Meu Feed

Tecnologia

Melhores aplicativos para entrega de objetos

Precisa entregar um objeto ou recebê-lo, mas está sem tempo para se locomover? Os aplicativos de entrega podem ajudar nessa missão, uma vez que transportam itens nos mais variados tamanhos - como, por exemplo, remédios, roupas, documentos, comida, entre outros. Saiba mais a seguir: Melhores aplicativos para entrega de objetos Loggi (Android | iOS) O Loggi é voltado para empresas que vão de escritórios a restaurantes. No entanto, dependendo da necessidade, ele também pode atender pessoas físicas - em mais de 70 cidades. A tarifa do Loggi varia de acordo com a região de onde o cliente solicita a entrega: em São Paulo e no Rio de Janeiro, por exemplo, ela custa por volta de R$14,90. A entrega pode ser solicitada através de um formulário dentro do próprio aplicativo, sendo que o item deve pesar, no máximo, 20 kg. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- O pagamento pode ser feito via cartão de crédito ou boleto, sendo que a segunda opção é reservada para empresas. O Loggi pode ser baixado tanto em smartphones Android quanto iOS. Loggi, aplicativo de entregas onde sua conta pode ser criada em alguns segundos (Captura de tela: Ariane Velasco) 10 aplicativos para pedir comida pelo tablet ou smartphone Lalamove (Android | iOS) Esse aplicativo de entregas tem sua sede em Hong Kong e, justamente por isso, não é tão conhecido no Brasil, mas transportar objetos de praticamente qualquer tamanho, uma vez que conta com motos, carros e caminhões para comportá-los. Ele está disponível em toda a Grande São Paulo, na cidade do Rio de Janeiro e em Niterói. O preço das entregas varia de acordo com a altura, comprimento e largura dos objetos, sendo que itens médios são entregues a partir de R$ 12. Já, para objetos grandes, a taxa pode custar até R$ 100. Já o pagamento pode ser feito tanto em dinheiro quanto no cartão de crédito, boleto bancário ou faturamento. O Lalamove possui diferentes tipos de veículo para cada modalidade de entrega (Captura de tela: Ariane Velasco) Como funciona o Rappi, o aplicativo para entrega de qualquer coisa? Rappi (Android | iOS) O Rappi é, provavelmente, o aplicativo de entregas mais conhecido atualmente. Disponível em mais de 40 cidades brasileiras, não é difícil ver entregadores de moto ou bicicleta portando uma bolsa com o nome da empresa. As entregas comportam vários tipos de objetos diferentes, como remédios, comida, objetos para casa ou decoração, entre outros. A taxa de serviço do Rappi varia de acordo com o dia da semana e o horário no qual a entrega foi solicitada. Além disso, é possível fazer pagamentos via dinheiro, PayPal, Google Pay, Vale Refeição e cartões de crédito. O usuário também pode assinar o Rappi Prime, cuja mensalidade custa cerca de R$ 19 e conta com frete grátis em todas as compras acima de R$ 20 - desde que elas sejam pagas com cartão de crédito. O Rappi é um aplicativo de entrega onde diversos produtos podem ser transportados (Captura de tela: Ariane Velasco) Como se tornar um entregador do Rappi e ganhar seu próprio dinheiro Click Entregas (Android | iOS) O aplicativo de entregas pode ser usado em toda a Grande São Paulo e permite chamar um motoboy mesmo sem ter realizado nenhum cadastro. As taxas de entrega custam a partir de R$ 15,30 e podem ser pagas com dinheiro, cartão de crédito ou boleto bancário. Vale ressaltar, porém, que há um limite para o tamanho dos itens, que não podem ser maiores que o baú. Não é necessário fazer nenhum cadastro para usar o ClickEntregas (Captura de tela: Ariane Velasco) Farmácias APP (Android | iOS) Precisando de um remédio urgente, mas sem disponibilidade de ir até à farmácia? O Farmácias APP entrega itens de higiene pessoal, remédios, cosméticos, entre outros produtos para a saúde. Através dele, também é possível comparar preços entre farmácias, seja da taxa de entrega ou dos produtos. Farmácias APP: aplicativo de entrega de remédios que atende diversas localidades (Captura de tela: Ariane Velasco) Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Aos 101 anos, morre Katherine Johnson, matemática que ajudou NASA a chegar à Lua Imagens impressionantes mostram rápido derretimento de gelo na Antártida Vídeo vazado do iOS 14 mostra redesign total da interface multitarefas TIM atualiza plano Beta com WhatsApp ilimitado e mais novidades Internet está em seu nível mais perigoso desde 2016, afirma Microsoft

Ex-titã de Hollywood, Harvey Weinstein é condenado por estupro

Harvey Weinstein, outrora um dos maiores nomes da indústria mundial do cinema, foi condenado hoje (24) pelo crime de estupro, durante julgamento realizado em Nova York. Weinstein tomou conta do noticiário há alguns anos quando acusações de crimes sexuais cometidos ou encobertos por ele contra aspirantes a atrizes em Hollywood vieram à luz, dando início, nas redes sociais, aos movimentos conhecidos como #MeToo (“Eu também” ou “Comigo também”, em uma tradução contextualizada) e #TimesUp ("Acabou o Tempo"). O acusado enfrentou um júri composto por sete homens e cinco mulheres, que decidiram por unanimidade pela condenação do ex-titã de Hollywood. Ainda está pendente uma audiência para determinação de pena, mas, pelas leis do estado de Nova York, crimes sexuais podem render prisão entre 5 e 25 anos, mais entrada do nome da pessoa condenada no registro federal de criminosos sexuais. Leia mais: Time's Up | Entenda o movimento que mudou Hollywood e marcou o fim da década Essa condenação refere-se à relação sexual forçada que Weinstein impôs sobre a então assistente de produção reality show Project Runway, Miriam Haley, em 2006: na ocasião, Harvey a forçou a fazer sexo oral nele. O júri ainda condenou Weinstein por outro crime: o executivo teria, em 2013, estuprado uma mulher que a mídia não nomeou, a fim de respeitar sua privacidade, em um hotel na cidade. Essa condenação traz uma pena adicional máxima de até 4 anos, sem tempo mínimo de prisão, e também implica seu nome no registro de criminosos sexuais. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Harvey Weinstein, de andador, foi condenado por crimes de estupro em julgamento realizado em Nova York: ele pode pegar entre 5 e 30 anos de prisão (Foto: Scott Heins/Getty Images) Filmes, Séries, Musicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? Weinstein acabou absolvido de três outras acusações, incluindo duas bem graves de “abuso sexual predatório”, que o jargão inglês indica ser o exercício do crime de estupro de forma continuada e por meio de influência, e que poderia trazer pena de prisão perpétua ao ex-executivo de Hollywood. No caso, a “posição de influência” seria a chefia de Weinstein na empresa Weinstein Company, um estúdio independente que já produziu filmes vencedores de 81 estatuetas do Oscar, como Shakespeare Apaixonado e O Discurso do Rei. O chefe do estúdio usava de sua posição para fazer sexo com jovens atrizes em busca de papéis em seus filmes e, à época, grandes nomes atuais da indústria foram impactados, como Asia Argento, Kate Beckinsale e Rosanna Arquette, entre outras. Após o veredicto, Weinstein foi imediatamente algemado e devolvido à custódia das autoridades. Agora, ele aguarda a data de 11 de março, quando será realizada a audiência de sentença de suas condenações. Seus advogados pediram à corte que ele fosse mantido em cárcere dentro de alguma enfermaria do presídio, devido ao estado avançado de seu diabetes e problemas de coluna. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Aos 101 anos, morre Katherine Johnson, matemática que ajudou NASA a chegar à Lua Imagens impressionantes mostram rápido derretimento de gelo na Antártida Vídeo vazado do iOS 14 mostra redesign total da interface multitarefas TIM atualiza plano Beta com WhatsApp ilimitado e mais novidades Internet está em seu nível mais perigoso desde 2016, afirma Microsoft

Como evitar engarrafamentos em São Paulo durante o Carnaval

Vai dirigir durante o Carnaval de São Paulo? Com a cidade ocupada pelos blocos de rua, muitas vias serão interditadas para a passagem dos trios e baterias. Isso gera trânsito, engarrafamentos e cria um problema para motoristas que não estarão no meio da folia. Para essa situação, aplicativos de rotas como Google Maps e Waze podem ajudar a desviar das ruas bloqueadas e evitar congestionamento em algumas regiões. Os dois apps possuem conteúdos especiais para a programação de carnaval, ajudando foliões que procuram por blocos e motoristas que precisam planejar trajetos. Saiba como escapar do trânsito: Aplicativos ajudam a chegar, encontrar seu bloco, e sair do Carnaval Como evitar engarrafamentos no Carnaval com o Google Maps O aplicativo de rotas da Google possui uma programação especial para o Carnaval. Os principais blocos de rua em São Paulo são registrados e seus trajetos são traçados com uma faixa colorida no mapa, acompanhados dos horários de início e término. Além de auxiliar os foliões, possui recursos que auxiliam os motoristas. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Usuários podem atualizar informações sobre vias interditadas no Carnaval (Foto: Reprodução/André Magalhães) Junto ao trajeto dos blocos, o Maps sinaliza quais são as ruas que estão bloqueadas. Portanto, ao buscar uma rota que passe por uma dessas regiões, o aplicativo automaticamente reprogramará para que evite essas vias. Google Maps informa trajeto dos blocos, horário de início e vias interditadas (Foto: Reprodução/André Magalhães) Uma dica para quem vai dirigir é prestar atenção nos horários de cada bloco. Durante os desfiles, a possibilidade de congestionamento nos arredores é maior, além de conter um grande fluxo de pessoas. Se possível, é preferível deslocar-se antes que os blocos comecem. O Google Maps pode ser baixado gratuitamente na Play Store e na App Store. Dicas para usar o Wi-Fi em lugares públicos no Carnaval Como evitar engarrafamentos no Carnaval com o Waze O aplicativo Waze é outra opção para quem quer planejar suas rotas durante o feriado. Usuários cadastrados recebem alertas de trânsito configurados conforme a programação dos blocos de rua. Ao pesquisar por uma rota, o app fará a consulta já considerando os desvios. Exemplo de alerta do Waze durante blocos de Carnaval (Foto: Reprodução/André Magalhães) De uma forma similar ao Google Maps, o aplicativo de rotas notifica com antecedência e ainda oferece todo o trajeto. O Waze também é gratuito e disponível para download para Android e iOS na Google Play Store e App Store. 6 dicas para aproveitar melhor o Waze Vai usar o seu automóvel em São Paulo no Carnaval? Comente abaixo! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Aos 101 anos, morre Katherine Johnson, matemática que ajudou NASA a chegar à Lua Imagens impressionantes mostram rápido derretimento de gelo na Antártida TIM atualiza plano Beta com WhatsApp ilimitado e mais novidades Internet está em seu nível mais perigoso desde 2016, afirma Microsoft “Mad” Mike Hughes morre em foguete caseiro tentando provar que a Terra é plana

Entretenimento

Orquestra Petrobras Sinfônica tocará releituras de hits do Coldplay

Foto: Renato Mangolin O Coldplay é uma das bandas que mais conseguiu sucesso comercial ao longo dos anos 2000. Com uma discografia aclamada e uma quantidade enorme de hits radiofônicos, o grupo criou sua personalidade e constrói até hoje seu nome na história da música internacional. Esse legado vai ser celebrado pela Orquestra Petrobras Sinfônica. O coletivo vai homenagear a banda liderada por Chris Martin com releituras inéditas arranjadas por Ricardo Cândido. O espetáculo, com regência de Felipe Prazeres, percorrerá os melhores momentos da trajetória musical do grupo, em atividade há 20 anos. A apresentação acontecerá no próximo dia 4 de Abril, no Rio de Janeiro, e fará parte da Série Playlist. O objetivo dessa série é apresentar ao público repertórios populares, indo do pop ao rock, passando pelo samba e até pelo indie. É também uma forma de aproximar o público geral de apresentações de orquestra, que são normalmente tidas como uma cultura inacessível e exótica. O repertório da vez contemplará clássicos do Coldplay como 'Trouble', 'Yellow', 'Charlie Brown' e 'The Scientist'. Não tem como perder um evento desses! LEIA TAMBÉM: Pitty canta Nina Simone com Orquestra Petrobras Sinfônica no Rio de Janeiro - assista Serviço [caption id='attachment_359045' align='alignnone' width='543'] Orquestra Petrobras Sinfônica Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Divulgação[/caption] Data: 04 de Abril (sábado) Local: Jeunesse Arena Endereço: Av. Embaixador Abelardo Bueno, 3401 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ Horário: 19h (abertura dos portões) Ingressos: A partir de R$ 70,00 Classificação Etária: Livre Venda online: Eventim Evento oficial:  Facebook https://www.youtube.com/watch?v=kcASPx3-HuI https://www.youtube.com/watch?v=TUZhqgmIB04

KK Downing forma “novo Judas Priest” com antigos membros da banda

KK Downing em 2008 Tenho Mais Discos Que Amigos Foto: Tilly Antoine / Wikimedia Commons KK Downing está relembrando os tempos de Judas Priest com sua nova banda. Ao lado dos ex-colegas Tim 'Ripper' Owens e Les Binks, o guitarrista formou a KK's Priest. Os músicos Tony Newton e AJ Mills também estão na formação. O grupo está atualmente trabalhando em seu disco de estreia, mas também deve tocar músicas do Judas durante seus shows. Em comunicado de imprensa, Owens -- que foi vocalista do grupo de heavy metal --, declarou (via Louder Sound): Seguir em frente com o KK's Priest não era apenas inevitável, mas era essencial para eu executar e entregar tudo o que é esperado de mim e da [banda]. Devido à enorme demanda e apoio esmagador dos fãs ao redor do mundo, sinto que é aqui que pertenço, e um conjunto que combina as músicas clássicas e verdadeiras e o som do Priest, junto com ótimas faixas de metal recém feitas, é o que os fãs podem esperar quando o KK's Priest subir aos palcos em todo o mundo. Ainda segundo os caras, a turnê que vem por aí vai celebrar os 50 anos do Judas Priest e também a carreira de KK Downing. Ele saiu da banda em 2011, dando lugar ao atual guitarrista Richie Faulkner. Mais detalhes virão em breve.

Esta cover country/folk de “Walk”, do Pantera, ficou incrível; assista

Walk Pantera Country Tenho Mais Discos Que Amigos Reprodução/YouTube E se 'Walk', do Pantera, fosse uma música de country-folk? Foi isso que a dupla Melodicka Bros, que tem um canal no YouTube, fez com o clássico da banda. E não é só isso, já que os caras também a tocaram em tempos diferentes para brincar com seu título. No vídeo, que você abaixo, os músicos mudam o ritmo da canção para 'caminhando', 'andando', 'correndo pela sua vida' e mais. Tudo isso enquanto cantam e tocam em um lugar bem bonito. O resultado é hilário e a versão country ficou pra lá de boa, também. Confira no player abaixo! https://youtu.be/z_JhCVeTlGg

No mais...