipedia) Andrew Childs (LEGO Batman; Death Note) é o produtor executivo da adaptação e a equipe está à procura de um roteirista para desenvolver a narrativa para as telonas. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- O projeto havia sido iniciado pelo próprio George Romero. As negociações acabaram parando e o produtor - reconhecido pelo seu papel na introdução dos zumbis nos cinemas em filmes como A Noite dos Mortos Vivos, Despertar dos Mortos e Dia dos Mortos - acabou morrendo em 2007. Chris, sua esposa e colega de trabalho por meio do selo Sanibel Films, decidiu reanimar a ideia. O próprio Stephen King, autor do livro, confirmou a notícia pelo Twitter, mostrando sua empolgação: “‘The Girl Who Loved Tom Gordon’ está chegando. Finalmente! Estou empolgado”. Em comunicado divulgado à imprensa americana, King falou um pouco mais: “Estou muito feliz pelo meu livro, que está ganhando uma adaptação para os cinemas, e que a empresa de George está envolvida. Chris (Romero) vem trabalhando duro há muito tempo para fazer esse projeto acontecer”. THE GIRL WHO LOVED Tom Gordon is coming--finally. I'm excited.https://t.co/6cypKBzK6C — Stephen King (@StephenKing) August 21, 2019 Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: WhatsApp já começa a aparecer com "novo nome" para alguns usuários Spotify Premium agora dá a novos assinantes os 3 primeiros meses de graça Estudo de ONG diz que Amazon, Microsoft e Intel colocam mundo em risco com IA Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Veja Mais

TIM começa a vender linha P30 da Huawei amanhã (23) com desconto no plano Black

tudo celular Promoção para clientes TIM Black vai até domingo (25) Veja Mais

Walmart inicia processo contra Tesla por 7 incêndios em painéis solares

Walmart inicia processo contra Tesla por 7 incêndios em painéis solares

Tecmundo Na última terça-feira (20), o Walmart entrou com uma ação milionária contra a Tesla. A gigante do varejo alega que a empresa foi negligente na instalação e manutenção de painéis solares nos telhados das lojas. Os documentos judiciais detalham uma série de incêndios ocorridos nas coberturas de até sete lojas do Walmart entre 2012 e 2018 nos Estados Unidos.A Tesla adquiriu a SolarCity em 2016 e, desde então, vem investindo fortemente no mercado de painéis solares — inclusive se unindo ao Walmart em várias iniciativas em prol de energia limpa. Mais de 240 lojas foram equipadas com os painéis solares da empresa, mas, segundo a marca, as instalações solares “tinham o hábito de pegar fogo”.Leia mais... Veja Mais

Goku e Piccolo vão tirar carteira de habilitação em Dragon Ball Z: Kakarot

Goku e Piccolo vão tirar carteira de habilitação em Dragon Ball Z: Kakarot

Tecmundo Ampliando as opções disponíveis dentro de Dragon Ball Z: Kakarot, a Bandai Namco anunciou que o game vai trazer o episódio no qual Goku e Piccolo tiram sua carteira de habilitação adaptado no formato de um minigame, que até o momento não teve mais detalhes divulgados.A produtora também revelou que Trunks e Gohan serão personagens selecionáveis durante o arco que tem Cell como vilão. Além disso, o título deve trazer novas cenas que não estavam no mangá ou mesmo no anime para compor o desenvolvimento desta saga, todas focadas em Gohan e Android 16.Leia mais... Veja Mais

iPhone 11: site confirma 'Pro' no nome, Face ID melhorado e recarga reversa

iPhone 11: site confirma 'Pro' no nome, Face ID melhorado e recarga reversa

Tecmundo Faltando um mês — ou até menos — para o anúncio dos novos iPhones, a Bloomberg fez um apanhado de todos os rumores recentes sobre os dispositivos, confirmando algumas especulações e adicionando novos detalhes sobre os modelos.De acordo com o site, serão mesmo três aparelhos e o nome "Pro" será utilizado no lugar dos sufixos "Plus" ou "Max". Essas variantes terão altas capacidades de edição e melhoria de vídeos e até mesmo filtros aplicados ao vivo — algo possível graças ao processador A13. Eles ainda contarão com um novo sistema de câmeras, com um terceiro sensor ultra wide.Leia mais... Veja Mais

OnePlus lançará novo modelo de TV premium em setembro

OnePlus lançará novo modelo de TV premium em setembro

canaltech A OnePlus, uma das principais marcas de smartphones da China vai ampliar sua linha de produtos. De acordo com o CEO da companhia, Pete Lau, um aparelho de TV posicionado como "premium" será lançado em setembro. Em postagem no fórum da marca, o executivo deu alguns detalhes sobre o lançamento. Segundo ele, a TV será lançada inicialmente na Índia, já que conta com um bom relacionamento com provedores de conteúdo por lá. No entanto, o aparelho também será lançado na América do Norte, Europa e, claro, China tão logo a OnePlus feche parcerias com indexadoras de conteúdo locais. "O ecossistema de conteúdo varia de um país para outro. Sempre tivemos um relacionamento muito positivo com provedores [de conteúdo] na Índia, que sempre estiveram dispostos a fazer parcerias conosco, o que garante um ótimo conteúdo para nossos usuários", comentou Lau na postagem. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Imagem postada no fórum da OnePlus mostra pouco da TV/ Imagem: OnePlus Isso faz todo o sentido quando observamos alguns detalhes dessa TV. Segundo a marca, o aparelho irá se comportar como uma espécie de hub social diário, conectado a assistentes inteligentes. "A OnePlus TV é um passo importante para o envolvimento da OnePlus no mundo da internet das coisas e interconexão. É, também, uma prova do nosso compromisso em continuar nossa exploração sobre como podemos melhorar o mundo ao nosso redor ao projetar uma experiência humana conectada", continua Lau. Sobre o aparelho em si, não existem muitos detalhes. Mas a postagem revela que a tela será de OLED, com design sofisticado e que vai "transparecer" o aspecto de flagship. Segundo a marca, mais detalhes devem ser revelados em breve. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses NASA planeja usar energia térmica nuclear em foguetes para chegar a Marte Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox Nubank começa a expandir contas de pessoa jurídica para seus clientes Veja Mais

Para expandir mundo de Harry Potter, Niantic aposta no 5G e na nuvem

Para expandir mundo de Harry Potter, Niantic aposta no 5G e na nuvem

canaltech A imagem de gente correndo loucamente por aí atrás de Pokémon já se tornou comum, mas não se assuste se, no futuro, esse burburinho for substituído pelo som de invocações de feitiços e batalhas campais de magia. Pelo menos é essa uma das apostas da Niantic para o futuro não apenas de Harry Potter: Wizards Unite, mas também dos jogos de realidade aumentada em si. A ideia é garantir uma jogatina multiplayer em tempo real, sem lag nem problemas de conexão, utilizando a força de seus servidores localizados ao redor do mundo e também da tecnologia 5G. A desenvolvedora compartilhou um pouco destes objetivos tão ambiciosos durante o WB Games Summit 2019, evento da distribuidora que aconteceu nesta terça-feira (20) em São Paulo (SP), e trouxe novidades ou visões mais aprofundadas sobre alguns dos próximos lançamentos da marca. Com a palavra estava Aramis Pelissari, que trabalha para a Niantic com foco no crescimento do mercado latino-americano, um dos mais fortes para a companhia. E aqui não estamos falando apenas de Pokémon GO, um sucesso indiscutível desde seu lançamento, mas também do próprio Harry Potter: Wizards Unite, o maior lançamento mobile da Warner no Brasil e que tem o nosso país como o quinto colocado em número total de jogadores. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Você já pode até conhecer o game, com as batalhas em lugares reais, caça por itens e duelos usando realidade aumentada. O que Pelissari exibiu no palco, entretanto, foi um olhar sobre o futuro do título, com jogadores se enfrentando em tempo real e lançando feitiços uns sobre os outros. Se, hoje, Wizards Unite é citado por muita gente como o “Pokémon GO de Harry Potter”, a demonstração exibida poderia muito bem ser definida como um “Call of Duty em realidade aumentada”.   Os testes, segundo Pelissari, foram feitos em condições ideais, utilizando uma combinação de iPhone 8 e Pixel 2, da Google, juntamente com uma conexão 5G ainda limitada oferecida por parceiros de telecom. Os resultados, entretanto, foram impressionantes, com uma jogatina sem lag e com comportamento em tempo real, com danos e efeitos sendo vistos da mesma forma por todos enquanto o game rastreava suas posições e gerava interatividade simultaneamente. O segredo por trás de tudo é o que a Niantic chama de Nuvem AR, basicamente a alma que une todos esses elementos e os transforma em jogo. Na combinação das imagens capturadas pelos celulares envolvidos na ação, por exemplo, os servidores são capazes de determinar a posição de obstáculos e a profundidade do cenário, gerando elementos interativos de acordo. Essa é, também, a forma de manter os jogadores ligados na tela dos celulares. Como o próprio Pelissari explica, os títulos da Niantic são focados em interação, prática de exercícios e experiências sociais. E, no último caso, nada melhor do que promover uma sadia guerra de feitiços entre amigos, entre uma partida de quadribol e outra. O 5G ainda está distante de nós, mas a desenvolvedora quer garantir estar preparada quando ele chegar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses NASA planeja usar energia térmica nuclear em foguetes para chegar a Marte Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox Nubank começa a expandir contas de pessoa jurídica para seus clientes Veja Mais

Mais uma pra série! Oppo Reno A tem especificações e renderização reveladas

tudo celular Oppo Reno A deve ter Snapdragon 710, entalhe de gota, duas câmeras traseiras, leitor de impressões digitais sob o display. Veja Mais

Justiça chinesa decide contra o uso da marca 'MIX' pela Xiaomi

Justiça chinesa decide contra o uso da marca 'MIX' pela Xiaomi

Tecmundo Um tribunal de Pequim decidiu, inicialmente, contra o uso da marca "MIX" pela Xiaomi. A adoção da denominação pela fabricante é uma violação de marca registrada, uma vez que outra empresa registrou o nome anteriormente. A fabricante chinesa teria sido, então, levada à justiça em uma disputa legal e, com base no julgamento, não poderá usar a dita marca para nenhum de seus dispositivos futuros.Aproximadamente um mês após o lançamento do primeiro smartphone da série em questão, no dia 14 de novembro de 2016, a Xiaomi teria pedido a marca na China, sem saber que dois anos antes, em 23 de novembro de 2014, outra empresa já havia feito uma solicitação de registro para a mesma denominação. Em março deste ano, o caso foi levado ao tribunal de Pequim, depois que Xiaomi se recusou a responder à disputa de marca registrada.Leia mais... Veja Mais

Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana

Cidadania4u | Site ajuda brasileiros no pedido de cidadania italiana

canaltech O Brasil conta com muitos descendentes de italianos e, por isso, o pedido para obter a cidadania do país se torna um processo ainda mais longo e complicado. Pensando em auxiliar essas pessoas no pedido, o site Cidadania4u foi desenvolvido. O projeto oferece serviços de consultoria, busca de documentos e assessoria jurídica, disponibilizando na plataforma todo o andamento do processo de requerimento de forma transparente. Os preços variam de acordo com cada caso, custando uma média entre R$ 3 mil a R$ 20 mil, com possibilidade de pagamento parcelado em até seis vezes. O valor final vai depender da quantidade de documentos que precisam ser coletados, traduzidos e da complexidade. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Processo Com as informações e documentos do requerente, uma linha do tempo personalizada é criada exibindo a ordem das etapas que precisam ser concluídas. A execução das tarefas depende do consulado italiano de cada parte do Brasil, visto que existem regras e formas de trabalho independentes. Com essa vasta procura, é possível encontrar certidões, fazer traduções, entre outras etapas do processo em tempo real sem preocupação para o cliente. Sendo assim, o requerente precisa apenas aguardar. Imagem: Reprodução O Cidadania4u conta com diversos colaboradores especialistas nas áreas em que atuam, responsáveis por cumprir as tarefas de forma rápida. Rafael Gianesini, um dos fundadores do serviço, conta que a ideia do projeto é que a pessoa consiga acompanhar em tempo real todas as fases do processo, desde a busca e tradução dos documentos até a visita ao consulado. "Dessa forma, o cliente estará sempre a par da operação a toda a documentação de forma online e digital por meio de nosso app", conta. O processo é demorado, mas Gianesini afirma que o tempo de espera não deve passar de dois anos, segundo a lei italiana. "Por isso, possuímos uma equipe jurídica à nossa disposição na Itália para garantir que essa norma seja cumprida, facilitando ainda mais a vida dos nossos clientes", completa. Somente no último semestre, o site Cidadania4u, que também está disponível em aplicativo para Android e iOS, recebeu 280 pedidos. Cerca de 370 pessoas já foram atendidas, contando com faturamento total de R$ 380 mil. Até o fim do ano, a expectativa da empresa é alcançar um crescimento de 30%. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses Queimadas na floresta amazônica brasileira são vistas por satélite da NASA Rumor | iPhone 11 Pro deve ter suporte para a Apple Pencil Veja Mais

Detetive TudoCelular: com sequência confirmada, relembre tecnologias e referências de Matrix

tudo celular Esta coluna separou os principais conteúdos presentes nos filmes, para relembrar o que Matrix trouxe para a época. Veja Mais

Samsung lança os Galaxy A30s e A50s; veja o que mudou da linha original

Samsung lança os Galaxy A30s e A50s; veja o que mudou da linha original

canaltech A Samsung anunciou oficialmente duas atualizações na sua principal linha de smartphones intermediários, com o lançamento dos Galaxy A30s e A50s. Os aparelhos chegam com mudanças interessantes no design, novas câmeras e recursos. Confira o que há de novo nos novos modelos: Samsung Galaxy A50s O Galaxy A50 é o celular mais vendido da Samsung neste momento, então, todo o cuidado é pouco por aqui. Mas, calma, que as mudanças para o A50s foram legais. A começar pelo painel traseiro, que ganhou um novo padrão geométrico e acabamento com efeito holográfico, que chegará em quatro cores: Prism Crush Black, Prism Crush White, Prism Crush Green e Prism Crush Violet2. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no WhatsApp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- A câmera principal do A50s também é diferente da do seu irmão mais velho. Ele chega com uma novo sensor principal de 48MP e lente com abertura de f/2.0, emparelhada aos antigos módulos de profundidade de 5MP e ultra-wide de 8MP com 123º. Outra melhoria foi na câmera de selfie, que foi atualizada para uma lente de 32MP e abertura de f/2.0. Antes, a resolução era de 25MP. Imagem: Samsung No mais, tudo permanece o mesmo. A tela é uma Infinity-U Super AMOLED (1080x2340px) de 6.4 polegadas. Por dentro do chassi, o Galaxy A50s usa um chipset octa-core Exynos 9610 de 10nm, com 4GB ou 6GB de RAM, uma bateria de 4.000mAh com carregamento rápido de 15W e um scanner de impressão digital no display. A Samsung ainda deve anunciar disponibilidade e preço do aparelho, bem como se ele chegará ao Brasil. Samsung Galaxy A30s Tal qual o A50s, o Samsung Galaxy A30s também ganha o novo design e vem nas mesmas quatro cores. A câmera traseira recebe uma nova lente principal de 25MP e abetura de f/1.7 (antes era de 16MP), um novo módulo de 8MP, com lente ultra-wide e um sensor de profundidade (este igual ao A30 tradicional) de 5MP. A câmera selfie não foi modificada e segue sendo a de 16 MP, com abertura de f/2.0. Outra mudança fica por conta do sensor de impressões digitais, antes localizado na parte traseira e que agora também pode ser usado na tela. O Galaxy A30s tem uma tela Infinity-V Super AMOLED, de 6,4 polegadas, com resolução de 720x1560px, o que, nesse caso, é pior do que o display de 1080p do A30 original. O aparelho será alimentado por um chipset Exynos 7904 (octa-core) de 14nm, com 3GB ou 4GB de RAM e uma bateria de 4.000mAh, com carga de 15W. A diferença por aqui será a inclusão de uma versão com armazenamento de 128GB. Imagem: Samsung A Samsung ainda não revelou o preço e disponibilidade deste produto. E aí, gostaram das mudanças nas linhas A30 e A50? Deixem nos comentários! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses Queimadas na floresta amazônica brasileira são vistas por satélite da NASA Rumor | iPhone 11 Pro deve ter suporte para a Apple Pencil Veja Mais

Dupla de astronautas instala novo porto para espaçonaves comerciais na ISS

Dupla de astronautas instala novo porto para espaçonaves comerciais na ISS

canaltech Nick Hague e Andrew Morgan, astronautas da NASA, saíram da Estação Espacial Internacional (ISS) na quarta-feira (21) para uma caminhada espacial, a quinta da estação neste ano. A missão: instalar um novo porto de ancoragem para naves espaciais comerciais. A dupla começou a caminhada de seis horas e meia saindo da câmara de segurança Quest, construída pelos EUA, e realizou a instalação do Adaptador de Acoplamento Internacional-3 (IDA-3) ao Adaptador de Acoplamento Pressurizado-3 no lado voltado para o espaço do módulo Harmony da estação. Tudo teve cobertura ao vivo da NASA Television. Com isso, a IDA-3 servirá como uma segunda porta de ancoragem para as naves espaciais comerciais da Boeing (Starliner) e da SpaceX (Crew Dragon). O porto foi enviado para a estação no mês passado, em uma nave Dragon, da SpaceX. A NASA usará os veículos dessas empresas para transportar astronautas de e para a estação espacial no futuro, coisa que hoje ainda é feita pelos russos com suas naves e foguetes Souyz. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Nick Hague (à esquerda) e Andrew Morgan (à direita), a bordo da ISS. Foto: NASA Essa foi a primeira caminhada espacial de Morgan. Hague, por sua vez, já havia realizado duas caminhadas para ajudar na substituição de algumas das baterias solares da estação. Durante a missão de quarta-feira, Hague foi o primeiro a sair, seguido por Morgan alguns minutos depois, enquanto a estação sobrevoava o Oceano Atlântico. Tudo correu bem, e até mesmo as tarefas para as quais Hague e Morgan esperavam ter alguma dificuldade, como a instalação de cabos dos adaptadores de atracação, foram concluídas antes do previsto. Houve até mesmo um lanchinho no centro de controle da NASA, preparado pela mãe de Hague para os controladores em Houston, que ajudaram os astronautas em sua caminhada espacial. Depois de instalar o porto de ancoragem, eles instalaram dois refletores no IDA-3, que servirão como auxílio de atracagem para as espaçonaves visitantes, fornecendo informações visuais para os veículos. Hague e Morgan também receberam uma ajudinha do Dextre, um robô do Canadá lançado em 2008. Morgan aparentemente gostou de sua primeira caminhada no espaço. "É uma coisa especial que podemos fazer, e é uma honra fazer parte de uma equipe tão estelar", disse. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Funcionários da Microsoft ouvem o que você fala próximo ao Xbox 4 passos para criar um site e começar sua presença online do zero Com aporte de US$ 400 mi, Nubank contratará mil profissionais nos próximos meses Queimadas na floresta amazônica brasileira são vistas por satélite da NASA Rumor | iPhone 11 Pro deve ter suporte para a Apple Pencil Veja Mais