Meu Feed

Hoje

Inácio Rios - Vapor de Arerê (SSC Nova Geração Vol. 2)

Inácio Rios - Vapor de Arerê (SSC Nova Geração Vol. 2)

MPB FM Inácio Rios canta "Vapor de Arerê" (composição de Inácio Rios e João Martins) para o DVD Samba Social Clube Nova Geração Vol. 2, gravado no Teatro Popular de Niterói. Ouça nas plataformas digitais: https://onerpm.lnk.to/NovaGeracaoSSC Siga o Samba Social Clube nas redes sociais! Instagram: https://www.instagram.com/sambasocialclube_oficial/ Facebook: https://www.facebook.com/SambaSocialClubeOficial/ Veja Mais

Últimos dias

Teenage Fanclub finalmente libera Bandwagonesque e Grand Prix no Spotify

R7 - Música Um dos principais nomes do rock alternativo britânico nos anos 90, o Teenage Fanclub disponibilizou no Spotify os discos que faltavam no serviço de streaming. Bandwagonesque, de 1991, é o terceiro lançamento do grupo escocês, que fez sua estreia um ano antes com A Catholic Education. O álbum chegou a ser regravado por Ben Gibbard (Death Cab For Cutie) em 2017. Já Grand Prix foi lançado em 1995 com uma boa recepção na mídia, e chegou a alcançar a sétima posição nas paradas britânicas daquele ano. Outro nome que completa a discografia no Spotify é The King, segundo trabalho de estúdio da banda. Lançado meses antes de Bandwagonesque, o álbum foi feito para uma prensagem limitada na época. Os três discos foram lançados pela Creation Records, que foi o lar do Teenage Fanclub até Songs From Northern Britain (1997), um dos maiores sucessos comerciais da banda. Ouça os álbuns na íntegra logo abaixo e a playlist oficial do TMDQA! com uma canção de cada disco. Veja Mais

David Lynch anuncia box gigante e incrível de “Twin Peaks”; saiba mais

David Lynch anuncia box gigante e incrível de “Twin Peaks”; saiba mais

R7 - Música David Lynch realizou os sonhos mais profundos dos fãs de Twin Peaks e acaba de anunciar o box definitivo da série. Mas definitivo mesmo! Chamada de Twin Peaks: From Z to A, a caixa conta com todos -- sim, todos -- os conteúdos já lançados sobre a trama. São 21 discos que incluem a série original, o filme Fire Walk With Me e o reboot do seriado no Showtime. Mas calma, tem muito mais. Além disso, também estarão no pacote mais de 20 horas de conteúdo especial, incluindo seis horas de conteúdo nunca lançado, entrevistas com o elenco e as performances musicais que passaram pelo The Roadhouse Bar na temporada mais recente. Tudo isso virá em qualidade 4K, e serão produzidas apenas 25 mil caixas. Exclusivo, hein? Sobre o lançamento, Lynch disse: Uma vez aberta, uma representação do infame Red Room é revelada com o seu chão marrom e creme, e cortinas vermelhas brilhantes. Sentado em frente à cortina vermelha estará uma figura de acrílico exclusiva de Laura Palmer beijando o Agente Especial Dale Cooper. O box Twin Peaks: From Z to A estará disponível a partir do dia 15 de Dezembro, por enquanto apenas nos Estados Unidos e Canadá. Veja uma foto da caixa abaixo! Twin Peaks: From Z to A [caption id='attachment_339289' align='aligncenter' width='696'] Twin Peaks box Tenho Mais Discos Que Amigos Divulgação[/caption] Veja Mais

Lançamentos Nacionais: LaNena, HAYZ, Peixes Voadores e Hanifah

Lançamentos Nacionais: LaNena, HAYZ, Peixes Voadores e Hanifah

R7 - Música Formada dentro do estúdio LabSônica, da Oi Futuro, a banda LaNena é um quinteto que tem suas composições baseadas no Neo Soul, R&B e MPB. Como suas gravações de estúdio têm lançamento previsto só para o fim desse ano, a banda faz sua estreia de forma intimista, com uma versão voz e violão da faixa “Liberto”. A canção, que fala de desapego, de assumir as vitórias, derrotas e os erros, teve uma sessão gravada no Studio Valor Arte e pode ser conferida abaixo: https://www.youtube.com/watch?v=7CtQPo1I5SM&feature=youtu.be HAYZ [caption id='attachment_339278' align='alignnone' width='696'] Tenho Mais Discos Que Amigos Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Divulgação[/caption] Continuando na divulgação de seu EP de estreia, Não Estamos Mais Em Casa, a banda HAYZ lança agora o seu primeiro videoclipe. A faixa escolhida foi “Não-Lugar”, justamente por dar uma sinopse de todo o EP, falando sobre sensações de deslocamento e não pertencimento. O clipe, que foi dirigido por Brunella Martina e Yasmin Thomaz, pode ser visto no link abaixo: https://www.youtube.com/watch?v=5cuOTlXJOQ4&feature=youtu.be Peixes Voadores [caption id='attachment_339279' align='alignnone' width='696'] Tenho Mais Discos Que Amigos Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Divulgação[/caption] Depois de um longo tempo longe das atenções, a banda gaúcha Peixes Voadores retorna com uma nova canção. Cantada em inglês e com sonoridade pesada, “Beyond The Sun” dá a cara do que será o novo álbum da banda, que entrará em produção ainda esse ano. Ouça o novo som do Peixes no link abaixo: http://youtube.com/watch?v=t9Cu0IKFIL0 Hanifah [caption id='attachment_339280' align='alignnone' width='696'] Tenho Mais Discos Que Amigos Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Divulgação[/caption] Seguindo o caminho musical de seu pai, o DJ KL Jay (Racionais MC’s), Hanifah escolhe outra vertente para apresentar o seu trabalho. Em seu primeiro single, “Pra Mim”, que anuncia o seu EP EMUNAH, Hanifah nos apresenta um R&B romântico, falando justamente sobre a força do amor nesses tempos de intolerância. Confira “Pra Mim”, que já vem acompanhada de um belo clipe, no link abaixo: https://www.youtube.com/watch?v=vjzpdaVn4Gs Veja Mais

Filme de Breaking Bad está pronto, diz o ator Bob Odenkirk

R7 - Música Fã de Breaking Bad, tá liberadíssimo ficar ansioso. Bob Odenkirk, ator que interpretou o personagem Saul em uma das melhores séries de todos os tempos, deu uma entrevista ao The Hollywood Reporter e disse que o filme de Breaking Bad está finalizado. No papo, ele falou primariamente sobre o retorno de Better Call Saul, spin-off da série original centralizado em seu personagem, que irá para a quinta temporada e segundo o próprio, nela 'tudo está em chamas e pegando fogo ao nosso redor'. Filme de Breaking Bad Não há nenhum tipo de informação oficial sobre o filme de Breaking Bad, mas como publicamos por aqui, vários rumores circularam dizendo que ele seguirá a saga de Jesse Pinkman (Aaron Paul) após o último episódio do seriado, quando ele foge do complexo de neo-nazistas onde era mantido preso. De qualquer forma, Bob Odenkirk falou: Eu ouvi tantas coisas diferentes sobre ele, mas estou empolgado a respeito do filme de Breaking Bad. Mal posso esperar para vê-lo. Eu não sei o que as pessoas sabem e o que não sabem sobre ele. É difícil acreditar que vocês não sabem que ele foi filmado. Mas foi. Sabe o que quero dizer? Como isso ainda é um segredo? Mas é. Eles fizeram um trabalho maravilhoso ao mantê-lo sem segredo. Netflix O filme será lançado em 2020 na Netflix e no canal AMC, que também transmitiu os episódios de Breaking Bad quando a série foi ao ar entre 2008 e 2013. Better Call Saul Ao falar sobre sua série, também idealizada por Vince Gilligan, o ator falou: Eu estava preocupado sobre o público continuar com a gente. Pedimos para que as pessoas assistissem de perto e entendessem os personagens e a trama em um nível mais profundo, e quer saber? Elas fizeram isso. LEIA TAMBÉM: Aaron Paul e Bryan Cranston anunciam empresa de mezcal Veja Mais

O KoRn fez um bizarro show virtual em AdventureQuest; assista

R7 - Música O KoRn escolheu uma forma bem atual de divulgar seu próximo disco, The Nothing. Como te contamos por aqui, a banda liderada por Jonathan Davis marcou um show virtual no MMORPG AdventureQuest, e 'tocou' para os jogadores do game nesta última terça-feira (20). Como você pode ver nos vídeos abaixo, versões virtuais dos membros tomaram o palco em uma arena de batalha, onde os personagens puderam assistir à apresentação (com várias versões de estúdio das músicas rolando) e ainda lutar com monstros. Ao fim do show, o KoRn 'de mentira' ainda deu uma entrevista, onde fala sobre o novo álbum. Foi... esquisito. Assista abaixo! Música e Games Outros nomes como Weezer e o DJ Marshmello também já usaram jogos recentes para se promoverem. O grupo de Rivers Cuomo criou uma ilha exclusiva no Fortnite que tocava músicas de seu mais recente álbum; já o DJ fez parecido com o KoRn, tocando para os jogadores no meio da batalha. https://www.youtube.com/watch?v=11MXsdlb0l4 https://www.youtube.com/watch?v=z1IxdkEryMg LEIA TAMBÉM: KoRn lança a inédita e sombria 'Cold', do novo disco; ouça agora Veja Mais

O Megadeth já tem data para voltar aos palcos e com um baita convidado

R7 - Música Em Junho deste ano, Dave Mustaine anunciou que foi diagnosticado com câncer e, com isso, daria uma pausa no Megadeth. Na prática, isso significou o cancelamento de diversos shows da banda, incluindo no Brasil, sem previsão de volta. Agora, porém, isso mudou e a notícia é boa! O grupo acaba de anunciar seus primeiros planos para o ano que vem, quando se unirá ao Five Finger Death Punch em uma turnê pela Europa. Apesar das datas específicas ainda não terem sido reveladas, as bandas já divulgaram algumas cidades que receberão os shows. O giro está sendo divulgado com a hashtag #MegaDeathPunch e através do site MegaDeathPunch.com. Nesta turnê, o headliner é o Five Finger, enquanto o Megadeth abre ao lado do Bad Wolves. Até o momento, foram anunciadas apenas as cidades Helsinki, da Finlândia, e Estocolmo, na Suécia. Ao que tudo indica, todas as informações serão reveladas no dia 9 de Setembro. Megadeth Mustaine ainda está em tratamento, mas não parou seus trabalhos com o grupo. Os membros continuam trabalhando nas novas músicas, que estarão no disco sucessor de Dystopia (2016). Entretanto, como afirmou David Ellefson, eles ainda não foram ao estúdio de fato para gravar as canções. Saiba mais por aqui. Veja Mais

Slipknot: fã teria finalmente descoberto a identidade do novo membro

R7 - Música Parece que finalmente temos a identidade e o rosto do misterioso novo membro do Slipknot. Um fã no Reddit surgiu com uma teoria pra lá de consistente e que faz todo sentido sobre quem é o Homem Tortilha -- o músico foi apelidado dessa forma por conta do formato e cor de sua máscara. Ao que tudo indica, o novo percussionista se chama Michael Pfaff e, assim como o grupo, vem direto de Iowa. O usuário Les Connelly baseou sua descoberta em uma entrevista do guitarrista Jim Root, onde ele diz que o músico é um 'pianista clássico' e 'muito estudado sobre música'. Além disso, Pfaff também já tocou com Shawn 'Clown' Crahan na banda Dirty Little Rabbit, e também tocava teclado no The Snacks. O grupo anunciou a substituição de seu tecladista no mesmo momento em que a campanha do novo disco do Slipknot começou. Huuuum! Como podemos ver em um vídeo abaixo onde Michael aparece tocando uma marimba, o músico tem a mesma estrutura corporal do percussionista misterioso e manda muito bem nas baquetas. Será que é ele mesmo? O grupo ainda não se pronunciou sobre o caso. Slipknot https://www.youtube.com/watch?v=ykbSlIWgSns Com We Are Not Your Kind, seu novo disco de estúdio, a banda liderada por Corey Taylor abocanhou o primeiro lugar da Billboard 200 -- saiba mais por aqui. Veja Mais

KoRn estreará nova música em show virtual no game “AdventureQuest”

R7 - Música Os tempos são outros e agora o KoRn faz seus shows até dentro de jogos online. A banda vai 'tocar' hoje (20) nos MMORPGs AdventureQuest 3D e AdventureQuest Worlds, durante o lançamento de uma arena de combate dentro do jogo. A ação serve tanto para divulgar o game quanto o novo disco da banda, The Nothing, que chega no dia 13 de Setembro. Como informa a CoS, os jogadores receberão um 'ingresso mágico' para assistir à apresentação, e por lá eles poderão recolher materiais e lutar contra monstros enquanto o grupo liderado por Jonathan Davis manda ver no palco. Um comunicado diz: Entre no mosh pit mais brutal do mundo e faça história no game! A banda tocará no palco enquanto você derrota monstros, recolhe loot e ainda ouve uma canção inédita de 'The Nothing', novo disco do KoRn. O evento é gratuito e novos jogadores também poderão receber o ingresso para assistir. Além disso, a banda lançou um pacote com itens temáticos que podem ser adquiridos no jogo -- ele inclui um passe de backstage e até uma selfie com seu membro favorito. Que tecnologia! Veja Mais

Diário de Bordo: na Europa, Asfixia Social mostra que questões políticas brasileiras preocupam o mundo todo

Diário de Bordo: na Europa, Asfixia Social mostra que questões políticas brasileiras preocupam o mundo todo

R7 - Música A banda brasileira está em turnê pela Europa e nós já te contamos por aqui sobre a primeira parte dos shows. O início da jornada se deu com apresentações com o nome apropriado de 'Where's Democracy? Not In Brazil...', ou 'Onde está a Democracia? Não no Brasil...', e agora Luis Otávio, agente da banda que está com os caras, conta pra gente como foram os novos shows. Você pode ver logo abaixo. Asfixia Social na Europa Nessa segunda parte do nosso relato, acompanhamos de perto os quatro shows, de um total de 08, que completaram a participação da banda brasileira Asfixia Social na Inglaterra, em sua turnê “Where’s Democracy? Not In Brazil...” A caravana underground teve início no sensacional Rebellion Festival 2019, em Blackpool na Inglaterra (leia aqui), e no final aportou nas cidades de Manchester, Derby e Londres. Manchester #1 A primeira apresentação na cidade de Manchester, famosa pela história de bandas como Joy Division, New Order, The Fall, The Smiths, Stone Roses, Oasis e muitas outras, foi no The Peer Hat, pub com um estilo inglês antigo, mas com determinação em celebrar bandas atuais. A casa é um dos locais mais ativos da cidade, com opções de música ao vivo no porão em quase todas as noites da semana e também parte do Manchester Meltdown, organizado pela lenda local Ian 'Moet' Moss. Cartaz de show do Asfixia Social Tenho Mais Discos Que Amigos A produção trouxe uma noite com alto teor político (ver cartaz), com suporte do coletivo feminista HERchester, que abriu a noite, para que na sequência a rapper Reneé Stormz desse seu recado extremamente contundente, inclusive acerca do Brasil, convidando o Asfixia Social para fechar com máxima energia e contextualizar a situação política do nosso país. Além da reação positiva dos presentes para o repertório do Asfixia, chamou a atenção a preocupação do público com a destruição da Amazônia e com a perspectiva de genocídio dos povos nativos, garantia de que não estamos sós nessa resistência. Protestos na Europa Tenho Mais Discos Que Amigos Derby Na quinta-feira, a caravana do Asfixia Social partiu para o primeiro show com a banda italiana Los Fastidios, que rolou no Hairy Dog, na cidade de Derby. Enquanto os brasileiros acabam de lançar o Livro-Disco Sistema de Soma: A Quebrada Constrói, ilustrado por mais de 1000 alunos da rede pública de São Paulo, os italianos estão em plena tour de lançamento do álbum Joy Joy Joy, que vem tendo ótima repercussão na Europa com seu Ska Rock politizado. A combinação foi mais do que perfeita já na primeira noite juntos, com a banda brasileira se concentrando em canções como “Sistema de Soma”, “Nóiz tem à Vós” e “Get Ready”, dando o balanço necessário para a sempre energética apresentação do vocalista Enrico de Angelis junto à banda Los Fastidios. Manchester #2 Já no dia seguinte, ambas formações aportaram no mítico The Star and Garter, localizado ao lado da estação de trem Piccadilly Station, em Manchester. O espaço foi construído em 1803, mas com o crescimento da cidade foi transplantado tijolo por tijolo para cerca de 120 metros de sua posição original, sendo reaberto em 1877. Foi interessante ver a mobilização do público local para o show, pois muitos já haviam estado em Derby na noite anterior e retornaram animados para a dobradinha Los Fastidios + Asfixia Social, que fizeram a temperatura subir na fria e chuvosa noite de “Madchester”, apelido preferido da cidade entre o público roqueiro desde o fim dos anos 80, época do celebrado clube Hacienda. Londres https://youtu.be/9tfrjkCJMTg O oitavo e último show do Asfixia Social na Inglaterra, antes de partir para a Holanda, Alemanha, República Tcheca e Portugal, aconteceu em Londres no pub New Cross Inn, marcando a despedida do tour de verão dos Los Fastidios, e que contou com a adição de duas bandas inglesas, o Left for Dead e Dakka Skanks. O Left for Dead fez um show preciso, mostrando excelência num hardcore agressivo e de ótimos refrães. Em seguida, o Asfixia Social fez mais um show marcante, trazendo suas canções que mesclam do punk rock ao soul com letras bastante engajadas, agitando o público com o groove brasileiro. Com o público já aquecido, os presentes entraram no clima das rimas e intervenções de Kaneda, que junto à poderosa execução da banda, aproveitou bem o conturbado clima político atual de Londres para chamar a atenção de importantes causas. Não por acaso, no dia seguinte, os assuntos políticos abordados na turnê e por diversos jornais locais, mostraram a força e indignação do primeiro mundo com o futuro dos povos indígenas e com a destruição das nossas florestas, com um protesto em frente à embaixada brasileira em Londres. Quem esteve presente no show londrino se deliciou também com o show perfeito do Dakka Skanks, formação de Brighton em franca ascensão, com seu Ska/Rock onde brilham Clara Byrne (voz) e Josh Bowes (guitarras e voz). Em Londres, os Los Fastidios fecharam a noite com classe mais uma vez, com casa lotada entre rodas de pogo e coros antifascistas entoados em uníssono, provando que o set dos caras está cada vez mais afiado e pronto para levar a mensagem de união e resistência para todo o planeta. A camaradagem entre os brasileiros e italianos foi marcante ao longo de 3 shows em conjunto, desta vez num clima de despedida e satisfação ao tocarem para um público engajado que agitou e lotou o New Cross Inn. Asfixia Social e Los Fastidios Tenho Mais Discos Que Amigos Na Estrada Asfixia Social na Europa Tenho Mais Discos Que Amigos Os brasileiros já estão a caminho de Amsterdã para 3 apresentações na Holanda, de onde seguem para shows na Alemanha, República Tcheca e Portugal antes de retornarem ao Brasil. Fiquem ligados e acompanhem por aqui no TMDQA!. Confiram os novos trabalhos do Asfixia Social em www.youtube.com/asfixiasocial Veja Mais

Orquestra de Baterias faz história com suor, chuva e muito amor pela música

Orquestra de Baterias faz história com suor, chuva e muito amor pela música

R7 - Música Foto por Toia Oliveira Não há dúvidas de que os fãs de música movem montanhas pelas suas paixões, e no último domingo, dia 18, nós pudemos presenciar de perto centenas deles fazendo o que mais amam apesar de todo tipo de adversidade. A convite do evento, o TMDQA! esteve em Florianópolis para acompanhar de perto a sétima edição da Orquestra de Baterias, sendo que 2019 marcou a primeira vez em que o encontro de bateristas deixou uma praça no centro da cidade para ir até a Passarela Nego Quirido, onde acontecem os desfiles de samba na capital catarinense durante o Carnaval. A mudança de local tinha como objetivo adequar a Orquestra ao novo número de participantes, já que a ideia aqui era quebrar recordes tanto das outras edições quanto de encontros parecidos mundo afora, e um pedaço de história foi feito no final de semana. Chuva, Suor e Emoção [caption id='attachment_338970' align='alignnone' width='1000'] Orquestra de Baterias em Florianópolis, 2019 Tenho Mais Discos Que Amigos Foto por Toia Oliveira[/caption] Após vários dias de tempo bom em Florianópolis, a natureza resolveu que no domingo mandaria frio e uma chuva daquelas bem chatas para a Ilha da Magia, mas isso não foi o suficiente para desanimar os bateristas que ali estavam e chegaram cedo para montar seus kits ao longo da passarela do samba. Vários deles estavam devidamente equipados com proteções para suas amadas baterias, como panos e guarda-sóis, e a empolgação para iniciar os trabalhos era visível no rosto de cada um, bem como as lágrimas de emoção em olhares marejados de pais que estavam ali com seus filhos e filhas, marcando a história pessoal em um evento dos mais bacanas. Aliás, vale o destaque aqui para a quantidade de jovens presentes que iam desde pequenas crianças com suas baterias 'de brinquedo' até alguns mais velhos que davam seus primeiros passos com as baquetas. Clássicos do Rock e Uma Pitada de Samba https://www.facebook.com/tenhomaisdiscosqueamigos/videos/1211311702384441/ Durante a apresentação, uma banda esteve à frente da longa fileira de baterias, em um palco montado especialmente para que ela conduzisse as canções que seriam acompanhadas pelos músicos. Entre as canções vieram clássicos como 'Smoke On The Water' (Deep Purple), 'Come Together' (The Beatles), 'It's My Life' (Bon Jovi) e o encerramento poderoso com 'Killing In The Name', do Rage Against The Machine. No meio disso tudo, também tivemos duas canções das bandas catarinenses Stella Folks e Nordic Souls, como uma iniciativa de promover a canção autoral do estado, e em outro momento, a passarela foi tomada pelo samba de fato para contar com a presença da Consulado, campeã do carnaval de Florianópolis, com boa dose de samba e uma versão do 'Rancho de Amor à Ilha', o hino da cidade. [caption id='attachment_338971' align='alignnone' width='1000'] Orquestra de Baterias em Florianópolis, 2019 Tenho Mais Discos Que Amigos Foto por Stivy Malty[/caption] Orquestra de Baterias https://www.instagram.com/p/B1XSMdbgrAU/ Todo evento desse planeta, do menor ao maior porte, exige dias e meses de planejamento, antecipação, dedicação e muito trabalho, e aqui não foi diferente. Em casos como esse, onde o espaço aberto é muito importante, o imponderável entra em cena e torna-se um dos únicos aspectos impossíveis de serem controlados, o que aconteceu em Florianópolis no último domingo. Acontece que a partir do incontrolável também nascem coisas muito grandes e marcas são traçadas para sempre, ou você acha que algum fã de música que foi ao Woodstock reclama da sua lama? O que vimos na Passarela Nego Quirido foi uma multidão de bateristas colocando seu kit, seu corpo e sua alma na pista, mesmo debaixo de chuva, para espalhar batidas, sorrisos, 'salvas de caixas' e compartilhar experiências em uma iniciativa difícil de ser encontrada em qualquer canto do mundo. Daqui a alguns anos, todos que ali estiveram irão contar a respeito para as pessoas próximas e dizer que tocaram 'naquela edição lendária, com a chuva gelada, onde a gente mandou ver mesmo assim', e sentirão orgulho de terem encarado o desafio. Ao final das contas, dos quase 1.000 inscritos, 590 bateristas se registraram e estiveram ali, o que fez a edição de 2019 entrar para a história como a maior delas, batendo o recorde de 2018 que teve 482 músicos. Há alguns pontos a serem corrigidos, é claro, mas isso é comum em qualquer evento, e matar no peito uma primeira edição em novo local com tantas adversidades não é pra qualquer um. Ficou claro que em um dia ensolarado tudo teria sido ainda maior e mais marcante, e que a edição de 2020 deve esmagar o recorde atual. Vida longa à Orquestra de Baterias! Veja Mais

Com BK e Letrux, Barão Vermelho lança primeiro disco de inéditas em 15 anos

Com BK e Letrux, Barão Vermelho lança primeiro disco de inéditas em 15 anos

R7 - Música Eles estão de volta! Uma das maiores e mais emblemáticas bandas na história do rock brasileiro lançou na última sexta (16) um novo álbum de inéditas. Estamos falando de VIVA, novo disco do Barão Vermelho. Trata-se do primeiro álbum de composições novas com Rodrigo Suricato nos vocais, após suceder Frejat no posto de vocalista. O último disco de inéditas da banda foi o homônimo de 2004. No ano passado, a banda lançou, também com Suricato, o álbum Barão Pra Sempre, trazendo novas versões de sucessos da banda, como 'Puro Êxtase' e 'Brasil'. VIVA, no entanto, representa a 'prova de fogo' de Rodrigo como membro da banda, com liberdade enquanto compositor e intérprete.   Um Barão mais jovem https://open.spotify.com/album/1iELEaLkLUoeRH5u91Iglv?si=D5HdpkLJRB27CwHnahbrpg Na atual formação da banda, Suricato junta-se aos músicos Fernando Magalhães (guitarra), Maurício Barros (teclado) e Guto Goffi (bateria). A adição de Rodrigo indica um rejuvenescimento da banda, trazendo um contato maior com a nova geração de ouvintes. Aliás, muitos jovens hoje em dia talvez tenham mais contato com o folk rock de sua carreira solo do que com os clássicos do Barão. O novo vocalista, por sinal, assina cinco das nove novas composições, sendo duas delas sozinho (a dobradinha 'Um Dia Após o Outro' e 'Vai Ser Melhor Assim', que vêm juntas no disco). De acordo com o que foi dito em nossa entrevista exclusiva, Rodrigo está muito satisfeito com a relação com os outros membros da banda. Isso qualifica um ambiente de composições saudável e, ao que tudo indica, confiante na visão musical de Rodrigo. [caption id='attachment_338887' align='alignnone' width='696'] Barão Vermelho Tenho Mais Discos Que Amigos Fernando Magalhães, Guto Goffi, Rodrigo Suricato e Maurício Barros. Foto: Leo Aversa[/caption] Ainda falando sobre atualização, dois grandes nomes da atual música nacional têm participações no disco. Enquanto BK encaixa seus versos em meio ao blues da faixa de abertura 'Eu Nunca Estou Só' (canção cujo clipe também foi divulgado na última sexta), Letrux faz dueto com Suricato ao longo da levada folk de 'Pra Não Te Perder'. https://open.spotify.com/playlist/05jyAgzDISm9DyKJt4WUj1?si=vBTfIWh6RAG2cV8hH15_6w Resumindo, VIVA traz a essência musical do Barão Vermelho, mas não ignora o fato de que o tempo passou e é preciso correr atrás das mudanças. A adição do talento de Suricato 'refrescou' o grupo, atraindo um público mais jovem. Enquanto isso, canções como 'Tudo por Nós 2' e 'Por Onde Eu Vou' trazem à tona a sonoridade pop rock que consagrou o grupo. Vale citar também a bela 'Castelos', e o single prévio 'A Solidão Te Engole Vivo'. https://www.youtube.com/watch?v=rUltKzeAnWo https://www.youtube.com/watch?v=Q5KLsSb2aW0 Veja Mais

Jack White vai a jogo de baseball, sai para fazer show e volta para o final

R7 - Música Quem acompanha Jack White na mídia sabe muito bem que o cara é um fã ávido do baseball. Agora, ele foi além ao provar sua dedicação ao esporte. No último sábado (17), White estava em Washington D.C. para tocar com o The Raconteurs no The Anthem. Antes do horário do show, o frontman foi ao jogo entre o Milwaukee Brewers e o Washington Nationals para pegar um pouco da partida, e aí seguiu para sua apresentação. Acontece que, apaixonado como é, Jack saiu correndo da casa de shows após o fim do setlist e ainda conseguiu pegar o finalzinho do jogo que se estendeu por 14 entradas (5 a mais do que o normal por conta de um empate) e quase seis horas de duração. O fato foi notado pelos narradores da partida, como você pode ver no vídeo abaixo. Isso que é ser fã, hein? The Raconteurs no Brasil Here's the video of Ken's story, The Raconteurs played The Anthem in DC tonight, google tells me. pic.twitter.com/kcc5fSWXwN — Paid man gets bored (@cjzero) August 18, 2019 Vale lembrar que a banda de Jack White vem ao Brasil em Novembro deste ano, como atração do Popload Festival. O grupo acaba de lançar o disco Help Us Stranger, que tem divulgado ao redor do mundo com sua turnê atual. LEIA TAMBÉM: Jack Gray: Tenacious D mostra encontro com Jack White em vídeo Veja Mais

Grávida, Marília Mendonça escreve música para o filho

Grávida, Marília Mendonça escreve música para o filho

R7 - Música Cantora soltou a voz com música feita para o filho Reprodução/Instagram Marília Mendonça surpreendeu os fãs neste sábado (17) ao contar que escreveu uma música para o filho, Léo. A cantora está grávida do primeiro herdeiro e decidiu homenageá-lo com canção. "Primeira das milhões de músicas que mamãe ainda escreverá pra ele... O primeiro e único merecedor de toda poesia que guardo no peito... Léo", declarou Marília. Na letra, a cantora confessa que não esperava ser mãe tão cedo, mas afirma que hoje já não se imagina mais sem o pequeno, que ainda nem chegou. A ansiedade para vê-lo, inclusive, também é citada na canção. Léo é fruto do relacionamento de Marília com o cantor e compositor Murilo Huff. Leia a canção na íntegra e assista ao vídeo da sertaneja cantando a música  Não imaginava que fosse tão cedo, isso antes de ouvir seu coração baterHoje o pensamento não é mais o mesmo, como vivi esse tempo todo sem você? Conto os segundos pra ver o seu rosto, conto os segundos pra te segurarA felicidade que eu buscava tanto, descobri quando te senti chutarVive dentro de mim um pedaço do céu Enviado por Deus, meu querido Léo   Ver essa foto no Instagram primeira das milhões de músicas que mamãe ainda escreverá pra ele... o primeiro e único merecedor de toda poesia que guardo no peito... Léo 擄 Uma publicação compartilhada por marilia mendonça (@mariliamendoncacantora) em 17 de Ago, 2019 às 2:18 PDT Veja Mais

Liam Gallagher lança a inédita “One Of Us” – ouça

R7 - Música Liam Gallagher disponibilizou mais uma música de seu novo disco. Trata-se de 'One Of Us', que você pode ouvir logo abaixo na playlist oficial do TMDQA! O segundo disco solo do músico conhecido como vocalista do Oasis, Why Me? Why Not, será lançado em 20 de Setembro. https://open.spotify.com/playlist/05jyAgzDISm9DyKJt4WUj1?si=Jj6i9NpNSiWWdhTb7NicTw https://www.youtube.com/watch?v=IApPuN9wwO4 Veja Mais

TOOL recebeu ameaças de morte por demora em novo disco

R7 - Música É, amigos, os fãs podem se tornar implacáveis, principalmente os do TOOL. Em 2019 a banda irá lançar Fear Inoculum, seu primeiro disco em 13 anos, e nesse tempo todo os seguidores de Maynard James Keenan e companhia ficaram cobrando o vocalista e seu grupo por novos sons. De acordo com o baterista Danny Carey, alguns foram até longe demais e mandaram ameaças de morte para Keenan: Eu me senti mal por ele. Ele até me disse que estava recebendo ameaças de morte de idiotas por aí. As pessoas não têm ideia de como é a nossa mecânica de trabalho. Essas coisas não acontecem simplesmente, cara. Não há nenhum outro disco que irá soar como esse álbum do TOOL. Novo disco do TOOL https://open.spotify.com/playlist/05jyAgzDISm9DyKJt4WUj1?si=cMeT0FgOSSqieH__hckPcw Além de ressaltar a particularidade do trabalho, Carey ainda falou que a demora em todo o processo se deu porque a banda tem um nível de exigência muito alto e isso chegou a causar estresse entre os integrantes em diversas ocasiões: Não está bom quando está pronto, está pronto quando está bom. Não é um processo fácil. Eu estava pronto para abandonar tudo e dizer, 'Bem, se vocês não podem se comprometer com isso, então irei tocar com outras pessoas'. Justin Chancellor, baixista do TOOL, também falou a respeito na mesma entrevista para a Metal Hammer: Às vezes eu achava que estávamos quase lá. Escrevíamos um álbum completo ou tínhamos músicas que eram legais, e aí jogávamos tudo fora e começávamos novamente. Era devastador. LEIA TAMBÉM: que beleza - todos os discos do TOOL estão no Top 20 da Billboard Veja Mais

Dazaranha está gigantesco em novo clipe de “Coisas de Deus”; assista

R7 - Música A banda catarinense Dazaranha está de volta em grande estilo com disco, single e clipe. Catarina é o nome do novo álbum dos caras e dá pra perceber que o grupo não mediu esforços para entregar uma grande produção nas 14 faixas bem como no clipe de 'Coisas de Deus'. No disco, o Daza conta com participações especiais de nomes como Lenine e Digão, do Raimundos, e no clipe com cara de curta-metragem, recebe nomes como Rohmanelli, também de Florianópolis, sobre o qual falamos a respeito aqui no TMDQA! Dazaranha e as 'Coisas de Deus' Tanto no clipe quanto na letra da canção o influente grupo do Sul do país traz questionamentos sociais importantes e isso fica bem evidente, como você pode sacar logo abaixo. Quanto vale a minha alma se eu disser que a minha pele é negra? Quanto vale a minha pele se eu disser que a minha alma é negra? Assista ao vídeo logo após os players com a playlist oficial do TMDQA! e o single, além do disco completo. https://open.spotify.com/playlist/05jyAgzDISm9DyKJt4WUj1?si=DeRC3av6RBuwGk7oxIqSZQ https://open.spotify.com/album/51wOZ38PxeLwnF3hBUud5G?si=_rv2gvk2QJy7L6QsyLne8A https://www.youtube.com/watch?v=2vRToX64Zs4 Veja Mais

Anitta revela que teve mala extraviada: 'Estou com ódio'

Anitta revela que teve mala extraviada: 'Estou com ódio'

R7 - Música Anitta reclama de sumiço de bagagens no exterior Reprodução/Instagram Na atual turnê internacional, Anitta tem enfrentado recorrentes problemas com extravio de bagagens. Em declarações emitidas no recurso stories, do Instagram, a cantora comentou que, só no último mês, uma das malas sumiu três vezes. Outra mala, está sumida desde o dia 27 de julho. "Eu falei que era uma companhia de m..., mas eles disseram, 'não, tudo bem'. A mala sumiu e eu estou até agora tentando achar e ninguém responde", iniciou. "Estou com ódio. Eu fui lá e dei o maior bailão, em inglês, porque esse povo de mala é assim. Eles só não fazem porque não estão afim. Nessa turnê mesmo, sumiu a mala umas três vezes. Teve uma vez que sumiu uma mala muito importante e não ia ter como a gente viver. Aí, eu falei o meu nome. Disse quem eu era e que ia botar no Instagram. A minha mala apareceu em 10 minutos. Eles arrumaram a mala e mandaram. No mesmo dia, estava no hotel", comentou a cantora. Anitta ainda deixou claro que, se não tivesse "reputação a zelar", faria barraco no aeroporto. "Eu liguei e tentei falar com educação. Eles não deram a mínima. Eu disse, 'amor, dá um Google no meu nome. Vou fazer um barraco na internet se você não achar minha mala agora'. Ela ficou apavorada e desligou o telefone. Já já a minha mala vai aparecer, vocês vão ver", comentou. Veja Mais

Roger Waters lança vídeo ao vivo de “Pigs (Three Different Ones)”; assista

R7 - Música Roger Waters nos deu um gostinho do que vem por aí no ao vivo Us + Them, que exibe a turnê de mesmo nome que veio ao Brasil em 2018. O ex-Pink Floyd divulgou a performance do clássico 'Pigs (Three Different Ones)', música lançada pela banda em 1977. As filmagens do ao vivo foram feitas durante os shows de Waters na Ziggo Dome, em Amsterdã, em Junho do ano passado. O filme tem co-direção de Sean Evans e estreia no Festival Internacional de Cinema de Venice entre os dias 28 de Agosto e 7 de Setembro. O show também será exibido nos cinemas brasileiros. Saiba mais clicando aqui. Sobre o lançamento, Roger Waters disse: Estou ansioso pelo lançamento do filme em Outubro. 'Us + Them' não é uma apresentação padrão de rock'n'roll. Alguns na platéia podem até gritar, o que é bom, mas muitos vão chorar. Isso é o que eu espero. 'Us + Them' é um chamado à ação. O Homo sapiens está em uma encruzilhada -- podemos agrupar nosso amor, desenvolver nossa capacidade de ter empatia com os outros e agir coletivamente pelo bem de nosso planeta, ou podemos permanecer 'confortavelmente insensíveis' e continuar, como lemingues cegos, em nossa atual marcha em direção à extinção. 'Us + Them' é um voto de amor e vida. Assista ao vídeo e ao trailer logo abaixo. https://www.youtube.com/watch?v=BHk2jNdiTg4 https://www.youtube.com/watch?v=VJsaR7yJHf4 Veja Mais

Febre do K-Pop, agora o BTS também vai virar série de TV; entenda

R7 - Música O BTS anunciou uma pausa recentemente, mas já tem boas notícias para os fãs. O selo sul coreano Big Hit Entertainment, que cuida da carreira do grupo, divulgou que está trabalhando em uma série inspirada no 'universo BTS'. O seriado será produzido em parceria com a Chorokbaem Media, a empresa por trás de outras séries que são sucesso na Coreia de Sul e têm em seu elenco astros do K-pop -- uma delas é Memories Of The Alhambra. O anúncio trouxe poucos detalhes, mas já revelou que a trama abordará a vida de sete jovens que acabam de se conhecer. Os membros do grupo não aparecerão na série, ao que tudo indica, e a busca por atores já começou. Ainda de acordo com a Big Hit Entertainment, o seriado ainda sem nome deve chegar à TV no segundo semestre de 2020. BTS Tido como um dos maiores nomes do gênero, o grupo vem quebrando recordes mundo afora. Em Junho deste ano, a banda também lançou um jogo para celular -- saiba mais por aqui. Veja Mais

Vídeo: IZA e Alcione ensaiam hit de Aretha Franklin para o Rock in Rio

R7 - Música O Rock in Rio está chegando e com ele uma parceria de peso no Palco Sunset: IZA e a icônica Alcione! Nesta quinta-feira (22), a dupla apareceu ensaiando 'Chain of Fools', clássico de Aretha Franklin que cantarão no festival. As imagens já dão o tom do show que, além de covers, ainda deve contar com hits de cada uma das cantoras. Em conversa com o Jornal do Brasil (via), a Marrom se derreteu em elogios à cantora de 'Pesadão'. Há mais de dois anos fiz um post nas redes sociais para a Iza. E hoje, por obra do destino e da música, estamos aqui juntas. Quando a ouvi cantando pela primeira vez eu pensei: gente, essa menina não é fraca não! Que voz é esta? Esse encontro vai ser incrível, hein? Confira os vídeos abaixo! LEIA TAMBÉM: 'O Palco Sunset do Rock In Rio é meu posicionamento,' diz Zé Ricardo Alcione + @IzaReal + Aretha Franklin! Se o ensaio foi assim, imagina a gravação? Imagina esse encontro no Palco Sunset do @rockinrio no dia 29 de Setembro? (Equipe) pic.twitter.com/pJG92i4zNt — Alcione (@alcione_marrom) August 22, 2019 IZA e Alcione cantando 'Chain of Fools' de Aretha Franklin já no esquenta pro Rock in Rio é o melhor vídeo que você vai ver hoje. 蠟 pic.twitter.com/SRa1hpQKcz — IZA LEGION • #MEUTALISMà ♥ | 23.08 (@izalegion) August 20, 2019 Veja Mais

Lana del Rey lança clipe duplo para músicas do novo disco; assista agora

R7 - Música A sempre interessante Lana del Rey acaba de lançar um clipe duplo para duas canções de seu novo disco, Norman Fucking Rockwell. A cantora divulgou nesta quinta-feira (22) o vídeo para 'Fuck It I Love You' e 'The Greatest', com um clima de nostalgia sempre presente em seus trabalhos. O clipe tem direção de Rich Lee. Nas imagens, Lana aparece se divertindo enquanto surfa tanto em um estúdio ao lado de um galã, quanto em uma praia de verdade. A artista também anda de skate com as amigas, pinta um quadro e interpreta as canções em um palco. Assista ao vídeo abaixo! Lana del Rey - Norman Fucking Rockwell https://www.youtube.com/watch?v=LrSX_OcpeJg O novo disco da cantora chega no dia 30 de Agosto, e conta com outras músicas já conhecidas como 'Venice Beach', 'Mariners Apartment Complex' e 'Doin' Time', cover espetacular do Sublime. Veja Mais

The L Word: Generation Q ganha seu primeiro teaser – assista

R7 - Música A aclamada série The L Word está de volta. Com seis temporadas entre 2004 e 2009, os episódios do seriado falavam a respeito do universo LGBTQ, principalmente mulheres lésbicas, e tinham em seu elenco atrizes como Jennifer Beals (Flashdance), Erin Daniels, Leisha Hailey, Katherine Moennig e mais. No dia 08 de Dezembro e novamente no Showtime, The L Word irá ganhar uma nova versão, dessa vez batizada como Generation Q, e seguirá as vidas de Bette Porter, Alice Pieszecki e Shane McCutcheon, personagens das três citadas acima. Além desses, novos nomes estarão na série com Arienne Mandi, Leo Sheng, Jacqueline Toboni e mais no elenco. The L Word: Generation Q - Teaser https://www.youtube.com/watch?v=t7wDg_G9GMU Hoje mais cedo a série que teve sua locação mudada de West Hollywood para Silver Lake, ambas na região de Los Angeles, ganhou seu primeiro teaser e você pode ver o vídeo logo acima. Veja Mais

The Prodigy avisa que está em estúdio trabalhando em músicas novas

R7 - Música Boa notícia para quem estava esperando um retorno do The Prodigy. Cinco meses após a perda do vocalista Keith Flint, os membros sobreviventes avisaram que estão de volta ao estúdio para trabalhar em músicas novas. Liam Howlett aparece na imagem, que diz: De volta ao estúdio fazer barulho. Novas faixas do Prodigy estão a caminho, boooom. Essa é a primeira vez que a banda se reúne para gravar após a morte de Flint. Em Março deste ano, o frontman tirou a própria vida -- meses antes, em 2018, eles lançaram o disco No Tourists e estavam prestes a entrar em turnê. Confira a publicação abaixo. Futuro sem Keith Flint https://www.instagram.com/p/B1ZYhMTB33U/?utm_source=ig_embed O grupo não deixou claro se as novas músicas terão alguma participação do falecido vocalista, como por exemplo vocais previamente gravados. Os membros também não falaram sobre a possibilidade de chamar um novo frontman para a banda. Agora é aguardar! LEIA TAMBÉM: Liam Gallagher celebra Keith Flint com a bela 'Champagne Supernova' Veja Mais

Héloa denuncia a morte do Rio São Francisco no clipe documental de “Agô”

R7 - Música É notório que vivemos tempos de devastação ecológica e ambiental. E essa é a pauta do clipe documental que a cantora Héloa gravou para o single 'Agô', que estará presente em seu próximo disco de estúdio, Opará. No vídeo, a artista denuncia a morte do Rio São Francisco, conhecido pelos índios justamente como Opará e que atravessa cinco estados: Bahia, Minas Gerais, Pernambuco, Alagoas e Sergipe. O registro não poderia ter sido lançado em data mais especial. O clipe da música foi disponibilizado em 9 de Agosto, que marca o Dia Internacional dos Povos Indígenas. Ao lado do Cacique/Pajé Pawanã Karir-Xocó, Héloa mostra a tristeza daqueles que dependem do rio como maior fonte de sobrevivência e trabalho. O vídeo teve direção de Raphael Borges e roteiro da própria cantora. A fotografia do clipe é de Edu Freire e as imagens foram captadas às margens do Rio Opará, entre os trechos sergipano e alagoano. 'Quando decidi fazer um disco todo dedicado à força das águas fui ao encontro do Velho Chico (Rio Opará) e retornei a aldeia Kariri-Xocó, a qual tenho relação a mais de 15 anos. Nesse novo contato, e durante todos esses anos, vi o Rio Opará morrendo, toda uma aldeia mudando seu modo de viver, se alimentar, se banhar, toda uma tradição sofrendo junto ao Rio. Entendi que era um chamado. Assim o foi', conta Héloa, que foi iniciada no candomblé e consagrada nas tradições indígenas. 'O Cacique/Pajé Pawanã tem sido um grande mentor nessa caminhada, me convidou, para além de um disco, a mergulhar ainda mais nessa tradição. Fui escolhida e acolhida como filha da aldeia. Recebendo ensinamentos e a missão de ser porta-voz e guardiã das forças ancestrais das águas através da música', completa. Rituais e o sagrado Com Zé Nigro na produção e Maurício Badé na co-produção, sob a direção artística de Héloa, o material explora os rituais, as palavras de ordem, os cantos, as vestes sagradas e todo o acolhimento de um chamado ancestral. Disponível em todas as plataformas digitais, 'Agô' tem letra de Patrícia Polayne. No dia 6 de Setembro, será realizado um show de lançamento do disco no Auditório Ibirapuera, em São Paulo, às 21h. https://www.youtube.com/watch?v=a7ShNYWvtDY&feature=youtu.be Veja Mais

Triste: “Homem-Aranha” está fora do Universo Cinematográfico da Marvel

R7 - Música Ah, não! A imprensa americana acaba de informar que a franquia Homem-Aranha está fora da Marvel. Segundo o portal Deadline, a Sony e a Disney não chegaram a um acordo para renovar a parceria que mantinha o personagem no MCU. No contrato que concebeu os filmes De Volta para Casa (2017) e Longe de Casa (2019), as produtoras dividiam os lucros dos longas -- ambos passaram a marca de 1 bilhão de dólares na bilheteria. Dessa forma, Kevin Feige deixa de supervisionar os filmes do herói, que agora voltam à Sony e devem 'se misturar' com o spin-off do vilão Venom, que ganhou seu primeiro filme em 2018. Apesar disso, o protagonista Tom Holland deve continuar no papel do herói, já que tem contrato para mais dois longas. O diretor Jon Watts também continua no posto. E agora? Os planos da Sony são de manter a equipe criativa dos longas feitos pela Marvel, levando também a produtora Amy Pascal, que trabalhou em Venom. Com isso, o futuro do Homem-Aranha nos cinemas fica incerto. Em Longe de Casa, filme mais recente, Peter Parker teve de lidar com a perda do Homem-Ferro (Robert Downey Jr.), virando quase um herdeiro para o bilionário. A mudança significa que, infelizmente, o herói deve 'sumir' de alguma forma do universo dos Vingadores. Que pena! Veja Mais

Pássaro de Iggy Pop dança música nova com seu dono em vídeo

R7 - Música Você sabia que Iggy Pop tem um pássaro de estimação chamado Biggy Pop? Pois é, a cacatua tem até um perfil oficial (e verificado) no Instagram e viralizou há algum tempo quando o lendário músico publicou um vídeo (que pode ser visto abaixo) onde aparece se divertindo ao som de 'Surfin' Bird', do The Trashmen. Recentemente, como nós falamos por aqui, Pop lançou um novo single chamado 'James Bond' e agora usou sua conta no Instagram para compartilhar um vídeo onde Biggy Pop aparece se divertindo com a novidade. Aperte o play e dê boas risadas! https://www.instagram.com/p/B1T_OzmiUDC/ https://www.instagram.com/p/BNgyMmHhG4f/ Veja Mais

The Raven Age: conversamos com George Harris, guitarrista da banda que vem ao Brasil

R7 - Música A Raven Age é uma banda que nasceu com uma sombra muito grande sobre si. Fundado por George Harris, filho do lendário Steve Harris do Iron Maiden, o grupo faz um som bem interessante com conceitos bem fortes em suas canções. Prestes a vir para o Brasil acompanhando a tour de seu pai, George conversou com a gente e se mostrou disposto a conquistar o público com sua própria personalidade. Confira o nosso papo logo depois do disco da banda. https://www.youtube.com/watch?v=KC4Yz-9oXjo TMDQA!: Queria começar falando do novo disco. Fiquei bem intrigado pela história que vocês criaram no álbum. Desde o começo do processo foi um disco conceitual ou foi algo que surgiu no processo? George Harris: Foi algo que surgiu. Na verdade, acho que o nosso disco nem é conceitual de um modo clássico, sabe? A gente tava muito pirado no termo “Conspiracy” que tem o lado de algo secreto e também significa o coletivo de corvos, dialogando com o nosso nome. A partir disso fomos criando histórias nas músicas e meio que elas criaram uma história conectando todas. TMDQA!: E como tem sido transportar essa experiência ficcional do disco para palcos grandes como os que vocês tocarão aqui? Raven Age: Muito bacana e cara, estamos muito empolgados. A gente tá acostumado a tocar em lugares pequenos e já estamos pensando em fazer um trabalho de mídia para nos acompanhar e fora que é tão legal tocar com espaço para sei lá, correr no palco! (risos) TMDQA!: E quais as expectativas de vocês para essa turnê? Raven Age: Queremos usar essa plataforma enorme para apresentar o nosso melhor, sabe? Apresentar nosso novo álbum. Estou muito nervoso e ansioso, mas de um modo positivo, que motiva. TMDQA!: E o público, o que eles podem esperar? Raven Age: Uma troca com a gente. O Brasil é mundialmente conhecido como um dos melhores públicos do mundo e vamos fazer de tudo para nos conectar com vocês. https://open.spotify.com/album/2P0x4qBsGtjoxULYoH8GsB?si=WvVVqFbHRZ2M3AzI70ZQqA TMDQA: Esse ano marca 10 anos de estrada de vocês, que conseguiram montar uma identidade mesmo com algumas pessoas tentando colocar vocês como “a banda do filho do Steve Harris”. Como vocês lidam com isso? Raven Age: Olha, isso é algo que sinto que nunca vamos nos livrar então meio que aprendemos a lidar, a nos acostumar e curtir o caminho. A gente montou a banda sem nenhuma pretensão a não ser se divertir e amar a música que tocamos, então tentamos focar nisso e continuar. TMDQA!: E você tem mais discos que amigos? Raven Age: Nossa, demais, principalmente se você contar o digital também! (Risos) https://www.youtube.com/watch?v=VjXjpg4zj6U https://www.youtube.com/watch?v=FObNtI3WeNQ https://www.youtube.com/watch?v=MLMSdKxfTm8 Veja Mais

Dave Grohl recusou uma proposta para tocar no Pearl Jam

R7 - Música Dave Grohl voltou a falar sobre o conturbado fim do Nirvana em uma nova entrevista. Em conversa com o The Guardian, o frontman do Foo Fighters falou sobre o que fez após o término da banda e a reportagem cita que ele recusou uma série de convites para se unir a outros grupos. Um deles foi o Pearl Jam, que estava se despedindo do baterista Dave Abbruzzese na mesma época. Ao justificar sua escolha, Grohl declarou: Depois que o Nirvana terminou, eu não queria mais tocar. Eu com certeza não queria ser o baterista de alguém. Eu sabia que isso me lembraria do Nirvana. Tenho muito orgulho. O Nirvana mudou minha vida para sempre, mas houve momentos em que eu queria escapar daquilo. Apenas pegar um instrumento ou ligar o rádio me deixava tão triste. Então eu percebi que fazer a coisa que eu sempre fiz -- me enfiar em um porão, gravar sozinho -- poderia reiniciar meu coração. Nirvana Com a morte de Kurt Cobain em Abril de 1994, a banda chegou ao fim e se reuniu algumas raras vezes ao longo dos últimos anos para celebrar a carreira. O último disco do grupo é In Utero (1993). Em 1995, Dave Grohl lançava ao mundo sua nova banda, o Foo Fighters, com um disco homônimo que bebeu das fontes do grunge do começo dos anos 90. O resto é história. LEIA TAMBÉM: Foo Fighters: vídeo mostra bastidores hilários do clipe de 'The Pretender' Veja Mais

Peter Fonda, ator lendário de “Sem Destino”, morre aos 79 anos

R7 - Música Morreu aos 79 anos de idade o lendário ator Peter Fonda. Conhecido por seu papel em Sem Destino (1969), Fonda estava enfrentando um câncer de pulmão nos últimos anos. Em comunicado, a família do ator declarou: É com profunda tristeza que compartilhamos a notícia de que Peter Fonda faleceu. [Peter] se foi em paz na manhã de sexta-feira, 16 de agosto, às 11:05 da manhã em sua casa em Los Angeles, cercado pela família. A causa oficial da morte foi insuficiência respiratória devido ao câncer de pulmão. Em um dos momentos mais tristes de nossas vidas, não conseguimos encontrar as palavras apropriadas para expressar a dor em nossos corações. Nesta situação triste, pedimos que você respeite nossa privacidade. E, enquanto lamentamos a perda deste homem doce e gracioso, também desejamos que todos celebrem seu espírito indomável e amor à vida. Em homenagem a Peter, por favor, faça um brinde pela liberdade. Quem também se pronunciou foi Jane Fonda, sua irmã mais velha e icônica atriz de Hollywood. Eu estou muito triste. Ele era meu irmãozinho de coração doce. O falador da família. Eu tive um ótimo momento sozinha com ele nestes últimos dias. Ele se foi rindo. Que descanse em paz! Veja Mais

Otto fala pela primeira vez sobre seu novo disco: “estilo garage band”

R7 - Música Otto está voltando com disco novo! O cantor, que lançou Ottomatopeia em 2017, deu uma entrevista nesta segunda-feira (12) para a Rádio Tropical Transforma, parte do projeto de mesmo nome desenvolvido pela Devassa para o Festival Bananada, em Goiânia. Por lá, ele falou em primeira mão sobre o novo trabalho, o qual descreve como 'estilo Garage Band', e te mostramos em primeira mão a declaração do músico. Estou produzindo um álbum novo. Pupilo [do Nação Zumbi] foi o produtor dos meus últimos álbuns, e desde o começo do ano estou trabalhando sozinho, o que me dá a liberdade de mostrar uma música realmente feita por mim, no estilo Garage Band. Eu que estou produzindo na minha casa; é bastante particular, e estou colocando pela primeira vez para os outros ouvirem. São 23 músicas que se traduzem num desconforto meu com a vida e com a música. Durante a conversa, Otto também deu o seu ponto de vista sobre a atual cena da música brasileira, e os movimentos que vêm acontecendo ao redor do país. A entrevista completa será lançada no canal e podcast Tropical Transforma no dia 21 de Agosto. Casa Tropical Transforma A Rádio Tropical Transforma faz parte da plataforma musical da cerveja Devassa, e seu objetivo principal é dar voz e palco à nova onda da música tropical brasileira. Além disso, o canal conta com outros diversos conteúdos e traz reflexões sobre as transformações culturais que o Brasil vem passando. A Rádio tem apresentação de Luciano Matos, curador e produtor do Festival Radioca, e está no Spotify e no YouTube. Durante todos os dias do Banana, que está acontecendo nesta semana, a rádio recebe uma série de convidados especiais, como o já citado Otto, Tulipa Ruiz, Rodrigo Alarcon e muito mais! Confira a programa logo abaixo. Dia 16 de agosto, sexta-feira 17h - Feminine HI-FI 18h - Edgar 19h - DJ Ceciloui Dia 18 de agosto, domingo 17h - Dinho (Boogarins) Veja Mais

MC Rita se envolve em polêmica após criticar modelo com depressão

MC Rita se envolve em polêmica após criticar modelo com depressão

R7 - Música MC Rita criticou atitude de modelo com depressão Reprodução/Instagram MC Rita está sendo bastante criticada nas redes sociais. A funkeira, que ficou famosa com a música Amor de Verdade, feita em parceria com MC Kekel, mandou mensagem para a modelo Bruna Chiarini, após ela ter postado um vídeo chorando e comentando sobre depressão. No diálogo, Rita manda carinhas chorando de rir e diz para Bruna “não se matar”. “Se quiser fazer, faça, não chore na internet”, disse. Veja também: Giovanna Antonelli fura 8 piercings de uma vez dentro do carro “Acho que cada um tem a sua opinião. Se eu tivesse depressão, eu não ia chorar na internet, ia procurar ajuda. Não ia jogar culpa nos outros que se a pessoa se mata, a culpa é dos outros. Cada um com a sua opinião. Ninguém aqui mandou a menina se matar. Não posso fazer nada”, defendeu MC Rita. “Falta de empatia demais”, “psicóloga pra que? Temos Dr Mc Rita com especialização em depressão, ensina como você deve agir passo a passo é tudo que não deve fazer”, e “isso não é só falta de empatia, é falta de amor, respeito, tudo”, estavam entre os comentários. Veja Mais

Vida e Nada Mais: conversamos com Vitor Isensee sobre seu primeiro lançamento solo

R7 - Música Vem coisa boa por aí, hein! Vitor Isensee, conhecido por seu trabalho nos grupos Forfun e BRAZA, está dando os primeiros passos de sua carreira solo. Mas se está pensando na sonoridade de algum dos grupos, você se enganou feio. Para Vitor, a música é um suporte para a sua grande especialidade: as palavras. Isso permitiu que se arriscasse por conta própria em novas sonoridades. Os mais de 15 anos de experiência na área o levaram a um novo projeto, sob a identidade artística IZENZÊÊ (que, na verdade, é a pronúncia correta de seu sobrenome). Atualmente, Vitor está preparando sua estreia solo com a divulgação do álbum Vida E Nada Mais, com produção de Tomás Tróia, que será lançado ainda este ano! Como forma de aquecimento, ele disponibilizou hoje (16) a primeira prévia do disco, a faixa 'Alfazema e Aguarrás'.   'O meu lance é a escrita, sabe?' https://open.spotify.com/playlist/05jyAgzDISm9DyKJt4WUj1?si=EvOxZcSTRg2fjvwJFNLfUA Tivemos a oportunidade de conversar por telefone com Vitor, que nos falou sobre a produção desse novo projeto, sobre antropofagia e sobre suas inspirações. Ele até nos adiantou, com exclusividade, um trecho de uma canção ainda não divulgada. Ficou curioso? Confira a entrevista na íntegra abaixo: https://www.youtube.com/watch?v=BwcJiZGZwwQ TMDQA!: De onde surgiu a ideia de um projeto solo? Há quanto tempo você tem esse objetivo? Vitor Isensee: Já tem um tempo que eu tenho vontade de fazer alguma coisa solo na música. Mal ou bem, existe um trabalho meu individual através dos meus livros de poesia. É uma mídia diferente, um outro suporte, mas, de certa forma, já foi uma estreia solo. De certa forma, eu estava a fim de tomar as decisões sozinho e, quando errar, ser o único responsável. Mais do que isso, eu acho que a substância artística, o lance que eu estava fazendo ali, não caberia em nenhum outro suporte, seja ele o BRAZA ou um livro. Era algo que eu queria dar vazão por mim. TMDQA!: Como se deu a escolha de Tomás Tróia como produtor do disco? Vitor: Quando começou o ano, eu coloquei isso como meta: lançar um EP. A princípio, quem ia produzir era o Sebastian (Piracés-Ugarte, da Francico, el Hombre), mas vimos que seria meio inviável, já que ele é de São Paulo e eu do Rio. Aí decidi fazer com alguém daqui mesmo. Chamei o Tomás, que já conhecia há alguns anos, desde a época do R.Sigma. Ele aceitou, e isso deu início a um segundo momento da história. Ele criou algo super original que casou bem com as coisas que escrevo. Foi uma surpresa legal, porque acabou que fizemos o disco juntos. TMDQA!: Você tem, além de suas obras musicais, dois livros publicados (“Vivas Veredas” e “A Todo Pano”). Como é viver da arte de forma ampla, consumindo várias de suas vertentes? Vitor: Eu acho que, no fundo, foi algo que eu me dei conta durante o processo deste disco. A minha grande habilidade, sem falsa modéstia, é com a palavra, com a comunicação. O meu lance é a escrita, sabe? A música vem como um suporte. Eu acho que, claro, tenho jeito para criar melodias, refrães, flows, métricas... Mas eu não sou um cara que vai sair tocando um instrumento maravilhosamente bem. Eu sei tocar, mas a música, para mim, é mais um veículo do que exatamente a minha primeira paixão. Quando eu publiquei os livros, percebi que eles também são o suporte, de forma mais explícita, já que é a palavra ali. É meio natural. https://www.instagram.com/p/BeRUdOLFtAU/   'Nada que eu nunca tenha feito antes, mas agora de uma forma mais intensa e pessoal' TMDQA!: A capa do álbum me remete à questão do elemento água. Como esse suporte foi pensado? Vitor: Eu sou pisciano (risos). Não sei se isso influencia, mas acho que sim. O ambiente de água sempre foi muito bom para mim. O mar é uma válvula de escape. Eu cresci no Rio e tive o privilégio de crescer relativamente perto da praia. É algo que sempre esteve presente na minha vida. Eu fui percebendo que é uma paleta de cores que eu sempre gostei de usar. Enquanto estudava pintura, essas cores sempre apareciam. Eu percebi essa influência quando comecei a fazer o disco, e quis dar esse enfoque de maneira cautelosa, sem deixar a estética estereotipada, já que a água e o mar já foram cantados milhões de vezes. TMDQA!: O álbum fala sobre o mistério da vida e sobre as peculiaridades da existência. Como um ótimo poeta, que temáticas circulam as letras do novo disco? Vitor: Sendo bem objetivo, acho que é a tríade que acho que me acompanha há um tempo. Tem a questão existencial e filosófica de “Por que estamos aqui?”, com todo o drama e gozo que é ser um ser humano. Tanto que o nome do disco é Vida E Nada Mais. Existe também uma questão política e social sobre tudo que está acontecendo, que está ali em várias letras do disco. A terceira via, que talvez esteja mais escondida, é a coisa do amor conjugal. Passeia por aí. E acho que todos esses assuntos são tratados por um ponto de vista que eu gosto de adotar sempre que escrevo, que é me botar no olhar de um cronista. Assim, eu tento convidar a pessoa a refletir sobre o que ela está ouvindo. No fim das contas, estou colocando para fora o que eu tenho vontade de exprimir. Nada que eu nunca tenha feito antes, mas agora de uma forma mais intensa e pessoal. https://www.instagram.com/p/B09OSbzFe_f/ 'O quarto grande momento antropofágico na cultura brasileira' TMDQA!: IZENZÊÊ é um nome artístico diferente baseado no seu nome real, que tem origem alemã. O jeito que se assemelha a palavras tupis remete muito à cultura antropofágica que marca a nossa música. Como isso vai estar refletido na estética das músicas? O que você pode nos adiantar sobre as novas canções em termos de sonoridade? Vitor: Acho que a principal influência, em termos de sonoridade, é o lance do future bass, que conheci através do Tomás. Virou uma sub-vertente do future house e está surgindo em todos os lugares do mundo. O Tomás, sempre atualizado em relação à cena eletrônica, viu que uma coisa casava com a outra. Não é exatamente um estilo brasileiro, mas tentei, ao longo do processo e principalmente através das letras, trazer para a realidade do Brasil. Eu fui percebendo, ao longo dos anos, que curto explorar as possibilidades da língua. Até porque o nosso português é um idioma muito rico e tem muita coisa a ser explorada. Precisamos valorizar a nossa língua. Acho que, nisso aí, também cabe uma antropofagia. E é muito legal você perceber isso do nome. É a pronúncia do meu sobrenome. A maioria das pessoas nem sabia que era assim. É a pronúncia de uma palavra em alemão, cultura com a qual eu não tenho nenhuma ligação, mas que, por acaso, tem um fonema que me remete a uma coisa iorubá ou tupi. É uma tentativa de subverter isso, para dar essa ênfase na questão da mistura. TMDQA!: Você falando disso da métrica, me remeteu à questão da Tropicália. É uma mistura que, no fundo, é o Brasil. Vitor: Total, cara! Eu acho que, hoje em dia, a gente vive o quarto grande momento antropofágico na cultura brasileira. Primeiro é o Modernismo, com Oswald de Andrade, Tarsila de Amaral e afins. Pouco depois, veio a Tropicália, que leva isso a um outro extremo, da música e do cinema. Depois, eu considero como o terceiro momento o Chico Science. Junto à Nação Zumbi, eles trazem novamente essa ideia, com o maracatu e o hip-hop. Agora estamos vivendo um novo momento muito doido disso tudo. Tem relação com a questão da globalização, e tem muito a ver com o que está sendo feito no Brasil todo atualmente, com talvez mais força na Bahia, com o pessoal do BaianaSystem, do ÀTTOOXXÁ... https://www.youtube.com/watch?v=aaEinZSaYhs   Influências, participações e evolução TMDQA!: Levando em conta o seu processo criativo para desenvolver o álbum, quem você considera suas maiores influências?  Vitor: Para o trabalho, tem muito a coisa do future bass e algo do vaporwave, que tem a ver com o estilo de produção do Tomás. É um disco que, essencialmente, é de rap, por causa da forma do flow. Em termos de letra e das coisas que ouço, tenho referências como Kendrick (Lamar), J. Cole, Anderson.Paak, Mick Jenkins, The Internet, Saba... Já no Brasil, eu acabo remetendo o trabalho, enquanto escrevo, a nomes como o Djonga, o Sabotage e o Mano Brown. E tem muito da música mais antiga brasileira, que é algo que eu também ouço muito. João Donato, João Bosco, Aldir Blanc, Milton Nascimento... TMDQA!: Além da produção de Tomás Tróia, que outros nomes participam do disco? Vitor: Tem alguns feats! Tem uma música com o Lucas Castello Branco, e já queremos fazer algo junto há um tempo. Tem uma outra com a Duda Beat, que também chegou a um resultado bem legal. Tem uma que vai ser assinada como um feat com o Tomás, porque ele já tinha a música pronta. É a minha favorita do disco. Tem a Luê, que conheci através da galera da Francisco. Ela canta muito e é uma pessoa muito legal. Por último, mas não menos importante, tem uma participação de um moleque da nova cena que eu acho incrível: o Morcego. Ele já tinha feito algumas coisas com o BRAZA, e acabamos super amigos. https://www.instagram.com/p/B1FDoH4lPH_/ TMDQA!: Desde a época do Forfun até hoje, passando por toda a experiência que você foi tendo enquanto artista, como você avalia a sua evolução? Vitor: Eu evoluí em muitos sentidos desde o início da minha trajetória. Eu acho que eu escrevo melhor hoje, por reflexo da minha vida e dos meus estudos. Hoje eu tenho um pouco mais de clareza em relação a duas coisas que considero muito importantes. Uma é a questão do conceito do trabalho. A segunda coisa é essa consciência de que a arte que produzo não é exatamente a minha pessoa. Essa consciência me libertou de muita coisa, e até hoje preciso ter isso em mente para não entrar em algumas nóias. Aquilo é uma expressão, algo que saiu de você, mas não é você. Até por conta disso, eu quis criar um outro nome para esse projeto, para deixar essa separação explícita para mim. https://www.youtube.com/watch?v=Rs9oyIHksoU https://www.youtube.com/watch?v=AJsD8xgXQ3U TMDQA!: Para finalizar, pode nos adiantar algum trecho da poesia do novo álbum? Estamos certamente ansiosos pelo o que você tem a nos dizer com essas canções novas. Vitor: Claro: 'A Pomba Gira avisando, o açaí derretendo A consciência falando, a dor da Vida doendo A Vida é boa pra mim até onde eu me lembro Pegar a estrada final de Dezembro Apenas sou, e agora sim vi Eu sei da luta de classes, mas eu não vou desistir A gente chora que chora, até que chora de rir' Veja Mais

The 1975 anuncia data de novo disco e libera a inédita “People”

R7 - Música A banda britânica The 1975 irá lançar um novo disco chamado Notes On A Conditional Form e hoje divulgou sua data de lançamento. O quarto álbum do grupo de Manchester sairá apenas em 21 de Fevereiro de 2020 (!) mas o primeiro single, 'People', acabou de ser disponibilizado e pode ser ouvido na playlist oficial do TMDQA! logo abaixo. Um clipe oficial também foi lançado pelo The 1975 e pode ser visto na sequência. The 1975 - 'People' (Letra) Wake up, wake up, wake up It's Monday morning and we've only got a thousand of them left Well, I know it feels pointless and you don't have any money But we're all just gonna try our fucking best Well, my generation wanna fuck Barack Obama Living in a sauna with legal marijuana Well, girls, food, gear I don't like going outside, so bring me everything here (Yeah, woo, yeah, that's right) People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the, fucking with the People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the, fucking with the People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the, fucking with the People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the kids Wake up, wake up, wake up We are appalling and we need to stop just watching shit in bed And I know it sounds boring and we like things that are funny But we need to get this in our fucking heads The economy's a goner, republic's a banana, ignore it if you wanna Fuck it, I'm just gonna get girls, food, gear I don't like going outside, so bring me everything here (Yeah, woo, yeah) People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the, fucking with the People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the, fucking with the People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the kids People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the kids People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the, fucking with the People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the, fucking with the People like people They want alive people The young surprise people Stop fucking with the kids https://www.youtube.com/watch?v=EKdPxXWm7Jg Veja Mais

Billie Joe (Green Day) posta vídeo de queimada na Amazônia: “te amamos, Brasil”

R7 - Música A repercussão das queimadas na Amazônia continua mundo afora e Billie Joe Armstrong, vocalista, guitarrista e principal compositor do Green Day, se manifestou a respeito. Na sua conta oficial do Instagram, o cara publicou um vídeo de uma moradora indígena que foi afetada pelos incêndios e colocou a mensagem 'Nós te amamos Brasil. Fiquem fortes.' junto com o post. No vídeo, a local aparece transtornada com o fogo e diz que 'baderneiros' foram responsáveis com ele, dizendo ainda que haveria retaliações com fechamento de pistas próximas dali. Você pode assistir logo abaixo. Madonna e Leonardo DiCaprio https://www.instagram.com/p/B1eiG_XFQnp/ Vale lembrar que além de Billie Joe, a cantora Madonna também se manifestou a respeito do assunto, bem como o ator Leonardo DiCaprio. Veja Mais

P!nk tem a turnê mais lucrativa entre artistas mulheres na década

R7 - Música A P!nk pode estar na estrada há quase 20 anos, mas segue realizando grandes feitos na carreira. Segundo a Billboard, a mais recente turnê da cantora de 39 anos, Beautiful Trauma World Tour, baseada no álbum lançado em 2017, lucrou 397,3 milhões de dólares (ou 1,6 bilhão em reais), vendendo mais de 3 milhões de ingressos entre o ano passado e o atual. Com a marca atingida, P!nk alcançou a décima maior bilheteria de todos os tempos e se tornou a artista feminina com a turnê mais lucrativa na última década. A soma só não ultrapassa os números conquistados pela Sticky & Sweet Tour, de Madonna, que, entre 2008 e 2009, arrecadou 408 milhões de dólares ao redor do mundo. A tour de P!nk foi iniciada em 1º de Março de 2018 e seu encerramento aconteceu no último dia 19, tendo passado pela América do Norte, Europa e Oceania. Apenas na Austrália, a cantora atingiu 209,5 milhões de dólares, sendo superada somente por ninguém menos que os Rolling Stones, que fizeram 241,7 milhões. Mulheres no topo A semana também teve outra artista feminina em destaque: Billie Eilish. A jovem de 17 anos chegou pela primeira vez ao topo da Billboard 200 com 'Bad Guy', desbancando o reinado de 'Old Town Road', do rapper Lil Nas X, que ficou por 19 semanas no primeiro lugar da parada, um impressionante recorde na Billboard. P!nk no Brasil Para a felicidade dos fãs brasileiros, a mãe de Willow, de 8 anos, e Jameson, que vai fazer 3 em Dezembro, virá ao país pela primeira vez durante o Rock in Rio, onde se apresentará no dia 5 de Outubro. Os ingressos para o festival estão esgotados. No show do Brasil, a cantora já terá estreado a turnê Hurts 2B Human, de seu último disco, lançado neste ano. Veja Mais

Seattle cria o “Dia de Layne Staley” em homenagem a vocalista do Alice In Chains

R7 - Música 22 de Agosto agora é, oficialmente, o 'Dia de Layne Staley' em Seattle. A icônica cidade do noroeste dos Estados Unidos que serviu como berço do grunge viu diversos talentos brotarem e despontarem para todo o mundo e entre eles está o saudoso vocalista da banda Alice In Chains. Se estivesse vivo, hoje Layne completaria 52 anos de idade e junto com seu aniversário veio também o anúncio da prefeita de Seattle, Jenny Durkan, de que a partir de agora, teríamos a data comemorativa. Dia de Layne Staley Além da homenagem óbvia, a ideia aqui também é chamar atenção para o Layne Staley Memorial Fund, criado com o objetivo de apoiar moradores de Seattle que sofrem com dependência química. O anúncio oficial veio com a seguinte mensagem: Nós apoiamos nossos residentes que lutam com a desordem no uso de substâncias e celebramos o Layne Staley Memorial Fund por dar esperança, educação, apoio e fundos para o tratamento de recuperação por causa da heroína na comunidade de Seattle. A cidade celebra a arte de Layne e a promoção das artes em Seattle à medida que trabalhamos para uma cidade mais vibrante, saudável e segura. Vale lembrar que Staley morreu cedo demais, aos 34 anos de idade em 05 de Abril de 2002, vítima de uma overdose de speedball, a mistura de heroína e cocaína. Na mesmíssima data, 08 anos antes, outra lenda do grunge, Kurt Cobain, morreu após se dar um tiro na cabeça. LEIA TAMBÉM: há 23 anos, Alice In Chains fazia seu último show com Layne Staley Veja Mais

The Lumineers lança novo EP com abordagem audiovisual incrível; assista

R7 - Música O The Lumineers está mesmo empenhado na parte visual de seu novo disco, III. A banda folk acaba de lançar o clipe de 'Left For Denver', a sexta parte de uma história contada em 10 atos -- ou vídeos -- e que acompanha a temática do disco, que chega no dia 13 de Setembro. Como a gente falou por aqui anteriormente, o álbum está sendo lançado aos poucos, na forma de EPs, contando a história da família Sparks. O primeiro deles foi Gloria Sparks e agora veio Junior Sparks, com três músicas e vídeos. III, o disco, tem data de lançamento marcada para 13 de Setembro. The Lumineers https://www.youtube.com/watch?v=eGReASgVM1Q https://www.youtube.com/watch?v=YnZ1cenlLw8 https://www.youtube.com/watch?v=P-a1hAETpAU&feature=youtu.be Neste ano, após o lançamento do single 'Gloria', o grupo figurou em primeiro lugar em algumas paradas da Billboard, como te contamos por aqui. Veja Mais

Entrevista Monsta X

Entrevista Monsta X

R7 - Música O grupo de k-pop Monsta X se apresentou no Brasil em julho e conversou com o R7 antes do show. Veja Mais

Foo Fighters: esse molequinho arrasou dançando “All My Life” em show; assista

R7 - Música A atual turnê do Foo Fighters pela Europa passou por Belfast ontem (19) e por lá a banda tocou um dos seus clássicos. Durante 'All My Life', Dave Grohl convidou um simpático moleque de 5 anos de idade para mostrar à plateia como é que se dança e ele não apenas deu conta do recado como mostrou que nasceu pra fazer isso. Você pode assistir ao vídeo logo abaixo! LEIA TAMBÉM: Foo Fighters tenta tocar 'Scar Tissue' do Red Hot Chili Peppers em show Foo Fighters em Belfast 2019 - Setlist The amazing moment the @foofighters invite 5 year old Belfast fan Taylor up on stage, his first ever concert, and he absolutely killed it!!!!  @BelfastVital #CoolSaturdayShow pic.twitter.com/qPeW2pco4s — Stuart Robinson (@stuartrobinson1) 19 de agosto de 2019 Run Learn to Fly The Pretender The Sky Is a Neighborhood Times Like These Drum Solo Sunday Rain My Hero These Days La Dee Da Walk Boys are Back In Town/Hocus Pocus Under Pressure (Queen cover) All My Life I'll Stick Around Wheels Big Me Monkey Wrench Hey, Johnny Park! Best of You Dirty Water This Is a Call Everlong Veja Mais

Jimmy Page relembra dia em que Steven Tyler o apresentou o RHCP

R7 - Música Em mais uma publicação saudosa em seu Instagram, o lendário Jimmy Page relembrou o dia em que conheceu uma banda pra lá de especial. No último domingo (18), Page postou sobre um show que fez com o Aerosmith neste mesmo dia, em 1990, no festival Monsters Of Rock. No texto, ele citou os momentos que passou no ônibus de turnê com a banda, onde foi apresentado a um disco do Red Hot Chili Peppers por Steven Tyler. Leia: Eu viajei com o Aerosmith em seu ônibus de turnê indo e voltando do show. Todo o tempo no ônibus foi gasto conversando e trocando histórias, e em um momento o [Steven Tyler] tocou para mim o então recente disco do [Red Hot Chili Peppers]. Houve muito entusiasmo e discussão sobre a música deles nessa viagem. O álbum a que Jimmy Page se refere é muito provavelmente Mother's Milk, lançado em Agosto de 1989. Flea responde https://www.instagram.com/p/B1UTX5sD4YS/?igshid=bcdd2fkc8pp1 Nos comentários, o baixista Flea se disse honrado pela declaração, agradecendo ao guitarrista do Led Zeppelin por ter ouvido o disco. E falando na banda, parece que Anthony Kiedis e companhia estão preparando o sucessor de The Getaway (2016), que pode sair muito em breve. LEIA TAMBÉM: Assista a show completo do Red Hot Chili Peppers em escola americana Veja Mais

Sim, o Metallica tem feito uma série de covers terríveis em seus shows

R7 - Música Na semana que passou nós publicamos por aqui as declarações de Tom G. Warrior sobre 'homenagens' do Metallica ao seu trabalho. O músico de bandas como Celtic Frost e Hellhammer disse que a banda 'perdeu a habilidade de tocar metal de verdade há muito tempo' e ainda falou sobre a versão de 'Procreation Of The Wicked' executada pelo guitarrista Kirk Hammett e o baixista Rob Trujillo: Eles estragaram a música e foi humilhante. Covers do Metallica Acontece que o que a dupla do Metallica tem chamado de 'doodle' em seus shows, começou como uma espécie de homenagem mas se tornou um verdadeiro suplício para fãs dos grupos das cidades e países por onde eles passam. Tocando canções de nomes locais em um formato reduzido, a banda diminui drasticamente o seu potencial ao apresentar versões cruas e mal ensaiadas, com Trujillo mostrando que deveria se concentrar no baixo e deixar os vocais para outras pessoas. Há uma série de versões rebuscadas e simples que amamos por aí, mas o caso aqui é que um dos grupos mais potentes e competentes do mundo apresenta versões que expõem seus poucos pontos fracos e fazem Kirk e Rob soarem como músicos amadores que estão aprendendo seus instrumentos. Nós já falamos sobre isso algumas vezes aqui no TMDQA!, mas você pode comparar outras canções tocadas pelo Metallica com as originais logo abaixo. Metallica no Brasil Em tempo, a banda vem ao Brasil para uma turnê de quatro shows em 2020. Alguma ideia de qual ou quais grupos nacionais eles irão celebrar em suas apresentações? Celtic Frost - 'Procreation of the Wicked' https://www.youtube.com/watch?v=dPvUSqRPnP4 https://www.youtube.com/watch?v=WfWR4jvmXF8 a-ha - 'Take On Me' https://www.youtube.com/watch?v=N3vZDBARcmc https://www.youtube.com/watch?v=djV11Xbc914 Rammstein - 'Engel' https://www.youtube.com/watch?v=yhw5weQd0z0 https://www.youtube.com/watch?v=x2rQzv8OWEY Iron Maiden - 'Killers' https://www.youtube.com/watch?v=RJO7z9D-jMs https://www.youtube.com/watch?v=XlGIFNS3Idc Europe - 'The Final Countdown' https://www.youtube.com/watch?v=C45Bn0PzFEM https://www.youtube.com/watch?v=9jK-NcRmVcw   ABBA - 'Dancing Queen' https://www.youtube.com/watch?v=-Qx12pLiptA https://www.youtube.com/watch?v=xFrGuyw1V8s Veja Mais

Pearl Jam e Foo Fighters devem lançar novos discos em 2020

R7 - Música Parece que 2020 vai ser bom para os fãs do Foo Fighters e do Pearl Jam. O baterista Taylor Hawkins confirmou que a banda de Dave Grohl espera estar com o álbum pronto no ano que vem, em entrevista à Rock Sound (via Foo Fighters Brasil). O músico declarou: Bem, pelo que ouvi do nosso destemido líder Dave Grohl, ele tem várias demos com as quais tem trabalhado e acho que vamos começar assim que a turnê terminar… Acho que não muito em breve vai começar o processo de juntar as músicas com a banda. É um processo longo, fazemos muitas demos e outras coisas, mas acho que teremos, eu espero, acho que teremos um novo álbum no ano que vem. Nós deveríamos. Promissor, hein? Pearl Jam Já para os lados da banda de Eddie Vedder a coisa é um pouco mais incerta, mas já atiçou os fãs. Segundo o portal Alternative Nation, um insider chamado Demetrios avisou que o grupo está em estúdio gravando o sucessor de Lightning Bolt (2013). A informação até faz sentido, visto que em 2018 os caras lançaram o single 'Can't Deny Me', que pode estar no trabalho. Agora é aguardar! LEIA TAMBÉM: Dave Grohl leva cadeirante ao palco durante show do Foo Fighters; vídeo Veja Mais

Músicos do Sampa Crew passam por cirurgia após grave acidente

Músicos do Sampa Crew passam por cirurgia após grave acidente

R7 - Música Van que levava os músicos foi atingida por carro Reprodução/Instagram Os músicos do Sampa Crew, que sofreram um acidente na madrugada do último domingo (18), continuam internados no Hospital São Vicente de Paulo, em Jundiaí, interior paulista. Shows do Sampa Crew são cancelados após grave acidente Segundo comunicado divulgado nas redes sociais da banda nesta segunda-feira (19), os artistas tiveram de se submeter a cirurgias. O quadro de saúde dos músicos é estável e ainda não há previsão de retorno do Sampa Crew aos palcos.  Leia o comunicado na íntegra Reprodução/Instagram   Veja Mais

Jornalista da ESPN é xingado por chamar Bon Jovi de “Capital Inicial dos EUA”

R7 - Música Se você assiste às transmissões de esportes americanos nos canais brasileiros da ESPN, sabe que o clima por lá é sempre bastante descontraído. Acontece que Antony Curti, comentarista conhecido pelo futebol americano mas que também participa de transmissões de outros esportes como o baseball, foi xingado no Twitter após fazer uma comparação musical. Ao comentar uma partida de baseball, ele usou sua conta oficial na rede social para dizer que estava sendo xingado na hashtag #MLBnaESPN porque disse no ar que a banda Bon Jovi 'nada mais é' do que 'o Capital Inicial dos EUA': Pessoas estão me xingando na hashtag #MLBnaESPN só porque eu disse que Bon Jovi nada mais é do que o Capital Inicial dos EUA. Teve gente concordando, muita gente discordando e outras tantas dizendo que ser comparado à banda brasiliense não é algo ruim. E você, o que acha? Veja alguns dos comentários logo abaixo. Bon Jovi no Brasil Vale lembrar que a banda fará shows por aqui em 2019 e você pode encontrar informações sobre ingressos por aqui. Pessoas estão me xingando na hashtag #MLBnaESPN so porque eu disse que Bon Jovi nada mais é do que o Capital Inicial dos EUA. — Antony Curti (@CurtiAntony) August 14, 2019 Como se comparar alguma banda com capital inicial fosse alguma coisa ruim....路‍♂️ — 49ers do Caos (@NinersDoCaos) August 14, 2019 Bon Jovi é o sertanejo universitário da música americana. Gosto, mas é isso aí, mais brega impossível kkkkk — Gabriel (@wndrunners) August 14, 2019 Bon Jovi é muito bom, mas não chega perto de Capital Inicial kkkkkk — Bigão (@bigao13) August 14, 2019 Veja Mais

Maya Hawke (Stranger Things) estreia no mundo da música com dois singles; ouça

R7 - Música Se tem uma série cheia de músicos no elenco, está série com certeza é Stranger Things. Agora, Maya Hawke também entrou na 'onda'. A atriz que vive Robin Buckley na terceira temporada do seriado da Netflix acaba de lançar seus primeiros dois singles. 'Stay Open' e 'To Love a Boy' foram escritas em parceria com Jesse Harris, que já trabalhou com nomes como Norah Jones e Melody Gardot. Maya não deixou claro se pretende lançar um disco. Ouça as canções nos players logo abaixo! Stranger Things https://open.spotify.com/track/2r3OTzoSqFmNknyJqYZSrU https://open.spotify.com/track/2SQbwxGKnaVuHlvysPDSUt Além da estreante Hawke, a série tem também em seu elenco Finn Wolfhard, vocalista e guitarrista da Calpurnia. Ainda no grupo das crianças, Gaten Matarazzo também canta na Work In Progress -- enquanto isso, o galã Joe Keery era membro da Post Animal, e agora acaba de lançar um projeto solo. Veja Mais

Balaclava Fest anuncia line-up com Battles, Shame, ÀIYÉ e David Pajo

R7 - Música Habemus os primeiros nomes do Balaclava Fest 2019! O selo e produtora Balaclava Records divulgou a primeiro parte do line-up desta décima edição. Estão confirmados o duo norte-americano de math rock Battles, o punk britânico do Shame, David Pajo (Slint) em seu projeto Papa M, além de ÀIYÉ, nova faceta eletrônica criada pela multi-instrumentista Larissa Conforto, da Ventre. Tá ficando quente, hein? Mais atrações serão divulgadas nas próximas semanas! Assim como nos últimos anos, o festival terá dois palcos e será realizado na Audio, em São Paulo. O evento rola no dia 13 de Outubro e os ingressos do primeiro lote estão a venda no site da Ticket360 (link abaixo) e sem taxa de conveniência na bilheteria da casa de show e em mais pontos de venda da cidade. Bora? Serviço - Balaclava Fest 2019 Com Battles, Shame, Papa M, ÀIYÉ e muito mais Quando: 13 de outubro - domingo Abertura da casa: 16h00 Classificação: 16 anos Onde: Audio - Av. Francisco Matarazzo, 694 - Barra Funda - São Paulo - SP Capacidade da casa: 3.200 pessoas Acesso para deficientes: sim Local para alimentação: sim Wifi: sim Venda Ingressos: Bilheteria Audio (de segunda a sábado das 13h às 20h) Site ou aplicativo Ticket360 Cartões: Visa, Master, Amex, Hipercard Pontos de venda Balaclava Fest | Sem taxa de conveniência: Audio Av. Francisco Matarazzo, 694 - Água Branca, São Paulo Próximo ao Metrô Palmeiras - Barra Funda Horários: Segunda a sábado das 13h às 20h. Kraut Bar (Venda somente em dinheiro) Rua Barão de Tatuí, 405 - Santa Cecília Horários: Terça a sexta, das 12h as 15h / das 18h as 00h. Sábado do meio dia à 1h da manhã. Domingo do meio dia às 17h. Veja Mais

Rob Zombie agride mulher após ter camiseta puxada em show; vídeo

R7 - Música Rob Zombie foi puxado por uma fã em um show no último dia 14, no Canadá, e não reagiu bem. Um vídeo do TMZ mostra o momento em que o astro do Heavy Metal está passando perto da plateia e tem sua camiseta puxada por uma mulher que estava por ali. A reação instantânea do músico, que estava com cara de poucos amigos, foi de se voltar em direção a ela e puxar o seu cabelo, como pode ser visto no vídeo logo abaixo. Muita gente tem criticado Zombie por sua ação mas outros músicos estão relevando a reação, inclusive o defendendo dizendo que foi a fã quem o provocou e que no meio da multidão é difícil saber se algo assim é só 'amor de fã' ou algo realmente perigoso, então a reação vem do instinto natural mesmo. Vídeo de Rob Zombie https://www.youtube.com/watch?v=FR51GjQf0wU Veja Mais

Ouça os novos discos de Sleater-Kinney e Oso Oso

R7 - Música O influente trio de indie/punk Sleater-Kinney está de volta com The Center Won't Hold, disco produzido pela incrível St. Vincent. Aqui, a banda aborda uma sonoridade voltada mais ao Pop e lida com o fato de que Janet Weiss, baterista na formação há décadas, resolveu sair após o lançamento dos primeiros singles. https://open.spotify.com/album/6ArjrXMlLegKiAPOp34K58?si=F80fkHazSIinM7MssfT1tQ   Oso Oso https://open.spotify.com/album/0W3zHdIMXAfAAueEWaagRH?si=x3keYYUnSr-oLbe2mKVxdw basking in the glow é o terceiro disco de estúdio da sempre ótima banda de emo/pop-punk Oso Oso. Vale muito o play! Veja Mais

Anitta sensualiza em gravação de DVD de Léo Santana

Anitta sensualiza em gravação de DVD de Léo Santana

R7 - Música Léo Santana gravou o DVD Levada do Gigante, no Credicard Hall, localizado no bairro de Santo Amaro, zona sul de São PauloEntre as participações especiais do DVD, estava AnittaAnitta sensualizou no palco e agitou os fãs paulistasLéo Santana gravou o DVD Levada do Gigante, em São Paulo, na noite de desta quinta-feira (15)Anitta sensualizou na gravação do DVD de Léo SantanaAnitta agitou o público paulista ao lado do cantor baiano Veja Mais

50 anos depois, casal de foto icônica do Woodstock continua firme e forte

50 anos depois, casal de foto icônica do Woodstock continua firme e forte

R7 - Música 2019 é um baita ano para o Woodstock, já que a edição original do festival histórico completa 50 anos. Dentre polêmicas e tributos, uma história muito específica do evento chama atenção -- e aquece o coração também! Em 1970, pouco menos de um ano após o festival, a Atlantic Records lançou um disco triplo contendo diversas performances ao vivo que passaram pelo evento. No álbum estão faixas de artistas como Joan Baez, Crosby, Stills & Nash, Santana, The Who, Joe Cocker, Jefferson Airplane, Jimi Hendrix e muitos outros. A capa do trabalho chama atenção, já que exibe um casal abraçado e envolto por um cobertor imundo no local do festival. E aí que vem a parte legal: você acredita que esses pombinhos estão juntos até hoje? Pois é! Nick e Bobbi Ercoline eram apenas jovens namorados quando, no dia 17 de Agosto de 1969, decidiram embarcar na aventura que tomou conta de Bethel, em Nova York. De acordo com a Smithsonian Mag, a dupla nem tinha planos de ir ao evento, mas ao ouvir que meio milhão de pessoas estariam por lá, acabaram cedendo à curiosidade. Nick declarou: Nós apenas pensamos que nunca mais veríamos algo parecido com aquilo em nossas vidas. Nunca mais. E eles estavam certos. O fotógrafo Burk Uzzle, à época trabalhando para a revista Life, entra então na equação. De acordo com Uzzle, a publicação pediu para que ele fotografasse apenas os shows, e não fosse para o meio do público capturar a energia do público -- o que ele recusou. Tendo parado no Woodstock de qualquer forma, o fotógrafo acabou exatamente onde queria estar. Foi então que ele avistou o casal: Gracie Slick, da Jefferson Airplane, estava cantando, chamando o amanhecer. E aí magicamente esse casal se levantou e se abraçou. Eles se beijaram, sorriram um para o outro e a mulher encostou a cabeça no ombro do homem. Eu só tive tempo de tirar algumas fotos em preto e branco e algumas coloridas, depois a luz foi embora e o clima acabou. Nick e Bobbi apenas descobriram que acabaram na capa do álbum através de um amigo do casal -- e foi ele a prova de que aqueles eram realmente os dois. Ao longo dos anos, muitos casais alegaram estar na foto, mas a presença do tal amigo na imagem completa é a prova final. Hoje [caption id='attachment_338718' align='aligncenter' width='520'] Nick e Bobbi Ercoline Woodstock Tenho Mais Discos Que Amigos Foto por Burk Uzzle (via Smithsonian Mag)[/caption] O casal não deu muita atenção à foto até 1989, quando a revista Life os procurou para comemorar os 20 anos do festival. De acordo com Nick, ele pensa que as pessoas devem ter ficado decepcionadas ao saberem que eles não eram 'hippies de verdade'. Bobbi completa: Todos souberam que nós não éramos revolucionários com flores na cabeça e sem roupas no corpo. Eu era apenas uma garota caipira. E ele apenas um estudante com dois empregos. Hoje, com um casamento de 38 anos e dois filhos crescidos, Bobbi trabalha como enfermeira em uma escola, enquanto Nick é um carpinteiro aposentado. Woodstock 50 O casal que fez história no festival estava planejando comparecer à edição de 50 anos do Woodstock, que estaria acontecendo neste final de semana. Acontece que, como te contamos por aqui várias e várias vezes, diversos problemas, confusões e vários outros fatores fizeram com que o evento fosse cancelado e a comemoração por água abaixo. Veja Mais

David Bowie: participação em programa da VH1 ganhará edição em vinil

R7 - Música Os fãs de David Bowie podem aguardar por uma novidade bastante especial. É que o canal de televisão americano VH1 prepara o lançamento em vinil da participação do lendário cantor no programa Storytellers, 20 anos atrás. Na ocasião, em 23 de Agosto de 1999, o Camaleão do Rock apresentou um setlist que percorria todas as fases incríveis de sua carreira e algumas surpresas. Raridades no ar Bowie, por exemplo, cantou o single de 1966 'Can't Help Thinking About Me', o primeiro após o artista retornar ao seu nome artístico original em substituição a David Jones. Antes da execução no Storytellers, a música não era executada havia 33 anos. https://www.youtube.com/watch?v=VWGD401BQig O outro momento marcante da participação de Bowie no programa foi a performance de 'Word on a Wing', que não era cantada por ele havia 23 anos e que faz parte do disco Station to Station (1976). Em 2009, o registro audiovisual tinha sido lançado em CD e DVD. A edição em vinil chegará às lojas em 11 de Outubro e, além de todas as canções que entraram na sessão ao vivo, virá acompanhada de quatro faixas bônus. O produtor executivo do Storytellers Bill Flanagan rasgou elogios para o astro. 'Bowie tem um lugar que pertence somente a ele no rock n' roll. Ele não é apenas um dos músicos mais influenciadores desta era, como também ele não fazia nada a não ser que estivesse completamente comprometido', disse o empresário da VH1. Morte de um ícone David Bowie, nascido em 8 de Janeiro de 1947 em Londres, faleceu em 10 de Janeiro de 2016 em Nova York, aos 69 anos, vítima de um câncer no fígado. Ele havia lançado seu mais recente álbum, Blackstar, havia apenas dois dias. Além do citado David Jones, Bowie também ficou conhecido por outros pseudônimos como Ziggy Stardust, Major Tom  e Rainbowman. Musical no teatro A cidade de São Paulo vai receber o musical Lazarus, idealizado por Bowie e que estreou no circuito off-Broadway em Dezembro de 2015. A peça ficará em cartaz no Teatro Unimed o dia 27 de Outubro, com ingressos de R$ 80 a R$ 180. LEIA TAMBÉM: Johnny Flynn aparece como David Bowie em primeira foto de novo filme Veja Mais

Projeto de moradias populares de Kanye West pode ser derrubado

R7 - Música O ambicioso projeto de Kanye West de construir casas para moradores de rua pode estar com os dias contados. Vizinhos têm reclamado do barulho noturno da obra do Yeezy Home, iniciativa do rapper para abrigar pessoas sem-teto, e até mesmo a polícia foi acionada para inspecionar. De acordo com o TMZ, Kanye precisa de permissões específicas para a construção permanente do projeto até 15 de Setembro, ou então será feita a derrubada das curiosas estruturas em formato de domo. Construído em Calabasas, região de Los Angeles, na Califórnia, o Yeezy Home foi anunciado em 2018 pelo rapper no Twitter e chama atenção por sua semelhança com construções alienígenas de Star Wars. Veja Mais

Vídeo inédito de Jeff Buckley cantando “Grace” é revelado; assista

R7 - Música Desde a sua morte prematura em 1997, aos 30 anos, em um trágico afogamento acidental, Jeff Buckley faz falta para muita gente. Mas os fãs podem matar um pouquinho da saudade com um vídeo inédito que foi descoberto recentemente. No registro, gravado em fevereiro de 1994 no Gleneagles Hotel, na Escócia, o artista canta 'Grace', faixa-título do seu único álbum lançado em vida, naquele mesmo ano. https://www.youtube.com/watch?v=wkl-xDkU-44 25 anos de 'Grace' Este mês de Agosto de 2019 marca os 25 anos do lançamento do disco de estreia de Buckley. Sendo assim, a Columbia/Legacy prepara grandes surpresas para homenagear o cantor, tido como um dos talentos mais relevantes da música na sua geração. A partir de amanhã (23), a gravadora vai disponibilizar nas plataformas de streaming mais de 50 gravações raras de Jeff, incluindo o lançamento oficial da demo 'Sky Blue Skin', registrada em estúdio em 1996. Também serão relançados o álbum póstumo Sketches for My Sweetheart the Drunk (1998) e o ao vivo Mystery White Boy (2000). Além disso, outros quatro materiais de shows chegarão aos serviços digitais: Live at Wetlands, New York, NY 8/16/94; Live From Seattle, WA, 5/7/95; Cabaret Metro, Chicago, IL, 5/13/95; e a sessão de Buckley em 1995 na Columbia Records Radio. Em entrevista à NME, a mãe do falecido cantor, Mary Guilbert, comentou os novos lançamentos. 'A indústria da música mudou bastante desde à partida de Jeff deste planeta. Eu estou muito feliz de ter a oportunidade de conferir esses materiais chegando até os fãs dele: os antigos e os novos, até aqueles que ainda nem nasceram ainda', disse. Apesar de ter morrido há mais de 20 anos, Jeff Buckley segue sendo uma inspiração e influência para diversos novos artistas. Veja Mais

McDia Feliz: Supercombo, Scalene, Plutão Já Foi Planeta e mais farão shows gratuitos

R7 - Música No próximo Sábado, dia 24 de Agosto, irá rolar um 'microfestival' com bandas das mais interessantes na música brasileira como parte do McDia Feliz. Supercombo, Scalene, Plutão Já Foi Planeta, O Grilo e King In The Belly farão shows gratuitos no McDonald's da Avenida Giovanni Grochi entre as 10 e as 15 horas. No dia espera-se que sejam vendidos 5 mil Big Mac's só nessa unidade e os fundos serão revertidos para o Itaci (Instituto de Tratamento do Câncer Infantil). Parcerias por uma Causa Nobre A realização desse evento é resultado de parcerias entre as produtoras Rockambole, Gritaria e Rapport, além da importadora de instrumentos musicais e equipamentos de áudio Habro Music. Ao falar a respeito, Ygor Aléxis (Gritaria, Rockambole) explicou: É de extrema importância que possamos nos unir nestes momentos, atravessamos uma fase em que ações como essas tornam-se cada vez mais necessárias. O TMDQA! é parceiro de mídia do evento. Serviço - McDia Feliz com Supercombo, Scalene, Plutão Já Foi Planeta, O Grilo e King In The Belly Local: Mc Donald's – Giovanni Gronchi Endereço Av. Giovanni Gronchi, 4266 - Vila Suzana, São Paulo - SP, 05724-002 Data: 24/08/2019 Horário: 9h as 15h Entrada: Franca – Compre um Big Mac para ajudar Supercombo https://www.youtube.com/watch?v=ltJ5fbq65OE   Scalene https://www.youtube.com/watch?v=0p3EDZso9aY   O Grilo https://www.youtube.com/watch?v=pps8D3nV67A   Plutão Já Foi Planeta https://www.youtube.com/watch?v=lktBWvnwPkw   King In The Belly https://www.youtube.com/watch?v=Fiw-uxKIqfY Veja Mais

Robert Plant relembra supergrupo com Jimmy Page e Nile Rodgers

R7 - Música Em 1981, um ano após o Led Zeppelin encerrar suas atividades, o cantor Robert Plant decidiu criar uma banda ao lado de diversas lendas da música -- o The Honeydrippers. O grupo era liderado por Plant e contava com Jimmy Page, Jeff Beck (The Yardbirds), Nile Rodgers (Chic), Ernest Chataway (Judas Priest) e muitos outros nomes de peso em sua formação. Juntos, os músicos gravaram apenas um EP, que contava apenas com versões de clássicos dos anos 50. Recentemente, Plant esteve comandando seu próprio Podcast, intitulado Digging Deep, onde entra em detalhes sobre várias curiosidades de sua longa carreira — como chegamos a mencionar por aqui. E em um episódio recente, o cantor falou um pouco sobre como eram as sessões de estúdio do Honeydrippers. Bom, a vibe era: ‘Vamos deixar tudo pronto rápido e tocar logo’. Então o Jeff Beck, Jimmy Page e o Nile Rodgers tocavam junto da base. É engraçado porque tudo foi tão tranquilo para gravar em Nova York quando fizemos ‘Rockin’ At Midnight’, que era uma faixa excelente e chegou no Top 30 de singles nos EUA. ‘Sea of Love’ foi o maior hit solo da minha carreira. Eu já escutei versões melhores dela, mas deu boa! O Jeff [Beck] chegava, colocava um pequeno amplificador na mesa a uns três metros da bateria e nós simplesmente tocávamos. Claro, com os fones de ouvido, tudo soava excelente. Então nós só gravamos a faixa e depois voltamos para mixá-la, e eu queria que a bateria ficasse um pouco mais forte. Toda vez que eu levantava os microfones que ficavam em cima da bateria, o Jeff ficava cada vez mais barulhento. Essa é a história de milhares e milhares de gravações incríveis que, caso você volte nelas e as deixasse ‘cruas’, é isso o que acontece. O Jimmy [Page] tocou em ‘Sea of Love’ e tocou nessa faixa, e eu fiquei animado que, pelo menos por uma tarde, nós estávamos tocando juntos novamente. Você pode conferir o episódio na íntegra logo abaixo. Veja Mais

Johnny Flynn aparece como David Bowie em primeira foto de novo filme

R7 - Música Um novo filme sobre a vida de David Bowie está chegando e sua primeira imagem foi divulgada. Stardust terá o ator Johnny Flynn vivendo o músico, e a trama mostra a transformação de Bowie na persona Ziggy Stardust durante os anos 70. É justamente Flynn que aparece na foto tirada por Paul Van Carter, já caracterizado como o artista -- veja acima. O elenco ainda conta com Marc Maron como o agende de Bowie, assim como Jena Malone (Jogos Vorazes) no papel de Angie Jones, primeira esposa do cantor. O roteiro fica por conta de Christopher Bell, e a direção com Gabriel Range. Autorização Ainda sem uma data de lançamento, o longa já está causando polêmica. Isso porque o filho de David Bowie, o cineasta Duncan Jones, deixou claro que a família não autorizou a produção ou o uso de qualquer música do astro. Bowie nos deixou em Janeiro de 2016, aos 69 anos, após uma luta contra o câncer. Veja Mais

Thom Yorke e Flea se reúnem na nova “Daily Battles”; ouça agora

R7 - Música Thom Yorke chamou o sempre ótimo Flea para tocar em sua nova música, 'Daily Battles'. A canção fará parte da trilha sonora do filme Motherless Brooklyn, estrelado por Edward Norton. Foi o próprio ator, fã declarado de Radiohead, quem pediu a faixa para Yorke. Em entrevista, Norton disse: Eu queria que Thom escrevesse uma balada melancólica do velho mundo, e eu queria que sua voz fosse semelhante à voz de Lionel [personagem de Norton]. O ator ainda falou sobre a relação da música com o longa, que se passa nos anos 50 e mostra o personagem de Norton, um detetive, investigando o assassinato de seu mentor. Leia: É tão instantaneamente comovente e evocativa de vários temas do filme, sem ser excessivamente específico sobre eles, mas ainda é. Eu pensei em uma ideia de batalhas diárias que todo mundo está lutando, que você está tentando se levantar e sair. Flea, do Red Hot Chili Peppers, toca baixo na canção. Os dois trabalham juntos no ótimo Atoms for Peace, supergrupo que ainda conta com Nigel Godrich, Joey Waronker e o percussionista brasileiro Mauro Refosco. Thom Yorke https://www.youtube.com/watch?v=gFjep-baGuU Os últimos meses têm sido incríveis para o frontman. Em 2018, Thom Yorke fez sua primeira trilha sonora completa, para o filme Suspiria. Já neste ano, o vocalista lançou mais um disco solo, ANIMA, que veio acompanhado de um curta na Netflix. Veja Mais

Novo anime de “He-Man” é confirmado na Netflix; saiba mais

R7 - Música Olha só essa novidade! A Netflix acaba de anunciar que vai lançar uma nova animação do universo de He-Man. Chamada de Masters of the Universe: Revelation, a série será comandada e produzida por Kevin Smith (Jay and Silent Bob). A trama pretende 'resolver' alguns buracos que foram deixados pelo desenho original, que foi ao ar entre 1983 e 1985. Em comunicado, Smith declarou: Sou Eternia-mente grato à Mattel TV e à Netflix por me confiar não apenas os segredos de Grayskull, mas também todo o seu Universo. Em Revelation, nós escolhemos exatamente onde a era clássica parou para contar uma história épica do que pode ser a batalha final entre He-Man e Skeletor! Trazido à vida com os desenhos incríveis dos personagens pela Powerhouse Animation, esta é a história de Masters of the Universe que você sempre quis ver quando criança! Além de Smith, também está na produção Rob David, vice presidente da Mattel TV e autor de He-Man: the Eternity War. O roteiro fica nas mãos de Eric Carrasco (Supergirl), Tim Sheridan (Reign of the Supermen), Diya Mishra (Magic the Gathering) e Marc Bernardin (Alphas). Confira o primeiro pôster da produção logo abaixo! A série ainda não tem uma data de estreia. Get ready for Masters of the Universe: Revelation, an animated @netflix show from @ThatKevinSmith that will pick up where the 80s show left off! #MOTU pic.twitter.com/enQyRjGDjs — Masters of the Universe (@MastersOfficial) August 18, 2019 Veja Mais

Atração do Rock In Rio, Canto Cego lança vídeo de “Corpo a Corpo”; assista

R7 - Música A edição de 2019 do Rock In Rio contará com várias novidades e atrações. Uma delas é o Espaço Favela, dedicado às diversidades musicais de dentro de comunidades brasileiras. Dentre os nomes confirmados estão BK, Heavy Baile, Gabz, Jonathan Ferr (que entrevistamos recentemente) e muito mais. Agregando mais valor ainda a este tema, temos também o grupo carioca Canto Cego. Além da participação no festival, confirmada para o dia 4 de Outubro, o grande momento vivido pela Canto Cego condiz também com a produção de seu segundo disco de estúdio. Intitulado Karma, o novo trabalho será o sucessor do ótimo Valente, de 2017. Recentemente, a banda divulgou o segundo single do novo disco, após 'Passarada'. Trata-se da canção 'Corpo a Corpo', que versa sobre o nosso legado histórico e genético enquanto seres humanos.   'Todos juntos dentro de um ser' https://www.youtube.com/watch?v=kv76vBb-Fcw A canção, cujo lyric video você confere acima, traz em sua estética um rock mais suave, se comparado ao peso das guitarras de 'Passarada'. A cadência mais tranquila abre espaço para um foco maior na temática que a letra traz. Fala sobre cores, histórias e transformações, lembrando que cada um de nós é capaz de carregar, dentro de si, o mundo inteiro. 'Meu corpo construindo em outro corpo, meu sangue fluindo de outro sangue, meu sexo se integra em outro sexo de um ventre nascem todos os instantes,' diz um dos trechos do novo single. Sobre a importante temática, a vocalista Roberta Dittz questiona: Se eu carrego em mim o mundo inteiro e o mundo inteiro tem uma grande história, de que maneira eu posso transformar e evoluir? O disco contará com ritmos regionais e elementos inusitados que servirão de base para o rock poético do grupo. Vamos ficar atentos por mais novidades! Veja Mais

Friends ou Seinfeld? Tá todo mundo discutindo qual série foi melhor

R7 - Música Parece que um velho embate das séries de televisão voltou a tomar conta da Internet com a pergunta 'Friends ou Seinfeld?' Enquanto a primeira está celebrando 25 anos desde a sua estreia, a segunda teve o último episódio indo ao ar há 21, e como Friends tem celebrado a marca com algumas atividades, a questão voltou à tona e hoje tomou conta do Twitter. Se aqui no Brasil parece que Seinfeld ganha com uma certa vantagem, um vídeo do The Hollywood Reporter mostra que atores de séries como Veep, Brooklyn Nine-Nine, The Good Place e mais têm as opiniões divididas entre as duas. LEIA TAMBÉM: Matthew Perry (Chandler) ressurge após boatos de que estaria 'irreconhecível' Seinfeld x Friends 'Friends' or 'Seinfeld'? @shaymitch, @lilycollins, @iamstephbeatz and more stars weigh in on the ultimate sitcom debate https://t.co/a0LyqtHgt0 pic.twitter.com/cQZSs7RYAQ — Hollywood Reporter (@THR) August 19, 2019 Me opening Twitter to find uncultured people saying friends is better than Seinfeld. pic.twitter.com/tfQM77DNqJ — Mason Cosper (@Sideofmayo42) August 19, 2019 E pra você? Qual é a melhor sitcom de todos os tempos? Veja Mais

Baixista do System of a Down afirma: “por mim, já teríamos lançado 10 discos”

R7 - Música Nem os próprios membros do System of a Down parecem entender o que impede a banda de lançar um novo disco. Shavo Odadjian, baixista do grupo, deixou isso claro durante uma nova entrevista com a rádio SiriusXM (via Consequence of Sound). No passado, o músico chegou a dizer que conseguia enxergar o dia em que a banda entraria em estúdio para gravar, inclusive revelando que o novo material era 'muito melhor que tudo que já fizeram'. Na conversa, porém, o tom mudou. De início, Shavo revelou que o SOAD já se reuniu -- sem o vocalista Serj Tankian -- para trabalhar em algumas músicas. Ele não tem previsão de quando o frontman vai decidir participar das sessões ou apresentar seu próprio material para os outros membros. Fomos ao estúdio e escrevemos cerca de 10 ou 11 músicas. Daron trouxe sete ou oito músicas; eu levei quatro ou cinco ideias que se tornaram músicas. Tudo isso sem os vocais do Serj, claro. Foi muito bom. Tudo saiu bem legal. E espero um dia voltar a esse material e usar algumas das coisas do Serj. Eu sei que o Serj tem algumas coisas. Ao ser pressionado sobre quando os principais compositores, Tankian e Daron Malakian, colocarão suas diferenças de lado, o baixista disse: No meu mundo, cara, o motivo de isso estar acontecendo é uma grande questão. Acho que poderíamos superar qualquer coisa porque não é como se alguém tivesse feito algo tão horrível que não se possa superar -- não é nada disso. São apenas diferenças criativas que estão durando um pouco demais para mim, para o meu gosto. Eu sou um desses fãs [frustrados]. Eu juro por Deus, cara. Eu realmente adoraria ter feito isso. Quero dizer, como eu disse: se dependesse de mim, nunca teríamos parado. Nós estaríamos em nosso nono ou décimo álbum agora. Complicado. Enquanto isso, o System of a Down continua fazendo shows ao redor do mundo para relembrar sua discografia. O último disco é Hypnotize, lançado em 2005. Veja Mais

No Ar Coquetel Molotov 2019 confirma MC Tha, Drik Barbosa, Black Alien e mais

R7 - Música O No Ar Coquetel Molotov acaba de anunciar vários nomes de seu line-up para a edição 2019. A organização do festival pernambucano revelou os nomes Black Alien, Liniker e os Caramelows, Gop Tun, Sevdaliza, MC Tha, Drik Barbosa e Rosa Neon. O evento acontece em Recife, no Caxangá Golf Club, no dia 16 de Novembro, com apoio da TNT Energy Drink. O No Ar Coquetel Molotov apresenta uma atuação cada vez mais engajada com acessibilidade e um compromisso selado com a sustentabilidade ambiental. Nos dois últimos anos, o evento levou mais de oito mil pessoas no Caxangá Golf Club em cada edição. Provando sua resistência, o festival é hoje o único que tem a Women Friendly - Empresa Amiga da Mulher como parceira. Neste ano, o line-up traz essa diversidade com artistas locais, nacionais e internacionais. Os ingressos já estão à venda pela Sympla e os patrocínios são da Baterias Moura, cerveja Itaipava e Natura Musical. Confira as informações abaixo! SERVIÇO - No Ar Coquetel Molotov 2019 Shows com MC Tha, Drik Barbosa, Rosa Neon, Sevdaliza, Black Alien, Gop Tun e Liniker e os Caramelows, entre outros Local | Caxanga Golf Country Club - Av. Caxangá, 5362 - Iputinga Data | 16.11 Horário | a partir das 13h Ingressos LIMITADOS | 2º Lote: R$55,00 (meia), R$110,00 (inteira) e R$80,00 (social - levar 1 kg de alimento não-perecível) Link para compra online | www.sympla.com.br/noar2019 Pontos de venda | Avesso (Avenida Rui Barbosa, 806) – seg a sexta, das 9h30 às 19h30 e sábado das 9h às 18h. Formas de pagamento no local | Dinheiro Classificação indicativa para 16 anos com desde que estejam com esta autorização por escrito e com firma reconhecida pelos seus responsáveis legais em duas cópias. Veja Mais

Ewan McGregor deve estar em série da Disney+ sobre Obi-Wan Kenobi

R7 - Música Nos próximos meses a plataforma Disney+ começará a dar seus primeiros passos e é claro que a gigante do entretenimento já está planejando o que fazer. Entre os diversos grandes títulos de seu catálogo está Star Wars, e é claro que a plataforma de streaming não iria deixá-lo passar batido. De acordo com o site The Hollywood Reporter, o ator Ewan McGregor estaria negociando para estrelar uma série baseada em Obi-Wan Kenobi, personagem Jedi que ele interpretou em três filmes da saga. Disney+ e Lucasfilm A parceria já está produzindo outros frutos, e essa nova série de Kenobi seria a terceira do estúdio Lucasfilm. Uma outra série chamada The Mandalorian irá se concentrar na classe de guerreiros representada por Boba Fett, e um segundo seriado, ainda sem nome, representará uma prequel de Rogue One, com Diego Luna novamente no papel de Cassian Andor. Veja Mais

Ivete Sangalo posta foto rara da primeira banda que participou

Ivete Sangalo posta foto rara da primeira banda que participou

R7 - Música Ivete Sangalo com os músicos da A Beer Band Divulgação Ivete Sangalo revirou o baú e publicou uma foto da época em que ela era vocalista da A Beer Band, primeiro grupo em que atuou como vocalista, quando ainda tinha 21 anos. "Um super #tbt . A primeira banda de que fiz parte foi A Beer Band! A gente ensaiava mais do que tocava hahahahahah. Queridos amigos ! Nessa época era muito massa. Saudades", escreveu Veveta. Após a passagem por esse conjunto de Salvador, Ivete foi contratada para ser a líder da Banda Eva, onde acabou se tornando conhecida em nível nacional entre 1993 e 1998. Em 1999, ela lançou o primeiro disco solo, que trazia sucessos como Canibal, Tá Tudo Bem e Se Eu Não Te Amasse Tanto Assim. Ao todo, a cantora já lançou sete álbuns, sendo o último Real Fantasia, de 2012. Veja Mais

No mais...

Orquestra de Baterias de Florianópolis reúne mais de 700 bateristas neste domingo (18)

R7 - Música A 7ª edição da Orquestra de Baterias de Florianópolis está chegando! Acontece neste domingo (18) o evento, que tem entrada gratuita. A festa contará com mais de 700 bateristas, número recorde do projeto, e uma série de dez músicas do rock e pop internacional. Os músicos tocarão: 'Smoke on the Water' (Deep Purple), 'Rock and Roll All Nite' (Kiss), 'Come Together' (The Beatles), 'Enter Sandman' (Metallica), 'Heaven And Hell' (Black Sabbath), 'It's My Life' (Bon Jovi), 'Alive' (Pearl Jam), 'Killing In The Name' (Rage Against The Machine). Além destas, duas produções catarinenses, 'Highway' (Nordic Souls) e 'Leal' (Stella Folks), foram eleitas através de votação aberta ao público. O projeto, que teve início em 2013, tem como proposta reunir o maior número possível de bateristas, sejam eles profissionais ou amadores. Paula Borges, presidente do Instituto Maratona Cultural, declarou: Desde a primeira edição buscamos conciliar clássicos com músicas catarinenses, fomentando ainda mais a produção local e motivando, assim, tanto o músico profissional quanto aqueles de final de semana. A edição 2019 da Orquestra de Baterias de Florianópolis contará com uma ampla programação cultural para entreter o público, a partir das 11h. Na programação, shows de bandas locais e encerramento com a banda Dazaranha. O público também contará com uma praça de alimentação com food trucks, bar, espaço kids e estacionamento gratuito. Bora? O evento acontece na Passarela do Samba Nego Quirido. Veja Mais

Influente: Jay-Z vira parceiro de entretenimento da NFL

R7 - Música Jay-Z acaba de expandir ainda mais seu leque no empreendedorismo. O rapper acaba de anunciar que virou parceiro de negócios da NFL, a liga esportiva profissional de futebol americano dos Estados Unidos. A notícia vem pouco depois do músico virar o primeiro bilionário do hip-hop. Através da Roc Nation, sua gravadora, Jay assinou um contrato que o torna 'estrategista de entretenimento e shows' da liga. Isso que dizer que o rapper será peça chave na escolha dos artistas e bandas que tocam no intervalo do Super Bowl anualmente. A decisão da NFL vem após alguns fiascos com o evento, que teve Justin Timberlake e Maroon 5 nos últimos dois anos e... não agradou muita gente. Além disso, a surpresa acerca da notícia é o posicionamento do músico com relação à liga. Jay-Z já criticou a NFL pela forma como a liga lidou com o protesto de Colin Kaepernick contra o racismo -- o jogador se ajoelhou durante a execução do hino nacional americano. Em 2017, o rapper teria até recusado se apresentar no intervalo por conta disso. Projetos sociais Além da música, a parceria da Roc Nation também envolverá iniciativas sociais nos Estados Unidos. Sobre isso, Jay-Z declarou: A NFL tem uma ótima plataforma e ela precisa ser inclusiva. Eles estão dispostos a fazer algumas coisas, a fazer mudanças, e podemos tirar algo bom disso. LEIA TAMBÉM: Jay-Z firma parceria com empresa que vende maconha Veja Mais

Em chá revelação, Alok e Romana divulgam sexo do primeiro filho

Em chá revelação, Alok e Romana divulgam sexo do primeiro filho

R7 - Música Alok e Romana terão um menino Divulgação O DJ Alok divulgou, nesta quinta-feira (15), o vídeo do momento em que revela, junto de Romana Novais, o sexo do primeiro filho do casal.  No vídeo da festa do chá revelação, o casal estoura um balão branco simultaneamente, fazendo então surgir algumas bexigas azuis, anunciando que serão pais de um menino.  Nos comentários, fãs e famosos vibraram pelo casal, desejando felicidades e saúde para o novo membro da família. "Parabéns, curta esse momento, sua família. Nada mais importante", escreveu um seguidor.  O casal anunciou a paternidade no Festival Tomorrowland deste ano, na Bélgica.  Confira Ver essa foto no Instagram  Uma publicação compartilhada por Alok (@alok) em 15 de Ago, 2019 às 2:25 PDT Veja mais: Marília Mendonça fala de 'exame vazado' sobre gravidez Veja Mais

Tati Zaqui rompe ligamentos do pé em turnê pelo Japão

Tati Zaqui rompe ligamentos do pé em turnê pelo Japão

R7 - Música Tati Zaqui rompeu ligamentos no Japão Thiago Duran/AgNews As danças dos shows de Tati Zaqui pelo Japão ficaram comprometida após a cantora romper os ligamentos do pé ao andar em uma praia do país. Segundo ela, a princípio parecia não ser algo grave, mas após análise médica, ficou constatado houve rompimento dos ligamentos do pé por conta de torsão. Tati Zaqui fala sobre Neymar, turnê no Japão e música para filme "Vocês não vão acreditar. Torci o meu pé aqui na praia, quase desmaiei. Está uma bola gigante. Como eu fiz isso? Não sei", divulgou, colocando gelo no local. "Como vocês podem ver, rompi o ligamento aqui no Japão. Torci o pé lá na praia, está doendo para c******. Mas estou passando para avisar que os shows vão acontecer nornalmente. Hoje estou em Suzuka. Claro, não consigo me movimentar, não vou conseguir dançar de um lado para o outro. Mas estarei lá para cantar para vocês", disse ela. Veja Mais

Que beleza: todos os discos do TOOL estão no Top 20 da Billboard 200

R7 - Música Que momento para o TOOL e seus fãs, hein? Todos os quatro discos já lançados pela banda estão atualmente no Top 20 da Billboard 200, a maior parada da música mundial. O feito vem logo depois da discografia dos caras também dominar o Top 10 do iTunes. Na lista estão Ænima (1996) na posição 10, Lateralus (2001) na posição 16, 10,000 Days (2006) na posição 18 e Undertow (1993) na posição 19. Destes discos, Ænima é o único a entrar no Top 10 pela segunda vez desde seu lançamento. Esse aumento na popularidade da banda tem um motivo, é claro. No dia 2 de Agosto, o grupo liderado por Maynard James Keenan finalmente disponibilizou seus álbuns nas plataformas de streaming depois de anos e anos se recusando a fazê-lo. A novidade veio junto do anuncio de seu primeiro disco em 13 anos, Fear Inoculum, que chega no dia 30 de Agosto. Saiba mais sobre o trabalho por aqui. Billboard 200 De acordo com a imprensa internacional, parece que o Slipknot pode abocanhar o primeiro lugar da lista com seu novo disco, We Are Not Your Kind, lançado na última sexta-feira (09). Estaria o Rock and Roll finalmente fazendo um retorno ao mainstream? Veja Mais

Fernando Zor responde se já confundiu Maiara com Maraísa 

Fernando Zor responde se já confundiu Maiara com Maraísa 

R7 - Música Fernando Zor e Maiara e Maraísa nos bastidores Reprodução Instagram Na madrugada desta quinta-feira (15), Fernando Zor fez uma declaração de amor não só para a namorada, Maiara, mas também para a irmã gêmea dela, Maraísa.  "Eu não amo vocês apenas pelo que vocês são, mas pelo o que sou quando estou com vocês", escreveu o sertanejo na legenda. Os fãs elogiaram o posicionamento do artista no campo de comentários. "Não basta ser um bom namorado, tem que ser um bom cunhado também!", rebateu uma. "Essa família é tudo de bom", comemorou outra.  No entanto, uma seguidora teve curiosidade sobre o fato de Maiara e Maraísa serem gêmeas: "Você já confundiu as duas e abraçou a Maraísa pensando que fosse a Maiara?" Bem humorado, Fernando respondeu: "Deus sempre no comando". Veja Mais

Fim de uma era: Adam Duritz, do Counting Crows, raspa o cabelo; foto

R7 - Música Quando falamos de Adam Duritz, a primeira imagem que nos vem à cabeça é de um cara branco com uma porrada de dreads na cabeça. Mas, segure-se na cadeira, pois isso acaba de mudar. O vocalista do Counting Crows anunciou através do Instagram da banda que raspou o cabelo depois de décadas mantendo sua cabeleira. Conforme revelou há alguns anos, até extensões ele usava para dar volume... e agora não há mais nada. Dramas à parte, a reação dos fãs nos comentários foi de puro choque, como você pode ver no tweet abaixo. Duritz disse que cortou o cabelo assim que chegou em Londres após tocar no festival Outside Lands, em San Francisco. Brincando com a situação, o música ainda disse: 'realmente, anarquia no Reino Unido, seus fodidos!' Veja a imagem logo abaixo. Adam Duritz shaved his head. I am legit shook. pic.twitter.com/VvIV7f6DIL — Brandon. (@brandonsears) August 14, 2019 Veja Mais

O Orkut está no Brasil pedindo ajuda porque foi bloqueado no Tinder

R7 - Música Tá aí um título que eu JAMAIS achei que iria escrever em todos esses dez anos de TMDQA! Pois bem, você se lembra do Orkut, não é mesmo? Nos primórdios das redes sociais, a plataforma tornou-se extremamente popular aqui no Brasil e, basicamente, todo mundo que tinha acesso à Internet tinha perfis e comunidades por lá. O sistema foi batizado com o nome do seu criador, o então funcionário do Google, Orkut Buyukkokten, e após ser inaugurado em 2004, encerrou as atividades dez anos depois, em Setembro de 2014. Orkut no Brasil Does anyone have a contact at Tinder? I’m at Porto Alegre in Brazil. Some users thought my account was fake and reported me. Tinder blocked my account. I was in the middle of chatting with people, making new friends. #tinder #iamreal #needhelp — Orkut Buyukkokten (@orkut) August 14, 2019 Pois bem, parece que os laços do Orkut com o nosso país continuam bem fortes, já que ontem o cara usou a sua conta no Twitter para dizer que estava em Porto Alegre e pedir ajuda para uma questão... complexa. Por lá, ele escreveu: Alguém tem um contato no Tinder? Estou em Porto Alegre no Brasil. Alguns usuários acharam que a minha conta é falsa e me reportaram. O Tinder bloqueou a minha conta. Eu estava no meio de conversas com pessoas, fazendo novas amizades. #tinder #eusoureal #precisodeajuda Orkut, bloqueado no Tinder, pedindo ajuda no Twitter. Que momento (confuso). Veja Mais